Março/2015 - Revista VOi 117

jota.2016

Grupo Jota Comunicação

HOTEL CAMBOA

LAZER COM BOA GASTRONOMIA

NA CIDADE MAIS HISTÓRICA

DO PARANÁ

Juliana

SILVEIRA

“O ATOR PRECISA TER VERSATILIDADE

E SER INTENSO EM SEUS PERSONAGENS”

HARLEY-DAVIDSON: CUSTOMIZAÇÃO CRIA

IDENTIDADE E TORNA MOTO AINDA MAIS EXCLUSIVA


MAREL.COM.BR

MARELCURITIBAGETULIOVARGAS

O S O S M OMMOEM NETNOTS

O S

M AMI AS I S D ODCOECS E S ÃSO

à O

A QAUQEUL ELS E S Q UQE

U E

V OVCOÊ C Ê P APSASSA

S A

C OCM O M Q UQEUM E M A MAA M.

A .

F EFLEI LZ I Z P ÁPSÁCSOC A O!

A !

MAREL MAREL CURITIBA

AV. AV. GETÚLIO GETÚLIO VARGAS, VARGAS, 2483 2483

ÁGUA ÁGUA VERDE VERDE

41 3343.4953

41


A ARTE

EM METAL

www.fundarte.com.br

www.fundarte.com.br


Fábrica

41 3076 6898 | 9866 8283

Rua Epaminondas Santos, 2805

Bairro Alto - Curitiba - PR

Showroom

41 3257 6090 | 3053 6090

Rua Estados Unidos, 1713

Boa Vista - Curitiba - PR


• EDITORIAL

CAPA

Nesta edição a atriz Juliana Silveira

posou para as lentes de Felipe Lessa,

com stylist de Arno Jr., beleza de Everson

Rocha e produção executiva de Tatiane

Zeitunlian

CHARME DE OUTONO

No mês de março nos preparamos para a chegada do outono. Como todo

curitibano bem sabe, aqui na capital nesta época do ano as temperaturas

costumam ser mais amenas. Por isso para antecipar o que está por vir,

presenteamos nossos clientes com um editorial de moda produzido em um

dos espaços mais lindos de Curitiba: a Universidade Livre do Meio Ambiente.

As roupas trazem as tendências para as estações mais frias com muito estilo

e elegância.

Março também é conhecido pelo Festival de Teatro de Curitiba que

movimenta o cenário cultural e lota a cidade com turistas e artistas. A

reportagem principal traz um circuito de programas para fazer na capital

incluindo galerias de arte, museus e é claro um acervo de obras a céu aberto.

Ainda no tema, a capa desta edição é ilustrada pela talentosa atriz Juliana

Silveira que revelou detalhes da extensa carreira.

Para os amantes da Harley-Davidson, nosso Test Ride traz a icônica moto

transformada pelas mãos do profissional Celio Dobrucki, referência nacional

quando o assunto é personalização e fabricação de motos. E para aqueles

que procuram um refúgio de descanso, o roteiro apresenta o grandioso Hotel

Camboa, em Paranaguá, com opções de lazer para aproveitar a cidade mais

antiga do Estado.

Imperdível!

Pedro Bartoski Jr.

Diretor-executivo Revista VOi

AUTUMN CHARM

EDIÇÕES ANTERIORES

In the month of March, we begin to prepare for the arrival of autumn.

Like all Curitibanos well know, here in the capital at this time of the year, the

temperatures tend to be milder. Therefore, to anticipate what is to come,

we present our readers with a fashion story produced in one of the most

beautiful parks in Curitiba: the Free University of the Environment. The clothes

demonstrates the trends for the colder seasons with much style and elegance.

March is also known for the Theater Festival of Curitiba, which agitates

the cultural scenario and fills the city with tourists and artists. Our main story

shows the circuit of what-to-do programs in the capital, including art galleries,

museums and of course an art collection in the open. Still on the subject, the

cover of this edition is illustrated by the talented actress Juliana Silveira, who

reveals details of her extensive career and daily challenges.

For Harley-Davidson lovers, our Test Ride is about the iconic motorcycle

transformed at the hands of Celio Dobrucki, a professional with a national

reference when it comes to motorcycle customization and manufacturing.

And for those seeking a haven of rest, this month’s Tour is to the grand Hotel

Camboa, in Paranaguá, outlining the leisure options available to take advantage

of the oldest town in the State of Paraná.

Pleasant reading!

Pedro Bartoski Jr.

Executive director Revista VOi

06


lezalez.com

lezalez.com

Park Shopping Barigüi | Piso superior

Tel.: (41) 35324032

@lezalezcuritiba


• EXPEDIENTE

Bastidores

Foto: Valterci Santos

01

01 • DUAS RODAS

Celio Dobrucki, proprietário da Celio Motorcycles, posou

para foto durante produção do Test Ride deste mês

Foto: Fabio Ortolan

02

02 • BELEZA

A transformada desta edição, Isabella Matowski, rodeada

pela equipe do IC Hair Concept responsável pelo visual:

Jessica Leandro e Isabel Cristina Nogueira

Foto: Revista VOi

03

03 • VISITA

A repórter da Revista VOi, Larissa Angeli, foi até

o MON conferir a exposição do artista João Turin

durante a produção da reportagem principal e

aproveitou para registrar o momento

Ano XII • Edição n.º 117Março 2015

Year XII • Edition n.º 117 • March 2015

A Revista VOi é uma publicação da

JOTA Editora

Rua Maranhão, 502 - Água Verde

CEP 80610-000 - Curitiba (PR) - Brasil

Fone/Fax: +55 (41) 3333-1023

Veículo filiado a:

JOTA COMUNICAÇÃO

Diretores/Directors:

Comercial - Fábio Alexandre Machado

Executivo - Pedro Bartoski Jr.

revistavoi@revistavoi.com.br

Negócios - Joseane Knop

joseane@jotacomunicacao.com.br

JOTA EDITORA

Diretores/Directors:

Comercial - Fábio Alexandre Machado

Executivo - Pedro Bartoski Jr.

revistavoi@revistavoi.com.br

Redação/Writing:

Editor: Rafael Macedo

editor@revistavoi.com.br

Flávia Santos

Larissa Angeli

Thiago Pereira

jornalismo@revistavoi.com.br

Projeto Gráfico/Graphic Design:

Supervisão: Fabiana Tokarski

Fabiano Mendes

Bruce Cantarim

Fernanda Domingues

criacao@revistavoi.com.br

Colaboradores/Colaborators:

Fotógrafos: Fabio Ortolan

Valterci Santos

Depto. Comercial/Sales

Department:

Claudio Martins

Danielle Pedroso

Marcelo Taras

comercial@revistavoi.com.br

Fone: +55 (41) 3333-1023

Colunistas/Colunists:

Carla Boabaid

Mônica Gulin

Tufy Geara

Valterci Santos

Depto. de Assinaturas/Subscription:

Coordenação - Monica Kirchner

assinatura@revistavoi.com.br

Ligação gratuita:

0800 600 2038

Na Rede

www.facebook.com/revistavoicuritiba

www.revistavoi.com.br

A Revista VOi é uma publicação mensal e independente, dirigida ao público curitibano, a turistas, rede hoteleira e gastronômica de Curitiba. A VOi não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos e colunas assinadas, por

serem de responsabilidade de seus autores. A utilização e reprodução pode ser feita desde que informada e citada a fonte. A Revista VOi também não se responsabiliza por fotos de divulgação, bem como, por anúncios e imagens

enviadas por terceiros, por entender serem de responsabilidade de seus produtores.

VOi is a monthly and independent publication directed at the public, tourists, hotel chains and gastronomy in Curitiba. VOi does not hold itself responsible for the concepts contained in the articles and columns signed by others.

These are the exclusive responsibility of their authors. The use and reproduction of any part of the publication can be carried out as long as the source is duly noted and cited. VOi is also not responsible for photographs that are part

of any divulgation, as well for advertisements and images supplied by others, and understands that they are the exclusive responsibility of those who produced them.

08


• SUMÁRIO

06

Editorial / Charme de outono

Editorial / Autumn Charm

20

Moda

Carreira a mil

62

08

12

14

20

26

32

36

38

40

42

44

46

48

50

52

Expediente

Cartas

Notas

Moda / Carreira a mil

Entrevista / Juliana Silveira

Interview / Juliana Silveira

Principal / Curitiba cultural

Diversão / Experiência única

Transformação / Sofisticação ímpar

Vitrine

Coluna / Construção civil por Carla Boabaid

Coluna / Provopar

Coluna / Talento em foco por Valterci Santos

Coluna / Eventos by Mônica Gulin

Coluna / Joias eu uso por Tufy Karam Geara

Click

72

54

62

69

72

76

80

Beleza / Outono / Inverno Lez a Lez

Caderno gastronômico

Bem-Estar

Test ride / Peça única

Test ride / The only one

Esporte / Ritmo latino

Viagem / História e diversão

Travel / Enjoying history

86

89

Cultura

Música / Cena local II

80

90

Histórias / Sexo nada frágil

10


• CARTAS

NA MÍDIA

Capa da Edição 116/Fevereiro

com a atriz Carolina Kasting

A atriz Carolina Kasting brilhou na capa da

última edição da VOi. A foto rendeu muitas curtidas.

A Zafferano Eventos também mostrou na

página do facebook a participação na Revista e

ganhou elogios. E Isabel Cristina Nogueira, proprietária

do IC Hair Concept, publicou a última

Transformação que ficou um arraso!

Gostaria de parabenizar toda a equipe da VOi. Não perco

uma edição. A Revista surpreende pela qualidade do conteúdo.

Tem reportagens para todos os gostos. Particularmente, adoro a

entrevista, sempre fico sabendo um pouco mais sobre os artistas.

Parabéns!

Gabriela Silva, Curitiba (PR)

Adoro quando a VOi traz reportagens sobre decoração de

ambientes, como a da última edição. São excelentes para ter

ideias inteligentes na hora de escolher como dispor os móveis

na casa. Parabéns para a equipe e continuem trazendo matérias

valiosas para o nosso dia a dia.

Vanderleia Lima, Curitiba (PR)

A VOi está cada dia mais atrativa. Gosto das fotos, sempre

bonitas e elegantes. Adorei a última edição, porque acompanho

o trabalho da Carolina Kasting [capa da edição 116] e gosto

bastante. Tenho paixão por pés, assim como ela, e me inspiro

nas fotos da página do facebook dela. Que a Revista continue

divulgando pessoas que o público segue e admira. Bom trabalho!

Luiza Andrade, Curitiba (PR)

Acompanho a Revista VOi desde as primeiras edições. Pude

conferir a evolução da editora e de seus colaboradores. As páginas

demonstram isso por si só: a cada edição a Revista me surpreende

e me encanta. Adorei a reportagem sobre ioga, que saiu na última

edição. Sou praticante e conhecedora do esporte, mas aprendi

ainda mais com as informações da Revista. Quero agradecer a

todos que fazem da VOi um excelente meio de comunicação.

Obrigada e parabéns!

Silvia de Fátima Arruda, Curitiba (PR)

NA REDE

www.facebook.com/revistavoicuritiba

www.revistavoi.com.br

12


Av. Comendador Franco, 815 (Av. das Torres) | Jardim Botânico

41 3262.4665 | corupellecuritiba@yahoo.com.br

Corupelle Curitiba


• NOTAS

Gastronomia

ímpar

Durante a organização de um evento escolher profissionais

qualificados é fundamental para o resultado esperado.

Com o objetivo de revolucionar este mercado, a Zafferano

Eventos Gastronômicos nasceu em Curitiba da parceria entre

profissionais com vasta experiência em atender ao seleto

público da capital. Os menus são comandados pelo renomado

chef Eudemar Cavalcanti e atendem à demanda dos eventos

sociais e corporativos de pequeno e grande porte.

Fotos: divulgação

Peça luxo

O que mais chama atenção em um casamento é sem

dúvidas a noiva. Para estarem radiantes na data, todas

se preocupam com os mínimos detalhes do look,

no qual o vestido é peça fundamental. A Cymbeline

- marca francesa de vestidos de noivas - acaba de

chegar à Curitiba na Les Mariées para deixar o dia do

sim ainda mais inesquecível e, é claro, belo. Cada

traje é elaborado para ser um verdadeiro produto de

luxo, são peças únicas e sofisticadas que surpreendem

com tules, bordados e muita renda. Na capital a

loja foi inaugurada em uma casa no bairro Ahú, que

oferece total conforto às clientes e vem agradando as

sofisticadas noivas curitibanas.

Foto: divulgação

Prevenção para

os pequenos

Os cuidados com a higiene bucal adquiridos

na infância e na adolescência influenciam

diretamente para uma boca saudável na fase

adulta. A prevenção em odontopediatria é

um assunto que a Vivant Blanc leva muito a

sério e para isso disponibiliza um quadro de

profissionais especializados na área. Pensando

em ajudar nesse aspecto, a clínica destaca os

cuidados essenciais para cada fase da vida.

Quando criança é de suma importância a profilaxia diária como aplicação de flúor e uso do fio dental, mas os tratamentos

auxiliares à prevenção da cárie como selante de fissuras e sulcos de dentes posteriores feitos na clínica são essenciais. Já os

jovens na faixa etária de 10 a 20 anos costumam ser mais preguiçosos em relação à higienização, o que exige mais atenção. Em

todas essas fases o acompanhamento odontológico por meio de um programa educativo, preventivo e curativo é indispensável.

Foto: divulgação

14


• NOTAS

Grãos

selecionados

Além da já conhecida linha de carnes nobres para o dia a

dia e ocasiões especiais, o açougue Bull Prime traz mais

uma novidade para os clientes que prezam por um bom

café. Em parceria com a recém-inaugurada 4 Beans Coffee

Co., microtorrefação de Cafés Especiais de Curitiba, a Bull

Prime conta com algumas variedades de diferentes regiões do

país. Dentre eles está o Blend 4 Beans, feito a partir de duas

marcas de Minas Gerais (Fazenda Jatobá e Fazenda Braúna),

desenvolvido para os cafés expressos que podem também ser

provados na loja. “Acompanho o trabalho do Otavio Linhares

há muito tempo e sei que o café desenvolvido por ele é

realmente diferenciado. O mais legal é que temos o café para o

cliente levar para casa, tanto em grãos quanto moído na hora”,

ressalta Marcos Canan, proprietário da Bull Prime.

Fotos: divulgação

Estilos

variados

As cervejas artesanais

estão fazendo a cabeça

dos curitibanos. Por isso o

Portato Premium investiu

em uma linha completa

para harmonizar com as

massas e grelhados da

casa. Os destaques

ficam por conta das

bebidas fabricadas pela

cervejaria Providência,

de Cascavel (PR),

nos estilos ESB (Extra

Special Bitter), Pale

Ale e a India Pale Ale.

Para quem prefere o

chope, há três opções

disponíveis: Pilsen

– levemente amargo

com sabor puro malte;

Dunkel – escuro

intenso com notas de

café e toffee; e Weizen

– de cor turva e aromas

de cravo e banana.

