edição44

bilticombr

Revista Flash Campinas

Edição nº 44/Bimestral

FLASHCampinas

Julho/2017FLASH

Viagem

Conheça Monumento Natural

El Morado no Chile

Moda

Últimas tendências de Inverno

com a Jornalista, Repórter da Rede

Record e do Programa do Gugu

Thatiana Brasil em ensaio exclusivo

a Flash Campinas no bairro

Moema em São Paulo


Dunlop

FLASH

Campinas


WFS

COMUNICAÇÃO

WF da Silva Júnior Comunicação

Publicidade, Propaganda e Editora.

Campinas-SP

contato@revistaflashcampinas.com.br

facebook.com/Revista-Flash-Campinas

@revistaflashcampinas

Capa:

Thatiana Brasil

Produção:

Cabelo e Maquiagem:

Ana Quirino

Sweet Hair Moema

Foto:

Walter Fernandes

Expediente

Diretor de Criação

Editor-Chefe

Redatora

Colaboradores

desta edição

Walter Fernandes/Bacharel em

Comunicação Social

Diego Vivan/MTB 72.209

Renata Gavioli/Bacharel em

Comunicação Social

Andreia Sarambeli

Sweet Hair Moema

Marthon Livramento

6

ÍNDICE

Moda: Inverno em São Paulo

Comercial

Instagram

M.L Representações

@revistaflashcampinas

Canal Youtube

Revista Eletrônica

Revista Flash Campinas

revistaflashcampinas.com.br

Confira books completos e fotos extras de todos

editoriais de moda, shows, eventos, baladas nos álbuns de nossa

revista digital no Facebook

Distribuição Gratuita: Cambuí, Gramado, Nova Campinas,

Parque Prado, Barão Geraldo, Jd. Chapadão, Castelo, Guanabara,

Botafogo, Jaguariúna, Valinhos, Holambra e Ubatuba.

Salas de espera em clínicas, consultórios, laboratórios,

salões de beleza, restaurantes, entre outros. Exemplar Impresso.

Correção conforme novo acordo ortográfico de 2008.

As opiniões expressas por autores ou entrevistados não

refletem necessariamente a posição e opinião da Revista.

É vedada a reprodução parcial ou total, os infratores

estarão sujeitos a pena prevista por lei 9.610/1998.

As reportagens assinadas são de inteira

responsabilidade de seus autores.

Edição passiva a erros de digitação e impressão.

As informações e imagens contidas nos

anúncios publicitários, são de inteira

responsabilidade dos anunciantes.

Os direitos autorais desta obra pertencem a

WFS Comunicação.

REVISTA DIGITAL

Alcance Mensal: +70.000/mês

número de pessoas

Target:

78% Feminino

58% 25 a 44 anos

10

Música:

Frejat

Revista Eletrônica nas Plataformas

Flash Society: Luan Santana

20

26

Flash Society: O Grande Encontro

32

Flash Viagens: Chile


Flash MODA


Modelo: Thatiana Brasil

Produção: Ana Quirino

Cenário: Sweet Hair Moema São Paulo

Roupas: @mig.oficial

Acessórios: @ikacoelhooficial

Fotos: Andreia Sarambeli

Direção: Walter Fernandes


Thatiana Brasil é jornalista premiada!

Passou pelas principais emissoras

do país como: SBT, Band e Globo.

Há dez anos é contratada da Record TV.

Desde 2015 atua como repórter

exclusiva do Programa do Gugu!


Pág. 10

Flash MÚSICA

Texto e Fotos: Walter Fernandes

Frejat - Um Ícone do Rock Nacional

No dia 19 de maio Frejat subiu ao palco da Red

Eventos em Jaguariúna, acompanhado pela

Orquestra do Rock, a única orquestra sinfônica de

Rock do Brasil. O show teve a realização de Arte do

Bem / Articular e parte da renda beneficente ao

Centro Boldrini.

O ano era 1981, enquanto Brasília borbulhava e São

Paulo gritava no cenário do rock, Frejat foi

convidado a participar dos ensaios por Maurício

Barros, Dé Palmeira e Guto Goffi, em seguida

ingressava no grupo “Cazuza”, nascia o Barão

Vermelho, uma das maiores bandas do rock nacional.

Com a pegada do Rio de Janeiro, o Barão adotou um

estilo suburbano carioca, com um gingado e swinge

de praia, letras que falavam de amor, desilusões,

boêmia, vindo na contramão da rebeldia política que

as outras bandas pregavam na época.

O Barão Vermelho fez um show antológico no Rock in

Rio em 1985, o maior evento do Rock da história do

nosso país.

