Views
4 years ago

Mulheres aprisionadas : Entre a subordinação ea ... - Fazendo Gênero

Mulheres aprisionadas : Entre a subordinação ea ... - Fazendo Gênero

Mulheres aprisionadas : Entre a subordinação ea ... - Fazendo

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a 28 de agosto de 2008 Mulheres aprisionadas : Entre a subordinação e a subversão Sonia Biehler da Rosa (IAJ) Mulheres aprisionadas; Resistência; Direitos humanos ST 42 – Gênero; Violência; Direitos Humanos O artigo trata de uma reflexão sobre atividades desenvolvidas, durante o ano de 2006, pela equipe do Projeto Observatório de Direitos Humanos na Penitenciária Feminina Madre Pelletier, em Porto Alegre (única penitenciária feminina no Rio Grande do Sul), implementado pelo Instituto de Acesso à Justiça (IAJ), organização da sociedade civil sem fins lucrativos. A equipe técnica do IAJ, que na sua pretensão política, tomou lugar num espaço de instituição total para ouvir gestores, presas e funcionários, teve a possibilidade para compreender e reconhecer os meandros de uma prisão feminina. Nas atividades desenvolvidas, tratou de ampliar e compartilhar as questões e discussões sobre a vida das mulheres dentro de uma prisão, as táticas e estratégias que permeiam seu cotidiano, a opressão marcada no feminino, não só no presídio, mas nas relações sociais por meio das práticas que produzem os discursos constitutivos do corpo/sujeito/sexo 1 . A reflexão proposta se pauta no trabalho de assessoria e na convivência com a equipe do Projeto, acompanhando às reuniões e às inquietações, quando testemunhei questionamentos sobre como esta realidade da prática diária do trabalho prisional com mulheres se constituía, atravessada por quais conceitos, valores, relações e comportamentos se apresentava. Em diversos momentos, nas oficinas, nos espaços de discussão das práticas cotidianas, a relação com a presa mulher era trazida como foco de tensão. A temática que proponho explorar nesse artigo se coloca a partir do recorte que articula gênero e direitos humanos, no contexto de uma instituição prisional feminina, considerando as lógicas e as resistências observadas, num sentido de busca rumo à realização da pessoa humana e na tomada de consciência ética, numa perspectiva muito mais política e estratégica. Na realidade prisional, a lógica do aprisionamento de mulheres é masculina, patriarcal. Por outro lado, diferente dos presídios masculinos, as mulheres presas se organizam a partir de uma outra lógica, aparentemente sem facções definidas por onde se legitimariam interlocutores. Na realidade interna aos muros, elas se “bancam” como podem, solicitam atendimentos jurídicos e sociais, encaminhamentos de quem ficou “lá fora”. E como não existem interlocutores neste presídio de

Livro_AMAGIS_A mulher e a justiça_06_04_2016
A questão de gênero nas decisões dos tribunais penais internacionais
Descendentes de homens e mulheres que cruzaram o ... - DHnet
Autonomia reprodutiva em questão: relatos de mulheres ... - AADS
homens, mulheres ea exploração sexual comercial de ... - Promundo
2º Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero - CNPq
Como fazer valer o direito das mulheres a - Direito à moradia
Revista Elas por elas 2017
representações visuais das mulheres nos ... - Fazendo Gênero
O confinamento doméstico de mulheres em ... - Fazendo Gênero
A MULHER NO ESPAÇO DO FUTEBOL: UM ... - Fazendo Gênero
Confissões da 'loucura': narrativas de mulheres ... - Fazendo Gênero
Berta e a nacionalidade da mulher casada, a ... - Fazendo Gênero
Ruídos na representação da mulher ... - Fazendo Gênero
Ruídos na representação da mulher ... - Fazendo Gênero
Ruídos na Representação da Mulher ... - Fazendo Gênero
a violência contra as mulheres no estado de ... - Fazendo Gênero
As mulheres trabalhadoras na justiça do trabalho ... - Fazendo Gênero
O papel das mulheres na sociedade faraônica: a ... - Fazendo Gênero
História das mulheres na guerra do Paraguai - Fazendo Gênero 10
MULHERES INDÍGENAS EM PORTO VELHO ... - Fazendo Gênero
Violência nas mulheres e violência das mulheres ... - Fazendo Gênero
Famílias Chefiadas por Mulheres - Fazendo Gênero 10
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder A mulher sob o ...