SOMBRAS

ravinegoncalves

2hMDGeQ

DIVULGAÇÃO

O Metro Jornal é impresso em papel certificado FSC, com garantia

de manejo florestal responsável, pelo Grupo Sinos S/A.

PORTO ALEGRE

Terça-feira,

3 de janeiro de 2017

Edição nº 1.281, ano 6

MÍN: 22°C

MÁX: 35°C

www.metrojornal.com.br | leitor.poa@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @MetroJornal_POA

CIDADES DAS

SOMBRAS

Airão Velho, no Amazonas,

é um dos locais abandonados

O Brasil tem 5.570 municípios – e oito

cidades-fantasma. Abandono de centros

urbanos é tema de livro de arquiteto brasileiro

PÁG. 13

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE

ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Marchezan

anuncia série

de restrições

Primeiro dia. Ao iniciar o mandato, o prefeito Nelson Marchezan

Jr. divulgou ontem uma lista de cortes para melhorar a situação

financeira do município. Entre as decisões está a suspensão, por 90

dias, de pagamento de diárias, passagens aéreas e horas extras PÁG. 03

Rebelião mata

56 detentos

em Manaus

Briga entre facções provoca a maior

tragédia prisional no país desde o

caso Carandiru, em 1992 PÁG. 04

Estado Islâmico

assume ter feito

ataque em Istambul

Atentado terrorista em uma boate

lotada na Turquia na virada do ano

deixou 39 mortos PÁG. 09

Marcelo Medeiros | DONALDO HADLICH/FRAMEPHOTO/FOLHAPRESS

Medeiros assume

o Inter com missão

de reerguer o clube

Novo presidente será empossado

hoje à noite em solenidade no

Centro de Eventos do Beira-Rio PÁG. 16


02| {FOCO}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

1FOCO

Cai o número de

mortes em estradas

Redução. Nos três dias de operação durante o feriado de Ano-Novo, houve 11 mortes

em estradas estaduais, federais e vias municipais, uma queda de 15% em relação a 2016

O número de mortes em estradas

federais, estaduais

e vias municipais no Rio

Grande do Sul caiu 15% no

feriado de Ano-Novo, na

comparação com o mesmo

período anterior, na virada

de 2015 para 2016. Ocorreram

11 mortes no trânsito

neste último feriado,

duas a menos do que no final

de 2015 e início do ano

passado. Os dados foram informados

no início da tarde

de ontem pelo Detran

(Departamento Estadual de

Trânsito).

Para o chefe da Comunicação

Social da PRF (Polícia

Rodoviária Federal), Alessandro

Castro, há uma tendência

de queda gradual

dos acidentes fatais no Estado.

“Podemos considerar

que as pessoas estão mudando

o comportamento.

Aos poucos, a grande maioria

das pessoas está respeitando

a legislação e a sinalização.

Aqui no Rio Grande

do Sul, ano a ano estão melhorando

as condições de

tráfego e as pessoas estão

dirigindo com mais cautela.

Mas ainda alertamos: é

um processo lento e gradual

que depende de todos fazerem

a sua parte, o motorista,

o pedestre e o passageiro”,

afirmou.

No total, 24.336 veículos

foram fiscalizados. A operação,

que teve início à 0h de

sexta-feira passada, autuou

5.984 condutores e recolheu

492 veículos e 136 carteiras

de habilitação.

Média

O Detran divulgou que nos

três dias da 68ª Operação

Viagem Segura ocorreram

263 acidentes e 204 pessoas

ficaram feridas. A média diária

de mortes foi de 3,7. A

média nos últimos dez anos

foi de 4,6 vítimas fatais/dia

na virada do ano, enquanto

a média geral dos 15 feriados

ou datas festivas em que

é realizada a operação é de

6,5 mortes/dia. METRO POA

Fiscalização abordou mais de 24 mil veículos | PALÁCIO PIRATINI/DIVULGAÇÃO

Crime em Santa Catarina

Foi enterrado ontem, em

São Leopoldo, o corpo de

Daniela Scotto de Oliveira,

38 anos, vítima de assassinato

em Santa Catarina. Ela

estava dentro de um veículo

com o marido, que dirigia,

os sogros e um sobrinho de

sete anos. Eles haviam participado

de um jantar, na

virada do ano, com familiares.

O marido da vítima,

Felipe Augusto Soares, afirma

que eles estavam usando

o aplicativo Waze para se

guiar na capital catarinense.

O chefe da Delegacia de

Homicídios de Florianópolis,

Ênio de Oliveira Matos,

contesta a hipótese de que

a família havia sido levada

pelo GPS por engano para a

comunidade de Papaquara.

As causas do crime são desconhecidas,

mas o delegado

acredita que possa ter relação

com o tráfico de drogas.

BANDNEWS

Saúde

Farmácia Distrital

será reaberta

Será reaberta ao público

hoje a Farmácia Distrital

do Centro de Saúde

Modelo, localizada no

bairro Santana. As obras

no estabelecimento iniciaram

em 15 de novembro,

mas o prazo de

conclusão precisou ser

ampliado em função da

necessidade de reforço

na estrutura do prédio

para remoção de paredes.

A reforma aumentou

o número de guichês

e a sala de espera, que

recebeu climatização.

BANDNEWS

Passo d’Areia

Menino morre

ao cair de prédio

Um menino de cinco

anos, identificado como

Bruno Veiga, morreu ontem

ao supostamente cair

de um prédio localizado

no bairro Passo d’Areia, na

zona norte de Porto Alegre.

O apartamento onde

a criança estava fica no

13 o andar do edifício, situado

na avenida Grécia.

Os pais foram encontrados

em estado de choque.

As circunstâncias da morte

do menino ainda serão

apuradas. METRO POA

Assembleia

Novo

presidente

O deputados estadual

petista Edegar Pretto será

o próximo presidente da

Assembleia Legislativa.

O nome do deputado foi

confirmado no cargo em

2014, em acordo entre

os parlamentares. A Casa

está em recesso até 31

de janeiro, e volta às

atividades somente em

fevereiro.

Cotações

Dólar

+ 1,010%

(R$ 3,285)

Bovespa

- 1,06%

(59.588 pts)

Olhar

crítico

DIEGO

CASAGRANDE

DIEGO.CASAGRANDE

@METROJORNAL.COM.BR

Diego Casagrande é jornalista profissional

diplomado desde 1993. Apresenta

os programas BandNews Porto Alegre

1 a Edição, às 9h, e Rádio Livre, na Rádio

Bandeirantes FM 94,9 e AM 640

CONTRATO

VITALÍCIO

O ano que passou parece ter sido dos mais arrastados da

história. Mas 2017 chegou e a hora é agora para fazermos

a diferença. Para isso, sugiro um compromisso com alguns

itens imprescindíveis. Vamos a eles.

“Determinação e organização”. Todos os dias quando levantar

da cama tenha claro que tudo o que fazemos tem

um impacto na vida das pessoas, da coletividade. Por isso,

você deve fazer bem feito aquilo com o que se compromete.

Encare suas atividades como missões. Podem ser coisas

pequenas ou grandiosas, mas que devem ser encaradas

com responsabilidade. Tudo o que é bem feito traz um retorno

positivo para todos. E procure ser organizado no seu

dia a dia. Desde a data de pagamento de contas, o cumprimento

pontual de horários até o retorno a algum cliente.

“Cordialidade e fidalguia”. Lembre-se que tratar os outros

bem e com respeito é a melhor forma de atrair um

clima de harmonia em casa, no trabalho e em qualquer

lugar. Sorrir, cumprimentar, ser prestativo, dizer “por favor”

e “obrigado” costuma abrir mais portas do que imaginamos.

Muita gente não acredita nisso. Acha que tem

de ser duro com os outros o tempo todo para obter resultados

favoráveis. A prática mostra que é exatamente o

contrário. O ser humano tende a ser reativo. Pessoas cordiais

e harmonizadas são mais receptivas e costumam

atrair o mesmo.

“Racionalidade e ética”. Entenda que na vida tudo é

real. Os sonhos, os desejos, as esperanças fazem parte de

uma existência mais leve, claro. Mas as coisas que acontecem

de verdade vêm com trabalho, dedicação, empenho.

Se você gastar mais do que pode no cartão, ninguém

vai pagar suas contas. O pensamento mágico por si

só de nada adianta. Imaginar que as coisas vão acontecer

na vida da gente como que por milagre é apenas autoengano.

Assim, use de forma inteligente o que você aprendeu.

Use a cabeça. Saiba que as coisas têm consequências.

E jamais abra mão da ética nas relações pessoais e

profissionais. Sua consciência é o que vai acompanhar

você para sempre.

Que tal então assinarmos um contrato vitalício com esses

compromissos? Determinação, organização, cordialidade,

fidalguia, racionalidade

e ética nunca fizeram mal a

ninguém. De resto, que neste

contrato conste que as lágrimas,

se brotarem, sejam apenas

de alegria. Feliz 2017!

Selic

(13,75% a.a.)

Euro

- 0,320%

(R$ 3,428)

Salário

mínimo

(R$ 937)

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.poa@metrojornal.com.br

051/2101.0471

COMERCIAL: 051/2101.0302

O Metro Jornal circula em 23 países e tem alcance diário superior a 18 milhões

de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação

e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta

em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC,

Campinas e Grande Vitória, somando 495 mil exemplares diários.

EXPEDIENTE

Metro Jornal. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. (MTB: 70.145)

Editor Chefe: Luiz Rivoiro. (MTB 21.162).

Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso.

Gerente Executivo: Ricardo Adamo Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

Metro Jornal Porto Alegre.

Editor Executivo: Maicon Bock (11.813 DRT/RS)

Editor de Arte: Pablo Tavares Gerente Comercial: Anna Almeida

Grupo Bandeirantes de Comunicação RS. Diretor-Geral: Leonardo Meneghetti

Editado e distribuído por Metro Jornal

S/A. Endereço: rua Delfino Riet, 183,

Santo Antônio, CEP 90660-120,

Porto Alegre, RS. Tel.: (051) 2101-0302

O Metro Jornal Porto Alegre é impresso

no Grupo Sinos S/A.