Com a saída do Cazuza, Frejat assumiu o vocal e com

uma enorme responsabilidade, pois, naquele

momento Cazuza já era um dos maiores ídolos da

nossa música.

A carreira de intérprete começou no disco “Declare

Guerra”. De lá até o “MTV Ao Vivo”, último

lançamento do Barão, foram 12

álbuns, recebeu com a banda os prêmios Sharp de

melhor grupo Pop/Rock de 1990, 1992, 1994 e 1996

e um Vídeo Music Brasil, além de uma indicação ao

Grammy Latino.

Em 2001 o Barão decidiu encerrar as atividades e

Frejat partiu para carreira solo, Com o álbum “Amor

Pra Recomeçar” conquistou DISCO DE OURO e foi

convidado a abrir os shows do cantor Eric Clapton no

Brasil. A canção, “SEGREDOS” ganhou os prêmios

VMB 2002 da MTV e do Canal Multishow em 2003

por seu Clipe de animação.

No início de 2017 o Barão Vermelho anunciou sua

volta, mas com Rodrigo Suricato no vocal. A não

continuidade de Frejat no grupo foi decidido “numa

boa, sem brigas”, segundo o baixista Rodrigo Santos.

Frejat continua conquistando e fidelizando seus fãs e

Frejat e Walter Fernandes

os órfãos do Barão Vermelho da década de 80. No

arranjos em canções do Tim Maia, Adriana Calcanhoto, Roberto

repertório apresentado no dia 19 de maio, seus

Carlos e outros grandes nomes da música brasileira.

antigos sucessos e do Barão, além dos recentes ainda

Um poeta, que emociona na letra “Por Você”, guitarrista ímpar, que

agitam e emocionam o público.

ainda leva ao delírio o público com os riffs de Bete Balanço e Menor

Frejat além de cantor e compositor, é um grande

Abandonado, com mais de 36 anos de estrada, Frejat é uma prova

guitarrista, no estilo conservador do rock, ainda

que o Rock Nacional pode até não estar em “alta”, mas deixará um

carrega no overdrive e dá a sua “cara” com seus

legado que jamais será esquecido.


Humberto Gessinger - O Engenheiro do Hawaii

O compositor, cantor, multi-instrumentista e escritor Humberto

Gessinger apresentou na Red Eventos, com realização de GP

Produções no dia 24 de junho sua nova turnê “Desde Aquele Dia – 30

anos A Revolta dos Dândis”.

Humberto Gessinger nasceu em 24 de dezembro de 1963, em Porto

Alegre/RS. Em 1985, com colegas da Escola de Arquitetura da UFRGS,

montou a banda Engenheiros do Hawaii. O nome fazia uma

brincadeira com estudantes de engenharia e surfistas que

frequentavam o bar da faculdade.

Do primeiro show dos Engenheiros do Hawaii no terraço da

Faculdade de Arquitetura da UFRGS, (11/01/1985) a 21 CDs e 7 DVDs,

oito Discos de Ouro, um Disco de Platina, quatro DVDs de Ouro e

milhares de fãs apaixonados por suas músicas, os Engenheiros, como

ficaram popularmente conhecidos, foi a maior banda de rock do Rio

Grande do Sul, e uma das maiores do nosso país, em um cenário na

época dominado pelas bandas de Brasília, Rio e São Paulo.

O que mais chama a atenção é que na época ( década de 80 ) o rock

nacional era um instrumento de grito a rebeldia, principalmente

sócio-político, os Engenheiros vieram na contra mão, canções com

letras românticas, boêmias e solitárias como: Longe Demais das

Capitais, o primeiro álbum lançado em 1986 ( um retrato de que a

banda estava longe do eixo Rio - SP reduto das gravadoras ). Em 1987

lançam A revolta dos Dândis, uma marco na história da banda, Infinita

Highway ( uma viagem solitária pela estrada ), Todo mundo é uma

Ilha ( onde o refrão diz Hei Mãe eu tenho uma guitarra elétrica ),

Refrão de Bolero ( romântico, boêmio e melancólico ). Nessa época os

Engenheiros emplacavam sucessos nas rádios, programas de Tv e

trilhas sonoras de novelas.

Em 1988 Ouça o que eu Digo não Ouça Ninguém, sucessos como

Somos quem podemos Ser, Pra entender e a música título do álbum

são hit parade em todas as rádios.

