Views
1 year ago

Revista Carta Premium - 4a edição (São Paulo, Brazil)

A nossa quarta edição traz diversas reportagens sobre cachaças, cervejas e vinhos premiados em 2017 no Brasil e no mundo, dicas para montagem de espaço de degustação, harmonização de prato com vinho, reportagens de campo de visitas a alambiques e muito mais!

Licor de Cachaça, Creme

Licor de Cachaça, Creme e Amora MA& MA Mirasssol - SP Medalha Ouro no Mundial de Buxelas Edição Brasil Parceria de sucesso entre o Engenho Dom Tápparo e as cantoras sertanejas Maiara & Maraisa, o Licor Creme de Amora MA & MA faz parte da linha de produtos assinada da empresa, na qual está o bitter Ratinho e a cachaça Cabaré, dos cantores Leonardo e Eduardo Costa. O engenho tem hoje com mais de 40 variedades de produtos entre cachaças, licores, coquetéis, caipirinha e bitter. A produção da cachaça Dom Tápparo é inteiramente realizada na propriedade da família, desde o plantio da cana, moagem, destilação e envelhecimento. O envelhecimento, parte essencial para o sabor da bebida, é feito em barris de Carvalho Europeu e Americano e outras madeiras como Amburana e Amendoim. Informações detalhadas: http://domtapparo.com.br/ Cachaça Lucas Batista Itabrito - MG PREMIAÇÃO: 1 Medalha de Ouro na Expocachaça 2017 Cachaça produzida artesanalmente, em alambique de cobre tipo Capêlo, do século 19, a Lucas Batista funciona em moenda ainda funciona à base de roda d’água. Com fermento natural, é produzida estandardizada, de baixa acidez e sabor agradável. Por sua alta qualidade possui a certificação Ampaq. Pura, armazenada por um ano em toneis de inox, o que lhe garante apenas o sabor da cana de açúcar, tornando-a excelente para elaboração de caipirinhas e coquetéis. A empresa oferece ainda a opção de cachaças personalizadas, tanto para eventos quanto para linha assinada de bares, hotéis e restaurantes. Informações: http://www. cachacaacuruy.com.br/ Cachaça Matuta Areia, PB PREMIAÇÃO: 1 Medalha de Prata na Expocachaça 2017 Instalado em um município que “respira tradição” e que faz parte do “Caminho dos Engenhos” do Estado, a Cachaça Matuta é fabricada sob um rígido controle de qualidade no Engenho Vaca Brava. É destilada em alambiques do tipo “chaleira de cobre’, “como antigamente”, num processo lento e caprichoso, resultando assim num produto de sabor suave e um buquê incomparável. Conhecida como “Caminho dos Engenhos”, esta rota cruza antigos casarões e engenhos de cana-de- -açúcar da região do Brejo Paraibano, microrregião do agreste da Paraíba formada por cidades minúsculas como Areia, Bananeiras, Pilões, Serraria e Alagoa Grande. O engenho da Matuta está aberto a visitação todos os dias em horário comercial. Lá também se pode acompanhar todo o processo de fabricação. Informações: https://www. facebook.com/cmatuta/ Cachaça Melicana Despacho - MG 1 Medalha de Ouro e uma Medalha Prata na Expocachaça 2017 Com sede em Bom Despacho, no centro-oeste mineiro, em uma região onde as pessoas apreciam uma boa prosa e uma boa cachaça, a Melicana nasceu da ideia do empresário Carlos José de Assis, um grande apreciador da aguardente de mel, que resolveu produzi- -la especialmente para seu consumo. Exigente em tudo que faz, com a aguardente de mel não foi diferente, passou a trabalhar incessantemente até que alcançasse a qualidade ideal para seu paladar. Após produzir o destilado de mel, Carlos resolveu fazer também o de cana de açúcar, usando os mesmos critérios de qualidade conseguiu assim fazer um produto que agradava aos amigos que por ali passavam para dar uma bicadinha e opinar na qualidade. Mais tarde viu naquela ideia a oportunidade de um negócio e resolveu formalizar legalmente seus produtos. INFORMAÇÕES: http:// www.cachacariamelicana. com.br/ Cachaça Moendão Gaspar, SC 1 Medalha de Prata na Expocachaça 2017 As cachaças produzidas pela empresa tem um sabor único devido à detalhada produção artesanal, a qual começa pela plantação de cana, moagem, fermentação, destilação, envelhecimento e engarrafamento, chegando ao consumidor final passando por todas as etapas em um processo criterioso cheio de detalhes e segredos na produção. O barril de carvalho é capaz de modificar a bebida ao longo do tempo, o envelhecimento da cachaça é uma prática que modifica a qualidade. Durante o envelhecimento, o álcool presente na cachaça extrai compostos da madeira e o ar que passa entre as frestas do barril e através da porosidade da madeira tem a função de modificar os compostos da bebida, e assim é formado um novo buquê aromático, mais complexo e intenso. Na linha da empresa estão versões envelhecidas por 6 e 10 anos em barril de carvalho. Onde encontrar: http:// www.moendao.com.br/ 118