Foto: divulgação

Conforto

ao dormir

Há mais de 20 anos a Sleep Home Colchões comercializa

produtos das melhores grifes multinacionais do segmento.

Recentemente a empresa inaugurou um showroom conceitual

com produtos da marca norte-americana Simmons, fabricados

no Brasil pela Flex. Os modelos contam com tecnologia de

ponta para deixar as noites mais confortáveis. O atendimento

da loja é personalizado assim como a decoração que foi

projetada para dar a sensação de aconchego para que o cliente

se sinta em casa.

Foto: Fabiano Mendes

16


Os kaftans e vestidos da

nossa linha Cyclades são a

interpretação da HOLI das

tradições indianas e levantinas

mais antigas, do mais belo da

seda, e do desenho e

eartesanato em pedrarias.

Kaftan Kymolos

Seda e pedrarias

CASHMERE FOREVER

www.holihomeandfashion.com.br

(41) 9982 8127


• NOTAS

Reforço no time

A top estilista Juliana Jabour

assumiu como diretora criativa da

grife catarinense Lez a Lez, que em

Curitiba tem loja no Park Shopping

Barigüi. A parceria começou na

coleção de Alto Verão 2015,

na qual Juliana lançou uma

coleção cápsula com 22 peças

inspiradas no mood descontraído

e sofisticado do balneário de

Jurerê Internacional. Além de

contribuir com a elaboração das

coleções da Lez a Lez, Juliana vai

desenvolver uma coleção cápsula

- Juliana Jabour para Lez a Lez -

exclusiva por semestre. “É a primeira vez que estou dirigindo uma marca que

não fosse a minha. É uma grande responsabilidade, por isso ainda estou me

adaptando, mas a experiência está sendo incrível”, conta a estilista. A novidade

promete agregar ainda mais informação de moda e sofisticação ao urban beach

característico da grife catarinense. Como nova diretora criativa, Juliana também

opinará nas campanhas, lookbook e na imagem da marca.

Foto: divulgação

NATUREZA

Curitiba, que já foi considerada

a capital mais verde e ecológica

do país, se prepara para ganhar

mais um parque: o Vista Alegre

das Mercês. O espaço terá 100 mil

m² (metros quadrados) de área,

com bosque, equipamentos de

lazer e recreação. A expectativa da

Prefeitura Municipal de Curitiba

é que a inauguração aconteça no

segundo semestre deste ano.

em

ALTA

Decoração em foco

Foi dada a largada para a

Casa Cor Paraná 2015. O

Open House ocorreu no

começo de março no Espaço

a Fábrika, que abrigará a XXII

edição da mostra. O imóvel

escolhido foi o patrimônio

arquitetônico de Curitiba

de 1907, localizado no

Alto da XV, região nobre da

capital. O tema que norteará

a exposição deste ano será

Consumo Consciente. De

acordo com a diretora da

Casa Cor Paraná, Marina

Nessi (foto ao lado), o tema

reforça o compromisso com

a prosperidade econômica do Estado. “Frente às ameaças de grave

crise hídrica nosso evento vai chamar a atenção para as questões

de responsabilidade ambiental.” Os presentes ainda assistiram à

palestra Tendências do Morar em 2015, ministrada pelo diretor

de relacionamento e conteúdo do grupo Arquitetura e Design da

Editora Abril, Pedro Ariel Santana. A Casa Cor Paraná 2015 será de

23 de junho a 9 de agosto.

Foto: Valterci Santos

em

baixa

PICHAÇÃO

Durante a produção da reportagem

Principal desta edição, a equipe

da Revista VOi foi até a Praça 19

de Dezembro, no Centro, com

o objetivo de fotografar o painel

de Poty Lazzarotto, e constatou

que a obra do artista assim como

os demais monumentos da praça

encontram-se pichados e mal

cuidados. Uma perda lastimável

para o patrimônio público e

cultural curitibano.

18


Grajagan

surf resort

Praia Grande – Ilha do Mel

HOSPEDAGEM, GASTRONOMIA E EVENTOS

www.grajagan.com.br | Fone: 41 3426 8043


• MODA

carreira

a mil

MAIS MADURA PROFISSIONALMENTE,

JULIANA SILVEIRA IMPRESSIONA

COM OS PAPÉIS DE PESO QUE VEM

DESEMPENHANDO. MESMO COM A

CORRERIA DO TRABALHO, FAZ QUESTÃO

DE SE DEDICAR AOS DOIS HOMENS DE SUA

VIDA: O FILHO BENTO E O MARIDO JOÃO

Vestido - FORUM

www.forum.com.br

Brincos - ARAMEZ

www.aramez.com.br

20


MARÇO 21


• MODA

Vestido - FORUM

www.forum.com.br

Brincos - ARAMEZ

www.aramez.com.br

Pulseiras - LÁZARA DESIGN

www.lazaradesign.com.br

Peep Toe - ALEXANDRE BIRMAN

www.alexandrebirman.com.br

22


Vestido e cinto - DASLU

www.daslu.com.br

Brinco - HECTOR ALBERTAZZI

www.hectoralbertazzi.com.br

Pulseira - LÁZARA DESIGN

www.lazaradesign.com.br

MARÇO 23


• MODA

Blusa - DASLU

www.daslu.com.br

Saia - DAIANE VON FUSTENBERG

www.dvf.com

Cinto - acervo

Brincos - LÁZARA DESIGN

www.lazaradesign.com.br

Pulseira - DUSA

www.duza.com.br

24


Ficha técnica:

Fotógrafo: Felipe Lessa

www.felipelessa.com.br

Stylist: Arno Jr

Beauty&Hair Artists: Everson Rocha

Produção Executiva: Tatiane Zeitunlian

www.tatianezeitunlian.com.br

Assistente Produção Executiva: Jorge Takechi

Locação: Condomínio Peninsula (RJ)

Blusa - LELIS BLANC

www.lelis.com.br

Calça - DASLU

www.daslu.com.br

Brincos e pulseira - HECTOR ALBERTAZZI

www.hectoralbertazzi.com.br

MARÇO 25


• ENTREVISTA

26


Juliana

Silveira

Por Larissa Angeli

Fotografia: Felipe Lessa

Q

uem está acostumado a ver o rostinho de boa moça de Juliana Silveira em trabalhos voltados

ao público infantil pode até se assustar com a personagem atual que a atriz está interpretando:

a vilã Priscila, na telenovela Vitória, da Rede Record. A diversidade de papéis ao longo da

sólida carreira só comprova a versatilidade e competência da artista de tirar de letra qualquer desafio.

Juliana que começou muito cedo no meio artístico como Angelicat, – nome dado na época às assistentes

de palco da apresentadora Angélica – atuou em diferentes emissoras, mas foi na atual casa que deu

vida ao que considera um dos principais personagens da sua carreira, a Maria Flor, protagonista do

folhetim Floribella. Com um dia a dia super corrido, Juliana busca o equilíbrio entre o trabalho e os

momentos de atenção ao filho Bento e ao marido João. A atriz costuma dizer que não pensa no futuro e

prefere viver o presente intensamente : “não faço muitos planos. Mas existem desejos dentro de mim”.

Em um bate-papo muito descontraído Juliana atendeu à reportagem da Revista VOi e concedeu, com

simpatia ímpar, a entrevista a seguir.

F

or those who are accustomed to seeing the squeaky-clean face of Juliana Silveira in shows

aimed at children, may become petrified with the current character that the actress

is playing: the villain Priscilla, in Vitória, the soap opera from the Record Network. The

diversity of roles, along her solid career, only proves the versatility and skill of the artist of taking

on any challenge to the letter. Juliana began very early in the artistic medium as an Angelicat,

at the time, the name given to those supporting TV personality Angélica on stage. She took

on parts with different TV networks, and it was with the current Network that she gave life

to what is considered one of the main characters of her career, Maria Flor, protagonist of the

soap opera Floribella. With her very busy day to day, Juliana seeks to balance her work with

moments of attention to her son Bento and husband João. The actress says that she doesn’t

think about the future and chooses to live intensely in the present: “I don’t make many plans.

But there are desires inside me.” In a very relaxed conversation, Juliana met with Revista VOi

reporters and granted them the interview below, with an unexpected thoughtfulness.

MARÇO 27


• ENTREVISTA

Começou a carreira bem nova como Angelicat. Sente

saudades daquela época? O que aprendeu?

Só não sinto mais saudades porque encontro muito a

Angélica e as meninas. A gente se vê com frequência.

É engraçado que, quando estamos juntas, relembramos,

fazemos as coreografias, dançamos. Foi uma época

gostosa da minha vida. Comecei a trabalhar muito nova,

mas tinha diversão. Não tinha o peso. É claro que tinha

responsabilidade, mas era gostoso estar ali. O trabalho

amadurece e sempre traz experiência. Como atriz me

ajudou muito no improviso, a ter jogo de cintura, ser

mais rápida de raciocínio e na hora de posar fiquei mais

desinibida. Ser Angelicat foi uma preparação para vida

que veio depois.

Sua família sempre te apoiou na carreira artística?

No início meu pai e minha mãe não queriam. Quando fiz

o teste e passei eles agradeceram, mas disseram que não

poderia ser Angelicat. A produção começou a procurar

outra menina. Aí fiz greve de fome, fiquei muito chateada

e meu pai entendeu que teria que ceder. Ele ligou lá e

pediu para me chamarem de volta. Mas a primeira reação

foi não. Disseram que não ia fazer televisão. Hoje em

dia, que sou mãe, entendo, eles queriam me proteger.

Como em todos os momentos da vida, a gente tem que

ter jogo de cintura e às vezes temos que ceder e foi o

que aconteceu.

Se o seu filho quiser seguir a carreira artística vai apoiar?

Apoiaria, mas não estimularia. Mas se for uma coisa natural

que venha da alma dele, uma vontade forte, aí sim.

A chance disto acontecer é bem grande porque a mãe

é atriz, o avô é artista plástico, o tio é poeta. Então será

natural ele querer fazer alguma coisa relacionada à arte.

Já trabalhou para o público infantil e adulto. Tem alguma

diferença?

Bastante diferença. Tudo faz parte do momento da vida.

Sou muito intensa. É legal trabalhar para crianças porque

é muito sincero e elas acreditam naquela história que está

contando e em toda a fantasia. Para o ator é especial. Agora

estou vivendo uma vilã neonazista. Se tiver que fazer

uma peça infantil logo em seguida, vou tomar um baque

You began your career very young, as an Angelicat. Do

you miss those days? What did you learn?

I don’t miss them, because I often get together with

Angelica and the girls. We see each other frequently. It’s

funny, that now and then, when we are together, we set

out dances and dance them. It was a particularly exciting

part of my life. I started working at a very young age, but

I had fun. I was a nobody, then. Of course, I had some

responsibility, but it was great to be part of it. The work

matured and, with this, came experience. As an actress,

this helped me a lot with improvisation, to react quickly,

to respond quickly, and posing became more uninhibited.

Being an Angelicat was preparation for the life that

came later.

Did your family always support your artistic career?

At the beginning my father and my mother didn’t want

me to follow this career. And when I took the test and

passed, they congratulated me but said I couldn’t be an

Angelicat. The production started looking for another

girl. So, I staged a hunger strike, I was very upset and

my father understood that he would have to give in. He

called the production and asked them to call me back.

But their first reaction was no. They said I wasn’t made

for TV. Nowadays, I’m a mother, and I understand that

they wanted to protect me. As in every moment of life,

we have to think deeply about things and, sometimes, we

have to give in and that’s what happened.

If your son wants to follow the career, will you support

him?

I would support him, but not encourage him. But if it’s a

natural thing that comes from his soul, a strong will, then

yes. The chance of this happening is quite large because

his mother is an actress, his grandfather a painter, and his

uncle a poet. So it is natural he will want to do something

related to the arts.

You have already worked with children and adults. Is

there any difference?

There is quite a difference. It’s all part of the moment in

life. I’m very intense. It’s nice to work for children because

it is very sincere and they believe in the story you

É legal trabalhar para crianças porque é muito sincero

e elas acreditam naquela história que você está

contando e em toda a fantasia. Para o ator é especial

28


Vivo muito o presente, o que a vida está me dando

naquele momento. Não faço planos para o futuro e não

penso no passado

porque estou ligada na chave da vilã que tem uma coisa

mais sexy. Ela mata, é sórdida. Então estou nessa onda.

Mas se essa entrevista fosse há dez anos, quando estava

fazendo Floribella, diria que estava felicíssima e nem

pensava na possibilidade de fazer algo diferente. Vivo

muito o presente, o que a vida está me dando naquele

momento. Não faço planos para o futuro e não penso no

passado. Não sou nostálgica, passou, bola para frente.

Fui muito feliz em todos os momentos da minha carreira.

Qual seu personagem favorito?

Tenho um carinho especial pela Floribella, é o que mais

gosto até hoje. Mas agora estou mais velha, fui adquirindo

experiência e novas vontades foram surgindo. Estou

em um momento que estou me descobrindo e fazendo

cenas mais densas e difíceis. Estou sendo mais exigida

como atriz e estou conseguindo responder às exigências.

Já fez peças de teatro e telenovelas. Tem vontade de

fazer cinema?

Tenho planos de produzir meu primeiro filme. Já tenho

uma proposta de um filme de suspense e terror. Nada a

ver com o público infantil.

Na época da Floribella se lançou na carreira de cantora.

Deu continuidade?

Sou uma atriz que canta, se necessário. Nunca fiz um

musical na vida, assisti vários, mas acho que ainda não

estou preparada para fazer. Daqui a uns 10 anos quem

sabe consigo tempo para fazer aulas e me preparar.

Queria fazer um musical. Não faço planos. Mas existem

desejos dentro de mim.

Como faz para aliar a carreira profissional com a vida

pessoal?

Equilibrando pratos e torcendo para que eles não caiam

e quebrem. A vida de ator é complicada, a gente não

cuida da nossa agenda, é a produção que faz o roteiro

semanalmente. Vou vivendo semana a semana, para

saber quais dias vou estar disponível para o meu filho e

marido. Quando estou fazendo novela é assim. Não dá

para programar uma viagem ou um almoço de domingo.

A família tem que entender. Meu marido tem que abrir

are telling and the fantasy, and for the actor, this is very

special. Now, I’m living a neo-Nazi villain. If I have to do

a play for children soon after, I won’t do well because

I am plugged into the role of a villain that is somewhat

sexy. She kills, she is sordid. So I’m on this wave. But if

this interview were ten years ago, when I was playing

Floribella, I would say I was happy and would never even

think about the possibility of doing something different. I

very much live in the present, taking advantage of what

life is giving me at that moment. I don’t make plans for

the future but I don’t think in the past. I’m not nostalgic,

what has happened, happened. I have been very happy

at every stage of my career.

Who is your favorite character?

