TEM qUE - Grupo Torcida

grupotorcida.com.br

TEM qUE - Grupo Torcida

foto: AlexAndre Gondim/JC imAGem

torcida

RECIFE, 05 dE agosto dE 2012 – EdIÇÃo 119 – aNo 3

Tem que

friTar o Peixe


2

de primeira

beto lago

Neste momento de Campeonato

Brasileiro da Primeira Divisão, é preciso

que os clubes comecem a fazer (e

bem) o dever de casa. Tirando os oito

primeiros colocados, os demais clubes

estão próximos. Assim, qualquer tropeço

como mandante poderá colocar o time

em situação complicada ou, até mesmo,

na zona de rebaixamento.

A minha preocupação com o Náutico

é ainda maior. Dos seis jogos que terá

pela frente para encerrar esta fase de

expediente

G R U P O

torcida

Publicado pela

Torcida Produções Ltda.

rua dom Bosco, 871, Sala 702/703,

Boa Vista, recife, Pe

fone: (81) 3031.8111

Contato Comercial: (81) 9171-6388

Diretor de Redação - Beto lago

Diretor Executivo e Marketing - Kléber medeiros

Diretor Comercial: Gustavo Aguiar

Criação da Marca - Bruno falcone Stamford

Reportagem - raíza Araújo

Diagramação/Arte - flávio Júnior

Comercial: Alexandre Pitt

Administrativo/Financeiro: Paula Paiva

Consultor Jurídico - milton Cunha neto

Tratamento de Imagem - Carlos Andrade

Gráfica - Jornal do Commercio

Tiragem - 18 mil exemplares

ida do Brasileirão, o Timbu fará três

nos Aflitos (onde o aproveitamento é

bom) e três fora (onde o rendimento

é muito baixo). Depois do Santos, sai

para encarar Inter/RS e Flamengo, volta

para São Paulo e Bahia e finaliza com o

clássico diante do Sport, na Ilha.

Virar a tabela em uma boa posição

dará moral ao time e segurança ao

técnico Alexandre Gallo, que poderá

começar a ver alguns jogadores de

volta ao time, como o meia Cascata,

estatísticas

Classificação

time P J V E D GP GC SG

1° Atlético/MG 32 13 10 2 1 25 8 17

2° Vasco 30 13 9 3 1 20 11 9

3° Fluminense 26 13 7 5 1 22 8 14

4° Grêmio 24 13 8 0 5 18 12 6

5° Cruzeiro 23 13 7 2 4 17 14 3

6° Internacional 23 13 6 5 2 18 11 7

7° São Paulo 22 13 7 1 5 21 16 5

8° Botafogo 20 13 6 2 5 22 17 5

9° Corinthians 16 13 4 4 5 13 13 0

10° Ponte Preta 16 13 4 4 5 16 17 -1

11° Flamengo 16 13 4 4 5 16 21 -5

12° Coritiba 15 13 4 3 6 23 27 -4

13° Sport 14 13 3 5 5 13 19 -6

14° Náutico 13 13 4 1 8 17 27 -10

15° Portuguesa 13 13 3 4 6 10 16 -6

16° Santos 13 13 2 7 4 9 12 -3

17° Bahia 12 13 2 6 5 11 18 -7

18° Palmeiras 10 13 2 4 7 13 16 -3

19° Atlético/GO 9 13 2 3 8 12 25 -13

20° Figueirense 8 13 1 5 7 13 21 -8

Virar a tabela

que se destacou no início do Estadual

deste ano. Se a diretoria correr com as

contratações, principalmente na defesa,

a grande dor de cabeça do treinador,

Gallo acredita que o Náutico irá parar de

oscilar na Série A.

