Views
2 months ago

dissertação parcial r1 11042018 formatacao igor rev02

TÍTULO DA HORA COM

TÍTULO DA HORA COM MUITAS LINHAS! produtor do grão. O café foi um grande fenômeno agrícola no Brasil, e o modo como aconteceu em São Paulo foi de tal magnitude que transformou a história do estado, tendo influência nacional e até internacional. Quando a produção deixava de ser compensadora, devido a fatores econômicos ou de esgotamento das terras, outras atividades rurais substituíam o café. Foi graças ao cultivo do café que boa parte do estado foi transformado territorialmente e culturalmente, levando desenvolvimento urbano para regiões remotas até então. Foi elemento de grande relevância para a instalação das primeiras linhas férreas no interior do estado e do Brasil, pois quanto mais distante do porto de Santos 1 , mais dificultoso ficava o transporte das sacas do grão da maneira como se fazia anteriormente, ou seja, por animais e carroças. Para que o café realmente tivesse representatividade no comércio nacional era necessário encontrar outra maneira mais prática e lucrativa de transportá-lo, e é justamente nesse sentido que as linhas férreas ganham importância. 1 Tendo o porto da cidade de Santos como maior ponto de escoamento da produção cafeeira, este acabou por se modernizar e torna-se muito importante para a economia nacional. Quando do surgimento do campo industrial da capital, era pelo porto de Santos que chegavam os novos maquinários que fariam a produção industrial nacional se desenvolver cada vez mais. ◊ 46 ◊

sinfonia paulistana: uma imagem do progresso Povoando mais de metade do Estado, fazendo surgir cidades onde antes havia mata virgem, criando vias de comunicações e de transporte, elaborando, enfim, os próprios fundamentos da civilização material e espiritual de São Paulo, o café deslocou para o Sul do país toda a estrutura política, social e econômica, fixada de início no Nordeste graças ao açúcar, mais tarde transferida para Minas Gerais graças à mineração; e, com isso, tornou possível a formação do poderoso parque industrial de São Paulo. (MATTOS, 1958. P.11) A última década do século XIX foi assinalada ainda pela primeira crise significativa da produção cafeeira, o que levou ao movimento de deslocamento dos imigrantes que trabalhavam nas lavouras para as cidades. Esses imigrantes, em sua maioria eram colonos e foram para a capital do Estado onde acabaram por estar disponíveis como mão de obra para o setor industrial que começava a se desenvolver. Com o passar do tempo e em decorrência de várias e contínuas crises que só abalaram ainda mais a produção de café, a migração para a capital só fez contribuir para o aumento populacional da cidade de São Paulo. Todos esses trabalhadores estavam disponíveis para trabalharem nas indústrias e no comercio da cidade que já era a mais populosa do país no início do século. A geração de riquezas que o café proporcionou aos fazendeiros paulistas porém, não teve forte ligação com os que seriam os grandes industriais da capital. Em um primeiro momento da industrialização os donos das indústrias não eram, ◊ 47 ◊

Os Valores de Deus - Igor Oliveira Ferreira
Laringectomia Parcial - Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço
Material: Derivadas Parciais - Sec 1 - Página
Baixar - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFMG
Untitled - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFMG
The L Word - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFMG
Revisão e formatação: Lancelot – Papiros_Virtuais ... - CloudMe
normas para formatação de trabalhos acadêmicos - Universidade ...
Dissertação submetida como requisi to pat'cial para a obtenção do ...
Baixar - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFMG
Baixar - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFMG
Fundamentos de Web Design e Formatação de Imagem
Formatação: Guilherme Augusto Pinotti - COPEN
Dissertação - USP