Views
5 years ago

A ZEIS de Vila Nova Esperança - Revista VeraCidade - Salvador

A ZEIS de Vila Nova Esperança - Revista VeraCidade - Salvador

A ZEIS de Vila Nova Esperança - Revista VeraCidade -

A ZEIS de Vila Nova Esperança: habitação de interesse social no Centro Histórico de Salvador (Pelourinho/BA) ___________________ Aparecida Netto Teixeira 1 Maria Teresa Gomes do Espírito Santo 2 1. Antecedentes: intervenções públicas no Pelourinho Local de residência de setores abastados da cidade de Salvador, no período compreendido entre os séculos XVII e XVIII, o Centro Histórico, a partir do final da década de 1960, vem passando por um acentuado processo de declínio, em decorrência de seu esvaziamento crescente, tanto de população, como das atividades sociais e econômicas. No caso específico de Salvador, contribuiu também para esse processo, a transferência, na década de 1970, das atividades burocrático-administrativas do governo estadual para o Centro Administrativo da Bahia – CAB, bem como de outras instituições da administração municipal e estadual, aliado ao surgimento de uma nova centralidade urbana – a região do Shopping Iguatemi. Inicialmente, convém explicitar a denominação de três porções diferenciadas de parte da área central de Salvador, que serão citadas ao longo do texto. O Pelourinho é o conjunto arquitetônico tombado pela UNESCO como Patrimônio Cultural da Humanidade, em 1985. O Centro Histórico, conforme constante da Lei de Ordenamento do Uso e da Ocupação do Solo de Salvador (LOUOS), engloba a área que se estende do Mosteiro São Bento (Av. Sete) até o bairro de Santo Antônio Além do Carmo, no qual está contido o Pelourinho. O Centro Antigo, conforme a LOUOS, abrange uma área de 7 km² no entorno do Centro Histórico, incluindo também as áreas circunvizinhas imediatas, como Comércio, Baixa dos Sapateiros, Taboão, Santo Antonio, Palma, Saúde e Barbalho, entre outras. Nesse contexto, permaneceram no Centro Histórico apenas os pequenos comerciantes e a população de menor renda, com vínculos econômicos e sociais no local. O número significativo de imóveis vazios e os problemas sociais decorrentes, acabaram por tornar o lugar estimagtizado e repudiado pela população das faixas de renda mais elevadas de Salvador. 1 Doutora em Estruturas Ambientais Urbanas - FAUUSP 2 Mestre em Desenho Urbano - FAUFBA

PROJETO NOVA LUZ - Prefeitura de São Paulo - Governo do ...
Alterações no trânsito das Vilas Maria, Rosa e Nova acontecem a ...
Download - Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha
2007 cidade nova revista - rio.rj.gov.br
Vida Nova Rodobens Um ciclo que se completa - Revista Rodobens
Prefeito restaura censura em Salvador - Revista Metrópole
Acesse aqui a nova revista do OP Contagem - Prefeitura de Contagem
Janeiro/Fevereiro 2013 - A Boa Nova - Uma revista de entendimento
Malvino Salvador Ecossistema Costeiro - Revista Viverde
Posse da nova diretoria reúne autoridades e comunidade acadêmica
Nova Revista Ágora V5.qxp - Centro de Formação Ágora
Revista - Câmara Municipal de Vila Franca do Campo
Novas Profissões Revista Veja 22 Junho 2011 - OPEE
A Palavra de Deus - A Boa Nova - Uma revista de entendimento
Janeiro - Fevereiro 2012 - A Boa Nova - Uma revista de entendimento
Abra novas oportunidades para seus negócios - Revista PIB
A Urbanização Voraz em Salvador - Revista Eletrônica Veracidade
Revista de Ciências da Saúde Nova Esperança - Facene/Famene
plano de regularização fundiária sustentável da vila nova município ...
Páscoa, a vida que brota da Esperança. - Igreja Metodista de Vila ...
RESUMO NAO TECNICO -VILA ESPERANÇA - SIA
Vila Nova de Famalicão - Viva Porto
QUE MARAVILHA! - Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha