Fazer download do estudo - IPDT

institutodeturismo.org

Fazer download do estudo - IPDT

O IPDT – Instituto de Turismo, realizou na página oficial do facebook um

inquérito a propósito da Intenção de férias dos portugueses no período da

Páscoa de 2013.

Com mais de 2.100 fãs, a página do Facebook do IPDT é acedida por

utilizadores de diferentes cidades do país, como Lisboa, Porto, Aveiro,

Viana do Castelo ou Coimbra. O perfil de utilizadores da página mostra que

55,8 por cento são mulheres e que a maioria tem idades compreendidas

entre os 25 e os 44 anos.

No total, 228 utilizadores responderam se tencionam ou não fazer férias

fora do local de residência durante a Páscoa, indicando o motivo da

decisão. Este inquérito sobre a “Intenção de férias no período da Páscoa de

2013” foi realizado entre os dias 06 e 25 de Março.

Apresentam-se de seguida os resultados obtidos para o estudo.


1. No período da Páscoa, tenciona fazer férias fora do local de residência,

passando uma ou mais noites no destino para onde tenciona ir?

Páscoa de 2013

29,3%

70,7%

Não Sim

Páscoa de 2012

32,7%

67,3%

Não Sim


1. No período da Páscoa, tenciona fazer férias fora do local de residência,

passando uma ou mais noites no destino para onde tenciona ir?

Categoria

Páscoa de 2013 Páscoa de 2012

Nº respostas % Nº respostas %

Sim, em Portugal a visitar familiares e amigos 32 14,0% 48 16,3%

Sim, em Portugal, em lazer 22 9,6% 30 10,2%

Sim, no estrangeiro a visitar familiares e amigos 2 0,9% 4 1,4%

Sim, no estrangeiro, em lazer 11 4,8% 14 4,8%

Não, porque não faço férias nesse período 123 53,9% 161 54,8%

Não, por impossibilidade financeira 30 13,2% 24 8,2%

Não, porque estou desempregado/a 6 2,6% 10 3,4%

Não, porque não tenho emprego estável 2 0,9% 3 1,0%

Total 228 100% 294 100%


Sete em cada 10 portugueses não

gozam férias durante esta Páscoa

Apenas um quarto dos que optam por não fazer férias justificam decisão com a crise.

Dos que gozam férias, 80 por cento permanece em Portugal

De acordo com um inquérito realizado pelo IPDT - Instituto de Turismo na sua página oficial

do Facebook, sete em cada 10 portugueses (71 por cento) não vai gozar férias durante o

período de Páscoa. A maioria (53,9 por cento) refere que não vai aproveitar esta época

festiva para retemperar energias fora do local de residência pelo facto de, tradicionalmente,

não gozar férias neste período do ano. Apenas 16,7 por cento do total de inquiridos

relacionam o facto de não fazerem uma pausa durante a Páscoa com indisponibilidade

financeira, desemprego ou precariedade laboral.

Dos 29 por cento de inquiridos que tencionam fazer férias no período da Páscoa, 81 por

cento opta por permanecer em Portugal, enquanto que apenas um em cada cinco turistas

viajará para o estrangeiro.


Mais portugueses sem férias por culpa da crise

Face aos resultados apurados durante a Páscoa 2012, o questionário agora realizado pelo

IPDT - Instituto do Turismo revela uma quebra de quatro pontos percentuais (de 33 para 29

por cento) no número de portugueses que optam por fazer férias durante a Páscoa. Da

comparação com o período homólogo emerge uma outra conclusão: aumentou 4,6 por cento

o número de inquiridos que “culpa” a crise pelo facto de não viajar para fora do local de

residência no período pascal.


IPDT – Instituto de Turismo

www.ipdt.pt

ipdt@ipdt.pt

More magazines by this user
Similar magazines