Download

jornadadesoftware.com.br

Download

A Inovação como

Ativo Estratégico

Marcelo Antonio Osller Malagutti

XII JGES, Goiânia, 06, de outubro de 2012

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Hipótese de Pesquisa

H1: A capacidade de inovar pode ser um ativo estratégico!

3

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Roteiro

Contextualização

Mudanças

Histórico

Sistemas de Riqueza

Produtos Informacionais

Conceituação

Terminologia

Caracterização

Conclusão

4

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Mudanças Acontecem

5

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Histórico Recente

6

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Histórico

1956, EUA

O número de Colarinhos Brancos

ultrapassa o de Colarinhos Azuis

1957, URSS

Sputnik I e II - Nova era nas comunicações

2001, OCDE

55% do PIB mundial foi baseado no conhecimento

7

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


O Significado de Riqueza

Associado ao Desejo

Diferente para cada pessoa

Diferente para cada sociedade

Associado às Necessidades

Maslow

Sob a ótica desta apresentação é perfeitamente possível

que alguém se sinta imensamente rico se tiver suas

necessidades, em qualquer dos níveis da pirâmide,

atendidas.

8

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Sistemas de Riqueza

9

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Conflitos

Nenhum sistema de riqueza pode se auto-sustentar sem

uma sociedade e cultura que o hospede e abrigue. E essa

própria sociedade hospedeira e a cultura em si são

abaladas quando um ou mais sistemas de riqueza

colidem.(Toffler, 2007b, p.51)

Ela se apóia na flexibilidade dos processos de trabalho, dos

mercados de trabalho, dos produtos e padrões de consumo.

Caracteriza-se pelo surgimento de setores de produção

inteiramente novos, novas maneiras de fornecimento de

serviços financeiros, novos mercados e, sobretudo, taxas

altamente intensificadas de inovação tecnológica e

organizacional. Harvey (2003, p.140)

10

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produtos Informacionais

Valor Informacional

O valor para o consumidor está em seu

conteúdo informacional, educacional,

cultural ou de entretenimento

Facilidade de Replicação

Diferentemente dos bens e dos serviços

tradicionais, os produtos informacionais

podem ser replicados com grande facilidade

e a um custo virtual extremamente baixo

Pirataria como Ilícito (Naím, 2006)

ABES estima 1:2-3 relação entre cópias de Windows legais e ilegais no

Brasil

Consumo “Paralelizado e Não-deteriorável”

Um software ou um produto audiovisual pode ser utilizado inúmeras

vezes sem que se deprecie ou perca valor

11

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produtos Informacionais

Distribuição com Logística Simplificada

Os custos envolvidos na aquisição de direitos geralmente são

significativos, e as despesas relacionadas à distribuição desses

produtos são cada vez menores

Adição de Valor

Distribuidores dos produtos informacionais podem, facilmente,

adicionar valor ao processo de distribuição.

Digitalizável

Digitalização de sinais (texto, áudio, vídeo)

Incorporação do processamento digital

nas tecnologias de manipulação de todos

os tipos de informações provê facilidades

crescentes na comercialização de

produtos e serviços informacionais.

12

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


O Tempo...

O Fundamento do Tempo

... vivemos em um ritmo tão acelerado que a antiga lei “tempo é

dinheiro” precisa ser revista. Cada intervalo de tempo agora vale mais

do que o último, porque, em princípio – se não na prática –, mais

riqueza pode ser criada durante esses intervalos cada vez mais

curtos. Tudo isso, por sua vez muda nossas relações com o

fundamento profundo do tempo. (Toffler, 2007b, p.84)

A meia vida de um produto fordista típico, por exemplo, era de cinco a

sete anos, mas a acumulação flexível

diminuiu isso em mais da metade em certos

setores (como o têxtil e o do vestuário),

enquanto em outros – tais como as chamadas

indústrias thoughtware (por exemplo,

videogames e programas de computador) –

a meia vida está caindo para menos de dezoito

meses. (Harvey, 2003, p.140)