Em 1990 O Papa é Pop, o álbum mais importante da banda,

praticamente todas as faixas foram hit parade, destaque para a

regravação de Era um garoto que como eu Amava os Beatles e os

Rollings Stones, a banda atingia o ápice do sucesso, glamour no Show

Business, mas nessa mesma época começaram as brigas entre Carlos

Maltz e Augusto Licks com Gessinger e o futuro da formação original

da banda estava cada vez mais próximo do fim.

Em 1991 Várias Variáveis trouxe uma sonorização mais bairrista,

Gessinger mesclou um rítmo sulista e gaúcho nas canções, inclusive

uma regravação de Herdeiro da Pampa Pobre do Gaúcho da

Fronteira. Nas letras, clássicos solitários e melancólicos como Piano

Bar, Ando Só e Descendo a Serra.

O Engenheiros do Hawaii teve influências do rock progressivo,

principalmente do Pink Floyd e The Police, mescla sons regionais do

sul da América e do Brasil, foi a primeira banda de rock nacional a

usar sanfona, já foram destaque no New York Times e ao mesmo

tempo odiado e massacrados pela crítica nacional entre anos 80 e 90.

Humberto Gessinger é hoje o engenheiro responsável por não deixar

órfãos milhares de fãs espalhados pelo nosso país, o rítmo e as letras

são os fatores predominantes de uma banda que vive a essência de

seu líder, de genialidade gigante, mas de personalidade forte, e essa

Infinita Highway seguirá até o fim dos dias de uma geração.

Flash MÚSICA

Texto e Fotos: Walter Fernandes


Flash MODA


Modelo: Fernando Ferraz

Cenário: Petrópolis-RJ

Fotos: Ana Martins

Direção: Walter Fernandes


Flash PERFIL

Fotos: Ana Martins

FERNANDO FERRAZ

O cantor e diretor Fernando Ferraz realizou um ensaio de

moda inverno exclusivo a Flash Campinas em Petrópolis-RJ,

com fotos de Ana Martins e Direção de Walter Fernandes.

Fernando é diretor da Escola Oficina de atores no Rio de

Janeiro e atualmente vem desenvolvendo um trabalho na

música. Trazendo um estilo pop para grandes clássicos do Rock

e MPB o cantor traz novidades em breve.

"Sou muito jovem para os trabalhos que desenvolvo, e busco

passar credibilidade até no modo que eu me visto, mas sem

perder minha personalidade. E a música me exige um visual

jovem e cheio de atitude, e procuro buscar isso em cada

estação na moda masculina, mas o inverno é a oportunidade

de ousar e se vestir bem" contou Fernando Ferraz.

Com vertentes de trabalhos tão distintas o diretor e cantor

está sempre ligado nas tendências e procurando criar um estilo

de se vestir onde encontra identificação com sua

personalidade e seu trabalho.

Depois do ensaio Fernando Ferraz concedeu uma entrevista

contando um pouco sobre seu trabalho.

1) Cidade em que nasceu e idade?

Pirapora - MG, tenho 24 anos

2) Com quantos anos começou ou iniciou os estudos na área

de artes?

Iniciei aos 10 anos em escolas de artes em Minas Gerais, do

grupo SESI, em que trabalhava canto. Foi a partir dali que

desenvolvi artes cênicas e canto, logo após a dança. Para que

pudesse compor as necessidades da minha carreira, ali

naquele momento e para toda a minha vida.

Aos 18 anos iniciei minha carreira no Rio de Janeiro, na UFRJ.

3) Chegou a trabalhar com algo fora do mercado artístico?

Sim. Em MG trabalhei na Biblioteca da Universidade Estadual

de Montes claros, e na Previdência Social INSS. No Rio,

trabalhei na Seduc ( Secretaria de Educação ) e de Produtor de

eventos para uma grande rede de hotéis da cidade.

4) Você está sempre na ponte aérea BH - Rio e SP, como você

avalia cada mercado, no atual momento?

O mercado tem desse encanto, pela cultura, costumes que

determinado espaço estabelece ali. Formar o ser humano na

atuação é um ponto rico na minha trajetória humana, e

desafiadora. Vejo o mercado por igual, nas mesmas

oportunidades e necessidades. Estamos numa mudança diária,

isso me surpreende muito, os desafios vem daí. Só me percebo

na ponte aérea quando estou dentro do avião. (risos)

O ensaio com Fernando Ferraz é um marco na história da Flash Campinas, nos mais de 7

anos de revista, foi o primeiro ensaio e editorial de moda masculina.

5) Como e em que ano iniciou a Escola Oficina de

Atores?

