Boletim EncPos 2015 digital

lbentiesanchez

Associação dos Pós-Graduandos do IMECC

X EncPos

2015

X EncPos

X Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Campinas, SP, Brasil

X

EncPos

P

G

E D I T O R A

U N I C A M P

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos


IX Encontro Científico dos

1

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

INDICE

Apresentação.......................................................

Comissões...........................................................

Agradecimentos...................................................

Minicurso 1...........................................................

Minicurso 2 ..........................................................

Conferência 1.......................................................

Conferência 2.......................................................

Conferência 3.......................................................

Conferência 4.......................................................

Conferência 5.......................................................

Conferência 6.......................................................

Conferência 7.......................................................

Conferência 8.......................................................

Conferência 9.......................................................

Conferência 10.......................................................

Conferência 11.......................................................

Conferência de alunos....................................................

3

5

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21-36

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


2


IX Encontro Científico dos

3

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Apresentação

Mensagem de Boas Vindas

É com imensa satisfação que o Instituto de Matemática, Estatística e Computação

Científica (IMECC), promove o X Encontro Científico dos Pós-Graduando do

IMECC, um evento de nível científico que contará com participantes nacionais e

estrangeiros e que tem como maior objetivo propiciar aos alunos de pós-graduação

do instituto e de outras instituições uma oportunidade para divulgarem suas

pesquisas.

O programa do X EncPos inclui: 10 Conferências de Professores Convidados, 2

minicursos e 16 Comunicações Orais de Pós-Graduandos. Além disso, homenagens

para o professor José Luiz Boldrini.

A Comissão Organizadora dá as Boas Vindas a todos os participantes que irão

prestigiar o evento, e espera que o mesmo constitua uma oportunidade para a

divulgação de trabalhos relevantes desenvolvidos por pesquisadores nacionais e

estrangeiros do mais alto nível.

Departamento de Estatística

Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica da

UNICAMP

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


4


5

IX Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Comissão Organizadora:

Prof. Dr. Plamen Emilov Kochloukov (UNICAMP)

Prof. Dr. Aurélio Ribeiro Leite de Oliveira (UNICAMP)

Prof. Dr. Laécio Carvalho de Barros (UNICAMP)

Prof. Dr. Aluísio de Souza Pinheiro (UNICAMP)

Carolina Garcia

Ciro Díaz

Daniel Sanchez

Darwin Huamaní

Eduardo Aramaki

Evandro Marquesone

Fernanda Bia Peteam

Jenny Condori

Luis Benites

Stefânia Jarosz

Comissão Científica:

Prof. Dr. Aurélio Ribeiro Leite de Oliveira (UNICAMP)

Profa. Dra. Gabriela Del Valle Planas (UNICAMP)

Profa. Dra. Hildete Prisco Pinheiro (UNICAMP)

Prof. Dr. José Régis Azevedo Varão Filho (UNICAMP)

Prof. Dr. Laécio Carvalho de Barros (UNICAMP)

Prof. Dr. Serguei Popov (UNICAMP)

Realização

Departamento de Estatística

Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica da

UNICAMP

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


6


7

IX Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Agradecimentos

À Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Linear

Software pelo auxílio financeiro. Ao Instituto de Matemática, Estatística e

Computação Científica (IMECC) como um todo, pelo apoio ao evento. À Editora da

Unicamp, pelo patrocínio. E a todos os participantes do X Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC, por prestigiar o evento.

Departamento de Estatística

Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica da

UNICAMP

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

8

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Minicurso

Introdução à Teoria dos Grandes Desvios

Prof. Dr. Tertuliano Franco Santos Franco (UFBA)

Resumo

Resumo: Se jogamos uma moeda honesta infinitas vezes, a proporção de vezes que

o resultado sai cara se aproxima da probabilidade de um único lançamento ser cara,

ou seja, meio. Esta ideia ilustra a Lei dos Grandes Números, que tem aplicações

diversas em Probabilidade, Estatística, Sistemas Dinâmicos (em seu análogo, o

Teorema Ergódico) entre outros. Os Grandes Desvios consistem, grosso modo, na

probabilidade de assintótica de que esta média (por exemplo, a média de caras para a

moeda honesta) se distancie do valor natural, meio. Neste curso daremos uma

introdução ao tema. O primeiro dia será bastante didático, acessível para alunos de

graduação que tenham alguma noção de cálculo, quando provaremos os Grandes

Desvios para variáveis aleatórias Bernoulli (lançamento de moedas). No segundo

dia provaremos o Teorema de Crámer e falaremos um pouco de Transformadas de

Legendre. O terceiro dia não terá teorema algum, apenas discutiremos com detalhes