A tiragem e distribuição

desta edição são

auditadas pela BDO.

40.000 exemplares


PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br {FOCO} 03|

O 1 o dia do prefeito:

cortes e mais cortes

Câmara. Tumulto marca

a votação de reforma

Tesoura. Em sua primeira coletiva de imprensa como prefeito da capital, Nelson Marchezan Jr.

anunciou a suspensão de gastos com vários itens, como obras, diárias e horas extras

Prefeito listou suas medidas ontem

no Paço Municipal | JOEL VARGAS/PMPA

Em seu primeiro dia de mandato,

o prefeito Nelson Marchezan

Jr. mostrou a que

veio. Em coletiva de imprensa

à tarde, ele anunciou dez

medidas para buscar o equilíbrio

financeiro. São cortes

e mais cortes para tentar evitar

o que sua equipe calculou

em um deficit de R$ 1 bilhão

na prefeitura.

Marchezan declarou que o

orçamento de 2017 superestima

o incremento de ISS (18%)

e de ICMS (15%) porque o “cenário

econômico não aponta

essa viabilidade”. Ele também

minimizou o impacto

que possa ter o corte de CCs

e FGs. “É muito importante o

corte de CCs e de FGs. O efeito

financeiro dessa medida,

porém, tem impacto limitado

diante do cenário econômico.”

Ele confirmou a ampliação

do prazo de pagamento

do IPTU com 12% de desconto

até 8 de fevereiro.

Antes da coletiva, o prefeito

já tinha se pronunciado

sobre o pagamento de fornecedores,

que pode ficar para

mais tarde. “Se o prefeito até

ontem não conseguiu pagar

os fornecedores, não seremos

nós que iremos no primeiro

dia e no primeiro mês

realizar esse pagamento. Então

vamos fazer análise desse

volume, da premência de

cada situação e aí sim distribuir

ao longo do tempo.”

O prefeito comentou sobre

as obras. “Obras novas,

se não forem obras urgentes,

com emergência, elas

não serão iniciadas antes

que a gente conclua as pendentes

e antes que tenha recursos

garantidos para que

tenham realmente uma data

de início e de fim.”

Com a tesoura afiada,

começa a gestão Marchezan

em Porto Alegre.

METRO POA E BAND TV

Principais medidas


De dívidas de 2016,

diárias, passagens

aéreas, horas extras,

aluguel de veículos,

obras e instalações.


Serão reavaliados.


Telefonia, uso de

veículos oficiais.


Aluguel de imóveis

e equipamentos,

compra de material

permanente e

participação em cursos

e congressos.

Manifestantes protestaram no interior da Câmara Municipal |CAROLINA ANDRIOLA/CMPA

As votações do projeto e das

emendas ao texto da reforma

administrativa proposta pelo

governo do prefeito Nelson

Marchezan Jr. foram permeadas

de confusões e xingamentos

ontem, na Câmara Municipal.

O presidente da Casa,

Cássio Trogildo (PTB), chegou

a ameaçar cancelar a sessão e

retomá-la futuramente sem a

presença de público nas galerias.

“É meu último anúncio,

vou encerrar a sessão e não

haverá assistência”, declarou.

Minutos antes, por volta

das 16h20, Trogildo já havia

informado que seguranças estavam

identificando as pessoas

que impediam a continuidade

da sessão. Foi um dia

muito tenso na Casa. Depois

de iniciar às 14h, a apreciação

do tema só terminou à beira

das 22h, com a aprovação do

projeto e a rejeição da maioria

das emendas da oposição.

Com o resultado, diversas

secretarias deverão ser absorvidas

por novas pastas, reduzindo

o secretariado. Uma das

votações mais debatidas foi a

da emenda que salvava a Seda

(Secretaria Especial dos Direitos

Animais). O texto acabou

sendo rejeitado. METRO POA


04| {BRASIL}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

56 morrem em rebelião

Violência. Briga entre facções rivais em presídio de Manaus foi classificada como o ‘maior massacre do sistema prisional’ do Amazonas

“Esse foi mais um

capítulo da guerra

silenciosa e impiedosa

do narcotráfico. É o maior

massacre do sistema

prisional do Amazonas.”

SÉRGIO FONTES, SECRETÁRIO DE

SEGURANÇA PÚBLICA DO AMAZONAS

Com crueldade, 56 detentos,

segundo o governo do Amazonas,

foram mortos ontem

durante uma guerra de facções

no Compaj (Complexo

Penitenciário Anísio Jobim),

em Manaus. A chacina foi liderada

por integrantes da

FDN (Família do Norte) que

invadiram a ala que abrigava

presos ligados ao PCC (Primeiro

Comando da Capital) condenados

por estupro.

A rebelião começou por

volta de 15h30 de domingo,

durou 17 horas e 12 servidores

e 14 detentos foram mantidos

reféns. Celas foram incendiadas

e detentos fugiram.

Após o motim, o IML (Instituto

Médico Legal) retirou

das celas corpos mutilados,

decapitados e carbonizados.

Entre os mortos está o ex-

-policial militar Moacir Jorge

Pessoa da Costa, conhecido

como “Moa”, que seria

cúmplice do ex-deputado estadual

Wallace Souza, cassado

e preso em 2009 acusado

de encomendar assassinatos.

Os agentes relataram que

havia muito sangue espalhado

pelo local. “O que causou

espanto foram os corpos

amontoados em pilhas”, relatou

o secretário de Administração

Penitenciária do Amazonas,

Pedro Florêncio.

A SSP-AM (Secretaria de

Segurança do Amazonas) relatou

que a rebelião contou

com a ajuda de presos do semiaberto

– que apenas dormem

na prisão – e que armas

teriam entrado na penitenciária

por meio de buracos

feitos no muro do presídio.

O ministro da Justiça, Alexandre

de Moraes, desembarcou

na capital amazonense e

teve reunião com o governador

do Amazonas, José Melo.

Ficou acertado a ajuda do governo

Federal, inclusive com

envio da Força Nacional, para

contornar os problemas no

presídio. Os presos mais perigosos

devem ser transferidos

para presídios federais. A

OAB enviou um ofício à Secretaria

Penitenciária pedindo

informações sobre os motivos

da superlotação, o número

de detentos cumprindo pena

provisória e a situação dos

funcionários terceirizados

que atuam no local.

Outras rebeliões

A rebelião no Compaj não foi

a única do dia em Manaus.

No CDPM (Centro de Detenção

Provisória Masculino) detentos

também se rebelaram

contra a superlotação. No local

destinado a 568 presos dividem

espaço 1.568 internos.

A polícia foi acionada e o incidente

foi controlado.

No domingo, 87 presos fugiram

do Ipat (Instituto Penal

Antônio Trindade). A Polícia

Civil abriu inquérito para

apurar se há relação entre as

rebeliões. METRO BRASÍLIA

Famílias esperaram por informações | JANDER ROBSON/A CRITICA/FOLHAPRESS

1.224

detentos cumprem pena no

presídio de Manaus que tem

capacidade para abrigar, no

máximo, 592 presos

R$ 44,7

milhões é o valor do Funpen

(Fundo Penitenciário Nacional)

que foi repassado pela União para

o governo do Amazonas

Na história

Outras rebeliões violentas:


Em 2 de outubro de

1992, a Polícia Militar

invadiu o presídio e 111

pessoas morreram.


Em 1952, presos

arquitetaram uma fuga

e 108 detentos e dez

agentes foram mortos.


Em 2004, presos

dominaram a Casa de

Custódia e fizeram reféns

– 30 pessoas morreram.


Em 2002, uma ala do

presídio foi invadida por

criminosos e 27 pessoas

morreram.


Em 2010, uma guerra

de facções deixou

18 mortos.

Vítimas da chacina são enterradas

Aproximadamente 1 mil

pessoas, entre amigos e familiares,

estiveram ontem

no cemitério da Saudade

para dar adeus às 12 vítimas

da chacina que ocorreu

em Campinas (SP) na

noite de sábado para domingo,

quando o técnico

em laboratório Sidnei Ramis

de Araújo, 46, invadiu

a casa onde a ex-mulher

comemorava o Réveillon

com parentes e atirou

contra 15 pessoas. Das vítimas,

onze morreram no

local – incluindo a ex-mulher

e o filho do atirador,

de oito anos –, uma morreu

no hospital e três foram

socorridas em unidades

de saúde de Campinas.

O agressor se matou no local,

logo após disparar contra

as vítimas.

“Eu não tenho nem palavras

para descrever esse

momento. É algo que não

dá para acreditar. Eu sempre

acompanhei essa família.

Já trabalhei com

pessoas que estão sendo

enterradas aqui hoje. É

muito triste”, disse uma vizinha

das vítimas, que preferiu

não se identificar.

De acordo com as polícias

Militar e Civil, o crime

foi premeditado porque

antes de disparar contra as

vítimas Araújo deixou cartas

e áudio justificando a

chacina.

Separado de Isamara há

três anos, o homem lutava

pela guarda do filho, João

Victor Filier de Araújo.

Ainda segundo as suspeitas

da polícia, o atirador

pode ter planejado o crime

como um ato de vingança

contra a ex-mulher.

Araújo foi sepultado no

cemitério de Jaguariúna. O

velório contou com a presença

de familiares e não

registrou protestos.

Pelo Twitter, o presidente

Michel Temer comentou

o caso. “Lamentamos

profundamente as mortes

ocorridas em Campinas.

Manifestamos nosso pesar

junto às famílias. Que 2017

seja um ano de mais paz”,

publicou.

O prefeito de Campinas,

Jonas Donizette (PSB), decretou

luto oficial de três

dias.

‘Tiros por todos os lados’

Antes de sair de casa para

matar 10 pessoas, a ex-mulher

e o filho, Araújo passou

o sábado na piscina,

segundo vizinhos do condomínio

em que ele morava.

