Views
5 years ago

Nosso Tempo Digital

Nosso Tempo Digital

0ENi RECUPERAD ORA Q5^

0ENi RECUPERAD ORA Q5^ Recuperadora de peças Paulista Ltda ferro velho e Peças recuperadas Peças mecânicas e latarias 1 Compramos carros 1 batidos DE ' PEÇAS PAULISTA LTDA Economize comprando peças recuperadas Avenida JK n 9 2232.ou ligue para 73.5518 Foz do Iguaçu - PR -(ao lado da CEASA) Nosso Tempo 72-1738 NATAL 2001 WADIPEL É EXCLUSIVIDADE EM ORNAMENTAÇÕES NATALINAS. SECÇÃO ESPECIAL DE ARVORES DE NATAL, CARTOES, BCLAS E DEMAIS ENFEITES. UMA VARIEDADE DE ARTIGOS PARA PRESENTES AV. BRASIL, 805 FONE: 74-2166 E EM BREVE NA FAGUNDES VARELA, 302 - VILA PORTES Foz do Iguaçu - PR III1TO- n ao C114,riA ---- ------ Serviço especializado em lixamento de assoalho, tacos, parkets e móveis em geral; aplicação de sinteco e vemis rx'Iimento do granito - Pintura de Parede Rua Rui Barbosa. 1720 - Fone (0455) 73-4215 Bairro Maracanã 85.890 - Foz do Iguaçu - Pain6 koichie.is de bona AGORA EM FOZ DO IGUAÇU- Fabricação r6pria de lajes para forro e piso. Bloqueios, muros pré-fabricados, artefatos de cimento em geral VENHA F'*S VISITAR E FAÇA SEU .ORÇAMENTO SEM COMPROMISSO Avenida Juscelino Kubitschek, 600 (ao lado do Gresfi) Fone 73-4030- FOZ DO IGUAÇU MOVIMENTO DA CONSCIÊCIA NEGRA SE ORGANIZA EM FOZ DO IGUAÇU. Vó Benedita (ao centro) vem liderando a organização da consciência negra em Foz do Iguaçu A mãe-de-santo Benedita de Souza Macedo é líder da Federação de Umbanda e Candomblé do Paraná, do Conselho Sacerdotal Estadual e também da Organização da Consciência Negra de Foz do Iguaçu. Ela vem liderando há muitos anos os Cultos afro-brasile iros na região das três fronteiras, que tem seu ponto alto na Festa de Yemanjá, realizada todos os anos nos pr imeiros dias de fevereiro. Vó Benedita começou a organizar as festas de Yemanjá em 1975 e todos os anos milhares de tu ristas das t rês fronteiras vão ao Porto Meira para participar. Para os dias 11 e 12 cio mês passado, Benedita Macedo chegou a organizar um grande ato para comemorar o Dia da Consciênc ia Negra em Foz do Iguaçu. Estavam convidados 'a--.' participar do ato a deputada federal Benedita da Silva, o líder do Movimento Negro Unificado, poeta Abritas doNascirnento, o cantor e compositor Milton Nascimento e o secretário de 'Cultura Afro-Brasileira de São Paulo. Inclusive, Vó Benedita chegou a conseguir através do cônsul paraguaio em Paranaguá, Justo Almada, estadia para os seis convidados no Hote l Internacional. Mas o ato foi cancelado Ir por falta de apo io efetivo por parte de algumas autoridades. Mesmo assim, no último dia 20 de novembro, 1foi realizada uma pequena comemoração do Dia da Consciência Negra, no Terreiro Reino de Oxalá, onde houve uma apresentação de Maracatu e palestra pelo ex-secretário de Educação e Cultura de São Palito. O dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro, em homenagem ao Zumbi dos Pa lmares, líder do Quilombo do mesmo nome e que morreu nessa data. Os quilombos eram comunidades negras, organizadas por escravos que se libertavam a iam viver nas florestas Ali eram corgan'zadas a p rodução, a defesa e a distribuição de alimentos. A lguns quilombos, inclusive chegaram a manter sitema de trocas cern colonos brancos. O maior de todos, e que servia de exemplo de liberdade e organização para a massa escrava, foi destruído e seus líderes assassinados por miPâlas contratadas pelo Império. Segundo Vó Bènedita, os quilombos foram destruidos, mas os exemplos de