(e com muita calma) o enunciado geral dos Grandes Desvios.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

9

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Minicurso

Geometria de distâncias e otimização

Prof. Dr. Carlile Lavor (UNICAMP)

Resumo

O conhecimento da estrutura 3D de uma molécula é de fundamental importância,

pois está associada às suas propriedades físico-químicas. Iremos considerar o

"Molecular Distance Geometry Problem", onde são dadas algumas distâncias entre

os átomos próximos de uma molécula (fornecidas, por exemplo, pela Ressonância

Magnética Nuclear) e o objetivo é determinar a posição de todos os seus átomos.

Quando todas as distâncias são conhecidas, o problema é de fácil resolução. Caso

contrário, não se conhece nenhum método "eficiente" para resolver qualquer

instância do problema.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

10

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Ondaletas e Aplicações em Estatística

Prof. Dr. Pedro A. Morettin

Resumo

Nesta palestra daremos uma breve introdução às ondaletas e apresentaremos

algumas aplicações em Estatística, notadamente na área de Séries Temporais. Serão

discutidas aplicações na estimação de modelos semiparamétricos em regressão,

cópulas e modelos autorregressivos com coeficientes funcionais.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


11

IX Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Intelligence, religiosity and homosexuality

non-acceptance: empirical evidence

Prof. Dr. Francisco Cribari Neto

Resumo

Our main goal in this paper is to explain the proportion of homosexuality nonacceptance

in different nations. To that end, we consider the beta regression model

proposed by Ferrari and Cribari-Neto (2004). We use several conditioning variables,

such as average intelligence, per capita income, an indicator as to whether the

country is Muslim, an income inequality index and a religious diversity index. We

estimate the impacts of intelligence and proportion of religious disbelievers on the

prevalence of homosexuality non-acceptance. Such impacts are statistically

significant and highly negative, i.e., higher intelligence levels and higher proportion

of disbelievers are associated with lower prevalence of homosexuality nonacceptance.

Bootstrap confidence intervals are also computed.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

12

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

The quest for immortality

Prof. Dr. Emanuel Carneiro

Resumo

Dreaming is something that everyone can (and should) do. Soccer players dream

about winning the World Cup, scoring the golden goal at the final minute.

Engineers dream about a chance to work for NASAand pay a visit to the outer space

to see our blue planet. We scientists have our own dreams. We dream about

discoveries that could leave a true mark in present and future generations. For

mathematicians, several open problems have challenged us for decades and, among

these, the Riemann Hypothesis, posed in 1859, is perhaps the most fascinating and

mysterious unsolved enigma. Its solution would yield a one way ticket

tomathematical immortality, and the bets are on to see if we will witness such an

achievement in our lifetime.

This talk is absolutely accessible to a very broad audience.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


13

IX Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Complexidade em Otimização não linear

Prof. Dr. José Mario Martinez Perez

Resumo

Se trata do problema de otimização com restrições. Explicaremos o que significam

condições de otimalidade, algoritmos, criterios de parada e tempos computacionais.

Explicaremos o que se entende por resultados de complexidade e daremos

exemplos.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

14

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Introdução às cadeias de ordem infinita

Prof. Dr. Christophe Gallesco

Resumo

Nesta apresentação, definiremos a noção de cadeia de ordem infinita e g-medida.

Em seguida, estudaremos o problema da existência e unicidade das g-medidas. Por

fim, apresentaremos alguns resultados recentes da área.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

15

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

A pós-graduação no IMECC e a carreira do jovem pesquisador

Prof. Dr. Olivâine Santana de Queiroz

Resumo

Como aproveitar o ambiente propiciado pelo IMECC para construirmos

nossa carreira como pesquisadores? Como melhorar este ambiente? O que

esperam de ex-alunos do IMECC? Quais os desafios enfrentados pelos

jovens pesquisadores e o que tem sido feito para transpô-los? Estamos

acompanhando o crescimento da Matemática brasileira? Nesta conversa

gostaria de, juntamente com outros colegas presentes, provocar os

estudantes de pós-graduação do IMECC a pensar nestas e em outras questões

que acredito serem importantes no nosso ambiente.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