Imagine um presente, sendo ele o maior da sua vida. É

isso. Foi me dado o maior amor da minha vida, e fui

caminhando nas suas necessidades diárias, fui

alimentando aquilo que o outro carecia, dentro das

minha próprias faltas. É a maior experiência que

poderiam ter me dado. A de acreditar, e construir.

O projeto teve inicio em 2014.

6) Poderia resumir a nós um pouco sobre seu trabalho

na oficina com os atores e cantores ?

Trabalho no circuito televisivo diariamente buscando criar

ferramentas ao ator para potencializar sua caminhada no

universo que é a sua personagem. Sou um condutor de

ideias, um construtor de sonhos. Só isso. Não me sinto

responsável pelo sucesso de ninguém. Um ator precisa de


uma equipe para que a imagem funcione, somos todos uma equipe.

Temos hoje muitos artistas que desafiam a arte, isso eu posso citar

com maior orgulho do mundo. E muitos deles nem na Tv estão.

7) Quais influências você teve na música e cênicas ? Um cantor e

um ator? Uma atriz e uma cantora?

Tenho referência forte do Rei Roberto, da riqueza que traz em suas

músicas e vida e Maria Betânia pelos mesmos motivos.

Dona Laura Cardoso, SALVE a sua arte! Um ator... admiro muito o

Paulo Autran.

8) Na sua opinião o cinema brasileiro melhorou nos útlimos 10

anos? Como você avalia e vê o futuro do nosso cinema?

Melhorou, muito. Estamos numa fase boa de criação, ótimos atores,

direção, autores, todos muito talentosos e dispostos. Vejo um

caminho cheio de desafios, mas todos sendo burlados, nossa cultura

nos permite isso, superação.

10) O Youtube e outros meios de comunicação cresceram e mudou

o hábito de consumo das pessoas, como você vê e avalia isso para

o futuro dos artistas?

É uma grata surpresa o que a internet tem nos trago. É um respiro

diferente ao nosso dia a dia. Reverberando num futuro que já é

agora. As pessoas podem optar por aquilo que desejam ver, o

mesmo acontece aos artistas, a vitrine mudou, os limites já não são

os mesmos.


Vem Aí

Nossa edição de Setembro com a cantora

Allana Macedo, tendências Primavera/Verão 2018

Ensaio realizado na Praia Vermelha do Centro

em Ubatuba.

Assessoria de Imprensa: Diego Vivan

Foto: Marina Barbim

Direção: Walter Fernandes


Flash SOCIETY

O mega astro Luan Santana apresentou “1977”,

título do DVD, no dia 13 de maio na Red Eventos em

Jaguariúna. O título 1977 faz referência ao ano de

criação do Dia Internacional das Mulheres.

O show teve a realização de GP Produções.

“Este é um tributo ao sexo nada frágil, por meio de

algumas das vozes mais aclamadas do país. Saímos

do registro do espetáculo e dos grandes públicos,

revelando a minha intimidade na hora de criar as

canções e dividí-las com artistas tão distintas”,

explica Luan.

(*) Fotos: Walter Fernandes

Diretor Walter Fernandes

no camarim.

Lulu em

nossa lente


Óptica Loja da Fábrica

FLASH

Campinas


Flash TEATRO

Perdoa-me Por Me Traíres

O teatro Castro Mendes recebeu no dia 02 de

abril a apresentação da peça “Perdoa-me por me

Traíres”, uma montagem do Grupo Eco, de

Campinas, composta por alunos do Teatro Escola

Macunaíma.

O texto de Nelson Rodrigues, escrito em 1957,

causou grande furor na estreia da primeira

montagem, onde subia em cena o próprio

dramaturgo em uma de suas raras aparições no

palco.

A peça traz à tona vários temas como paixão,

desejos inconfessados, traição, em uma trama

densa, provocativa e emocionante.

Sinopse

Glorinha vive dividida entre se entregar aos

desejos da adolescência e obedecer ao tio que a

criou desde pequena. Com a ajuda de sua

melhor amiga, a descoberta de um novo mundo

revelará segredos do passado e desencadeará

consequências para a vida de todos.

No palco, os atores esbanjaram vibração, atitude

e talento.


