FERRES - ABIOVE - Câmara dos Deputados

camara.gov.br

FERRES - ABIOVE - Câmara dos Deputados

ABIOVE Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais A INDÚSTRIA DE ÓLEOS VEGETAIS E A PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL Juan Diego Ferrés Presidente da Comissão de Biodiesel da ABIOVE Diretor Industrial da Granol S/A COMISSÃO DE AGRICULTURA E POLÍTICA RURAL Câmara dos Deputados Brasília, 20 de Agosto de 2003 ABIOVE 1


A INDÚSTRIA DE ÓLEOS VEGETAIS • A produção de farelos e óleos vegetais é integrada. Insumos Oleaginosas Tecnologia (Pesquisa e Extensão Rural) Indústria Processadora Farelos Óleos Vegetais Prod. Carnes Alimentos Protéicos e Funcionais ABIOVE Óleo Refinado Margarina Gordura Hidrogenada Uso Industrial Biodiesel 2


O QUE É BIODIESEL ? • É um combustível renovável produzido a partir de óleos vegetais. • É um combustível ecologicamente correto (biodegradável). • É um “óleo diesel” premium (menos poluente / não contém enxofre). ABIOVE 3


Óleo Vegetal Metanol ou Etanol PRODUÇÃO DE BIODIESEL Processo de Transesterificação Reação química Catalisador Glicerina ABIOVE Biodiesel 4


MERCADOS DO BIODIESEL • Transporte Coletivo Urbano • Frotas (carga e passageiros) • Veículos Leves • Marítimo e Fluvial (biodegradável) • Mineração (segurança) ABIOVE 5


POR QUE PRODUZIR BIODIESEL • Atualmente há duas grandes motivações para o desenvolvimento do Biodiesel no Mundo: Preocupação Ambiental/Ecológica - Poluição nas grandes cidades / “Efeito Estufa” “1 t de biodiesel evita a produção de 2,5 t de CO 2 ” Posicionamento Estratégico/Econômico - Busca de substitutos para os derivados de Petróleo - Auto-suficiência energética - Mudança dos preços relativos (petróleo x óleos vegetais) ABIOVE 6


POSICIONAMENTO ESTRATÉGICO/ECONÔMICO • Concentração das reservas mundiais de petróleo 65% estão concentradas no Oriente Médio ABIOVE 7


• Vários países estão produzindo comercialmente ou estimulando o desenvolvimento em escala industrial. União Européia (benchmark) EUA Argentina Suécia República Tcheca Malásia BIODIESEL NO MUNDO ABIOVE 8


1200 1000 800 600 400 200 0 375 720 1998 2000 2002 Fonte: EUROPEAN BIODIESEL BOARD O MODELO EUROPEU DE PRODUÇÃO DE BIODIESEL • A União Européia é o maior produtor mundial de Biodiesel (38 plantas em funcionamento). Produção de Biodiesel na UE (‘000 t) 2002 - Capacidade de produção: 2086 1075 ABIOVE Alemanha França Itália Outros EU Total EU 9


O MODELO EUROPEU DE PRODUÇÃO DE BIODIESEL • As plantas de Biodiesel na Europa são integradas às Indústrias de Óleos Vegetais. ABIOVE 10


Biodiesel B100 O MODELO EUROPEU DE PRODUÇÃO DE BIODIESEL Mais de 800 postos de combustíveis vendem Biodiesel puro na Alemanha. ABIOVE 11


O MODELO EUROPEU DE PRODUÇÃO DE BIODIESEL • A União Européia incentiva a produção através de uma forte desgravação tributária do Biodiesel. • Legislação do Meio Ambiente: Em 2005: 2% dos combustíveis consumidos na UE terão de ser renováveis Em 2010: 5,75% dos combustíveis consumidos na UE terão de ser renováveis ABIOVE 12


POR QUE PRODUZIR BIODIESEL NO BRASIL • A produção de Biodiesel propiciará ao País ganhos: -ambientais: redução da poluição nas grandes cidades - econômicos/sociais: geração de emprego e renda no campo - estratégicos: o Brasil importa cerca de 6 milhões de m 3 de óleo diesel por ano. • O Brasil é o pioneiro mundial na produção de Biocombustíveis (PROÁLCOOL) e pode tornar-se a principal referência mundial também na produção de Biodiesel. ABIOVE 13