16

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Teoria de Morse e Trajetórias Periódicas de Sistemas Dinâmicos

Prof. Dr. Paolo Piccione

Resumo

Consideraremos um sistema dinâmico conservativo, e estudaremos a

questão de contar as soluções periódicas que possuem um valor fixado da

energia total. Mostraremos como usar a Teoria de Morse para dar estimativas

sobre o número destas soluções.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


17

IX Encontro Científico dos

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Aplicação da lógica fuzzy na construção de um nomograma

de predição do estádio patológico do Câncer de Próstata

Profa. Dra. Graciele Paraguaia Silveira

Resumo

Este trabalho refere-se à construção de um modelo matemático fuzzy para predizer o

estadiamento patológico do câncer de próstata. A intenção foi auxiliar o especialista

no processo de tomada de decisão com relação ao estádio da doença. O modelo

consiste em um sistema baseado em regras fuzzy, que combina os dados précirúrgicos

do paciente - estado clínico, nível de PSA e grau de Gleason - valendo-se

de um conjunto de regras linguísticas, elaboradas a partir das informações existentes

nos nomogramas usados pelos médicos. Com isso buscamos obter a chance de o

indivíduo, com determinadas características clínicas, estar em cada estágio de

extensão do tumor: localizado, localmente avançado e metastático. Simulações

foram realizadas, com dados reais de pacientes do Hospital das Clínicas da

UNICAMPe os resultados foram comparados com as probabilidades de Stephenson

e Kattan (2006), que são utilizadas nas decisões médicas atualmente. Um software

foi desenvolvido a partir deste modelo e o objetivo é disponibilizá-lo para que os

especialistas possam experimentá-lo no trabalho com os pacientes. O programa

consiste de uma interface gráfica que faz a interação com as sub-rotinas que efetuam

os cálculos. O seu código fonte foi escrito em JAVA e para executá-lo é preciso ter

instalado, pelo menos, a versão 1.6 da plataforma Java SE, conveniente ao sistema

operacional do computador. Com as devidas instalações, o software construído foi

testado no Linux/GNU, Windows XP e Vista. A versão web do programa foi

recentemente desenvolvida, munida de banco de dados, para que o especialista

possa fazer um histórico do paciente.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

18

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Introdução ao Cálculo Fracionário

Prof. Dr. Rubens de Figueiredo Camargo

Resumo

A principal motivação para se estudar métodos para resolver equações diferenciais é buscar

entender o processo físico que se acredita ser inerente a equação estudada. A importância das

equações diferenciais é que mesmo as equações mais simples correspondem a modelos físicos

úteis, como, por exemplo, o crescimento de uma população, proliferação de uma doença, sistemas

massa-mola, circuitos elétricos, dentre outros. A construção, bem como a compreensão, de um

processo complexo é alcançada, em geral, através da compreensão de modelos mais elementares.

Desta forma, o conhecimento profundo e detalhado destes modelos mais básicos é o primeiro, e

fundamental passo, para se estudar problemas mais complexos e detalhistas. A arte de obter uma

equação diferencial cuja solução descreva bem a realidade traz consigo uma enorme dificuldade,

nas palavras deAlbert Einstein (Toda nossa ciência, medida contra a realidade, é primitiva e infantil

e ainda assim a coisa mais preciosa que temos). Exemplificando, a dengue é um problema de difícil

modelagem pois, não tem relação somente com o ciclo de vida do mosquito transmissor, também

estão envolvidas variáveis como políticas governamentais de saneamento e a intensidade das

chuvas. Este tipo de dificuldade é verificada em praticamente todas as áreas do conhecimento

como, por exemplo, na economia, mercado de ações, previsão do tempo, dentre outros. De maneira

geral, quanto mais próximos estamos de descrever perfeitamente um fenômeno, mais complexas

são as equações relativas a ele. Neste contexto, o cálculo de ordem não-inteira, tradicionalmente

conhecido como fracionário, desempenha um papel de enorme destaque. São inúmeras as áreas do

conhecimento nas quais o cálculo fracionário mostrou-se como uma ferramenta precisa para se

refinar a descrição de fenômenos naturais tais como, probabilidade, biomatemática, psicologia,

funções especiais, mecânica dos fluidos, fenômenos de transporte e redes elétricas. A maneira

canônica de utilizar essa poderosa ferramenta é substituir a derivada de ordem inteira da equação

diferencial ordinária ou parcial, que descreve um determinado fenômeno, por uma de ordem nãointeira.

