as muralhas cairão! - Paróquia Nossa Senhora de Fátima

fatimasantoandre.com.br

as muralhas cairão! - Paróquia Nossa Senhora de Fátima

iGREJA ViVA

pARóquiA nossA sEnhoRA dE fátimA - cuRuçá - sAnto AndRé Ano 2 - Edição 14, Julho / 2011

as muralhas

cairão!

“Foi pela fé que desabaram as muralhas de Jericó,

depois de rodeadas por sete dias” (Hb 11,30)


2

sERViR A dEus

nA comunidAdE

Dia 17 de julho os ministros extraordinários da Diocese de

Santo André realizarão seu grande encontro anual com

nosso bispo diocesano, Dom Nelson Westrupp, scj. Alguns

renovarão seu ministério, outros serão investidos pela primeira

vez como ministros extraordinários da comunidade. Diante deste

importante momento da nossa Igreja, gostaria de dirigir algumas palavras

aos queridos ministros extraordinários da nossa paróquia.

Primeiramente faz-se necessário agradecer a todos os ministros que

encerram seu serviço direto ao altar, para se dedicar a outras funções na

vida paroquial. Deus os abençoe ricamente pela dedicação.

Aos ministros que renovarão seu compromisso e os que serão instituídos,

faço votos de que mantenham sempre no coração de que são

chamados a servir o Senhor em espírito de comunhão, uns com os outros

e também com a Igreja. “Ministério”, como se sabe, é “serviço”. No entanto,

meu convite é o de que não deixem este dom confiado pela Igreja

a vocês, que se torne “ativismo pastoral”, ou seja, apenas um “trabalho”.

Compreendido como dom, como presente de Deus, o ministro extraordinário

dá sentido à sua presença no serviço da Igreja de Jesus. Aquele

que acolher o ministério como vocação terá despertado em si o amor pela

Sagrada Liturgia, a vontade de saber mais, de mergulhar no tesouro espiritual

escondido nas sacristias das nossas igrejas. O ministro que se sente

vocacionado sente prazer em conhecer as minúcias das normas litúrgicas

e também de todos os instrumentos sagrados para a realização das cerimônias

da nossa fé. Além de tudo, o ministro é alguém que está em plena

comunhão com o padre. Desejo ardentemente estar unido a vocês, ter seu

apoio e amizade. Faço votos de que caminhemos juntos, testemunhando

para toda a comunidade nossa comunhão.

Parabéns, recebam o carinho da nossa paróquia!

Pe. Renatinho

www.twitter.com/padrerenatinho

www.facebook.com/padrerenatinho

cAlEndáRio pARoquiAl

toDaS aS QuartaS-feiraS

19h30 - miSSa Por cura e libertaÇão (nSf)

09/07, SábaDo

àS 9h - Reunião das Zeladoras das Capelinhas de Nossa Senhora (Salão NSF)

àS 19h - 2º Dia de festa Junina na Comunidade São Miguel Arcanjo (SMA)

10/07, Domingo

DaS 7h àS 18h - Encontro de Jovens (salão NSF)

13/07, Quarta-feira

àS 15h - Missa de Nossa Senhora de Fátima – Benção individual

àS 19h30 - Missa de Nossa Senhora de Fátima – com oração por cura

14/07, Quinta-feira

àS 19h30 - Missa dos Grupos de Rua – Rua Itaparica, 140 - Vila Curuçá (D. Auta)

16/07, SábaDo

àS 17h - Missa – Festividade de Nossa Senhora do Carmo

com imposição dos Escapulários (SMA)

19/07, terÇa

àS 20h - Formação Pastoral do Dízimo – Pe. Renato

28/07, Quinta-feira

àS 15h - Hora Santa ( NSF)

àS 19h30 - Missa por cura e libertação (SMA)

29/07, Sexta-feira

São Miguel – Tarde de louvor a São Miguel Arcanjo

30/07, SábaDo

àS 15h - Reunião de Coord. de liturgia e pastorais – Preparação da Semana

da Família. (salão NSF)

àS 15h - Reunião com os pais dos Coroinhas (salão SMA)

obS: De 25 a 31 De julho - àS 19h30 - cerco De jericó

* Comunidade N. Sra. de Fátima (NSF)

* Comunidade São Miguel Arcanjo (SMA)

hoRáRios dE missAs

Domingo: Nossa Senhora de Fátima: 7H, 10H e 18H30

Capela São Miguel: 8H30

Quarta-feira: Nossa Senhora de Fátima: 19H30

Sexta-feira: Nossa Senhora de Fátima: 19H30

Capela São Miguel: 9H (na 1ª sexta somente)

SábaDo: Capela São Miguel: 17H

batizaDoS: 1º e 3º Domingos do Mês

atenDimento SacerDotal (confiSSõeS e aconSelhamento)

Terças e Quintas-feiras: das 14H30 às 17H15

➽ atenDimento Secretaria:

Terça a sexta: das 8H30 às 11H30 e das 14H30 às 17H30

Sábados: das 8H às 11H30

ParóQuia noSSa Senhora De fátima

www.fatimasantoandre.com.br

comuniDaDe matriz noSSa Senhora De fátima

Praça do Cruzeiro, 420 - Vila Curuçá Tel.:4479 0899

comuniDaDe São miguel arcanjo

Rua Anhaia, 678 - Vila Curuçá Tel.: 4475-5768

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br


sAnto do mês A bíbliA EnsinA

sAntA mARiA

mAdAlEnA

Por Carolina Santana

Maria Madalena nasceu em Magdala, na

Galileia, e foi uma contemporânea de

Jesus Cristo, pois viveu no século I.

