Views
6 months ago

edição de 9 de abril de 2018

Curtas Cliente compõe

Curtas Cliente compõe jingle para Marabraz e grava com Zezé e Luciano Fotos: Divulgação Zezé Di Camargo e Luciano ajudaram a Marabraz a realizar o sonho de uma consumidora de gravar em estúdio uma de suas composições, na nova campanha da varejista, criada pela Mestiça. A dona de casa Maria Edleuza Simões Cardoso enviou à rede um jingle que criou e, além de usar o material, a Marabraz fez uma surpresa para a consumidora. Ela foi ao estúdio achando que gravaria sozinha o jingle, mas foi surpreendida pela dupla sertaneja, que grava sua música. “Quando soubemos do interesse de um dos consumidores da marca de fazer parte de uma campanha, nós, como agência, não deixamos escapar a oportunidade de levar a voz do consumidor à frente da comunicação”, conta Marcelo Ramos, CEO da Mestiça. A compositora Maria Edleuza Simões Cardoso grava com a dupla Zezé Di Camargo e Luciano Dentsu ProMove no PlanejaMento Daniel Iacobucci é promovido a diretor A Dentsu promoveu o até então gerente de planejamento Daniel Iacobucci a diretor da área. O profissional está na agência há quase dois anos, atendendo clientes como Toyota, Canon e Nissin. Graduado em comunicação social pela ESPM e com especialização em branding pela FGV, Iacobucci tem passagens pela Publicis, Salles Chemistri e Santa Clara e já trabalhou com clientes como Nestlé, Chevrolet, Centauro e Discovery Networks. “A promoção tem dois lados: o reconhecimento do trabalho diferenciado desenvolvido ao longo desse período e o compromisso explícito que temos em valorizar nossos profissionais”, diz o COO da Dentsu Brasil, Mauro Rabello. a voz Do BrasIl é flexIBIlIzaDa O projeto de lei que flexibiliza o horário de transmissão nas rádios do programa A Voz do Brasil foi sancionado pelo presidente Michel Temer, no último dia 4, após cinco anos de tramitação no Congresso. A atração, a partir de agora, poderá ser veiculada no intervalo entre 19h e 22h e não mais apenas das 19h às 20h. No ar há mais de 80 anos, de segunda a sexta (exceto feriados), o programa tem transmissão obrigatória pelas emissoras, mas a flexibilização do horário permite que as rádios trabalhem melhor seu planejamento de mídia e de conteúdo. MarketInG Best InsCreve até sexta As empresas interessadas em concorrer ao Prêmio Marketing Best 2018 têm até sexta-feira (13) para se inscrever no site da premiação. O julgamento será realizado no dia 23 e as marcas têm até o dia 20 para enviar os cases. A reunião para apresentação dos vencedores ao mercado está programada para o dia 25, em São Paulo. Já a festa para homenagear as empresas ganhadoras, com a cerimônia de entrega dos troféus, representados pelo famoso cavalo, está marcada para o dia 22 de maio, no Tom Brasil, em São Paulo. sBt teM novo Gerente CoMerCIal Giancarlo Paladino volta ao SBT O SBT contratou Giancarlo Paladino como novo gerente comercial. Paladino já havia trabalhado na emissora por um período de mais de 20 anos e, após oito anos, volta à emissora de Silvio Santos. Em 2010, ele foi para o portal Terra e, em seguida, começou a trabalhar na Globosat, onde ficou por quase quatro anos. O executivo entra para a equipe liderada pelo diretor comercial Marcelo Parada e junta-se ao time de gerentes composto por Marcos Kotait, Ricardo Ribeiro e Daniel Slaviero. De acordo com o SBT, Paladino terá o desafio de oferecer projetos diferenciados para anunciantes e aumentar a entrega de produtos em todas as telas. Diretor e Jor na lis ta Res pon sá vel Ar man do Fer ren ti ni Editora-chefe: Kelly Dores Editores: Neu sa Spau luc ci, Paulo Macedo e Alê Oliveira (Fotografia) Editores-assistentes: Cristiane Marsola e Renato Rogenski Repórteres: Alisson Fernández (SP), Danúbia Paraizo (SP), Jéssica Oliveira (SP) e Claudia Penteado (RJ) Editor de Arte: Adu nias Bis po da Luz Assistente de Arte: Lucas Boccatto Revisor: José Carlos Boanerges Site: propmark.com.br Redação: Rua Fran çois Coty, 228 CEP 01524-030 – São Pau lo-SP Tels: (11) 2065-0772 e 2065-0766 e- mail: re da cao@prop mark. com.br Departamento Comercial Gerentes: Mel Floriano mel@editorareferencia.com.br Tel.: (11) 2065-0748 Monserrat Miró monserrat@editorareferencia.com.br Tel.: (11) 2065-0744 Diretor Executivo: Tiago A. Milani Ferrentini tferrentini@editorareferencia.com.br Departamento de Assinaturas Coordenadora: Regina Sumaya regina-sumaya@editorareferencia.com.br Assinaturas/Renovação/ Atendimento a assinantes assinatura@editorareferencia.com.br São Paulo (11) 2065-0738 Demais estados: 0800 704 4149 O PrO PMar k é uma pu bli ca ção da Edi to ra re fe rên cia Ltda. rua Fran çois Coty, 228 - São Pau lo - SP CEP: 01524-030 Tel.: (11) 2065-0766 as ma té rias as si na das não re pre sen tam ne ces sa ria men te a opi nião des te jor nal, po den do até mes mo ser con trá rias a ela. 52 9 de abril de 2018 - jornal propmark

