Views
4 years ago

1 Gênero e Religião ST. 24 Joice Meire ... - Fazendo Gênero

1 Gênero e Religião ST. 24 Joice Meire ... - Fazendo Gênero

6 “... local de

6 “... local de residência e trabalho onde um grande número de indivíduos com situação semelhante, separados da sociedade mais ampla por considerável período de tempo, levam uma vida fechada e formalmente administrada.” (GOLFFMAN, 1974) Um estabelecimento feminino, cujo trabalho seria o elemento propulsor do processo formativo-educativo, devido a “... necessidade, da importância da boa educação da mulher à imitação de Maria, a santa Padroeira da Igreja e protótipo da mulher Cristã.” (SILVA, 1979) O colégio era fundamentado sobre princípios de autoridade e obediência. De acordo com o Plano de Estudos de 1938, as alunas recebiam “idéias verdadeiras de Deus , de si mesmas, de seus destinos, do bem e do mal, com noções claras de direito, dever e obrigação”. O projeto educativo escolar baseava-se no princípio de que toda a vida da mulher cristã implicava no cumprimento de obrigações e na subordinação de suas opiniões pessoais aos juízos mais elevados. Desta forma, o colégio carmelita caracterizou-se por ser uma escola de refinamento da cultura e a sociabilidade das educandas, preocupando-se muito mais em torná-las damas aptas ao convívio social, virtuosas, polidas, religiosas convictas, de tal forma que pudessem educar seus filhos. REFERÊNCIAS ARIES, Philippe. História Social da Criança e da Família. Rio de Janeiro: Zahar, 1981. ELIAS, Norbert. O Processo Civilizador. Uma História dos Costumes. Rio de Janeiro: Zahar, 1990. FÉNELON, François de Salignac de la Mothe. Education des Filles. Paris: La Renaissence du Livre, 1937. FERNANDES, Maria Aparecida Bittencourt. Ética e a Ação Educativa do Professor. Dissertação de Mestrado, Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora, 1999. FOUCAULT, M. Vigiar e Punir. Petrópolis: Vozes, 1997. GARCIA, Janaína A. B. Mulheres Exemplares: Vidas Contandas no Anuário das Senhoras de 1953. Revista História Hoje. São Paulo, n° 5, 2004. ISSN 1806. 3993. GAY, Peter. A Educação dos Sentidos. São Paulo: Cia das Letras, 1988. GOLFFMAN, Ervin. Manicômios, Prisões e Conventos. São Paulo: Perspectiva, 1974.

7 MANOEL, Ivan Aparecido. Igreja e Educação Feminina: os colégios das Irmãs de Chambérrry. Tese de Doutorado, USP, 1988. MARROU, Henri-Irinée. História da Educação na Antiguidade. São Paulo: E. P. U., 1975. NORA, Pierre. Entre Memória e História – a problemática dos lugares. Proj. História. São Paulo. n.10. Dezembro, 1993. PERROT, Michelle. História de la vie privée de la revolution à la grande guerre. Paris: Du Seuil, 1987. POLLAK, Michael. Memória e Identidade Social. Estudos Históricos. Rio de Janeiro, Vol. 5, n.10, 1992. p. 200-212 SANTOS, Afonso Carlos Marques dos. Entre a Destruição e a Preservação. In: SCHIANO, Cleia; ZEITEL, Jaime. Memória, Cidade e Cultura. Rio de Janeiro: EDUSMG, 1997. SILVA, O. S. Uma alma de fé: madre Maria Teodora Voiron. São Paulo: Ave Maria, 5 ed., 1979. i Civilização é um substantivo recente no vocabulário ocidental, nascido na segunda metade do século XVIII. ii Elias entendia o processo civilizador como uma constante barganha do indivíduo entre o aumento da limitação e do controle e os tipos diversos de liberdade. ii Título dado pelo historiador Peter Gay a um dos volumes de sua trilogia sobre a sexualidade e os costumes burgueses da época da Rainha Vitória a Freud. iii O colégio Nossa Senhora do Carmo foi um estabelecimento escolar feminino, fundado em Caratinga, em Vinte de março de 1938, pelas Irmãs Carmelitas da Divina Providência. iv “... uma educação feita de culpabilidade e moral, e que se preparava para o consentimento e para a aceitação, mais que para a recusa – considerada educação feminina, civilizada e ‘terrivelmente gentil.’” (PERROT, 1987) v Conforme Plano de Estudos.

Joice Meire Rodrigues Pontifícia Universidade - Fazendo Gênero 10
Gênero e Religião – ST 24 Nadia Maria Guariza ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião. ST 24 Clarice Bianchezzi ... - Fazendo Gênero
Genêro e Religião – ST 24 Maria Cristina Leite ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião – ST 24 Sônia Cristina Hamid ... - Fazendo Gênero
1 Gênero , Ciências e Tecnologia. ST. 22 Auri ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião ST. 23 Erica Piovam de Ulhôa ... - Fazendo Gênero
1 Gênero, raça/etnia e escolarização. ST 23 Ana ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião ST. 24 Cristiana Tramonte UFSC Palavras-chave ...
- 1 - ST 49 – A Construção dos Corpos: Violência ... - Fazendo Gênero
Gênero e sexualidade nas práticas escolares. ST ... - Fazendo Gênero
1 Questões de gênero e educação – ST 58 ... - Fazendo Gênero
Gênero, memória e narrativas - ST 41 Lucia M. A. ... - Fazendo Gênero
Violência de Gênero ST.5 Ana Luiza dos Santos ... - Fazendo Gênero
gênero, idade média e interdisciplinaridade ST ... - Fazendo Gênero
Práticas corporais e esportivas. ST 21 Silvana ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião. ST 24 Marilane Machado Universidade Federal ...
ST 38 Márcia Maria Severo Ferraz Vera Lúcia ... - Fazendo Gênero
representações visuais das mulheres nos ... - Fazendo Gênero
Gênero Ciência e Tecnologia. ST 22 Claudia ... - Fazendo Gênero
1 História, gênero e trajetórias biográficas. ST 42 Rosane Schmitz ...
História, gênero e trajetórias biográficas – ST 42 - Fazendo Gênero ...
gênero, idade média e interdisciplinaridade. ST ... - Fazendo Gênero
ST 24 Isabel Aparecida Felix Universidade ... - Fazendo Gênero
Gênero, Ciência e Tecnologia. ST 22 Maria de ... - Fazendo Gênero
Gênero, Ciência e Tecnologia. ST 22 Isabel ... - Fazendo Gênero
Gênero na Literatura e na Mídia. ST. 4 ... - Fazendo Gênero
Sujeitos do feminismo: políticas e teorias - ST 06 - Fazendo Gênero
Sujeitos do feminismo: políticas e teorias. ST 6 ... - Fazendo Gênero