Views
4 years ago

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a 28 de agosto de 2008 A inserção da mulher nos programas de microcrédito em Pernambuco (2002-2006): autonomia econômica ou subordinação reconfigurada? Raquel Oliveira Lindôso 1 Palavras-chave: microcrédito; autonomia econômica; subordinação. ST 13 – Gênero e o trabalho de mulheres em grupos formais e informais 1. Antecedentes e bases teórico-metodológicas da pesquisa O antecedente imediato desta pesquisa é nossa monografia (LINDÔSO, 2005), onde foi proposta a investigação do papel do microcrédito como gerador de emprego e renda. Durante a elaboração de nosso trabalho várias indagações surgiram – em especial, indagações sobre a condição da mulher de baixa renda engajada em empreendimentos econômicos solidários - EES, inicialmente compreendidos como promotores do protagonismo feminino via inclusão no mercado. A presente pesquisa terá por objetivo geral investigar com mais profundidade as condições de inserção das mulheres nos programas de microcrédito em Pernambuco entre 2002 e 2006 2 . O que será feito a partir de uma análise de dados de volume de crédito concedido, porte dos empreendimentos e atividades produtivas financiadas (disponíveis na Secretaria de Economia Solidária e no banco do Nordeste, entre outros), bem como de informações socioeconômicas, além da bibliografia pertinente ao tema da divisão sexual do trabalho e da autonomia econômica. 2. Apresentação dos resultados Conforme sua concepção original, os programas de microcrédito têm seu público-alvo formado por indivíduos que estão à margem das instituições convencionais de concessão de crédito. A experiência do Grameen Bank, em Bangladesh, é ilustrativa: de início, 94% dos empréstimos eram concedidos preferencialmente a mulheres pobres ou empobrecidas (em geral viúvas, mulheres que foram abandonadas pelos maridos e que ficaram incumbidas de criar os filhos e responder pelas despesas domésticas). Isto porque se verificou a preocupação das mulheres em garantir melhores condições de vida a seus filhos 3 , proporcionar uma vida mais digna, educação, alimentação, vestuário; enfim, elas estavam mais próximas de suas famílias. “Um primeiro ponto foi efetuar empréstimos exclusivamente a mulheres, mas também porque elas usavam melhor o ganho derivado, beneficiando a família toda, com prioridade

Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis, de 25 a ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis ... - UFSC
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Entre a casa e a ...
Fazendo Gênero 8 Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder ...
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder Florianópolis ... - UFSC
Corpo, Violência e Poder - Fazendo Gênero 10 - UFSC
Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder A mulher sob o ...
Fazendo Gênero 8 – Corpo, Violência E Poder
Corpo, Violência e Poder - Fazendo Gênero - UFSC