Logo em seguida, o

homem deixou o apartamento

às 21h30.

Para entrar na casa onde

a ex-mulher comemorava

o Réveillon com familiares,

Araújo precisou pular

o muro porque o portão do

imóvel em que a chacina

ocorreu estava trancado.

O homem estava armado

com uma pistola alemã calibre

9 milímetros e um colete

com explosivos produzidos

de forma caseira.

De acordo com a Polícia

Civil, Araújo “saiu atirando

para todos os lados”

às 23h55. Dois adolescentes

– de 15 e 17 anos – conseguiram

escapar do atirador

porque se trancaram

no banheiro da casa. Uma

mulher de 52 anos que segurava

um bebê foi poupada

por Araújo.

“Ele olhou para ela e

disse que ela não tinha feito

nada para ele e por isso

iria sobreviver”, disse

o adolescente de 17 anos,

que acionou a Polícia Militar

depois que o técnico

em laboratório parou de

efetuar disparos.

HIDAIANA

ROSA

METRO CAMPINAS

Perfil


Ex-marido de

Isamara e pai de João

Victor Filier de Araújo


Araújo era técnico em Mecânica

e tinha cursos em

universidades internacionais.

Segundo os vizinhos,

era um homem que não

tinha problemas financeiros

e era muito tranquilo.

Ele e Isamara estavam

separados há três anos e

o pedido de divórcio estava

em andamento na Justiça.

Isamara registrou quatro

boletins de ocorrência

por ameaça contra Araújo

e tinha uma medida que

impedia que o homem se

aproximasse do filho.

TV BANDEIRANTES CAMPINAS

Embaixador. Polícia grega

ajudará nas investigações

A polícia da Grécia está no Rio

de Janeiro desde domingo para

ajudar nas investigações

da morte do embaixador grego

Kyriakos Amiridis. O auxílio

dos agentes gregos podem

esclarecer pontos importantes

no crime, como o valor

dos bens que o embaixador tinha

na Grécia e se ele tinha

seguro de vida. Essas informações

podem ser decisivas para

entender se o caso teve motivação

financeira. “Além dos

policiais, estamos contando

com o auxilio do Ministério

das Relações Interiores e com

a embaixada grega, para que

a gente possa juntar todas as

informações possíveis e finalizar

o inquérito”, diz Rivaldo

Barbosa, delegado da Divisão

de Homicídios da Baixada.

Segundo o delegado, Kyriakos

foi morto dentro de casa,

em Nova Iguaçu, pelo policial

militar Sérgio Gomes Moreira

Filho, amante da embaixatriz

Françoise de Souza Oliveira,

e depois levado para o carro,

enrolado em um tapete,

com a ajuda do primo do PM,

Eduardo Moreira de Melo.

O corpo de Kyriakos ficou

no veículo por mais de 24 hora,

ate o PM decidir incendiar

o carro embaixo de um viaduto.

Em um novo depoimento,

o sobrinho do PM afirmou

que Françoise o ameaçou de

morte se ele falasse com alguém

sobre o crime.

O policial aparece em gravações

de câmeras de segurança,

no condomínio do

embaixador. Ele e Eduardo

confessaram participação no

crime, mas a embaixatriz nega

que tenha participado. Os

três tiveram prisão temporária

decretada de 30 dias expedida

pela Justiça. Entre as

motivações para o crime, pode

estar a apropriação de

bens e até do seguro de vida

do embaixador.

Apesar de não haver dúvidas,

a polícia deve realizar

um exame de DNA na filha

de Kyriakos para confirmar

se o corpo encontrado carbonizado

é mesmo do diplomata.

Entretanto, policiais

desconfiam da paternidade

da filha do embaixador.

Kyriakos Amiridis foi encontrado

morto no último

dia 29. Ele estava desaparecido

desde segunda-feira

passada. A mulher dele procurou

a polícia dois dias depois,

dizendo que ele tinha

costume de sair sem avisar

onde iria. METRO RIO E BAND


06| {BRASIL}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

Rio. Crivella cobrará até R$

500 mi de planos de saúde

Em seu primeiro dia de trabalho

como prefeito do Rio, ontem,

Marcelo Crivella foi dar

“expediente” em uma instituição

do Estado: acordou cedo

e foi doar sangue no Hemorio,

onde afirmou que vai

cobrar uma dívida de R$ 500

milhões que os planos de saúde

têm com a prefeitura. Com

os recursos, ele espera aumentar

em até 20% o número

de leitos na rede pública

de saúde ainda em 2017 – um

dos 80 decretos que publicou

no Diário Oficial de domingo

– e diminuir filas do Sistema

de Regulação dos hospitais.

“Chegou a hora de chamar

o Ministério Público e o Tribunal

de Contas do Município

(TCM) para fazer o acerto

de contas. Se eles não podem

pagar tudo, que nos ajudem

com consultas, especialistas,

exames e cirurgias de baixa

complexidade”, propôs o prefeito,

que acrescentou: “Estou

estudando e tenho também a

possibilidade de fazer convênios

com a rede privada.”

O secretário municipal de

Saúde, Carlos Eduardo, disse

que a dívida é referente ao

não pagamento do Imposto

Sobre Serviços (ISS). Os representantes

das operadoras serão

convocados para uma reunião

e discutir o pagamento.

“Uma estratégia seria reverter

parte dessa dívida em

serviços de consultas, exames

e cirurgias. Se tudo correr

bem, será uma grande força

para nós mitigarmos essa

fila, que fere o senso da nossa

dignidade”, disse o secretário.

Prefeito doou sangue no primeiro

dia de governo | BRUNA PRADO/METRO RIO

Segundo Crivella, há cerca

de 100 mil pessoas na capital

à espera de consultas com especialistas,

de exames e cirurgias

de baixa complexidade.

O prefeito contou que decidiu

começar o ano doando

sangue após ver o apelo de

uma médica na Internet. Ele

criou uma campanha para

mobilizar cariocas a doarem

para aumentar os estoques da

entidade, que costumam diminuir

nessa época do ano.

“É um ato simbólico e de solidariedade”,

afirmou.

Crivella tem várias propostas

de municipalização, entre

elas 16 Unidades de Pronto

Atendimento (UPAs) estaduais

até o fim de 2018 e o Maracanã.

Ontem, pelo Twitter,

o governador Luiz Fernando

Pezão disse que entregar o estádio

não será possível, mas

aprovou repassar as UPAs.

“O Maracanã não dá. A concessão

está sendo negociada

com duas empresas”, tuitou.

METRO RIO COM BAND

Doria ‘depositará’

crianças em banco

Educação. No primeiro dia útil de sua gestão, prefeito anunciou que quer usar agências

bancárias ociosas para a criação de 66 mil vagas em creche e zerar a fila até o fim do ano

O prefeito de São Paulo, João

Doria (PSDB), anunciou ontem

que entre as primeiras

medidas de seu governo está

a transformação de agências

bancárias desativadas em creches

para criar parte das 66

mil vagas necessárias para zerar

a fila de atendimento. O

prazo é de um ano e o investimento,

de R$ 230 milhões.

A promessa foi feita durante

a manhã, na sede da

prefeitura, na primeira entrevista

coletiva de Doria após

assumir o cargo, no domingo.

“Convidamos instituições

financeiras do setor privado

e também federais a colaborarem

com a Prefeitura

de São Paulo. Não é para que

forneçam dinheiro, mas forneçam

espaço físico. Todas as

instituições estão se desmobilizando,

diminuindo o número

de agências. Pedimos

que destinem alguns destes

imóveis para implantação de

creches”, afirmou Doria.

As obras para que as

agências sejam convertidas

em creches seriam feitas pelos

próprios bancos, que não

receberiam contrapartida,

segundo Doria. “A contrapartida

é a ajuda social. Estão

ajudando a cidade.”

De acordo com o novo governo,

o número de 66 mil

crianças na fila por creche foi

fornecido pela gestão do ex-

-prefeito Fernando Haddad

(PT) e se refere ao último mês

de dezembro. O total é menor

do que o registrado nos

outros meses, quando geralmente

ultrapassa os 100 mil.

Durante toda a campanha,

Doria afirmou que não

investiria na construção de

creches pela prefeitura, porque

os projetos costumam

ser demorados, e que atacaria

o deficit de vagas fazendo

convênios com instituições

particulares – política

já adotada por Haddad.

Entre as outras ações iniciais

de seu governo, o prefeito

oficializou que tomará

medidas de austeridade, como

cortes de 15% no valor

dos contratos com prestadores

de serviço e de 30% no

número de comissionados, e

que o programa Corujão da

Saúde começará no próximo

dia 10 (leia mais ao lado).

ANDRÉ

VIEIRA

METRO SÃO PAULO

Gari uma vez por semana

Uniformizados de gari, Doria e seus secretários participaram

ontem, às 6h, da primeira atividade do programa de

zeladoria urbana SP Cidade Linda. O prefeito, que subiu em

um carro de limpeza e pegou na vassoura, mas mal varreu o

chão da praça 14 Bis, afirmou que repetirá o gesto uma vez

por semana, em cada etapa do programa | ANDRÉ PORTO/METRO

Réveillon.

Pimentel usa

helicóptero

para o filho

O governador de Minas Gerais,

Fernando Pimentel (PT),

usou um helicóptero do Estado

para buscar o filho após

uma festa de Réveillon na cidade

de Capitólio, no centro-

-oeste do Estado. O vídeo do

político cumprimentando

amigos do filho foi divulgado

nas redes sociais e gerou revolta

entre os internautas. Em

sua conta no Facebook, o governador

afirmou que o uso

da aeronave é legal graças a

um decreto assinado em 2005

pelo então governador Aécio

Neves (PSDB). Ainda ontem,

o governo de Minas divulgou

nota afirmando que Pimentel

vai processar por calúnia o

deputado Sargento Rodrigues

(PDT), que postou o vídeo na

internet. METRO BH

Prefeito de Curitiba é internado

Prefeito e assessores subiram a rampa pela manhã | CESAR BRUSTOLIN/SMCS

Pela segunda vez em quatro

dias o prefeito Rafael Greca

(PMN) foi internado no

Hospital Marcelino Champagnat,

em Curitiba. No sábado,

um dia antes da posse,

ele já havia sido levado

até o hospital pela primeira

vez, Já ontem ele recebeu o

diagnóstico de uma embolia

pulmonar.