E quebrar esta oscilação significa

vencer neste domingo e conquistar,

pelo menos, quatro pontos nos dois

duelos fora de casa. Alguns leitores

podem achar que estou falando muito

cedo em números. Mas, por não termos

jogos do náutico

1° turno atualizada até a 14ª rodada

Data Jogo EstáDio

19/05 Figueirense 2x1 Náutico Orlando Scarpelli

26/05 Náutico 0x0 Cruzeiro Aflitos

06/06 Vasco 4x2 Náutico São Januário

10/06 Náutico 3x2 Botafogo Aflitos

17/06 Náutico 1x0 Grêmio Aflitos

23/06 Atlético/MG 5x1 Náutico Arena do Jacaré

30/06 Náutico 0x2 Fluminense Aflitos

07/07 Atlético/GO 0x1 Náutico Serra Dourada

14/07 Corinthians 2x1 Náutico Pacaembu

18/07 Náutico 3x0 Ponte Preta Aflitos

22/07 Palmeiras 3x0 Náutico Pacaembu

25/07 Náutico 3x4 Coritiba Aflitos

29/07 Portuguesa 3x1 Náutico Canindé

05/08 Náutico x Santos Aflitos

08/08 Internacional x Náutico Beira-Rio

11/08 Flamengo x Náutico Engenhão

15/08 Náutico x São Paulo Aflitos

18/08 Náutico x Bahia Aflitos

26/08 Sport x Náutico Ilha do Retiro

14° Rodada

Data Hora Jogo EstáDio

04/08 18h30 (Sab) Palmeiras x Internacional Arena Barueri

04/08 18h30 (Sab) Atlético/GO x Botafogo Serra Dourada

04/08 18h30 (Sab) Flamengo x Atlético/MG Engenhão

04/08 21h (Saba) Portuguesa x Figueirense Canindé

05/08 16h (Dom) Coritiba x Fluminense Couto Pereira

05/08 16h (Dom) Grêmio x Bahia Olímpico

05/08 16h (Dom) Vasco x Corinthians São Januário

05/08 16h (Dom) São Paulo x Sport Morumbi

05/08 18h30 (Dom) Cruzeiro x Ponte Preta Independência

05/08 18h30 (Dom) Náutico x Santos Aflitos

feito gordura no início do Brasileiro,

quando os grandes ainda estão em

processo de arrumação, vamos precisar

fazer agora. Infelizmente, por conta

desta diferenciação da receita da TV,

o Náutico vai brigar contra sete clubes

(Ponte Preta, Coritiba, Portuguesa,

Bahia, Figueirense, Atlético/GO e Sport).

Qualquer lucro a mais será fruto do

trabalho bem aplicado por dirigentes,

jogadores e comissão técnica. Que

assim seja!

2° atualizada turnoaté

a 14ª rodada

Data Jogo EstáDio

29/08 Náutico x Figueirense Aflitos

02/09 Cruzeiro x Náutico Arena do Jacaré

05/09 Náutico xVasco Aflitos

09/09 Botafogo x Náutico Engenhão

12/09 Grêmio x Náutico Olímpico

16/09 Náutico x Atlético/MG Aflitos

23/09 Fluminense x Náutico Engenhão

30/09 Náutico x Atlético/GO Aflitos

06/10 Náutico x Corinthians Aflitos

14/10 Ponte Preta x Náutico Moisés Lucarelli

17/10 Náutico x Palmeiras Aflitos

21/10 Coritiba x Náutico Couto Pereira

24/10 Náutico x Portuguesa Aflitos

27/10 Santos x Náutico Vila Belmiro

04/11 Náutico x Internacional Aflitos

11/11 Náutico x Flamengo Aflitos

18/11 São Paulo x Náutico Morumbi

25/11 Bahia x Náutico Pituaçu

02/12 Náutico x Sport Aflitos

3

série a

jogo Náutico encara o Santos, neste domingo à noite, nos Aflitos, buscando a vitória para fugir da zona de rebaixamento da Série A

Vencer para dar tranquilidade

Um jogo-chave para o Náutico neste

Campeonato Brasileiro da Primeira

Divisão. O duelo neste domingo, às

18h30, no estádio dos Aflitos, será contra

o Santos, que virá ao Recife com praticamente

um time reserva. Uma oportunidade

de ouro para o Timbu vencer e se distanciar

da parte de baixo da tabela da Série A. Por

isso, o apoio da torcida alvirrubra será importante

neste duelo contra o time paulista,

treinado por um “verdadeiro torcedor Timbu”,

Muricy Ramalho.

