Views
2 months ago

Anatomia_Topogrfica__MMSS_resumo

exercicios

Ana Karoline Bittencourt

Ana Karoline Bittencourt Alves MED 12.2 ANATOMIA DO MEMBRO SUPERIOR – Carla Gabrielli • Ramo deltoideo: irriga o músculo deltóide • Artéria torácica lateral: vai irrigar a parede lateral do tórax, sendo a principal fonte de nutrição pra mama (mais calibrosa na mulher) antigamente chamada de torácica externa (a torácica interna que era o vaso utilizado na ponte de mamária) • 3 - • Artéria subescapular, com sentido descendente que acompanha a margem lateral da escápula e se bifurca: • Artéria toracodorsal que vai irrigar o latíssimo do dorso (acompanha o nervo e a veia tóracodorsal) • Artéria circunflexa da escápula: faz uma curva indo para a parte posterior da escápula, é também um ramo terminal da artéria subescapular • Artéria circunflexa anterior do úmero • Artéria circunflexa posterior do úmero (ambas as artérias circunflexas se anastomosam no colo cirúrgico do úmero, sendo que a posterior é sempre mais calibrosa que a anterior). • Anastomoses arteriais da escápula: justaposto à parede posterior da escápula existem algumas redes anastomóticas, que vamos chamar de anastomoses arteriais da escápula, as artérias que participam dessa rede anastomótica de importância (aplicação cirúrgica dessa rede), são 3 artérias: o Artéria supraescapular ela vem do tronco tireocervical de onde se origina a cervical transversa ou transversa do pescoço e também a artéria supraescapular, que chega à escápula por cima do osso. o Artéria dorsal da escápula ou escapulardorsal, essa artéria dorsal da escápula pode ser ramo da cervical transversa, geralmente um ramo profundo ou pode ser um ramo direto da subclávia e em uma visão posterior é essa artéria que chega à anastomose pela margem medial da escápula. o Artéria circunflexa da escápula, que é proveniente da subescapular, que faz a curva na margem lateral da escápula. Essas anastomoses são vias alternativas que o sangue pode buscar para chegar ao seu território em casos de necessidade de ligar a artéria axilar essa ligadura deve ser feita antes da origem da artéria subclávia Se a ligadura for feita depois da origem da subescapular, vai interromper o fluxo sanguíneo para o membro superior. . • Espaços (entre redondo maior, redondo menor, cabeça longa e cabeça lateral do tríceps, são dois, o triangular e o quadrangular - quadrangular mais lateralmente): o O espaço triangular é feito pela cabeça longa do tríceps braquial, pelo músculo redondo maior e pelo músculo redondo menor. Pelo espaço triangular vai passar a artéria circunflexa da escápula. o O espaço quadrangular é formado pela cabeça longa do tríceps braquial, pela cabeça lateral do tríceps braquial, pelo músculo redondo maior e pelo músculo redondo menor. Pelo espaço quadrangular vai passar o nervo axilar e a artéria circunflexa posterior do úmero fraturas de colo cirúrgico de úmero podem causar compressão do nervo axilar (problema de abdução de ombro). • Veia axilar e suas tributárias o Ela é continuação da basílica depois que cruzou a margem inferior do músculo redondo maior, o Depois continua como veia subclávia

Ana Karoline Bittencourt Alves MED 12.2 ANATOMIA DO MEMBRO SUPERIOR – Carla Gabrielli o Na posição anatômica essa veia é medial à artéria axilar, porém quando fazemos a abdução do membro superior, a veia axilar passa a ser anterior à artéria. o Tributárias: • Veias profundas • As veias satélites dos ramos da artéria axilar e terão os mesmo nomes • É muito frequente uma das veias braquiais não desembocar na axila • Veias superficiais • Veia cefálica • Veia tóracoepigástrica - é uma veia da tela subcutânea que não acompanha artéria nenhuma • Bainha axilar: composta por um tecido de fáscia, esse tubo fascial situada na região da axila vai envolver os elementos nobres da axila, artéria axilar, veia axilar e os fascículos do plexo braquial. Em bloqueios anestésicos na região da axila tem que transfixar essa bainha para atravessar e atingir os fascículos. • Linfonodos axilares o Cerca de 10, 12, 15 o Subdivididos de acordo com a localização na axila, mais próximos de qual parede? Centro? Ápice? • Grupo anterior ou peitoral (linfonodos bem próximos ou juntos à parede anterior) • Grupo posterior ou subescapular • Grupo lateral • Grupo central: disperso no tecido adiposo de preenchimento • Grupo apical o A linfa que vem de todo o MS, da mama e da parede toracoabdmonnal acima do umbigo, tanto anterior como do dorso vai drenar pros linfonodos axilares. o Segue a ordem de cima de 1, 2 ou 3 > 4 > 5 até ir para ser devolvido ao angulo jugulo subclávio. MEMBRO SUPERIOR III Articulações proximais do membro superior: • esternoclavicular • Acromioclaviccular • Ombro Braço ARTICULAÇÃO ESTERNOCLAVICULAR • Formada pela extremidade esternal da clavicula e pela reentrancia do osso esterno, no manubrio - incisura clavicular. • Essa é a única articulação do membro superior que faz contato anatômico com o esqueleto axial. Logo a descarga de força feita pelo braço pode ser transmitida para o esterno (cabeça, coluna vertebral, tórax, ou seja, para o esqueleto axial) • É classificada como sinovial (4 elementos característicos: cápsula articular, cartilagem articular, cavidade articular e líquido sinovial), quanto à forma é Selar, logo a articulação é sinovial selar (biaxiais, permitindo movimentos em 2 eixos, no caso dessa articulação esterno clavicular, os eixos permitem o movimento de protração e retração no eixo longitudinal, e no eixo sagital ou anteroposterior faz um movimento de elevação e abaixamento da clavícula. • Elementos articulares:

Diretriz em CarDiologia Do esporte e Do exerCíCio Da soCieDaDe ...
Síncope Relacionada ao Exercício: Qual a Importância ... - DERCAD
Instrumentos para a fiscalização do exercício profissional ... - CFESS
Exercícios de concordância - Sagrado - Rede de Educação
caderno de exercicios manual de direito adm.
Biometria - Exercícios 5 - Teste t para dados emparelhados
Termologia - Teoria e Exercícios - Projeto Rumo ao ITA
Trigonometria - Teoria e Exercícios - Projeto Rumo ao ITA
2. Tipos de exercício e protocolos - Leonel Bernardino
Máis exercicios - Xunta de Galicia
Ritmos Biológicos e Exercício Físico - FEA
Exercícios Exercícios Juros e Porcentagens Juros e Porcentagens
Exercícios de Sistemas Numéricos
Exercicio - Universidade de Coimbra
Biometria - Exercícios 2 - Probabilidade
EXERCÍCIOS COM SUAS RESPOSTAS - Editora Pollux
servidor efetivo estar em efetivo exercício – mesmo aqueles em ...
Aula 02 - Exercícios - Prof. Allbert
Como prescrever o exercício no tratamento do Diabetes ... - Uniube
Formação e exercício profissional do Nutricionista no Programa ...
Regime de exercício da actividade industrial - Adegas
Biometria - Exercícios 2 - Probabilidade - Resolução
Biometria - Exercícios 1g - Criação de gráficos
Exercícios de Concordância - Sagrado - Rede de Educação
Regulamentação do Exercício Profissional no Sistema CONFEA ...
gru apresentação- encerramento do exercício - Ministério da Fazenda
Exercicios espirituaes, e meditações da via purgativa : sobre a ...