Views
1 week ago

jornal março edição 3

46 CULTURA INFORMAÇÃO

46 CULTURA INFORMAÇÃO & ESPORTES CIRCO IMPERIAL DA CHINA DESAFIA A GRAVIDADE NO GELO Suas estrelas vêm do outro lado do mundo. Chegam à escola ainda crianças, passam dez anos se preparando e, só então, pisam nos palcos para mostrar acrobacias, danças, equilibrismo e contorcionismo, em performances que parecem desafiar a gravidade. Conhecidos no mundo todo por sua grandiosidade e beleza, o Circo Imperial da China volta ao Brasil com a turnê do seu mais novo espetáculo “On Ice - Mundo da Imaginação”, que traz um desafio ainda maior: acrobatas e bailarinos vão se apresentar em uma pista de gelo. Com realização da Like Entretenimento, a trupe passa por Curitiba, entre os dias 1 4 e 1 7 de junho, para curta temporada de apresentações no palco do Teatro Positivo – Grande Auditório (R. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300). As sessões acontecem na quinta (1 4) às 20h30, na sexta (1 5) às 21 h, no sábado (1 6), às 1 8h e 21 h1 5, e no domingo (1 7), às 1 7h e 20h1 5. Os ingressos estão disponíveis e variam de R$60,00 (meia-entrada) a R$290,00 (inteira), de acordo com o setor. Plateia A - R$290,00 (inteira) e R$1 50,00 (meia-entrada) / Plateia B - R$250,00 (inteira) e R$1 30,00 (meia-entrada)/ Plateia C - R$21 0,00 (inteira) e R$11 0,00 (meia-entrada)/ Plateia D - R$1 70,00 (inteira) e R$90,00 (meiaentrada)/ Plateia E - R$1 50,00 (inteira) e R$80,00 (meia-entrada)/ Plateia F - R$11 0,00 (inteira) e R$60,00 (meia-entrada). A meiaentrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE) e de câncer. Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos possuem 50% de desconto na compra de até dois bilhetes por titular. PROMO COMBO FAMÍLIA– Na compra de 3 ingressos no valor da entrada inteira ou meia-entrada, o cliente ganha mais um no mesmo setor. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ***Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. ****Já está incluso o valor de R$1 0,00 de acréscimo por bilhete referente à taxa de administração Disk Ingressos. É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do teatro. Os ingressos podem ser adquiridos através do Disk Ingressos (Loja Palladium - de segunda a sexta, das 11 h às 23h, aos sábados, das 1 0h às 22h, e aos domingos, das 1 4h às 20h, - e quiosques instalados nos shoppings Mueller, Estação e São José - de segunda a sábado, das 1 0h às 22h, e aos domingos, das 1 4h às 20h), Call-center Disk Ingressos (41 ) 331 50808 (de segunda a sexta, das 9h às 22h, e aos domingos, das 9h às 1 8h), na bilheteria do teatro Positivo (de segunda a sexta, das 9h às 21 h, e aos sábados, das 9hs às 1 8hs) e pelo portal www.diskingressos.com.br.Mais sobre “Circo Imperial da China On Ice – Mundo da Imaginação” Os mais habilidosos acrobatas, dançarinos e contorcionistas da China, chegarão ao Brasil com a importante missão de garantir a emoção e o êxtase com uma história calorosa e emocional. Uma produção totalmente nova, realizada no gelo com um grau de dificuldade ainda maior, ambientada no mundo encantado, que alia técnicas tradicionais com sonoridade percussiva e efeitos visuais. Usando a imaginação, que desafia as leis da gravidade, o elenco formado por mais de 30 integrantes do Circo Imperial da China não mede esforços quando se trata de impressionar os fãs com rotinas de tirar o fôlego. Os artistas do Circo Imperial da China dedicam suas vidas ao desempenho. Todos os shows são uma combinação de habilidades autênticas e o melhor de todas as modalidades acrobáticas. Suas habilidades são ainda mais únicas porque seus corpos interagem excelentes adereços e fantasias coloridas. “On Ice –Mundo da Imaginação” será uma experiência única e tem 1 h35 de duração. Não há truques e nada é falso. Os artistas realizam todas as rotinas, enquanto o público olha para eles com espanto - porque reconhecem o melhor quando o veem. A apresentação acompanha Menina da Onda, que é levada pelo Vovô do Vento Norte para voar pelo céu, posteriormente se tornando a Fada de Cristal. Seu irmão, Diabing, a ensina a patinar e fazer um boneco de neve. Ao longo da história, ela passeia por ambientes coloridos, compostos por elementos inusitados como estrelas do mar, algas flutuantes e sereias.