O MODELO BRASILEIRO DE PRODUÇÃO DE BIODIESEL • Questões Fundamentais: Matéria-prima / Óleos Vegetais Rota Tecnológica (etílica / metílica) Escala e Regionalização Preços / Impactos Econômicos Legislação Específica Tributação Seletiva (“Indústria Nascente”) ABIOVE 14


BRASIL: PRODUÇÃO DE OLEAGINOSAS • O Brasil possui condições de solo/clima para a produção de oleaginosas em todo o seu território. REGIÃO N Palma / Soja REGIÃO CO Soja / Mamona / Algodão / Girassol REGIÃO S Soja / Colza / Algodão / Girassol Fonte: ABIOVE ABIOVE REGIÃO NE Babaçu / Soja / Mamona/ Palma / Algodão REGIÃO SE Soja / Mamona / Algodão / Girassol 15


BRASIL: PRODUÇÃO DE OLEAGINOSAS • O Brasil é o único país no mundo com grande capacidade de expandir sua produção de oleaginosas. Área de Expansão do Cerrado Brasileiro (milhões hectares) - Área Total ……………… 204 - Área Agricultável …….. 137 - Pastagem ………………. (35) - Culturas Anuais ………. (10) - Culturas Perenes e Florestas ……………..… (2) - Área Disponível …… 90 ABIOVE 16 Fonte: EMBRAPA


BRASIL: PRODUÇÃO DE OLEAGINOSAS Oleaginosas 2003 Produção (1000 t) % 2002 2001 2000 Soja 50.000 96,2 42.769 39.058 34.127 Algodão (caroço) 1.520* 2,9 1.407 1.720 1.310 Amendoim 127 0,2 126 135 126 Girassol 168* 0,3 150* 158* 148* Colza 55* 0,1 42* 41 33 Gergelim 15* 0,0 15* 15* 15* Palmiste 33* 0,1 30* 28* 28* Linhaça 5* 0,0 4 4 6 Mamona 72 0,1 100 116 33 Total 51.995 100,0 44.643 41.275 35.825 (*) Oilworld estimate Fonte: Oil World Annual 2003 ABIOVE 17


BRASIL: PRODUÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS Óleos Vegetais Produção (1000 t) 2002 % 2001 2000 1999 Soja 4.937 90,6 4.430 4.036 4.106 Algodão (caroço) 193* 3,5 213* 167* 125* Amendoim 28* 0,5 27* 26* 24* Girassol 56* 1,0 58* 55* 37* Colza 17* 0,3 15* 13* 10* Milho 46* 0,8 44* 46 45 Palma 118* 2,2 110* 108p 92p Palmiste 13* 0,2 12* 12* 10* Coco 2* 0,0 2* 2* 2* Mamona 41* 0,8 48* 43* 17* Total 5.451 100,0 4.959 4.400 4.376 (*) Oilworld estimate P- Preliminary Fonte: Oil World Annual 2003 ABIOVE 18


COTAÇÃO DOS ÓLEOS VEGETAIS Preços Médios em Julho/03 e Média Histórica Óleos Vegetais Mercado Cotação Interno Internacional Jul/03 Jul/03 Média (99-02) R$/t* US$/t** US$/t** Soja 1.630 497 385 Girassol N/D 575 494 Colza N/D 582 414 Palma 1.688 477 356 Babaçu 2.475 N/D N/D Mamona 3.580 971 858 Amendoim 4.500 1.397 716 Fonte: *ABOISSA Óleos Vegetais – preços com ICMS incluso. **Oil World Annual 2003 – Cotação FOB em Roterdam. ABIOVE 19


DISPONIBILIDADE DE MATÉRIA-PRIMA PARA PRODUÇÃO DE BIODIESEL • A soja é a única oleaginosa que apresenta a escala necessária para produção imediata de Biodiesel no Brasil. • O óleo de soja pode ser o “carro-chefe” do Biodiesel, abrindo caminho para os demais óleos vegetais no país. • O binômio qualidade/custo definirá regionalmente as fontes de matéria-prima (óleos vegetais). ABIOVE 20


PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL • Potencial do Óleo de Soja no curto prazo para produção de Biodiesel no Brasil. PERSPECTIVAS DE CURTO PRAZO 1.000 t/ano % DIESEL (CONSUMO EM 2002) 31.000 BIODIESEL B2 620 BIODIESEL B5 1.550 PRODUÇÃO DE SOJA EM GRÃO (2003) 51.000 PRODUÇÃO DE ÓLEO DE SOJA (2003) 5.300 PRODUÇÃO TOTAL DOS OUTROS ÓLEOS 514 Fonte: ANP / ABIOVE / Oil World Annual 2003 100% 2% 5% 12% em B2 29% em B5 NÃO ATENDE B2 ABIOVE 21


2003 Soja 51 Óleo de Soja 5,4 DISPONIBILIDADE DE MATÉRIA-PRIMA PARA PRODUÇÃO DE BIODIESEL Fonte: ABIOVE Estimativa de produção de soja e óleo de soja (milhões de toneladas) 2004 Soja 53 Óleo de Soja 5,6 2005 Soja 58 Óleo de Soja 6,1 ABIOVE sem programa de Biodiesel com programa de Biodiesel 2005 Soja 61 Óleo de Soja 6,8 Biodiesel B2 0,7 Incremento 6% Incremento 11% 22


A INDÚSTRIA DE ÓLEOS VEGETAIS E A PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL • As Indústrias de Óleos Vegetais instaladas no País coincidem com as áreas de maior consumo de óleo diesel. REGIÃO NORTE - 2002 CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 2.506 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 50 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 125 REGIÃO CENTRO-OESTE - 2002 CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 3.734 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 75 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 1.893 BRASIL - 2002 ('000 t) CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 31.221 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 624 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 6.932 REGIÃO NOROESTE - 2002 CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 4.663 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 93 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 384 REGIÃO SUDESTE - 2002 CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 13.892 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 278 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 1.216 REGIÃO SUL - 2002 CONSUMO DE ÓLEO DIESEL 6.427 BIODIESEL - B2 - DEMANDA 129 IND. ÓLEOS - CAPAC. INSTALADA 3.314 Fonte: ABIOVE / ANP ABIOVE 23


A INDÚSTRIA DE ÓLEOS VEGETAIS E A PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL • Algumas das Indústrias de Óleos Vegetais instaladas no País são grandes fabricantes de Biodiesel na Europa. ADM - Plantas na Alemanha - Produção: 260 mil toneladas em 2002 Bunge - Plantas na Itália, França e Alemanha - Produção: 350 mil toneladas em 2002 Cargill - Plantas na Alemanha - Produção: 60 mil toneladas em 2002 ABIOVE 24


A INDÚSTRIA DE ÓLEOS VEGETAIS E A PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL • Projetos Nacionais em andamento: GRANOL (Granol Indústria, Comércio e Export. S/A) - Primeira planta em escala industrial para produção de Biodiesel de Éster Etílico de soja (400t/dia). - Localização: São Simão/GO. COAMO (Cooperativa Agropecuária Mourãoense) - Desenvolvimento de Planta Piloto em escala industrial para produção de Biodiesel de Éster Etílico de soja. - Localização: Campo Mourão/PR. ABIOVE 25


GANHOS ECONÔMICOS E SOCIAS DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL • Fortalecimento do Agronegócio - Investimentos; • Desenvolvimento regional sustentado: A Agricultura é indutora de desenvolvimento no interior • Geração de emprego e renda em toda a cadeia produtiva e de transformação; • Balanço de Pagamentos: - aumento de exportações (farelo de soja) - redução de importações (diesel/petróleo) • Orçamento Público: - maior atividade econômica - redução dos gastos com saúde pública ABIOVE 26


PRODUÇÃO DE BIODIESEL B5 NO BRASIL Red. Importação de Diesel US$ 308 milhões Matéria-prima do Biodiesel Biodiesel B5 1.500 Óleo de Soja 1.500 Efeitos Totais: PIB: US$ 1.897 milhões Bal. Pgtos: US$ 1.371 milhões (IMPACTOS – EM 1.000 T) INÍCIO FATOR INDUTOR Produção Agrícola 7.900 Farelo de Soja 6.080 Área plantada c/ Soja (1.000 ha) 2.770 Geração de Emprego e Renda na Cadeia Produtiva Exportação US$ 1.064 milhões Fonte: ABIOVE / BNDES ABIOVE 207 mil novos empregos BNDES: "um aumento de R$ 10 milhões na produção da Indústria de Óleos Vegetais gera 535 novos empregos diretos e indiretos". 27


