Views
1 year ago

Fundação La Salle - 2016

PROJETOS SOCIAIS

PROJETOS SOCIAIS Construção de vínculos e de autonomia comunitária Trabalho Social – Residencial Princesa Isabel O Residencial Princesa Isabel, local de intervenção da equipe Técnico Social da Fundação La Salle, é caracterizado pela disposição de 320 unidades habitacionais no modelo de apartamentos, no qual os moradores são contemplados pelo projeto Minha Casa Minha Vida do Governo Federal. O projeto foi realizado de janeiro a dezembro de 2016. Primeiramente a equipe foi executando o cronograma de ações pré programadas pela Secretaria de Habitação de Novo Hamburgo, em parceria com a Caixa Econômica Federal. No de correr do projeto, a equipe foi se adaptando às necessidades dos moradores. Umas das maiores dificuldades encontradas foi a construção de vínculos para desenvolvimentos das ações previstas. As estratégias contemplaram a mobilização de porta em porta através de convite expressos, exposição de informações na portaria geral e de cada prédio, cartazes expostos na entrada do Condomínio, através da central de interfones e nas visitas domiciliares. A equipe foi construindo as relações e aos poucos colorindo as atividades com a diversidade encontrada 22

Trabalho Social – Princesa Isabel Visitas Domiciliares e Plantão Social Reuniões de Planejamento e Articulação Reuniões de Organização Comunitária e Comissão de Moradores Ações de Educação Ambiental Ações Educativas e Culturais Eventos comunitários Ações para Qualificação do Trabalho e Renda Oficinas Média de Beneficiados por mês N° de Ações 552 62 25 58 17 19 39 196 80 no Condomínio. A aproximação com a comunidade foi sendo moldada de acordo com as necessidades percebidas, nascendo assim, oficinas mais especificas e o incentivo a práticas propostas pelos moradores. A partir disso, surgiram atividades como o Grupo das Crianças, Grupo Resgatando História, Grupo Psicossocial, Assessoria Condominial, Ação Ambiental, Oficina de Futebol, Oficina de Teatro, e Mediação de conflitos. As ações ocorriam no salão de festa e na praça em frente ao Residencial. O Grupo dos Escoteiros de Conservação do RPI foi criado e trabalhou com a conscientização da conservação do bem comum, começando pelas crianças. Nas Oficinas de Artesanato os participantes confeccionaram material, brincos, sacolas, roupas de crochê e tricô. O projeto também colaborou para a criação do grupo de economia solidária, contemplando a demanda de geração de renda. Todos os lanches de passeios e oficinas eram feitos pelo grupo, e com isso o grupo se solidificou e adquiriu estrutura através da venda do produto fabricada. Na área ambiental foi organizada uma horta comunitária como forma de sustentabilidade. A horta conta com composteiras, que produzem o adubo e a cisterna que armazena água das chuvas para regar as plantas. Grande parte dos profissionais que atuaram nas oficinas são moradores do Condomínio, uma proposta da equipe visando a vinculação e a continuidade dos grupos ao longo do projeto. A apresentação da Pesquisa Final do Projeto Participantes 552 610 340 708 635 913 475 2.575 567 “Grande parte dos profissionais que atuaram nas oficinas são moradores do Condomínio, uma proposta da equipe visando a vinculação e a continuidade dos grupos ao longo do projeto.” Social no Residencial Princesa Isabel ocorreu no dia 21 de novembro de 2016, mesma data em que foi inaugurada a Brinquedoteca, espaço para interação das crianças com estrutura pedagógica e de lazer. A estrutura conta com armários para organização dos brinquedos, uma biblioteca montada a partir da doação de livros e de literaturas adquiridas pela equipe, juntamente com cadeiras apropriadas para a interação com as crianças. A Festa de Enceramento do projeto foi realizada em parceria com a gestão do Condomínio e contou com a presença do Papai Noel, brinquedos infláveis, brincadeiras, gincanas e lanches fabricados pela equipe da economia solidária. No período em que o projeto foi executado os resultados obtidos foram positivos, pois a equipe percebeu a receptividade, o fortalecimento de vínculos, a assiduidade dos moradores nas atividades propostas pelo Trabalho Social. A interação ocorreu através de reuniões, palestras, oficinas, plantões sociais, passeios e visitas domiciliares. A equipe também mobilizou a Rede de Serviços em benefício dos moradores do Residencial Princesa Isabel. As ações realizadas, somadas ao protagonismo dos moradores, representam o caminho para a autonomia e o desenvolvimento de habilidades de auto-organização, busca de parcerias e para o aumento de independência nas demandas diárias. 23

Ver/Abrir - Biblioteca Digital do IPG - Instituto Politécnico da Guarda
(Microsoft PowerPoint - Cinem\341tica [Modo de ... - La Salle
relatorio-geral-de-atividades
Cadernos Gestão Pública e Cidadania - FGV-Eaesp - Fundação ...
Setembro/2016 - Produtos de Madeira 36
Novembro/2016 - Produtos de Madeira 37
Maio/2016 - Produtos de Madeira 34
Projeto Redação 2016 - JPA EF2
Guia-11Semana-de-Museus_11abr
Download do livro de atividades - Fundação Educar DPaschoal
Acesse o Relatório 2011 - Ibase
a química no cotidiano do projeto ecocidadão
apresentação da prefeitura municipal de olinda - Avsi
Download - Câmara Municipal do Porto
planejamento do programa segundo tempo - Ministério do Esporte