Views
1 year ago

PUBLICACAO_GENERO_FINAL

44 os/as participantes

44 os/as participantes fazem mutuamente sobre como irão se comportar durante o diálogo no Círculo. Essas orientações descrevem os comportamentos que os/ as participantes consideram importantes para transformar o espaço em um lugar seguro, onde conseguirão expressar sua verdade. Sugestão de pergunta: Quando você está no seu melhor momento, o que você oferece para o/a outro/a? Peça de Fala: Somente a pessoa que está segurando a peça de fala pode falar. Assim se regula o diálogo à medida que a peça vai passando de uma pessoa para a outra, dando a volta no círculo de forma sequencial. A pessoa que segura a peça recebe atenção total dos/as outros/as participantes e pode falar sem interrupções. Esse recurso promove plena manifestação das emoções, escuta mais profunda, reflexão cuidadosa e um ritmo tranquilo. Além disso, abre-se um espaço para as pessoas que sentem dificuldade de falar diante do grupo. No entanto, não se exige que o/a detentor/a da peça fale. Círculo de Resolução de Conflito: Reúne as partes envolvidas para resolverem suas diferenças. A resolução se configura através de um acordo consensual. Convida os/ as participantes a falarem de si. De experiências de vida pessoais. O Círculo não fala do conflito até que as relações entre os/as participantes estejam estabelecidas. Proporciona um melhor entendimento uns/umas dos/as outros/as. Promove o falar de si, a autorreflexão, evitando assim que cada um/a fique falando ao/à outro/a o que deveria fazer. Os/as participantes discutem: O que aconteceu? Por que aconteceu? Quais os impactos? O que é necessário para a reparação do dano? Por consenso, o círculo desenvolve a reparação dos danos (de acordo com cada necessidade) e também estipula a responsabilidade dos membros da comunidade como parte do acordo. Cerimônia de Encerramento: Realiza-se uma atividade que finalize e celebre o encontro.

45 Pós-círculo: Realizado para avaliar o progresso dos acordos. Todas as partes estão cumprindo suas obrigações? Examinar as causas de qualquer descumprimento de obrigações, esclarecer as responsabilidades e identificar os próximos passos. Adaptar os acordos, conforme as necessidades, com base em novas informações e acontecimentos. CASO VÍDEO Resumo do fato: Kelly é uma adolescente de 15 anos, que está gostando de um menino que estuda na sua escola, chamado Rafael. Os dois começaram a se conhecer e trocaram telefone. Depois de algum tempo, Rafael começou a pedir um vídeo dela, que no início negou, mas depois acabou mandando. Um tempo depois, uma amiga veio contar que o vídeo que ela havia mandado para Rafael estava sendo compartilhado na escola. Essa mesma amiga não quis dizer de quem recebeu o vídeo, disse que havia sido de um número desconhecido, mas que agora todo mundo tinha acesso ao vídeo dela. Kelly ficou muito abalada com a história, e sua mãe e seu pai ficaram muito preocupados com o que poderia acontecer com a filha, então decidiram procurar a escola para pedir ajuda, a professora de Kelly sugeriu fazer o processo restaurativo. Passos do processo restaurativo Metodologia utilizada: Círculo vítima-ofensor-comunidade Pré-círculo: Realizar o pré-círculo com todos/as envolvidos/as individualmente; conversar e refletir sobre o fato ocorrido, entender como as pessoas foram

Justiça e Educação em Heliópolis e Guarulhos: parceria
Política, Direitos, Violência e Homossexualidade - Núcleo de ...
Trabalhando com Mulheres Jovens: Empoderamento ... - Promundo
Gênero e Diversidade na Escola - Portal do Professor - Ministério da ...
DIKE final.indd - APAV
Questões de Sexualidade - Institute of Development Studies
Da Violência para a Convivência - Promundo
A questão de gênero nas decisões dos tribunais penais internacionais
Interligações entre Cultura, Violência Baseada no Género ... - SAfAIDS
Antropologia e sexualidade - Miguel Vale de Almeida.pdf
Cerberus Magazine - Edição Zero
Crimes motivados pelo preconceito: 2009
saúde sexual e reprodutiva de mulheres imigrantes africanas e ...
PREVENÇÃO E ATENÇÃO À VIOLÊNCIA ... - Instituto Avon
DIRETORIA OABSP
Julho/Setembro de 2007 - Ano 4 - Nº 8 - Ministério Público do ...
elas por elas- agosto 2009_Elas por elas revista - ive minas