brasília - Metro

publimetro.band.com.br
  • No tags were found...

brasília - Metro

|02| {BRASIL}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comSó com mais impostostarifa de ônibus cairá1FOCOIPEA. Estudo critica modelo de arrecadação com base na cobrança de passagens e apresenta sugestões a partir daexperiência internacional. Nos últimos 12 anos, andar de carro ficou mais barato do que usar transporte públicoNão existe solução mágica.Para reduzir as tarifas de ônibus,trens e metrôs, os governosfederal, estaduais e municipaisprecisam recorrer acorte de investimentos emoutros setores ou aumentaros recursos dividindo a conta- principalmente com os donosde automóveis.É o que concluiu o estudo‘Tarifação e financiamentodo transporte público urbano’divulgado ontem peloIpea (Instituto de PesquisaEconômica Aplicada). A principalconclusão é a de que omodelo de financiamento dotransporte público no país éequivocado, com receita vindaprioritariamente do dinheiroarrecadado com as tarifaspagas pelos passageiros.Em função disso, entre janeirode 2000 e dezembro de2012, o preço das passagenssubiu 192%, por conta do aumentodos custos de contrataçãoe de combustíveis, querespondem por 30% dos custosdo setor. O índice registradoficou 67 pontos acima dainflação de 125% no período.A consequência foi a migraçãopara o transporte individual.Em média, as famíliasbrasileiras dispõem apenas deCOLÔMBIATAXA SOBRE COMBUSTÍVELÉ cobrado um imposto sobre agasolina, que alimenta um fundopara subsidiar as passagens deônibus, trens e metrôsINGLATERRATAXA SOBRECONGESTIONAMENTOO motorista de veículoparticular paga um pedágiourbano cobrado em viascom maior movimentoESTADOS UNIDOSTAXA SOBRE PUBLICIDADECobrança de aluguel pelo usode espaços comerciais e depublicidade nas estações enas imediações de terminais“O usuário do transporte individual precisa contribuirmais, até porque ele prejudica o transporte públicoao aumentar os congestionamentos.”CARLOS HENRIQUE DE CARVALHO, PESQUISADOR DO IPEAAO REDOR DO MUNDOVeja exemplos de soluções que algumascidades encontraram para financiar otransporte público3% do orçamento para uso notransporte público. O uso deveículo particular se tornoumais vantajoso, principalmenteporque nos últimos anos apolítica econômica de estímuloao consumo foi voltada paraa compra de automóveis.HONG KONGTAXA SOBRE VALORIZAÇÃOOs moradores de regiõesque recebem investimentosem infraestrutura detransporte pagam umacontribuição referente àvalorização do imóvelFRANÇATAXA SOBRE CONTRATAÇÃOAs empresas pagam impostosobre a folha de pagamentoem cidades com mais de 300mil habitantes para financiaro transporte de trabalhadoresformais e informaisFONTE: INSTITUTO DE PESQUISAECONÔMICA APLICADAAs despesas com a comprado carro ou moto, manutençãoe impostos de trânsitocresceram 44% em 12anos, ou seja, quase três vezesmenos do que a inflaçãoacumulada.MARCELOFREITASMETRO BRASÍLIAAtual modeloinviabilizaa adoção detarifa zeroA reivindicação das manifestaçõespopulares pelagratuidade do serviço detransporte público fica prejudicadapela atual políticade financiamento do transportepúblico, segundo o estudodo Ipea. Somente coma adoção de um fonte externade financiamento poderiasuprir o impacto financeiroda medida.O estudo demonstra queas experiências brasileirasde tarifa zero para estudantesadotadas em São Paulo,Rio de Janeiro, Goiânia e Brasília,por exemplo, dependemexclusivamente do repassede recursos públicos.A Associação Nacional dasEmpresas de Transportes Urbanosafirma não ter comofinanciar a gratuidade, umavez que o número de ônibus,de viagens e preços de tarifassão determinados pelo PoderPúblico. METRO BRASÍLIAJMJBicicletaelétricaConhecido por usartransporte público eandar de bicicleta emseus tempos de cardeal,o Papa Francisco continuainovando. Além de ter otradicional papamóvel,ele agora também temum outro transporte. Aempresa alemã Daimler,que há mais de 80 anosfabrica os veículosoficiais dos papas,presenteou Francisco comuma bicicleta elétrica.Segundo fontes doVaticano, ele vai trazera bike para a JornadaMundial da Juventude, noRio, no fim do mês.Renan não pagará por caronaRenan não teve compromissosoficiais na Bahia | JOSÉ CRUZ/ABRAlegando ser um direito docargo, o presidente do Senado,senador Renan Calheiros(PMDB-AL), se recusa a pagaras despesas relativas aovoo num avião da FAB (ForçaAérea Brasileira), que saiude Maceió com destino a umcasamento em Porto Seguro(BA), em 15 de junho. “E euutilizei o avião como tenhoutilizado sempre, na representaçãocomo presidente doSenado”, justificou.O uso de aeronaves da FABFALE COM A REDAÇÃOleitor.bsb@metrojornal.com.br061/3966-4610COMERCIAL: 061/3966-4615O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhõesde leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicaçãoe da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda asexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre,ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.por autoridade só permitidapara atividades de trabalho.É o segundo caso de caronasem aviões oficiais. O presidenteda Câmara, deputadoHenrique Eduardo Alves(PMDB-RN), levou sete pessoasnum voo da FAB para assistirà final da Copa das Confederações,no Rio de Janeiro.Ele prometeu devolver R$ 9,7mil aos cofres públicos.As denúncias foram publicadaspelo jornal “Folha deSão Paulo”. METRO BRASÍLIAEXPEDIENTEMetro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145).Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162).Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso.Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo.Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso.Metro Brasília. Diretor-editor: Cláudio Humberto. Editor-Executivo: Lourenço Flores (MTB: 8075).Diagramação: Natalia Xavier. Gerente Executivo: Vandler PaivaGrupo Bandeirantes de Comunicação Brasília. Diretor Geral: Flávio Lara Resende.Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: SBS Quadra.02 - Bloco "Q" - Ed. João Carlos Saad - 15º andar. Brasília-DF - Cep: 70070-120. O jornal Metro é impresso na Gráfica Moura.Licitação. Cade investigacartel de metrô em SP e DFO Cade (Conselho Administrativode Defesa Econômica),em conjunto com aPolícia Federal, cumpriu ontemmandados de busca eapreensão em 13 empresasde Brasília, Diadema, Hortolândiae São Paulo.A operação Linha Cruzadaapura suposto cartel em licitaçãopara aquisição de carrosde trens, manutenção econstrução de linhas de trense metrôs em SP e no DF. A denúnciapartiu de um acordode leniência, no qual umparticipante do cartel contribuiucom as investigaçõesem troca de reduçãode penas administrativas ecriminais.O material apreendido serásubmetido à perícia. Casoa suspeita se confirme, seráinstaurado um processo administrativo.METRO BRASÍLIAFiliado ao