Flash TEATRO

Perdoa-me Por Me Traíres

Direção de Rodrigo Polla

Assistência de direção de Cecilia Marcondes

Músico: Daniel Zivko

Elenco:

Bárbara Leal

Cristiane Leite

Felipe Kronaz

Fernando Ribeiro

Geison Campos

Jaqueline Guimarães

Katarina Pereira

Lali Santoro

Lincon Fernandes

Michelli Cavichia

Pathy Duarte

Pedro Figueiredo

Rebeka Marques

Ricardo Santo

Victor Hugo Sousa

Vitória Arruda

Fotos: Walter Fernandes


Flash MÚSICA

Por: Diego Vivan

Photo by Walter Fernandes

Músicas de Cristiano Araújo ainda são destaques mesmo após dois anos de sua morte

No último dia 24 de junho, completou dois anos da morte do

cantor e compositor Cristiano Araújo. É impressionante como

ele ainda se mantém vivo na memória e no coração das

pessoas. Suas músicas continuam sendo executadas nas

rádios de todo o Brasil. Nas redes sociais, seus números

continuam crescendo, o que o coloca ainda com grande

destaque entre os artistas da música sertaneja.

Nas rádios, no ano passado, ele foi o 35ª artista que mais

tocou. Neste ano, ele subiu oito posições e aparece em 27ª

lugar. Das 16 músicas monitoradas, destaque para "Maus

bocados", "É com ela que eu estou", "Hoje eu tô terrível",

"Caso indefinido", "Mente pra mim", "Você mudou", "Traição

a queima roupa" e "Efeitos". A informação é da Connectmix –

especializada em monitoração (audiência) de áudio.

Show Expo Dom Pedro Campinas Out/2015

No Facebook, sua página oficial tem 9.3 milhões de curtidas.

Esse número coloca Cristiano Araújo como a oitava Fã Page

entre os artistas sertanejos, ficando a frente de nomes como

Michel Teló, Victor & Leo, Fernando & Sorocaba, Henrique &

Juliano e Bruno & Marrone. Milhares de fãs ainda entram na

página para postar mensagens e frases de suas músicas.

Os números também são impressionantes, no Youtube.

Cristiano Araújo é o 10ª artista sertanejo mais assistido na

história do Youtube. Seus vídeos foram acessados mais de

883 milhões de vezes. Ainda sobre os números, no Youtube,

ele é o 13ª artista da música sertaneja com o maior número

de inscritos. São 1.5 milhão de fãs que assinam o canal dele.

"É com ela que eu estou" é o clipe mais assistido em seu

canal, com mais de 154 milhões de acessos, o que a coloca

como a 21ª com o maior número de acessos entre as faixas

sertanejas, no Youtube. "Caso indefinido" aparece como a

36ª.

CARREIRA

Com apenas 10 anos de idade, Cristiano Araújo fez sua

primeira composição. Três anos mais tarde, gravou seu

primeiro trabalho com cinco músicas. Continuou com sua

carreira solo até os 17 anos, quando resolveu cantar em

duplas, em um período que durou seis anos. Em 2010,

resolveu seguir de fato carreira solo, preparando a gravação

de CD e DVD com participações de vários artistas. Em janeiro

de 2011, o projeto foi concretizado e a música "Efeitos" foi o

seu primeiro grande sucesso. Depois, outros hits vieram,

como "Mente pra mim", "Caso indefinido", "Maus bocados",

"Cê que sabe", "É com ela que eu estou", entre outras.

Pág. 20

ACIDENTE

Cristiano Araújo morreu quando voltava de um show da

cidade de Itumbiara/GO. O veículo em que ele estava

capotou na BR-153, entre as cidades de Goiatuba e

Morrinhos, no Estado de Goiás. Cristiano Araújo e sua

namorada, Allana Coelho Pinto Moraes, não resistiram os

ferimentos e faleceram. Allana faleceu no local. O cantor

chegou a ser levado para o hospital, mas também não

resistiu. Outras duas pessoas que estavam no carro, o

segurança Ronaldo Ribeiro, que dirigia o veículo, e o

empresário Victor Leonardo tiveram apenas ferimentos

leves.

Mesmo sua estrela brilhando lá no céu, desde às 8h30, do

dia 24 de junho de 2015, é cada vez mais forte a luz do

Cristiano Araújo aqui na terra. Seus fãs ainda continuam em

Photo by Walter Fernandes

"Maus bocados", com uma sensação de um "Caso

indefinido", que só uma outra dimensão será capaz de unir

novamente. Para a sua família, amigos, e fãs que aqui

seguirão contemplando sua luz, "o que temos pra hoje é

saudade...".


Flash SOCIETY

ELBA RAMALHO, GERALDO AZEVEDO e ALCEU

VALENÇA unem seus talentos novamente em cena

para comemorar 20 anos de um dos espetáculos

mais aclamados da música brasileira.

Depois de estrear no Rio e gravar um DVD ao vivo

em São Paulo, o trio se apresentaram em

Jaguariúna no dia 26 de Maio de 2017 na Red

Eventos e com realização de GP Produções.