Certo dia, quando Jesus participava

de um banquete na casa de Simão,

Maria Madalena resolveu fazer uma confissão pública

de arrependimento. Sem olhar nos olhos de Jesus, ela

ajoelhou-se a sua frente, banhou seus pés com lágrimas

e os enxugou com seu cabelo, sem pronunciar uma palavra.

Quando todos acharam que Jesus iria repudiá-la,

Ele tomou como exemplo seu Pai que acolhia a todos

que chegassem ao arrependimento, e disse à mulher pecadora:

“Foram-lhes perdoados os seus muitos pecados,

porque você muito amou”.

Saindo dali, Maria Madalena passou a ser umas das

mais fiéis seguidoras do Messias, colocando-se totalmente

a serviço do Reino de Deus. Ela permaneceu ao lado de

Maria na crucificação do Senhor e na madrugada da Páscoa

foi chorar na porta do sepulcro. Ao chorar, ela ouviu

alguém chamar seu nome e reconheceu a voz que jamais

esqueceria. Jesus havia ressuscitado!

A partir do encontro com o Ressuscitado, a fiel discípula

viveu uma vida de testemunho e luta pela santidade.

A liturgia bizantina celebra-a como “Apóstola dos

Apóstolos”, para que continue a sua missão de anunciar

a ressurreição do Senhor no seu rito apostólico. Festejada

no dia 22 de julho, santa Maria Madalena tornou-se a

padroeira de muitas ordens religiosas, sendo venerada até

mesmo pelos padres predicadores.

Santa Maria Madalena, rogai por nós!

Fontes: sites Paulinas e Canção Nova

A BATAlhA de GedeÃO

(JS 6-8)

Por Cristina Lourenço

Para livrar Israel das mãos do opressor,

o Senhor convoca Gedeão, homem fraco e tímido,

dizendo-lhe: “Eu estarei contigo, e tu derrotarás os

madianitas como se fossem um só homem” (6, 16).

Para que ninguém pudesse se vangloriar dizendo “Foi minha

mão que me salvou” (7, 2), no dia da grande batalha,

Deus reduz o exército de Gedeão de 32.000 para

apenas 300 israelitas. Apesar de tão grande desvantagem

militar e de estarem armados apenas de tochas, jarros

e trombetas, Gedeão e seu exército enfrentam o inimigo.

O Senhor faz, então, com que os madianitas

voltem a espada uns contra os outros e fujam (7, 22).

Gedeão só conseguiu libertar os israelitas da

opressão porque confiou na presença do Senhor

em sua vida. Obediente e fiel, mesmo não

compreendendo de imediato as razões da vontade divina,

Gedeão aprendeu que a verdadeira força não vinha de

si mesmo, mas sim de Deus, o único Senhor e guia de seu

povo. Que também nós tenhamos a mesma compreensão

e atitude ao ouvirmos o anjo do Senhor nos dizendo: “O

Senhor está contigo, valente guerreiro!” (6, 12).

ABC CRISTÃO

Por Udemia Carvalho

• “Filho do homem”: A expressão “filho do homem”

no antigo Testamento é usada como sinônimo de

“homem simples”. No livro de Daniel, aparece com

dois sentidos diferentes. O profeta é chamado de

“filho do homem” (Dn 8;17), mas, em 7:13, desce

do céu “como o Filho do Homem”, assim,

numa visão profética, a frase se refere a Cristo.

No Novo Testamento, “filho do homem”

é usado para falar sobre Jesus.

Em João 6:62, ele diz: “Que será, pois, se virdes

o Filho do Homem subir para o lugar onde primeiro estava?”.

Paulo confirma a mesma coisa em Filipenses 2:5-8.

Depois da ascensão de Jesus, Estevão viu

“o Filho do Homem, em pé à direita de Deus” (Atos 7:56).

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

x3


4

psicoloGiA E iGREJA

tEmpERAmEntos

Por Vanice Diane

Os estudos sobre a teoria dos temperamentos ou teoria dos humores é milenar,

utilizada por filósofos como Hipócrates, psicólogos como Jung e

psiquiatras como David Keirey, por ser um fator de grande importância

para o relacionamento interpessoal. São nossas ações tomadas de acordo com

nosso temperamento, que é parte essencial de nossa estrutura comportamental.

Mas, o que é temperamento? São forças e fraquezas do ser adquiridas por meio

de novas circunstâncias vivenciadas e também da hereditariedade.

Vale lembrar que não é somente o temperamento responsável por nossas decisões,

mas também, por nosso caráter e personalidade.

Resumidamente vamos diferenciar: Temperamento, Caráter e Personalidade.

Temperamento: combinação de características congênitas que afetam o procedimento

do individuo;

Caráter: verdadeiro eu, resultado da educação familiar e social;

Personalidade: semblante externo que poder ser igual ou não do caráter, mas,

depende da autenticidade de cada um.

É importante dizer que graças à ação do Espírito Santo em nossas vidas, adquirimos

a sabedoria necessária para nos conhecermos, mas para que tal ação

aconteça, é preciso nossa contribuição, que depende exclusivamente de três fatores:

vontade, mente e compreensão de que somos imperfeitos e que necessitamos

diariamente da ação de Deus em nossas vidas.

