Saúde Global - Faculdade de Ciências Médicas - Universidade ...

fcm.unl.pt

Saúde Global - Faculdade de Ciências Médicas - Universidade ...

cátedra calouste gulbenkian de Saúde Global 2013


O que é a Saúde Global? Saúde Global é uma nova disciplina que visa a melhoria da saúde das populações e a luta pela equidade em saúde a nível mundial. De acordo com a definição do Conselho Executivo do Consortium of Universities for Global Health, esta nova disciplina “emphasizes transnational health issues, determinants, and solutions; involves many disciplines within and beyond the health sciences and promotes interdisciplinary collaboration; and is a synthesis of population based prevention with individual-level clinical care”. Para alcançar este ambicioso objetivo, a colaboração entre países e entre disciplinas é absolutamente vital: a Saúde Global requer uma colaboração estreita entre os diferentes atores envolvidos, tanto de dentro como de fora das ciências da saúde. A Saúde Global tem como objetivo as necessidades de saúde da população em geral, combinando as perspetivas de promoção da saúde e de prevenção das doenças com os cuidados clínicos a nível individual. Em resumo, a Saúde Global é um campo que combina investigação e intervenção e onde várias disciplinas são usadas para descrever e analisar os determinantes da saúde e a distribuição das doenças: demografia, epidemiologia médica, políticas de saúde pública, medicina clínica, economia da saúde, economia política e antropologia médica. A saúde faz parte atualmente da agendas políticas internacionais porque os problemas de saúde transcendem as fronteiras nacionais e têm um impacto global no desenvolvimento, o que leva a que os governos vejam cada vez mais a saúde como um componente chave das agendas políticas e de desenvolvimento. Estas ligações políticas explicam a razão pela qual se assiste nos dias de hoje ao crescimento, em paralelo com a Saúde Global, da disciplina da Diplomacia da Saúde, um campo igualmente promissor para a investigação e a ação, que estabelece uma nova ponte entre a saúde global e a política externa.


Cátedra Calouste Gulbenkian O objetivo da Cátedra Calouste Gulbenkian de Saúde Global, coordenada pelo Prof. Doutor Benedetto Saraceno, é formar profissionais de saúde capazes de compreender, analisar, investigar e melhorar a saúde global, com uma ênfase especial no que respeita a Doenças Não Transmissíveis e Saúde Mental. As atividades curriculares irão fornecer a formação básica necessária para compreender os principais determinantes dos problemas de saúde e a relação entre saúde e desenvolvimento político, social e económico, particularmente nos países em desenvolvimento. As atividades da Cátedra irão contribuir para o desenvolvimento de uma base a partir da qual os estudantes poderão construir o seu próprio currículo em Saúde Global com os cursos existentes e os recursos oferecidos pela Universidade Nova de Lisboa. Atividades académicas As atividades de ensino da nova Cátedra dirigem-se a: 3 Estudantes do Curso de Medicina (Mestrado Integrado de Medicina), do International Masters in Mental Health Policy and Services e do Curso de Doutoramento da FCM; 3 Outras pessoas interessadas por temas de Saúde Global e Diplomacia da Saúde. No seu conjunto, as atividades serão organizadas através de: 3 4 Seminários de 1 dia sobre temas básicos de Saúde Global; 3 9 Conferências anuais sobre temas avançados de Global Health and Health Diplomacy.


