Views
4 years ago

Gênero e Sexualidade nas Práticas Escolares ... - Fazendo Gênero

Gênero e Sexualidade nas Práticas Escolares ... - Fazendo Gênero

ILLICH, Ivan. A

ILLICH, Ivan. A Expropriação da Saúde. RJ: Nova Fronteira, 1975. LABURTHE-TOLRA, P. e WALNIER, J-P. Etnologia Antropológica. Petrópolis, RJ:Vozes, 1997. MENDONÇA FILHO, João Batista de. Será possível o sexual? In: DUNLEY, Glaucia (Org.). Sexualidade & educação: um diálogo possível? Rio de Janeiro: Gryphus, 1999. NUNES, César A. Sexualidade e educação. Elementos Teóricos e Marcos historiográficos da Educação Sexual no Brasil. In: LOMBARDI, José C. (org.).Pesquisa em Educação: História, Filosofia e Temas Transversais. 2ª ed.- Campinas, SP: Autores Associados: HISTEDBR; Caçador, SC: UnC, 2000 PEREIRA, V. M. Sexualidade e a formação do profissional de enfermagem – O estudo da sexualidade humana nos cursos de enfermagem no Estado de São Paulo – 1997. In: Sexualidade em temas, FUNPEC , cap. 8 , 2000. RAMIN, Célia S.A.; SOLER, Zaida A. S. G. O Ensino da sexualidade em “xeque”em um curso de Enfermagem. Dissertação de mestrado, desenvolvido junto ao programa de Pós Graduação em Ciências da Saúde, da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP), 2002. SAYÃO, Yara. Orientação sexual na escola: os territórios possíveis e necessários. In: AQUINO, Julio Groppa (Org.). Sexualidade na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus, 1997. p.107-117. SANTOS, Claudiene; BRUNS, Maria Alves de Toledo. A educação sexual pede espaço:novos horizontes para a práxis pedagógica. São Paulo: Ômega, 2000. SCHIAVO, Marcio Ruiz; SILVA, Maria do Carmo de Andrade. Educação sexual: história,conceitos & metodologia. In: SILVA, Maria do Carmo de Andrade; SERAPIÃO, Jorge José; JURBERG, Pedro. Sexologia: interdisciplinaridade nos modelos clínicos, educacionais e na pesquisa. Rio de Janeiro: Universidade Gama Filho, 1997. p.149-189. SILVA, Edna Aparecida da. Medicina e Sexualidade Humana: estudo crítico do currículo atual dos cursos de medicina e suas implicações na formação do médico. 1997. 197 f. Dissertação de Mestrado - Faculdade de Educação, PUCCAMP,Campinas SP, 1997. ______. Filosofia, educação e educação sexual: matrizes filosóficas e determinações pedagógicas do pensamento de FREUD, REICH e FOUCAULT para a abordagem educacional da Sexualidade Humana. 2001. 296 p. Tese de Doutorado - Faculdade de Educação, UNICAMP, Campinas, 2001. SILVA, Regina Célia Pinheiro da. Pesquisas sobre formação de professores / educadores para abordagem da educação sexual na escola. 2004. 114p. Dissertação de mestrado - Faculdade de Educação, UNICAMP, Campinas, 2004. TEIXEIRA, Simone Andrade. Exercício da sexualidade por estudantes universitários da UESB / Vitória da Conquista. In.: Congresso Mundial de Reprodução Humana (10.:1999: Salvador- Brasil)4 a 8 /05/1999. Book of abstracts. Salvador, Ba, 1999.p53. ______.Mulheres universitárias e sexo seguro. Anais do XI Congresso Brasileiro sobre Sexualidade Humana. Porto Alegre: ASBRASH, 2005. 6

VITIELLO, Nelson. A necessária educação sexual. Viver Psicologia, ano II, n. 15, p. 36-41, out. 1993. _________ A educação sexual necessária. Revista Brasileira de Sexualidade Humana, São Paulo, v. 6, n. 1, p.15-28, jan.-jun. 1995. WEREBE, Maria José Garcia. Sexualidade, política, educação. Campinas, S.P.: Autores Associados, 1998. p.147-204. i Anais dos Encontros de Pesquisa Educacional do Norte/Nordeste – EPENN- de 1999 a 2005. ii Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação – ANPED e anais das Jornadas do Grupo de Estudos e Pesquisas sobre “História, Sociedade e Educação no Brasil” - HISTEDBR de 2002 a 2005. iii Foram selecionadas, inicialmente, 165 produções acadêmicas, das quais 65 compuseram o universo amostral, correspondendo a 40% do conjunto total de trabalhos produzidos no período citado. iv 43% dos trabalhos foram produzidos por Faculdades/Institutos/Centros e/ou Departamentos de Educação. v Estudo que realizamos (TEIXEIRA, 2005) revela que a despeito de toda a informação veiculada sobre a importância do uso do preservativo, as mulheres universitárias não vêm transformando a informação em mudança de atitude em relação à prática do sexo "microbiologicamente" seguro. Tal conclusão confirma dados por nós apresentados (TEIXEIRA,1999), sobre o exercício da sexualidade dos estudantes universitários. vi Realizou estudo sobre a abordagem da sexualidade nos currículos dos cursos de medicina da UNICAMP, da USP e da PUCCAMP. 7

sexualidade, relações de gênero e protagonismo juvenil no ... - UFRN
Untitled - Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana
Educação como Prática da Liberdade - Paulo Freire - Gestão Escolar
Gênero e Sexualidade nas práticas escolares ... - Fazendo Gênero
1 Gênero e sexualidade nas práticas escolares - Fazendo Gênero ...
Gênero e sexualidade nas práticas escolares. ST ... - Fazendo Gênero
1 Gênero e Sexualidade nas Práticas Escolares ... - Fazendo Gênero
Gênero e sexualidade nas práticas escolares ST ... - Fazendo Gênero
Gênero e sexualidade nas práticas escolares ... - Fazendo Gênero
A construção de gênero e sexualidade no currículo - Fazendo Gênero
Sexualidade, conflitos de gênero e adoção: Por ... - Fazendo Gênero
Corpo, gênero e sexualidade em travestis de ... - Fazendo Gênero
Sexualidade, gênero, cor/raça e idade em ... - Fazendo Gênero
homossexualidade: qual a sua visibilidade na ... - Fazendo Gênero
GÊNERO, SEXUALIDADE E DESEMPENHO ESCOLAR ... - ANPEd
Práticas discursivas e práticas sexuais na ... - Fazendo Gênero
GÊNERO E PSICOLOGIA: UM DEBATE EM ... - Fazendo Gênero
1 Em virtude do grande número de pôsteres ... - Fazendo Gênero
SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO ESCOLAR NA PRATICA DOCENTE ...
Imbricações de gênero e raça nas trajetórias escolares - Fazendo ...
uma compreensão fenomenológica da ... - Fazendo Gênero
Escrevendo a história no feminino - Fazendo Gênero
Simpósio Temático “Práticas e Representações” - Fazendo Gênero 10