Nas próximas edições, nos aprofundaremos um pouco mais no que é e como

descobrir qual é nosso temperamento, e como podemos buscar sua transformação,

para assim, encontrar o verdadeiro caminho da felicidade.

Fonte: Livro Temperamento Controlado pelo Espírito – de Tim Lahaye

Os 4 Temperamentos – Ed. Nova Cultural

sou fEliz poR sER cAtólico

O que significa

intercessãO

dOs santOs?

Por Cristina Lourenço

Na doutrina da Intercessão dos Santos,

a Igreja ensina que na glória do céu,

onde gozam de vida consciente e

bem-aventurada, os santos podem interceder

por nós junto a Deus, orando pela salvação

dos que ainda estão na Terra.

Há diversos versículos nas Sagradas

Escrituras que fundamentam esta doutrina.

Como exemplos, temos o livro 2º dos

Macabeus, que apresenta o Sumo Sacerdote

Onias e o Profeta Jeremias, ambos falecidos,

como grandes orantes em favor do povo de

Deus na Terra (2Mc 15,12-14)*, e o livro do

Apocalipse, que apresenta várias passagens

nas quais os santos se ocupam na oração

(Ap 5,8; 6,9-10; 8,3)*.

Entre todos os santos, Nossa Senhora

ocupa um lugar único. Como Mãe de Deus

e dos homens (Jo 19,25-27)*, Maria é, por

excelência, a Grande Intercessora em prol

dos seus filhos. E, assim como em Caná (Jo

2,3), Maria, a Rainha de todos os Santos,

intercede por nós no céu, junto ao seu

Divino Filho.

Por fim, convém sempre ressaltar que

mesmo quando recorremos aos santos,

dirigindo-lhes nossas preces, continuamos

confiando tão somente na Providência

Divina. Os santos não podem nos dar graça

alguma. Quem atende os nossos pedidos é

Deus, a única fonte de todas as graças.

*Confira os versículos bíblicos citados

neste texto no site da nossa Paróquia: www.

fatimasantoandre.com.br - Bíblia On-line.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br


GEntE quE fAz

pAstoRAl dA AcolhidA

Por Isabel Aparecida Castanho de Lima

Em 1994, a Pastoral da Acolhida iniciou suas atividades

em nossa Paróquia com o Pe. Nelson. Atualmente,

é composta por 12 membros sob a coordenação de

Elisabete Santina Sgobi. A missão da pastoral é criar

um ambiente acolhedor e evangelizador, em que seus agentes são

responsáveis pela comunicação interpessoal na Comunidade.

“Eles ficam à disposição para cumprir as necessidades da paróquia

e dos fiéis, dando informações e acolhendo de forma prestativa e

atenciosa”, conta Elisabete.

A principal atividade é acolher quem chega à igreja, entregando

o ABC Litúrgico, além de dar informações, manter o ambiente em

ordem, prestar socorro em caso de necessidade e também entregar

Ação sociAl

Em agosto de 2010, a professora

Marlene Frandom,

iniciou seu trabalho no Salão

da Igreja Nossa Senhora de Fátima.

Formada em Educação Física

pela FEFISA há 33 anos, realiza

atividades de condicionamento

físico para 45 pessoas de terceira

idade da nossa comunidade.

A animada turma da ginástica

chama-se Luz do Dia. A aula

começa com exercícios de respiração,

logo em seguida, é feita

uma prece, oferecendo a Deus

as atividades do dia. O grupo

faz movimento sentado para os

membros superiores e inferiores;

em pé, com corrida e dança. No

final, há o alongamento. “Formamos

uma roda e damos nosso grito

- Simpatia, alegria, harmonia,

este é o grupo: Luz do Dia!”, conta

a aluna Zilda Mazucatto.

Segundo Zilda, as aulas são

uma oportunidade de conservar

a jovialidade e o otimismo, além

de fazer novas amizades. “Organizamos

a quadrilha durante

informativos, a revista Igreja Viva e o Jornal Diocesano.

Hospitalidade é acolhimento, atender, saber ouvir, servir e lidar

com as pessoas. Segundo Elisabete, a atitude do acolhimento requer

tino, sensibilidade e, acima de tudo, disponibilidade em atender a

pessoa de forma criativa.

“Cada pessoa que se propõe participar da Pastoral da Acolhida

deve ter certeza de que acolhe o próprio Cristo, os irmãos na

acolhida da nossa Santa Igreja que sempre foi guiada pelo Espírito

Santo e que suscita nos seus membros um novo ardor e novos

métodos de evangelizar”, diz.

Mais informações na Secretaria da Igreja.

ginástica integrativa e danças circulares

Por Vicenta Bento

a quermesse que foi muito elogiada”,

fala.

“Acredito que uma das formas

de equilibrarmos nosso lado

espiritual, além da oração, seja a

atividade física, promovendo saúde”,

diz Marlene.

Ela dá algumas dicas para

os leitores da Igreja Viva: “Façam

exercícios físicos no mínimo 2

vezes por semana; alimentem-se

corretamente; tenham um sono reparador

e nunca fiquem isolados,

porque precisamos estar sempre

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

em comunidade. Riam muito, até

de si mesmos, façam amizades,

ajudem o próximo!”.