I have a special affection for Floribella, so far, she is my

favorite. But now I’m older, I have more experience under

my belt and new desires have emerged. I’m at a moment

where I’m finding myself and doing more intense and

difficult scenes. I’m being required more as an actress

and I’m managing to respond to this demand.

You’ve done plays and soaps. Would you like to do a film?

I have plans to do my first film. I have a proposal for a

film of suspense and terror. Nothing to do with children.

At the time of Floribella, you started singing. Have you

continued?

I’m an actress who sings if necessary. I’ve never done a

musical in my life; I have watched several, but I’m not sure

I’m prepared to do one. In about 10 years maybe, I will

find time to take classes and get myself ready. I wanted

to do a musical. I don’t have any plans. But I have many

such things inside me.

How do you combine your professional career with your

personal life?

Balancing plates and hoping they don’t fall and break. An

actor’s life is complicated, we don’t take care of our own

agenda; it is the production that decides on what playing

the role requires on a weekly basis. I’m living week to

week, not knowing which days will be available for my

son and husband. When I’m doing a soap, that’s what life

MARÇO 29


• ENTREVISTA

mais mão nesse ponto, mas ele é super tranquilo.

Quem são suas referências na hora de atuar?

Cláudia Abreu e Adriana Esteves são o máximo. Babo

no trabalho delas. Desde as mocinhas até as vilãs. Essas

duas são referências mesmo de trabalho, como conduzem

a vida com descrição sabem cuidar da carreira de uma

forma que acho bacana e admiro.

O que gosta de fazer nos dias de folga?

Gosto de ficar com meu filho, levar na escola, buscar,

brincar, fazer coisas de mãe mesmo. Gosto de dormir

também. Faço uma massagem. À noite tomo um vinho

com o marido. É um pouquinho para cada: para mim,

para o filho e para o marido.

Tem algum hobby?

Gosto muito de ler, mas não tenho tido tempo. Sinto

falta. Adoro revista. Compro todas da banca, porque com

criança é mais fácil de ler. Mas um hobby específico,

acho que não tenho. Não sei costurar nem fazer nada

diferente (risos).

Gosta de moda?

No dia a dia sou super desencanada, praticidade em

primeiro lugar. Então escolho sempre o básico, uso tênis,

rasteirinha. Mas quando tenho uma festa penso com

antecedência no que vou usar. Adoro moda. Quando é

para trabalho e preciso de assessoria tenho pessoas que

me ajudam.

O que faz para manter a forma?

Atualmente não consigo malhar, faço drenagem e seguro

a boca. O pouco tempo que sobra ou estou estudando

o texto ou estou com o filho e o marido. Não consigo

chegar na academia.

is all about. You can’t schedule a trip or a Sunday lunch.

The family has to understand. My husband has to be open

to this point, but he is super and accepts it.

Who are your references at the time of acting?

Cláudia Abreu and Adriana Esteves are great. I drool over

their work, from the good guys to the bad guys. These

two are really my references, even in the life they lead, a

life with description, they know how to take care of their

career in a way that I find pleasing and I admire.

What do you like to do on your days off?

I like to be with my son, take him to school, pick him up,

play and do things a mother does. I like to sleep in too,

and have a massage. In the evening, I have a glass of wine

with my husband. A little time for each of us: for me, for

my son and for my husband.

Do you have any hobbies?

I love to read, but I don’t have much time. I miss it. I

love magazines. I buy out the newsstand, because with

a child, they are easier to read. But a specific hobby, no

I don’t think I have one. I can’t sew or do anything much

different (smiling).

Do you go in for fashion?

In the day by day, I’m super easygoing, practicality in first

place. So I always go in for the basics, I wear sneakers,

sandals. But when I am going to a party, I think in advance

about what I will wear. I love fashion. When it comes

to work and I need advice, I have people who help me.

What do you do to keep in shape?

Currently, I can’t find time to work out, so I do drainage,

and eat little. In the little time left, I’m studying my lines

or spending time with my husband and son. I don’t have

time to get to the gym.

Comecei a trabalhar muito nova, mas tinha diversão.

Não tinha o peso. É claro que tinha responsabilidade,

mas era gostoso estar ali. O trabalho amadurece e

sempre traz experiência

30


• PRINCIPAL

Curitiba

cultural

Reduto de grandes artistas, a capital paranaense conserva um grande acervo de

obras de arte em museus, galerias e nas ruas da cidade

Foto: Revista VOi

Curitiba oferece um verdadeiro museu a céu aberto aos moradores e turistas.

Exemplo disso são os painéis de um dos mais fantásticos artistas curitibanos:

Poty Lazzarotto. Em agosto de 2014, as obras de Poty deram um grande passo:

foram tombadas como patrimônio cultural do Paraná. Entre elas, o mural Imagens

da Cidade, localizado na Travessa Nestor de Castro

32


Foto: Revista VOi

Muitos não sabem, mas o desenho nesta foto é uma Rosácea de Pinhão

desenhada por João Turin, Lange de Morretes e João Ghelfi, precursores do

Paranismo. Em vários pontos da cidade é possível observar nas calçadas de

Petit-Pavé e na arquitetura elementos deste movimento

T

odo mês de março Curitiba serve, literalmente,

de palco para o Festival de Teatro, o evento mais

grandioso do país no segmento. A cidade se enche

de atores e turistas, os teatros ficam repletos de vida

com peças de diferentes gêneros, voltadas aos mais variados

e exigentes públicos. Entre tantos títulos que Curitiba

já ganhou, capital da cultura poderia ser muito bem

um deles. Terra de nomes ilustres em todas as artes, a

cidade tem uma extensa programação cultural que pode

ser aproveitada não apenas em março, mas durante todo

o ano.

Foi aqui que escritores, atores, pintores e escultores

escolheram criar raízes e encontraram um reduto para

dar asas à imaginação. Tantas obras enchem nós conterrâneos

de orgulho e nos permitem dizer que Curitiba

tem sim artistas conhecidos em todo o país e fora dele

também. São inúmeros espaços onde é possível conferir

um pouco da arte curitibana: museus, galerias de arte e

é claro um acervo enorme de obras a céu aberto, que

podem ser observadas por quase toda a cidade. Este mês

a Revista VOi selecionou algumas opções de passeios

culturais para fazer na capital e conversou com pessoas

que se esforçam para que Curitiba seja cada vez mais

conhecida por sua excelência artística.

MUSEU A CÉU ABERTO

São muitas as obras de artes que podem ser apreciadas

na cidade. A cada esquina, um monumento público

parece encher os olhos de quem passa observando a paisagem.

Todos são importantes para compor a identidade

visual da capital e enumerar quantos painéis, esculturas

e pinturas existem é uma tarefa e tanto, mas entre os artistas

que deixaram sua contribuição seria impossível não

citar Napoleon Potyguara Lazzarotto, o Poty, talvez um

dos mais expressivos e, também, amado pelos curitibanos.

O legado do versátil artista de traço único está presente

em vários pontos da capital nos grandiosos - não

pelo tamanho, mas sim pela excelência - murais criados

em concreto, azulejos, vitrais ou madeira. “As cidades

têm seus poetas, cantores e pintores. Os mineiros têm

Guignard, os cariocas Di Cavalcanti. Curitiba recebeu o

privilégio de ter Poty a celebrá-la”, escreveu Regina Casillo,

no livro: Poty O Lirismo dos Anos 90.

Curitibano, Poty não se cansou de retratar a cidade

que tanto amou. Estudou na França, mas voltou para

Curitiba e empregou aqui as técnicas que aprendeu. Presenteou

a arte da cidade com murais, gravuras e ilustrações

nos livros de Jorge Amado, Graciliano Ramos e do

também curitibano Dalton Trevisan. Em agosto do ano

passado, com votação unânime, as obras públicas de

Poty no Estado do Paraná deram um grande passo: foram

tombadas como patrimônio cultural.

Outro artista que tem um bom acervo a céu aberto é

o também versátil João Turin, que se destacou em diferentes

áreas – arquitetura, pintura e até mesmo moda -,

mas foi como escultor que cravou sua marca por aqui.

Como um dos precursores – junto com Lange de Morretes

e João Ghelfi - do Paranismo, movimento que exaltou

a paisagem do Estado como as araucárias e o pinhão,

contribuiu com grandes detalhes da cidade. Exemplo são

as Rosáceas de Pinhão, desenhadas nas calçadas de Petit-

-Pavé.

MARÇO 33


• PRINCIPAL

O painel de Poty Lazzarotto em azulejos, localizado na Praça 19 de Dezembro,

tem como tema a evolução política do Estado do Paraná e faz parte

do conjunto escultural que representa a data da Emancipação Política do

Estado em 19 de dezembro de 1853

“Ao participar do Paranismo, Turin defende a nossa

arte. Ele buscou na fauna e flora inspiração. Ainda em

Porto de Cima, em Morretes (PR) onde nasceu, fazia esculturas

de barro moldadas na própria perna. Depois foi

para Bruxelas estudar arte, mas voltou para Curitiba em

1922. Turin nunca se casou e nem teve filhos, porque

achava que não teria tempo suficiente para trabalhar,

caso tivesse uma família”, conta o gestor do acervo do

artista, Maurício Appel.

ESPAÇOS CULTURAIS

Curitiba tem ainda uma infinidade de museus e galerias

de arte que contribuem para enriquecer ainda mais

o acervo cultural da capital. No Centro Histórico, no

bairro São Francisco, o Solar do Rosário promove há

22 anos a arte paranaense e nacional. Regina Casillo

segue à frente do empreendimento em um casarão que

por si só já tem muita história para contar. “Meu pai era

advogado do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro

nos anos 60. Lá me envolvi com a arte. Isso tocou muito

minha juventude”, lembra. “Em 1989 meu marido teve

a chance de comprar este imóvel. Me reuni com vários

artistas e contei meu desejo de criar a galeria de arte

e todos eles disseram: vá em frente. Começamos com

muita história e respeito pela arte paranaense. O Paraná

é um celeiro de artista. O que gosto na arte daqui é que

Foto: Revista VOi

Foto: Maira Pedron/PMC

Foto: Revista VOi

Maurício Appel é hoje o gestor do acervo de João Turin. As fundições

realizadas no Atelier João Turin deram vida à exposição Turin - Vida,

Obra e Arte, recorde de visitação no Museu Oscar Niemeyer e que

parte agora para outras capitais nacionais, EUA e França

A Sala do Artista do Solar do Rosário foi inaugurada por Poty que também

fez a primeira exposição. Uma curiosidade: na parte superior da

parede cada azulejo representa uma exposição realizada naquela sala.

Na foto, Regina Casillo, proprietária da galeria

34


Foto: Revista VOi

A Gibiteca é uma das unidades que integra o complexo cultural Solar do

Barão. Com acervo de mais de 25 mil títulos o local é um prato cheio para

crianças e amantes das histórias em quadrinhos. Ainda na galeria é possível

conhecer gratuitamente o Museu da Gravura e o Museu da Fotografia, todos

com entrada franca

não tem improviso, o artista vai fundo no capricho do

trabalho”, enaltece Regina.

Entre os objetivos da ex-advogada, que deixou a profissão

para se dedicar à galeria, está a irradiação da arte

paranaense. “Todos devem ter acesso. Arte também é

produto cultural, é o instrumento de sobrevivência do

artista”, define. A empresária abriga constantes exposições

no espaço Sala do Artista, e todos os cômodos do

casarão são ocupados por obras que estão a venda. Para

aproximar as pessoas ainda mais desse universo a galeria

promove no atelier mais de 50 cursos.

Outro complexo na cidade é o Solar do Barão, que

contempla importantes unidades da Fundação Cultural

de Curitiba: o Museu da Fotografia, o Museu da Gravura,

o Museu do Cartaz e a Gibiteca. Muitos não sabem, mas

o prédio histórico era a antiga residência do Barão de

Serro Azul. A partir da década de 80 o local passou a ser

espaço cultural e desde a fundação teve entrada gratuita.

“O museu foi pensado como uma estrutura completa,

com centro de pesquisa, museu e ateliers de gravura.

Grande parte dos artistas curitibanos passou pelo Museu

da Gravura. Temos histórico de eventos internacionais

que trouxe ao público oportunidade de apreciar obras de

maior valor. Já o Atelier da Gravura dá chance de colocar

a mão na massa”, conta Ana González, coordenadora do

Museu da Gravura.

Foto: Revista VOi

CONFIRA ALGUNS MUSEUS E GALERIAS

DE CURITIBA COM ENTRADA GRATUITA

A onça rugindo, apelidada de Luar do Sertão, foi premiada com medalha

de ouro no Salão Nacional de Belas Artes. Em Curitiba a peça de

João Turin pode ser apreciada na rótula do Centro Cívico, quase em

frente à prefeitura

• Casa Romário Martins – Largo Coronel Enéas, 30 - São

Francisco • Centro Cultural Solar do Barão – Rua Presidente

Carlos Cavalcanti, 533 - Centro • Memorial de

Curitiba – Rua Claudino dos Santos, s/n - São Francisco •

Museu Alfredo Andersen – Rua Mateus Leme, 336 - São

Francisco • Museu de Arte Contemporânea do Paraná –

Rua Desembargador Westphalen, 16 - Centro • Museu do

Expedicionário – Praça do Expedicionário, s/n - Alto da

Glória • Museu Ferroviário – Av. Sete de Setembro, 2775

- Shopping Estação • Museu Guido Viaro – Rua XV de Novembro,

1348 - Centro • Museu Metropolitano de Arte

– Av. República Argentina, 3430 - Portão • Museu Oscar

Niemeyer* – Rua Marechal Hermes, 999 - Centro Cívico

• Museu Paranaense – Rua Kellers, 289 - São Francisco

*Gratuito no primeiro domingo do mês

MARÇO 35


• DIVERSÃO

Experiência única

CINÉPOLIS OFERECE

VARIEDADES DE SALAS

NO SHOPPING PÁTIO

BATEL

Fotos: Fabio Ortolan

I

r ao cinema é um momento mágico. É possível fugir

da realidade e mergulhar em um mundo diferente,

conhecer personagens e histórias, rir, chorar, sentir

medo, raiva, amor. Enfim, deixar a emoção tomar conta

daquelas poucas horas em que parecemos estar em um

universo paralelo. A evolução da indústria cinematográfica

é algo constante e os aparatos para produzir os filmes se

desenvolveram muito desde a invenção da sétima arte.

Para acompanhar este movimento, as salas de cinema

também se tornaram mais tecnológicas com o objetivo

de oferecer ao público sensações únicas.

A Cinépolis, rede mexicana de cinema - presente na

capital no Shopping Pátio Batel, sabe muito bem como

surpreender o público. As três opções de salas atendem

36


a todas as demandas e transformam o

simples ato de assistir a um filme em

uma verdadeira diversão. A sala 4DX,

exclusividade da rede, oferece ao

público uma tecnologia audiovisual

sem precedentes, com efeitos e

sensações reais sincronizadas ao

filme devido às poltronas que possuem

sistema eletrônico de movimentos, o

que permite simular quedas, trepidação e

vibrações, além de aceleração e frenagem.