Segundo o cardiologista

José Eduardo Marquesine,

que o atendeu, o caso não

é grave e a expectativa é de

que o prefeito passe de dois

até três dias em observação,

medicado. “Seria um caso

grave se ele não tivesse procurado

o atendimento na hora.

Agora ele já foi diagnosticado,

Se deixasse passar

poderia ser grave, mas agora

da forma em que ele está,

não vejo risco”, afirmou.

O tratamento será clínico

e sem cirurgias, na base

de repouso e medicamentos.

Greca não está na UTI,

mas permanece em um

quarto sob constante observação

e com uma equipe

médica pronta a atuar em

caso de emergência.

O médico disse ainda que

a tromboembolia pulmonar

diagnosticada ontem é diferente

do problema que ele

teve no sábado, antes da

posse. Ainda segundo Marquesine,

os dois problemas

não têm relação com o excesso

de peso do prefeito. “A

causa não tem a ver com peso,

é um trombo (coágulo),

que se deslocou e se alojou

no pulmão”, disse.

Também de acordo com

o médico, Greca não sofre

de nenhuma doença crônica.

“O prefeito é um paciente

muito bem cuidado e não

tem nenhum fator de risco”,

disse.

Antes da posse

Pela manhã, em entrevista

coletiva, o prefeito comentou

o 1º internamento

e o atribuiu à emoção que

teve ao visitar o Memorial

de Curitiba, escolhido

como sede da cerimônia.

“Não tenho problema nenhum

(de saúde). Na verdade

houve um quadro de

emoção. Apareceu uma enzima

no exame de sangue,

que poderia ser a sinalizadora

de um enfarto mascarado.

Mas como vocês bem

viram, estou vivo e não me

enfartei. Passo bem para

desespero dos meus inimigos”,

disse.

Devido à internação toda

a agenda do prefeito foi

cancelada.

THIAGO

MACHADO

METRO CURITIBA


08| {ECONOMIA}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

Seu bolso: Tesouro Direto

é o melhor investimento

2017. Analistas consultados pelo Metro Jornal indicaram a compra de títulos do governo como boa opção para preservar o patrimônio

Em outubro de 2016, o Banco

Central iniciou o ciclo

de redução da taxa de juros,

que encerrou o ano em

13,75%. Para 2017, a expectativa

do mercado é de que

o ritmo de corte seja acelerado,

com a Selic chegando,

em dezembro, a 10,50%.

Apesar do cenário de queda,

analistas consultados pelo

Metro Jornal afirmam

que a renda fixa, em especial

o Tesouro Direto, continua

sendo uma boa opção

de investimento.

Vitor Mizumoto, analista

da Spinelli Corretora, ressalta

que o investidor deve

prestar atenção aos juros

reais (diferença entre o juro

nominal e a inflação). “Apesar

da tendência de queda

das taxas de juros e, consequentemente,

do rendimento

nominal das aplicações,

a inflação também está

em tendência de queda. Isso

permite que o investidor

ainda possa usufruir de

uma das maiores taxas de

juros reais do mundo”, diz.

A sua recomendação é

mesclar as posições entre ativos

de mais liquidez – títulos

do Tesouro e aplicações

de vencimento curto, dependendo

do perfil do investidor

– com opções com vencimentos

mais longos e, se

for possível, isenção de Imposto

de Renda. Para Mizumoto,

o investidor deve ter

foco no longo prazo e pensar

em suas aplicações como

um portfólio, combinando

títulos de rendimentos tanto

pós-fixados como prefixados.

COMO ESCOLHER

RENDA FIXA

RENDA

VARIÁVEL

POUPANÇA

TESOURO DIRETO

LCI E LCA

CDB

BOLSA

DÓLAR

Aplicação de baixo risco, tem como principais vantagens a garantia de R$ 250 mil pelo FGC

(Fundo Garantidor de Crédito) e isenção de IR (Imposto de Renda). No entanto, vem registrando

rentabilidade abaixo da inflação

É uma das aplicações recomendadas. A opção mais segura é o Tesouro Selic (pós-fixado).

No caso do Tesouro IPCA e Prefixado, o investidor deve prestar atencão ao prazo

de vencimento. Se sacar antes, pode perder rendimento. Há incidência de IR

Boas opções de renda fixa, as letras de crédito são isentas de IR e têm a garantia de R$ 250 mil

pelo FGC. Mas há um período de carência que costuma ser no mínimo de três meses

É garantido até R$ 250 mil pelo FGC, mas paga Imposto de Renda.

Bancos menores pagam mais

A tendência é de alta caso o governo consiga aprovar as reformas que propôs. É recomendado

para investidores com muito conhecimento de mercado e aplicações de longo prazo

Apenas quem realmente precisa ter a moeda para viajar, por exemplo, deve fazer a aquisição

FONTE: ANBIMA, BANCO CENTRAL, BM&FBOVESPA, TESOURO NACIONAL E ESPECIALISTAS

Para o pequeno investidor

de perfil conservador,

o gerente de investimentos

da Concórdia Corretora,

Mauro Mattes, indica o Tesouro

Selic, que acompanha

a taxa básica de juros. Para

perfis moderado e arrojado,

a recomendação é uma

composição entre Tesouro

IPCA, que paga a inflação e

uma taxa prefixada, e o Tesouro

Prefixado.

“Para investidores com

valores a partir de R$ 100

mil, de perfil de risco moderado,

sugerimos uma composição

entre em LCI [Letras

de Crédito Imobiliário] atreladas

ao IPCA, para prazo

de três anos, e LCA [Letras

de Crédito do Agronegócio]

prefixadas até 180 dias”, diz

Mattes. METRO

Para analista, ações devem manter valorização

O analista da Spinelli Corretora

Vítor Mizumoto avalia

que os índices de ações brasileiros

devem continuar se

valorizando em 2017 com

as aprovações de reformas

fiscais, trabalhistas, previdenciárias,

queda da taxa

de juros, além da tendência

de recuperação do nível de

lucratividade das empresas.

Segundo o analista, para

quem não tem muito tempo

para ficar acompanhando o

que acontece no mercado, a

recomendação é a compra

de cotas de fundos de investimentos

em ações e/ou ETFs

(Exchange Traded Funds),

deixando, dessa forma, a

gestão da carteira para profissionais

especializados.

Já Mattes prevê volatilidade

da Bolsa, principalmente

no primeiro semestre,

devido às incertezas

políticas e continuidade da

elevação da taxa de juros

nos Estados Unidos. O investimento

é sugerido por

ele apenas para investidores

com perfil arrojado e com

uma exposição no máximo

de 20% do patrimônio líquido.

As opções são as ETFs e

os fundos de ações. METRO

Dentro da meta. Mercado

financeiro estima inflação

de 4,87% este ano, diz BC

O mercado financeiro espera

que a inflação medida

pelo IPCA (Índice

Nacional de Preços ao Consumidor

Amplo) no país fique

em 4,87% este ano. A

expectativa é de que a inflação

se situe bem abaixo

da projetada para 2016,

que passou de 6,40% para

6,38%, de acordo com pesquisa

semanal – Boletim

Focus – do BC (Banco Central)

feita junto a instituições

financeiras e divulgada

às segundas-feiras.

Diante da recessão econômica

e da melhora na

inflação, o BC tem sinalizado

que pode intensificar

o corte da taxa básica

de juros, a Selic. Nas suas

duas últimas decisões, o

Copom (Comitê de Política

Monetária) do BC cortou

a Selic em 0,25 ponto

10,25%

é a projeção de economistas

e analistas de instituições

financeiras para a taxa Selic em

2017, segundo o Boletim Focus

percentual. Atualmente,

a taxa está em 13,75% ao

ano. A próxima reunião do

Copom está marcada para

os dias 10 e 11 deste mês.

Para as instituições financeiras,

a taxa Selic encerrará

2017 em 10,25% ao

ano. A previsão divulgada

na semana passada era de

10,50% ao ano.

A projeção de instituições

financeiras para

o crescimento da economia

permanece em 0,50%.

METRO

Energia

Fundo chinês

compra 1/3 de

usinas de SP

O Clai Fund (Fundo Chinês

para Investimentos

na América Latina) fechou

a compra de uma

participação em mais de

2 gigawatts em hidrelétricas

no Estado de São

Paulo recém-adquiridas

pela unidade brasileira

da CTG (China Three

Gorges), que havia pagado

R$ 3,1 bilhões pelas

usinas da Duke Energy

no Brasil e agora vendeu

um terço do negócio ao

Clai Fund pelo mesmo

preço por ação. A CTG e

outras chinesas têm se

movimentado ativamente

em aquisições no mercado

de energia do Brasil.

Hoje a CTG já é a

vice-líder em geração no

país da América Latina,

atrás apenas da Eletrobras.

METRO

Recorde

Balança comercial

tem superavit de

US$ 47,7 bilhões

A balança comercial brasileira

terminou 2016

com superavit recorde

de US$ 47,692 bilhões,

após o saldo positivo de

US$ 19,685 bilhões registrado

no ano anterior,

informou ontem

o Ministério da Indústria,

Comércio Exterior

e Serviços. O resultado é

consequência de exportações

no valor de US$

185,2 bilhões e importações

no total de US$

137,6 bilhões. De tudo

que foi exportado, aumentou

a parcela de ativos

industrializados, de

51,9% do total em valor

em 2015 para 55% no

ano passado. O recorde

anterior havia sido registrado

em 2006, um superavit

de US$ 46,45 bilhões.