|04| {BRASIL}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comPolíticaCLÁUDIO HUMBERTOWWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BRCOM ANA PAULA LEITÃOE TERESA BARROSLEI DE IMPROBIDADE PUNEABUSO COM JATO DA FABProcuradores do Ministério Público consultados pelacoluna afirmam que os presidentes da Câmara, HenriqueAlves -RN), e do Senado, Renan Calheiros (AL), ambosdo PMDB, violaram a Lei de Improbidade Administrativa(nº 8.429, de junho de 1992), ao se utilizarem deaviões da FAB para viagens pessoais. Pedidos de desculpae a reparação do dano “não desnatura o ato de improbidadejá praticado”, diz um jurista.“Eu o utilizei comotenho utilizado sempre”RENAN CALHEIROS (PMDB-AL), ACUSADODE USO ABUSIVO DE AVIÕES DA FABPASSEIOS CAROSRenan e Henrique estão sujeitos a ação civil públicaque lhes pode custar muito mais caro que o ressarcimentodas passagens aéreas.AGENDA PESSOALHenrique levou a namorada e familiares para a final daCopa das Confederações, no Rio, e Renan foi a um casamentoem Porto Seguro.NOVES FORAO PR declarou-se favorável ao plebiscito, mas defendeque os eleitos em 2014 revisem a Constituição e submetamo resultado a referendo.SAI DE BAIXOO desespero do governo de mostrar que Dilma “ouvea voz das ruas” se explica: pesquisas internas revelamque ela continua em queda livre.CAMPOS VÊ NA QUEDA DE DILMACHANCE DE TER APOIOAguinaldo Ribeiro, ministro das Cidades | WILSON DIAS/ABRMÚMIA PARALÍTICAAguinaldo Ribeiro (Cidades) poderia ter sido o “ministroda mobilidade urbana”, com obras do PAC daCopa. Mas seu pífio desempenho e a gestão com famade caloteira renderam no Planalto o apelido de“Múmia paralítica”, antigo personagem do comedianteAgildo Ribeiro.ESCONDIDINHOO Itamaraty ignorava agenda de Lula na embaixada emBerlim, terça (2), mas o ex-presidente estava na suítepresidencial do quarto andar, numa ala com 12 quartospara hóspedes vips do embaixador.SÓ TEM GOGÓO líder do PR, Garotinho (RJ), perguntou a Ivan Valente(SP) se o PSOL, como é habitual, representará contra opresidente da Câmara, Henrique Alves, por quebra dedecoro pelo uso de jatinho da FAB para levar a namoradaà Copa. A resposta: “Você quer me deixar mal?”Eduardo Campos (PSB-PE) | RENATO ARAÚJO/ABRVirtual candidato do PSB a presidente em 2014, o governadorEduardo Campos (PE) enxerga na queda de popularidadeda presidenta Dilma a chance de recuperarapoio de siglas que hoje integram governo petista. Segundointerlocutores de Campos, partidos que haviamrecuado nas conversas sobre aliança com PSB em 2014voltaram a se reaproximar. O governador tem esperançade fechar com o PSD de Gilberto Kassab.TERCEIRA VIAO PSB acredita que Eduardo Campos pode se consolidarcomo terceira via nas eleições de 2014, levando votosda ex-senadora Marina Silva.SONHO MEUDentre os cenários traçados, o PSB sonha com possibilidadede Dilma naufragar e Campos virar o candidatodo ex-presidente Lula em 2014.POR QUE PAROU?As pesquisas de intenção de voto para presidente têmsido cruéis com o pernambucano Eduardo Campos.Seu melhor desempenho é 3%.HOLOFOTESA deputada Benedita da Silva (PT-RJ), de discursos rarose inexpressivos na Câmara, gastou quase R$ 13 mil emjunho para divulgar a atividade parlamentar. Mas quaseninguém notou.CAINDO NA REDEO deputado Chico Leite (PT) continua sendo assediadoa trocar de partido para se lançar candidato ao Senadopelo Distrito Federal. A proposta mais aliciante é a doRede, da ex-senadora Marina Silva.CLARO GOLPEA Claro atrai clientes pré-pago com oferta de 21centavos por minuto, mas, como na TIM, a ligaçãoé derrubada. E o cliente desavisado vai gastando21 centavos a cada ligação refeita. Vice-campeã dequeixas na Anatel, que silencia, a Claro pediu “maistempo” para responder.APLAUSOSDilma não foi ao Maracanã, temendo vaia, e perdeu areinauguração do Bumbódromo, onde o governador doAmazonas, Omar Aziz (PSD), e a primeira-dama Nejmi,muito populares no Estado, foram ovacionados.GARGANTA PROFUNDAO ex-espião da CIA Edward Snowden deu um chute notraseiro de Evo Molales no Twitter, enquanto o bolivianoera acusado de escondê-lo: “Para ser justo com Europa,(1) ele ama a cocaína, (2) é um mestiço.”PERGUNTA NA PLATAFORMAQuando começa a CPI do Eike Batista e suas relaçõesprivilegiadas com o BNDES dos financiamentoscamaradas?PODER SEM PUDORCOMO RECONHECER AMINChegando a Florianópolispara assumir a chefia dasucursal do jornal GazetaMercantil, o jornalista ValérioFabres telefonou ao solícitoEsperidião Amin, entãogovernador catarinense eum dos carecas mais famososdo Brasil. Marcaram umencontro. Fabres sugeriu:- Precisamos combinarum meio de nosreconhecermos...Antes que ele percebessea bobagem que acabara dedizer, Amin avisou:- Não se preocupe, eu nãovou de peruca.


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {BRASÍLIA} |05|◊◊Governo atrasa entregade substitutos do CajeMenores infratores. Conselho Nacional de Justiça cobra do GDFnovos prédios prometidos para maio, mas que ainda estão em obrasDIVULGAÇÃO/CNJGUILHERMECALMONAs mortes de três adolescentesem menos de 20 dias dentrodas dependências da Unidadede Internação do PlanoPiloto, o antigo Caje, entreagosto e setembro do anopassado, escancararam a crisedo sistema de internaçãode menores infratores no DF.Com capacidade para 160menores, o prédio localizadono final da Asa Norte chegoua abrigar 470 adolescentesem celas úmidas e compouca iluminação. Atualmente,o número de internosgira em torno de 350.Para atacar o problema,o GDF informou, ainda em2012, que construiria cinconovas unidades e implodiriao Caje até o final deste ano.As primeiras novas vagasdeveriam estar disponíveis já“Vamos concluir trêsnovas unidades esteano, implodir o Caje efechar essa triste páginada história do DF.”LUDMILA ÁVILA, SUBSECRETÁRIA DOSISTEMA SOCIOEDUCATIVO DO DFem maio deste ano de acordocom um compromisso firmadoentre o governador AgneloQueiroz e o então presidentedo Conselho Nacional de Justiça(CNJ), Carlos Ayres Bitto,em novembro de 2012.Até agora, no entanto, asunidades mais adiantadas,em São Sebastião, Santa Mariae Brazlândia, não foramconcluídas e o CNJ cobrou oGDF publicamente em umanota publicada em seu site.“Estamos trabalhando”A subsecretária do SistemaSocioeducativo do DF, LudmilaÁvila, admitiu que as obrassofreram atrasos, mas garantiuque as três unidades ficarãoprontas ainda em 2012.“Problemas técnicos e as chuvasatrapalharam, mas a unidadede São Sebastião estáquase concluída; será entregueem agosto”, afirmou.“As outras duas ficamprontas até novembro. Cadauma terá 90 vagas e, com outras140 em unidades já prontas,teremos condições de implodiro Caje”, completou.RAPHAELVELEDAMETRO BRASÍLIAGoverno promete desativar e implodir o Caje | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIAConselheiro do CNJ dizque vai fiscalizarpessoalmente as obras.A situação dos menoresinfratores no DF continuacrítica?Sim. O tratamento dado aosmenores infratores no DFchegou a ser objeto de denúnciaà Organização dosEstados Americanos. É urgentefechar o Caje. E paraisso é preciso seguir o cronogramaque foi acertado.O que o CNJ pode fazer?Temos que acompanhar deperto e cobrar. Ainda em julhoeu quero visitar essasobras para ver em que estágioelas se encontram. Nãopodemos mais ser surpreendidoscom atrasos. METRODespedida emocionada para Jorge FerreiraO empresário e divulgador cultural Jorge Ferreira, dono de 12 tradicionais bares e restaurantes da capital,foi sepultado ontem no cemitério Campo da Esperança. A cerimônia foi acompanhada por familiares eamigos, como o cartunista Ziraldo. Ferreira morreu aos 54 anos, vítima de AVC | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIAJustiça Metrô Segurança públicaMP cobra eleiçõespara administradorregionalO Ministério Público doDF entrou com ação judicialcontra o GDF poromissão em permitir aparticipação popular naescolha dos administradoresregionais, que, segundoos promotores, estáprevista na Lei Orgânicado DF. METRO BRASÍLIAAudiência públicaapresenta planode expansãoA construção de cinco estaçõesdo Metrô será temade uma audiência públicano auditório da empresa,na Av. Jequitibá, 155, emÁguas Claras, em 26 de julho,às 10h. A conclusãoestá prevista para 2016 ea obra custará R$ 700 milhões.METRO BRASÍLIAHomicídios caem11,8% no primeirosemestre de 2013Nos primeiros seis mesesde 2013, foram registrados353 homicídiosno Distrito Federal,segundo dados divulgadospela Secretaria deSegurança Pública. Dejaneiro a junho do anopassado foram 400 casos.METRO BRASÍLIA