Ou seja, a pessoa se sente parte do filme. A

experiência se torna ainda mais real com as

instalações especiais nas paredes e poltronas,

que geram até 20 efeitos de luzes, água, vento,

aromas e névoa.

Além da sala 4DX, outro espaço que não fica

atrás é a Macro XE, na qual é possível assistir aos

filmes em 2D e 3D. A tela gigante e o som com 13

mil W (watts) de potência são os grandes diferenciais.

Agora para ver um bom drama ou um romance nada

mais apropriada do que a sala Cinépolis VIP, que possui

a mesma qualidade de som e imagem já conhecidas da

rede, mas oferece conforto único com poltronas de couro

automatizadas. É claro que quando se fala em cinema não

pode faltar um acompanhamento, por isso a Cinépolis foi além

da pipoca, proporcionando atendimento VIP, como o nome da

sala. Os garçons atendem direto nas poltronas e o cardápio gourmet

diferenciado inclui ainda carta de vinhos. Tudo isso para tornar o

momento de lazer ainda mais especial. Sem dúvida, a melhor sala de

cinema de Curitiba.

MARÇO 37


• TRANSFORMAÇÃO

Foto: Larissa Angeli

Sofisticação

ímpar

ANTES

CABELO

A proposta para o cabelo da modelo

Isabella Matowski foi uma releitura do

já conhecido rabo de cavalo, penteado

coringa adorado por todas as mulheres.

“É o simples que se transforma em

sofisticado. Todo mundo gosta para

formatura e casamento”, aposta Isabel

Cristina Nogueira, do IC Hair Concept,

responsável pelo penteado da modelo.

“A proposta é um rabo com um ar mais

moderno. É básico, mas ao mesmo tempo

chique. De frente é um rabo normal, mas

atrás tem uma pegada fashion”, descreve.

Para elaborar o penteado a profissional

usou produtos da marca sensação do

momento para cabelos Maroccanoil.

“Usei o Spray Luminoso que deixa os

fios naturais e com um brilho único.

Revendemos os produtos da marca no

salão. São excelentes, pois têm extrato

de óleo de argan”, realça Isabel.

MAQUIAGEM

Para acompanhar o cabelo a

maquiagem seguiu a linha sofisticada,

mas sem ser over. As cores escolhidas

para o smokey eyes foram os tons de

marrom, que combinam com todos os

looks. “Esfumei bem o olho e marquei o

côncavo. Para realçar o olhar optei por

um leve rosado cintilante no meio da

pálpebra móvel”, explica a maquiadora

Jessica Leandro. “Para finalizar fiz um

delineado bem preto e apliquei lápis

branco na linha d’água para abrir o

olhar”, acrescenta. No rosto Jessica

marcou bem as maçãs com blush na

cor bronze que harmoniza com o tom

da pele de Isabella. Nos lábios a última

tendência: nude com brilho. Para os dias

mais quentes, a profissional adverte para

o uso do pó que é essencial para evitar

que a pele fique oleosa. “Sempre uso base

de alta cobertura e finalizo com pó que

deixa uma aparência matificada.”

Quer ser a próxima selecionada? Siga a VOi no

www.facebook.com.br/revistavoicuritiba e saiba mais.

38


GLAMOUR

Todas as mulheres vão concordar que nenhum tecido é

mais glamoroso que a seda. O toque, o frescor e a elegância

são capazes de transformar qualquer visual. Pensando

nisso a Holi presenteia as curitibanas com a linha Cyclades

Cruise & Resort com vestidos, kaftans e macacões feitos

com a seda da melhor qualidade do mundo: a indiana.

“A Índia é o segundo produtor e o maior consumidor

de seda do mundo. Grifes importantes como Dior e

Armani fazem os bordados lá. Os grandes museus e

antiquários do mundo mandam restaurar os têxteis

naquele país”, enfatiza Magdalana Visca Cásas,

empresária à frente da Holi. Cada peça é criada em

um processo artesanal, desde a pintura das estampas

até o bordado das pedrarias que são colocadas uma

a uma. “São feitos pouquíssimos exemplares de cada,

o que torna nosso produto ainda mais exclusivo. É

impossível achar outra pessoa perto de você com a

mesma peça. São realmente únicas”, garante.

Ficha técnica:

Modelo: Isabella Matowski

Fotógrafo: Fabio Ortolan

Beleza: IC Hair Concept

Cabelo: Isabel Cristina Nogueira

Maquiagem: Jessica Leandro

Roupa: Holi Home and Fashion

(www.holihomeandfashion.com.br)

MARÇO 39


Foto: divulgação

Compra

ONLINE

Agora ficou mais fácil comprar na Beka

Calçados e, o melhor sem sair de casa.

Acesse a loja virtual e surpreendase

com a qualidade e quantidade de

produtos que disponibilizamos para

você. Nossa sugestão é o Scarpin Bottero,

confeccionado em pelo de onça e verniz

preto. Animal print veio para ficar,

então use sem medo, com muito

charme e elegância

Onde encontrar:

www.ruateffe.com.br

Referência: 203303

Valor: R$ 134,90

Combinação

IDEAL

A carteira em couro legítimo azul

marinho é a peça perfeita junto

com a pasta da mesma cor com

detalhes em estampa de crocodilo.

Por dentro a bolsa tem espaço

para notebook e alça tiracolo, que

oferece mais conforto

Onde encontrar: Corupelle

Valor: R$ 116 (carteira)

e R$ 399 (bolsa)

Foto: Valterci Santos

Jardim

DECORADO

Que tal deixar as áreas externas

como jardins e varandas mais

sofisticadas? Aposte no conjunto em

alumínio fundido na cor ouro velho

que combina com qualquer entorno

Onde encontrar: Fund’Arte

Valor: R$ 2.460

Foto: Valterci Santos

Estilo

SEMPRE

As botas são as favoritas do inverno.

Aposte neste modelo de cano curto

com detalhes de tachas e metais, estilo

rock and roll, para encarar os dias mais

frios do ano cheia de estilo

Onde encontrar: Carmen Steffens

Valor: sob consulta

Foto: divulgação

Foto: divulgação

Puro

CHARME

Os tons claros são excelentes combinações para as peças

coloridas, como essa saia longa com estampa única. O

óculos espelhado da marca italiana Spektre, última tendência,

arremata em grande estilo o visual

Onde encontrar: Be live Store

Valor: sob consulta

40


CONCEITO DE BELEZA

Make-up: Jessica Leandro

Roupa: Yannih

Foto: Ale Maya

Hair | Make-up | Nail

Bistrô | Aldora Spa e Estética Personalizada

Av. Visconde de Guarapuava, 4788 - Batel - (em frente à Igreja Santa Terezinha)

Fone: 41 3244 0021 - isabelhairconcept@gmail.com

ByIsabelCristina ic_hairconcept


• COLUNA

Construção

Arquitetura,

interiores e

obras

WORKSPACE BRIGADEIRO, DA INVESPARK,

DESTACA OBRA DE ZIMMERMANN

Entregue no dia 10 de fevereiro, o empreendimento comercial

Workspace Brigadeiro, da Invespark, se destaca, entre outras razões,

pelo imponente hall projetado pelo arquiteto Jayme Bernardo.

Cosmopolita e impactante, o ambiente traz no conjunto de elementos

decorativos uma peça especialmente encomendada por Jayme ao

renomado artista plástico Carlos Eduardo Zimmermann. “Foi um

convite muito especial. O que mais me motivou a criar essa escultura

de parede foi poder pensá-la especialmente para um projeto

moderno, com acabamentos sofisticados em termos de segurança

e funcionalidade atualizada na área cibernética. Logo percebi que

se tratava de um empreendimento especialmente concebido para

qualquer ramo empreendedor do mercado”, disse Zimmermann.

Foto: Naideron Jr.

O diretor da Invespark, Claudio

Roth, e o artista plástico Carlos

Eduardo Zimmermann

PROPOSTAS SOFISTICADAS

A designer de interiores Katalin

Stammer e a arquiteta Cristhiani

Versan assinam os ambientes com

propostas sofisticadas

A Empório Studio Casa, com seus produtos contemporâneos e

móveis de inspiração clássica, inaugurou novas vitrines com

grandes tendências para 2015. O piso inferior ganhou muitas

cores e uma mistura étnica. A arquiteta Cristhiani Versan, que

assina o ambiente, explorou o animal print em uma poltrona com

estampa que remete à pele de cabra e almofadas com padrão

onça. A profissional misturou cores vibrantes, como o amarelo e

o vermelho, para um espaço divertido e moderno. “São detalhes

que mantêm a harmonia, sem cair no exagero”, aposta.

Para o piso superior da loja foi criado um espaço de convivência

com foco na proximidade, aconchego e conforto, explorando

uma composição com base neutra e toques de personalidade.

Assinado pela designer de interiores Katalin Stammer, o ambiente

tem estilo clássico e atemporal. “É um convite à contemplação,

ao convívio e ao relacionamento”, afirma a profissional.

Foto: divulgação

A TODO VAPOR

A construtora Plano Forte, especializada em reformas

de alto padrão, está de vento em popa. O mercado de

construção está passando um momento de observação

e isso fortaleceu o mercado de reformas. Muitos clientes

que pensavam em construir novas obras acabaram

optando em ficar no próprio imóvel e fazer uma

reformulação das residências. Arquitetos e designers

estão dando uma nova cara nos projetos permitindo que

o cliente tenha uma nova casa sem sair do lugar.

Fotos: divulgação

Projeto: Rosa Dalledone

Acontece

À LA CONTAINER

A Total Storage Brasil, em parceria com a revista Casa e Jardim, esteve presente na XIII edição

da Expo Revestir, a mais importante feira da América Latina no segmento de arquitetura e

construção, realizada no início de março em São Paulo (SP). A empresa apresentou um container

transformado na cozinha Loft da Marchi Cucine, marca italiana com atuação internacional.

Seguindo a linha urbana, o projeto assinado pelo arquiteto Vitor Penha integrou o espaço a

um ambiente de estar com bancos, cadeiras, mesas, luminárias e arandelas dos anos 50 e 60.

Durante a feira o container recebeu um coquetel e uma palestra feita pelo profissional sobre a

beleza da decoração imperfeita.

IGP-DI

INDICADORES ECONÔMICOS JANEIRO/2015

CUB-PR

IGP-M

INCC

(0,67%)

R$1.211,36 (0,16%)

(0,27%)

(0,92%)

A colunista Carla Boabaid é

personal da construção civil.

Contato: carlaconstruir@uol.com.br

42

Fonte: Bitmap

“Na formação destes custos unitários básicos não foram considerados os seguintes itens, que devem ser levados em conta na determinação dos preços por metro

quadrado de construção, de acordo com o estabelecido no projeto e especificações correspondentes a cada caso particular: fundações, submuramentos, paredesdiafragma,

tirantes, rebaixamento de lençol freático; elevador(es); equipamentos e instalações, tais como: fogões, aquecedores, bombas de recalque, incineração,

ar-condicionado, calefação, ventilação e exaustão, outros; playground (quando não classificado como área construída); obras e serviços complementares;

urbanização, recreação (piscinas,campos de esporte), ajardinamento, instalação e regulamentação do condomínio; e outros serviços (que devem ser discriminados

no Anexo A - quadro III); impostos, taxas e emolumentos cartoriais, projetos: projetos arquitetônicos, projeto estrutural, proto e instalação, projetos especiais;

remuneração do construtor; remuneração do incorporador.”


• COLUNA

Provopar

Fotos: Emanoel Caldeira

Provopar

Estadual

dá inicio à

campanha

Páscoa

Solidária

A campanha de Páscoa promovida pelo Provopar Estadual já está arrecadando chocolates, doces e ovos

de Páscoa com o intuito de atender cerca de 40 mil crianças paranaenses em vulnerabilidade social. Para

atingir essa meta, a campanha conta com o apoio e o envolvimento da população, bem como das empresas

parceiras. A expectativa é despertar o interesse de várias empresas, tendo em vista a causa nobre da ação.

Ano passado, a meta de crianças atendidas foi superada graças ao apoio de entidades como a Copel,

Banco do Brasil, Sanepar, Siena Alimentos, Nutrimental, CWB Brasil, Sindafep (Sindicato dos Auditores

Fiscais da Receita do Estado do Paraná), Jasmine, Spaipa, Kraft, Abagge Advogados, Associação Comercial do

Paraná, Tribunal de Contas, Brde (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), Secretarias Estaduais,

Celepar, Assembleia Legislativa, Luvas Yelling, Baazar Fashion, Filla & Munhoz da Rocha Advogados e todos

aqueles que estiveram na sede administrativa do Provopar levando doações.

COMO DOAR

As doações de chocolates, doces e ovos de Páscoa podem ser entregues na sede administrativa

do Provopar Estadual, na Rua Hermes Fontes, 315, no bairro Batel.

Outra forma para contribuir é por meio da doação em valores, que pode ser feita por depósito

bancário na conta:

Provopar Estadual – Ação Social – CNPJ 76.793.397/0001-88 – Banco do Brasil – Ag.3041-4 – C/C 2512-7

Mais informações pelo fone (41) 3234-1118.

BETO BATATA LANÇA CAMPANHA DE APOIO ÀS AÇÕES SOCIAIS DO PROVOPAR

O empresário Lourenço Munhoz da Rocha Guimarães, proprietário do Beto

Batata, do Park Shopping Barigüi, lançou a segunda edição do Batata Suíça Solidária,

que irá reverter 20% de tudo o que for faturado com a venda da batata sabor alcatra

fondue em favor do Provopar Estadual. A campanha vai até o dia 31 de março. A renda

obtida com a comercialização do prato será destinada ao atendimento às crianças em

vulnerabilidade nas cidades com baixo IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). O

apoio também contribuirá para fortalecer ações e campanhas promovidas ao longo do

ano em atendimento às famílias de baixa renda em todas as regiões do Estado.

Nossa missão é promover a melhoria da

qualidade de vida de pessoas em vulnerabilidade

social. As ações garantem a

valorização da família e a inclusão social.

Em atendimentos com a Defesa Civil, atua

em situações de emergência, catástrofe e

calamidade.

Torne-se um parceiro e venha fazer parte

desta corrente solidária em favor do desenvolvimento

social em nosso Estado.

E-mail: parcerias@provoparestadual.org.br

(41) 9267-9239 (Luciane Diehl)

Imagem: Provopar

44


• COLUNA

Celebração

O começo de 2015 foi de comemoração

para Emerson Luiz

Galvan e Michele Orben Galvan,

que se casaram no dia 13

de fevereiro. Eles escolheram

uma cerimônia íntima, reservada

para parentes e amigos

próximos, com cerca de 40

convidados. A festa foi cheia

de charme e o mais novo casal

esbanjou felicidade.

Valterci Santos é repórter fotográfico.

