Views
2 years ago

O canyoning e seu espírito desbravador.pdf - Pós-Graduação em ...

O canyoning e seu espírito desbravador.pdf - Pós-Graduação em ...

empresas que mais apóiam essa prática são as fabricantes de equipamentoscomo: PETZL, empresa francesa; a CAMP, empresa italiana; e a GUL, empresainglesa de confecção de roupas de neoprene (ZAITH; COTRIM, 2001b).EquipamentosSegundo Nazari (2004) alguns dos equipamentos utilizados para a prática deatividades que utilize técnicas de rapel em caichoeiras (cascading) como oCanyonig são:• Cinto cadeirinha: é a ligação entre o equipamento e o praticante.São construídas de nylon ou poliéster e prendem a região pélvicae as pernas. A cadeirinha é essencial para a prática do canyoning.É importante ressaltar que antes da atividade, seja verificado setodas as fitas da cadeirinha foram ajustadas e se foi feito à laçadana ida e na volta, para não ocorrer o risco de nada afrouxardurante a prática da atividade.• Cabo solteira para auto-segurança (corda dinâmica de 3,5m -9,5mm - ou energyca).• Mosquetões com trava e sem trava (6) - (ovais com e sem trava ede gatilho curvo para solteira): são elos metálicos que unemelementos de um sistema vertical e se fecha com a ação de umamola interna. Usa-se para ancoragens, para fixar o freio acadeirinha, para transportar e pendurar coisas, para auxiliar nasegurança , e muitos outros. Devemos usá-los sempre em mais deum, devido a problemas com futuras falhas.• Roupa de neoprene (curta ou longa).• Capacete: É um equipamento de uso obrigatório. Serve paraproteger a cabeça de pedras ou objetos que possam cair durantea descida do canyoning. Pode proteger o individuo também dechoques contra galhos ou pedreiras durante a prática daatividade.• Luvas de neoprene (dedos inteiro): Usadas para proteção dasmãos durante o contato com a corda e outros equipamentosdurante a descida da atividade.• Mochila estanque ou vazada: Equipamento utilizado para levarobjetos de fácil manuseio, reservas e de uso pessoal dopraticante.• Calçado (botas de neoprene com solado reforçado ou botasresistentes a água): Protege o praticante de impactos compedreiras e garante melhor aderência dos pés durante o contatocom as mesmas.• Fitas tubulares (de 20 mm de 2,3 e 4 metros com cores distintas):As fitas são muito importantes para a segurança e a ancoragem,ou ainda para ser usadas como extensão entre o mosquetão e ooito para afastar da corda a pessoa que desce no canyoning.• Anéis de fita (tamanhos diversos)

• Cordas estáticas (9 a 10,5 mm): São cordas estáticas ou semiestáticaspelo fato de terem alongamento de cerca de 3%, otamanho da corda vai variar de acordo com o local a serpraticado, mas deve ter pelo menos 50m. Deve-se procurar usaruma corda de pelo menos 10 mm, e não muito mais que isso,porque pode atrapalhar e prender a corda na hora de passar pelomecanismo de frenagem. A corda deve ser bem cuidada, poispartículas de argila e poeira penetram pela capa e provocamdesgaste interno, não devemos pisar na corda, e periodicamentedevemos lavá-la com água e sabão neutro. A corda deve sersecada a sombra e estendida, na hora de guardá-la, desmanchemos nós e enrole-a frouxa, armazenando-a em local fresco e seco.• Outros descensores• Blocantes (punho): O Poigneé é utilizado junto com o Basic. NoPoigneé fica preso o pé, nele você se apóia na hora da subida. Seapoiando no Basic, a pessoa sobe o Poigneé, que na trava acorda, então ela sobe se apoiando no pé e leva consigo o Basic,que por sua vez trava a corda não proporcionando a descida.• Kit de grampeação (martelo, batedor, plaquetas, spits de 8 mm)• Outros: roldanas, proteções de corda, cordeletes 6 mm, malhasrápidas P15, head lamp, mosquetões de aço com trava, manta desobrevivência, kit de primeiros socorros, apito FOX 40; canivete,proteção para mapas (ZAITH; COTRIM, 2001c).Como podemos comprovar, muitos dos equipamentos são similares aos domontanhismo/escalada, com a diferença fundamental de que, ao invés de subir,os praticantes de Canyoning também se utilizam da decida como objetivo daprática.Manobras usadas no CanyoningDe acordo com Zaith e Cotrim (2001d), existem técnicas de progressão paratransposição de obstáculos:Rapel: Descida em corda com o uso ou não de aparelhos. O rapel pode serem meio aquático ou aéreo. No aquático, os cuidados devem ser multiplicadose a técnica e aparelhagem poderá variar. O rapel poderá ser guiado: que é umdesvio diagonal de sua trajetória para evitar uma forte torrente vertical, epoderá ainda ser fracionado, isto é, dividido em vários rapéis menoresprocurando um caminho mais seguro. Segundo Nazari (2004), existem váriosestilos de Rapel, são eles: inclinado (positivo), vertical, negativo, negativoinvertido, de frente inclinado, de Cachoeira - Cascading (Canyoing) eintercalado.Tirolesa: Travessia por uma corda presa em duas extremidades. Astransposições podem ser feitas usando um mosquetão preso à um "cabo-

4.2 classificação dos espeleotemas - Pós-Graduação em Atividades ...
esportesdeaventura - Pós-Graduação em Atividades e Esportes de ...
Pós Graduação - Unileste
Untitled - Pós Graduação em Ciência da Informação - UFSC
Roteiro - programa de pós-graduação em fisiocirurgia
Alexandre Pereira de Faria - Programa de Pós-Graduação em ...
12 programa de pós-graduação em serviço social mestrado em ...
Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação recepciona os novos ...
Revista da Pós-Graduação nº 2 - Fatec
Pós-Graduação/MBA - Una
curso de pós-graduação lato sensu - Universidade Católica de ...
Manual de Pós-Graduação Lato Sensu - Universidade São Judas ...
Projetos de Pós-Graduação em Engenharia Naval - UFRB
programa de pós-graduação em serviço social doutorado em ...
Cooperação internacional e pós- graduação - Epi2008
Informação acerca da Pós-Graduação - ANCP
Relatório de Gestão - 2002 - Pós-Graduação - UFSC
microscopia confocal - programa de pós-graduação em fisiocirurgia
Catálogo de Cursos da Pós-Graduação Stricto Sensu - Unemat
Calendário Escolar da Pós-graduação UNESP/Assis
A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em ... - UERN
Dissertação - Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da UFPB
Relação dos Candidatos Deferidos no Curso de Pós-Graduação em ...
Programa de Pós- Graduação Stricto Sensu ç
Dissertação - Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da UFPB
Avaliação da Pós-Graduação XXVII ENPROP - Propesp
ppga • programa de pós-graduação em doutorado ... - PUC Minas
Revista da Pós-Graduação nº 1 - Fatec