CULTURA INFORMAÇÃO & ESPORTES 47 CIRCO IMPERIAL DA CHINA DESAFIA A GRAVIDADE NO GELO Um dos circos acrobáticos mais impressionantes do mundo, volta ao Brasil e passa por Curitiba, entre os dias 14 e 17 de junho, para temporada de apresentações no Teatro Positivo Em um dos momentos, o Reino do Gelo e da Neve comemora uma grande cerimônia, que inclui uma carruagem flutuante. O espetáculo ainda consegue agregar personagens como Príncipe, Princesa, Peter Pan e Pinocchio. Eles entram no em enredo em diferentes cenários, iluminações e figurinos marcantes. Assistir a este espetáculo será uma experiência única. O Circo Imperial da China já recebeu três medalhas de ouro no Festival Mondial du Cirque de Demain, em Paris, e é um dos espetáculos de maior sucesso de público e crítica no mundo. A HISTÓRIA DAS ARTES DO CIRCO CHINÊS A tradição do circo chinês teve início há mais de dois mil anos no Período dos Estados Combatentes. Artistas chineses, acrobatas e contorcionistas são claramente reconhecidos em artefatos antigos já nas dinastias Qin e Han (221 aC - 220 aD). Os registros históricos, as relíquias antigas, as esculturas em relevo em túmulos, pedra e tijolos, murais em templos e grutas e padrões decorativos em utensílios mostram que durante séculos o público ficou fascinado com as performances deslumbrantes de artistas chineses, acrobacias e circo. Embora muitos tipos de números acrobáticos existiram durante a Dinastia Ch'in (255-207 aC), foi a Dinastia Han que viu a forma de arte alcançar novos níveis e se tornar uma forma popular de entretenimento. A maioria dos grupos foram formados ao longo de linhas familiares e desenvolveram habilidades e rotinas que, com algumas alterações, são realizadas até hoje. Conhecido como o "Pai Hsi" ou os "Cem Atos", durante este período o circo evoluiu para um longo show com grande variedade de números de trampolim, malabarismo e mágica. Zh`ang Heng, um grande homem de letras na Dinastia Han Oriental, registrou em um de seus escritos, "The Western Capital Fu", muitas rotinas acrobáticas emocionantes e truques de mágica. O circo chinês moderno, por mais sofisticado que possa parecer, foi criado e realizado pelos antigos acrobatas chineses. Esses acrobatas foram os favoritos da corte ao longo do Período Wei do Norte (386 - 534), na Dinastia Sung (960 - 1 279), como registrado em livros e pinturas da época. Durante a Dinastia Sung, a arte da acrobacia foi praticada por metafísicos taoístas em um esforço para aperfeiçoar suas habilidades físicas e concentração mental. Com o passar do tempo, o público do circo chinês mudou e, além dos nobres, os artistas foram bem recebidos também pelas pessoas comuns. Os artistas do circo se juntaram a marionetes, contadores de histórias, magos, dançarinos e outros artistas, que já se apresentavam para camponeses. O governo chinês começou a acompanhar de perto o movimento de grupos e artistas individuais. Como resultado, ao longo dos séculos XIX e XX, o circo chinês existiu em um formato menos estruturado. Viajando sozinhos ao invés de em grupos, os artistas ficaram desmoralizados e desacreditados perante o público. Em 1 949, a República Popular da China começou a financiar grupos e o circo chinês ressurgiu como uma forma de arte popular. Foi criado um grande número de novos programas com acompanhamento musical, figurinos, adereços, iluminação e o circo chinês tornou-se uma forma abrangente de arte de palco, tão magnificamente representada pelos artistas do Circo Imperial da China. O Circo Imperial da China é considerado um dos melhores circos do mundo e tem desempenhado um papel importante no intercâmbio cultural entre muitas nações. Grupos de circo chineses e europeus visitaram muitas regiões e países em todo o mundo. Suas excelentes performances foram calorosamente recebidas e muito apreciadas pelo público em todo o mundo.

jornal Edição 3 jac agosto
Jornal Março 2011 Ano 08 – Edição 51 - Transporte Coletivo Glória
Jornal Evolução [MARÇO/2017]
EDIÇÃO 15 - Março/10 - RBCIAMB
EDIÇÃO 19 - Março/11 - RBCIAMB
jornal Edição 2 ªde julho
Jornal edição nº 136 - Crosp
Jornal do Judiciário do Sintrajud - Edição 441
Jornal do Carvão edição nº 22
Edição 1251 - Jornal do Cambuci & Aclimação
Guia JP Edição 033 Março 2017
Edição 216 - Março / 2004 - Free WAP
17ª Edição - Março de 2013 - Faculdade Objetivo