Horário das aulas:

segunda, quarta e sextafeira,

das 9h30 às 10h30.

responder a um questionário

sobre sua saúde.

Trazer atestado médico.

valor: r$ 27,00 para 3

aulas semanais e r$ 22,00

para 2 aulas semanais.

5


6x

6

pARóquiA Em Ação

somos um só coRpo

Por Michelle Castanho de Lima

A Comemoração da Festa do Corpo de Cristo - Corpus Christi -

contou com a colaboração da comunidade na confecção dos fuxicos

que, delicadamente organizadas, ganharam formas, transformando-se

num lindo tapete no corredor central da Igreja.

Borra de café, areia e folhas secas foram alguns dos materiais

utilizados pelos jovens para levar o tapete para o lado de fora da

Igreja, unindo gerações a uma tradição de tantos anos, lembrando

também dos cobertores e agasalhos doados pela comunidade para

as pessoas em situação de rua.

A celebração foi encerrada após a procissão com a exposição do

Santíssimo e a bênção final.

mISSA de PenTeCOSTeS

Por Camila Rebolo

No dia 12 de junho, a igreja comemorou o Pentecostes com a

apresentação de dança dos dons do Espírito Santo, realizada pelo grupo

de jovens e perseverança, em que cada menina representava um dom

do espírito. Na paróquia, contamos com a ilustre participação do Padre

Ricardo para celebrar esse dia tão especial.

CAnTInhO dO CRISTÃO

Por Élide Rebolo

É com grande alegria que acontece mais um

Cantinho do Cristão em nossa Paróquia. Será

sábado, dia 06 de agosto. Reserve essa data

para passar uma noite de muito louvor conosco!

Quem POde

ReSISTIR AO AmOR

de JeSuS?

Por Udemia Carvalho

No último dia 12 de junho, o Pe. Renatinho foi

canal de bênção e animação ao povo de Deus.

Convidado pelo Pe. Francinaldo, juntamente com

o Ministério Frutos da Promessa, o padre usou o

seu dom de cantar e adentrou aos corações das

pessoas que participaram da festividade religiosa

e social da Paróquia Santo Antonio, em São

Caetano do Sul.

A alegria, a unção, o discernimento e muito

amor marcaram a sua apresentação. O Secretário

de Cultura de São Caetano do Sul, Caetano

Vieira, ficou honrado em ter um filho da cidade, o

Pe. Renatinho, a trilhar um caminho fraternal que

ultrapassa fronteiras.

FeSTA JulInA dA

COmunIdAde

SÃO mIGuel ARCAnJO

Por Élide Rebolo

Venha participar nos dias 02 e 09 de julho, das

18h30 às 23h, de nossa tradicional “Festa Julina”.

Contamos com show ao vivo, brincadeiras, barracas

típicas, como: pastel, cachorro-quente, fogazza,

espetinho de churrasco, vinho-quente e quentão.

Para os pequenos, teremos: barraca da pesca,

boca do palhaço e a quadrilha das crianças de

nossa catequese com muita diversão num ambiente

totalmente familiar. Não perca!

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br


REflExão

A GRAçA

do pERdão

O ato de remir pode ser uma saída para trazer

alívio aos males do ser humano Por Nádia Nicolau

O

que significa perdoar?

Você já se perguntou

isso? Mas a resposta

veio do coração ou você

procurou a ajuda do dicionário para

saber o sentido estrito da palavra?

É claro que ambas as atitudes são

válidas, porém é uma busca pessoal,

íntima com Deus e totalmente

desprendida de sentimentos

destrutivos.

O perdão é considerado um ato

sublime, pois aquele que consegue

apagar ressentimentos da alma e

empresta um olhar de compaixão ao

causador do sofrimento, ultrapassa os

seus próprios limites de pecador e se

aproxima do que Jesus nos ensinou.

Não é uma tarefa fácil, é um

grande desafio saber perdoar e pedir

perdão. Quem nunca se magoou com

alguém do trabalho, um colega de

escola, uma palavra mais áspera da

mãe ou do pai, uma atitude grosseira

do irmão? Enfim, são

tantos exemplos que

podem causar mágoas,

tristezas profundas,

raiva, ira.

Contudo, ser merecedor

de perdão está nas mãos de

quem deseja ser perdoado.

Reconhecer os erros, demonstrar

arrependimento e, por outro

lado, ser capaz de afastar

a sensação das injustiças sofridas

é a chave para uma transformação

única e pessoal.

Uma prova de humildade foi

dada pelo Papa João Paulo II ao

perdoar seu agressor, o turco Mehmet

ali Agca, que atirou três vezes contra

ele, ferindo-o gravemente.

Além da alma ficar mais leve,

o ato de perdoar é positivo para a

saúde. Segundo a psicóloga Ana

Maria Rossi, quem não perdoa não

se liberta da raiva e revive o erro o

VOCê POde SeR FelIz

Por Josianne Alves Feitosa

COM A CHEGADA DO PADRE RENATO à PARóQuIA NOSSA SENHORA DE FáTIMA, COMECEI A FAZER PARTE DA PASTORAL

DA ACOLHIDA, MAS FOI NA MISSA POR CuRA E LIBERTAçãO QuE Eu ENCONTREI O MEu CAMINHO. NESSA ÉPOCA,

Eu DESEJAVA MuITO TRABALHAR NuMA LOJA, A QuAL FuI CONVIDADA PARA FAZER uM TESTE DE EMPREGO. PEDI A

BêNçãO QuANDO O SANTíSSIMO PASSOu E TAMBÉM PARA O PADRE RENATO ABENçOAR. COM A GRAçA DE JESuS,

NOSSO DEuS E DE NOSSA SENHORA DE FáTIMA, ESTOu Há 2 ANOS NO EMPREGO DESEJADO. OBRIGADA MEu DEuS,

OBRIGADA JESuS POR Eu FAZER PARTE DESSA COMuNIDADE, NOSSA SENHORA DE FáTIMA.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

tempo todo, o que acaba

gerando estresse.

