Leonardo Diamante - SBIS

sbis.org.br

Leonardo Diamante - SBIS

PEP2 0 0 5PEP COMCERTIFICAÇÃODIGITAL


PEPEstrutura, Componentes,Implementaçãoe Certificação DigitalHospital Samaritano – São PauloDr. Leonardo Diamanteleonardo.diamante@samaritano.com.brPage 2


Page 3


Page 4


Page 5


DECISÃO E ESCOLHA• O que analisarAbordagemDESENVOLVIMENTO E IMPLEMENTAÇÃO•Quais os riscos e dificuldadesRESULTADOS, VANTAGENS E BENEFÍCIOS• O que esperarFATORES CRÍTICOS PARA O SUCESSO•CERTIFICAÇÃO DIGITALPage 6


Decisão e Escolha• A instituição sabe o que quer ?• Ou o que precisa ?• Porque Prontuário eletrônico ?Page 7


Decisão e EscolhaSe a decisão for sim.........Criar um ComitêPage 8


Decisão e EscolhaO Comitê• Deverá ser de alto nível, com poder dedecisão;• Define o que comprar:• Soluções de Mercado;• Desenvolvimento próprio.Page 9


Decisão e EscolhaO Comitê encaminha solução• Se a solução for de mercado, avaliartendência administrativa ouassistencial;• Se de desenvolvimento conhecer prós econtras;• A proposta comercial deve serentendida como investimento e nãocomo despesa;• Cria a Equipe do Projeto.Page 10


Desenvolvimento eImplementaçãoA Equipe do Projeto• Regras rígidas de acompanhamento docronograma, pontos de controle egerenciamento de mudanças;• Testes, validações e revalidações;• Análise profunda do interfaceamentoentre sistemas;• Política de segurança;• Certificação digital;• Geração do prontuário para o paciente.Page 11


Desenvolvimento eImplementaçãoDificuldades• Os usuários das áreas assistênciaisainda não estão totalmentecapacitados nas ferramentas de TI,podendo comprometer a relaçãomédico-paciente;• Eliminação do papel• As fontes pagadoras ainda nãoestão preparadas e/ouinteressadas para trabalhar sempapel.Page 12


Resultados eBenefícios Esperados• Suporte à prescrição médica atravésde indicações e alertas;• Melhor gestão de doenças crônicas;• Redução do número de retrabalho ede papéis circulando pela unidade;• As informações ficam armazenadasde forma estruturada, permitindorápida recuperação;• Acesso remoto ao PEP de forma aagilizar o atendimento.Page 13


Fatores críticospara o Sucesso• Comprometimento da AltaAdministração;• Revisão de Processos – Necessidade deMudanças;• Considerar prazo para criar culturainstitucional, que não deve ser curto;• Alta disponibilidade de equipamentos ede rede;• Treinamento;• Os dados devem ser modelados eintercambiáveis para atender aspectosassistenciais, administrativos e depesquisa.Page 14


PEP2 0 0 5CERTIFICAÇÃODIGITAL


Certificação DigitalPage 16


Certificação DigitalPage 17


Certificação Digital• Médico• Anamnese, hipótesediagnóstica;• Evolução;• Solicitação de exames;• Alta;• Solicitação de internação.• Enfermagem• Anotações e Evolução;• Pedidos;• Checagem.Page 18


Certificação DigitalPage 19


Certificação DigitalPage 20


Page 21


Page 22


Page 23


Page 24


Page 25


Certificação DigitalDocumento assinado por meio digital conformeMP. 220 de 24/08/2001que Institui a Infra-Estrutura de Chaves PúblicasBrasileira - ICP-BrasilO arquivo em forma eletrônica, bem como osoftware leitor das assinaturas constantes destedocumento encontram-se à disposição dointeressado. Quaisquer esclarecimentos relativosao presente documento podem ser obtido juntoao emissor através do fornecimento do respectivonúmero de controle interno. - Controle Interno:1128879Page 26


Page 27


Page 28


Page 29


Page 30


Page 31


Page 32


Page 33


Page 34


Page 35


Se você não sabe para onde quer ir,qualquer caminho serve..........Alice no País das MaravilhasMUITO OBRIGADO !leonardo.diamante@samaritano.com.brPage 36

More magazines by this user
Similar magazines