O Náutico teve uma queda no rendimento

em casa, após a derrota para o Coritiba,

mas ainda assim sempre será complicado

para qualquer adversário jogar no

Caldeirão dos Aflitos. Neste Brasileirão, o

Timbu conseguiu três vitórias, um empate e

duas derrotas, marcando 10 gols e sofrendo

oito. Se o ataque continua funcionando, a

defesa virou motivo de preocupação para o

treinador Alexandre Gallo. Outro detalhe é

que, depois deste jogo, o Náutico joga duas

partidas fora de casa, onde o aproveitamento

é de apenas 14,3% (uma vitória e seis

derrotas).

De cara, Gallo terá três desfalques. O

goleiro Felipe e o meia Breitner não poderão

atuar contra o Santos, já que tem os direitos

federativos presos ao Peixe. E o meia-

-atacante Rhayner, uma das peças positivas

da equipe alvirrubra, levou o terceiro cartão

e também está fora do duelo. Durante a

semana, Elicarlos realizou um tratamento,

foto: ArmAndo Artoni

já que diante da Portuguesa sentiu um estiramento

na coxa. No gol, Gideão está de

volta. Na vaga de Rhayner, Kim e Cléverson

disputam a vaga. E ainda poderá contar com

a volta do zagueiro Jean Rolt. Ramirez fica

como opção, caso Elicarlos não tenha condições

de jogo.

O Santos chega ao Recife com praticamente

um time fora da partida. Ao todo, o

técnico santista, Muricy Ramalho, terá nove

desfalques, entre lesionados, suspensos e

convocados para a Seleção Brasileira Olímpica.

Os machucados são Edu Dracena, Fucile,

Paulo Henrique, Rafael e Rafael Galhardo.

Neymar e Paulo Henrique Ganso estão

em Londres, disputando o ouro olímpico.

E ainda tem Arouca e Adriano, suspensos

pelo terceiro cartão amarelo. Durante a semana,

Muricy testou o lateral Juan no meio

e deve manter o garoto Victor Andrade (16

3

anos) no ataque, ao lado de Bill.

Para apitar o duelo entre Náutico x Santos,

a CBF sorteou Wilton Pereira dos Santos

(aspirante Fifa – GO) para apitar, com assistências

de Dibert Pedrosa Moisés (Fifa-RJ)

e Evandro Gomes Ferreira (GO). Os árbitros

adicionais (que ficam ao lado dos gols) são

Rogério Lima da Rocha (SE) e Charles Herbert

Cavalcante Ferreira (AL). O quarto árbitro

será o pernambucano Emerson Sobral.


4

série a

retorno Por conta de uma cláusula contratual, o goleiro Felipe não joga contra o Santos, neste domingo, no estádio dos Aflitos

Gideão: mais experiente

O goleiro

Gideão está de volta ao

gol do Náutico. Por conta de uma

cláusula contratual, Felipe não

pode atuar por ter os direitos federativos

presos ao Santos. Assim, Gideão

teve uma semana de treinos bem puxados

e garante que está pronto para

encarar o time santista.

No período em que esteve no banco,

Gideão acumulou um pouco mais de

experiência dentro e fora de campo. O

arqueiro alvirrubro mostrou maturidade

e reconheceu que na época em que saiu

do time, não estava no auge. “O Paraíba

(preparador de goleiros do Náutico)

é um cara que sempre pega no meu pé.

Acredito que eu tenha evoluído, procurei

melhorar alguns fundamentos, mas

agora estou pronto”, disse.