O GRANDE ENCONTRO apresentou novidades em

sua atual edição. Se o show original possuía um

formato acústico, com versões que recriavam a

mística do cancioneiro com intimismo e delicadeza,

o novo espetáculo incorpora uma sonoridade

elétrica e percussiva. Esbanja energia sem perder a

ternura.

No repertório, entre trios, duetos e momentos

solos, os clássicos que todo mundo quer ouvir:

"Anunciação", "Banho de Cheiro", "Dia Branco",

"Tropicana", "Moça Bonita", "Caravana", "Belle de

Jour", "Canção da Despedida", "Coração Bobo",

"Táxi Lunar", "Ciranda da Rosa Vermelha", "Bicho

de Sete Cabeças" e tantas mais.

Geraldo apresenta uma de sua nova lavra, a

delicada "Só Depois de Muito Amor", com letra do

poeta Abel Silva. Alceu comparece com mais uma

inédita do repertório, a "Ciranda da Traição",

cantada pelo trio. Dentre as surpresas, duas jóias

vintage: "Papagaio do Futuro" (apresentada por

Alceu, Geraldo e Jackson do Pandeiro no Festival

Internacional da Canção de 72) e "Me Dá um

Beijo", parceria de Alceu e Geraldo, recriada agora

com a presença de Elba nos vocais. Juntos, Elba e

Alceu cantam "Flor de Tangerina", tema da novela

"Velho Chico".

Do mestre Luiz Gonzaga, estão um dueto de Elba e

Alceu em "Xote das Meninas", reforçado por

Geraldo em "Sabiá". Zé Ramalho marcou presença

autoral através de "Chão de Giz" e "Frevo Mulher",

na voz de Elba.

O Show teve a realização de GP Produções.

Redatora Renata Gavioli

no camarim

Fotos: Walter Fernandes


Flash SOCIETY

Sucesso absoluto de público, a GP

Produções traz novamente à Red

Eventos, em Jaguariúna no segundo

semestre Zé Ramalho e Ana Carolina.

E em primeira mão antecipa à Flash

Campinas mais três grandes shows:

Roupa Nova, Fábio Jr e Tocando em

Frente. Aguardem!

Fotos: Walter Fernandes


Flash U2

Por: Raimondo Fumi

Como ja tinha adiantado, nesta matéria irei

compartilhar com vocês os acontecimentos da

semana mais “louca” da minha vida, que

obviamente tem os U2 envolvidos. Vamos lá!

No 1993 U2 estavam em tourné com o Zoo Tv Tour.

Durante o verão europeu, época de férias, eu fui

assistir 6 shows na Itália; não satisfeito, decidi que

ia também para o show de encerramento em Dublin

no final de Agosto e para conhecer Bono também.

Apareceu um pequeno problema: eu tinha gasto

praticamente todo o meu dinheiro para rodar a

Itália atrás dos shows e meus pais (justamente!) se

negaram de me ajudar.

Nos anos 90 viajar na Europa não era tão fácil como

hoje. De Milão para Dublin de avião ia ser caríssimo,

mais ou menos 600 mil liras (moeda italiana da

época). Eu no banco tinha só 450 mil.

Mas não desisti! Achei uma promoção de trem e

navio que me garantia ida e volta por 400 mil liras e

sobrariam 50. No dia 23 de Agosto peguei meu

mochilão, meu violão e fui.

Dois dias de viagem para chegar em Dublin. No

último trem conheci uma senhora.

A senhora, se chamava Emma

Green, irmã do chefe da

segurança da casa do Bono, o Sr

Paddy Green! Ela Escreveu uma

carta, pedindo para o irmão me

ajudar, na medida do possível!

Detalhe: já estava decidido em

dormir na rua e ganhar minha

comida tocando violão no centro

da cidade. O centro de Dublin

não era tão seguro na

madrugada, portanto escolhi

dormir na frente da casa do

Bono, em Killiney, lugar fora da

cidade e sossegado devido a

presença do Consulado

Canadense na esquina. Encontrei

Paddy Green logo no primeiro

dia, entreguei a cartas; me

explicou que ia falar para o Bono,

aparecendo a oportunidade.

Nos primeiros 2 dias eu me

dividia entre o centro da cidade e

Killiney; no centro aproveitava

dos chuveiros públicos e tocava,

em Killiney voltava no final da

tarde na esperança de encontrar

Bono.