liberdade e consciência negra do Zumbi permanecem vivos até hoje. "A luta pela liberdade existe desde a cneqaaa ao negro no trastt,e se Deus quiser, um dia terá o seu final, quando as outras raças se conscientizarem que nós somos todos humanos e principatamente filhos de Deus', afirma Vó Benedita. Ela diz ainda, que o racismo existe em todo o Brasil e Foz do Iguaçu não foge da regra. "Mas mesmo assim acreditamos que o pais está avançando e este pt'obierna será solucionado com a civilização. Aqui em Foz do Iguaçu vamos ter uma grande festa no dia 13 de maio, quando vamos comemo rar os 100 anos de final de escravatura legal. Pretendemos, em 20 de novembro do próximo ano, trazer muitos convidados e lazer uma grande festa AfroBrasileira". Para tanto,Benedita Macedo tem entrado em contato cern vários órgãos públicos pedindo apoio para os empreendimentos da Organização da Consciência Negra. Recentemente recebeu apoio da Paranatur, através do seu presidente Wádis Benvenutli , e na Prefeitura já está em andamento a preparação de um local para as apresentações da cultura negra em nossa cidade. vidraçaria guaporé "--"- BLINDEX BOX BLINDEX PRONTA ENTREGA PARA FOZ DO IGUACU E REGIÃO VIDROS-CRISTAIS ESPELHOS Rua Castelo Branco, 62 (0455) 73-1340 Foz do Iguaçu - PR

PUERTO STROESSNER SERÁ CHAMADO PUERTO LIBERDAD É o que anuncia o lider oposicionista paraguaio Domingo Laino, presidente do Partido Liberal Radical Autêntico (PLRA), neste depoimento' que deu a Nosso Tempo quando de sua vinda a Foz do Iguaçu, semana passada, para uma reunião do Comitê local do partido, que aqui está sob a direção de Tito Morales. Antes de tudo, quero manitestar o reconhecimento ao jornalista Juvêncio Mazzarrollo, combatente peta liberdade, que foi prisioneiro político por sua vocação de serviço ao povo brasileiro. Nos momentos difíceis do meu exlio, quando estava em Curitiba, sabia que Mazzarollo estava no bârcere, mas não pude visitá1o, como era meu desejo, porque a Lei de Segurança Nacional me impedia. Agora, tenho o grande prazer de me encontrar com Juvèncio Mazzarollo, muito querido pelo povo paraguaio, porque seu jornal sempre abriu páginas para o povo paraguaio, que não pode falar em seu próprio pais e assim tem encontrado no semanário Nosso Tempo um canal de manifestação VIOLAÇO DOS DIREITOS HUMANOS É PERMANENTE Quando voltavam da reunião que realizamos no dia 23 de novembro com o Comité do PI-RA em Foz do Iguaçu foram presos ria Ponte da Amizade, quando entravam no Paraguai, os companheiros Zeferino Vitlalba, do movimento operário do partido, Tomas Saya. presidente da Associação de Agriculto res do Departamento de Alto Paraná, Miguel Lezcano, do Pregrama de Ajuda Cristã, de Hernandárias, Frederico Cuernes e Estevan Ortigoza. Atos dessa natureza constituem prática normal do sistema. Está no Paraguai o preso político mais antigo das Américas, o capitão Napoleón Ortigoza, na prisão há 25 anos: Remigio Jiménez. do PLRA, está preso há 10 anos jornalista chileno Metia Latorre, esta preso sob a acusação de haver particioado do assassinato de AnastasiO Somoza, cumpriu a pena a que foi injustamente condenado e assim mesmo nao foi libertado ainda: presos estão também Hermes Saguier, há 4 meses, e o advogado de Porto Stroessne r, Eduardo Morates, há cerca de um mês, porque é defensor dos vendedores ambulantes. Eu mesmo, nos cinco meses em que estou no Paraguai, de volta de um exflio de cinco anos, fui detido seis vezes a ag redido fisicamente, torturado