Views
3 years ago

lucas fernando krug influência do beneficiamento ... - Cimento Itambé

lucas fernando krug influência do beneficiamento ... - Cimento Itambé

A ANOVA para os

A ANOVA para os dados de resistência à compressão axial aos 91 dias é apresentadana Tabela 15. Enquanto que na Tabela 16 são apresentados os parâmetros das variáveisanalisadas para compressão axial aos 91 dias.Tabela 15 – Anova do modelo para compressão axial aos 91 diasFonte GDL SQ MQ Teste F Significância - pModelo 4 89922,1 22480,5 1939,646 0,00000Resíduos 56 649,042 11,59Total Corrigido 59 2833,3Onde: GDL = grau de liberdade; SQ = soma quadrada; MQ = média quadradaTabela 16 – Parâmetro das variáveis analisadas para compressão axial aos 91 diasFator Parâmetro Estimativa Erro padrão Teste t Significância - pCONSTANTE b0 63,2566 1,99778 31,66344643 0,0000000000AAG * CCA b1 173,353 31,4857 5,505769286 0,0000005216CCA * BEM b2 -58,9202 11,7414 -5,018157971 0,0000030053AAG² b3 -106,543 7,79997 -13,65941151 0,000000000074A análise de variância (Tabela 15) do modelo resultou em um valor de r² de 0,7709,indicando que o modelo ajusta 77,09% dos valores observados para compressão axial aos 91dias e o valor ‘p’ do modelo menor que 0,01 indica que as variáveis representadas no modelorelacionam-se com nível de confiança de 99%.Conforme a Tabela 16 as variáveis independentes que descrevem o modelo, bem comoas interações entre as mesmas, apresentam-se estatisticamente significativas, a um nível deconfiança de 99%, sendo o valor de “p”menor que 0,01.Da mesma maneira que nas outras idades, como era esperado, para um mesmo teor desubstituição de cinza, quanto maior a relação água/aglomerante, menor a resistência acompressão.Na Figura 33 são apresentadas as curvas originadas da Equação 10 que representa omodelo para resistência à compressão axial na idade de 91 dias.

75Resistência à compressão axial aos 91 diasMPa50,0045,0040,0035,00Referência10% Natural10% Peneirada20% Natural20% Peneirada30,0025,000,4 0,45 0,5 0,55 0,6a/aglFigura 33 - Resistência a compressão axial aos 91 diasSalienta-se que aos 91 dias o destaque dos traços com cinza natural em ambos ospercentuais de substituição, pois apresentam desempenho superior ao traço de referência e aostraços com cinza peneirada de forma considerável, conforme se visualiza na Figura 33. Destaforma verifica-se a influência negativa do peneiramento, pois as misturas com cinzasbeneficiadas com o peneiramento apresentaram desempenho inferior às misturas com cinzanatural.Percebe-se também na Figura 33 que o traço com 10% de cinza peneirada possuiresistência superior ao traço com 20% da mesma cinza até a relação água/aglomerante de 0,5,e fatores acima de 0,5 ocorre a inversão, deixando o traço com 20% de cinza peneirada comresistências supeiores ao de 10%.Cabe salientar também que para relações água/aglomerantes acima de 0,53 todos ostraços com cinza obtiveram resistências superiores ao traço de referência. Verifica-se ainda naFigura 33 a influência do percentual de cinza no desempenho, pois as misturas com 20%apresentaram resistências superiores às misturas com 10% da mesma cinza, ou seja, oaumento do percentual de substituição se mostrou benéfico ao desempenho da resistência àcompressão aos 91 dias.Da mesma forma que para outras idades os resultados encontram-se de acordo com oraciocínio do trabalho de Bui, Hu e Stroeven, pois para idades mais avançadas pode-seperceber o efeito da pozolanicidade devido ao fato desta reação ocorrer mais lentamente que oconcreto de referência, ocasionando assim o melhor comportamento dos concretos com 20%de cinza em relação aos demais.

Maria Luísa Spínola Fernandes Lucas 2007 ... - DigitUMa
Fernanda Duarte Lopes Lucas Da Silva - Conpedi