A polícia já estava ciente que eu

ficava lá só e exclusivamente

porque não tinha dinheiro para

quarto de hotel. Raramente me

pediam para ir embora e eu

fingia de enrolar meu saco de

dormir, eles sumiam e eu voltava

para o mundo dos sonhos.

No dia 25, as 8 da manhã,

aparece um carro vermelho da

Radio 2FM, vieram para fazer

uma entrevista ao vivo na rádio.

Foi muito legal e engraçado, um

bate-papo de 15 minutos,

encerrando tocando One e With

or Without You voz e violão. Eu

desconhecia a popularidade da

2FM, mas o descobri logo.

Chegaram na frente da casa do

Bono dezenas de pessoas que

não acreditavam na história, a

maioria eram fãs de U2 e

estrangeiros! Que me traziam

algumas cervejas, me ofereciam

cigarros, e apareciam só para

tocar e cantar junto comigo. Sem

entender nada, fiquei famoso!


A noite outra surpresa, o carro da

Radio volta: eu estava convidado

no dia seguinte para participar de

um programa de Tv ao vivo, uma

matéria especial sobre U2, na tv

nacional irlandesa! Eles iriam

disponibilizar o carro para buscar e

me levar embora! a participação ia

ter retribuição, maravilhoso,

precisava mesmo!!!

Eu tinha feito amizade já com o

filho do cônsul Canadense, e

quando lhe expliquei do programa,

ele me disse de deixar mochilão e

saco de dormir com o porteiro do

consolado! E assim foi, a noite do

dia 26 fui para o programa, um

pub, cujo nome esqueci, no centro

da cidade e contei a minha história

ao vivo. Terminada a transmissão,

recebidos 150 Libras irlandesas e

com bastante cerveja Guinness na

barriga, voltamos para o meu lar.

Ainda não tinha cumprido as

minhas “missões”: achar ingresso

para o show e ter a oportunidade

de bater um papo com o Bono…

Voltando para Killiney, um jornalista da

Rádio me avisa que na HMV, uma loja de

cd, estariam a venda mais 1000 ingressos

para o show do dia 28. Perfeito! Depois

de poucas horas de sono, pego o metrô e

vou direto atrás dos ingressos. Na loja

um funcionário me avisa que só estariam

a venda na manhã do dia seguinte.

Impossível para mim conseguir voltar em

tempo. Falado isso para o funcionário,

ele me pergunta se eu era italiano,

respondi que sim, ele olha bem e

pergunta - você estava ontem no

programa da RTE? - Confirmei. Me pede

para esperar 1 minuto, voltando me pede

35 libras e me diz de sair da loja; assim

eu fiz, quando fiquei na porta um outro

funcionário me chama diz: - acho que

você esqueceu este envelope. DENTRO

TINHA O INGRESSO PARA O SHOW do dia

seguinte, imaginem a felicidade.

No 27 rolou o primeiro dos 2 shows em

Dublin e eu fui fora do estádio, para

ouvir. Gente, fiquei meio sem graça, um

monte de pessoas me cumprimentando,

pedindo para tirar fotos, estava vivendo

um sonho...

Foi naquela noite que o Bono de volta do

show me acordou, me perguntando o que

poderia fazer por mim e tocou no meu

violão, me deu os óculos, ofereceu de

chamar um táxi para ir dormir em um

lugar mais aconchegante que lá estava frio

demais; não tinha segurança botando

pressa, só o cansaço dele que o obrigou a

ir rapidamente deitar. No dia seguinte ele

queria sair para bater papo, mas quando

acordou, já tinha dezenas e dezenas de

fãs. Do show nem preciso falar e da pizza

que recebi do Bono no último dia que

fiquei já relatei na primeira matéria, na

edição de janeiro. No dia 31 de Agosto as

6:30 hs a semana louca acabou. Um rapaz

de 20 anos estava voltando para Itália feliz

e com a missão cumprida!!!


Flash VIAGEM

Europa

Olá caro leitor, em minha última

viagem visitei (novamente) meu

filho que mora em Bratislava ,

Slovaquia, e juntos fomos visitar

vários lugares como Krakovia na

Polônia, onde visitamos uma mina

de sal com 300 metros de

profundidade e dentro dela vários

salões, capelas e lagos. Em um dos

salões uma estátua em

homenagem a Papa João Paulo II,

que era de lá. Também visitamos

muitos monumentos e construções

da Idade Média, e para não perder

o costume experimentamos o

“Pirogi” prato típico e tradicional

Polonês.