Contato: valterci@hotmail.com

46


• COLUNA

CONFIRA O PRESTIGIADO COQUETEL DA COLEÇÃO OUTONO NA VK EMPÓRIO

Eventos

Fotos: Guilherme Danelhuk

by

Mônica

Gulin

A coleção outono VK trouxe

com exclusividade para as curitibanas

antenadas em moda

uma coleção hippie de luxo

que inspira a liberdade dos

anos 70. Na coluna deste mês,

você vai conhecer um pouco

do rugby, esporte olímpico, e

como Curitiba tem se destacado

nos campeonatos nacionais e

internacionais. Também divido

com vocês a alegria de completar

mais um ano de vida,

apesar de ter nascido no dia 29

de fevereiro.

VK Empório apresenta a coleção de outono 2015

Celinha Buschle e a proprietária da VK Viviane Kaled

Viviane Kaled, Mirian Duda e Solange Braga

Maria Olivia Samek,

Sandra Formighieri,

Cristina Bertazzo e

Fabiola Lavinicki

Mônica Gulin é jornalista e

apresentadora de TV

Contato: contato@monicagulin.com.br

48

Eliana Tramujas, Viviane Kaled e Nilsa Buso

Solange Braga


A COLUNISTA DE EVENTOS DA VOI, MÔNICA GULIN, COMEMOROU SEU ANIVERSÁRIO EM ALTO ESTILO NO GRACIOSA COUNTRY CLUB

Fotos: arquivo pessoal

Mônica com o bolo 29 de fevereiro, representando o

aniversário bissexto

A aniversariante Mônica Gulin comemora com

familiares na varanda do restaurante do

Country Club, em Curitiba

Liliana Vargas, Bebel Lazarotto, Stella Winnikes, Cristiane

Debastiani e Fernanda Rocha. Sentadas: Valentina Winnikes,

Mônica Gulin, Rossana Lazarotto e Denise Leal

CURITIBA RUGBY CLUBE

Fotos: divulgação

O Curitiba Rugby Clube foi fundado em 1983. Atualmente, o time

é o Campeão Paranaense em todas as categorias e modalidades e

também é o pioneiro no esporte na região sul do Brasil.

ALGUMAS CURIOSIDADES DO TIME CURITIBANO DE RUGBY:

- É o campeão brasileiro de Rugby XV, modalidade tradicional praticada

com 15 jogadores de cada equipe em campo;

- Está entre as quatro melhores equipes do Brasil de Rugby Sevens,

modalidade olímpica, praticada com sete jogadores de cada equipe

em campo;

- A equipe feminina é a bicampeã brasileira juvenil de 2013. A equipe

juvenil masculina é a atual vice-campeã brasileira;

- O VOR (Vivendo o Rugby) é um modelo de projeto social de cunho

esportivo, tendo sido premiado pela IRB (International Rugby Board),

maior autoridade do esporte no mundo, na categoria Spirit of Rugby

Award 2014.

Saiba mais em: facebook.com/curitibarugby

MARÇO 49


• COLUNA

Joia eu uso

Preview: design de joias e bijuterias 2015

A moda e a arte expandiram grandemente os campos de atuação e hoje dividem os

mesmos conceitos. Em 2015, esses segmentos assumirão publicamente uma união nos novos

lançamentos do design, moda, acessórios e, sobretudo, joias. Neste ano, as inspirações

para a criação joalheira estão organizadas em quatro portais:

Tendências

na joalheria

Fotos: divulgação

MEMORY GAMES

Exaltação da natureza por meio de um olhar

romanticamente retrô. Relembra imagens do repertório

das delicadezas e do clima nostálgico. A

atmosfera impressionista ressalta a feminilidade

de um design assumidamente afetivo.

ESSENCIALISMO

Depuração dos sentidos que

busca na aparente simplicidade a

essência elaborada do minimalismo.

Formas puras, temas abstratos e

composições geométricas remetem à

beleza moderna e construtiva.

V.I.C. - VERY IMPORTANT CLASSICS

Rejuvenescimento eterno dos clássicos.

O refinamento da própria história do

luxo como inspiração para renovação

das referências temáticas e combinações

cromáticas.

LUDICIDADE

O colunista Tufy Karam Geara é

empresário do setor joalheiro

Contato: contato@revistavoi.com.br

Sintonia contemporânea entre

os movimentos artísticos urbanos e

as criações da indústria do design

e da moda. Grafismos, tribalismos,

cores vivas e o uso de materiais

alternativos conversam com os

deslocamentos bem-humorados do

surrealismo e dos ícones da comunicação

em massa pop.

50


academiagb.com.br

CURITIBA:

// BARIGUI (41) 3339.9600

// TARUMÃ (41) 3366.3141

// MERCÊS (41) 3015.2333

LONDRINA:

// LAGO PARQUE (43) 3336.1117


• CLICK

Lançamento

A Carmens Steffens do Pátio Batel presenteou

as clientes com um super desfile de lançamento

da coleção outono/inverno da marca. A DJ

Stella Faccenda comandou as pickups durante

o animado coquetel com deliciosos quitutes

e muito espumante. O evento contou com a

organização de Leo Tramontin.

02

01

04

03

06

01. A DJ Stella Faccenda animou o coquetel

da marca; 02. Isabela Assis, Thaís Lara e Gabriela

Assis; 03. Valéria Rodrigues e Tânia Silva;

04. Cleide Assis, Jeanine Carrera e Angélica

Sampaio; 05. Ivanilde Ribeiro; 06. Marivani

Oliveira e Marli Boreo; 07. Joana Datola e Maria

Vitória Mansur; 08. Adriane Tedeschi; 09.

Andrea Lopes e Jani Manfron; 10. Andressa

Portugal; 11. Janaina Bender, Beatriz Bender,

Leo Tramontin, Priscila Bender e Vera Bender;

12. Beatriz Bodanese; 13. Nubia Albertoni;

14. Fabbi Cunha e Rafa Cunha; 15. Mônica

Albino, Cristina Schultz e Paola Gulin; 16.

Rafaella Kalill e Ana Carolina Bertolucci; 17.

Geovana Matias e Fabiana Karla; 18. Juliane

Moyses e Joana Datola; 19. Fabiola Chinassa

e Maria Luiza Túlio; 20. Junior Skripe, Fabiana

Moura, Paloma Castilho e Rafael Moura; 21.

Léo Tozin, Graça Tozin e Maurício César, gerente

da loja; 22. Madalena Manishie e Maúricio

César; 23. Equipe Carmen Steffens Pátio

Batel; 24. A coleção outono/inverno está

lindíssima; 25. Modelo apresenta os looks da

nova coleção Carmen Steffens.

05

07

08

FOTOS: Fábio Ortolan

09 10

52


11 12 13

14 15 16

17 18 19

20 21 22

23 24 25

MARÇO 53


• BELEZA

Macacão - R$ 357

Casaco - R$ 245

Sandália - R$ 259

Vestido - R$ 299

Sandália - R$ 259

54


Outono / Inverno

Lez a Lez

Ficha técnica:

Fotógrafo: Fabio Ortolan

Modelos: Gabriela Valle e

Jordana Pontes (Station Models)

Beleza: Pocket Beauty

Make: Jessica Dias

Cabelo: Mauricio Czer

Locação: Universidade Livre do Meio Ambiente

Roupas: Lez a Lez (lezalez.com)

MARÇO 55


• BELEZA

Vestido - R$ 543

56


Vestido: R$ 265

MARÇO 57


• BELEZA

Vestido - R$ 489

Sandália - R$ 259

58


Conjunto cropped e saia - R$ 305

Sandália - R$ 399

MARÇO 59


• BELEZA

Calça - R$ 329

Blusa - R$ 163

Jaqueta - R$ 503

Colete - R$ 263

60


Calça - R$ 349

Cropped - R$ 173

Colete - R$ 263

Sobretudo - R$ 489

Sandália - R$ 259

MARÇO 61


• CADERNO GASTRONÔMICO

Refeição

completa

Fotos: Valterci Santos

O

Canto do Monge é um dos restaurantes que

participarão da primeira edição do evento

Bom Gourmet. A ideia é oferecer um menu

fechado, com entrada, prato principal e sobremesa,

por um preço fixo. O Monge conta com duas opções

de combinações tanto no almoço, pelo valor de R$

30, quanto no jantar, por R$ 50.

Uma das variedades do almoço traz de entrada

a salada caprese no palito (tomate cereja, mussarela

de búfala, manjericão e molho pesto); prato principal

parppadelle com ragu de costela, elaborado 100%

na casa; e de sobremesa mini banoffee, famosa torta

de banana com doce de leite. Uma das opções do

jantar é a berinjela ao pomodoro (gratinada com

parmesão e molho sugo); bacalhau confitado com

legumes salteados; e Romeu e Julieta (o famoso

queijo com goiaba que ganha companhia da calda

de cream cheese).

O festival será realizado de 16 a 29 de março,

sendo recomendado que sejam feitas reservas. Junto

com o Bom Gourmet o restaurante se prepara para

inaugurar o novo salão que ampliará a capacidade

para eventos (160 pessoas) e também para atender

sem fila de espera o público cativo do local.

Mais informações:

Canto do Monge

Rua Álvaro Jorge, 62

Água Verde

Curitiba (PR)

Telefone: (41) 3319-1393

facebook.com.br/cantodomonge

Instagram/cantodomonge

62


• CADERNO GASTRONÔMICO

PRATOS

ELABORADOS

Fotos: Fabio Ortolan

O

Kenji Gastronomia Japonesa acaba de celebrar

dois anos em Curitiba. O restaurante comemora

com muito sucesso o destaque no concorrido

mercado da culinária japonesa da capital. Entre os diferenciais

está o rodízio de pratos típicos servido na esteira

rolante, na qual as iguarias frias, como sushi e sashimi,

passam pelas mesas para que o cliente escolha qual será

degustada. Mas não é só no rodízio que o Kenji é sucesso,

afirma Damiran de Miranda. O serviço à la carte oferece

uma fusão entre a culinária típica e contemporânea, com

receitas desenvolvidas pelo chef Caju.

O Carpaccio de Salmão Kenji é uma ótima pedida

para entrada. O prato traz uma releitura do conhecido

sashimi com fatias finas do peixe, alho torrado, azeite extra

virgem e geleia de pimenta de sabor suave. Outra opção é

KENJI

o Hot Valentina, criado em homenagem à filha de um dos

sócios-proprietários do restaurante. A delícia é um sushi

selado de salmão recheado com kani e cream cheese.

Para o prato principal, o Yakissoba Contemporâneo

serve duas pessoas e conta com uma pitada brasileira:

é feito na manteiga com cogumelos, brócolis, camarão

empanado, lula e um toque especial, segredo da casa que

confere mais sabor à receita. Para fechar a refeição em

grande estilo, no menu de sobremesas o carro-chefe é a

Casquinha Curaçao Blue. “É uma massa de trigo recheada

com cream chesse, doce de leite e morango. Fechamos

como se fosse uma pirâmide e fritamos. Fica super crocante.

Na montagem ela ganha calda de maracujá artesanal

e sorvete. Tudo é disposto em um prato com a bebida

Curaçau Blue e é flambada na mesa”, descreve o chef.

KAITEN

GASTRONOMIA JAPONESA

Mais informações:

Rua Eurípedes Garcez do Nascimento, 630 | Ahú – Curitiba (PR) | Telefone: (41) 3153-0081 | www.kenjikaiten.com.br

64


• CADERNO GASTRONÔMICO

RECEITA PREMIADA

Fotos: divulgação

N

ada como começar o ano

com uma premiação que reconheça

a qualidade do serviço

prestado.

O restaurante Fogão a Lenha entrou 2015

com o pé direito: faturou o 1° lugar no concurso: Os

Melhores Quilos do Brasil, organizado pela Unilever.

O prato vencedor foi a Fraldinha à Moda da Casa:

“a receita vencedora é uma herança de família que foi

aprimorada até chegar a esse sucesso. Ser convidado

para participar de um concurso desse porte já é um

orgulho muito grande. Vencer é inexplicável. É o reconhecimento

de todo empenho e amor que colocamos

em cada um dos pratos servidos em nosso restaurante”,

comemora o proprietário, Ricardo Mendes.

O concurso foi realizado em mais de 20 cidades e o

processo de escolha começou em junho e se estendeu

até dezembro. Na primeira fase, o voto popular definiu

os 10 restaurantes finalistas. Estes

tiveram as receitas inscritas analisadas

por chefs da Unilever e da Abrasel (Associação

Brasileira de Bares e Restaurantes).

Com base nesta avaliação foram definidos os

três finalistas em cada localidade.

“Agradecemos a todos os clientes e amigos que

nos ajudaram nessa conquista e, é claro, à equipe de

colaboradores do Fogão a Lenha, que sempre está à

procura de novidades e novas receitas para continuar

surpreendendo os clientes”, frisa Ricardo.

Para quem ficou com água na boca para experimentar

a Fraldinha à Moda da Casa, o prato se junta ao

bufê de comida mineira nas quartas-feiras e sábados.

O que deixa as receitas ainda mais saborosas, além

do tempero mineiro, é a forma que os quitutes são

servidos: em panelas de barro dispostas sobre o fogão

à lenha. Simplesmente irresistível!