De maneira natural, esse método nos conduz a equações diferenciais de ordem não-inteira e

a necessidade de resolvê-las. Usualmente, a solução de uma equação diferencial fracionária é dada

em termos de um parâmetro (ordem da derivada) e a solução da respectiva equação de ordem inteira

é recuperada como caso particular deste parâmetro e em muitos casos a ordem da derivada que

torna a solução da equação mais próxima da realidade não é inteira. Nesta palestra serão

apresentados os aspectos históricos do cálculo fracionário, passando por seus principais autores,

primeiras definições e aplicações. Feito isto, serão apresentadas as formas mais precisas de se

definir integrais e derivadas de ordem não inteira e, a partir destas definições, vamos apresentar

algumas aplicações recentes do cálculo fracionário.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

19

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

O Silencio dos Conformistas : Quem ensina não comenta e

quem aprende nâo pergunta

Prof. Dr. Wilson Castro Ferreira Junior

Resumo

O ensino da Matemática em todos os níveis, especialmente no Brasil, é povoado de espectros

que incomodam aqueles que os pressentem à sua volta mas, por obra de um misterioso

compromisso tácito e coletivo, ou por mera obra do acaso e do costume, e não por desígnio de

conspirações, passeiam silenciosamente através das grades curriculares sem experimentar

nenhum confronto. Um exemplo elementar disso que vem me assombrando desde o ensino

secundário e sobre o qual nunca presenciei alguém se arriscar em dúvidas públicas é o

seguinte: Porque todo círculo trigonométrico é dito unitário independente do tamanho com

que são desenhados e, além disso, o numero “pi” definido como razão entre comprimento da

circunferência e diâmetro tem sempre o mesmo valor? mbora esta questão pareça tão simples

é obvia para merecer a atenção dos textos usuais, uma explicação do fato não é tão trivial e

somente pode ser abordada à luz da Análise Dimensional aplicada à percepção geométrica do

espaço, dois temas totalmente estranhos a maioria dos currículos de Matemática. (É até

compreensível, mas longe de justificável, que a Análise Dimensional e a percepção

geométrica do espaço estejam ausentes do ensino da Matemática dita ”Pura”, porque elas de

fato habitam em uma interface da desdita o que, por isso mesmo, já acarreta certa ojeriza da

outra). Nesta palestra tentaremos exorcizar alguns destes Tópicos que são raramente

confrontados explicitamente em disciplinas usuais da Matemática ”Superior” muito embora

não sejam de forma alguma marginais, mas subjacentes a várias ideias fundamentais da

Matemática, o que aumenta ainda mais o mistério da sua imaterialidade. Iniciaremos pelo

conceito de Medida (da Analise Dimensional, digo, e não da Análise Matemática que já é

figurinha fácil para estudantes de pós), e prosseguiremos até onde o tempo permitir tratando

dos conceitos de Escalas e Infinitésimos, Aproximação Assintótica e da Formula de Stirling

que, pela minha experiência, é um dos mais ubíquos espectros vagantes do ensino da

Matemática. Portanto, o objetivo da conferencia e simples, mas, suponho oportuno. Tópicos

regulares são tratados em disciplinas regulares e temas específicos são assuntos de seminários

para poucos aficionados. Apesar da carga de créditos beirando a insanidade e a repetição ad

nauseam de vários tópicos, verifica-se que muitos outros temas fundamentais da Matemática

acabam por se perder sistematicamente entre as frestas das grades curriculares. Abordando

alguns exemplos deste curioso ”fenômeno” espera-se que o assunto geral possa ser melhor

discutido. Pretendo escrever algumas notas derivando dessa palestra com maiores detalhes e

referencias mas isso não é uma promessa a curto prazo, apenas uma pretensão a longo prazo!

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

20

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Conferência

Fuzziness e incertezas

Profa. Dra. Luciana Takata Gomes

Resumo

A teoria dos conjuntos fuzzy foi proposta por Lofti A. Zadeh há exatos 50 anos, em

seu artigo intitulado “Fuzzy Sets”. Como consequência foi criada a lógica fuzzy,

cuja ideia já vinha sendo discutida desde cerca de 1920, por Lukasiewicz, Tarski e

outros contestadores da lógica aristotélica e a favor de uma lógica multivalorada. A

ideia original de Zadeh é a de traduzir para a linguagem da máquina os conceitos

envolvendo conjuntos de fronteiras não abruptas. Em outras palavras, elementos de

um universo podem possuir pertinência intermediária a um conjunto (fuzziness).

