Views
7 months ago

Moda & Negócios_EDIÇÃO 10 PARA IMPRESSÃO

NATAL, A Mais Linda

NATAL, A Mais Linda Época do Ano O Natal é tempo de alegria, de esperança, época em que as pessoas se confraternizam. Algumas rezam, algumas cantam, outras se fartam à mesa recheada de guloseimas, mas muitos choram pelo que lhes falta. Há os que, durante o Natal, se deixam envolver pelo espírito da fraternidade e sentem uma vontade imensa de distribuir com outros, algo do que possuem: Um presente, uma palavra de amor, um brinquedo a uma criança, uma refeição a um necessitado. O Natal é uma esperança de paz que deveria ser vivida durante os 365 dias do ano, sem a necessidade do aceno das lojas, mas com o pensamento de cada um de nós voltado para Jesus Cristo, o retrato vivo do amor e da fraternidade. O Natal é cercado de símbolos. Seja para nos lembrar do nascimento do Menino Jesus, seja para nos fazer acordar da indiferença com o sofrimento de nosso irmão carente. Moda & Negócios vai, agora, relembrar e explicar o significado de alguns dos conhecidos símbolos do Natal. Sinos Natalinos: Simbolizam a alegria de anunciar o nascimento de Jesus Cristo. Meias na Chaminé: Conta-se que três meninas pobres estavam sem dinheiro para comprar os seus dotes de casamento e haviam colocado suas meias NA CVC, MOMENTOS QUE VALEM MUITO CUSTAM POUCO. CALDAS NOVAS COM WATER PARK 5 dias Inclui aéreo saindo do Recife, 4 diárias de hospedagem com café da manhã, assistência na chegada e partida e ingresso para o Water Park. À vista R$ 1.296, CONSULTE DATAS DE SAÍDA

penduradas para secar pelo calor da lareira. São Nicolau – que deu origem ao Papai Noel – ficou sabendo de suas necessidades, e deixou uma moeda de ouro em cada meia. Luzes: Substituem as velas, que representam o fogo da vida eterna e cujas luzes indicam a chegada de uma nova era. Bengalas Coloridas: Representam as bengalas utilizadas pelos pastores que foram visitar Jesus. Presépio: Representação simbólica e simplificada do nascimento de Jesus. Nele estão representados Jesus, Maria, José, os três Reis Magos, alguns animais e a manjedoura. Jesus deve ser colocado na manjedoura à meia noite do dia 24 de dezembro, simbolizando o momento do seu nascimento. Árvore de Natal: Simboliza a fartura, onde as bolas coloridas representam os frutos da árvore, indicando que ela está carregada de fartura. Estrela no topo da árvore de Natal: Lembram a estrela guia que direcionou os três Reis Magos até o local do nascimento de Jesus Cristo. Velas: Representam o fogo da vida eterna e cujas luzes indicam a chegada de uma nova era. Anjos: Simbolizam o anjo mensageiro que anunciou a Maria, mãe de Jesus, que ela seria mãe do filho de Deus. Papai Noel: Existem muitas histórias sobre a origem do bom velhinho, a mais conhecida é inspirada em São Nicolau, que tinha o hábito de ajudar as famílias mais necessitadas da região em que vivia. O trenó, as renas, a chaminé, a barba branca e as roupas vermelhas, foram introduzidos na lenda através do tempo e de diversas culturas. Presentes: No dia de seu nascimento, o Menino Jesus recebeu presentes dos três Reis Magos (Baltazar, Belquior e Gaspar). Segundo a história elas levaram ouro, mirra e incenso para ofertar a Jesus. As bolinhas coloridas que enfeitam a árvore de Natal: Representam os frutos e indicam a fartura de uma árvore carregada. NATAL BRASILEIRO, NATAL DA GENTE Nada explica nem justifica, porém, o fato de copiarmos os costumes, os hábitos, os usos do povo americano. Por que usar roupa de frio intenso no nosso Papai Noel, quando o Natal, aqui, é comemorado em pleno verão? Por que não estimulamos o hábito de termos o nosso próprio “Papai Noel”, isto é, algo que personifique o bom velhinho, aquele que distribui presentes, amor e alegria por onde passa, mas com roupa e hábitos do povo brasileiro, como eu, como você? Por que rena? Por que trenó? Pense nisso!