13

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


... e o Espaço

O Fundamento do Espaço

As Forças Achatadoras (“O mundo é plano”, Friedman, 2005)

o 9 de Novembro de 1989 –o “fim do regime comunista”

o 9 de Agosto de 1995 – abertura do capital da criadora do primeiro navegador da Internet de

distribuição gratuita

o Softwares de Fluxo de Trabalho – a padronização da comunicação entre sistemas e as

comunidades virtuais de colaboração

o Código Aberto – a ampliação da oferta dos produtos de código aberto

o Terceirização – cai o preceito de que certos serviços baseados em conhecimento deveriam

necessariamente ser feitos “dentro de casa”

o Offshoring – os serviços terceirizados realizados por empresas instaladas além das fronteiras

nacionais

o Cadeia de Fornecimento – componentes produzidos a milhares de quilômetros são integrados

just-in-time à produção

o Internalização – terceirizados dentro das empresas

contratantes dos serviços logísticos (Fedex)

o In-Formação - Google, Yahoo!: busca na Internet

o Esteróides – a comunicação pessoal digital e a

digitalização do conhecimento em suas diversas

formas multimídia

14

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Mudanças

Origem da Riqueza

De Masi (2000) propõe que a riqueza está refletida na capacidade do

homem gerar conhecimento nos momentos de “lazer”

Momentos em que ouve música, viaja, lê um livro, assiste a um filme, ou

ainda quando fica absorto em seus próprios pensamentos

“Posso dizer a um operário que esteja na fábrica às 7 horas e seja

produtivo. Mas será que posso dizer a um engenheiro ou pesquisador

para ser criativo e ter uma boa idéia às 7 horas da manhã?”

Akio Morita, fundador da Sony

15

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Relações de Consumo

Nunca antes...

os consumidores tiveram tamanha informação a respeito dos produtos

que consomem

dispuseram de tanta agilidade para se organizarem em grupos de

pressão

Quanto a preços

Quanto a produção socialmente ou ambientalmente incorreta

Essa transferência de poder leva as corporações a

implementar produtos

cada vez mais diferenciados

voltados a públicos distintos

voltados a públicos cada vez

mais exigentes

16

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Relações de Emprego

Torna-se cada vez mais difícil categorizar as profissões

Proliferação de especializações demandadas pela nova economia

Refletir na legislação as características do novo mercado de trabalho

17

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Transdisciplinariedade

Recombinação de conhecimentos

Áreas diversas: multimídia

O computador como meio

Rupturas

Classificação de gêneros musicais

Fronteira entre jornalismo e entretenimento

18

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Quantificação

Dow Jones X NASDAQ

NAICS X SIC (1997, revisado em 2007)

US Census Bureau (~ México/Canadá)

SIC (Standard Industrial Class., 1930)

NAICS (North Am. Industry Class. Sys.)

Setor de informações

Inclui

o Telecomunicações, Radiodifusão, Indústria Editorial

o Produção Fonográfica, Produção de Conteúdo Audiovisual

o Produção de Software, Serviços de Processamento de Dados

Exclui

o Prensagem de CDs, DVDs, BDs, livros e material gráfico

o Produção de equipamentos de filmagem, telecom e radiodifusão

o Fabricação de semicondutores e computadores

o Atividades científicas e de consultoria

o Atividades ligadas à publicidade, marketing e propaganda

o Atividades relacionadas a eventos culturais (Shows e Performances)

19

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Tendência

20

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produzindo Produtores

Uma estrutura capaz de gerar conhecimento demanda elevados

investimentos

Financeiros e temporais

Formar Engenheiros, no Brasil

Formação Técnica

9 anos de ensino primário

3 anos de ensino secundário

5 anos de ensino superior

Pesquisador

+2 anos de mestrado

+4 anos de doutorado

+5 a 7 anos de experiência

Portanto

Cerca de 30 anos de preparação

Professores, laboratórios, infra-estrutura de bibliotecas, acesso a redes de pesquisa, etc.

