Plano de Metas do Departamento de Astronomia 2008-2010

astro.iag.usp.br

Plano de Metas - Astronomia - USP

Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-2010Plano de Metas do Departamento de Astronomia 2008-2010No final de maio de 2008, foi realizada uma reunião entre os membros do Departamento deAstronomia (AGA) do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de SãoPaulo (IAG/USP), visando discutir a elaboração de um Plano Diretor. Naquela ocasião, foram analisados ospontos fortes e fracos, oportunidades e meta, bem como riscos levantados pelos representantes das Comissõesde Pesquisa, Pós-graduação, Graduação, Cultura e Extensão, e Informática. Um sumário das ações propostaspelas comissões é apresentado abaixo e na sequência apresenta-se um maior detalhamento do plano de metaspara cada um desses setores.1. PESQUISA• Aprimorar o ambiente científico interno estimulando a presença nos seminários do departamento epromovendo Jornadas Científicas interdisciplinares.• Aumentar a visibilidade do AGA: organizar reuniões científicas com periodicidade; aumentar número devisitantes; estimular participações em conferências; promover divulgação da nossa pesquisa ao grandepúblico; incrementar homepages dos docentes.• Promover nossa participação em projetos: novos e grandes; telescópios espaciais; complementaresaos Gemini e SOAR; Observatórios Virtuais e SST, projeto AUGER, consórcio JETSET, satélitesCOROT e GAIA, projeto VLBI-mm, LNA-PILOT, PLANCK, etc.• Consolidar cooperações inter-regionais: a implantação dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia:INCT-Astrofísica (sede no IAG-USP) e INCT-Espacial (com participação de membros do Programa) traráos meios para intensificar essa prática.• Otimizar aproveitamento de recursos existentes:- criar condições para melhor aproveitar Gemini e SOAR: atrair pós-docs com projetos para esses telescópios;lutar por claro-docente para jovem pesquisador (projetos explorando facilidades observacionais); buscar meiospara levantamento de alvos; participar ativamente no desenvolvimento instrumental para esses telescópios;divulgação científica a partir dos resultados obtidos (retribuição à sociedade).- recursos humanos: promover maior número de pós-docs e sua integração a atividades do AGA; aumentarnúmero de bolsistas de Iniciação Científica (IC).• Melhorar condições de Pesquisa: sistema de indicadores de desempenho; apoio a docentes que desejaremaumentar sua atividade em pesquisa; assegurar infraestrutura de pesquisa; estimular novos auxílios àpesquisa junto às agências de fomento; melhorar salas de IC e de visitantes.2. ENSINO2.1. Pós-Graduação• Intercâmbio: intensificar relações internacionais (vinda de professores visitantes, vinculação de recémdoutores e incentivo a estágios em instituições internacionais); concluir a internacionalizacao do portal doPrograma; aumentar número de pós-docs; intensificar participação de estudantes em reuniões científicas.• Número de titulados: aumentar número de ingressantes e ampliar o número de alunos por orientador(atualmente com 2,6); diminuir casos de titulação prolongada.• Produção intelectual: promover produção em colaborações internacionais (com manutenção de 3 ou maisartigos/docente em periódicos indexados internacionais com referee); esforço do programa para promover aparticipação de discentes em publicações seja maior que os atuais 30%.• Disciplinas de pós-graduação: aperfeiçoar ementas (conteúdos); disponibilização de livros e materiaisdidáticos; laboratórios.• Mestrado Profissionalizante: implantar o curso de mestrado destinado ao ensino de Astronomia eaperfeiçoamento de professores (grande demanda e incentivado pela USP e agências de fomento).Atualizado em 06/abril/20091


Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-20102.2 GraduaçãoA curto prazo o ensino de graduação desempenhado no departamento tem dois objetivos principais,para alcançarmos uma maior visibilidade de nossa atuação: (i) o sucesso da implementação do Bacharelado emAstronomia a partir de 2009; (ii) a melhoria das disciplinas, buscando modernizar a forma em que sãodiscutidas e ministradas.Tais propostas podem ser implementadas através de um redirecionamento e a reorganização de nossosesforços atuais no ensino de graduação, sem comprometer as outras atividades fundamentais do departamento.• Discussão integrada de disciplinas: formação de grupos de docentes encarregados pelas disciplinas(programa, práticas de ensino, distribuição de carga didática).• Bacharelado em Astronomia: Estimular projetos de Iniciação à Pesquisa; Criar a figura do tutor (roteirode instruções, estabelecer possíveis vertentes).• Organizar atividades extra-classe, laboratórios, observatórios, salas de IC, excursões didáticas.• Confecção de livros-texto para as disciplinas.3. CULTURA E EXTENSÃOCentro (ou Núcleo) de Divulgação de Astronomia (oficializar)• Atividades: Cursos de Extensão Universitária (CEUs) para professores, graduandos, 3ª Idade; Telescópiosna Escola (TnE); palestras e seminários de divulgação (escolas, IC, eventos culturais, USP profissões efeiras de profissões); atendimento (escolas, público em geral, imprensa, instituições); produção de materialde divulgação (livros, apostilas, textos, bancos de imagens, perguntas mais freqüentes etc.); informareventos astronômicos; gerenciar o Observatório do campus na Cidade Universitária (OC); manter ahomepage de Extensão; apoiar atividades de ensino que utilizem a infra-estrutura do OC.• Homepage do Centro de Divulgação (contemplando as atividades acima): desenvolvida por profissionais.• Inserção de estudantes e pós-docs nas atividades de extensão: política de aceitação de pós-docs devegarantir retorno ao AGA; envolvimento dos estudantes em atividades didáticas (aumentar experiência noensino).• Curso de Extensão (re-estruturar os atuais): CEU1 deve atender as necessidades dos professores (aulas aossábados, carga-horária de acordo com as regras da Secretaria da Educação, atividades práticas, conteúdos deacordo com Parâmetros Curriculares Nacionas (PCNs); CEU2 deve oferecer duas modalidades (tradicionale módulos específicos).• Mestrado Profissional: convergir interesses entre pós-graduação e cultura e extensão (oferecimento de vagaspara professores que visam apenas as disciplinas e não o mestrado); promover estágios, atividades eprojetos voltados para a Extensão.4. INFORMÁTICAObjetivos que visam garantir a infra-estrutura (manutenção e renovação) de equipamentos de informática(funcionamento dos laboratórios); e prioridade ao sistema de comunicação eletrônica e equipamentos para finsdidáticos e de pesquisa.• Implementar melhorias em todos os servidores;• Redirecionar email institucional dos ingressantes para o CCE (conta @usp);• Patrimoniar todas as máquinas;• Aumentar a equipe de técnicos;• Buscar verbas para cursos;• Identificar pontos críticos (afunilamento) na rede informática;• Monitorar laboratórios e corredor.Atualizado em 06/abril/20092


Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-20101. PesquisaDETALHES DOS PLANOS DE METAS1.1. incrementar discussões e colaborações científicas• implantar as Jornadas Científicas: atividades interdisciplinares e discussão científica interna podemaumentar a interação entre grupos.1.2. aumentar a visibilidade do AGA• organizar congressos e reuniões científicas com uma certa periodicidade;• aumentar o número de visitantes;• estimular a participação dos pesquisadores e estudantes em conferências nacionais e internacionais;• visibilidade pública nacional: estimular a divulgação pública de nossos resultados de pesquisa,promovendo a produção de press-releases.1.3. promover nossa participação em grandes projetos nacionais e internacionais• participação em novos grandes projetos (GAIA, ELT, SKA, LSST, JETSET, ALFA3, AUGER, etc);• participação em novos projetos de telescópios espaciais (COROT e GAIA, LLAMA);• participação em novos projetos que complementem o Gemini e o SOAR;• contribuir para o desenvolvimento do SST e dos Observatórios Virtuais;• consolidar cooperações inter-regionais: a implantação dos Institutos Nacionais de Ciência e TecnologiaINCT-Astrofísica (sede no IAG-USP) e INCT-Espacial (com participação de membros do Programa)trará os meios para intensificar essa prática.1.4. otimizar o aproveitamento dos recursos existentes• criar condições para melhor aproveitamento dos telescópios Gemini e Soar.1.5. otimizar o aproveitamento dos recursos humanos• promover um aumento no número de pós-docs e sua integração a atividades do AGA;• aumentar o número de bolsistas de IC.1.6. melhorar as condições de pesquisa• Dispor de um sistema de indicadores para monitorar nosso desempenho;• apoiar os docentes pouco ativos em pesquisa que desejarem melhorar seu desempenho;• assegurar a infraestrutura de pesquisa;• estimular novos auxílios à pesquisa junto à Fapesp, CNPq e outras agências;• dispor de um sistema de indicadores para monitorar nossa pesquisa.2. Ensino2.1. Pós-graduação2.1.a. Intercâmbio• Intensificar as relações internacionais do programa aumentando sua visibilidade, por meio deconvênios internacionais promovendo a vinda de professores visitantes (pelo menos 1 a 2 por ano), bemcomo vincular (por meio de programas de fixação) os recém doutores ao programa e incentivarestágios de docentes em instituições internacionais.• Concluir a construção da pagina web da pós-graduação nas línguas inglesa e espanhola• Continuar incentivando a vinda de pós-doutores para estágio em nosso departamento (atualmente são11 pós-doutores e houve ligeira diminuição em relação aos anos anteriores, graças em parte à recentecontratação de vários de nossos pós-doutores em outras instituições no país).Atualizado em 06/abril/20093


Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-2010• Continuar intensificando a participação de alunos em Congressos e seminários, custeando asdespesas com diárias e passagens.2.1.b. Equilibrar o número de titulados/corpo discente• buscar ampliar o número de selecionados, sem no entanto diminuir o rigor no processo seletivode ingresso;• buscar coincidir o tempo médio de titulação com o tempo efetivo de bolsa (2 anos para oMestrado e 4 para o Doutorado).2.1.c. Produção Intelectual• O programa intensificará as suas relações internacionais ampliando a produção de artigos em parceriacom autores estrangeiros e pós-doutores.• O colegiado realizará um esforço administrativo para que a meta de publicação de 2,5 ou maisartigos/docente (permanente e colaborador da CPG) em periódicos “A/B” internacionais seja mantidaou até aumentada pelo programa.• O colegiado realizará um esforço para que a participação discente nas publicações de artigos (emperiódicos “A/B” internacionais) seja igual ou superior aos atuais 31% de participação dos alunos nosartigos publicados.2.1.d. CursosAperfeiçoar e inovar continuamente os conteúdos das ementas e a disponibilização de livros e materiaisdidáticos e de laboratório dos cursos de PG, sobretudo das disciplinas compulsórias.2.1.e. Mestrado ProfissionalizanteImplantação do curso de mestrado profissionalizante destinado ao ensino de Astronomia eaperfeiçoamento de professores do ensino médio em ciências, planejada para 2010. Note-se que a enormedemanda atual para um curso dessa natureza, incentivado pela USP e pelas agências de fomento.2.2. Graduação2.2.a. Bacharelado em Astronomia: divulgar o curso amplamente e aprofundar/melhorar a grade curricular:• divulgação do curso: web page, mídia, feiras de profissões;• ementas das disciplinas novas;• atividades práticas e laboratoriais;• projetos de Iniciação à Pesquisa.2.2.b. Discutir de forma integrada as disciplinas optativas e obrigatórias, no que se refere à estrutura(objetivos, pré-requisitos), conteúdo e avaliação didática. Formar grupos de dois ou mais docentes que seocupem de cada disciplina: discutir melhorias no programa, práticas de ensino e decidir a distribuição/rodíziopara cada ano.2.2.c. Discutir o perfil do profissional que pretendemos formar, através da organização das dsiciplinas deIniciação à Pesquisa e coordenar a Tutoria.2.2.d. Organizar e promover um aumento de atividades práticas e extra-classe. Re-estruturar laboratórios,observatórios e salas de IC para melhor atender novos alunos. Implementar as excursões didáticas de formasistemática;2.2.e. Estimular a confecção de livros-texto para as disciplinas.Atualizado em 06/abril/20094


Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-20103. Cultura e Extensão3.1. Formalizar o Centro de Divulgação da Astronomia (CDA) ou Núcleo de Divulgação da Astronomia(NDA) para centralização das atividades de extensão, hoje diluídas em representações individuais(Atendimento, CEUs, CCEx).• Cursos de Extensão Universitária (CEUs) e de difusão cultural (Astronomia para a 3 a . Idade);• Ensino e divulgação com o projeto Telescópios na Escola;• Palestras e seminários de interesse da divulgação (escolas, IC, semanas e eventos culturais, USPprofissões, feira de profissões etc.);• Atendimento às escolas, público geral, imprensa, profissionais e instituições;• Produzir e apoiar a produção de material de divulgação (livros, apostilas, textos para internet, banco deimagens, dúvidas mais frequentes etc);• Informações sobre eventos astronômicos e notícias;• Gerenciamento do Observatório do IAG/CUASO;• Manutenção da homepage de extensão;• Apoiar atividades de ensino em graduação que utilizem a infra-estrutura do Observatório IAG/CUASO.O gerenciamento será feito por uma única comissão composta pelos atuais integrantes das atividadesextensionistas, a saber: CEU 1, CEU 2, Astronomia para a 3ª Idade, Atendimento ao Público, representantes doDepto na Comissão de Cultura e Extensão do IAG (CCEx), Observatório IAG-CUASO, e OAM. Oscoordenadores dessa comissão serão os representantes do Depto junto à CCEx. A comissão poderá convidaralunos de pós e pós-docs interessados nas atividades do CDA (ou NDA).3.2. Homepage do Centro de Divulgação3.3. Inserção de alunos de graduação e pós-graduação, e pós-docs nas atividades de extensão3.3.a. Alunos de graduação:Em programas culturais extensionistas previstos no programa “Aprender com Cultura e Extensão”, criadorecentemente pela Pró-Reitora de Cultura e Extensão.3.3.b. Pós-docs:• preparo de informativo com os eventos astronômicos mais importantes do ano, a ser exposta nahomepage do Centro de Divulgação; confecção e manutenção de página da web; auxiliar o coordenadorda Agenda Astronômica;• preparo de material de divulgação (textos para internet, palestras em powerpoint, organização de bancode imagens, responder perguntas tipo "pergunte a um astrônomo", organização de banco de perguntasmais freqüentes);• participar de cursos de extensão (organização, palestras, aulas práticas etc) e de difusão cultural (3 a .idade); visitas monitoradas às escolas (palestra e sessão observacional).3.4. Re-estruturar Cursos de extensão• CEU 1 (Astronomia. Uma Visão Geral) deve atender às necessidades dos professores: oferecido aossábados; duração (horas-aula) de acordo com as regras das Secretarias de Educação Estadual e Municipal;oferecer mais atividades práticas e convergir o conteúdo do programa de astronomia previsto nos PCNs(Pârâmetros Curriculares Nacionais), que passou a ser obrigatório.• CEU 2 (Introdução à Astronomia e Astrofísica), oferecer duas modalidades: conteúdo tradicional emódulos específicos.Atualizado em 06/abril/20095


Departamento de Astronomia (IAG/USP) PLANO DIRETOR 2008-20104. InformáticaA comissão de informática já tem em andamento um plano de ações no sentido de uniformizar instalações desoftwares, facilitar o acesso externo (VPN do Instituto), e levantamento de necessidades de upgrade (conexõeswireless, velocidade de transmissão, espaço em disco etc.). A médio prazo as propostas se referem a:4.1. ServidoresImplementar em todos os servidores:• maior qualidade;• redundância automática;• racks em vez de desktops; alocados em um Data Center com instalação de ar-condicionado,• rede de dados e rede elétrica;• nobreaks com duração de 4 horas e nobreaks de reserva;• tecnologia de virtualização (reduzir o número de servidores).4.2 Redirecionar email institucional dos ingressantes para o CCE (conta @usp):Migrar gradualmente os emails para gerenciamento no CCE, visando decentralizar o serviço de email atendidopela máquina astro, que se encontra sobrecarregada. Este processo está sendo iniciado pela abertuda da contade email institucional (user@usp.br) dos ingressantes a partir de 2009 no CCE.4.3 Patrimoniar todas as máquinas.4.4 Aumentar a equipe com um técnico a mais.4.5 Buscar verbas para cursos.4.6 Identificar pontos críticos (afunilamento) na rede informática.4.7 Monitorar laboratórios e corredor (câmeras).Necessidades levantadas:• rede elétrica estável para todos os blocos;• melhor arranjo para a sala de IC A304 para as aulas (mobília, micros, projetor instalado);• utilizar o CCE (local onde as máquinas do Departamento poderiam permanecer);• montar uma estratégia para o upgrade dos micros; passar de 100 Mbps para 1 Gbps.Atualizado em 06/abril/20096

More magazines by this user
Similar magazines