METRO

Comércio. Varejo perderá

R$ 10,5 bi com ‘feriadões’

O varejo brasileiro deve perder

R$ 10,5 bilhões neste

ano devido a feriados nacionais

que emendam com finais

de semana, segundo a

FecomercioSP (Federação

do Comércio de Bens, Serviços

e Turismo do Estado de

São Paulo). O montante é 2%

maior que as perdas projetadas

para 2016, uma vez que

em 2017 haverá uma ponte

a mais que no ano passado.

O setor de vestuário, tecidos

e calçados deve perder

cerca de R$ 1,1 bilhão

com os feriados e pontes de

2017, crescimento de 23%

em relação a 2016. Já o segmento

“Outras Atividades”,

em que estão incluídas atividades

como comércio de

combustíveis, deve ter queda

de R$ 3,9 bilhões este

ano, 8% a menos que no ano

passado e o único com variação

negativa, segundo a

FecomercioSP.

Setor de vestuário, calçados e

tecidos será mais prejudicado | PIXABAY

A entidade divulgou ainda

que o índice de confiança

dos empresários do comércio

da cidade de São

Paulo em dezembro teve alta

de 1,9% ante novembro,

para 97,9 pontos. Em comparação

com dezembro de

2015, o índice apontou alta

de 32,2% no mês passado.

O índice varia de zero (pessimismo

total) a 200 pontos

(otimismo total). METRO


PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br {MUNDO} 09|

EI assume

ataque a boate

em Istambul

Retaliação. Para o governo da Turquia, ação foi ‘mensagem’ dos

terroristas contra as operações do país na fronteira da Síria

O Estado Islâmico assumiu

ontem a responsabilidade

pelo ataque a tiros em uma

boate lotada de Istambul na

noite de Ano-Novo que deixou

39 mortos, realizado

por um único atirador, ainda

não identificado. A polícia

distribuiu uma foto em

baixa resolução do suposto

agressor, tirada de uma câmera

de segurança.

“O governo apóstata da

Turquia deve saber que o

sangue de muçulmanos

derramado com o fogo de

aviões e artilharia irá, com

a permissão de Deus, atear

fogo em sua própria terra”,

dizia a declaração do Estado

Islâmico.

O porta-voz do governo

turco, Numan Kurtulmus,

não fez referência à reivindicação

de autoria, mas disse

que ficou claro que as

operações militares da Turquia

na Síria irritaram grupos

terroristas e aqueles por

trás deles.

“Este ataque é uma mensagem

para a Turquia contra

suas decisivas operações

na fronteira” disse Kurtulmus,

acrescentando que a

ofensiva na Síria continuará

até que todas as ameaças

à Turquia sejam removidas.

As autoridades estão perto

de identificar totalmente

o atirador, disse Kurtulmus,

após reunirem impressões

digitais e informações sobre

sua aparência e prenderem

outras oito pessoas.

A Turquia, membro da

Otan (Organização do Tratado

do Atlântico Norte), faz

parte de uma coalizão liderada

pelos EUA contra o Estado

Islâmico e lançou uma

incursão na vizinha Síria,

em agosto, para afastar os

militantes radicais sunitas

e as milícias curdas de suas

fronteiras.

O ataque a tiros na boate

Reina, popular entre celebridades

turcas e turistas

ricos, abalou a Turquia

em um momento no qual

o país tenta se recuperar de

uma fracassada tentativa de

golpe de Estado, em julho,

e uma série de atentados a

bomba em cidades como Istambul

e a capital, Ancara,

alguns atribuídos ao Estado

Islâmico, outros, a militantes

curdos. METRO

Leia mais no metrojornal.com.br

Parentes e amigos acompanham funeral de vítima do atirador na boate Reina | UMIT BEKTAS/REUTERS

Moradores observam ônibus incendiado após explosão no distrito de Sadr City | AHMED SAAD/REUTERS

Netanyahu é interrogado

Investigadores policiais começaram

a interrogar ontem

o primeiro-ministro de

Israel, Benjamin Netanyahu,

na sua residência oficial

em Jerusalém, por causa da

suspeita de recebimento de

presentes de empresários

em desacordo com o seu papel

como servidor público,

disse a mídia israelense.

A ação foi autorizada pelo

procurador-geral, Avichai

Mandelblit, que decidiu depois

de um inquérito preliminar

que havia evidências

suficientes para abrir uma

investigação criminal, relatou

o jornal “Haaretz”.

A imprensa israelense

disse que o interrogatório

por investigadores policiais

começou no fim de ontem,

deveria durar horas e que

certamente haveria outras

sessões nos próximos dias.

Netanyahu disse ao seu

partido, o Likud, no Parlamento

que aqueles que esperam

pela sua queda terão

de aguardar com as

celebrações.

“Não se apressem. Eu disse

antes e vou dizer de novo:

não haverá nada porque

não há nada.” METRO

Carro-bomba deixa 32

mortos e fere 61 em Bagdá

Um carro-bomba do Estado

Islâmico matou 32 pessoas

em uma movimentada

praça no distrito de Sadr

City, em Bagdá. Os militantes

cortaram o acesso a uma

rodovia principal que liga

a capital a Mossul, último

grande bastião dos rebeldes

no Iraque.

Um comunicado on-line

distribuído pela agência de

notícias “Amaq”, que apoia

o Estado Islâmico, disse que

Helicóptero some

com 13 a bordo

Um helicóptero que viajava

de Puerto Ayacucho

a La Esmeralda, na Venezuela,

está desaparecido

desde sábado com 13

pessoas a bordo. A informação

foi confirmada somente

ontem. A aeronave

desaparecida pertence

ao governo. METRO

o grupo sunita ultrarradical

teve como alvo uma congregação

de xiitas, os quais os

rebeldes consideram apóstatas.

Sessenta e uma pessoas

ficaram feridas pela

explosão.

Forças iraquianas apoiadas

pelos EUA estão atualmente

travando uma batalha

contra o Estado Islâmico

para expulsar o grupo militante

sunita da cidade de

Mosul, o último reduto dos

Papa pede

‘tolerância zero’

O papa Francisco pediu

a proteção de crianças

e para que “o sofrimento,

a história e a dor dos

menores que foram abusados

sexualmente por

sacerdotes “não sejam

esquecidos”. Ele ainda

pediu “tolerância zero”

aos religiosos. METRO

jihadistas no país. As forças

do governo, no entanto, enfrentam

forte resistência.

A reconquista de Mosul

pelas forças do governo

pode representar o fim

do autodeclarado califado

do Estado Islâmico, mas os

militantes ainda teriam capacidade

de realizar ataques

ao estilo de guerrilha,

além de tentarem planejar

e inspirar ataques no Ocidente.

METRO

Venezuela Igreja Família real

Resfriado da

rainha preocupa

Após não participar do

tradicional sermão natalino,

a rainha Elizabeth II

também não compareceu

à cerimônia de Ano Novo

devido a um “forte resfriado”.

As ausências da

monarca em público têm

preocupado os súditos

reais. METRO


+

PLUS

Legado americano

Dos EUA

para o

Brasil

Muitas das nossas

sobremesas à base de

sorvete preferidas vieram

dos Estados Unidos. Saiba

mais sobre cada uma

delas e segure-se para não

salivar em cima do jornal.

Milk Shake: A bebida

rendeu polêmica entre

as marcas de fast foods

recentemente e mostrou

que tem muitos fãs e

defensores. E não é

para menos. A deliciosa

mistura é feita à base

de sorvete e leite (ou

creme de leite) em

um emulsificador ou

liquidificador.

Banana Split: Clássica

entre os filmes

americanos, a sobremesa

foi criada nos anos 20 e

consiste em três bolas

de sorvete sobre uma

banana, incrementadas

com calda e chantili.

Sundae: Simples, é

formada por sorvete

servido em taça, com

caldas e xaropes doces. O

nome vem de domingo,

em inglês, porque era a

sobremesa clássica do dia.

10| {PLUS}

Variegato

Já viu aqueles sorvetes de

duas cores, que parecem

desenhados? Eles se chamam

variegatos e têm esse

aspecto porque é mesclada

à massa calda de frutas ou

de chocolates. É de dar

água na boca, não?

Picolé

Clássicos em praias, parques

e praças, os sorvetes

sustentados

por palitos são mais

duros e consistentes,

geralmente feitos de

frutas e em formato

cilíndrico ou

retangular.

ESCOLA SORVETE

Sorbet

Acredite, ele é feito apenas com água e frutas.

O resultado final é simples, leve e de textura

granulada. O melhor: não leva nenhum tipo de

gordura, nem vegetal, nem animal.

Ice Cream

Encontrado

em potes nos

supermercados

e por quilo nas

sorveterias,

o tipo tem

textura firme,

sabor intenso e

teor de gordura

alto.

ESCOLA SORVETE

FREEIMAGES

Gelato

Febre entre os brasileiros, a

massa de origem italiana ficou

conhecida apenas como uma

versão mais gourmet de sorvete.

Mas, na verdade, ela tem textura

mais lisa e suave, além de menos

gordura e maior teor de proteínas.

Sorvete Soft

Ok, o nome pode não ser

dos mais populares, mas o

sorvete com certeza é. Típico

das grandes lanchonetes fast

foods, eles saem de máquinas

instantâneas em formato

espiral, normalmente direto

para as casquinhas. Pasme:

a porcentagem de gordura é

baixa e a de proteína, alta.

HENRIQUE PERON/DAVVERO

HENRIQUE PERON/DAVVERO

Com a chegada do verão

e seus dias e noites muito

quentes, volta à cena

um queridinho nacional: o

sorvete!

Inclusive, segundo a Abis

(Associação Brasileira das

Indústrias de Sorvetes), até

o fim da estação, a expectativa

é de um consumo de

70% de toda a quantidade

de sorvete produzida anualmente

pelas empresas brasileiras

– incluindo picolés,

ice cream e gelato.

A gente nem percebe,

mas estes não são apenas sinônimos

para sorvete. As diferenças

entre os produtos

vão da temperatura à textura,

ingredientes, modo de

preparo e armazenamento.