|06| {BRASÍLIA}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comEx-diretores da Finatec sãocondenados a pagar R$ 1 miDecisão. Três professores da UnB e mais o interventor nomeado terão que dividir honorários pagos pela instituição ao escritório Caputo BastosOs professores da UnB CarlosAlberto Bezerra Tomaz, AndréPacheco Assis e Guilhermede Azevedo Melo e o interventorWashington MaiaFernandes foram condenadospelo TJDF a devolver cerca deR$ 1 milhão ao caixa da Finatec(Fundação de EmpreendimentosCientíficos e Tecnológicos)de Brasília.A quantia se refere a honoráriosadvocatícios deR$ 451.642,97 - acrescidos dejuros e correção monetária -pagos pela fundação de apoioao escritório de advocacia Caputo,Bastos e Fruet por serviçosprestados durante o episódioque ficou conhecidocomo “escandâlo da lixeira”.Os três professores da UnBeram dirigentes da instituiçãoem 2008, quando o MinistérioPúblico do DF denunciou quea fundação estava sendo usadaem um esquema de desviode verbas públicas.Washingoton Maia Fernandes,por sua vez, foi nomeadointerventor da Finatecpela Justiça, mas respondesolidariamente, porque os pagamentosforam autorizadosdurante sua gestão.A argumentação doMPDFT, acatada em 1ª e 2ªinstâncias, sustenta que a fundaçãoarcou com a defesa depessoas que estavam sendoacusadas de lesar seu patrimônio.Para a Promotoria, osgastos deveriam ter sido assumidospelos acusados.O advogado dos professores,Getúlio Humberto Barbosade Sá, pretende levar o casoao STJ (Superior Tribunal deJustiça). “O escritório foi contratadopara defender a instituição”,afirma.O advogado de WashingtonMaia Fernandes, AlexandreHenrique Leite Gomes,também não aceita a sentença.“É um absurdo, meucliente apenas honrou umcompromisso que havia sidoacertado antes da intervenção”,afirma.ÉRICAMONTENEGROMETRO BRASÍLIADesdobramentosVeja o que aconteceu comos principais processos judiciaisdo caso:• Criminal no TJDF.Antônio Manoel DiasHenriques, que presidiaa Finatec, Luis AntônioLima, Flávia MariaCamarero e Eduardo Grinforam absolvidos no TJDF.Em 1ª instância, eleshaviam sido condenadosa 10 anos e 10 meses.• roo ora oex-reitor.Timothy Mulholland foiabsolvido da acusaçãode improbidadeadministrativa na JustiçaFederal. A decisãode primeira instânciaconfirmada pelo TribunalRegional Federal da 1ªRegião havia sido pelainocência.Lixeira de R$ 1 mil que decorava o apartamento do reitor virou símbolo do escândalo | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIAMoradores de condomíniosfecham estrada por águaPneus foram queimados para impedir passagem | REPRODUÇÃO/BANDUma manifestação da DF-280reuniu cerca de 150 manifestantesna manhã de ontem. Ogrupo isolou a estrada queimandopneus e gritando palavrasde ordem. Uma caixad’água vazia foi colocada nomeio da pista para simbolizaro problema.Os manifestantes sãomoradores de condomíniosirregulares próximos à cidadede Santo Antônio do Descoberto(GO). A principalreivindicação deles é que oabastecimento de água naregião seja regularizado.Os moradores contaramque estão sem água há pelomenos dez dias. Mãe decinco filhos, a dona de casaSolange dos Santos Souzaafirmou que não tem maisroupas limpas para vestiras crianças. “Não sei maiso que fazer, não estou maismandando eles para a escola”,lamentou.A Companhia de SaneamentoAmbiental do DistritoFedera (Caesb) informouque já estão sendo tomadasprovidências para o retornodo abastecimento de águada região. Na semana passada,os moradores da área játinham feito um outro protestono local.Segundo eles, apesar dosconstantes desabastecimentos,as contas de água cobradaspela Caesb continuamvindo altas. “É descaso mesmo”,reclama Amadeu AlvesFilho, um dos primeirosmoradores do local. TV BANDContratos.Governodivulga listade inidôneasA STC (Secretaria de Transparênciae Controle) do DF divulgouontem relação de todasas empresas e pessoasfísicas com irregularidadesjunto a algum órgão do governoe que, por isso, estãoproibidas de participar de licitaçõesou fechar contratoscom o executivo local.De acordo com a secretáriade Transparência, VâniaVieira, o balanço incluiempresas suspensas e declaradasinidôneas. Até então,estava disponível apenas arelação de empresas punidasdiretamente pela própriaSTC, mas agora foram consolidadosos dados de sançõesaplicadas por todos os demaisórgãos do GDF. A listagemtraz 80 punições aplicadasdesde 2011 e servirá defonte de referência e consultapara todo o governo naspróximas licitações e processosde compras. METROComprador diz que nada muda no tradicional colégio | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIAEducação. Grupo Abrilcompra Sigma por R$ 130 miO Centro Educacional Sigma,que tem 5,1 mil alunos- da educação infantil ao ensinomédio - em suas trêsunidades em Brasília, tevesua venda anunciada para oGrupo Abril ontem. Os compradoresinformaram queprojetos em andamento e adiretoria das escolas não sofrerãomudanças.O negócio foi fechadopor R$ 130 milhões (R$ 103milhões à vista e R$ 27 milhõesparcelados em cincoanos). Em nota divulgadaà imprensa, o presidenteda Abril Educação, ManoelAmorim, disse que a aquisiçãoservirá para expandir aatuação da empresa no Centro-Oeste.Ele se mostroudisposto a expandir a marcaSigma.A Abril Educação, braçodo Grupo Abril, lucrou maisde R$ 100 milhões em 2012e é dona das editoras Áticae Scipione e dos sistemasde ensino Anglo e pH, queatuam principalmente naregião Sudeste. METRO


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {ECONOMIA} |07|◊◊Poupança tem maiorcaptação da históriaFGTS. Projetoque extinguemulta de 10%é aprovadoAplicações. Depósitos superam saques em R$ 28,27 bilhõesno primeiro semestre. Investimento é recomendado paraquem precisa resgatar dinheiro no curto prazo84,77%foi o crescimento da captaçãoda caderneta em junho desteano, que atingiu o volumerecorde de R$ 9,45 bilhões.PORQUINHO GORDOSALDO, EM BILHÕES DE R$10864202,30 2,32FONTE: BANCO CENTRAL5,962,615,62JAN FEV MAR ABR MAI JUN2013*TAXA REFERENCIALMesmo com a queda dorendimento, a poupançacontinua atraindo o investidorbrasileiro. No primeirosemestre deste ano,os depósitos na cadernetasuperaram os saques emR$ 28,273 bilhões, segundoo Banco Central. O volumeé o maior da série históricada autoridade monetária,que teve início em 1995.Em junho, a captaçãofoi de R$ 9,451 bilhões, omaior valor para o mês.O resultado ficou 84,77%maior do que o verificadoem igual mês do ano passado,quando somou R$5,115 bilhões. Com os dadosdo mês passado, o saldoda poupança, já considerandoos rendimentos, estáem R$ 538,446 bilhões.Os recursos depositadosa partir de 4 de maio de2012 rendem o equivalentea 70% da Selic mais TR(Taxa Referencial), atualmentezerada, quando ataxa básica for superior a8,5% ao ano. Com a Selichoje em 8% ao ano, a rentabilidadeda poupança estáem 5,6% ao ano mais TR,um ganho abaixo da inflaçãoesperada para este anopelos analistas do mercadofinanceiro, de 5,87%.Para o Mauro Calil, fundadorda Academia do Dinheiro,a aplicação, que éisenta de imposto, é recomendaquando for utilizadacomo “conta corrente”ou para quem precisado dinheiro no curto prazo.“É o caso, por exemplo,de quem vende um imóvele vai comprar outro”, diz oeducador financeiro.Para quem busca rendimentosmaiores, uma opçãoé investir no TesouroDireto, programa do governode compra de títulospúblicos pela internet,segundo Calil. “A rentabilidadeé 30% superior ao dapoupança”, afirma. O investidor,no entanto, deveNovo recordeem junhoRENTABILIDADE AO ANO9,45 POUPANÇANOVA5,60%+ TR*POUPANÇAANTIGA6,17%+ TR*ficar atento há cobrançado IR (Imposto de Renda)e, na maior parte dos casos,de taxa de administração.METROA Câmara dos Deputadosaprovou na última quarta--feira o projeto que extingueos 10% sobre o saldo do FGTSpagos por empregadores nocaso de demissões sem justacausa. O projeto segue à sançãopresidencial.Para a Firjan (Federaçãodas Indústrias do Estado doRio de Janeiro), a eliminaçãoda contribuição permitirá aredução da carga tributáriapara empresas e servirá deimpulso à competitividade eà formalização do mercadode trabalho. “Esta é uma vitóriapara todas as empresasbrasileiras, que tiram de seusombros mais esta parcela docusto Brasil”, diz o presidenteda entidade, Eduardo EugenioGouvêa Vieira.A multa adicional foi criadaem 2001 para zerar o rombodecorrente de decisõesjudiciais que obrigaram o governoa compensar o fundopelas perdas relativas aos planosVerão e Collor. METROEike deixa a MXP e ações do grupo sobemA saída de Eike Batista daMPX pode marcar o início dodesmoronamento do GrupoEBX. A empresa de energia,a mais promissora do grupo,anunciou ontem que o empresáriodeixou o seu Conselhode Administração.Fundador do grupo quereúne negócios nos setoresde energia, petróleo, portos,navios e mineração, Eike nomeoutodas as suas companhiascom um “X” para simbolizar“multiplicação deriqueza”. A MPX será renomeadaaté outubro para se posicionarcomo fora da EBX. E épossível que não reste nenhumaas atuais companhias X naholding do empresário.A saída de Batista ocorredepois que a MPX cancelouuma oferta de ações de cercade R$ 1,2 bilhão. A oferta setornou insustentável com adeterioração das condições deAnalistas consideram saída de Eike positiva | DANILO VERPA/ FOLHAPRESSmercado, segundo a companhia.Em vez disso, a MPX vaipromover um aumento de capitalde R$ 800 milhões comações ao preço de R$ 6,45 porpapel, em uma operação privadana qual Eike, parceiro daalemã E.ON, e o BTG Pactualpoderão participar.“A MPX é a melhor empresado grupo e eles estãotrabalhando rápido para isolara companhia e separá-lado risco associado com o grupoEBX de Eike”, disse à “Reuters”Ricardo Correa, analistado setor de energia da AtivaCorretora.Os investidores reagirambem à saída de Eike. As açõesda OGX (petróleo) lideraramos ganhos do Ibovespa no dia,subindo 20,51%, para R$ 0,47.Os papéis ON da MPX subiram10,23% a R$ 7,13. Outrasações do grupo também serecuperaram.Depois de quatro dias dequeda, o Ibovespa fechou emalta de 1,60% aos 45.763 pontose volume negociado de R$4,5 bilhões.Além da recuperação dasações das empresas do GrupoEBX, o índice foi influenciadopor sinais de manutençãodos estímulos econômicos epela alta dos papéis da Vale.METROSetor automobilístico.Produção recorde de veículosCom as vendas em alta, a produçãodo setor automobilísticocresceu 18,1% no primeirosemestre do ano, na comparaçãocom o mesmo períodode 2012. As fábricas produziramum volume recorde de1.856.805 unidades no período,segundo a Anfavea (AssociaçãoNacional dos Fabricantesde Veículos Automotores).A alta reflete o crescimentode 4,8% nas vendas nos seisprimeiros meses do ano.Em junho, as vendas deveículos novos foram afetadaspelas manifestações popularesque atingiram os grandescentros do país, e cresceramapenas 0,8% sobre maio.Já a produção foi recorde parao mês, apesar de ter recuado7,8% em relação a maio.O setor terminou junhocom estoque de 415,3 mil veículos,crescimento de 7,8%Montadoras produziram 18% maisem 2013 | LUCAS LACAZ RUIZ/FOLHAPRESSsobre maio, mas parte dessecrescimento deveu-se ao aumentode modelos oferecidos.De acordo com a entidade,entre abril e maio, mais 300modelos, entre novos e versões,foram disponibilizados,elevando o total de veículosofertado aos consumidorespara 2,077 milhões. Na médiapor modelos e versões, o estoqueestá estabilizado. METRO