Mais informações:

Avenida Nossa Senhora Aparecida, 946

Seminário – Curitiba (PR)

Telefone: (41) 3016-5959

66


www.cleuzacanan.com

A Dra. Cleuza Canan, a

partir A Dra. da Cleuza experiência Canan, de a 30

partir anos da em experiência tratamento de de 30

dependentes anos em tratamento químicos, de

dependentes elaborou um químicos, plano

terapêutico elaborou que um plano envolve:

terapêutico que envolve:

a) Abordagem

cognitivo-comportamental;

a) Abordagem

Cognitivo-comportamental;

b) Entrevista motivacional;

b) Entrevista c) Apoio Motivacional;

espiritual

c) Apoio espiritual

CLEUZA CANAN

HISTÓRIAS DE QUEM SUPEROU O VÍCIO

Com O plano vistas visa à qualidade auxiliar o dependente atendimento e dar apoio à família Família no processo é parte da de solução recuperação.

foram criados dois tipos serviços:

“Para mim, esse ambiente era natural. Eu não via problemas, até porque

Com vistas à qualidade de atendimento foram criados meus dois irmãos tipos serviços: tinham vidas normais e tiravam boas notas”, conta Renata,

1. Centro de Tratamento em Piraquara, PR, hoje com 26 anos, que no início procurava no álcool uma forma de relaxar, mas

onde

1. Centro

são

de

hospedados

Tratamento

dependentes

em Piraquara,

que

PR, onde são acabou hospedados se tornando dependentes que química. necessitam Ela agora de não internação bebe mais, em nem regime usa

necessitam de internação em regime integral,

integral, com 28 leitos e ambiente confortável, seguro, qualquer acolhedor, outro integrando tipo de droga, o paciente que antes e costumava a família misturar ao tratamento. com a bebida. Mãe de

com 28 leitos e ambiente confortável, seguro, um menino de oito anos, cuja guarda acaba de reconquistar, Renata sabe que a

acolhedor, integrando o paciente e a família ao sua presença é o melhor presente para o filho. Ela lembra que contar com a

2. Clínica Cleuza Canan em Curitiba, PR, onde se oferece tratamento de Clínica Dia e ambulatorial aos dependentes químicos.

tratamento.

presença do pai foi essencial. “Se ele não tivesse me apoiado, eu não estaria

Os atendimentos são feitos através de vários turnos, por limpa.” equipe “O tratamento treinada e ambiente precisa ser acolhedor. feito com A toda divisão a família. em turnos Não tem visa fórmula facilitar

2. a Clínica vida do Cleuza paciente Canan que em pode Curitiba, se planejar PR, onde para o comparecimento mágica. A família à clínica precisa sem afetar reorganizar”, outras ressalta atividades Dra. Cleuza que ele Canan. tenha.

se oferece tratamento de Clínica Dia e

ambulatorial Cada um destes aos serviços dependentes conta químicos. com uma Os equipe de 26 Amor profissionais de mãealtamente qualificados no tratamento e na recuperação do

atendimentos dependente químico. são feitos O objetivo por meio do de Centro vários de Tratamento “Quando é utilizar eu era técnicas criança, eficazes minha mãe de recuperação trabalhava muito de dependentes e viajava bastante. químicos

turnos, com metodologia por equipe própria, treinada tratamento e ambiente personalizado, Todo seguindo sábado o perfil tinha e festa estágio e eu de ia dependência atrás do meu de irmão cada mais um, para velho. conduzir Um dia o

acolhedor. paciente de A divisão forma consciente em turnos à visa recuperação facilitar a da sua saúde ele comprou física, psicológica, três ou quatro espiritual litros de e social. bebida. Tomei tudo sozinho”, lembra

vida do paciente que pode se planejar para o

Manoel Maciel Correia, hoje com 33 anos. Depois do álcool ele experimentou

comparecimento

A Clínica Cleuza

à

Canan

clínica

e o

sem

Centro

afetar

de Tratamento,

outras

atende cigarro, pessoas maconha, de todo cocaína o Brasil, e, por fato último, que o a crack. tornou Envergonhado reconhecida e nacionalmente

desesperado,

atividades que ele tenha.

como referência em tratamento de dependentes químicos. Manoel procurou Seu profissionalismo, todo tipo de ajuda, metodologia mas sempre inovadora, acabava voltando altos índices para as de

recuperação, manutenção da abstinência após alta, e

drogas.

a ressocialização

Depois de

dos

muito

dependentes

esforço pessoal

entregues

e ajuda

aos seus

da mãe,

cuidados

que

têm

sempre

sido

permaneceu ao seu lado, Manoel se mantém longe do vício, cursa Culinária no

pontos fortes e motivos da preferência de famílias que precisam oferecer aos filhos ou amigos um tratamento de qualidade com

Senac e faz estágio na área. “Tenho que ser independente e reconquistar a minha

conforto e confiabilidade.

vida”, comemora. “Um dos pontos cruciais é mostrar ao paciente e à família que a

dependência não é falta de caráter ou força de vontade, mas uma doença física,

metabólica ou geneticamente herdada”, explica Dra. Cleuza Canan.

Clínica Cleuza Canan

Clínica Cleuza Canan

Rua Cândido Xavier, 430

Rua Cândido Xavier, 430

Batel, Curitiba PR

Batel, Curitiba - PR

Telefone: (41) 3342-7080

Telefone: (41) 3342-7080

Centro de Tratamento

Centro de Tratamento

Rua dos Guimarães, 15

Rua dos Guimarães, 15

Jardim Diguimabri, Piraquara PR

Jardim Diguimabri, Piraquara - PR

Telefone: (41) 3385-1867

Telefone: (41) 3385-1867


• BEM-ESTAR

Ruídos na ATM

À

s vezes aquela dor de cabeça insistente pode estar

relacionada a doenças que nem imaginamos. Este é

um dos sintomas que sinalizam que algo pode estar

errado na ATM (Articulação Temporomandibular), que une o

osso da mandíbula com o crânio. Outro sintoma do problema

são os estalos nessa região, normalmente decorrentes do mau

posicionamento dos dentes. Quando mais cedo detectado,

mais simples será o tratamento odontológico. Para explicar

o assunto e tirar possíveis dúvidas, a Revista VOi conversou

com o Dr. Diego Rocha - dentista do Espaço Rocha - especialista

em implante e prótese dentária.

O QUE É A ATM?

A articulação temporomandibular, mais conhecida como

ATM, é uma junta que consiste na união entre o osso da

mandíbula e o crânio (osso da cabeça), onde, entre estes

ossos, estão presentes uma cartilagem e tendões, cujas

funções são: evitar o contato entre os ossos, amortecer os

impactos da mordida e guiar os movimentos de abertura e

fechamento da boca.

QUAL A RELAÇÃO DOS ESTALOS COM

ESSA ARTICULAÇÃO?

O estalo nada mais é que o deslocamento da cartilagem,

denominado disco articular, quando este é pressionado e

consequentemente deslocado, sendo obrigado a sair da

posição habitual. Isto acontece quando a mandíbula passa

a realizar um movimento anormal, onde a repetição deste

movimento pode acarretar no desgaste das estruturas ósseas,

do próprio disco (cartilagem) e na alteração dos músculos

das mastigação.

mal planejada, poderá ter como consequência a alteração

do correto funcionamento da articulação da ATM, onde os

estalos são os primeiros sinais deste desequilíbrio.

QUANDO É PRECISO PROCURAR AJUDA?

Os estalos são os primeiros indícios de problema na

articulação. Ao ser percebido com frequência, o dentista

com conhecimento em oclusão deve ser procurado. Caso

os estalos não sejam avaliados e tratados, outros sintomas

podem aparecer, tais como: deslocamento ou travamento

da mandíbula, dores na cabeça, dores na região da nuca,

sensação de cansaço ao mastigar, zumbido ou coceira no

ouvido, limitação da abertura e/ou fechamento, assim como,

desgastes e fraturas dos dentes e restaurações.

QUAL É O TRATAMENTO PARA ESTE PROBLEMA?

O tratamento deve ser baseado no correto posicionamento

e encaixe dos dentes, afim de que voltem a realizar

a função de proteção da ATM. Quanto antes o problema for

identificado, mais simples, rápido e barato será o tratamento.

Se a disfunção na ATM não for tratada, a articulação sofrerá

lesões irreversíveis, como desgastes da estrutura óssea, da

cartilagem e desordem na musculatura da mastigação, onde

estas alterações comprometerão consideravelmente, no

futuro, a qualidade de vida do indivíduo.

O QUE CAUSA OS ESTALOS?

Em geral, os estalos se fazem presentes quando os dentes

estão mal posicionados, pois os dentes possuem a função

de manter o equilíbrio e o correto funcionamento da ATM.

Por este motivo é fundamental ter o cuidado com qualquer

procedimento restaurador, desgastes e tratamento ortodônticos,

pois se estes tratamentos forem realizados de forma

Fotos: divulgação

DR. DIEGO ROCHA VIEIRA

CRO-PR 20957

Especialista em implante e prótese dentária

MARÇO 69


• BEM-ESTAR

Mulheres

no

octógono

Foto: Walter Alves

H

omens sempre estiveram em maior número na

prática de artes marciais, porém há alguns anos a

quantidade de mulheres cresce continuamente nas

academias brasileiras. Elas estão trocando os esportes mais

tranquilos por muitos golpes, emoção e adrenalina, buscando

benefícios à saúde e condições de defesa pessoal. Algumas

praticantes iniciam o esporte pensando no condicionamento

físico, porém, com o passar do tempo percebem que a luta

pode ser também uma filosofia de vida, que auxilia no equilíbrio

do corpo e da mente e ensina a manter a disciplina e

o autocontrole.

Um dos segredos desse interesse por parte das mulheres,

principalmente pelo Muay Thai, é a rapidez com que a definição

de pernas, braços e abdomen é alcançada, conforme

explica André Dida, professor da Academia Gustavo Borges.

O resultado eficaz em pouco tempo, típico da musculação,

é outro motivo para a busca das artes marciais. “Ainda existe

certo preconceito quanto à introdução das mulheres às lutas,

mas estas barreiras já estão sendo quebradas e elas se sentem

cada vez mais bem-vindas a este universo”, salienta Serginho

Moraes, também professor da Academia Gustavo Borges.

Qual arte marcial mais combina com você?

Além de ajudarem no fortalecimento dos músculos, as lutas

têm o diferencial de ensinar um pouco da filosofia oriental

no que diz respeito ao equilíbrio da mente e autoconfiança.

E ainda oferecem a vantagem de mandar embora até 800

calorias em apenas uma hora. Não é o máximo? Conheça os

benefícios e características de algumas lutas e veja com qual

mais se identifica.

MUAY THAI

Disposição, tranquilidade, bom-humor e autoestima são

apenas algumas das características que passam a fazer parte

da vida de quem se adéqua a essa modalidade, explica André

Dida. “O aquecimento já começa agitado com polichinelos,

cordas e saltos. O foco são os chutes, por isso a aula fortalece,

principalmente, pernas, glúteos, além da parte central do tronco

e abdômen que têm a função de estabilizar os membros.

Mãos e braços são exigidos para a aplicação de golpes de

socos e cotoveladas”, declara o professor.

JIU-JITSU

Uma luta praticada predominantemente no chão exige o

domínio da técnica e muita atenção para que seja possível

dominar o adversário. “Além de auxiliar no condicionamento

físico, fortalecimento muscular e na função cardiorrespiratória,

ela também aumenta a autoestima e a autoconfiança, trabalhando

todo o corpo, especialmente braços, ombros, abdômen

e quadril”, relata o professor Serginho Moraes.

JUDÔ

Derrubar e imobilizar o adversário são os objetivos dessa

arte marcial. Para que isso seja possível o tronco e o braço

executam muita força, fortalecendo os músculos dessas regiões.

A resistência que o corpo exerce, devido aos ataques do

oponente, geram contrações no corpo todo, trabalhando-o

por completo.

KARATÊ

O karatê é uma luta que desenvolve a defesa pessoal,

trazendo muitos benefícios, pois estimula o poder físico e

mental. Além de fortalecer os membros inferiores e glúteos,

torneia os braços, melhora a resistência e ajuda no controle

emocional, já que exige autocontrole e muita atenção para

dominar o adversário.

Serviço: Academia Gustavo Borges | www.academiagb.com.br

70


QUERENDO VENDER SEU CARRO

E O MERCADO ESTÁ PAGANDO MENOS

DO QUE VOCÊ QUER?

VOCÊ PODE VENDER SEU CARRO

NA BELLO’S CAR DE 3 MANEIRAS:

VENDA DIRETA COM

PAGAMENTO À VISTA

VENDA EM

CONSIGNAÇÃO

VENDA COM TROCA

DE VEÍCULO

RUA GEN. MARIO TOURINHO, 978 OU 2101 | 41.3342 6004

BELLOSCAR.COM.BR BellosCarVeiculos


• TEST RIDE

PEÇA

ÚNICA

CUSTOMIZAÇÃO É A OPÇÃO PARA QUEM

PROCURA UMA HARLEY-DAVIDSON

EXCLUSIVA E COM MUITA PERSONALIDADE

Fotos: Valterci Santos

72


THE ONLY

ONE

CUSTOMIZATION IS THE OPTION FOR

THOSE LOOKING FOR AN EXCLUSIVE HARLEY-

DAVIDSON WITH A LOT OF PERSONALITY

C

om visual marcante e barulho característico, a

Harley-Davidson é sem dúvida o veículo de duas

rodas mais cobiçado pelos amantes das motocicletas.

Criada há mais de um século na cidade de Milwaukee,

no Wisconsin (Estados Unidos da América) – local que ainda

conserva o museu com a história da empresa – a marca conta

com modelos que atendem a diferentes públicos e bolsos.

Testamos a Sportster 1200, ano 2008, moto de entrada da

Harley com valor em torno de R$ 38 mil.

W

ith a striking visual and characteristic noise, the

Harley-Davidson is arguably the most coveted twowheeled

vehicle by motorcycle lovers. The manufacturer

was founded more than a century ago in Milwaukee,

Wisconsin, where the site has become a Museum with the

history of the Company, and was the birthplace of the brand

with models that still cater to different audiences and budgets.

We tested the 2008 Sportster 1200, the entry level Harley

cycle, with a value around R$ 38,000.

MARÇO 73


• TEST RIDE

O diferencial da máquina fica por conta da customização

criada por Celio Dubrocki, referência na capital quando o

assunto é Harley-Davidson. Foram mudados o escapamento,

banco, pintura, guidão e o suporte de placa, todos confeccionadas

à mão por Celio. “A ideia era transformar a aparência

da moto, mas, ao mesmo tempo, manter a ciclística

adequada para pilotagem. Neste modelo específico foquei

na personalidade do proprietário. O resultado foi uma moto

exclusiva e única”, descreve.

A customização, de acordo com o profissional, foi baseada

na década de 70, época que era muito comum a redução

do peso das motos para o ganho de agilidade. O tanque,

por exemplo, é menor, no modelo peanut; os escapamentos

e guidão são mais curtos; e os para-lamas cortados. “Fica

apenas o que é necessário na moto. Tem um estilo mais minimalista”,

frisa Celio. “A pintura foi baseada em uma moto

rápida, quente e ágil, por isso o fogo. Para deixar o veículo

com mais cara de anos 70 escolhi a frente de suspensão

dianteira Springer, um ícone daquela época”, aposta.

The big difference of this machine is the customization

carried out by Celio Dubrocki, the reference in Curitiba

when it comes to Harley-Davidson. The exhaust, seat, paint,

handlebars and license plate support were altered, all by hand

by Celio. “The idea was to transform the appearance of the

bike, but, at the same time, maintaining the steerability. For

this particular model, the changes were focused on the personality

of the owner. The result was an exclusive and unique

bike,” he explains.

The customization, according to the professional, was

based on the Decade of the 70’s, when it was very common to

reduce the weight of the bike to gain agility. For example, the

gas tank is smaller, the peanut model; exhaust and handlebars

are shorter; and the fenders removed. “Only what is necessary

remains. The bike has a more minimalist style,” stresses Celio.

“The painting was based on a fast bike, hot and agile, thus the

flames. To make the bike represent more of the 70’s, I chose

the Springer front suspension, an icon of that era,” he says.

74


HISTÓRIA

A paixão de Celio pelas motocicletas começou ainda

pequeno na oficina do seu pai e avô. Hoje ele é considerado

um dos pioneiros no mercado de customização de Harley-

-Davidson no Brasil. O profissional personaliza capacetes,

motos e até mesmo fabrica um veículo de duas rodas

totalmente do zero. Em 1998 quando a Harley-Davidson

instalou a primeira loja em Curitiba, Celio foi chamado para

customizar um modelo. Ali foi o primeiro contato com a

Harley. Na sequência, Celio customizou 10 motocicletas

Harley-Davidson no mesmo ano, dando início ao extenso

currículo que carrega.