A concorrência com o goleiro Felipe

números

é só dentro de campo. Fora dele, Gideão

revelou ter uma grande amizade com o

companheiro de equipe. “Essa questão

da titularidade é com o professor (técnico

Alexandre Gallo). O Felipe é um

grande amigo meu e, independente de

quem jogar, vamos procurar sempre fazer

o melhor para o Náutico”.

De volta a meta, Gideão terá a responsabilidade

de acabar com um fato

que vem incomodando muito o elenco

alvirrubro. O Náutico é a equipe mais

vazada do campeonato ao lado do Coritiba,

com 27 gols sofridos. “É um momento

difícil ter a defesa mais vazada.

Acho que todo time é responsável por

isso e não podemos botar culpa apenas

na defesa. Somos uma família e temos

consciência de que precisamos melhorar”,

finalizou.

imAGenS: BloG doS númeroS

foto: Simone VilAr / diVulGAção

imAGenS: BloG doS númeroS

visão

esportiva

Sabe aquela famosa “gordurinha” que

o Náutico conseguiu acumular no início da

competição, quando somou importantes pontos,

principalmente em seu domínios? Pois é...ela não

existe mais. E pior: o sinal amarelo de (muita)

atenção está aceso; o time não pode bobear

mais.

Todos sabiam que o Brasileirão seria uma

competição muito difícil. Mas, logo nas primeiras

rodadas, a desconfiança quase que geral, reflexos

do Estadual, logo se transformou em otimismo.

Mesmo quando a vitória não vinha, pois via-se

que o time tinha garra e disposição, e que o

entrosamento viria em breve. Mas não foi o que

ocorreu.

Lá se foi a “gordura”

Bem, pensando positivamente, os

jogadores são basicamente os mesmos. E não

desaprenderam a jogar. Com a reorganização

do sistema defensivo – atual “calo” do time

– os bons jogos e, principalmente, as vitórias,

ressurgirão.

E nada melhor que um jogo como o de hoje.

Mesmo não estando completo com o time

completo, o Santos é sempre um adversário de

respeito. E, quem sabe, uma vitória coloque o

Náutico no caminho traçado pelo Alexandre Gallo:

uma das vagas na Sulamericana.

Além do que, após esse jogo, o Timba terá

uma difícil sequência: Internacional, em Porto

Alegre, Flamengo, no Rio e São Paulo, no Recife.

kléber medeiros

Como podemos ver, três verdadeiras pedreiras.

Mas, quer saber? Se voltar a jogar com a

mesma dinâmica das rodadas iniciais, preciosos

pontos podem ser conquistados.

Mas tem que começar hoje. Sem “dar bola”

para o Santos.

números

5


6

série a

recuperado Depois de seis meses de tratamento, por conta do rompimento dos ligamentos, meia está de volta ao Timbu

cascata de volta aos gramados

Foram quase seis meses de muita espera.

Mas, finalmente, o meia Cascata

está bem próximo de voltar aos

gramados dos Aflitos. Durante a semana,

o jogador recebeu a notícia dos médicos,

não vê a hora de vestir, mais uma vez, a

camisa alvirrubra. O último jogo do meia

foi no clássico contra o Santa Cruz, no dia

5 de fevereiro, quando teve um rompimento

nos ligamentos do joelho.

Aos 30 anos, Antônio Givanildo da

Silva Santos parece um garoto durante

os treinos. A felicidade de volta a treinar

com os companheiros, depois de um longo

tempo do departamento médico, motivam

ainda mais o jogador para repetir as

boas atuações que fez no início do Estadual,

quando ganhou o carinho da torcida

e os elogios da imprensa.

“Quando estava parado procurei aproveitar

ao máximo a minha família. Procurei

tirar a contusão da minha cabeça

e graças a Deus está dando tudo certo.