|08| {MUNDO}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comMilitares ‘caçam’islâmicos, queprometem reagirEgito. Novo presidente toma posse e chama muçulmanos ao diálogo,mas militares seguem prendendo líderes da Irmandade MuçulmanaMilitar pede para que apoiador de Mursi vá para a calçada | ASMAA WAGUIH/REUTERSO novo presidente do Egito,Adly Mansour, tomouposse e, em rede nacional,prometeu não excluir islâmicos,aliados do mandatáriodeposto, do processode reconstrução do país.Ao mesmo tempo, os militaresseguiam com a prisãode líderes da IrmandadeMuçulmana.Duas importantes figurasda organização, MohamedBadie e Khairat El Shater,foram presos durante amadrugada de ontem, sob aacusação de incitarem a violênciaque deixou mais de 10mortos no início da semana.Mohamed Mursi, destituídopelo Exército na quinta-feira,está preso em uma áreado Ministério da Defesa.“A Irmandade Muçulmanaé parte do povo e ninguémserá excluído”, afirmouAdly Mansour, apósprestar juramento. Até então,Mansour era o magistradochefe da Corte Constitucionaldo Egito.O discurso do novo presidentenão comoveu os correligionáriosde Mursi. Umlíder da Irmandade disseque não vai trabalhar com“usurpadores”.ConvocaçãoIndignados, eles convocaramum grande protesto parahoje. Há o temor de quechoques com os liberais oumesmo com os soldados deixemainda mais mortos e feridos.Desde a saída de Mursi,16 pessoas perderam avida no país.Mohamed El Baradei, umdos mais proeminentes liberaisdo país, tentou justificaras prisões efetuadasaté agora pelas Forças Armadas.“Estão tomando medidaspreventivas para evitara violência”, disse ele ao“The New York Times”.Os Estados Unidos, queevitaram condenar o golpemilitar, estão pressionandopara que o novo governoegípcio acelere a realizaçãodas eleições. O pleito antecipadofoi uma das promessasdo Exército. METROPERGUNTAS E RESPOSTASQUAL É ASITUAÇÃO ATUAL?Desde o meio-dia deontem (horário local), o Egitotem um novo presidente. O magistradoAdly Mansour, até entãochefe da Corte Constitucional, assumiuo cargo. Ele entrou no lugarde Mohamed Mursi, primeiropresidente democraticamenteeleito no país. Mursi foi depostoem um golpe militar, no qual aConstituição egípcia foi suspensa.QUEM É ADLYMANSOUR?Um juiz veterano semqualquer base política. Não hádúvida de que o verdadeiro poderestá agora com as Forças Armadas,não com o magistrado.O QUE LEVOUAO GOLPE?O Exército, a instituiçãomais poderosa do Egito, decidiuque a saída de Mursi era interessantepara o país. Os generaisanunciaram a deposição apósdias de intensos protestos contrao presidente. As manifestaçõescomeçaram em 30 de junho,a data do primeiro aniversário dachegada de Mursi ao governo.ESSE É UMRESULTADOPOSITIVO?Depende de para quem você pergunta.Os liberais, que eram amaioria dos manifestantes, celebraramo golpe. Na verdade,Mursi cometeu uma série de errosdurante o seu curto mandato– um deles foi tentar ampliarseus poderes por meio de um decreto.Ainda assim, trata-se deum golpe militar, e Mursi estásob prisão domiciliar. Os defensoresdo presidente deposto estãofuriosos, lembrando que elefoi eleito democraticamente.O QUE ACOMUNIDADEINTERNACIONALDISSE?A maioria dos governos estrangeirosreagiu com hesitação. Elespodiam até não gostar de Mursi,mas poucos querem ser vistosapoiando um golpe militar.O QUE DEVEACONTECER AGORA?Os apoiadores de Mursinão vão aceitar os acontecimentosem silêncio. Eles planejam organizarprotestos, mas há o riscode o Exército intervir, o que poderialevar a mais derramamento desangue. Os militares prometerama realização de novas eleições, maso golpe abriu um precedente ruim:o que acontece se o próximo presidentenão conseguir realizar as tarefasde seu cargo? Será deposto acritério das Forças Armadas?Com 38 suspeitosPolícia reabrecaso MadeleineA polícia britânica abriuum novo inquérito parainvestigar o desaparecimentoda menina MadeleineMcCann. Segundo aScotland Yard, foram identificados38 suspeitos decinco nacionalidades. Madeleinesumiu em 2007,durante uma viagem comos pais a Portugal. METROEspionagemFrança tambémvigia cidadãosO governo francês monitoraligações telefônicas e e--mails internos, segundo ojornal “Le Monde”. Os chamadosmetadados são usadospara prevenção de terrorismo.METROPedidos de desculpas ‘nãobastam’, diz Evo MoralesApós o incidente com o aviãoque levava o presidente daBolívia, Evo Morales, de voltaa seu país, o mandatário disseque pedidos de desculpas“não bastam”. Morales tambémprometeu acionar organismosinternacionais sobreo caso.“Não bastam apenas asdesculpas de algum paísque não nos deixou passar”,disse ele, horas antesde uma reunião de líderesda Unasul (União das NaçõesSul-Americanas).Morales afirmou que o incidentenão “é uma casualidadeou um erro” e recebeuapoio de líderes radicaise moderados da região. “AAmérica Latina tem que reagir.Imagine se isso acontececom um presidente europeuPresidente boliviano foi recebido como um herói em seu país | DAVID MERCADO/REUTERSou americano, seria motivode guerra”, disse o equatorianoRafael Correa, pouco antesde viajar para o encontroda Unasul, na Bolívia.Na quarta-feira, depoisde deixar a Rússia o avião deMorales foi impedido de voarsobre o espaço aéreo de França,Itália, Espanha e Portugal.Os países suspeitaram que oboliviano levava consigo EdwardSbowden, o jovem delatordo programa de espionagemdos EUA. Snowdensegue em Moscou. METROÁfrica do Sul. Mandelaestá em ‘estado vegetativo’A saúde do ex-presidente sul--africano Nelson Mandela, 94,se deteriorou tanto nos últimosdias que a família estariaconsiderando desligar os aparelhosque o mantém vivo. Ainformação está em um documentojudicial obtido pelaAFP (Agência France Press).O texto, assinado por 15familiares, diz que o líder estáem “estado vegetativo permanente”.“A expectativa deuma morte iminente está baseadaem motivos reais e graves”,escreveram os parentesde Mandela, incluindo suamulher, Graça Machel.O governo sul-africano senegou a comentar o documento.De acordo com um porta--voz, Mandela segue em condição“crítica, porém estável”.Graça Machel tambémprocurou tranquilizar os sul-THOMAS MUKOYA/REUTERSEx-mulher do líder (de vermelho)abraça filha na saída do hospital-africanos. Em um programade TV, ela disse que o maridonão está sofrendo.O texto divulgado pela AFPintegra o processo que a famíliamove contra Mandla Mandela,um dos netos do ex-presidente.O rapaz retirou oscorpos de três filhos de Mandelada aldeia onde estavamenterrados, e os parentes reclamama devolução. METRO


