clipping adimb

adimb.com.br

clipping adimb

ARGENTINA VAI RESTRINGIR MINERAÇÃO EM ÁREAS DE GLACIARESNa semana passada, o Senado da Argentina aprovou, sob forte oposição do setor mineral, umprojeto de lei de proteção dos glaciares, impondo limites mais rígidos à exploração mineral e aodesenvolvimento dos projetos nas regiões montanhosas do país. A medida pode ter efeitos depequeno porte na mineração de ouro, já que a maior parte dos projetos do metal não está próximade áreas sujeitas à nova legislação.A Argentina vive, atualmente, uma corrida do ouro: a canadense Goldcorp fez recentementeuma oferta de US$ 3,45 bilhões pela júnior Andean Resources, enquanto a Patagonia Gold prepara aabertura da mina Lomada e a Yamana Gold desenvolve um estudo de viabilidade para o depósito decobre-ouro-molibdênio Agua Rica, com a expectativa de começar a construir a mina em 2011. O paíssul-americano registrou no ano passado um novo recorde de receitas oriundas de exportaçõesminerais, com cerca de US$ 2,85 bilhões.Mas pelo menos uma grande mineradora vai sofrer com o novo projeto de lei sobre osglaceares: a Barrick Gold poderá ter problemas com sua grande mina de ouro e prata Pascua Lama,depois de anos de controvérsias com ambientalistas no Chile, e de uma extensa discussão com osgovernos chileno e argentino para divisão dos tributos do projeto, situado em uma região deglaciares.Fonte: Geólogo.comData: 04/10/2010NEWMONT VAI PROSPECTAR OURO NO AFEGANISTÃO?Wahidullah Shahrani, ministro de Minas do Afeganistão, disse hoje que a mineradoraamericana Newmont demonstrou interesse no desenvolvimento de minas de ouro no país, mantendoconversas com autoridades locais desde junho, depois de uma conferência setorial realizada emLondres. O ministro disse que o governo afegão desde então vem provendo a companhia cominformações sobre o país, mas nenhum acordo foi assinado e nenhuma licença foi emitida até omomento.O Afeganistão espera receber, dentro de cinco a sete anos, até US$ 1,2 bilhão anual emreceitas da mineração de ferro, cobre, ouro, petróleo e gás, número que pode subir a US$ 3 bilhõesdepois de uma década, disse Shahrani.Empresas como ArcelorMittal e Rio Tinto também foram convidadas a investir no paísasiático, que prepara para o próximo ano leilões de prospectos de petróleo e cobre.Fonte: Geólogo.comData: 04/10/2010

More magazines by this user
Similar magazines