A SAGA DO JORNALISMO LIVRE - Koosb

koosb.com

A SAGA DO JORNALISMO LIVRE - Koosb

sem área para cultivo. Além das ações possessórias impetradas por fazendeiros e

acatadas pela justiça, que dão ganho de causa, tendo em

vista que a terra ainda não está demarcada.

Por que o cacique Babau está isolado des-de sua prisão?

O cacique Babau lidera a luta do povo Tupinambá pela definição dos limites da aldeia e

sofre com a criminalização. Ele responde a processos como ―criminoso‖ por defender o

direito do seu território. Para eles, isso se torna uma grande dor de cabe-ça, sendo Babau

uma referência pra outros povos que queiram reivindicar suas terras.

E a comparação entre Babau e Lampião?

Com certeza não se justifica. A invasão e a expulsão violenta dos indígenas de seus

territórios foi e ainda é prática corriqueira por aqui, e muitos desses invasores históricos

hoje posam como vítimas, combatendo ativamente a demarcação das terras indígenas.

Não sei quanto a vida e revolta de Lampião mas acho que ninguém vai permitir que um

estranho arme uma rede bem no meio de sua sala e achar a coisa mais natural do mundo.

Vai?

De onde vem os argumentos contra o cacique?

Essas pessoas, como já falei, são os grandes fazendeiros e empresários invasores de

terras. Antes de todos eles chegarem aqui, nós já existíamos, e tínhamos nossas terras;

não pegamos nada de ninguém, ao contrário, eles foram se instalando com falsos

documentos e se passando por donos devido a política malvada que doou as nossas

terras a eles. Falam que aqui é fácil dizer que é indígena. Isso é a mesma coisa que dizer

que eles nasceram aqui. É claro e evidente que eles vão sempre dizer isso.

Tem algum movimento ou organização dando apoiando aos Tupinambás?

Sim, vários. Anaí, Cimi, movimentos estudantis, e alguns políticos do PT que estão

discutindo a situação. Se bem que só acredito na gente brigando por nosso povo, o que

não vai acontecer a exemplo do que está acontecendo com Babau.

O que poderia reverter toda essa situação?

Demarcação de nossas terras, educação di-ferenciada dentro das aldeias, pois é um

fortalecimento de nosso povo, melhorar a saúde, nossos remédios serem permiti-dos...

Não ao desmatamento.

Desejo que o mundo nos respeite e acabe com a discriminação e o preconceito. Dese-jo

que nosso povo possa viver livre, man-tendo sempre a energia positiva dentro da nossa

crença e cultura.

CULTURA E CONTRA CULTURA

Rodrigo Morais Leite é um daqueles caras que lutam pela cultura alternativa e

independente. Entre outras empreitadas, foi o organizador da Expozine de Teresina,

Piauí, que chegou em 2009 a sua segunda edição. Como ocorre uma exposição de

fanzines? Vamos tentar entender o processo através um agradável bate papo com esse

guerreiro. É claro que, como toda boa conversa, o assunto se desvirtua e passeia por

alguns outros. O universo dos fanzines e da contracultura é analisado, dando uma noção

28

Similar magazines