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {MUNDO} |09|◊◊Chegada do ‘bebê real’ vaimovimentar a economiaQUEM É QUEM NA REALEZAReino Unido. O nascimento do filho de Kate e William,previsto para este mês, anima os varejistas britânicosRainha ElizabethPoderosa monarca e bisavó dobebê. Quando nasceu, em 1926,Elizabeth era a terceira na linhasucessória, assim como oherdeiro/a de Kate e William.Camilla Parker BowlesSerá como uma avó ‘emprestada’do bebê. Camillae Charles namoraramno anos 1970, maso casamento era impossível,porque ela não eravirgem. Ao longo dosanos, os dois mantiveramum caso e, em 2005,oficializaram a união.Príncipe CharlesPai de William. Aos 62anos, é o herdeiro direto daCoroa britânica, muito emborao mais velho “candidatoa rei” da história. Apenasoutros dois monarcas assumiramo trono com idadepróxima à de Charles.Príncipe PhilipBisavô do bebê. Philip é primoem terceiro grau de Elizabeth:os dois têm a rainhaVictoria como trisavó. O casamentofoi realizado em 1947.Princesa DianaMãe dos príncipes Williame Harry, faleceu emum acidente de carroem 1997. Depois de suamorte, a família real perdeupopularidade – retomadacom a chegada deKate Middleton ao clã.Ele – ou ela – ainda deve demoraralguns dias para chegar, masvirá sacudindo a economia britânica.O filho do príncipe Williame da duquesa de Cambridge,Kate Middleton, deve geraruma movimentação de US$ 380milhões no Reino Unido (aproximadamenteR$ 836 milhões).Segundo a consultoria Centrefor Retail Research, grande parteda bolada irá para o consumode álcool. O nascimento do bebêreal deve levar muitos britânicosa comprarem garrafas de champanhee outras bebidas para acelebração.Depois, haverá roupinhas,chupetas, babadores e tudo omais relacionado ao mundo infantilque faça referência à chegadado herdeiro de Kate e William.Nas lojas de souvenirs, jáé possível ver uma série de presentes.Há opções ternas, comoálbuns fotográficos, e bem--humoradas, como o macacãocom a inscrição “Eu amo meutio Harry”.O Centre for Retail Researchespera, ainda, que o nascimentoda criança provoque um aumentonas vendas de determinadasmarcas – assim que o casal começara desfilar com carrinhose mamadeiras específicos. Ochamado “efeito Kate” já existeem relação ao guarda-roupada duquesa de Cambridge e devese estender para os objetosdo bebê.MistérioO sexo da criança segue uma incógnita- até mesmo para os pais.Kate e William anunciaram a decisãode não saber se esperamum menino ou uma menina, emboraa maioria aposte na chegadade uma garotinha.O nascimento da herdeira, ouherdeiro, está programado para13 de julho, no hospital St. Mary,em Londres (o mesmo local ondeo príncipe William veio ao mundo).Uma multidão de fotógrafose jornalistas já está de prontidãoem frente ao prédio. METROQue vai se chamar...Com a “torcida” para que venhauma herdeira, os nomes mais cotadossão femininos. Veja o rankingem quatro casas de apostasdo Reino Unido:Príncipe HarryA “ovelha negra” da família.Harry é o irmãomais novo de William etio do bebê. Se envolveuem inúmeras polêmicase já teve fotos suas nuespalhadas pela web.Príncipe WilliamO pai do bebê. ConheceuKate Middleton na universidadee os dois namorarampor anos. Durante o relacionamento,chegaram a dividiruma casa, com outroamigo. Se casaram em 2011.Kate MiddletonMãe do bebê e primeiraplebeia a ascender ao círculoreal depois de Diana.A jovem já conquistouo coração dos ingleses, eseu guarda-roupa viroumotivo de frisson.O bebêA data provável para que oherdeiro venha ao mundoé 13 de julho. Kate e Williamanunciaram que nãosaberiam do sexo da criançaantes do nascimento. Amaioria aposta, entretanto,em uma menina. Durante agravidez, Kate teria soltadoum “minha filha” a um fã,imediatamente corrigido.• Ladbrokes: Alexandra 4/1,Elizabeth 5/1, Diana 6/1,Victoria 7/1, Frances 8/1• William Hill: Alexandra 5/2,Charlotte 4/1, Elizabeth 5/1,Diana 6/1, Victoria 7/1• Paddy Power: Alexandra 3/1,Charlotte 6/1, Victoria 7/1,George 8/1, Elizabeth 8/1• Betfair: Alexandra 5/2,Victoria 7/1, Elizabeth 6/1,Diana 6/1, George 13/1


|10| {CULTURA}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com2CULTURAEx-malvado, Gru, o pai adotivo de Margot, Edith e Agnes, agora tem a missão de ajudar na captura de um supervilão | DIVULGAÇÃOLEANDROHASSUMLegoOficina decriaçãoDica para entreter acriançada nas fériasescolares: a Lego vaioferecer oficinas decriação no ShoppingIguatemi (SCHIN, CA4, lote A, Lago Norte).Para os pequenininhos,haverá peças duplas, maisseguras para menoresde 4 anos. De 5 a 24 dejulho, das 14h até às 20h,com entrada franca.Ex-vilão bem na fitaGostou‘Meu Malvado Favorito 2’. Animação retorna com dublagens de famosos e novos personagens“É muito bom trabalharpara criança. Vê-lasrindo, aplaudindo, sedivertindo... Aceitariasempre fazer isso.”SIDNEY MAGAL, CANTORGru e seu exército de Minionsestão de volta às telonas, ecom novos personagens a reboque.Com vozes dos atoresLeandro Hassum, Maria ClaraGueiros e Arthur Aguiar,e do cantor Sidney Magal,“Meu Malvado Favorito 2” estreiahoje nos cinemas. O novolonga da Universal Picturestenta repetir o sucesso da primeiraanimação, que faturouU$ 540 milhões de dólares embilheterias em 2010.Nesta sequência, o ex-malvadoGru (dublado novamentepor Leandro Hassum ecom a voz de Steve Carell naversão original) é convocadopor uma organização ultrassecretapara ajudar a capturarum novo supervilão. Paraisso, ele terá a parceria daagente Lucy, uma simpáticaruiva dublada pela atriz MariaClara Gueiros.“Amei fazer a Lucy. Fiqueinervosa no teste, porquequeria muito o papel.É preciso se esforçar maispara fazer uma piada semo seu corpo aparecendo”,confessa a atriz, que já erafã do filme.Com dancinhas e um jeitãolatino, o novo vilão, “ElMacho”, tem tudo a ver comseu dublador: Sidney Magal.“Ele tem um cordão comum M! Achei isso fantástico.Me diverti muito fazendo ofilme”, revela o cantor.Já o ator e cantor ArthurAguiar incorpora o estilosoAntonio, namorado de Margot,filha mais velha de Gru.“Gostei muito de dublar! Setiver um terceiro filme, podemme chamar”, avisa.METRO RIOArthur Aguiar diz que é tão vaidosoquanto Antonio | DIVULGAÇÃOda sequência?Claro, é uma animação legaldemais! A história é muitobacana, não idiotiza a criança.É um filme que tambémdiverte os pais e passa váriasmensagens positivas.O ator Steve Carrel dublou oGru na versão americana. Seinspirou nele?Sou até suspeito para falar,porque sou muito fã do Steve,o acho um ator sensacional,talentosíssimo. Vendo eouvindo a dublagem dele meinspirei e fiz algumas adaptaçõespara o jeito brasileiro,senão fica uma coisa forçada.Você é um fã declarado dedesenhos e animações...Sou fã demais, eu adoro esteuniverso. Vivo em parquestemáticos de diversões. Souuma criança gorda que cresceu!METRO RIO


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {CULTURA} |11|◊◊Cena de “Nesta Data Querida”, resultado de pesquisa sobre o processo colaborativo de criação | TIAGO LIMA/ DIVULGAÇÃODez anos deteatro emtrês liçõesCia. Luna Lunera. Grupo mineiro comemora uma década detrabalhos com duas peças e uma oficina gratuita para atores quedesejam participar de projetos de criação e direção coletivaPrograme-seTodos na Caixa Cultural(SBS, quadra 4).• a.De 9 a 11 de julho, das19h às 22h. Na Sala GenteArteira. Grátis.Há dez anos, nascia em MinasGerais a Companhia de TeatroLuna Lunera. Seus membroseram movidos pelo desejode criar coletivamente,testar possibilidades, quebrarhierarquias. Uma década deestudos depois, a companhiadesembarca em Brasília parapartilhar um pouco do queaprendeu em duas peças euma oficina gratuita para atoresprofissionais e estudantesde artes cênicas.A trupe deixou boas referênciasem suas duas últimaspassagens pela capital.No mês passado, encerraramuma bem-sucedida temporadano CCBB com “Prazer”,uma peça delicada e bem--humorada sobre a busca dafelicidade. Em 2010, apresentaram“Aqueles Dois” noPalco Giratório do Sesc.Agora trazem dois espetáculosinéditos em Brasília,“Nesta Data Querida” e “Cortiços”ambos fruto de processoscolaborativos de criação. Nestametodologia, todos os profissionaisenvolvidos podemopinar no trabalho do outro. Odiretor pode criar trilhas sonoras,os atores, sugerir iluminaçõesou frases extras no texto eassim por diante.O método nasceu no iníciodos anos 2000, em São Paulo,com o grupo Teatro da Vertigem.Popularizou-se por alie em Minas Gerais e tem ganhadomais adeptos em outrosEstados nos últimos anos.Na oficina, atores serão ensinadosa operar na metodologia,ganhar autonomia e assumiro papel de propositores.Os espetáculosAs duas peças são fruto do trabalhodo mesmo grupo, mas• orço.De 5 a 7 de julho - sextafeirae sábado, às 20h,domingo, às 19h. R$20.• a aa ra.No fim de semana seguinte.“São dois espetáculos bem diferentes. ‘Cortiços’é bem imagético e poético e ‘Nesta Data Querida’tem uma delicadeza e um humor mais cruel.”CLÁUDIO DIAS, ATOR E MEMBRO DA LUNA LUNERAsão muito diferentes.“‘Cortiços’ é livrementebaseada na obra de AluísioAzevedo e tem um trabalhointenso de sistemas corporais”,explica Cláudio Dias,membro da companhia.“‘Nesta Data Querida’, porsua vez, nasceu de reportagensdos jornais de Belo Horizontee um desejo de falarda incomunicabilidade noscentros urbanos.”NANAQUEIROZMETRO BRASÍLIA


