Views
2 months ago

lilla

Índice 14 ENTREVISTA

Índice 14 ENTREVISTA Chell, do canal ChellandMar, fala sobre a carreira na música 17 MÚSICA Poesia na voz delas: Laura Pergolizzi e Ana Muller 12 REPORTAGEM A invisilibilidade das lésbicas na terceira idade 10 FILMES E TV Amor entre elas: Pariah e O Perfume da Memória 4 COTIDIANO Rejeição familiar: mais um obstáculo na vida dos homossexuais 19 LILLA INDICA O livro Amora e o canal Louie Ponto 6 PERFIL Feminismo e representatividade pelas lentes de Mariana Smânia 2 | DEZ 2017 | N. 1 | LILLA

Editorial Escolher a temática lésbica como foco de uma revista inteira e como público alvo é algo empolgante e desafiador ao mesmo tempo. Empolgante porque me proporcionou pesquisar, entender e conversar com mulheres incríveis que tem muitas coisas pra contar. Poder escrever sobre elas eaprender enquanto isso é muito legal e rico. Desafiador porque é um tema e um público invisibilizado que não é levado a sério. Pesquisando sobre possíveis assuntos para revista era comum encontrar conteúdo pornográfico ou sexual. A maioria das discussões acontecem em grupos fechados ou em alguns poucos sites e canais sobre o tema. Mas parece que ainda falta espaço para que as lésbicas se mostrem presentes e representadas. A intensão dsta publicação não é excluir mulheres não lésbicas ou as outras letras da sigla LGBT. É somente ser um espaço pra tratar unicamente desse tema, assim como tantos outros existentes sobre variados assuntos. Inclusive, exclusivas para homens gays e mulheres (pressupõe-se héteros). Este é só mais um espaço para reforçar e empoderá-las. Lésbicas existem e é importante mostrar isso e criar uma representatividade para que nenhuma se sinta excluída ou estranha por sua orientação sexual. Espero conseguir nessas poucas páginas mostrar como é importante falar sobre o universo lésbico. É importante que elas tenham um espaço em que possam ter visibilidade e discutir temas importantes, além de mostrarem seu trabalho e ter outras mulheres para se inspirarem. E que a Lilla (lilás em italiano. Por quê? Não sei) consiga ser mais um espaço pra elas - guardadas as devidas proporções, como: essa revista não será divulgada e as pautas tiveram pouco tempo para apuração. Ana Ritti editora ana.ritti@ gmail.com REVISTA LILLA Dezembro 2017 Editora, textos, projeto gráfico e diagramação: Ana Caroliny Ritti Fotos: Nathália Mendes, Mariana Smânia, Sarah Diniz Outeiro e Amanda Gracioli. Expediente Esse trabalho é experimental, sem fins lucrativos e de caráter puramente acadêmico, desenvolvido peloa acadêmica Ana Caroliny Ritti como exercício de projeto gráfico-editorial para a disciplina de Laboratório em Produção Gráfica do curso de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) no semestre 2017-2. Não será distribuído, tampouco comercializado. LILLA | N. 1 | DEZ 2017 | 3