Views
2 years ago

lucas fernando krug influência do beneficiamento ... - Cimento Itambé

lucas fernando krug influência do beneficiamento ... - Cimento Itambé

764.1.4 Resistência à

764.1.4 Resistência à tração por compressão diametral aos 28 diasA Equação 11 representa o modelo obtido para resistência à tração por compressãodiametral na idade de 28 dias.Ft(28) = 18,8157 - 22,5799 x AAG + 2,1279 x BEM + 33,999 x AAG x CCA - 11,3214 xCCA x BEMOnde AAG = relação água/aglomerante, com níveis de 0,41; 0,49 e 0,57BEM = Beneficiamento (0,5= sem cinza; 1= natural; 1,5=peneirada)CCA = percentual de substituição de cinza (0% = 0; 10%=0,1; 20%=0,2)Equação 11A ANOVA para os dados de resistência à tração por compressão diametral aos 28 diasé apresentada na Tabela 17. Enquanto que na Tabela 18 são apresentados os parâmetros dasvariáveis analisadas para tração por compressão diametral aos 28 dias.Tabela 17 – Anova do modelo para tração por compressão diametral aos 28diasFonte GDL SQ MQ Teste F Significância - pModelo 5 6518,85 1303,77 943,2708 0,0000000000Resíduos 55 76,02 1,38218Total Corrigido 59 205,759Onde: GDL = grau de liberdade; SQ = soma quadrada; MQ = média quadradaTabela 18 – Parâmetro das variáveis analisadas para tração por compressão diametral aos 28 diasFator Parâmetro Estimativa Erro padrão Teste t Significância - pCONSTANTE b0 18,8157 1,32269 14,22532869 0,0000000000AAG b1 -22,5799 2,75663 -8,19112467 0,0000000000BEM b2 2,1279 0,771323 2,758766431 0,0039118129AAG * CCA b3 33,999 12,36 2,750728155 0,0039971591CCA * BEM b4 -11,3214 5,94312 -1,904959011 0,0309627894Na análise de variância (Tabela 17) do modelo resultou em um valor de r² de 0,6305,indicando que o modelo ajusta 63,05% dos valores observados para compressão axial aos 28dias e o valor ‘p’ do modelo menor que 0,01 indica que as variáveis representadas no modelorelacionam-se com nível de confiança de 99%.Conforme a Tabela 18, as variáveis independentes que descrevem o modelo, bemcomo as interações entre as mesmas, apresentam-se estatisticamente significativas, a um nívelde confiança de 99%, sendo o valor de “p”menor que 0,01. Entretanto observou-se um valorde “p” de 0,0309, para a interação das variáveis teor de substituição e beneficiamento

77(CCA*BEM). No entanto uma vez que o valor de “p” apresenta ser menor que 0,05, estetermo é estatisticamente significativo ao nível de confiança de 95%.Na Figura 34 são apresentadas as curvas originadas da Equação 11 que representa omodelo para resistência à tração por compressão diametral aos 28 dias. Pode-se observar quetodos os traços com CCA, apesar de apresentarem valores de resistência superiores ao traçode referência, estas diferenças de resistência são, em média, inferiores a 1,0 MPa, o que não éconsiderado tecnicamente relevante.Resistência à tração por compressão diametral aos 28 diasMPa13,0012,0011,0010,009,008,007,006,000,4 0,45 0,5 0,55 0,6a/aglReferência10% Natural10% Peneirada20% Natural20% PeneiradaFigura 34 - Resistência à tração por compressão diametral aos 28 diasDe maneira geral, todos os traços com cinza apresentaram resistênciasaproximadamente 20% superiores ao referência. Destaca-se a influência positiva dopercentual de cinza nas misturas para níveis de relação água/aglomerante acima de 0,5, pois atendência de comportamento dos concretos com 20% de CCA é apresentar maior resistênciaem relação aos concretos com 10% de CCA. O fato de todos os concretos desenvolveremresistências maiores que o concreto referência pode ser atribuída, segundo Mehta e Monteiro(2008), à melhora da zona de transição com o uso da CCA.

Fernanda Duarte Lopes Lucas Da Silva - Conpedi
Maria Luísa Spínola Fernandes Lucas 2007 ... - DigitUMa