O mestre sorveteiro

Francisco Santana, da Escola

de Sorvete, explica o

que há de especial em cada

um deles. METRO

ESCOLA SORVETE

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

Esquimo

Acrescente ao picolé

uma deliciosa

cobertura, preferencialmente

de

chocolate. Pronto,

você tem o esquimo.

E, sim, o

nome vale para

monoporções geladas

também.

Creme Glacée

Típico de países como

França e Bélgica, o

sorvete é daqueles de

sabor equilibrado e

textura sedosa na boca.

Depois de provar, a

definição se torna

quase inesquecível.

ESCOLA SORVETE

Paleta Mexicana

Os picolés grandes e,

na maioria das vezes,

recheados fizeram um

supersucesso por aqui

em 2014 e deixaram

de ser conhecidos

apenas no México. Com

certeza você já passou

por alguma paleteria

ou ao menos viu nas

redes sociais a foto de

um sorvete retangular,

muitas vezes recheado.

bom

demais

Sorvete.

Chegamos na época

da sobremesa

mais refrescante

do Brasil. Pronto

para saborear os

diversos tipos?

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Frozen Iogurte

Feito com calda à

base de iogurte,

geralmente em pó,

e leite (também

pode ser substituído

por água), a massa

é produzida em

máquinas softs e

vendida por aí tanto

por quilo quanto por

unidade. Em geral, é

possível acrescentar

frutas, caldas e

outras coberturas.

1ZOOM

Moreninha

Esse tem o

sabor do Brasil.

Muito popular

no interior do

país, o sorvete

é feito em

máquinas de

picolé, em

formato de bola

e posto sobre

uma casquinha.

DIVULGAÇÃO


PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br {CULTURA} 11|

Mostra destaca visões

de fotógrafos gaúchos

Coletiva. ‘Múltiplos Olhares: 21 Fotógrafos’ é uma das novas exposições do Museu de Arte do Rio Grande do Sul

2CULTURA

As muitas possibilidades da

fotografia podem ser percebidas

pelo público na exposição

“Múltiplos Olhares:

21 Fotógrafos”, que abre

hoje nas salas Iberê Camargo

e Oscar Boeira do Margs

(Museu de Arte do Rio

Grande do Sul).

Com curadoria de Fábio

Rheinheimer, a mostra reúne

obras de profissionais

que trabalham em Porto Alegre

e têm atuações distintas.

Bebeto Alves e Antonio Villeroy,

por exemplo, são músicos

profissionais e têm na fotografia

uma outra maneira

de expressão artística. Paulo

Mello é arquiteto, enquanto

Raul Krebs e Manuel Petry

são publicitários e Roberta

Agostini é artista visual.

A exposição ainda tem

um fotógrafo convidado – o

nova-iorquino Gene Johnson

– e obras de dois artistas

O registro feito pelo arquiteto Paulo Mello no Vondelpark, em Amsterdã, integra a mostra | PAULO MELLO/REPRODUÇÃO

do acervo do Margs, Alberto

Bitar e Cibele Vieira.

“A proposta foi apresentar

a fotografia enquanto

instrumento de construção

de narrativas”, explica Rheinheimer,

que também atua

como curador de exposições

do Café do Margs. O resultado

vai da abstração ao

arquitetônico, passando pelo

corpo humano, paisagens

e experimentações. “Cabe

ao espectador fazer suas leituras

e criar simbologias para

o conjunto”, diz o curador.

METRO POA

Para ver

No Margs (Praça da Alfândega,

s/n o - tel.: 3227-2311)

Abertura hoje, às 18h30

Visitação até 29 de janeiro,

de terças a domingos

Entrada franca

Dois séculos de história

do RS vistos em pinturas

‘Dafnis e Cloé’, de Pedro Weingärtner | REPRODUÇÃO

‘Marinha’, de Libindo Ferraz | REPRODUÇÃO

Outra exposição que abre

hoje no Margs é “Uma possível

História da Arte no Rio

Grande do Sul: a emergência

de um sistema da arte

local”, que destaca 15 obras

do acervo de mais de 4 mil

peças museu.

São pinturas produzidas

nos séculos 19 e 20 e que

destacam o início de um

sistema de artes no RS – antes,

devido às características

de desenvolvimento do

Estado, não havia uma produção

artística relevante

por aqui.

Nesta mostra estão expostos

trabalhos daquela

que é considerada a primeira

geração de pintores

gaúchos, como Araújo Porto

Alegre (1806-1879) e Pedro

Weingärtner (1853-

1929), e também obras de

artistas que participaram

da criação da Escola de Belas

Artes (atual Instituto de

Artes da UFRGS), em 1910,

como Leopoldo Gotuzzo e

Oscar Boeira.

A exposição fica em cartaz

até o dia 4 de abril na

Galeria Aldo Locatelli (segundo

andar do Margs). Entrada

franca. METRO POA

As paisagens da Costa Sul

Em cartaz no Bistrô do Margs até 28 de fevereiro, a exposição

“Genius Loci da Costa Sul” apresenta uma série fotográfica

que pretende captar “a alma” de lugares da costa sul do

Rio Grande do Sul, com referências naturais, urbanas e

arquitetônicas. A mostra, assinada por Rita Gnutzmann, foi

uma das vencedoras do concurso de fotografias promovido

pela Associação de Amigos do Margs. | RITA GNUTZMANN/DIVULGAÇÃO

‘Final Fantasy’

Jogável

A cantora pop Ariana

Grande anunciou ontem

pelo Instagram que vai

virar um personagem

jogável de “Final Fantasy:

Brave Exvius”, game

mobile da franquia que

foi lançado em 2016.

Disponível para iOS e

Android, o título gratuito

que foi desenvolvido

pela Square Enix em

colaboração com a A-Lim

vai trazer a artista com o

mesmo figurino do disco

“Dangerous Woman”.


12| {CULTURA}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

Bilheterias do Porto

Verão Alegre abrem hoje

Nos palcos. A edição 2017 do Porto Verão Alegre terá 68 espetáculos, sendo oito estreias. O festival vai de 7 de janeiro a 19 de fevereiro

Chegou a hora de colocar

o teatro em dia. A partir de

hoje, o público pode adquirir

os ingressos para a 18 a

edição do Porto Verão Alegre,

que terá 68 espetáculos,

entre adultos e infantis. Rogério

Beretta e Zé Victor Castiel,

organizadores do PVA,

comemoram a estreia de oito

espetáculos, que esperaram

o verão para fazer sua

primeira apresentação. “Isso

é motivo de orgulho para

nós e também qualifica a

programação”, diz Castiel.

Uma das novidades já está

na abertura do festival, neste

final de semana. “Caio do

Céu” reúne Debora Finocchiaro

e Fernando Sessé numa

homenagem a Caio Fernando

Abreu (1948-1996),

sob a direção de Luiz Arthur

Nunes. O roteiro tem como

base contos, crônicas, poemas,

textos teatrais, entrevistas

e citações do autor.

Entre as demais estreias

estão “Um Hippie um Punk

um Rajneesh”, inspirada na

música d’Os Replicantes e

com direção de Bob Bahlis;

“Amor de 4”, um texto baseado

em Roland Barthes e

com as atuações de Ana Mainieri

e Nicolas Vargas; além

de uma versão de “Sonho de

uma noite de verão”, com direção

de Evandro Soldatelli.

Esta edição ainda terá como

convidado o ator e multinstrumentista

André Abujamra,

que mostra seu solo “O

Homem Bruxa”.

Também estão confirmadas

as temporadas de espetáculos

tradicionais como

“Pois é, Vizinha”,

“Bailei na Curva”e “Guri de

Uruguaiana”.

O Porto Verão Alegre começa

neste sábado e terá

atrações diárias até 19 de fevereiro.

Os locais de apresentação

são o Centro Histórico-Cultural

Santa Casa,

Instituto Ling, Teatro de

Arena, Teatro da Amrigs,

Teatro Novo DC, Teatro Renascença,

Sala Álvaro Moreira,

Teatro Renascença,

Theatro São Pedro e Teatro

do Sesc. METRO POA

‘Um Hippie um Punk um Rajneesh’ é uma das novidades da programação | MARCOS SIGALES/DIVULGAÇÃO

Ingressos

* Os ingressos para o Porto

Verão Alegre custam R$ 30,

com desconto para estudantes

e idosos. As peças infantis

têm ingressos a R$ 20.

* A partir de hoje, os ingressos

estarão disponíveis

no quiosque do Praia de

Belas Shopping; no Casarão

Verde do DC Shopping; e

no site www.portoveraoalegre.myticket.com.br.

As entradas para o Theatro

São Pedro e Instituto Ling

serão vendidos apenas no

local.

* Também haverá venda de

ingressos nas bilheterias

dos teatros, nas datas das

temporadas dos espetáculos.

Nestes dias, o valor será

de R$ 40 (peças adultas) e

R$ 15 (infantis).

* Programação completa

no site www.portoveraoalegre.com.br

Seleção de cartuns ironiza a economia

400

cartuns reúnem empresários

mandões, executivos

assanhados, credores

trapaceiros, fiscais da receita e

acionistas menosprezados

‘A GRAÇA DO

DINHEIRO’

ORGANIZADO POR

ROBERT MANKOFF

ED. ZAHAR

272 PÁGS.

R$ 70

A economia do século 20 pode

ter sido complicada, mas

não significa que não podemos

rir disso. Um bom

exemplo é que há quase

cem anos a consagrada revista

“New Yorker” retrata

o assunto de forma sarcástica

por meio de suas charges.

Para relembrar essa peculiar

coletânea do humor,

chega às livrarias a obra “A

Graça do Dinheiro – As Melhores

Charges da New Yorker

sobre Economia (1925-

2009)”, que traz mais de 400

cartuns nos quais desfilam

empresários mandões, executivos

assanhados, credores

trapaceiros, fiscais da

receita e acionistas menosprezados.

Organizado por

Robert Mankoff, que é desenhista

e editor das famosas

charges da revista, o livro

inclui mais de cem cartunistas,

entre eles Peter Arno,

George Price, William Steig

e Charles Addams.