Portanto, liberte-se! Esforce-se

para pedir perdão e para perdoar.

Ouça as palavras do escritor

argentino Jorge Luis Borges:

Para as ofensas, a maior arma

é o esquecimento.

Se você ainda considera um

grande desafio o poder do perdão,

leia o Livro de Jó, e entenda

a mensagem de Deus.

(Fonte: Revista Veja – edição 2175)

7


x8

cApA

cERco dE

“Foi pela

fé que

desabaram as

muralhas de

Jericó, depois

de rodeadas

por sete dias

(Hb 11,30)

Por Cristina Lourenço

JERicó

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br


Depois de sair do Egito, onde eram escravos, os hebreus

caminharam pelo deserto rumo à Canaã. Liderados

agora por Josué, chegam ao seu destino, iniciando-

-se então uma lenta instalação na terra que Deus lhes

prometera. Muitas são as dificuldades da conquista,

pois as cidades da região eram habitadas por povos inimigos. Entre

elas, Jericó, uma cidade-fortaleza rodeada de altas e fortes muralhas

que a tornavam praticamente indestrutível. Para conquistá-la, Josué e

o povo seguem fielmente as orientações do Senhor: uma vez por dia,

durante seis dias, dão uma volta com a Arca da Aliança em torno da cidade.

No sétimo dia, dão sete voltas. Durante a sétima volta, ao som de

trombetas, todo o povo levanta um grande clamor e, pela ação gloriosa

do Senhor, desabam estrondosamente as muralhas de Jericó (Josué 6)*.

A tomada de Jericó era um grande obstáculo

para os israelitas, mas, apesar disso, o

povo manteve inabalável sua esperança no

cumprimento das promessas de Deus e,

com fé e confiança, avançou com coragem

para tomar posse da Terra Prometida.

Como nos tempos de Josué, ainda hoje

são inevitáveis as “batalhas” para conquistar

a nossa verdadeira terra, o Reino dos Céus.

E como as muralhas de Jericó, várias outras

muralhas em nossa vida e em nossa sociedade,

precisam ser derrubadas pelo poder

de Deus.

Muitas comunidades cristãs promovem

atualmente intensas batalhas

contra os inimigos do nosso tempo. A

esse constante combate foi dado o nome

de “Cerco de Jericó”, inspirado pelas narrativas

históricas do livro de Josué.

A primeira grande batalha a receber

esse nome foi realizada na Polônia, em

maio de 1979, como preparação para a difícil

e importante visita do Papa João Paulo

II ao seu país. Visita que deu início à ruína

do comunismo ateu e à queda do muro de

Berlim. Atendendo ao que foi ordenado

em uma mensagem de Nossa Senhora do

Santo Rosário, os poloneses rezaram fervorosamente

pela peregrinação do Santo

Padre durante “sete dias e seis noites de Rosários

consecutivos diante do Santíssimo Sacramento

exposto”. Posteriormente, em outra mensagem,

Nossa Senhora ordenou que fossem

feitos os Cercos de Jericó sempre que o Papa

saísse em viagem apostólica. E, em 1986, ordenou

que essa prática se estendesse a outros

países além da Polônia: “Ide ao Canadá,

aos Estados Unidos, à Inglaterra e à Alemanha

para salvar o que ainda pode ser salvo”.

Assim, em várias partes do mundo,

são realizados os Cercos de Jericó. Unidos

numa mesma intenção, um grupo de pessoas

reza continuamente durante sete dias

e seis noites diante de Jesus Eucarístico. O

Cerco de Jericó também pode ser rezado

não necessariamente diante do Santíssimo

Sacramento exposto, mas por cada

pessoa, individualmente, em sua própria

residência, numa determinada hora do dia.

Além da recitação do santo Rosário,

os fiéis também rezam salmos e versículos

bíblicos, clamando pela queda das muralhas

que só a graça de Deus pode derrubar: as

muralhas do ódio, da mágoa, da violência,

da intolerância, das doenças mentais, físicas

e espirituais, das drogas, do egoísmo, do orgulho,

dos vícios, de todos os tipos de desunião,

de todo o ocultismo, enfim, de tudo o

que impede a obra de Deus em nossas vidas.

A oração humilde, confiante e perse-

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

verante, correspondente à santa vontade de

Deus, neutraliza o poder do inimigo; torna

possível o impossível, pois quando clamamos

ao Senhor, todas as barreiras desaparecem.

É por isso que Jesus, com exemplos e palavras,

recomenda insistentemente a oração,

à qual Ele mesmo sempre se dedicava (Lc

5,16)*. Na parábola da viúva e o juiz, por

exemplo, Jesus nos mostra “que é necessário

orar sempre sem jamais deixar de fazê-lo”, pois

se até mesmo o juiz injusto atende à viúva

de tanto ser importunado por ela, o que não

fará Deus por nós: “Por acaso não fará Deus

justiça aos seus escolhidos, que estão clamando

por ele dia e noite?” (Lc 18, 1.7)*. Tão importante

e necessária é a oração que Jesus nos

ensinou, o Pai Nosso (Mt 6,9)*, e garantiu:

“todo aquele que pede, recebe” (Mt 7, 8)*.

Na certeza da vitória, pois não há

nada nem ninguém que consiga resistir ao

poder de Deus, que atende ao nosso clamor

porque assim prometeu que seria, façamos

como os israelitas em Jericó! Com fé e confiança,

seguindo fielmente as orientações

do Senhor, avancemos na direção do que

nos pertence!

Que ao som das trombetas da oração,

caiam todas as muralhas!

* Confira os versículos bíblicos citados no texto no

site da nossa Paróquia, www.fatimasantoandre.

com.br - Bíblia On-line.

x9


10

conExão JoVEm

cRistotEcA

Bons momentos de descontração e alegria na companhia

do melhor amigo: Jesus Cristo Por Fernanda Vaitkevicius

Amúsica do filme “Os Embalos

de Sábado à Noite” fez parte da

trilha sonora de muitas baladas

e festas de milhares de jovens ao redor do

mundo nas décadas de 70 e 80, e segue até

os dias atuais nas festas intituladas Flash

Back ou Túnel do Tempo.

O tempo passa, as gerações mudam

e evoluem. A evolução transforma costumes,

moda, música, vocabulário, além de

algo que deveria permanecer imutável: valores

e princípios.

As “raves”, famosas pela duração de

vários dias consecutivos, são festas que

podem colocar a perder sonhos de uma

sEJa VocÊ TamBÉm

Nosso aNuNciaNTE

☞ Entre em contato conosco pelo telefone

(11) 4479-0899, para obter informações.

➥ indicamos a todos os leitores de “igreja Viva”

o uso dos serviços e empresas aqui sugeridos,

por sua seriedade e credibilidade.

vida toda. Costumam ser regadas a muito

álcool e drogas das mais diversas, além de

possuírem um forte apelo sexual. Movidas

pelo desejo natural da descoberta e o

convite à falsa liberdade, faz com que esses

jovens embarquem em uma aventura perigosa

que pode lhes abrir as portas de um

caminho de sofrimentos e, muitas vezes,

sem volta, produzindo consequências desastrosas

para eles e seus familiares.

A juventude católica foi agraciada por

um movimento que se estende cada vez

mais pelas comunidades, visando resgatar

a diversão e a alegria saudáveis dentro das

baladas, sem esquecer o principal objetivo:

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

o encontro com o Senhor e a busca constante

pela santidade.

A esse movimento musical e evangelizador

chamamos de CRISTOTECA.

Segundo DJ Willian, a CRISTO-

TECA tem o objetivo de oferecer um

espaço de diversão, mas ao mesmo tempo,

uma oportunidade de encontrar Deus, o

único que pode nos dar vida em abundância.

“Uma chance de expressar a Deus em

oração por meio dos ritmos animados da

música católica. Momentos Techno, Psy e

trance católico; Forró, Axé, Dance, enfim,

tudo que uma balada cristã pode oferecer

de melhor. E o mais importante: tudo

vivido na presença do Senhor”, afirma.

A juventude pode e deve ser vivida

com toda a intensidade e beleza de seu

tempo, portanto, é pertinente lembrar

as palavras do Beato João Paulo II, que

foi um defensor apaixonado dos jovens:

“Precisamos de Santos que vivam no

mundo, se santifiquem no mundo, que não

tenham medo de viver no mundo. Precisamos

de Santos que bebam Coca-Cola

e comam hot dog, que usem jeans, que

sejam internautas, que escutem disc man.

Precisamos de Santos que amem apaixonadamente

a Eucaristia e que não tenham

vergonha de tomar um refrigerante, ou

comer uma pizza no fim de semana com

os amigos, que gostem de cinema, de

teatro, de música, de dança, de esporte.

Precisamos de Santos sociáveis, abertos,

normais, amigos, alegres, companheiros.

Santos que estejam no mundo; e saibam

saborear as coisas puras e boas do mundo,

mas que não sejam mundanos”.


A oRiGEm do

EscApuláRio

Por Sandra Pereira

No século XI, um grupo de homens que se dedicava à prática

de orações e penitência, reuniu-se no Monte Carmelo,

em Israel, onde construíram uma capela em honra

de Nossa Senhora. Nascia, assim, a Ordem dos Carmelitas, ou a

Ordem dos Irmãos da Bem-Aventurada Virgem Maria do Monte

Carmelo, ou Monte do Carmo, que significa “jardim de Deus”.

Tempos depois, quando os carmelitas passavam por dificuldades,

S. Simão Stock, superior da Ordem, pediu a Nossa Senhora

um sinal de Sua proteção que fosse visível aos seus inimigos. O

frade teve, então, uma visão: rodeada de anjos, surgiu Maria Santíssima

com o menino Jesus no colo, que lhe entregou o escapulário

dizendo: “Recebe, filho amado, este escapulário. Todo o que com

ele morrer, não padecerá a perdição no fogo eterno. Ele é sinal de

salvação, defesa nos perigos, aliança de paz e pacto sempiterno”.

