Views
3 years ago

Estudo produtividade em pdf. - Fesete

Estudo produtividade em pdf. - Fesete

FESETEProdutividade nas

FESETEProdutividade nas I.T.V.C.Adriano Freire (2000) identifica dois tipos de reacções negativas à inovação, de carácter “racional” e“emocional”. As primeiras incluem a não percepção de necessidade de mudança, associada à ideia feitade que “em equipa que ganha, não se mexe”; a incompreensão da estratégia seguida e dos objectivos aatingir; o descrédito na obtenção de bons resultados e o receio de piorar a situação da empresa, em vezde melhorar. Ao nível emocional, o autor menciona o receio de ser criticado e de assumir riscos, quepossam pôr em causa a posição na empresa.Atingindo determinadas proporções, este tipo de questões pode “minar” projectos e estratégias de inovaçãonuma empresa, e por isso é necessário minimizar os seus efeitos. Para tal, todos os colaboradores daempresa, desde a sua gestão de topo aos níveis mais baixos da hierarquia devem estar conscientes danecessidade de inovar e da importância da colaboração de cada um nesse processo. Os objectivos eestratégias a seguir devem ser claros para todos, deve ser incentivada a assumpção de riscos e promovidaa estabilidade no emprego, procurando assim envolver todos os níveis da organização num projectocomum.Neste contexto, o nível de habilitações e de qualificações, quer de gestores, quer dos trabalhadorestorna-se relevante, pois para além de influenciar o desempenho das suas funções, tem também consequênciasna forma como as pessoas lidam com processos de mudança. Um gestor ou um trabalhador com habilitaçõese/ou qualificações mais elevadas tem à partida um conjunto de instrumentos que lhe garante maior confiançanas suas capacidades e lhe permite encarar de forma mais positiva as transformações e os riscos associados.b. Cálculo da ProdutividadeProdutividade = Volume de output/Volume de input(s) utilizado(s)O cálculo da produtividade implica a tomada de várias decisões, quer ao nível da medição do output(numerador), quer dos inputs (denominador). Estas decisões têm consequências, pelo que o conhecimentodas mesmas é essencial para uma análise rigorosa dos resultados obtidos.12

FESETEProdutividade nas I.T.V.C.Uma primeira decisão refere-se à consideração no denominador de um único factor de produção, ou doconjunto de factores utilizados no processo de produção, nomeadamente factores primários (trabalho ecapital) e factores intermédios (energia, matérias, serviços). Assim, podem-se distinguir:Medidas de Factor ÚnicoProdutividade do TrabalhoProdutividade do CapitalMedidas Multi-factorProdutividade Trabalho - CapitalProdutividade Multi-factor (trabalho, capital,consumos intermédios)A avaliação das alterações em termos de eficiência da produção deverá ter em conta um conjunto alargadode factores, pelo que numa primeira análise será preferível a utilização de um indicador multifactorial. Noentanto, na prática, as medidas multifactoriais são muito complexas, sendo uma das razões para estacomplexidade a forma como a tecnologia é incorporada nos indicadores. E, a opção por uma medidamultifactorial é muitas vezes condicionada pela existência ou não de informação suficiente sobre um conjuntode variáveis, questão ainda mais premente quando se procura fazer comparações internacionais.Por outro lado, a opção por uma das medidas está dependente do objectivo do cálculo da produtividade,que entre outros pode estar associado à avaliação das condições de vida (o rendimento per capita variadirectamente com a produtividade do trabalho). Esta situação, associada às maiores dificuldades deconstrução e interpretação das medidas multifactoriais, leva a que o indicador mais utilizado seja aProdutividade do Trabalho.13

Educação como base da produtividade e competitividade d... Baixar ...
estudo que aborda produtividade e novas formas de remuneração ...
Estudo Benchmarking 2012 - Associação Portuguesa de Contact ...
Estudo macroeconomico - Relatório Final - Área Metropolitana do ...
PRODUTIVIDADE EMPENHO E TECNOLOGIA - Cenibra
+ PDF - Instituto de Estudos de Gênero
Download full document - Centro de Estudos Sociais - Universidade ...
Estudos de Cultura Clássica I_1987.pdf - Classica Digitalia ...
Estudos de Cultura Clássica 4_1991.pdf - Universidade de Coimbra
Consulte e/ou descarregue a apresentação do estudo em formato pdf
Estudos Camonianos_1975.pdf - Universidade de Coimbra
pdf - Instituto de Estudos de Gênero - UFSC
Leia aqui a edição completa (pdf) - Computerworld
Versão em PDF - Partido Social Democrata
Veja versão em PDF - Revista Novos Estudos
documento em PDF - Rel-UITA
9ºCongress oo - Fesete
brochura de documentos - Fesete
Contrato Colectivo de Trabalho para o Sector de Lanifícios ... - Fesete
INTENSIFICAR A ACÇÃO REIVINDICATIVA - Fesete
Contrato Colectivo de Trabalho para o Sector do Calçado - Fesete
Formação profissional e produtividade no sector hoteleiro - DigitUMa