Views
4 years ago

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a 28 de agosto de 2008 Jamacy e os caçadores de veado Muleka Mwewa 1 (UFSC) Palavras-chave: Madame Satã; Corpo; Transitoriedade das identidades. 72 - Gênero e cinema 1 Introdução Discutimos aqui alguns aspectos da representação social do corpo de João Francisco dos Santos (ou será Benedito Itabajar da Silva?) interpretado por Lázaro Ramos no filme Madame Satã (2002), de Karim Aïnouz. Pretendemos trabalhar com um tema que, a primeira vista, está um tanto distante de nossas atuais preocupações intelectuais, e que, no entanto, por um lado nos possibilita a vantagem de poder refletir livremente sem as amarras dos especialistas que muitas vezes nos engessam. Por outro, nos coloca na avant garde das observações dos especialistas. É um risco que assumimos. Temos por enquanto, dentre outras razões, duas justificativas para correr tal risco. A primeira vem da lingüística, se se considerar a interpretação/leitura que realizamos do filme no âmbito dos subentendidos. Assim, nosso leitor também se responsabiliza pela crítica à nossa leitura, pois também tratar-se-ia de subentendido. Talvez, diante do olhar avaliador de nosso leitor devamos nos preocupar com esses subentendidos. A segunda razão está balizada no processo de ampliação e redimensionamento que o campo da literatura vem sofrendo ou do qual está se dando conta, pois esta tem possibilitado, nos termos de Paul Zumthor, a ultrapassagem de certas barreiras que limitam a atuação, tendo em vista uma apreensão mais global do objeto, podendo assim quebrar o círculo vicioso dos pontos de vista etnocêntricos (ZUMTHOR, 2000, p.14). Assim, nossa leitura do filme terá o enfoque literário. Nesta tarefa de desalienação crítica, o que tenho de eliminar logo é o preconceito literário. A noção de “literatura” é historicamente demarcada, de pertinência limitada no espaço e no tempo: ela se refere à civilização européia, entre os séculos XVII ou XVIII e hoje (ZUMTHOR, 2000, p. 15). É nesse contexto que localizamos a leitura do filme Madame Satã, enquanto um objeto de estudo que possibilita múltiplas percepções e reverberações no corpo do leitor. 2 O corpo em movimento Argumentamos que a personagem João, enquanto personagem fílmica, seria a materialização da liberdade do sujeito encarnando todos os contrapontos dessa liberdade. É por isso que as autoridades legais, promotores mais especificamente – vítimas, também, da ideologia de segundo grau, nos termos de Schwarz (2005) –, que o consideravam, dentre outras coisas, como “nocivo à

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis ... - UFSC
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis ... - UFSC
Fazendo Gênero 8 – Corpo, Violência E Poder
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Entre a casa e a ...
Fazendo Gênero 8 Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder A mulher sob o ...