vM t. tv',, ' ,^ qcfr • em duas ocasiões. A violação dos diretos humanos no Paraguai é pe rmanente, porque isso è o que dá vida ao estado de terror inaugurado por Stroessner há 33 anos, FRENTE NACIONAL DEMOCRÁTICA E POPULAR Desde que voltei do exílio, em abril deste ano, temos concentrado nossa atividade política em convocações multitudinários pelo interior do toda a República Realizamos aproximadamente vinte concentrações populares no interior, reunindo um total de um quarto de milhão de camponeses. Nossas convocatórias não são partidá rias. mas nacionais, abertas a todas as ideo logias empenhadas na luta contra a ditadura. Inauguramos um novo modo de fazer política - aquele que tende à unidade total e á formação da Frente Democrática Nacional e Popular. E por isso que, como muitos outros compatriotas, somos constantemeflt' vgiados. perseguidos. presos e agredidos. AÇÃO DAS ORGANIZAÇÕES PARAMILITARES Há pouco tempo, se realizou na cidade de Corone l Oviedo a quinta reunião do Grupode Ação Anticomunista (GAAt, dirigida pelo ministro da Justiça e do Traba l ho. J. Eugenio Jacquet. Os GAAs são grupos que reúnem policiais, militares e Civis armados para enfrentar as mobilizações populares. Nós tivemos que enfrentar um desses grupos pela prime i ra vez em Yuty, depois apareceram na zona agrícola canavieira de Teicuaremi. em Euzebio Ayala e, mas recentemente, em Coronel Oviedo, onde até um sacerdote foi agredido fisicamente Esses grupos parapoliciais armados são um sintoma de debilidade do regime, que conta com autoridades regu lares uniformizadas. Significa que o governo já não confia nas suas forças policiais e militares uniformizadas e por isso recorre a essas patotas civis armadas. Esses grupos fasc istas - como o GAA. as Milícias Stronistas, a Guarda Republicana, filiadas à L iga Anticomunista mundial, que se reúne frequentemente no Paraguai - 7! Domingo Laino: em cinco meses, seis prisões ao estilo hit ierista. aparcem nas ruas pa ra agredir e prender manifestações popuiareS de contestação PARTIDOS FABRICADOS PELA DITADURA As eieições de 14 cc fevereiro p róxirrK , não so válidas nem legitima. co e.... ' ra .'JLri Saberrcs que vai haor fato antes e c'.uranle as eleições. Por isso, o PLRA, como todos os particc.s que integram o Acordo Nacional - . Movimento Popular Cobrado (Mopoco). Partido Revolucionário Febrerista (PRF) e Partido Democrata Cristão (PDC) -, não vai participar dessas eleições. Nenhum partido da autêntica oposição vai participar dessa farsa. Vão, Sim. participar da eleição partidos fabricados pela ditadura -- o Partido Cobrado oficialista, o Partido Liberal (PL) e o Ianido Liperal Radical (PLR. Eu, como político e lutador, só serei candidato em ele ições livres, democráticas e limpas. Nunca serei candidato para convalidar uma fraude escandalosa e vergonhosa como será essa eleição. DIÁLOGO NACIONAL PROPOSTO PELA IGREJA Dentro de um processo de transição noParaauai, é muito importante visualizar com atenção a atitude da Igreja Católica de um lado e, de outro, das Forças Armadas, os dois grupos mais poderosos do país. No regime de Stroessner, a Igreja tem adotado uma posição pendular, com bispos e sacerdotes comprometidos com os pobres e Outros comprometidos com a ditadura. Recentemente, ou nos últimos dois ou três anos, a Igreja reforçou muito seu compromisso com a justiça social, voltando-se para as classes oprimidas e exploradas, Nesse sentido, foi muito positiva a reeleição de dom Ismael Rolón. arcebispo