|12| {VARIEDADES}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comReceita MinutoDANIELBORKDANIEL.BORK@METROJORNAL.COM.BRPETIT GÂTEAU DE CHOCOLATE COMCALDA DE FRUTAS VERMELHASO petit gâteau é uma sobremesa bem delicada, de origemfrancesa para alguns e norte-americana, em especial deNova York, para outros. Esta pequena delícia é tema paragostosas oportunidades de bate-papo entre amigos quandono consumo do referido bolinho quase sempre acompanhadopor alguma geleia e inevitavelmente acompanhadopor uma bola de sorvete. Ofereço aos amigos uma receitabem clássica, fiz com ingredientes nacionais de ótimaqualidade e o resultado não poderia ter sido outro: ficoufantástico! Realmente é uma paixão que se renova a cadamordida! Ótimo fim de semana.Os invasoresCruzadasLeitor falaPlebiscitoUma das mudanças propostas para areforma política diz respeito a doaçõespúblicas e privadas para campanhaseleitorais: toda empresa que ajudapolítico(a) vai querer um pedaço dobolo, então, essas serão tratadas diferentemente(ou seja, melhor) que asoutras do mesmo ramo.Vamos refletir?DANILO BARBOSA - SAMAMBAIA (DF)Golpe no EgitoMeu apoio ao povo do Egito, pois estivein loco e pude ver que o governode Mursi era uma ditadura mascaradaque nada tinha de democracia. Opaís encontra-se atolado na miséria, oturismo despencou para 20% e a teocraciaestava prestes a ser implementada,se não já o era moralmente. Mulheresque não andavam de burca jáeram mal vistas pela Irmandande Muçulmana.Desde o final de 2012, a insatisfaçãopopular já era generalizada.Espero que o povo saiba conduziros próximos passos e esse país, que ériquíssimo em muita coisa, possa sereerguer de novo.RENATA VIEIRA - BRASÍLIA (DF)INGREDIENTESMassa:200 g chocolate meio amargo200 g manteiga sem sal1 xícara (chá) de açúcar1 xícara (chá) de farinha de trigo5 ovos inteiros5 gemas1 colher (chá) de essência debaunilha2 colheres (sopa) de rumCalda:300 g de frutas vermelhascongeladas ou frescas (amora,mirtilo, morango)1 xícara (chá) de açúcarSuco de 1 limão-taitiModo de Preparo:Para a calda coloque em umapanela todos os ingredientese cozinhe em fogo moderadoaté que encorpe e reserve nageladeira. Para a massa derretao chocolate com a manteigano microondas ou em banho-maria. Bata os ovos e asgemas com açúcar com o auxiliode um fouet em uma vasilha.Junte o chocolate derretidoaos poucos e misture bem.Acrescente a farinha, a baunilhae o rum, batendo sem parar.Coloque esta massa na geladeirapor 1 hora. Em seguida distribuanas forminhas untadase enfarinhadas e leve ao fornoquente (200ºC) entre 8 e 12 minutosminutos. Sirva imediatamente,acompanhado pela caldae uma bola de sorvete.Daniel Bork apresenta o programa Dia Dia de segunda a sexta às 8h, na BandSudokuMetro perguntaPoliciais do DF, os maisbem pagos do Brasil,protestam poraumento de salário. Para você, elesganham muito ou os outros queganham pouco?@HausOfGFTudo é relativo ao custo de vida da cidade,no DF é tudo muito caro, já quenão produzimos nada, praticamente.@edsoncarlosdfAmbos.@dudasantiagoEles ganham mal, e os outros piorainda...Metro webSiga o Metrono Twitter:@jornal_metrobsbPara falar com a redação:leitor.bsb@metrojornal.com.brParticipe também no Facebook:www.facebook.com/metrojornalHoróscopo Está escrito nas estrelas www.estrelaguia.com.brPeríodo positivo para novos aprendizadosprofissionais. Na vida amorosa, estará mais propenso doque o habitual a dizer o que pensa.Dedicação a grupos que despertem umapostura voluntária em você fará muito bem. Um meio de revitalizarcom o que te faz feliz.Período importante para refletir eperceber o quanto compensa manter ou se desfazer de relacionamentos.Decisões marcarão a vida afetiva.Saiba se portar de forma compreensivae cordial diante de pessoas que possuam diferenças. Evite atritospor divergências ou pequenos interesses.Seja menos metódico ao querer entendersentimentos de quem se relaciona ou se estiver em paquera.Aproveite mais diversões a dois.Período favorável para se dedicara novos procedimentos no trabalho. Mais gestos prestativossurpreenderão quem você gosta na vida afetiva.A Lua em seu signo sempre traz umamotivação diferente para novos projetos e maiores oportunidadespara realizá-los.A oportunidade para trocar conhecimentoscom pessoas diferentes está mais intensa em assuntosdo trabalho. Tendências para mais inteiração social.A divulgação de projetos estará favorecida.Momento indicado para atitudes mais afetuosas, algoque deve fazer sem receio na vida amorosa.Período especial para mudar sua posturadiante de sacrifícios que faz por pessoas que não precisam epor assuntos sem importância.Conversas confidenciais e desabafosserão vivenciados com mais frequência. O poder de conquistaestará mais acentuado em paqueras.Tire proveito dos problemas do passadocomo motivação. Nada de se deixar envolver por melancolias oudramas por assuntos sem tanta importância.


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {CULTURA} |13|◊◊Caetano dá um ‘Abraçaço’Sem acústico. Deixando o violão de lado, o cantor apresenta seu novo trabalho - em péCantor se reinventa em parceria com a BandaCê | DIVULGAÇÃO“Não só um abraço grande.Mas um abraço espalhado,abrangente ou múltiplo.”CAETANO VELOSO, DEFININDO O ABRAÇAÇOO ‘Abraçaço’ de Caetano Velosoenvolveu até a crítica. Poronde passou com a turnê donovo disco, não foram poupadoselogios ao cantor, quese reiventa na apresentação,trazendo um show mais movimentado,sem o tradicionalbanquinho e violão.Muito da mudança é devidaa baixo, bateria e guitarrados integrantes daBandaCê, que o acompanhamno palco. No repertóriovariado, destacam-se“Um comunista”, que homenageiao guerrilheirobaiano Carlos Marighella,e “Funk melódico”, que seaproxima do ritmo popularcarioca. O disco é quase todoexecutado em pé.METRO BRASÍLIAPrograme-se• Abraçaço. Hoje, às 22h. NoÓpera Hall (SHTN, trecho2, Vila Planalto - antigoMarina Hall). Ingressos deR$ 100 a R$ 800. Vendasna Central de Ingressos doBrasília Shopping.Expotchê. Feira ganhafestival de Stand-UpBah! Este ano a Expotchê vaiter até Festival Stand-Up deGauchismo. Além disso, os35 mil metros quadrados defeira serão ocupados por cercade 300 expositores de vinhos,carnes, chocolates, artigosde couro, artesanato epães. Haverá também um minizoológicoe shows de bandasdo Rio Grande do Sul.Zé Calvi, bicampeão doFestival da Mentira de NovaBréscia, conduz o concurso decomédia de improviso, cujotema será o “gauchismo”. Paraparticipar, basta mandar,via redes sociais, um vídeo-esquetede humor. Os dez finalistasse apresentam no dia 9.Nas atrações: Nenhum deNós, Reação em Cadeia, Chimarruts,Vera Loca, a duplaEdu e Renan e o grupo de circo-teatroTholl. Enquanto osadultos veem os shows, ascrianças podem brincar comminiporcos, minicoelhos eoutros animais no minizoológico.METRO BRASÍLIADe amanhã a 14/7. No Parque daCidade (Pavilhão ExpoBrasília).Site: www.expotche.com.br.O Metro indicaCirco“Circulando com aCiRcA”. A A CiRcA Brasilinaparte hoje em itinerânciapelas regiõesadministrativas do DF,levando circo emapresentaçõesgratuitas. Sábado edomingo, às 16h. NoGalpão de Eventos, napraça principal do Varjão(Área Especial 1, ao ladoda PEC). Dali, segue para mais cidades até fim de julho. Grátis.Teatro de rua“O Baile”. O espetáculo que mescla teatro, circo e dançadeixa a sala da Funarte e ocupa o Eixão do Lazer. De 14 dejulho a 25 de agosto, sempre aos domingos. No Eixão (nestefinal de semana, começa na altura da 206 Norte). Grátis.OficinaXXIII Seminário Internacional de Dança de Brasília. Aaula inaugural aberta ao público deste ano será com oaustríaco Sebastian Prantl e o brasileiro AlexGuerra. Domingo, às 17h. No teatro Nacional. Aberta aoPúblico. Grátis.EspetáculosLaços lusitanos. Projeto Sarau celebra arte plástica,música, literatura e cinema portugueses. Hoje, às 20h, noAuditório II do Museu Nacional da República.Feestival de Ópera. Últimas apresentações de “Olga”, dobrasiliense Jorge Antunes. Hoje e domingo, às 20h, noTeatro Nacional. R$ 30.