Cachaça Morro Vermelho Carmo da Mata - MG PREMIAÇÃO: 1 Medalha de Prata na Expocachaça Produzida artesanalmente no Estado de Minas Gerais, famoso mundialmente por suas cachaças, a cachaça Morro Vermelho segue cuidadosamente sua receita original que vem sendo passada de geração em geração. Destilada em alambiques de cobre e armazenada em tonéis de jequitibá, preza pela qualidade, sendo ideal para se beber pura ou com gelo, em coquetéis ou, ainda, na famosa caipirinha. A versão premiada da empresa foi a envelhecida em madeira brasileira, que já havia sido premiada anteriormente em outros concurso. Apresenta teor alcoólico de 42% e está disponívelemer versões envelhecidas em carvalho e jequitibá rosa. Pela sua excelência, o produto é exportado para Alemanha, Holanda e Bélgica. Informações detalhadas: http://www.cachacamv. com.br Cachaça Ouro Mineiro Papagaios - MG PREMIAÇÃO: 1 Medalha de Prata na Expocachaça 2017 A cachaça Ouro Mineiro é produzida pela mesma empresa da premiada e referência Cachaça Ouro 1. Com teor alcoólico de 42% e fornecida em garrafa âmbar, tem aroma em que se destaca a cana de açúcar. No paladar seu apresenta médio corpo, macio, com excelente acidez, equilibrado. A região onde é produzida tem condições especialmente propícias ao plantio e cultivo da cana. Em seu processo de produção, a cana é cortada de modo e em tempos corretos sem o uso de queimadas, coisas que só o mineiro criado e nascido na roça consegue fazer bem feito. O processo de fermentação é natural, sendo o fermento à base de leveduras naturais. É armazenada durante 10 meses em tonéis de Umburana. Informações: ouro1.com.br http://www. Cachaça Paratiana Paraty, RJ Medalha de Prata na Expocachaça 2017 1 Medalha de Prata no Mundial de Bruxelas Edição Brasil Caracterizada por seu aroma marcante e sabor diferenciado, a Paratiana vem de um engenho localizado em um antigo casarão cercado pela Mata Atlântica e por uma bela cachoeira em Paraty, no RJ. O local recebe centenas de visitantes diariamente. Entre as versões especialíssimas da bebida estão: • Cachaça Paratiana Ouro, envelhecida em barris de Carvalho; • Cachaça Paratiana Prata, envelhecida em barris de Jequitibá; • Cachaça Labareda, envelhecida em barris de Umburana e Jequitibá; • Aguardente Composta Gabriela, com cravo e canela, produto bem tradicional da região; • Cachaça Mulatinha: pura, para quem aprecia o puro sabor da cachaça e ideal para fazer drinques. A versão premiada, a Ouro Extra Premium, provém de uma safra selecionada, sendo envelhecida em tonéis de carvalho e foi feita especialmente para comemorar os 500 anos da cachaça. Informações: http://www. cachacaparatiana.com.br Cachaça Pardin São Paulo - SP PREMIAÇÃO: 1 Medalha Prata na Expocachaça 2017 Com assinatura do master blender Marcelo Pardin, a cachaça que leva seu sobrenome tem sede na capital paulista, diferenciado não só pelo design especial das garrafas, mas também desde a produção e conteúdo, é claro. Lançada recentemente já nasceu premiada: a versão Ouro levou Medalha de Prata na Categoria Armazenada em Madeiras Brasileiras durante o Concurso de Degustação da Expocachaça 2017. Com produção totalmente artesanal, seu produtor fez vários cursos na área da cachaça e destilados, tanto para se buscar as melhores combinações, quanto para realmente atender os mais exigentes consumidores, estudando as melhores técnicas desde o plantio da cana até o envelhecimento. INFORMAÇÕES: https:// www.facebook.com/cachacaPARDIN Cachaça Pedra Branca Paraty, MG PREMIAÇÃO: 1 Medalha de Prata na Expocachaça 2017 O Alambique Pedra Branca está localizado no Vale da Pedra Branca, local de natureza preservada em uma das mais belas regiões de Paraty. É produzida com os tradicionais métodos de fabricação artesanal nos mais modernos equipamentos do mercado. A versão premiada com Medalha de Prata na Expocachaça 2017 é armazenada em tonéis de carvalho francês. É uma cachaça especial, nobre, com aroma frutado e sabor amadeirado característicos do carvalho. Outro destaque da empresa é a Cachaça Pedra Branca Prata, armazenada em tonéis de amendoim, uma cachaça suave, com leve e discreto sabor amadeirado, mantendo o aroma da cana. Licores também estão disponíveis na linha, bem como bebidas mistas. Contatos: www.cachacapedrabranca.com 119

Revista Carta Premium - 5a Edicao
Revista Carta Premium - Especial Premiata 2018