de Assunção, para COFRE DE AÇO 200 KILOS [APROVEITE OFERTA 2 INTEIRIÇO 1/' DE CZ$11.500,00 POR CZ$ 6800.00 E a mais completa linha de móveis para o seu escritório Visite-nos ou solicite um representante presidente da Conferência Episcopal Paraguaia (CEP). A proposta da Ig reja se chama "Diálogo Nacional" para superar o estado de coisas em que está o pais sob a ditadura. Os únicos que não estão aceitando o diálogo proposto pela Igreja são os sfronistas, os GAAs... O resto da sociedade aceitou o diálogo e estamos nos reunindo no Seminário Metropolitano, em Assunção, sob a coordenação do bispo de Itapua. Participam movimentos polít icos e sociais, e já formamos uma coordenadoria nacional nesta luta. Em relação à visita que o Pape fará ao Paraguai em maio do próximo ano, estão sendo feitos os preparativos para que a verdade sobre a realidade nacional seja clara o objetivamente conhecida por João Paulo II. Temos certeza de que o Papa vai reforçar as orientações do Conc ilio Ecumênico Vaticano II, das conferéncias episcopais de Medellín e Puebla, que colocaram a Igreja claramente contra todas as formas de opressão e exploração. Se a visita do Papa significar uma atitude da Igreja favorável ao sistema paraguaio, a decepção do povo será grande. Entre outras coisas, acredito Posto de Serviços Aziliteca Visando melhor atender a população de Foz do Iguaçu, a rede de postos de serviços comandada pelo economista Valter Venson. vai inaugurar brevemente o Posto Jardim São Paulo. Será mais um local de atendimento da rede, que já possui postos no tr evo da Ponte da Amizade e nas avenidas Jorge Schimmelpfeng e República Argentina. AvenkI Juscelino Kubtscheck, 2033 - Tel. (0455) 742898 - CEP 85.890 - Foz do Iguaçu - Pai-aná - :t. necessá rio que, como aconteceu na visita do Papa ao Chile, seja dada oportunidade para que pessoas que passaram por torturas e outras formas de violência possam dar seu testemunho público dos sofrimentos passados.' EM BUSCA DE UMA FRENTE DEMOCRATICA NACK)NAL E POPULAR A opos iq'ão democrática paraguaia, e particularmente o meu partido (PLRA), queremos lograr uma transição da ditadura para a democracia através da não violência ativa. Queremos que o processo de, transição ocorra sem traumas. Enquanto isso, o governo tem na violência, precisamente, sua base mais sólida de sustentação e, através dos grupos paramilitares, responde com violências sempre crescentes contra os movimentos pacíficos da oposição. Assim mesmo, continuaremos seguindo os princpios da não violência ativa, sem cair nos engodos da violência oficial. A violência é precisamente para onde a ditadura quer nos leyar, Creio que, pela nova postura da Igreja, com a ampliação das bases do Acordo Nacional, com a conscientização popular e a unidade que estamos conseguindo, vamos vencer o objetivo stronista de violência. Liberdade e pão são duas figuras que podem ser elementos motorizadores para uma mudança. Por isso, propomos que o Acordo Nacional forme uma coordenadoria nacional com os movimentos sociais, com o objetivo de conseguir eleições livres e honestas. Sobre essas bases motivadores, o Paraguai precisa, segundo propostas do PLRA, chegar à formação da Frente Democrática Nacional e Popular. Temos que corrigir o erro do Acordo Nacional, que se limitou a reunir partidos políticos e esqueceu das organizações sociais populares. - Tr

k(// / CONTRAMÃO DA HISTÓRIA' - Nosso Tempo Digital
BINGÃO MILIONÁRIO NÃO VAI HAVER MAIS - Nosso Tempo Digital