Espero voltar ainda melhor. Queria parabenizar

o doutor Romeu Krause, que me

operou, e também os fisioterapeutas do

clube, como Silmário e o Marcelo, por

exemplo, que sempre estiveram do meu

lado durante a recuperação”, agradeceu

o jogador.

Para o atleta, o momento mais difícil

da carreira não foi o da contusão, e sim,

ficar de fora das semifinais do estadual

deste ano. “Se dependesse de mim,

voltaria durante as semifinais do Per-

foto: Simone VilAr / diVulGAção

nambucano. Não estou dizendo que se

eu tivesse teríamos conseguido ir à final.

Acho que de lá pra cá muita coisa mudou.

Atualmente temos um bom plantel

e estamos conseguindo fazer boas partidas

nesse Brasileiro. Todas as equipes

passam por essa oscilação, mas esperamos

vencer no domingo para afastar a

má fase”.

O time alvirrubro carece de jogadores

de criação no setor de meio-campo e

Cascata pode ser alternativa para ocupar

esse espaço. Enquanto isso, a expectativa

de estrear pela Série A é grande.

“Acho que tenho um bom nível técnico e

condições de disputar uma Série A. Para

mim sempre foi um sonho e por isso optei

em jogar pelo Náutico. Sabia que o

clube jogaria a Série A e a perspectiva é

a melhor possível”, afirmou.

O meia, que chegou a trabalhar em

um posto de gasolina quando vivia no

anonimato, não esconde a ansiedade.

Cascata nem pensava em ser jogador de

futebol quando acompanhava pela televisão

os atuais colegas de profissão.

“Até brinco com o Araújo, dizendo que

eu o assistia quando jogava pelo Goiás.

Acompanhava também o Martinez e o

Lúcio. Na época, trabalhava em um posto

de gasolina, até que um dia, o Reginaldo,

que até hoje é meu empresário, resolveu

me levar para o Catuense-BA. Comecei

a ganhar projeção e graças a Deus hoje

estou no Náutico”, disse, humildemente,

esse baiano de Toquinho.

Preços válidos de 05 a 11/08/2012.

É aproveitar

a oportunidade

e correr pro abraço.

Whisky Highland Bird

• 1 litro

Whisky

08 Anos

Sem juros no hipercard

= 20 Doses de 50ml

R$

1 cada

dose

,50

RECIFE, 05 dE agosto dE 2012 – EdIÇÃo 119 – aNo 3 7

APROVEITE TAMBÉM:

0+3*

Whisky

Whisky

12 Anos 0+6* A partir de 0+12*

15 Anos

R$

10 à vista R$ 30,00

,00

3x de

s/ juros

“A venda e o consumo de bebida alcoólica são proibidos para menores.”

Central de Relacionamento com o Cliente: 0800-7055050 - hiperbomprecoevoce@wal-mart.com ou superbomprecoevoce@wal-mart.com

“A venda e o consumo de bebida alcoólica são proibidos para menores.”

Preços válidos para as lojas Bompreço e Hiper Bompreço do Grande Recife, de 05 a 11/08/2012 ou enquanto durarem os estoques. Nem todos os produtos estão disponíveis nas lojas Bompreço e Hiper Bompreço, podendo variar de acordo com o estoque ou sortimento

de cada loja. Consulte a loja mais próxima. Para melhor atender nossos clientes, não vendemos por atacado e reservamo-nos o direito de limitar, por cliente, a quantidade dos produtos anunciados.

Nas lojas participantes, garantimos a quantidade mínima de 12 un./kg, por loja, dos produtos anunciados na data de início do impresso. Fotos meramente ilustrativas.

*As condições de 0+3, 0+6 e 0+12, sem juros, em whiskies, são exclusivas no cartão Hipercard (parcela mínima de R$ 10,00).

0530 An BP W Torcida 25x30cm 01-08 .indd 1 8/2/12 4:20 PM


8

RECIFE, 05 dE agosto dE 2012 – EdIÇÃo 119 – aNo 3

More magazines by this user
Similar magazines