Views
4 years ago

Pesquisas FAU 2007/2008 - fauusp

Pesquisas FAU 2007/2008 - fauusp

Nome do pesquisador(a)

Nome do pesquisador(a) Título da pesquisa Supervisor(a) Início Agência Resumo Nome do pesquisador(a) Título da pesquisa Supervisor(a) Início Agência Resumo André Luiz Tavares Pereira Imitatio imperii: Estratégias visuais das irmandades de Clérigos Seculares e a utilização política do modelo artístico romano pelas Irmandades de São Pedro dos clérigos no século XVIII Luciano Migliaccio 2007 FAPESP O projeto de pesquisa desenvolvido visa a estabelecer um paralelo entre os programas artísticos das Irmandades de Clérigos seculares estabelecidos na América Portuguesa ao longo do século XVIII e aqueles dos mecenas do clero romano durante o mesmo período. O trabalho inclui a identificação de um possível modelo de atuação da cúria romana na definição de partidos arquitetônicos e programas iconográficos específicos dirigidos à glorificação da Igreja Católica e do seu corpo de sacerdotes e da figura central em sua devoção - metáfora da continuidade da doutrina de Cristo - São Pedro. Procura-se perceber em que medida esse modo romano de encomenda e elaboração do objeto artísticoreligioso comunica-se com o de seus congêneres portugueses e brasileiros. O projeto terá continuidade ao longo de 2008 com a criação de um banco de dados. Antonio Carlos de Oliveira Estudo de cidade média no interior do estado de São Paulo: urbanização e IDH Csaba Deák 2007 sem bolsa Este trabalho tem como preocupação central buscar estudar os nexos entre o processo de urbanização ocorrido dos municípios paulistas e o IDH – Índice de Desenvolvimento Humano, proposto pela ONU para os países em desenvolvimento. Sobre o IDH, trata-se do indicador desenvolvido pela ONU - Organização das Nações Unidas - e suas Agências de Fomento, que desenvolveram o conceito de Desenvolvimento Humano para aferição da qualidade de vida da população. Por processo de urbanização definimos, a princípio, ser a existência de toda a infra- estrutura urbana e o oferecimento de serviços ditos urbanos acoplados ao aumento da taxa de ocupação da área urbana. O objetivo principal deste trabalho é: produzir uma interpretação sobre o processo de urbanização dos municípios paulistas, e os processos político-econômicos e a definição de políticas públicas. PÓS-DOUTORADO 153

Nome do pesquisador(a) Título da pesquisa Supervisor(a) Início Agência Resumo Nome do pesquisador(a) Título da pesquisa Supervisor(a) Início Agência Resumo Elaine Cristina Dias A recepção da tradição clássica no Brasil: a questão da Arquitetura nos discursos de Félix- Émile Taunay na Academia Imperial de Belas Artes Luciano Migliaccio 2006 FAPESP Esta pesquisa tem por objetivo o estudo da recepção da tradição clássica no Brasil, no âmbito da Academia Imperial de Belas Artes do Rio de Janeiro, no século XIX, por meio dos discursos proferidos pelo diretor da instituição e pintor de paisagem Félix-Émile Taunay, entre 1834 e 1851. Além da estrutura didática, a unidade teórica proposta por Taunay dirigia-se para a classe de Arquitetura, considerada a primeira das artes a ser desenvolvida naquela instituição e na sociedade carioca a partir do emprego de seus arquitetos. Para tanto, Taunay apóia-se no exemplo grego como modelo a ser imitado, o qual oferecia os meios para a fundação de uma “escola brasileira”. Tem como fontes, entre outras teorias, aquela de Winckelmann, as teorias artísticas italianas como aquelas de Vitrúvio, posteriormente de Alberti e Vasari na Itália Renascentista e, ainda, o modelo francês empregado na Académie Royale d´Architecture. Propomos o estudo destas fontes e sua posterior publicação, de modo a desvendar a construção teórica de Taunay assim como o papel da Arquitetura neste processo. Erik Johansson Estudo do impacto da vegetação no microclima e conforto térmico urbano (Urban Microlimate and Outdoor Thermal Comfort in São Paulo) Denise Helena Silva Duarte 2007 SIDA - Swedish International Development Cooperation Agency O objetivo da pesquisa era simular o efeito do desenho urbano e da vegetação no conforto térmico humano e quantificar a influência do tipo e da distribuição da vegetação no microclima urbano em São Paulo. O trabalho incluiu revisão bibliográfica, entrevistas com especialistas, medições climáticas em áreas urbanas e simulações por meio do modelo ENVI-met. O modelo calcula as interações entre superfície-vegetação-atmosfera, com a parametrização do índice de área foliar da vegetação local e avaliação de índices de conforto térmico, utilizando-se a Temperatura Fisiológica Equivalente (PET), que está sendo testada para o clima de São Paulo por outra pesquisa em andamento no LABAUT. O efeito de arborização das vias foi simulado a partir de um modelo do bairro da Luz, e o efeito do tipo e da distribuição das áreas verdes foi simulado para o bairro de Moema. Vários cenários foram testados variando-se o tipo e a distribuição de vegetação. Na seqüência, está em andamento um trabalho que combina simulações de meso e microescala, em cooperação com o IAG – Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP. 154 A FAU PESQUISA NOS SEUS 60 ANOS