PREÇO ESTIMADO DO BIODIESEL Produção 1 t de Biodiesel - Fábrica 400 tpd 1) Óleo de Soja (Preço atual: US$ 480/t)* Matéria Prima - Óleo de Soja Degomado Hipóteses: METIL-ESTER ETIL-ESTER METIL-ESTER ETIL-ESTER Custo(R$) Custo(R$) Custo(R$) Custo(R$) Custo por Litro na Fábrica (sem impostos) 1,27 1,24 1,19 1,17 Custo por Litro na Fábrica (com impostos)** 1,47 1,45 1,39 1,36 2) Óleo de Soja (Preço médio histórico: US$ 350/t) Custo por Litro na Fábrica (sem impostos) 0,92 0,92 0,85 0,84 Custo por Litro na Fábrica (com impostos)** 1,07 1,07 0,99 0,98 ÓLEO DIESEL NO PRODUTOR (preço médio julho/03) Regiões SU/SE 1,14 Região CO 1,16 Excesso de preço do Biodiesel - Hipótese 1 27% 17% Excesso de preço do Biodiesel - Hipótese 2 -6% -16% * Preço estimado do Óleo de Soja para 2003 - Câmbio: US$ 1,00 = R$ 3,00. ** Estão inclusos a CIDE, PIS/COFINS e ICMS (12%) que incidem sobre o produtor. Fábricas no Sul e Sudeste Fábricas no Centro-Oeste ABIOVE 28


IMPACTO ECONÔMICO Impacto da Adoção do Biodiesel no Custo do Combustível e do Transporte Excesso de preço do Biodiesel sobre o preço do Óleo Diesel % Programa Programa B2 B5 Preço do Transporte Preço do Transporte Combustível Coletivo* Combustível Coletivo* 10% 0,20% 0,07% 0,50% 0,17% 17% 0,34% 0,11% 0,85% 0,28% 20% 0,40% 0,13% 1,00% 0,33% 27% 0,54% 0,18% 1,35% 0,45% 30% 0,60% 0,20% 1,50% 0,50% * Em média o combustível representa 35% dos custos das empresas de tranporte coletivo ABIOVE 29


AGRICUL TURA CONCLUSÕES / PRIORIDADES IND. ÓLEOS VEGETAIS Política Energética CADEIA DE VALOR DO BIODIESEL IND. BIODIESEL Política DISTRIBUI DORAS Tributária PILARES INSTITUCIONAIS POSTOS DE COMBUST. Política Ambiental • Mistura Compulsória - Legislação específica ABIOVE CONSUMI • Tributação Seletiva - Biocombustíveis (ex ( ex. . álcool) • Especificação Técnica - Padrão de Qualidade DOR 30


PREÇO ESTIMADO DO BIODIESEL Produção 1 t de Biodiesel - Fábrica 400 tpd Matéria Prima - Óleo de Soja Degomado Descrição METIL-ESTER ETIL-ESTER METIL-ESTER ETIL-ESTER Custo(R$) Custo(R$) Custo(R$) Custo(R$) Óleo de Soja (Preço atual: US$ 480/t)* Custo por Litro na Fábrica** 1,20 1,17 1,16 1,15 Custo por Litro na Bomba*** 1,80 1,76 1,73 1,72 Óleo de Soja (Preço médio histórico: US$ 350/t)* Fábricas no Interior do PR e SP Custo por Litro na Fábrica** 0,87 0,86 0,82 0,83 Custo por Litro na Bomba*** 1,30 1,29 1,23 1,25 Paraná 1,39 ÓLEO DIESEL NA BOMBA **** Mato Grosso 1,64 São Paulo 1,40 * Preço estimado do Óleo de Soja para 2003 - Câmbio: US$ 1,00 = R$ 2,90. ** Não estão inclusos os impostos, fretes para o polo de distribuição e margem do produtor. *** Mark-up de 50%: fretes + margem + impostos. **** Preço Médio por litro de Óleo Diesel em Junho de 2003 - Fonte: ANP. Fábricas no Centro-Oeste ABIOVE 31

More magazines by this user
Similar magazines