Aviacao e Mercado - Revista - 5

A350.

Cmte João D'Angelo's

Aeroclube de Pirassununga


Foto Getty Images

Há 111 anos, precisamente em 12 de novembro de 1906, na França. O voo de 220 metros do

14-Bis, com o seu inventor e cmte Alberto Santos Dumont, foi homologado pela Federação

Aeronáutica Internacional (FAI) como o primeiro recorde mundial da aviação.

Foi um recorde de distância de voo, sem escala, de um aparelho

mais pesado que o ar.

Voo de 12 de novembro de 1906

O voo do Oiseau de Proie III

na capa do Le Petit Journal

de 25 de novembro de 1906

A FAI também considera o penúltimo voo do 14-Bis do dia 12

como o primeiro recorde de velocidade, com de 41,3 km/h, em

um voo de 220 metros de distância. O 14-Bis, também conhecido

como Oiseau de Proie (francês para “ave de rapina”), foi

construído por Santos Dumont. A Fédération Aéronautique

Internationale (FAI) é um órgão internacional criado em 1905,

que governa e regulariza os esportes aéreos no mundo.

Sala VIP

Sua criação surgiu da necessidade de

estabelecer critérios aceitos internacionalmente

para decidir se um aparelho

mais pesado que o ar podia, de fato,

voar. É ela quem homologa todos os

campeonatos mundiais e recordes de

desportos aéreos e astronáuticos (espaciais).

No Brasil ela é representada pela

CAB (Comissão do Aerodesporto Brasileira),

fundada em 25 de abril de 1997,

no Rio de Janeiro - RJ. A FAI tem como

objetivo principal encorajar o desenvolvimento

do aerodesporto em todo o

planeta. As suas áreas de competência

abrangem múltiplas atividades aéreas

como acrobacias aéreas, os hidroaviões,

aviões, os helicópteros, os balões, os

dirigíveis, os parapentes, as asas deltas,

os planadores, os saltos de paraquedas,

os veículos espaciais, etc.

A revista norte-americana “National

Aeronautics” (nº 12, volume 17, de

1939), órgão oficial da “National Aeronautics

Association” sediada em Washington

(EUA), também registrou o voo

de 220 metros de Santos Dumont, realizado

em 12 de novembro de 1906,

como o primeiro recorde de aviação

do planeta Terra. A revista descreveu

os posteriores recordes de distância

de voo. Santos Dumont ainda realizou

outros pequenos voos com o 14-Bis.

Cinco meses depois, encerrou os

ensaios com o famoso aparelho. Em

abril de 1907, no campo da Escola

Militar, em Saint Cyr, Paris, depois de

um voo de 30 metros, pousou bruscamente,

tocando com a asa esquerda

no solo, danificando definitivamente

a aeronave.

A principal conquista de Santos

Dumont foi ser o primeiro homem no

mundo a voar em uma máquina mais

pesada que o ar utilizando unicamente

os recursos do próprio aparelho.

Ele construiu e pilotou um avião,

cumpriu todos os requisitos básicos

de voo usando apenas os meios de

bordo: táxi, decolagem, voo nivelado

e pouso. Além disso, foi o primeiro

que demonstrou isso publicamente.

08 Aviação & Mercado Aviação & Mercado 09

More magazines by this user
Similar magazines