Vem daí a devoção ao escapulário, recomendada pelo Papa Pio

XII, que afirmou: “o escapulário é uma veste Mariana, símbolo de

proteção da Mãe de Deus”.

A festa de Nossa Senhora do Carmo é celebrada todo dia 16 de

julho de cada ano, desde 1332. O Escapulário do Carmo consiste

em duas medalhas, unidas entre si por um cordão. Uma medalha

traz a estampa de Nossa Senhora e a outra a do Sagrado Coração

de Jesus. A palavra escapulário vem do latim “scapulas”, que significa

ombros. Devemos usá-lo, portanto, sobre os ombros.

A imposição, ou bênção do escapulário, só pode ser feita

por um sacerdote ou diácono. Seu uso diário e permanente,

embora recomendado, não é essencial, pois não devemos usá-lo

como um amuleto da sorte. Ao usá-lo, devemos assumir algumas

práticas importantes de oração, como a meditação do Terço

ou parte dele, por exemplo, ou de outras devoções a Nossa Senhora.

Acima de tudo, o uso do escapulário deve nos trazer

o compromisso de viver como discípulos de Cristo - discípulos

que buscam em Maria o exemplo de vida e santidade.

• Terceirização de Serviços

• Mão de obra temporária

(11) 4433-6444

www.protemp.com.br

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

11


12

cultuRA Ruínas do Coliseu

iGREJA pARA todos

os diAs do Ano

Por Priscilla Rigotto

Sabemos que o catolicismo é a

maior religião do país, e segundo

a lenda, somente na Bahia

existem 365 igrejas católicas,

uma para cada dia do ano. E elas estão

espalhadas por todo o território, mas é

em Salvador, que encontramos as mais

famosas e procuradas por peregrinos.

Famosas pelas “fitinhas”, a igreja Nosso

Senhor do Bonfim está localizada na

Sagrada Colina, em Salvador, e é considerado

pelo povo baiano o maior centro

de fé católica e símbolo do sincretismo .

Construída pelos portugueses em estilo

neoclássico com uma fachada em rococó,

a imagem do Senhor do Bonfim foi trazida

ao Brasil devido a uma promessa feita

pelo capitão da marinha portuguesa que,

se escapasse da forte tempestade, traria

a imagem de sua devoção, o Senhor do

Bonfim. É também nesta igreja que acon-

tece a tradicional “lavagem da escadaria”,

realizada no segundo domingo de janeiro

(depois do dia de Reis), ritual realizado

pelas baianas (adeptas ao candomblé).

Outra edificação histórica muito

importante é a Igreja e Convento de São

Francisco (do século XVIII), que em

2009, foi classificada como uma das sete

Maravilhas de Origem Portuguesa no

Mundo. Uma edificação especialmente

preciosa e uma importante expressão do

barroco no Brasil, principalmente a sua

decoração interna, toda recoberta em

ouro e jacarandá, além dos divinos painéis

em azulejos portugueses na entrada,

no altar e na sacristia (retratando cenas

de São Francisco).

Não podemos esquecer a Catedral-

-Basílica Primacial de São Salvador,

erguida nos anos 1676 a 1679 (a antiga

capela do colégio dos jesuítas) e um dos

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

monumentos sacros mais importantes

do centro histórico de Salvador. Além

do mobiliário raro, altares talhados em

madeira e pintados com ouro diluído em

óleo, pinturas e lindos afrescos, e do suntuoso

medalhão de madeira suspenso no

teto da nave com o emblema da ordem

dos jesuítas, pintado a ouro. Chama-se

Primacial por ser a catedral da primeira

arquidiocese do Brasil.

São muitas as belezas das igrejas católicas

espalhadas pelo nosso Brasil, e é

certo que quando estamos de férias, podemos

incluir em nosso roteiro um passeio

cultural e histórico aos santuários,

afinal com “365 igrejas só na Bahia”, não

desculpas para não participar de uma

missa durante as férias!

Fontes: Wikipédia, enciclopédia livre digital; sites

Ministério da Cultura e blog Turismo e Viagens.


diA do

AmiGo

“Tu te tornas eternamente

responsável por aquilo que

cativas” (Antoine de Saint-

Exupéry) Por Ducarmo Paes

Inspirado pelo primeiro homem a

pisar na Lua, no dia 20 de julho

de 1969, foi que o argentino

Enrique Ernesto Febbraro passou

a enviar cartas para todos os países numa

congratulação fraternal.

Tendo como ponto de partida Buenos

Aires, a data foi aos poucos sendo adotada

por diversos países, tornando-se universal.

O agendamento dessa data se torna

utópica, pois o calendário apenas a

demarca por compromisso literário.

Gesto de amizade não tem data

nem hora certa, não tem norte, é a pura

sensibilidade de saber estar no lugar

certo e hora exata para sorrir ou consolar,

proibir ou incentivar e depois dizer:

Entendi tudo, só com o olhar.

Saint-Exupéry em seu livro

“O Pequeno Príncipe”, trava um diálogo

com a raposa na procura de um amigo:

O que quer dizer cativar?

É uma coisa muito esquecida,

significa criar laços.

Se tu me cativas, nós teremos

necessidade um do outro. Serás, para

mim, o único no mundo e eu serei

para você, a única no mundo.

Ser amigo é cativar, criar laços, poder

abrir o coração, falar de medos ou paixões

e ter a certeza da compreensão.