|14| {ESPORTE}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com3ESPORTERafaelSantosaceitaofertaA diretoria santistaadmitiu ontem que ogoleiro Rafael está desaída para o Napoli, daItália. A oferta seria deR$ 15 milhões, dos quais70% ficariam com o clube– cerca deR$ 10,5 milhões.Ney pode cair hoje;Muricy está prontoFuturo. Técnico é assunto de reunião entrea diretoria e pode deixar comando do clubeO clima no São Paulo nãoanda nada bom após a derrotapor 2 a 1 para o Corinthians,quarta-feira, no Morumbi,pelo jogo de ida daRecopa. Tanto que, uma reuniãohoje pode selar a demissãodo técnico Ney Franco,na véspera do clássicocontra o Santos – domingo,no Morumbi, pela 6ª rodadado Campeonato Brasileiro.Ontem, a diretoria sereuniu no CT tricolor paradiscutir o futuro do time. Esaiu em silêncio.Pesam contra Ney os mausresultados e o clima ruimcom os jogadores. Ele já se desentendeucom atletas comoLúcio e Rogério Ceni.“Não posso dar um passe.Não é culpa só do treinador.Não estamos bemtecnicamente. Tem de serdividido isso. É só ver aquantidade de erros. Essa éa minha visão. Não adiantaeu chegar e mudar tudose a gente tiver a partetécnica abaixo”, desabafouFla volta a Brasília amanhãpara ‘maratona de jogos’o treinador após a derrotapara o Timão.O atacante Aloísio rebateu:“A gente está tentando,mostrando raça, mas não estáadiantando. Tem de ter vergonhana cara, porque o SãoPaulo é um clube grande, nãotem de passar por isso”.Há, também, uma sombrade peso: Muricy Ramalho, tricampeãobrasileiro pelo clubeentre 2006 e 2008, atualmentesem clube e com nome gritadopela torcida. E pronto paraassumir o cargo: “É doisminutos”, falou ele em entrevistaao programa “Papo doBenja”, do “Lance!”.Paulo Miranda é vendidoO zagueiro Paulo Mirandafoi negociado com o Olympiquede Marselha, da França,por 4,5 milhões de euros(cerca de R$ 13,2 milhões).O clube paulista, que possuíaapenas 20% dos direitosdo atleta, irá embolsar aproximadamenteR$ 2,6 milhões.METROFelipe defende a bola no jogo contra o Santos | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIAEnquanto não define a sua“casa” no Campeonato Brasileiro,o Flamengo vai agendandopartidas no DistritoFederal, cidade onde se senteconfortável e tem o maiornúmero de sócio-torcedoresfora do Rio de Janeiro. Amanhã,o Rubro-Negro encarao Coritiba, líder do Brasileirão,no estádio Mané Garrincha,às 18h30, pela 6ª rodadado torneio.O estádio não deve receberlotação máxima, mas certamenteterá um ótimo público.A diretoria do clube informouontem que 41 mil dos 71 milbilhetes disponíveis foramvendidos. As entradas variamde R$ 80 a R$ 200 (inteira) epodem ser adquiridas nas lojasGrandes Torcidas (308 Sul),Action Sports (309 Sul), Lojado Torcedor (Taguatinga), FutebolArte (Riacho Fundo 1),além das bilheterias dos ginásiosNilson Nelson e CláudioCoutinho e também do CentroAquático.Depois de encarar os paranaenses,o clube carioca vaienfrentar o Vasco, em 14 dejulho, e o ASA-AL, em 17 dejulho, no estádio brasiliense.Há rumores de que o timefará outros sete jogos nacidade contra Atlético-MG,Grêmio, Portuguesa, São Paulo,Vitória, Botafogo e Vasco,novamente.Em 26 de maio, o Flamengojogou pela 1ª vez no novoMané Garrincha, no empateem 0 a 0 com o Santos naNey Franco apontou erros dos atletas após derrota | RAFAEL NEDDERMEYER/FOTOARENAabertura do torneio nacional.Treinos no CT do JacaréA “segunda casa” do Flamengona capital federal será oCentro de Treinamento doBrasiliense, localizado no Setorde Clubes Sul.Antes de embarcar para ojogo de ida contra o Asa-AL,pela Copa do Brasil, em Maceió,o Rubro-Negro irá treinarentre 7 a 9 de julho no CTdo time amarelo. METROTudo azul.Corinthianslança camisaO Timão lançou o terceirouniforme para esta temporada:azul, com detalhes empreto e branco na parte internadas mangas. Na gola, ainscrição “És do Brasil o clubeo mais brasileiro: 16 denovembro de 1965”.A camisa é inspirada nomodelo utilizado em 1965,quando o clube representoua Seleção Brasileira em umamistoso contra o Arsenal,em Londres. METROPato foi um dos modelos da novacamisa | LEONARDO SOARES/UOL/FOLHAPRESSCLASSIFICAÇÃOSÉRIE APV GP SG1º CORITIBA 11 3 6 32º VITÓRIA 10 3 10 53º BOTAFOGO 10 3 8 34º FLUMINENSE 9 3 9 35º CRUZEIRO 8 2 11 56º SÃO PAULO 8 2 8 57º GRÊMIO 8 2 5 18º BAHIA 8 2 6 09º VASCO 7 2 5 -310º CRICIÚMA 6 2 6 -411º INTERNACIONAL 6 1 8 112º PORTUGUESA 6 1 5 013º CORINTHIANS 6 3 3 014º FLAMENGO 5 1 5 015º ATLÉTICO-PR 5 1 11 -116º SANTOS 5 1 4 -217º GOIÁS 5 1 4 -518º ATLÉTICO-MG 4 1 3 -219º NÁUTICO 4 1 3 -520º PONTE PRETA 3 1 5 -4Classificados para a LibertadoresRebaixados para a Série B4 golstem o atacante Fernandão, doBahia, artilheiro do campeonato.Brasileirão6ª rodadaAMANHÃ18h30XFLAMENGO CORITIBA18h30XNÁUTICO PONTE PRETA18h30XATLÉTICO-PR GRÊMIO21hXPORTUGUESA CRUZEIROSÃO PAULOBAHIAINTERGOIÁSBOTAFOGOATLÉTICO-MGDOMINGO16hX16hX16hX16hX18h30X18h30XSANTOSCORINTHIANSVASCOVITÓRIAFLUMINENSECRICIÚMA


