Views
8 months ago

Devocionário - Lições que enriquecem

As mensagens deste devocionário se propõem a elevar sua alma a Deus com o fim de que você goze de sua comunhão.

DE PESSOAS QUE NOS

DE PESSOAS QUE NOS DESEQUILIBRAM EMOCIONALMENTE E COMO LIDAR COM A SITUAÇÃO 2Reis 3.4-15 4 Ora, Messa, rei de Moabe, tinha muitos rebanhos e pagava como tributo ao rei de Israel cem mil cordeiros e a lã de cem mil carneiros. 5 Mas, depois que Acabe morreu, o rei de Moabe rebelou-se contra o rei de Israel. 6 Então, naquela ocasião, o rei Jorão partiu de Samaria e mobilizou todo o Israel. 7 Também enviou esta mensagem a Josafá, rei de Judá: "O rei de Moabe rebelou-se contra mim. Irás acompanhar-me na luta contra Moabe?"Ele respondeu: "Sim, eu irei. Serei teu aliado, os meus soldados e os teus, os meus cavalos e os teus serão um só exército". 8 E perguntou: "Por qual caminho atacaremos?" Respondeu Jorão: "Pelo deserto de Edom". 9 Então o rei de Israel partiu com os reis de Judá e de Edom. Depois de uma marcha de sete dias, já havia acabado a água para os homens e para os animais. 10 Exclamou, então, o rei de Israel: "E agora? Será que o Senhor ajuntou a nós, os três reis, para nos entregar nas mãos de Moabe?" 11 Mas Josafá perguntou: "Será que não há aqui profeta do Senhor, para que possamos consultar o Senhor por meio dele?" Um conselheiro do rei de Israel respondeu: "Eliseu, filho de Safate, está aqui. Ele era auxiliar de Elias". 12 Josafá prosseguiu: "A palavra do Senhor está com ele". Então o rei de Israel, Josafá e o rei de Edom foram falar com ele. 13 Eliseu disse ao rei de Israel: "Nada tenho que ver com você. Vá consultar os profetas de seu pai e de sua mãe". Mas o rei de Israel insistiu: "Não, pois foi o Senhor que nos ajuntou, três reis, para entregar-nos nas mãos de Moabe". 14 Então Eliseu disse: "Juro pelo nome do Senhor dos Exércitos, a quem sirvo, que, se não fosse por respeito a Josafá, rei de Judá, eu não olharia para você nem mesmo lhe daria atenção. 15 Mas agora tragam-me um harpista". Enquanto o harpista estava tocando, o poder do Senhor veio sobre Eliseu. O ser humano é afetado pelas emoções tanto para bem quanto para mal. É preciso saber lidar com as emoções, principalmente quando são pessoas que se fazem desagradáveis que promovem em nós algum desequilíbrio emocional. Deus bondosamente nos dá 18

através do texto de 2Reis 3.4-15 princípios para dominarmos nossas emoções para que não soframos seu males. Aproveitando-se um período tenso no reino de Israel o rei de Moabe aproveita para iniciar uma ação de libertação de seu reino do domínio de Israel e dos pesados impostos que tinha que pagar (2Reis 3.4-9). Em contrapartida o rei de Israel não permitiria que o levante prosperasse. Convidou uma força bélica poderosa para se opor à ação do rei de Moabe. O reino de Judá e o reino de Edom. Passadas as revistas, exército em marcha, sete dias depois defrontam-se com um problema para o qual não haviam se preparado. Faltou água para todos. O problema se agravava pelo fato da escolha da rota. A região desértica e árida (2Reis 3.8-9). Identifico o rei de Israel como um “desequilibrador de emoções”. Seu primeiro disparo foi contra o piedoso rei de Judá, Josafá (2reis 3.10). Sua agressão não foi a esmo. Sabendo que Josafá era temente a Deus Jeová acusou ao Deus de Josafá de tê-los posto em maus lençóis, Josafá, entretanto, não se deixou levar pelo insulto e, apelou para aquele contra quem o rei de Israel acusava, o Deus Jeová (2Reis 3.11-12). Josafá, talvez institivamente tenha percebido que travar ofensas com um desequilibrador de emoções seria uma guerra sem fim e improdutiva. Apresento então nesse ponto o primeiro princípio para neutralizar as investidas de pessoas que se fazem desagradáveis quando atentam contra nossas emoções: apelar serenamente para que Deus tome partido de nossa causa para que nos defenda e nos fortaleça. O rei de Israel um típico desequilibrador de emoções lança sua segunda investida ardilosa. Dessa vez contra o profeta de Deus, Eliseu (2reis 3.13). Acusou novamente o Deus do profeta de pô-lo juntamente com seus aliados em situação vexatória. Diante do rei o profeta de Deus sente asco dado o histórico de maldades e desrespeito a Deus e sua lei da parte desse profeta e de sua família. O profeta de Deus ficou tão abalado emocionalmente que não pode ouvir a voz de Deus com clareza num primeiro momento. Teve que pedir que alguém dedilhasse para ele ouvir uma música suave. 19

Isaías - Igreja Batista Vida
Profetas e Reis (2007) - Centro de Pesquisas Ellen G. White
Comentário de Salmos - Vol 3
Apresentação do PowerPoint - ipbg.org.br
A inesgotável Misericordia de Deus - Livros evangélicos
A Vida de Jesus por Ellen White (Version Portugues)
O Desejado de Todas as Nações por Ellen White
Patriarcas e Profetas (2007) - Centro de Pesquisas Ellen G. White
Filhos e Filhas de Deus (2004) - Centro de Pesquisas Ellen G. White
Mensagem-3-Resolvo-viver-a-autonegação
Ouvindo e Praticando a Palavra de Deus - Lagoinha.com
Restaurando a Casa de Deus - Lagoinha.com
A Vida de Jesus por Ellen White (Version Portugues)