21

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produzindo Produtores

Brain Drain

Iniciado pelas potências coloniais

Britânicos (Oxford e Cambridge)

Franceses (Sorbonne e Grenoble)

Destaque para os EUA

Harvard, Yale, Stanford, Berkeley, Carnegie

Estudantes estrangeiros

Bolsistas ou não

Preparados a custos enormes em seus países de origem

Selecionados de acordo com a conveniência dos EUA

Ganham o “Green Card” e empregos incomparáveis

Emergentes

China inicia processo equivalente na Ásia

Brasil dá os primeiros passos na América Latina

Retorno

Chineses e Indianos Fenômeno Cultural e Econômico

22

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produzindo Produtores

Conhecimento de língua estrangeira

Capacidade Seletiva

Uma pesquisa, realizada no sítio do Google, na tarde de domingo, dia

9 de novembro de 2008, às 16h45, com os termos sociedade pósindustrial,

retornou aproximadamente 48.000 itens, em 0,18 segundos.

Acesso a laboratórios modernos

Capacidades valorizadas no mercado

O próprio saber se torna uma mercadoria-chave, a ser produzida e

vendida a quem pagar mais, sob condições que são elas mesmas

cada vez mais organizadas em bases competitivas. Universidades e

instituições de pesquisa competem ferozmente por pessoal, bem

como pela honra de patentear primeiro novas descobertas

científicas...

(Harvey, 2003, p.151)

23

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Produtos Informacionais

Intangível e desvinculado de uma

forma única

Um filme pode ser visto ao mesmo tempo

numa sala de cinema

na televisão aberta ou por assinatura

por meio de um DVD

Um jornal pode ser lido em um papel ou por meio eletrônico

Uma canção pode ser escutada via estação de rádio, vendida (sob a

forma de um CD) em uma loja, pode estar acoplada a um conteúdo

multimídia existente em um CD-ROM, ou pode ainda, para exasperação

da indústria fonográfica, ser “baixada” via Internet em qualquer PC com

acesso à rede

Relação de consumo contactless

A distribuição desses produtos não requer o contato direto entre o

fornecedor (ou vendedor) e o consumidor

Os casos Amazon e iTunes

24

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Conhecimento no Brasil

Ciclo do Pau-Brasil

Ciclo da Cana-de-açúcar (Furtado, 2005)

Por volta de 1700

8 libras por um escravo

25.000 libras por um moinho

o Tecnologia Inglesa ou Holandesa

o 7-10 anos em média para ROI

• Igual à vida útil do escravo

Associado a frete e seguro

o 2/3 dos recursos do açúcar

foram para Holanda e Inglaterra

Ciclos

do Ouro, da Borracha, do Cacau, do Café, da Soja

Ciclo do Petróleo?

25

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Bens de Capital

Bens de Capital (ou de Produção)

Bens que servem para a produção do outros bens

Máquinas, Equipamentos, Material de Transporte e Construção

Siemens

Itaipu

Geradores

Aramar

Turbina do PROSUB

Flextronic

Gravadora de

Circuitos Impressos

26

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Bens de Capital

Keynes

Se o estado estimula a procura de

bens de capital, estimula o processo

econômico

“O crescimento da indústria de bens de

investimento decorrente disso comporta

consigo o consumo e mais investimentos

contínuos”.

Koesters (1990b, p.8)

Toffler (2007b, p.27)

“além de construir máquinas para fabricar produtos, nossos

antepassados começaram a inventar máquinas para fazer um número

cada vez maior – e melhor – de máquinas”

27

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Ferramentas-C

Athreye

“O software tem um papel análogo ao de

bens de capital em uma economia baseada

em tecnologias mecanizadas. Isso porque

está cada vez mais embutido em

equipamentos utilizados nas mais diversas

indústrias.”

(Athreye 2003, apud Kubota, 2006, p.7)

Ferramentas para gerar conhecimento

Supercomputadores e Superprogramas

Instrumentos para visualização

detalhada

Anúncio da Applied Biosystems

"qualquer que seja o seu caminho de

descoberta, o analisador de DNA

levará você até lá muito mais rápido"

28

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Sociedade do Conhecimento

Segundo a OCDE (Organização para a Cooperação e

Desenvolvimento Econômico), em 2001, mais de 55% da

riqueza gerada no mundo veio do conhecimento.

Pela primeira vez na história da humanidade, os fatores de

produção tradicionais - terra, capital, trabalho e matéria

prima -, deixaram de ser os principais criadores de riqueza.

Vivemos uma transição da Sociedade Industrial para a

Sociedade do Conhecimento.

Esta nova sociedade pode se tornar uma ameaça a países como o

Brasil, por aprofundar o fosso que separa países pobres e ricos.