Do crack da bolsa de Nova

York em 1929, passando

pela Grande Depressão dos

anos 1930 e chegando à crise

de 2008, não há ninguém

no mundo financeiro que

tenha escapado das tiradas.

Vale dizer que “A Graça

do Dinheiro” também apresenta

charges atemporais

sobre o tema da economia,

como a relação de amor e

ódio entre os tomadores de

empréstimos e seus bancos.

METRO


PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br {CULTURA} 13|

O professor do Departamento de Arquitetura da Universidade Estadual de Londrina, Nestor Razente, reuniu em um livro pesquisas sobre oito cidades-fantasma

que couberam no recorte feito pelo pesquisador; diversas atividades econômicas fizeram parte da história desses povoados

FOTOS: DIVULGAÇÃO

METRO MARINGÁ

FUNDAÇÃO

ARARAPIRA

Estado

Paraná

Economia

Por estar em um

ponto estratégico

SÉCULO XVIII

entre São Paulo

e Curitiba, sua

atividade econômica

era baseada no

comércio

AIRÃO VELHO

SÉCULO XVII

Estado

Amazonas

Economia

Concentrava grande

parte da produção

de borracha do

Estado

Cidades (ou povoamentos) fantasma.

Esse foi o estudo proposto pelo professor

do departamento de Arquitetura

da UEL (Universidade Estadual

de Londrina), Nestor Razente, que resultou

em um livro lançado em dezembro

passado: “Povoações abandonadas no Brasil”.

O estudo traz oito cidades-fantasma

em que o autor se debruçou para entender

a história e os fatores que levaram ao

abandono das localidades.

“Existe uma imprecisão do ponto de

vista demográfico. São poucas as cidades

em que não mora nenhuma pessoa. Algumas

ficaram sem ninguém, outras estão

revivendo por causa do turismo – é um

processo incipiente. Então, buscamos alguns

critérios mais subjetivos para poder

alcançar o objetivo”, destacou.

Dentro do universo de 5.570 municípios

existentes no Brasil, a reportagem do

Metro Jornal Maringá destacou sete das

oito cidades-fantasma do país, segundo o

pesquisador.

OURO FINO

Estado

Goiás

Economia

O garimpo

de ouro era

SÉCULO XVIII

a principal

atividade

econômica

da cidade

COCOCI

SÉCULO XVII

Estado

Ceará

Economia

Não teve atividade

econômica intensa

e perdeu o status

de município no

período militar

O espectro

das cidades

FORDLÂNDIA

DÉCADA DE 1920

Estado

Pará

Economia

Cidade fundada

por Henry Ford

a fim de produzir

borracha

DESEMBOQUE

SÉCULO XVII

Estado

Minas Gerais

Economia

Colonizada, a

princípio, para a

extração de

ouro na região

BIRIBIRI

SÉCULO XIX

Estado

Minas Gerais

Economia

Indústria têxtil

propiciada por

iniciativa de

um padre


14| {PUBLIMETRO}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

Crônicas de botequim

RUBEM PENZ

RUBEM.PENZ@METROJORNAL.COM.BR

BAGAGEM

DE MÃO

Antes de partir, mira bem as tuas mãos. Verifica, por

favor, se elas estão carregadas com a minha força. Ela

pode vir a ser mais útil para ti, hoje, do que para mim.

Antes de partir, confira a direção dos teus pés e, se

a vista não estiver apontada para o mesmo lado, volte-

-se para ele com o olhar também. Em frente. Enfrente.

Antes de partir, meça o tamanho das passadas. Descubra

o quão longas são as tuas pernas, o tanto que

elas se projetam enquanto tu caminhas para o futuro.

Escuta em silêncio as batidas do coração agora, antes

de partir. Há dois tempos bem marcados, uma intensidade

variável e eu, provavelmente, esgueiro-me

nas pausas.

A partir de então, ao partir, respira fundo. Suspira

só enquanto toma fôlego. Guarda o cheiro da terra

e leva contigo. Serão outros, novos, os ares a te

seduzir.

Antes de partir, chora um pouco, por favor. Uma

só lágrima derramada por mim será suficiente para

regar o jardim da saudade. Depois, sorria. Muito, todos

os dias.

Antes de partir, abraça com força quem te ama. Demoradamente.

Na memória do corpo, os abraços nunca

se esquecem do colo que um dia foram.

Antes de partir, deixa estar. Estar com dúvidas, estar

com medo, estar com alguma angústia. Deixa todo

o mal-estar, leva todo o bem-estar. Estarei, estaremos,

sempre, contigo.

Partir nunca foi nem nunca será destino. Partir é

caminho, é movimento. Partir também é tempo e,

quando é tempo de partir, quem fica conta o tempo

de regresso.

Partir é repartir. Deixa-se boa parte; outra parte,

a melhor, vai adiante. A que vai, deve ser leve. Aquela

que fica pode muito bem ser mais pesada. Jamais o

contrário. Jamais.

Antes de partir, desista de ir um instantinho. Funciona

como aquele passo para trás anterior ao salto:

tão necessário para que o impulso em frente seja

mais eficaz.

Rubem Penz é escritor, baterista, orientador da oficina literária Santa Sede e autor do livro “Greve

de Sexo” (Ed. Buqui). Saiba mais em www.rubempenz.net

Os invasores

Cruzadas

Leitor fala

Repatriação

Devemos pensar sério no que as comissões

do governo brasileiro estão

planejando fazer com os valores

repatriados que foram retirados do

Brasil, do povo brasileiro, os verdadeiros

donos desses recursos. Esses

valores deveriam voltar à sociedade,

que teve, com esse deficit orçamentário,

de arcar com os absurdos aumentos

de impostos e taxas para cobrir

as contas públicas. Em todos os

momentos de crise, a sociedade esteve

trabalhando sério e produzindo

para que a nação brasileira superasse

as dificuldades e crescesse com

uma redução dos tributos e um aumento

na qualidade de vida, e isso

não aconteceu. E, neste caso, da repatriação

de recursos não declarados

no exterior, a sociedade não está

sendo ouvida nem percebida, e

os governos disputam abertamente

uma parcela maior do dinheiro,

que na verdade é do povo. Essa postura

dos governos no país alimenta

e mantém o sistema antigo e arcaico

de governar, pagando endividamentos

de gestões falidas e folhas

de salários do funcionalismo público

que não param de crescer, não reduzem

suas contas nem trazem melhorias

para a prestação de serviços

básicos e públicos. Repatriar é voltar

à origem.

PEDRO GOMES MOREIRA – PORTO ALEGRE, RS

Quer mais?

Clique metrojornal.com.br

para acessar conteúdo exclusivo,

atualização de nossas reportagens,

todos os nossos colunistas e galerias

com as melhores imagens do dia.

Para falar com a redação:

leitor.poa@metrojornal.com.br

Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Sudoku

Horóscopo

Está escrito nas estrelas

POR: GUILHERME SALVIANO

www.estrelaguia.com.br

Tendências a se voltar aos assuntos

de outras pessoas com mais

intensidade. Interesses por causas

coletivas estarão acentuados.

Propensões para momentos

mais intensos na intimidade

e em confidências de

assuntos relacionados à vida amorosa.

Assuntos familiares e

amorosos serão retomados. Priorize

esclarecimentos ao invés de cultivar

antigos sentimentos que não fazem bem.

Cuide para não se envolver demais

emocionalmente com assuntos de

amigos. Propensões para estar mais

prestativo do que de costume.

Tendências a se dedicar

com mais intensidade aos

assuntos dos outros. O momento é

de compreensão com as condutas de quem mais convive.

O trabalho recomenda atenção

com as informações dos assuntos

que esteja dedicado(a). Na vida

afetiva, cultive as afinidades culturais.

Soluções

com parcerias.

As relações de trabalho deverão ser

marcadas por momentos especiais

e uma nova condição para lidar

Seu regente Vênus ingressou em

Peixes, o que tende a deixá-lo mais

sentimental e envolvido com os

assuntos de quem mais convive.

Período importante para

a definição de burocracias

relacionadas a finanças e a

assuntos materiais. Atente-se com o consumismo.

Novos estudos, viagens e

atividades que alterem sua

rotina serão mais aproveitadas

ou repensadas para conduzir de forma diferente.

Diversões, lazer e eventos serão

mais frequentes e farão bem para

compensar desgastes do dia. Bom

momento para demonstrações amorosas.

O ingresso de Vênus em seu signo faz

com que convívios sociais sejam mais

frequentes. Seu poder de conquista

afetiva estará acentuado.


PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br {ESPORTE} 15|

Opinião

HELIO CASTRONEVES

HELIO.CASTRONEVES

@METROJORNAL.COM.BR

30 ANOS DE CARREIRA E

TORCIDA PELO GUARANÁ

Olá, amigos, tudo bom? Espero que todos tenham “recarregado

as baterias” para começar 2017 com o máximo de

energia para enfrentar os desafios que virão pela frente.

Passei uns dias muito gostosos com minha família na Colômbia

e agora é “acelerar” porque, como vocês sabem, a

rapadura é doce, mas não é mole, não.

Quando começo a pensar em 2017, a memória me leva

a Ribeirão Preto, mais exatamente para o ano de 1987.

Há 30 anos, eu era um garotinho de 11 anos que estava

trilhando os meus primeiros passos no kartismo. Passados

todos esses anos, eu estou aqui pronto para começar

a minha 20ª temporada na IndyCar e a 18ª na Penske.

E se a gente somar os dois anos de Indy Lights (1996

e 1997), o ano de Fórmula 3 na Inglaterra (1995), os dois

de Fórmula 3 Sul-americana (1993 e 1994) e minha estreia

nos monopostos, em 1992, na Fórmula Chevrolet,

no Brasil, são ao todo 25 anos da minha vida dentro do

cockpit de um carro de corrida. Isso sem contar os cinco

anos de kart. Quer dizer, dos meus 41 anos, passei 30 deles

acelerando.