HISTORY

Celio’s passion for motorcycles began when he was still

young, hanging out in his father’s and grandfather’s workshop.

Today, he is considered one of the pioneers in the custom

Harley-Davidson market in Brazil. The professional customizes

helmets, bikes and even manufactures two-wheeled vehicles,

completely from scratch. In 1998, when Harley-Davidson

installed its first dealership in Curitiba, Celio was called upon

to customize a model. That was his first contact with the

Harley. As a result, Celio customized 10 Harley-Davidson

motorcycles that same year, in what was thus the beginning

of an industrious career.

DIREÇÃO SEGURA

Quando o assunto é motocicleta a segurança tem que ser

redobrada, já que em caso de acidentes o piloto está mais

vulnerável a ferimentos. Celio Dubrocki deixa algumas dicas

essenciais que fazem toda a diferença. A principal delas é

nunca pilotar sem capacete. Para cidade, ele observa que

pode-se optar pelos modelos abertos, mais confortáveis

principalmente nos dias quentes, mas nas estradas uma moto

totalmente fechada é imprescindível. A luva também ajuda,

uma vez que em caso de queda o instinto do motociclista é

colocar as mãos no chão. Além desses itens a roupa também

precisa ser adequada: bota, calça jeans, camisas mais grossas

e se o tempo permitir, jaqueta.

SAFE BIKING

When it comes to the motorcycle, safety has to be redoubled,

since in the event of an accident the biker is more

vulnerable to injury. Celio Dubrocki provides some essential

tips that make all the difference. The main one is never ride

without a helmet. In the city, he notes that one can choose

the open model, more comfortable, especially on hot days,

but on the road, a fully enclosed bike is essential. Gloves also

help, as in the case of a fall, the biker instinct is to put his hands

out on the ground. In addition to these, other suitable items of

clothing should also be worn: boots, jeans, heavy shirts and,

if weather permits, a jacket.

FICHA TÉCNICA:

Sportster 2008

Motor: 1200 cilindradas em V

Pneu dianteiro coker Firestone 19

Pneu traseiro coker 5,00-16 Classic

Suspensão dianteira Springer DNA

Tanque de gasolina peanut

MARÇO 75


• ESPORTE

INTERESSADO EM GANHAR UM POUCO DE REBOLADO?

A ZUMBA É A OPÇÃO CERTA PARA APRENDER A DANÇAR

E DE QUEBRA QUEIMAR MUITAS CALORIAS

Fotos: Valterci Santos

76


Q

uem não gosta de malhar, ir à academia e

levantar peso não tem mais desculpa para

deixar de se exercitar. De origem colombiana,

a Zumba, atividade que combina movimentos

aeróbicos com dança latina, promete cativar a todos.

E o melhor é: em cada aula de uma hora podem ser

queimadas até 1000 calorias. “O programa é uma

mescla de ritmos latinos como a salsa, merengue,

cumbia e reggaeton”, descreve o instrutor de Zumba,

Edson Alves.

De acordo com o site oficial da marca Zumba, a

atividade já atinge cerca de 14 milhões de pessoas

de 185 países. São diferentes modalidades: Zumba

Tonig, que utiliza pesos leves; Zumba Step; Aqua

Zumba, realizada dentro da piscina; Zumba Sentão,

que conta com uma cadeira como apoio; Zumba

Gold, com movimentos de menor intensidade; e

Zumba Fitness, a tradicional.

O que faz com que a aula queime tantas calorias,

como explica Edson, é o fato da dança trabalhar

com movimentos de alta intensidade cardíaca. “Tem

músicas bem aceleradas e outras que são mais lentas

para descansar. Então acelera e desacelera os batimentos.

O gasto calórico é potencializado podendo

variar de 600 a 1000 calorias por aula”, enfatiza.

Os benefícios para o corpo e a mente são inúmeros,

como enumera Edson. “Vai desde o mental,

anti-estresse ao condicionamento físico e ganho de

flexibilidade. A Zumba também é ótima para relacionamento,

socialização, autoconfiança.” A atividade

é ainda um prato cheio principalmente para aqueles

que não gostam de dançar porque acham que não

sabem e têm medo de se aventurar com passos errados.

“O aluno de Zumba ganha mais confiança. Você

não precisa de um par, vai cada um no seu ritmo. A

“A zumba hoje está

presente em 185 países

e atinge cerca de 14

milhões de pessoas. São

diferentes modalidades,

sendo a mais comum

delas a Zumba Fitness”

MARÇO 77


• ESPORTE

pessoa se diverte um monte, nem se dá conta que

está perdendo calorias”, completa.

Edson explica que se combinada com uma

alimentação regrada é possível ver os resultados

em pouco tempo. A agilidade para emagrecer vai

depender também da frequência que as aulas são

praticadas, sendo o ideal, segundo o instrutor, de

duas a três vezes por semana.

“Além de queimar

até mil calorias por

aula, a zumba é uma

ótima atividade para

ganho de flexibilidade,

socialização e

autoconfiança”

CURIOSIDADES

A Zumba foi criada na década de 90 pelo dançarino

e coreógrafo colombiano Beto Perez que

esqueceu o tape com as músicas de uma aula de

aeróbica. Beto foi até o carro e achou uma fita com

salsa e merengue, improvisou uma aula diferente e

deu origem ao que hoje é a Zumba. A modalidade

estourou na Colômbia, e em 2001 ele mudou-se para

o EUA (Estados Unidos da América) onde se juntou

com mais dois sócios e fundou a marca.

78


M & G Odontologia

tr

t

a

an

sf

ns

or

m

ma

an

fo

ma

and

transformando

s

or

so

ri

rr

r

o

is

sorrisos

Cirurgia e traumatologia buco-maxilo-facial

Implantes dentários - Enxertos ósseos

Prótese dental - Dentística estética

Endodontia - Ortodontia

Clareamento dental

Responsável Técnica:

Dra. Graciela Santos Salin

CRO 14741/PR

Especialista em cirurgia e

traumatologia buco-maxilo-facial

Dr. Marcelo Augusto

Araújo dos Santos

CRO 10570/PR

Especialista em prótese dental

NOVO ENDEREÇO:

Av. João Gualberto, 1881 - Sala 405 - 4º andar (Edifício Ópera Matteo) | Juvevê | Curitiba (PR)

Fone: (41) 3233-2494 | Celular: (041) 9734 6266 TIM - (041) 9138 8293 VIVO | E-mail: mgodontologia@terra.com.br


• VIAGEM

História e diversão

HOTEL CAMBOA É OPÇÃO CERTA PARA CONFORTO E

LAZER NA CIDADE MAIS ANTIGA DO PARANÁ

Foto: divulgação

80


Foto: Valterci Santos

Enjoying history

THE HOTEL CAMBOA IS THE RIGHT CHOICE

FOR COMFORT AND LEISURE IN THE OLDEST

CITY IN THE STATE OF PARANÁ

MARÇO 81


• VIAGEM

Foto: Valterci Santos

Foto: Valterci Santos

Foto: Valterci Santos

Foto: divulgação

O

título de cidade mais antiga do Paraná faz de Paranaguá

um verdadeiro acervo de histórias. Considerada o

berço da civilização do Estado, foi lá que, em 1885, a

Princesa Isabel inaugurou a Estação Ferroviária, considerada na

época uma das maiores do mundo. Os conservados casarões,

onde figuras importantes da história política paranaense moraram,

continuam encantando moradores e turistas. Na Rua da

Praia é possível admirar sobrados seculares da época do Brasil

Colonial. Isso sem contar as simpáticas igrejinhas, algumas

edificadas no século XVI, como a Nossa Senhora do Rosário.

A cidade respira cultura e vale uma visita com atrações garantidas

para adultos e crianças. Localizado no Centro Histórico

de Paranaguá está o Hotel Camboa que oferece uma estrutura

completa para os hóspedes. Durante a semana os quartos são

amplamente ocupados por executivos que procuram conforto

e qualidade, mas durante os finais de semana o hotel muda

totalmente de foco com famílias em busca de lazer. Um dos

pontos fortes, disponível na alta temporada, é a recreação para

crianças de todas as idades. “Nosso diferencial, além de toda

a estrutura, é o atendimento super exclusivo que oferecemos

aos clientes”, garante o gerente do local, Adriano Kiel.

CONFORTO

Os 134 aptos passam por reforma interna para conclusão

completa ainda no primeiro semestre de 2015, que tem como

objetivo deixar as unidades mais modernas. São 104 quartos

duplos e de casal, 23 triplos e sete suítes. Todos os apartamentos

comportam cama extra e têm frigobar, TV a cabo,

cofre, telefone, cama box, internet , ar-condicionado e secador

de cabelo. O diferencial são as suítes, mais espaçosas. Os

T

he title of the oldest city in the State of Paraná makes

Paranaguá a true collection of stories. Considered the

cradle of civilization of the State, it was there that, in

1885, Princess Isabel inaugurated the train station, considered

at the time one of the largest in the world. The preserved mansions,

where important figures of the political history of Paraná

lived, still charm locals and tourists. On the Rua da Praia, you

can admire century old houses from the time of Colonial Brazil.

Not to mention the small little churches, some built back

in the 16th century, such as Nossa Senhora do Rosário (Our

Lady of the Rosary).

The city breathes culture and is worth a visit with guaranteed

attractions for both adults and children. Located in the historic

center of Paranaguá is the Hotel Camboa, which offers a complete

structure for its guests. During the week, the rooms are

widely frequented by executives who seek comfort and quality,

but during the weekends, the Hotel totally changes with a focus

on families seeking leisure. One of the strong points available in

the high season is a recreation program for children of all ages.

“Our differential, as well as the entire structure, is the exclusive

super service that we offer to our guests,” says Adriano Kiel,

Manager of the Hotel.

COMFORT

The 134 rooms are going through a redecoration that will

be completely finished in this 1st semester of 2015, to leave

them more modern. There’s 104 are double rooms, 23 triple

rooms, and seven one bedroom suites. All rooms contain an

extra bed and have a minibar, cable TV, safe, telephone, box

bed, internet, air conditioning and hairdryer. The suites are more

82


ambientes são equipados com sala, mesa, sofá, banheira de

hidromassagem e têm uma linda vista para a piscina.

DIVERSÃO

A estrutura de lazer do hotel dispõe de piscinas externas

com toboáguas, piscina interna aquecida, sauna seca e úmida,

sala de massagem, playground e clubinho das crianças. Para

quem gosta de fazer exercícios até nos momentos de descanso

uma boa pedida são as quadras de tênis, futebol suíço, cancha

de areia, academia e a pista de caminhada que termina com

uma deliciosa e refrescante água de coco.

GASTRONOMIA E EVENTOS

A alimentação também é destaque. O Restaurante Camboa

serve pratos típicos e internacionais. No almoço é servido o

bufê e durante o jantar à la carte. Nas carnes o Mignon à Parmegiana

é o mais pedido, enquanto o Linguado Belle Munière

é o carro-chefe entre as delícias do mar. O café da manhã,

incluído na diária, traz grande variedade de pães, frios, frutas

e doces. E para quem prefere um happy hour ou algo mais

informal o Bar Caiçara oferece drinks e aperitivos. Vale lembrar

que o serviço de quarto, muito requisitado, funciona 24 horas.

O Camboa ainda é referência na parte de eventos, tanto

corporativos como sociais. Os salões, para até 400 pessoas,

acomodam festas e convenções de grande porte e a estrutura

do hotel rodeada pela natureza é perfeita para um casamento

ao ar livre. “Oferecemos o serviço completo: bufê, decoração,

DJ, enfim, toda a estrutura.”

spacious, with a sitting room, table, couch, and hot tub, and

with a beautiful view of the pool.

TIME FOR ENJOYING ONESELF

The leisure structure of the Hotel includes outdoor pools

with waterslides, a heated indoor pool, a wet and dry sauna,

massage room, playground and Children’s Club. For those

who find moments of exercise relaxing, there are tennis courts,

Swiss football, sand courts, a gym and a hiking trail that ends

with delicious and refreshing coconut water.

DINING AND EVENTS

The food is also a highlight. The Restaurante Camboa serves

typical Brazilian and international dishes. At lunch, a buffet is

served, while dinner is à la carte. For the meat dish, Mignon

Parmigianino is the most requested, while the Sole Belle Muniére

is the flagship among the delights of the sea. Breakfast,

included in the daily rate, has a wide variety of breads, cold

cuts, fruit and sweets. And for those who prefer Happy Hour

or something more informal, the Bar Caiçara offers drinks and

snacks. It is worth remembering that the very much requested

room service operates 24/7.

The Camboa is a reference for events, both social and

company. The hall holds up to 400 people, and accommodates

large parties and conventions. The Hotel structure is surrounded

by nature, perfect for an outdoor wedding. “We offer

a complete service: catering, decor, DJ, the whole structure.”

Foto: Valterci Santos

Foto: Valterci Santos

Foto: divulgação

Foto: Valterci Santos

Foto: Valterci Santos

Foto: Valterci Santos

MARÇO 83


• VIAGEM

IMPERDÍVEL

A mais nova atração da cidade, o Aquário de

Paranaguá, é um deleite para adultos e crianças que

podem conferir de perto mais de 200 espécies aquáticas

divididas em 23 tanques de águas doce e salgada. Pinguins,

arraias, tubarões, recifes de coral e o manguezal

estão entre os favoritos. Outra opção de passeios são

as ilhas, como a Ilha do Mel, e municípios litorâneos,

que podem ser visitados via barcos que partem do

Terminal de Embarque Náutico. Ambas as atrações

ficam próximas do Hotel Camboa.

NOT TO BE MISSED

The city’s newest attraction, the Paranaguá Aquarium,

is a real treat for both adults and children, who

can see up close more than 200 aquatic species divided

into 23 fresh and salt water tanks. Penguins, stingrays,

sharks, coral reefs and mangroves are among the favorites.

There is also a choice of tours to the Islands, such

as the Ilha do Mel, and the coastal towns, which can be

visited via boats that depart from the Nautical Terminal.

The attractions are close to the Hotel Camboa.

Foto: Valterci Santos

Informações:

Hotel Camboa Paranaguá

Rua João Estevão, s/n

Centro Histórico

Paranaguá - PR

Telefone: (41) 3420-5200

www.hotelcamboa.com.br

Distância de Curitiba: 90 km (quilômetros)

Distância do Aeroporto Internacional Afonso Pena: 75 km

84


• CULTURA

MÚSICA

COUNTRY FESTIVAL

O maior festival de música sertaneja promete agitar a capital paranaense.

Serão mais de dez horas ininterruptas de shows que se dividem em vários

palcos. A novidade desta edição é que o evento retorna ao espaço

onde nasceu em 2007, a Pedreira Paulo Leminski. Entre os artistas, estão

confirmados Luan Santana, Bruno & Marrone e Pedro Paulo & Alex e

os estreantes Henrique & Juliano e Loubet.