A amizade é um relacionamento

involuntário, ela simplesmente acontece

na empatia e se fortalece na confiança,

não tem laços de parentesco e nem

compatibilidade sanguínea.

A mão do amigo está sempre

espalmada, basta apertar.

O ombro do amigo é travesseiro

macio para gargalhar num abraço

ou chorar num desabafo.

A amizade é irmã da fraternidade,

pois essa preenche todos os requisitos

que um amigo necessita.

Hoje, o amigo, aquele que se cativa

com o olhar, está se distanciando do nosso

convívio. Não sentimos mais sua presença,

ele prefere sua vitrine virtual e troca o

aperto de mão pelo descanso no mouse, o

olho no olho pela tela do computador, o

diálogo pelo teclado.

Mesmo assim, ele confirma todos

os dias, uma estreita amizade através de

mensagens, que nos faz pensar:

O homem ainda existe, ou tornou-se um

instrumento virtual?

“POIS NINGUÉM TEM MAIOR

AMOR DO QUE AQUELE QUE DÁ A

VIDA POR SEUS AMIGOS” (Jo, 15,13)

Amigos são instrumentos de Deus.

O próprio Jesus mostra a importância

da amizade em vários momentos de sua

passagem pela terra: “Vós sois meus amigos,

se fizerdes o que vos mando...

O que vos mando, é que ameis

uns aos outros”( Jo 15, 14-17)

A amizade está em todos os

segmentos da vida: pais e filhos,

irmãos, namorados, marido e mulher e

comunidade. É ela que dá passagem para

outros sentimentos.

Amizade é um dos princípios

fundamentais para a paz, porque

nenhum mal será feito a um amigo.

Em Lucas 10,38-42, Jesus deixa

claro o valor da amizade no encontro

com as irmãs Marta e Maria.

O bom amigo fala e Maria ouve.

Jesus também pressente a morte

do amigo Lázaro: “Lázaro, nosso amigo,

dorme, mas vou despertá-lo” (Jo 11,11).

A Igreja clama por uma amizade

fraterna inspirada nas lições de Jesus

Cristo e traduzida na linguagem

do coração. Uma amizade que

desperta para os valores espirituais

e que ecoe num amor universal.

Fazer amigos é contribuir

com a obra criadora de Deus.

Amizade maior é a Dele

que morreu na cruz por seus amigos.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

13


14

GAlERiA dE fotos

Solenidade de Corpus Christi no dia 23 de junho.

Mega show na paróquia Santo Antonio, em São Caetano do Sul, no dia 12 de junho.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br


cAntinho dA cRiAnçA

pAssAtEmpo

Por Vicenta Bento

Caros amigos,

O Centro Catequético de nossa Paróquia logo

estará pronto. Ele vai ser um lugar aconchegante, onde

poderemos passar momentos felizes.

Hoje quero dar um alô a vocês sobre um espaço que

haverá no Centro Catequético: a Biblioteca que, juntos,

estamos organizando. Nela, nós encontraremos livros

de lazer e, em especial, livros que tratam de qualidades

enriquecedoras para nossa vida, tais como:

AuTOESTIMA – COMPREENSãO – VERDADE –

ENTuSIASMO – GRATIDãO – AMOR – ALEGRIA.

faça parte da pastoral

da comunicação

Convido a vocês colocar esses valores nessa cruzadinha

abaixo e a se prepararem para, em breve, procurá-los

nos livros de nossa querida Biblioteca. Ok?

“já não vos chamo de servos, mas de amigos”, com essas palavras jesus acolheu a cada um dos apostólos com amor incondicional.

Se gosta de partilhar conhecimento, faça parte da Pascom! Seja você jornalista, teólogo, psicólogo, professor ou fotógrafo, sua participação

será de grande valia. contate-nos pelo fone: (11) 4479-0899 - secretaria da paróquia nSf em horário de expediente.

EXPEDIENTE

Publicação Mensal da Paróquia Nossa Senhora de Fátima – DIREÇÃO: Padre Renato Aparecido da Cruz Souto. COORDENAÇÃO: udemia

Carvalho. JORNALISTA RESPONSÁVEL: Nádia Nicolau (MTB 36399). CONSELHO EDITORIAL – PASCOM PAROQUIAL: Alesandra

Martinelli, Abner Nascimento, Camila Rebolo, Carolina Santana, Cristina Lourenço, Ducarmo Paes, Élide Rebolo, Fernanda Vaitkevicius,

Isabel Castanho, Michelle Castanho, Priscilla Rigotto e Vicenta Bento. COLABORADORAS: Piedade Coelho, Rosa Maria dos Santos

e Vanessa Leal. REVISÃO: Walquiria Botaro. DIREÇÃO DE ARTE: Douglas Marques. CRIAÇÃO DE ANÚNCIOS: Thalentus Gráfica. CAPTAÇÃO DE

RECURSOS: Ari Knoll. IgREJA VIVA é uma publicação com distribuição gratuita. TIRAgEM: 2.000 exemplares.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima - www.fatimasantoandre.com.br

v

a

l

o

r

e

s

15


Serpel Metalúrgica,

inStalação de arMazenageM ltda.

Sergio Pelleggi

r. cristóvão Jacques, 380,

Vl. João ramalho, Santo andré, Sp

09170-030 - telFax: 11 4974-9158

www.serpelmetalurgica.com.br

More magazines by this user
Similar magazines