Views
3 months ago

Matemática01 - Matemática Básica (320)

Matemática Matemática básica pagar a conta, com o referido desconto, quando encontrei na gerência um amigo de infância que, em nome da velha amizade, deu-me um desconto de 10% sobre o que estava prestes a pagar. Paguei, então, a importância de R$ 810,00. Qual era o preço inicial do aparelho? a. R$ 830,00 b. R$ 900,00 c. R$ 1.000,00 d. R$ 1.110,00 e. R$ 1.200,00 128. Fatec-SP Numa microempresa, consomem-se atualmente X litros de combustível por dia. Para a próxima semana, haverá um aumento de 5% no preço do combustível. Com o objetivo de manter a mesma despesa, será feita uma redução no consumo. O novo consumo diário de combustível deverá ser de, aproximadamente: a. 94,2% X b. 95% X c. 95,13% X d. 95,24% X e. 95,5% X 129. Fuvest-SP Pedro e João são concorrentes na venda de carnês. Em maio, eles venderam o mesmo número de carnês. Em junho, Pedro conseguiu aumentar em 32% as suas vendas. Porém, neste mês de junho, as vendas de João foram 25% superiores às de Pedro. Em relação ao mês de maio, de quanto foi o aumento nas vendas de João? a. 32% d. 60% b. 40% e. 65% c. 57% 130. FEI Uma loja vende um liquidificador por R$ 16,00 para pagamento à vista ou em duas prestações fixas de R$ 9,00, uma entrada e outra para 30 dias. A taxa de juros mensais cobrada pela firma está no intervalo: a. de 10% a 14% ao mês. b. de 15% a 19% ao mês. c. de 20% a 24% ao mês. d. de 25% a 29% ao mês. e. de mais de 30% ao mês. 131. Unesp O quadro, reproduzido da revista Veja (7/6/95), mostra quanto renderam os investimentos do início de 1995 a 31 de maio desse ano. Quanto renderam os investimentos do início do ano até 31 de maio, descontada a inflação (em %). – 3,7 ouro – 18,2 IBV – 21,5 Ibovespa Perdas e lucros 10,7 CDB – 1,6 dólar comercial – 6,2 dólar paralelo 7,0 poupança 4,8 fundão Considerando esses dados, suponhamos que uma pessoa, no primeiro dia útil de 1995, tinha investido na poupança metade das enconomias que possuía e investido no dólar paralelo a outra metade. Se o rendimento global obtido por ela no período foi de R$ 400,00, quanto investiu ao todo? 132. Mackenzie-SP Numa loja, a diferença entre o preço de venda solicitado e o preço de custo de um determinado produto é 3.000. Se esse produto for vendido com 20% de desconto, ainda assim dará um lucro de 30% à loja. então, a soma entre os preços de venda e de custo é: a. 15.200 b. 14.600 c. 13.600 d. 12.600 e. 6.400 133. Mackenzie-SP Um comerciante comprou uma peça de 50 metros por R$ 1.000,00. Se ele vender 20 metros com lucro de 50%, 20 metros com lucro de 30% e 10 metros pelo preço de custo, o seu lucro total na venda dessa peça será de: a. 8% d. 32% b. 12% e. 40% c. 20% PV-13-14 76

Matemática básica Matemática PV-13-14 134. Fuvest-SP Um automóvel consumia trimetil-2,24-pentano puro, ao preço de R$ 5/L e percorria 12 km/L. Posteriormente, passou a consumir a mistura de 80% de trimetil-2,2,2-pentano com 20% de álcool etílico, 20% mais cara (R$ 6/L), e a percorrer 10 km/L. O aumento percentual do custo do km percorrido foi de: a. 25% d. 60% b. 40% e. 72% c. 44% 135. FGV-SP As vendas de uma empresa foram, em 1982, 60% superiores às vendas de 1980. Em relação a 1982, as vendas de 1980 foram inferiores em: a. 25% b. 42,5% c. 30% d. 27,50% e. 37,5% 136. Vunesp Um lojista sabe que, para não ter prejuízo, o preço de venda de seus produtos deve ser, no mínimo, 44% superior ao preço de custo. Assim, ele prepara a tabela de preços de venda acrescentando 80% ao preço de custo, porque sabe que o cliente gosta de obter desconto no momento da compra. Qual é o maior desconto que ele pode conceder ao cliente, sobre o preço de tabela, de modo a não ter prejuízo? a. 10% b. 15% c. 20% d. 25% e. 36% 137. Fuvest-SP a. Se os preços aumentam 10% ao mês, qual a porcentagem de aumento em um trimestre? b. Supondo a inflação constante, qual deve ser a taxa trimestral de inflação para que a taxa anual seja 100%? 138. FVG-SP O “Magazine Lúcia” e a rede “Corcovado” de hipermercados vendem uma determinada marca de aparelho de som do tipo Home Cinema pelo mesmo preço à vista. Na venda a prazo, ambas as lojas cobram a taxa de juros compostos de 10% ao mês, com planos de pagamentos distintos. Comprando a prazo no “Magazine Lúcia”, um consumidor deve pagar R$ 2.000,00 no ato da compra e R$ 3.025,00 depois de 2 meses, enquanto na rede “Corcovado” ele pode levar o aparelho sem desembolsar dinheiro algum, pagando uma parcela de R$ 1.980,00, 1 mês após a compra, e o saldo em 2 meses após a compra. a. Qual o valor à vista do aparelho de som? b. Se um consumidor comprar o aparelho de som a prazo na rede “Corcovado”, qual o valor da parcela final, vencível 2 meses após a compra? 139. UFMG Uma loja oferece duas formas de pagamento a seus clientes: 10% de desconto sobre o preço anunciado se o pagamento for à vista, ou o preço anunciado dividido em duas parcelas iguais: a 1ª no ato da compra e a 2ª no trigésimo dia após a compra. A taxa mensal de juros efetivamente cobrada, no pagamento parcelado, é de: a. 10% d. 30% b. 15% e. 50% c. 25% 140. FGV-SP Numa loja, os preços dos produtos expostos na vitrine incluem um acréscimo de 50% sobre o preço de custo. Durante uma liquidação, o lojista decidiu vender os produtos com um lucro real de 20% sobre os preços de custo. a. Calcule o desconto que ele deve dar sobre os preços da vitrine. b. Quando não há liquidação, sua venda é a prazo, com um único pagamento após dois meses e uma taxa de juros compostos de 10% ao mês. Nessa condição, qual será a porcentagem do lucro sobre o preço de custo? 77