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.com {ESPORTE} |15|◊◊Agoravai?Brasil volta ao Top 10 da FifaEquipe comemora triunfo sobre a Espanha, por 3 a 0, na final da Copa das Confederações | MICHAEL REGAN/GETTY IMAGESEm 2013, Valdivia atuou em apenas 9 das 35 partidas do Palmeiras e marcou um gol | CESAR GRECO/FOTOARENARetorno. Após quase quatro meses, Valdivia vai para o jogode amanhã, contra o Oeste, em Presidente Prudente, às 16h20O Palmeiras fez na manhã deontem o seu último treinoantes de viajar até PresidentePrudente, onde será mandanteda partida contra o Oeste,amanhã, às 16h20, pela 7 a rodadada Série B. A atividade,que contou com treino coletivo,confirmou a volta do chilenoValdivia à equipe.Resta saber se, desta vez,o retorno do meia será emdefinitivo – o camisa 10 sofrecom seguidas lesões desdeque retornou ao Verdão,em 2010. Foram dez desdeque chegou do Al Ain, dosEmirados Árabes. Sua últimapartida foi em 14 de março,Brasiliense busca a primeiravitória no Grupo A da Série CBRASILIENSExLUVERDENSE-MTcontra o Paulista, ainda peloestadual. Recuperado, eletreinou normalmente durantea parada para a Copa dasConfederações.O bom desempenho nostreinos e o comprometimentono dia a dia deixaram opresidente Paulo Nobre esperançoso.“A expectativa éenorme e a melhor possível.Imprensa, diretoria, torcidae o próprio jogador estãonessa expectativa. Em formae jogando o que sabe, o Valdiviaé um dos melhores dofutebol brasileiro. Com eleatuando, o Palmeiras é outro”,afirmou.Kleber sai, Eguren chegaO atacante Kleber não ficaráno Palmeiras, deacordo com seu empresárioCarlos Neto. Ele comentouque o Porto (POR)já tomou a decisão de vendero jogador e como nãotem proposta palmeirenseele pode atuar até em umclube da Série A do CampeonatoBrasileiro.Por outro lado, o volanteuruguaio SebastiánEguren, da Seleção Uruguaia,realizou examesmédicos no Verdão ontem.O contrato do jogador vaiaté o final de 2014. METRODepois de pouco mais de umano, a Seleção Brasileira voltoua figurar entre as dez melhoresdo mundo no rankingda Fifa. A conquista da Copadas Confederações, após vitóriasobre a Espanha por 3a 0, no Maracanã, em 30 dejunho, tirou o país da 22ª,a pior da história, para a 9ªcolocação.A última vez que o Brasilesteve no Top 10 do rankingfoi em junho de 2012, quandoocupava a 5ª colocação.A liderança segue com osespanhóis, seguidos por Alemanhae Colômbia – os sul--americanos ultrapassaram aArgentina, que agora ocupa o4º lugar. Holanda, Itália, Portugale Croácia também estãoà frente da Seleção Brasileira.O retorno ao quadro dosdez melhores times do mundovem no momento em quea Seleção Brasileira volta a terrespeito internacional, segundoo defensor Thiago Silva, capitãoda equipe nacional.“Tenho certeza de que agente vai ser muito respeitado.Ano passado, dois anosatrás, eu era muito sacaneadona Europa por causa daspartidas do Brasil. Falei paramim e para o grupo que tínhamosque mudar essa visão.Vão olhar para a gentecom outros olhos, respeitandoum pouquinho mais”, alfinetouo zagueiro do ParisSaint-Germain (FRA).O Brasil volta aos gramadosem 14 de agosto,em partida amistosa contraa Suíça, na casa do adversário.METROGDF não confirma amistosoA Seleção Brasileira fará umamistoso contra a Austrália,em 7 de Setembro, no Brasil.Um dos estádios mais contadospara receber a partida éo Mané Garrincha. Em 16 demaio, o secretário extraordinárioda Copa em Brasília,Claudio Monteiro, foi consultadosobre a possibilidade daseleção voltar a Brasília, masnegou a informação – na épocao adversário ainda não eraconhecido. Ontem, o GDF negouque a partida esteja marcada,mas não descartou apossibilidade. METROBrasil jogou no Mané Garrincha contra o Japão | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIACom apenas um ponto somadoem seis disputadosna Série C, o Brasiliensevai em busca da sua primeiravitória na competição.No domingo, o timeamarelo recebe o Luverdense,de Mato Grosso, noSerejão, às 17h, pela 3ª rodadado torneio.O Jacaré ocupa a 9ª colocaçãodo Grupo A, enquantoo time mato-grossensesoma quatro pontos,Regularizado, Luquinhas deverá deve ser titular | CLAUDIO REIS/BRASILIENSEFC.COM.BRem quarto lugar.O confronto vai marcara estreia de Roberto Fernandesno comando do timeamarelo, que deve ir acampo com Welder; Bocão,Fábio Braz, Luan e Gleidson;Júlio Bastos, Serginhoe Baiano; Gilvan, Washingtone Luquinhas. METRO


|16| {ESPORTE}BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 5 DE JULHO DE 2013www.readmetro.comBrasil recebea Bulgária noNilson NelsonWimbledon1 . MIKE HEWITT/GETTY IMAGES 2 .SUZANNE PLUNKETT/REUTERS 3 . TOBY1MEVILLE/REUTERSLiga Mundial de Vôlei. Time de Bernardinho precisa vencer oscompromissos em Brasília para retomar a liderança do Grupo ABrigando pela liderança doGrupo A da Liga Mundial deVôlei, a Seleção Brasileira recebehoje a Bulgária, às 10h,no ginásio Nilson Nelson.Amanhã, as equipes voltam aduelar, às 10h10.Com 14 pontos, a Bulgáriaocupa a 1ª posição dachave, seguida pelo Brasil,que tem 13. Próximo adversáriodo time de Bernardinho,os Estados Unidos ocupama 3ª posição, com 11pontos. As seleções vão seenfrentar em 13 e 14 de julho,no ginásio do Maracanãzinho,no Rio de Janeiro.Jogador do Ural Ufa, daRússia, o oposto Leandro Vissotoestá acostumado a encararos búlgaros no Velho Continente.“Muitos deles jogamna Itália ou na Rússia. A Bulgáriaé forte no ataque e nosaque”, alertou. A preocupaçãode Vissotto é a mesma deLucarelli e Bernardinho, queressaltaram a qualidade doadversário no ataque. O treinadorlembrou também queo rival pode se sobressair naforça física. METRO9 títulosda Liga Mundial soma a SeleçãoBrasileira. A Polônia é a atualcampeã. O último título doBrasil foi conquistado em 2010.Quatro duplasbrasileirasgarantiram vagaAlison e Emanuel, BrunoSchmidt e PedroSolberg, Ricardo e ÁlvaroFilho e Evandro e vitorFelipe estão classificadospara as oitavasde final da etapa polonesado Mundial de vôleide praia.As quatro duplas entramem quadra hoje.Quem perder está forada competição. METROBruninho levanta a bola durante o treino | ALEXANDRE ARRUDA/CBV“Eles têm um ponto na nossa frente e vamos disputara liderança do grupo em Brasília. Se jogarmos comconsistência temos igualdade de condições.”BERNARDINHO, TREINADOR DA SELEÇÃO BRASILEIRAVôlei de praia Basquete MMAUniCeub/BRBvence a terceirana LDBO UniCeub/BRB derrotu oVitória, por 63 a 46, pelaLiga de Desenvolvimentode Basquete. O destaqueda partida foi o armadorVitor Pantoja, com 16 pontos.O atleta é filho do ex--treinador José Vidal.Agora, o Sub-22 candangosó volta a jogarem 31 de julho, em Brasília,contra o CircuitoMilitar. METROAnderson Silvatranquilo paraencarar WeidmanAnderson Silva se mostroutranquilo na entrevista coletivaantes da luta contrao norte-americano ChrisWeidman, válida pelo UFC162, que ocorre amanhã,em Las Vegas.Para o ‘Spider’, a luta,que vale o cinturãodos médios (até 84 kg)do UFC, é apenas “maisum dia de trabalho” emsua vida. METROCastroneves tem vantagem apertada sobre Hunter-Reay | CHRIS TROTMAN/GETTY IMAGESIndy. Castroneves defendeliderança na PensilvâniaCom largada em fila tripla, aetapa de Pocono, na Pensilvânia-EUA,ocorre no próximodomingo, às 13h30, comtransmissão da Bandsports.Na 11ª etapa da Indy em2013, Helio Castroneves defenderáa liderança cada vezmais apertada. Ele soma novepontos a mais que Ryan Hunter-Reay,o vice-líder.Bia Figueiredo de foraBia Figueiredo não disputaráa prova de Pocono de pelaDale Coyne. Em seu lugar, aequipe acertou com a britânicaPippa Mann. METROA Fórmula 1 desembarca nestefinal de semana na Alemanha.A largada para o GrandePrêmio de Nürburgring estámarcada para às 9h.Com três vitórias no circuito,o espanhol FernandoAlonso pode igualar a marcade Michael Schumacher – recordistada prova com quatroconquistas.O alemão foi, inclusive, oúltimo anfitrião a vencer umaprova no país, em 2006, pelaFerrari, quando também faturouo GP de Hockenheim.Líder do campeonato, SebastianVettel tentará maisuma vez quebrar a escrita correndoem seu país. METROClassificação1Hélio Castroneves - 332pontos - Team Penske2Ryan Hunter-Reay - 323pontos - Andretti3Marco Andretti - 277pontos - Andretti4James Hinchcliffe - 266pontos - Andretti5Tony Kanaan - 253pontos - KV RacingFórmula 1. Vettel tentaquebrar escrita em ‘casa’Classificação1Sebastian Vettel- 132 pontos - Red BullRacing2Fernando Alonso- 111 pontos - Ferrari3Kimi Raikkonen- 98 pontos - Lotus4Lewis Hamilton- 89 pontos - Mercedes5Mark Webber- 87 pontos - RedBull RacingVettel ganhou um bolo de aniversário da equipe | MARK THOMPSON/GETTY IMAGES231Duplasmasculinas.Brasileiro na finalO mineiro Marcelo Meloe o croata Ivan Dodigestão na final de duplas.Eles vão enfrentar os irmãosBob e Mike Bryan.METRO2De voltaà decisão.Bartoli atropelaFlipkensA francesa Marion Bartoliatropelou a belga KirstenFlipkens, por 2 sets a 0(6/1 e 6/2) e garantiu umavaga na decisão. Em 2007,ela perdeu na final paraVenus Williams. METRO3Caiu a últimafavorita.Lisicki eliminaRadwanskaA alemã Sabine Lisickivai disputar a sua 1ª finalem Wimbledon. Ela superoua favorita AgnieszkaRadwanska (4º), por 2sets a 1. METRO

More magazines by this user
Similar magazines