Ou se transformar numa grande oportunidade de virarmos o jogo a

nosso favor, aproveitando algumas de nossas características como a

criatividade, a flexibilidade e a facilidade de adaptação.

29

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Exportações EUA

30

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Demografia Brasileira em 1980

31

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Demografia Brasileira em 2020

32

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


O Virtual suplanta o Real

Na década de 40 a Boeing projetou o bombardeiro B-17

com menos de 100 engenheiros e quase 1.000 operários

Na década de 90 o projeto do Boeing 777 envolveu 5.600

profissionais de nível superior espalhados em 8 localidades

e menos de 100 operários

33

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Implicações Econômicas

34

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Conhecimento

Conhecimento.....

Agente de viagens, mercado

futuro, prefeito, empresa

energia,...

Ex:

Ontem choveu 100ml

em Recife

Ex:

Recife, 100, ...

Conhecimento

Informação

Dados

Conhecimento.....

Experiência pessoal,

informações analisadas,

gerando ações ou decisões

Informação.....

Dados analisados dentro

de um contexto

Dados.....

Símbolos,

números, letras...


Terminologia

Ativos estratégicos (CRIE – COPPEAD)

São os ativos, tangíveis ou intangíveis, que dão à empresa uma

vantagem competitiva.

Exemplos de ativos estratégicos são máquinas, equipamentos,

marcas, patentes, direitos de exploração, etc.

As competências essenciais e os ativos estratégicos podem ser de

dois tipos: tecnológicos ou de mercado.

36

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Ciência (Epísteme)

Ciência

Know Why – Saber Por Que

Pesquisa Científica

Conjunto de ações realizadas de modo sistemático com intuito de

entender os princípios que regem os fenômenos naturais, ambientais

e comportamentais

Descoberta

Comprovação de uma teoria ou observação de um fenômeno que

nunca havia sido percebido antes e que conduz a uma reformulação

do pensamento humano ou a um conhecimento mais profundo sobre o

universo.

37

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Tecnologia (Téchne)

Tecnologia

Know How – Saber Como/O Que

Pesquisa

Conjunto de ações realizadas de modo sistemático com intuito de se

produzir uma técnica

Invenção

Um novo produto, processo ou serviço, uma nova aplicação ou

desenvolvimento dos já existentes, que apesar de terem comprovação

científica ou experimental ainda não estão à disposição da sociedade

Inovação

Um novo produto, processo ou serviço, uma nova aplicação ou

aperfeiçoamento dos já existentes, introduzidos no ambiente produtivo

ou social e aceitos pelo mercado

38

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Pensamento Aristotélico

“Aquele que conhece as regras é superior àquele que tem

apenas a prática, porque não só sabe fazer, mas sabe o que

faz e por que o faz daquele modo.”

39

Aristóteles

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Pensar Diferente

Eratóstenes

Isaac Newton

Galileo

Da Vinci

Thomas Edison

Einstein

Casio

40

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Peso do Conhecimento

Minério de Ferro

US$ 20/Ton US$ 0,02/Kg

Soja

US$ 191/Ton US$ 0,19/Kg

Aviões

US$ 1.000.000/Ton US$ 1.000/Kg

41

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Peso do Conhecimento

Microprocessadores

US$ 1.500.000/Ton US$ 1.500/Kg

Software

US$ 3.000.000/Ton US$ 3.000/Kg

Satélites

US$ 10.000.000.000/Ton US$ 10.000.000/Kg

42

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Peso do Conhecimento

43

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Destruição Criativa

Conceito popularizado por Joseph Schumpeter

Capitalismo, Socialismo e Democracia (1942).

Ela descreve o processo de inovação, que tem lugar numa

economia de mercado em que novos produtos destroem

empresas velhas e antigos modelos de negócios.

Para Schumpeter, as inovações dos empresários são a força motriz do

crescimento económico sustentado a longo prazo, apesar de que

poderia destruir empresas bem estabelecidas, reduzindo desta forma

o monopólio do poder.

"O processo de destruição criadora é o fato essencial do

capitalismo", com o seu protagonista central do empresário

inovador.

44

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Destruição Criativa

Schumpeter estabelece cinco casos de inovação:

A introdução de um novo bem.