Mas querem saber? Essa história está longe de acabar,

pois vou acelerar ainda por muito tempo e, para isso, motivação

não falta. Parte dessa motivação vem da casa que

frequento desde 2000. Desde que entrei na Penske, eu

evoluí muito em todos os aspectos e pude retribuir a confiança

de Roger Penske com algumas vitórias importantes

para a equipe, como as três em Indianápolis.

Mas, como vocês sabem, quero muito conquistar o título

da temporada, coisa que ainda não consegui, apesar

de estar sempre no grupo da frente e de ter batido na trave

várias vezes (são quatro os meus vice-campeonatos na

Indy). Então, o negócio é lutar, buscar melhorar sempre e

buscar os objetivos.

Por falar em desejar um Feliz 2017 para todos, quero

manifestar aqui a minha torcida pelo tio Guaraná. É isso

aí, chamo de tio o nosso querido Alfredo Guaraná Menezes,

um dos maiores pilotos que o Brasil já teve. Guaraná

foi piloto de Stock Car da equipe que meu pai tinha, me

ajudou bastante quando comecei no kart e fazia parte da

nossa equipe quando eu passei a correr de monopostos.

Guaraná passou o Natal e o Ano Novo internado, porque

está se preparando para um transplante de fígado. Falei

com ele antes do Natal e tenho certeza que, com a ajuda

de Deus e dos médicos, ele se recuperará. Guaraná é

maravilhoso e vai sair dessa. É isso, pessoal, abraço para

todos, Feliz 2017 e vamos torcer para que o pit stop do

Guaraná seja rapidinho. Até semana que vem.

Helio Castroneves, 41, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro

com mais vitórias na Indy, com 27 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e

2009). Disputa em 2016 sua 19ª temporada na categoria e 17ª pelo Team Penske.

O fazedor de

gols uruguaio

Para o ataque. Atacante Gabriel Fernández atua no Racing e está

nos planos da direção gremista e pode desembarcar na Arena

Fernández tem o apelido de “El Toro” |RANGING/DIVULGAÇÃO

8

gols em 15 jogos marcou

Fernández na última edição do

Campeonato Uruguaio.

O fazedor de gols procurado

pela direção gremista pode

falar espanhol. O Grêmio

se movimenta para contratar

o centroavante Gabriel

Fernández, do Racing, do

Urguai. O Nacional, do Uruguai,

é concorrente gremista

na negociação.

A vantagem na disputa,

até o momento, é do clube

gaúcho. O negócio custará

US$ 1,5 milhão (cerca

de a R$ 4,9 milhões). Formado

nas categorias de base do

Defensor Sporting, Fernández,

de 22 anos, defende o

Racing desde 2014.

Apelidado de “El Toro”,

devido a sua complexidade

física de 1,86m e 80 Kg,

o atacante é um jogador de

área, característica ausente

no elenco gremista com

a saída de Henrique Almeida.

Na última edição do

Campeonato Uruguaio, ele

marcou oito gols em 15 partidas.

Sua arrancada e sua

força física para vencer os

zagueiros são suas principais

características.

O uruguaio é o segundo

atacante próximo de vestir

a camisa do Grêmio. Kayke,

atacante brasileiro do

Yokohama Marinos, está

acertado com o clube. Sua

apresentação oficial deve

ocorrer nos próximos dias.

Formado nas categorias de

base do Flamengo, o jogador

rodou por clubes menores

até se destacar na equipe

carioca em 2015 e ser vendido

para o futebol japonês.

Por enquanto, oficialmente,

a direção confirmou

apenas a contratação

do volante Michel, do

Atlético-GO.

O departamento de futebol

trabalha para a permanência

do meia Douglas

e do zagueiro Pedro

Geromel. O meio-campista

ainda precisa renovar o

seu vínculo com o clube. O

defensor desperta o interesse

do futebol europeu,

embora o Grêmio afirme

que Geromel é invendável.

METRO POA

3ESPORTE

Fórmula 1

Escolhido

A Sauber acertou a

contratação de Pascal

Wehrlein (foto) para a

temporada 2017, segundo

a revista MotorSport.

A chegada do alemão,

que correu em 2016

pela Manor, tira o lugar

do brasileiro Felipe

Nasr da equipe suíça.

Wehrlein era um dos

cotados para correr pela

Mercedes este ano, mas

sua transferência para a

Sauber é mais um indício

de que Valteri Bottas

correrá na equipe alemã

e Felipe Massa seguirá

na Williams. A Manor,

agora, passa a ser a única

equipe com cockpit vago

para esta temporada da

Fórmula 1.


16| {ESPORTE}

PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 3 DE JANEIRO DE 2017

www.metrojornal.com.br

As maiores missões de Medeiros

Marcelo Medeiros será empossado como novo mandatário colorado às 19h30, em cerimônia no Centro de Eventos do estádio Beira-Rio. Dirigente tem

a responsabilidade de recolocar o clube na elite do futebol brasileiro.

METRO JORNAL

Série B

Fazer o Inter voltar à elite do futebol brasileiro é a principal

e maior missão de Marcelo Medeiros. Até maio, quando a segunda

divisão começará a ser disputada, o clube deverá se

adaptar, principalmente, na formação do elenco para a temporada.

A manutenção da hegemonia regional é, dentro de

campo, a prioridade número 2, com o clube buscando o heptacampeonato

gaúcho.

Elenco

As más atuações individuais e a apatia na partida que definiu

a queda do Inter fazem com que mudanças no grupo de

jogadores sejam significativas. Atletas com altos salários e

com a imagem desgastada junto ao torcedor devem deixar

o Beira-Rio. Contratações de peso são improváveis. O nome

mais próximo de ser anunciado pela nova gestão é o do zagueiro

Néris, que disputou o Brasileirão pelo Santa Cruz.

Finanças

A fôlego financeiro do clube preocupa o presidente Marcelo

Medeiros. As informações colhidas pelos novos gestores trouxeram

preocupação. A quantidade de dívidas faz Medeiros iniciar

o seu mandato com o sinal de alerta ligado em relação às

questões financeiras, embora o orçamento do clube não deva

sofrer modificações, apesar da queda para a Série B. Nas primeiras

semanas do mandato, será feita uma análise minuciosa

das contas da gestão de Vitorio Piffero. Uma auditoria não

está descartada.

1

2

3

JEFERSON GUAREZE/AGIF/FOLHAPRESS

Ex-Vasco. Pedrinho e

Felipe iniciam carreira

como técnicos no Tigres

Felipe e Pedrinho começaram

a carreira juntos em

1983 no futsal do Vasco da

Gama. Com a camisa cruzmaltina,

os dois fizeram

parte da geração vitoriosa

da década de 1990. Juntos,

conquistaram títulos importantes.

Passados 33 anos, a

dupla reedita a parceria,

mas agora com um novo desafio

pela frente: comandar

fora de campo a equipe do

Esporte Clube Tigres do Brasil

na disputa do Campeonato

Carioca. Felipe assumiu o

cargo de treinador e Pedrinho,

o de auxiliar técnico.

Em entrevista à Band, o

agora “professor” Felipe revelou

que o interesse de seguir

trabalhando no futebol

surgiu por meio de conversas

com Pedrinho.

Pedrinho e Felipe fizeram história

no Vasco | REPRODUÇÃO/BAND

“Quando paramos, tínhamos

o interesse de continuar

trabalhando no futebol.

Organizamos nossas

ideias, fizemos cursos e espero

que tenhamos a mesma

alegria como jogadores

de futebol nessa nova função

de treinador”, disse Felipe.

METRO RIO E BAND

Em São Paulo

Grêmio estreia

na Copa SP

Sob o comando do técnico

Beto Almeida, o Grêmio

inicia hoje a sua participação

na Copa São Paulo de

Futebol Júnior, a mais tradicional

competição do futebol

de base do Brasil. Às

16h, o Tricolor enfrenta

o Brasília, em Votuporanga,

a 520 km de São Paulo.

As outras equipes gaúchas

(Inter, Aimoré e Juventude)

estreiam amanhã.

METRO POA

Ilha do Retiro

Sport dispensa

10 jogadores

O Sport não renovará o

contrato de 10 jogadores,

entre eles o lateral

Apodi e o meia Gabriel

Xavier. METRO POA

Mas já?

Guardiola já fala

no fim da carreira

Aos 45 anos, Pep Guardiola

já fala em aposentadoria.

O técnico do Manchester

City disse não se

ver treinando até os 60

anos. “Estarei em Manchester

nas próximas três

temporadas, talvez mais,

mas estou chegando perto

do final da minha

carreira, tenho certeza

disso”, afirmou, em entrevista

à NBC. METRO POA

Palmeiras

Felipe Melo fica

mais próximo

O volante Felipe Melo não

foi relacionado para a intertemporada

da Inter de

Milão e está perto de acertar

sua transferência para

o Palmeiras. METRO POA

Tênis. Federer e Djokovic

vencem. Murray e Nadal

iniciam temporada hoje

O retorno de Roger Federer

às quadras foi com vitória.

O começo de temporada de

Novak Djokovic, também.

Sem jogar desde julho, Federer

venceu, ontem, o britânico

Dan Evans por 2 a

0 (6/ e 6/4), pela Copa Homan,

disputada em Perth,

na Austrália. Nas duplas

mista, ele e Belinda Bencic

venceram Evans e Heather

Watson por 2 a 0.

O maior vencedor de

Grand Slam da história do

tênis volta a jogar amanhã

contra a equipe alemã, formada

por Alexander Zverev

e Andrea Petkovic.

Em Doha, no Qatar, Novak

Djokovic superou o

alemão Jan-Lennard Struff

por 2 a 0. Hoje, será a vez

do número 1 do mundo,

Bencic e Federer comemoram vitória

| PAUL KANE/GETTY IMAGES

Andy Murray, estrear na

competição contra o francês

Jeremy Chardy.

Rafael Nadal também

inicia a sua temporada hoje,

em Brisbane, na Austrália.

O espanhol terá

pela frente o ucraniano

Alexandr Dolgopolov.

METRO POA

Similar magazines