Foto: divulgação

Local: Pedreira Paulo Leminski

Data: 23 de maio

Informações: www.facebook.com/countryfestival

DUO ASSAD

Os irmãos Sérgio e Odair Assad agraciam os curitibanos com a turnê

que celebra os 50 anos de carreira. O duo aproveita a oportunidade

para o lançamento do CD O Clássico Violão Popular Brasileiro que já

está disponível no iTunes. O show traz na primeira parte obras emblemáticas,

representativas do repertório que os consagrou no mundo

todo em equilibrada escolha de clássico e popular. A segunda parte é

totalmente dedicada ao novo CD.

Foto: divulgação

Local: Teatro Guairinha

Data: 25 de abril

Informações: (41) 3315-0808

XXXPERIENCE

A badalada festa de música eletrônica vai reunir nesta edição mais

de 30 atrações que se apresentarão em três palcos. Entre os nomes já

confirmados estão Amine Edge & Dance, Astrix, Sharam, Captain Hook,

Alok, Kolombo, Daydin, Hector Couto, Pixel, Betoko, Phonique, Louie

Cut, Berg, Vini Vici, Vintage Culture, Elekfantz e Gabe. A primeira edição

da festa foi realizada em 1996 e ao longo desses 17 anos a Xxxperience

já reuniu mais de dois mil artistas e um milhão de pessoas.

Foto: divulgação

Local: Fazenda Heimari (Atílio Pedão, 15, Piraquara)

Data: 25 de abril

Informações: xxxperience.com.br

TEATRO

86

Foto: Brasilio Vile Imagem: divulgação

FESTIVAL DE TEATRO DE CURITIBA

A 24ª edição traz 29 espetáculos na mostra principal, sendo sete estreias nacionais

e cinco internacionais, e 393 montagens na mostra Fringe. O evento consolidou-

-se, ao longo das edições, como uma imensa vitrine para artistas e companhias de

teatro do Brasil e do exterior, que reúne dança, circo, stand-up, improviso, teatro

físico e gastronomia.

Local: vários locais de Curitiba

Data: 24 de março a 5 de abril

Informações: www.festivaldecuritiba.com.br

RISORAMA

Voltado ao stand-up comedy, a XII edição do evento, é uma das atrações do Festival

de Teatro que promete boas gargalhadas este ano. Criada pelo curitibano Diogo

Portugal, nomes de peso como Fábio Porchat, Fernando Caruso, Rafael Cortês, Marco

Luque, Rafinha Bastos, Fábio Silvestre são alguns dos confirmados.

Local: Park Cultural (Park Shopping Barigui)

Data: 29 de março a 3 de abril

Informações: www.festivaldecuritiba.com.br/risorama


GERAL

REVISTA

PONTOS

DE VENDA

Foto: divulgação

Foto: divulgação

Foto: Sebastião Salgado/Amazonas Images

MUNDOS NOVOS ILUSTRADOS

A mostra tem oito painéis com temas diferentes: mapas,

navegação, flora, fauna, nativos, contatos, exploradores,

livros e ilustradores. Além disso, também há um aparelho

de televisão, onde serão exibidos vídeos feitos por alunos.

A curadoria traz Magnus Pereira e Rodrigo Tavares, com

assessoria de design de Lai Pereira e participação dos

alunos do curso de História, Memória e Imagem da Ufpr

(Universidade Federal do Paraná).

Local: Hall térreo da Biblioteca Pública do Paraná

Data: de 3 de março a 4 de maio

Informações: (41) 3221-4917

DIÁLOGOS COM A NATUREZA

A exposição reúne obras de diferentes artistas, todos

com algo em comum: a natureza. Pinturas de Lange

de Morretes, João Turin, Miguel Bakun, Theodoro De

Bona, W.Curt Freysleben, Estanilau Traple, Guido Viaro

e Raimundo Jaskulski expressam diferentes percepções

da natureza paranaense. A entrada é franca.

Local: Museu Alfredo Andersen

Data: até 19 de abril

Informações: (41) 3222-8262

GÊNESIS

Ainda dá tempo de conferir a exposição do conceituado

fotógrafo Sebastião Salgado. Resultado de

oito anos de trabalho, a mostra reúne 245 imagens

selecionadas. O visitante pode observar imagens

de montanhas, desertos, florestas, tribos, aldeias e

animais. O acervo é fruto de mais de 30 viagens do

fotógrafo por diversas partes do mundo.

Local: Museu Oscar Niemeyer

Data: até 15 de março

Informações: www.museuoscarniemeyer.com.br

DESTAQUE

• Babilônia Arte, Cultura, Gastronomia - Batel

(Rua Dom Pedro II, 541 - Batel) - 3566-6464

• Babilônia - Cabral

(Rua Munhoz da Rocha, 1059 - Cabral) - 3077-3336

• Babilônia - Shopping Mueller

(Av. Candido de Abreu, 127) - 3044-3210

• Banca América

(Rua Otávio Pereira dos Anjos, s/nº - esquina c/ Cel. Francisco

H. dos Santos) - 3267-2412 / 9905-5071

• Banca Batel

(Av. Batel em frente ao Hosp. Santa Cruz) - 3244-5620

• Banca Bom Jesus

(Rua Jaime Balão, 201 - Cabral) - 3264-7662

• Banca do Condor Champagnat

(Martim Afonso, 2800) - 3336-9817

• Banca do Palladium

(Av. Presidente Kennedy, s/nº em frente ao

Shopping Palladium) - 9209-1161

• Banca Espanha

(Praça Espanha) - 3225-1173

• Banca Leia Bem Pão de Açúcar

(Av. República Argentina, 391 - Água Verde) - 3024-6156

• Banca Paulina

(Rua Pres. Farias esq. c/ Rua XV) - 3324-7997

• Banca Praça do Japão

(Praça do Japão) - 3243-1475

• Banca Santa Felicidade

(Av. Manoel Ribas, 5930 - Santa Felicidade) - 3024-3538

• Bar da Banca

(Praça Redentor, 31 - São Francisco) - 3232-9744

• Bazar Cotegipe

(Mercado Municipal) - 3262-5011

• Brioche

(Rua Augusto Stresser, 839 - Juvevê) - 3342-7354

COMIDA DI BUTECO

O concurso Comida di

Buteco será realizado pela

primeira vez em Curitiba.

No total, 20 estabelecimentos

pré-selecionados vão

elaborar um tira-gosto com

o tema fruta. Ao longo dos

24 dias de evento todos os

bares serão avaliados pelo

público e por jurados. O

peso dos votos de cada um

deles é de 50% e vai decidir o melhor boteco da cidade. Além de Curitiba, o concurso,

que já ocorre há 16 anos, acontecerá em outras 19 cidades simultaneamente,

o que deverá abranger 500 bares. Um prato cheio para os amantes dos quitutes de

botecos.

Local: vários estabelecimentos

Data: de 10 de abril a 3 de maio

Informações: www.comidadibuteco.com.br

Foto: divulgação

• Caiobanca

(Av. Atlântica, 1200 - Caiobá/Matinhos) - 3473-9228

• Curitiba Aqui Art e Café

(Pilarzinho ao lado da Ópera de Arame) - 3252-0555

• Hacienda Café

(Al. Prudente de Moraes, 1283 - Centro) - 3018-9525

• Salão Marly - Gustavo Bonato

(Av. Sete de Setembro, 6055 - Batel) - 3343-0505

Pagamento

para

assinatura

3

vezes

sem juros

CENTRAL DE ATENDIMENTO

0800 600 2038

MARÇO 87


• MÚSICA

Cena

local II

Foto: divulgação

BANDA VENCEDORA DO

ESTÚDIO MIX COMEMORA

REPERCUSSÃO DO PROGRAMA

N

a edição passada trouxemos uma reportagem

sobre o programa Estúdio Mix, idealizado pela

artista Adriane Grott. A ideia é ser um instrumento

de visibilidade para os compositores paranaenses por meio

de um concurso de bandas autorais. No final de cada mês

é conhecido um novo vencedor que ganha uma gravação

profissional da canção e um videoclipe. Este mês a Revista

VOi conta um pouco sobre a história da banda Pão de

Hamburguer - já conhecida dos curitibanos fãs de rock and

roll - uma das vencedoras do Estúdio Mix.

“Achamos a intenção do programa muito bacana. Como

estamos em uma fase que compomos bastante aproveitamos

a oportunidade. Além de agregar para o nosso trabalho, estar

ao lado de uma galera parceira que é a equipe do programa

foi muito divertido”, conta Leonardo Bokermann, guitarrista

do Pão de Hamburguer. Agora a banda curte os bons frutos

que o programa proporcionou e já está em processo de

gravação da música vencedora, para depois emendar as

filmagens do clipe.

O forte da banda é o rock and roll e as inspirações são

variadas: Novos Baianos, Los Hermanos, Mutantes, Gil, Beatles,

Led Zeppelin e Jimmy Hendrix estão no topo da lista de

influências. Mas o que é realmente curioso no Pão de Hamburguer

é como o grupo se formou, em 2004. “A Selma, mãe

do Gabriel, que é o vocalista, tem uma empresa de eventos

que organiza vários tipos de festas, inclusive infantis. Certa

vez, uma cliente queria uma banda para tocar no aniversário

do filho. Ela teve a ideia de chamar os sobrinhos, no caso

eu e o Rennan para se juntarem ao Gabriel e montar um

repertório para tal festinha”, lembra Leonardo que confessa

que na época não sabia tocar nenhum instrumento.

Foram nos ensaios do repertório da festa infantil que

começaram as primeiras composições, dando início ao Pão.

“Em 2007, ganhamos de uma amiga a chance de gravar uma

música em um estúdio de Curitiba. No lugar das palhaçadas,

escolhemos uma composição séria que tínhamos, chamada

Ontem e Hoje. A grande questão é que a gente queria um

solo bacana de guitarra, mas ninguém tinha tamanha intimidade

com o instrumento. Aí entra o Joel, que no começo

gravaria o solo, mas acabou sendo abduzido pelo Pão”,

brinca Leonardo.

Mas a formação não parou por aí. Em 2010, um quinto

integrante fechou o grupo - o irmão do Rennan – que se juntou

na empreitada quando a banda foi convidada pela rádio

Mundo Livre FM a participar do projeto Acústico Mundo

Livre. “O Pão de Hamburguer é uma banda praticamente

de primos e o nosso agregado, Joel”, se diverte Leonardo.

Esses 10 anos de história rendeu dois EP’s virtuais, um CD

não oficial - compilado de todas as músicas gravadas em

estúdio - e um DVD ao vivo gravado no Teatro Guairinha.

Vida longa e sucesso ao Pão.

Os integrantes do Pão de Hamburguer: Joel Rocha, Leonardo

Bokermann, Rennan Frois, Bruno Frois e Gabriel Fausto

Foto: Marcelo Stammer

MARÇO 89


• HISTÓRIAS

H ISTÓRIAS

cURITIBANAS

Sexo nada frágil

Naquela sexta-feira,

véspera de comemoração

do Dia Internacional

da Mulher, Gabriela

decidiu voltar a pé do

trabalho para casa. No

caminho, cruzou com

a Praça Tiradentes e se

deparou com o monumento

do herói revolucionário.

Ficou alguns

segundos observando a

estátua até que resolveu

se sentar em um dos

bancos do local que se

encontrava vazio.

Encarando Tiradentes

nos olhos, Gabriela

cavou no fundo de sua

curta memória em qual

praça de Curitiba tinha uma estátua de uma mulher. Não

obteve resposta. Tudo bem, talvez ela não conhecesse

todos os espaços da cidade, mas uma coisa era fato: nesse

quesito os homens tinham bem mais homenagens.

Por um momento ficou pensando no motivo de ter uma

data para celebrar o simples fato de ser mulher. Seria para

vender flores e chocolates? Ela mesma, no auge de sua adolescência,

época na qual teve uma queda pelo feminismo,

já havia sido contra essa data. Mas hoje até que estava se

adaptando com a ideia e começando a achar que aquela

comemoração era mais que digna.

Lembrou-se de sua falecida avó, que no final da década

de 50, teve que voltar de Curitiba para o interior do Paraná

após passar por um conturbado desquite, nome dado na

época para o divórcio. Imaginou como foi duro uma mulher

passar por esse processo com dois filhos pequenos, tendo

que criá-los sozinha. Veio na sua mente a imagem da outra

avó, de família com escassos recursos, que aprendeu a ler

depois de ser mãe e que como costureira ganhou o sustento

para dar de comer para os

filhos. Elas também eram

guerreiras e heroínas.

Talvez merecessem uma

estátua em uma praça.

Pensou em tudo que

ouviu e aprendeu na escola

sobre os séculos passados.

Como as mulheres

eram discriminadas e

tinham mínimos ou nenhum

direito. Suspirou

fundo ao lembrar que

o direito de voto, por

exemplo, foi conquistado

há menos de um século.

Ela, que adorava política,

não se imaginava sem

esse poder.

Apesar das divergências

ficou feliz e cheia de orgulho por ter vindo em sua

mente que o cargo político máximo de seu país era ocupado

por uma mulher.

Foram tantas guerreiras e heroínas no decorrer da história.

Tantas injustiças cometidas. E mesmo assim, nos quase

18 anos que passou na escola – porque sim, quando tinha

dois anos de idade Gabriela já ia para creche, porque a

mãe tinha que trabalhar -, o destaque, a medalha, o título

de herói eram sempre dos homens.

Não que ela tirasse o mérito de cada batalha vencida.

Mas a verdade tinha que ser dita: toda mulher é uma guerreira.

Uma guerreira que não precisa de espada, escudo

e armadura para conseguir vencer os grandes combates

da vida. Veio-lhe na cabeça a batida frase - que ela até

gostava de repetir - que clama que por trás de todo grande

homem sempre existe uma grande mulher. Deu mais um

suspiro, riu discretamente e achou que sua versão era

mais apropriada: por trás de uma grande mulher sempre

existe ela mesma.

Por: Larissa Angeli / Ilustração: Fernanda Domingues

90


WWW.BULLPRIME.COM

LINHA EXCLUSIVA

Quem disse que Páscoa

tem que ser só com chocolate...

Presenteie com Cestas

Bull Prime!

facebook.com/bullprimecarnesnobres | instagram.com/bullprimecarnes

41 3030-4446 | Av. Silva Jardim, 3813 - Batel

Contribuindo para nosso sucesso


CARMEN STEFFENS - PARKSHOPPINGBARIGUI | SHOPPING MUELLER | SHOPPING PATIO BATEL

CS MAISON - PARKSHOPPINGBARIGUI | SHOPPING MUELLER | OUTLET – R. ANGELO SAMPAIO, 1745 – BATEL

CALÇADOS, ROUPAS E ACESSÓRIOS

AIX-EN-PROVENCE BUENOS AIRES CANNES HOLLYWOOD LAS VEGAS

NICE ORLANDO PUNTA DEL ESTE RIO DE JANEIRO SÃO PAULO

505 LOJAS - 18 PAÍSES

Carmen Steffens

More magazines by this user
Similar magazines