A introdução de um novo método de produção ou comercialização

dos ativos existentes.

A abertura de novos mercados.

A conquista de uma nova fonte de matérias-primas.

A criação de um novo monopólio.

Um elemento essencial da economia da inovação é a

criação de crédito. O processo de inovação nos mercados

de bens e serviços coincide com o lançamento da inovação

financeira, que é em si um processo altamente arriscada

(isto é especulação), mas um processo necessário para a

inovação. Sem inovação financeira, não há iniciativas

inovadoras e, portanto, não há riqueza e de emprego.

45

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Inovação

"Pesquisa é a transformação de dinheiro em conhecimento;

inovação é a transformação de conhecimento em dinheiro."

Geoff Nicholson, ex-vice-presidente da 3M e criador do Post-it

“Em momentos de crise, só a imaginação é mais importante

que o conhecimento”

Albert Einstein

46

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Definições COPPEAD

47

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Matriz de Inovação e Melhoria

48

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Inovação - Exemplos

49

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Inovação - Exemplos

50

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Inovação - Exemplos

51

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Mundo à Noite

52

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Tráfego Aéreo Mundial

53

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


A Geografia da Inovação

54

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


OCDE

55

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Distribuição de Patentes pelo Mundo

56

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Investimentos em Pesquisa e Inovação

Gastos da Indústria e do Governo em C&T:

(fontes: ECIB, Indicadores MCT 1980-2000 e S. Schwartzmann, 2000


Inovação como Processo

“Se eu tivesse oito horas para derrubar uma árvore, passaria

seis afiando meu machado.”

Abraham Lincoln

58

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Barreiras Empresariais à Inovação

P1: O que inovação realmente significa

P2: Atribuição imprecisa de responsabilidade

P3: Confundir inovação com criatividade

P4: Falta de arcabouço

P5: Falta de controle

P6: Falta de coordenação

P7: Falta de foco no cliente

“A Bíblia da Inovação”

(Fernando Trías de Bes & Philip Kotler)

59

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P1: O que inovação realmente significa

Inovação é agregação de valor

Inovação Incremental

Preserva a importância das competências e ativos estratégicos das

empresas no setor.

Em geral, o ator da inovação que estará mais habilitado a se apropriar

das oportunidades são as empresas que já atuam no setor e detém uma

participação importante no mercado.

As estruturas de mercado e de competências não são modificadas. Não

se abrem espaço para novos entrantes. Exemplos clássicos são

mudanças de processos e melhorias de produtos ou serviços.

Inovação Radical

O impacto de sua atuação muda a estrutura do mercado. A entrada de um

produto melhor e mais barato, com atributos superiores ou novos,

transforma os outros em não competitivos.

As competências e os ativos estratégicos perdem a

importância para o novo formato de negócio.

Em geral, o ator da inovação é uma nova empresa (start-up).

60

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P2: Atribuição imprecisa de responsabilidade

A quem compete inovar?

A gestão da inovação, assim como a pesquisa e do

desenvolvimento (P&D) não deve ser realizada na forma

convencional “departamental”

A melhor forma é a de equipes de projetos formadas por

parcerias na cadeia de relacionamentos, incluindo

fornecedores, clientes e especialistas nas áreas e funções

necessárias.

61

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P3: Confundir inovação com criatividade

Criatividade é pensar coisas novas e úteis

É a capacidade de olhar para o que todos olham e ver, pensar

diferente.

Inovação é a fazer coisas novas e de valor

É a capacidade de implementar um novo produto ou processo

Criatividade é um componente da inovação

62

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P4: Falta de arcabouço

Temos estudos suficientes de pensamento criativo para

saber que este é basicamente indutivo, em vez de dedutivo.

O pensamento dedutivo começa com regras ou observações amplas

para chegarmos a conclusões específicas.

O pensamento indutivo, por outro lado, começa com uma regra

específica, a fim de obtermos uma regra geral.

O pensamento criativo é indutivo, pois é impossível criar

algo do nada.

A criatividade é a capacidade de

conectar coisas ou conceitos existentes.

Ao especificar um foco, fornecemos um

arcabouço muito mais preciso para as

equipes de inovação

63

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P5: Falta de controle

Inovação é projeto!

