Protecção Integrada: - Agenda Setting

agendasetting.pt

Protecção Integrada: - Agenda Setting

Na Casa da Cultura de Santa Comba Dão Tunas deram espectáculo

III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho

animada com Festival de Tunas

A Cave da Casa da Cultura de Santa Comba Dão foi o palco escolhido para a

realização da III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho uma iniciativa integrada

na sexta edição do Festival de Tunas Académicas – Cidade de Santa Comba Dão

e que se relevou de sucesso.

A III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho, alusiva ao São Martinho, decorreu

ao longo do dia e foi constituída por mostra e prova de produtos variados,

como o vinho caseiro, a tradicional jeropiga, o mel e seus derivados, os doces,

o pão caseiro, empadas, queijadas variadas, broas de natal, tremoços, bolo de

cornos e licores variados como o licor de medronho, de mel, de frutos silvestres

ou o hidromel.

Nos dias 18, 19, 20, 25, 26 e 27 de Novembro,

a Câmara Municipal de Palmela, a

Associação da Rota de Vinhos da Península

de Setúbal/ Costa Azul e restaurantes do

concelho promovem os Fins-de-Semana

Gastronómicos do Moscatel.

A adesão de 21 restaurantes permitirá

ao público desfrutar de ementas diversificadas,

onde o Moscatel de Setúbal tem

lugar de destaque na elaboração de pratos

principais e de sobremesas requintadas.

Esta iniciativa encerra o ciclo de Finsde-Semana

Gastronómicos 2011 que,

Com uma nova configuração, esta iniciativa

promovida pela Câmara de Santa Comba Dão

teve como principal objectivo a promoção dos

produtos típicos do concelho e da região e a

dinamização turística do concelho de forma a

atrair novos públicos e visitantes.

Esta III Mostra do Mel, da Castanha e do

Vinho contou, ainda, com uma mostra do artesanato

que se faz em Santa Comba Dão como,

por exemplo, rendas, artes decorativas, arte

têxtil, pinturas diversas, arraiolos, arranjos florais

e pintura em azulejo. O evento contou com

a participação de diversas associações locais e

particulares.

A animação esteve a cargo das tunas académicas

convidadas para integrar o VI Festival

de Tunas Académicas da Cidade. O Concurso de

Serenatas fez as delícias de todos quantos se

deslocaram a Santa Comba Dão.

Moscatel encerra ciclo 2011

Fins-de-Semana Gastronómicos em Palmela

até 27 de Novembro

desde Abril, envolveu os restaurantes

do concelho na promoção de produtos

locais de qualidade, como o Queijo de

Azeitão, o vinho e a fruta.

Desenvolvidos no âmbito do projecto

“Palmela – Experiências com Sabor”, os

Fins-de-Semana-Gastronómicos procuram

associar Palmela, cada vez mais,

a gastronomia de qualidade, incentivando

os estabelecimentos de restauração

e bebidas do concelho a privilegiarem

os produtos regionais na confecção dos

seus pratos.

Promovida pela Escola Profissional de Trancoso

Festa da Castanha com carácter lúdico-gastronómico

O município da Lousã promoveu mais

uma edição da Feira do Mel e da Castanha,

iniciativa que contou com 73 expositores,

entre apicultores e vendedores de

castanhas e frutos secos. Esta é uma das

mais antigas feiras do distrito de Coimbra,

que se tem revelado fundamental na

preservação e divulgação do património

imaterial da região. O evento teve um

balanço claramente positivo, já que foi

visitado por milhares de visitantes e, mais

uma vez, teve no Mel DOP Serra da Lousã

e na castanha os protagonistas. O certame

culminou com o encerramento de

um Festival Gastronómico, denominado

“Sabores de Outono”, que contou com a

adesão de 13 restaurantes, que preparam

os seus melhores pratos com produtos da

estação.

A XXII Feira do Mel e da Castanha de

Lousã reuniu tasquinhas e show cooking,

assim como uma mostra, onde os visitantes

puderam encontrar os produtos da

A Festa da Castanha, anualmente

promovida pela Escola Profissional

de Trancoso, tem cada vez mais um

caracter lúdico-gastronómico. Por

um lado permite aos alunos daquele

estabelecimento de ensino melhor

conhecer um produto da região, por

outro, com a vertente gastronómica,

ficam a conhecer a maleabilidade

da castanha na cozinha. A novidade

deste ano foi um bacalhau com castanhas,

que combinou bastante bem,

para além de bolos e outros pratos

que tiveram como ingrediente principal

a castanha, que também não

faltou na sua forma mais tradicional:

assada.

Emília Tracana, a mentora da

festa, destaca a vertente cultural do

evento, pois, diz, “os alunos trabalharam

o tema do ponto de vista das artes

da representação, da música e do

teatro”. Para além disso, acrescenta,

“fizeram alguma investigação, com

a recolha de receitas antigas, para

além de tradição e inovação que está

associada ao castanheiro”.

Do programa da festa fez parte

um colóquio, em que Alberto Correia

e Lopes Caladinho abordaram o tema

da alimentação saudável tendo por

base a castanha, um produto já conhecido

na idade média. O objectivo,

seguindo Emília Tracana, foi motivar

os alunos em torno do castanheiro,

consciencializando-os para a necessidade

de preservar esta planta, fundamental

para a economia da região.

Do ponto de vista gastronómico,

a festa permitiu conhecer algumas

especialidades que têm na base da

sua confecção a castanha, numa iniciativa

que contou com a participação

de restaurantes do concelho.

Feira do Mel e da Castanha muito participada

“Sabores de Outono” atraíram milhares

de visitantes à Lousã

terra. O programa de animação contou

com provas e concursos de mel, encontro

de confrarias e uma montaria mista,

ao veado e ao javali, que contou com a

participação de dezenas de monteiros.

Destaque para a presença na RTP, no

Programa das Festas, com apresentação

de Júlio Isidro, que mostrou a todo o país

as potencialidades deste concelho e os

seus produtos endógenos.

28 www.gazetarural.com www.gazetarural.com 29

Similar magazines