Essa graduação está presente em nossa linguagem cotidiana; por exemplo, um copo

pode estar 60% cheio, não se apresentando totalmente cheio nem totalmente vazio.

Em termos de lógica, podemos dizer que a afirmação “o copo está cheio” não é

totalmente verdadeira nem totalmente falsa, pois o copo está parcialmente cheio, ao

mesmo tempo em que está parcialmente vazio.

Muitas vezes os conjuntos fuzzy e a lógica fuzzy são utilizadas para modelar

incerteza. E resultados e argumentos não faltam para justificar tal abordagem.

Entretanto, não é esta a origem dos conjuntos fuzzy e algumas aplicações ilustram as

diferentes visões.

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

21

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Leomaques F. S. Bernardo e Plamen Koshlukov

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

22

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Um modelo unidimensional periodico em mecânica de fluidos

com velocidade não local vía teoria de transporte.

Julio C. Valencia-Guevara

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

23

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Bifurcações de um Ciclo Degenerado para uma Classe de Campos

Vetoriais Descontínuos

Kamila da Silva Andrade

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

24

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Um estudo de um modelo de campo de fase não-isotérmico para dois

fluidos incompressíveis

Juliana Honda Lopes

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

25

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Identidades com Traço para Álgebra de Matrizes

Claudemir F. Bezerra Jr.

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

26

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Ciclos homoclínicos e heteroclínicos em sistemas planares

lineares por partes do tipo sela-sela

Anna Paula Machado de Oliveira, Ricardo Miranda Martins

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

27

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Novos resultados em Teoria de Partições

Adriana Wagner, Alessandro Bagatini e Marília Luiza Matte

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

28

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Transição de fase para um modelo de percolação orientada

na arvore homogênea

Jaime Utria

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

29

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Impacto Ambiental e Populações que Interagem: Modelagem,

Aproximação e Simulações Computacionais

Tiago Yuzo Miyaoka, João F. C. A. Meyer

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

30

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Um novo parâmetro de correção de falhas na diagonal da Fatoraçção

Controlada de Cholesky no método de pontos interiores

Manolo Rodriguez Heredia, Aurelio Ribeiro Leitte Oliveira

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

31

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Bifurcação de Ciclos Limite em Centros Isócronos Planares

Otávio Marçal Leandro Gomide

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

32

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Localização Dinâmica para o Modelo de Anderson

Discreto Multidimensional: Volume Infinito

José V. da C. Sousa, Roberto de A. Prado

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

33

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Matheus Bernardini de Souza

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

34

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Groups defence in predator-prey dynamics

Francisco Carpegiani Medeiros Borges

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


IX Encontro Científico dos

35

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Bifurcações de Sistemas Com Refração

Thais Borges Damacena

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


X Encontro Científico dos

36

Pós-Graduandos do IMECC

13 a 16 de Outubro de 2015 - IMECC - UNICAMP

Aluno

Modificações na escolha da base do precondicionador Separador

para os sistemas lineares oriundos dos métodos de pontos interiores

Cecilia Orellana Castro, Aurelio Ribeiro Leite Oliveira

Resumo

: encpos@ime.unicamp.br

: www.ime.unicamp.br/~encpos/


Desenhado por Luis Benites Sánchez: lbenitesanchez@gmail.com

Associação dos Pós-Graduandos do IMECC

Escaneie o código

O

I Encontro

Científico dos

Pós-Graduandos do

IMECC foi realizado em

outubro de 2004 e teve como intuito

criar um ambiente que favorecesse a

interação entre os alunos dos três programas de

pós-graduação do IMECC. Na ocasião, o evento reuniu

cerca de 100 participantes. Houveram diversas

apresentações orais e em forma de painéis.

O encontro pretende propiciar aos alunos de pósgraduação

do IMECC e de outras instituições uma

oportunidade para divulgarem sua pesquisa. Além

disso, tradicionalmente são convidados professores de

diversas instituições a ministrar palestras sobre suas

linhas de pesquisa.

Baixe o aplicativo

e navegue

P

G E D I T O R A

U N I C A M P

More magazines by this user
Similar magazines