Em outro dia fomos até Praga para

visitar os palácios e catedrais

famosos e é claro a famosa Ponte

Carlos (Karlúv most) e a noite

acabamos em um bar com 30 tipos

de chopp, um melhor que o outro,

para acompanhar um pato assado

com frutas. Seguimos para Pilsen

para visitar a fábrica da Pilsner

Urquel e depois o museu com os

porões que antigamente passavam

por baixo de todo a cidade velha.

Na volta para Bratislava passamos

por Áustria e não podíamos deixar

de comer um “Wienerschnitzel”,

obrigatório na Áustria. Como

estávamos de passagem dirigindo

infelizmente não pudemos

experimentar a cerveja.

De volta em Bratislava fomos jantar

no “UFO” , um restaurante em

forma de disco voador a 95 metros

de altura com vista para a cidade

toda. Se forem lá não deixem de

visitar o banheiro, pelo menos o

masculino tem uma vista linda da

cidade.

Ainda visitei meu irmão, cunhada e

sobrinhos que moram nos Pirineus,

num pequeno paraíso no meio das

montanhas, cercado de floresta e

plantações orgânicas. Vegetariano

fez para nós uma pizza de legumes

deliciosa, tudo orgânico e

fresquinho.

Pág. 30

E eu não sei se é eu mas, onde eu ia o sol

viajava comigo.

(*) Fotos: Por Robert Jager via celular / Robert Jager é holandês, mas mora no Brasil há muitos anos


WFS

Ubatuba em frente as

praias do Tenório e

Vermelha do Centro.

Vista deslumbrante

para cinco praias.

Desfrute do nosso

terraço presenciando

uma paisagem

inesquecível e no

Reveillon a queima de

fogos em toda orla.

Ideal também para casais

em Lua de mel.

Pouso Alegre uma pousada no

meio da natureza com toda

infra-estrutura de lazer

e privacidade.

Salão de eventos e convenções

aniversários, casamentos

e festas sociais.

Muito ar puro e área verde,

restaurante comida caseira.

Pouso Alegre

Relaxar ficou muito mais fácil se hospedando no Recanto do Teimoso.

Onde você se sente em casa.

pousadarecantodoteimoso@gmail.com

www.pousadarecantodoteimoso.com.br

Tel: (035) 4102.0560 / 4102.0561

Celular (11) 96030-9001 (Whats)


Flash VIAGEM

Chile

Fotos: Marthon Livramento

Fotógrafo correspondente

Flash Campinas no Atacama

e blogueiro de viagens

www.queromochilar.com.br

LIÇÕES APRENDIDAS:

1- Caso opte por ir de carro pela região do Cajón del Maipo

recomendo que alugue um veículo resistente.

2- Também se for de carro abasteça em Santiago, pois sei que não

há posto de combustível nas proximidades.

3- Se optar por conhecer o parque em um bate e volta de

Santiago há várias agências na capital chilena que oferecem o

passeio. Fiz com uma delas e paguei U$ 90 dólares (Aprox. R$

200,00 na época).

4- A entrada do Parque custa para adultos 2.000 Pesos Chileno

(cerca de U$ 4,00), criança 500 pesos e Idosos a entrada gratuita.

5- Horário de Funcionamento: Das 8h30 as 14h30 – Para iniciar os

passeios. O parque fecha as 18h30, último horário para retorno.

6- Levar: lanche e água, pelo menos 2 litros por pessoa. Não há

lugares para comprar no caminho.

7- Mesmo no verão leve um casaco, pode bater um vento frio

pelo caminho.

8- Importante alertar que no inverno a trilha só fica

aberta até o terceiro quilômetro, pois nesse período a

neve atinge até um metro de altura. Somente é

permitida a entrada com roupa e calçado apropriado

para neve neste época do ano. O horário de entrada e

saída do parque também é diferente nesse período de

inverno (maio a setembro).

O Parque do Monumento Natural El Morado está

localizado em Baños Morales, na região conhecida como

Cajon del Maipo no Chile. O El Morado se trata de um

parque na Cordilheira dos Andes há cerca de 93

quilômetros de Santiago e em altitudes que variam de

1.750 até 5.060 m.

A melhor época para curtir a região do Cajón del Maipo

e o parque é no verão, entre os meses de novembro a

março, quando as estradas não estão cobertas pela

neve e a água.


Making Off

O ensaio de nosso editorial com a jornalista, repórter da

Rede Record e Programa do Gugu Thatiana Brasil,

aconteceu no Salão Sweet Hair no bairro Moema em

São Paulo. Com produção de moda de @mig.oficial,

make e hair de Ana Quirino, fotos extras de Andreia

Sarambeli, Direção e fotos de Walter Fernandes.

More magazines by this user
Similar magazines