Seminários de Saúde Global * 18 de Fevereiro 2013 2013 introdução à saúde global O seminário incluirá uma introdução aos principais conceitos e princípios que regem a prática da saúde global, com ênfase em países em desenvolvimento. Os estudantes serão familiarizados com os principais determinantes dos problemas de saúde, a relação entre saúde e desenvolvimento político, social e económico, assim como com a análise dos papéis e funções dos principais atores institucionais na área da saúde global. 8 de Abril 2013 PaPel das doenças não transmissíveis em saúde global O seminário integrará a discussão da situação atual das doenças não transmissíveis e a apresentação de um guia de ação para reverter a epidemia existente nesta área, através do reforço de monitorização e vigilância nacional e global, implementação de medidas baseadas em evidência para reduzir fatores de risco como o tabagismo, alimentação inadequada, sedentarismo e uso nocivo de álcool, e melhorar o acesso às intervenções custo-efetivas para prevenir complicações de saúde, incapacidades e morte prematura. 15 de Abril 2013 saúde mental global Neste seminário proceder-se-á à análise dos principais dados epidemiológicos globais sobre a carga das doenças mentais, neurológicas e de abuso de substâncias, e à discussão dos determinantes sociais da saúde mental e das relações entre saúde mental e desenvolvimento. Abordar- -se-á também o estudo das lacunas existentes em termos de recursos humanos e financeiros que dificultam o acesso a tratamento, bem como os obstáculos que impedem a melhoria dos cuidados de saúde mental a nível mundial. Será finalmente feita a análise das especificidades e semelhanças das políticas de saúde mental e dos modelos de organização de serviços a nível global. 17 de Junho 2013 estratégias Para aProximar a Prestação de cuidados de saúde das necessidades das Pessoas: medicina centrada na Pessoa, inclusão social, transferência de tarefas (task shifting) O seminário oferecerá uma análise das estratégias necessárias para aproximar a prestação de cuidados de saúde das necessidades das pessoas. Serão discutidas as implicações da prestação de Cuidados Médicos Centrados na Pessoa; as estratégias para aumentar a inclusão social das pessoas vulneráveis serão analisadas, apresentando-se exemplos internacionais de serviços de saúde mental orientados para responder aos problemas de incapacidade e exclusão social; serão também discutidos os métodos e as implicações da transferência de tarefas (task shifting) a nível dos cuidados de saúde em contextos de recursos limitados. * Os seminários são dirigidos apenas aos docentes e estudantes da FCM.


2013 19 fev 12 abr 17 abr 15 mai 18 jun 8 out 18 out 6 nov 9 deZ conferências anuais Global Health and Health Diplomacy Coordenador: Prof. Doutor Benedetto Saraceno horário: das 11h00 às 13h00 local: Faculdade de Ciências Médicas (Auditório 1) · Campo Mártires da Pátria, 130 · Lisboa PrinciPles, scoPe and definition of health diPlomacy Prof. Benedetto Saraceno · FCM, UNL intellectual ProPerty Protection and Public health objectives: the trade-related asPects of intellectual ProPerty rights Prof. Pedro Pitta Barros · Nova SBE, UNL the international debate on a global strategy to reduce harmful use of alcohol Prof. Benedetto Saraceno · FCM, UNL the global crisis of human resources in the health sector Prof. Paulo Ferrinho · IHMT, UNL mental health in euroPe: reality and challenges Prof. José Miguel Caldas de Almeida · FCM, UNL the united nations convention on the rights of Persons with disabilities Dr. Marianne Schulze · Human Rights Advocate, Wien, Austria health sciences research in euroPe Prof. António Correia de Campos · ENSP, UNL Political Powers and Public health ethics Prof. Jorge Torgal · FCM, UNL diet: the comPlex links between Public health and economy agendas Dr. Francesco Branca, Director of Nutrition for Health and Development, World Health Organization, Geneva Entrada livrE · Para mais informações: www.fcm.unl.pt


O Prof. Doutor Benedetto Saraceno, um dos principais líderes da saúde mental a nível internacional, tem tido um papel destacado no desenvolvimento da disciplina da Saúde Global no plano conceptual e no plano político. O Prof. Saraceno licenciou-se em Medicina na Universidade de Milão e especializou-se em Psiquiatria na Universidade de Parma. Dirigiu o Laboratório de Epidemiologia e Psiquiatria Social do Instituto Mario Negri de Investigação Farmacológica em Milão. Trabalhou na OMS, em Genebra, entre 1995 e 2010, tendo sido Diretor do Action Programme on Mental Health for Underserved Populations (Nations for Mental Health), Diretor do Departmento de Saúde Mental e Abuso de Substâncias, e Acting Director do Departmento de Doenças Crónicas e Promoção da Saúde. Foi, em 2001, o líder do WHO World Health Report on Mental Health. Atualmente, além de Professor Catedrático Visitante da FCM, UNL, é Professor Associado de Psiquiatria Social da Universidade de Genebra, Coordenador da Global Initiative on Psychiatry, Coordenador do Steering Committee da Gulbenkian Global Mental Health Platform e co-diretor do International Master in Mental Health Policy and Services da FCM, UNL. Department of Health and Human Development Avenida de Berna, 45 A 1067-001 Lisboa · Portugal saude@gulbenkian.pt · www.gulbenkian.pt PROF. DOUTOR BENEDETTO SARACENO Campo Mártires da Pátria, 130 1169-056 Lisboa · Portugal Tel. +351 21 880 30 30 geral.dir@fcm.unl.pt · www.fcm.unl.pt

More magazines by this user
Similar magazines