Projeto

Escopo

Custo

Prazo

Controle

Indicadores

Metas

Inovação

Objetivos

Metas

Planejamento

64

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P6: Falta de coordenação

Do latim coordinatĭo, a palavra coordenação refere-se à

ação e ao efeito de coordenar. Significa dispor coisas

metodicamente

ou conciliar

meios e esforços

para uma ação

comum.

65

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


P7: Falta de foco no cliente

66

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


E o Futuro?

67

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Exemplos Recentes

Transumanismo prepara transição para os 'póshumanos‘

(31 de janeiro de 2012 • 18h04)

Quase imortalidade, futuro de ciborgue: o homem está condenado a

receber "nanochips" em seu cérebro para não se tornar obsoleto?

Desejosos de melhorar a espécie, os transumanistas hesitam entre

promessas de futuros que consideram melhores e o temor de um

apocalipse.

Imagens com 100.000 dpi são impressas sem tinta (Redação

do Site Inovação Tecnológica - 25/08/2012)

As imagens coloridas são gravadas em saliências físicas feitas sobre

a superfície do material, dispensando tintas ou corantes. [Imagem:

AStar]

Imagens definitivas

Há cerca de dois meses, pesquisadores de Cingapura anunciaram

uma nova técnica de microfotografia que, segundo eles, abre caminho

para o registro definitivo do conhecimento.

68

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Mais Exemplos Recentes

Instituto Oswaldo Cruz deve começar a testar em 2013 vacina

contra malária em humanos

O Instituto Oswaldo Cruz (IOC), vinculado ao Ministério da Saúde, já começou a

fase de ensaios pré-clínicos em animais para verificar a eficiência da vacina contra

a malária no Brasil. Essa é a etapa preliminar necessária para iniciar testes

clínicos em voluntários, disse à Agência Brasil o chefe do Laboratório de Pesquisa

em Malária do IOC, Cláudio Tadeu Daniel Ribeiro.

Fábricas de nanocelulose

A nanocelulose está provocando furor na indústria, não apenas por suas

propriedades tentadoras, mas também porque é muito barata.

A empresa japonesa Pioneer anunciou que irá utilizar os nanocristais de celulose

em sua próxima geração de telas flexíveis. A IBM também está usando a

nanocelulose para fabricar componentes de computadores.

O governo do Canadá possui um programa consistente de pesquisas na área,

com uma planta-piloto capaz de produzir uma tonelada de nanocelulose por dia,

responsável por disseminar as técnicas para as indústrias do país.

No último mês de Julho, foi inaugurada a primeira fábrica de celulose

nanocristalina dos EUA. Embora menor que a canadense, a iniciativa também é

de um órgão governamental, o U.S. Forest Products Laboratory.

69

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Capacidade Computacional por

$1000


Futuro da Informática (I)

Robótica

Autônomos

Comandados

Inteligência Artificial

Reconhecimento de Padrões

Identificação Biométrica (facial, voz, genética)

Comportamentos Anômalos

Processamento de Sinais

Navegação (GPS, piloto automático)

Controle Industrial

Celulares e chips (RFID & NFC)

Pecuária

Transporte

Financeiro

Transacional

71

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Futuro da Informática (II)

Defesa

Sistemas Autônomos

Sistemas Estratégicos

Simulação

Entretenimento

Animação

Jogos

Ferramentas-C

Genética

Química Fina

Animação

Jogos

Desenvolvimento de Software

72

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Exemplo de Criatividade

73

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Exemplo de Inovação

74

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Conclusões

H1: A capacidade de inovar pode ser um ativo estratégico!

75

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Conclusão

“Fazendo certo dá certo!

Fazendo errado

às vezes dá certo.”

76

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


Dúvidas?

"Uma vida não questionada não

merece ser vivida."

Platão, Apologia de Sócrates

77

Copyright © 2012 Fóton Informática SA


gracias

merci

thanks

danke

謝謝

ありがとう

Obrigado !

Marcelo Antonio Osller Malagutti

marcelo.malagutti@foton.la

(61) 3533 0100

www.foton.la

ًاركش

ευχαριστώ

cпасибо

dzięki

धन्यवाद

grazie

@FotonTI

Copyright © 2012 Fóton Informática SA

More magazines by this user
Similar magazines