última página bombuscreative/iStock Facebook e almoço grátis Stalimir Vieira Estou no Facebook há nove anos. Todas as minhas publicações sempre foram públicas. Meus dados e fotos também sempre estiveram disponíveis para quem quisesse ver. Nunca pensei em ter na rede social um local para guarda de informações sigilosas ou de consulta restrita. Desde o início, tive claro que estava usando uma ferramenta da minha conveniência para localizar amigos, interagir com eles, abrir novas possibilidades de relacionamentos, ter acesso a opiniões de outros e expor as minhas, ser brindado com postagens que reproduzissem reportagens, textos, vídeos e fotos do meu interesse, num primeiro momento. Nunca tive a expectativa de que um serviço gratuito fosse também, gratuitamente, me disponibilizar oportunidades de ganhar dinheiro. Tampouco, imaginei que o Facebook, que é um negócio e sendo um negócio alguma coisa haverá de negociar, não fosse se utilizar dos meus dados. Aliás, não vejo novidade nenhuma nisso. Editoras de jornais e revistas sempre negociaram os mailings de seus assinantes, bem como cartões de crédito, só para ficar nos exemplos mais óbvios. Hoje, qualquer comércio, virtual ou não, dispondo do nosso CPF, está em condições de negociar os nossos hábitos de consumo. “vejo no Facebook um canal de comunicação como qualquer outro” eu sei que você tem restrições às minhas propostas de governo, mas gostaria que você conhecesse os fundamentos delas antes de decidir o seu voto”, eu acharia ótimo. Se essas coisas incomodam, a culpa não é do Facebook, mas do mau uso que, eventualmente, se faça da rede social. E o que chamo de mau uso não é a abordagem, em si, mas a abordagem equivocada e inconveniente. Aliás, não existe vítima maior desse mau uso do que o próprio Facebook. Da mesma forma com que comprometem os meios tradicionais, o amadorismo e a má-fé na comunicação causam danos também nas redes sociais. Talvez por ser uma ferramenta aberta para a autoutilização, sem o filtro de qualidade de uma Rede Globo, por exemplo, o Facebook esteja sujeito a uma avalanche de mensagens comerciais ineficientes por sua falta de profissionalismo. Mas não serão piores do que aquilo que se vê em algumas redes menos qualificadas ou nos rincões mais distantes do Brasil. Portanto, vejo no Facebook um canal de comunicação como qualquer outro que, inclusive, como qualquer outro, você pode não ler, não ouvir, não assistir, não utilizar. A tentativa de boicote vai na mesma linha em que, por questões políticas, alguns grupos sugerem que deixemos de ler, ouvir ou assistir a determinados meios. Não vejo escândalo, inclusive, no fato de o Facebook vender as minhas “tendências ideológicas” para empresas de marketing político para que criem postagens específicas para mim. Qual o problema? Se o pessoal do Bolsonaro publicasse um vídeo na minha página em que ele dissesse “Stalimir, Essa é a opinião de alguém que nunca teve problemas com o Facebook, que desfrutou dos benefícios que a ferramenta oferece e tomou precauções ao se valer dela (precauções necessárias quando ingressamos num espaço de uso público e a que não dominamos). Stalimir Vieira é diretor da Base Marketing stalimircom@gmail.com jornal propmark - 9 de abril de 2018 53