Empreenda Revista - Edição Junho

elaineempreenda

Revista de Negócios com distribuição gratuita em todo o ABC Paulista

+ DE 3.000 NOVOS E SEMINOVOS

+ DE 60 LOJAS DE AUTOMÓVEIS

MENOR TAXA DO MERCADO

SERVIÇOS PARA SUA COMODIDADE

Avenida dos Estados nº 8.000 – Santo André / SP


04

SUMÁRIO

07 Otimismo na

eleição - por Karnal

08 Inovação na

Copa da Rússia

09 Empreendedorismo

e a Copa do

Mundo

10 Empreendedores

e Investidores

rumo à Portugal

12 Credibilidade

20 Empreendedorismo

gastronômico

22 Atual Mania

24 Casa Oficina

26 Simples Nacional

27 O que é o E-social?

28 Mercado médico

37 Cake Fest Mauá

38 Auto Posto Roberto

comemora 38 anos

39 Importância do

balanço social para

as empresas

40 Empresário do

entretenimento

42 Social

14 Mais liberdade e

menos impostos

para nossos

empreendedores

15 O que o meu

negócio tem a

ganhar com a

humanização no

atendimento

30 Harry Horst

32 Relato sobre a

Síndrome de

Edwards -

Trisomia 18

33 Terapia capilar

16 Lições de dois

visionários

34 Corradi e Merlini

Advocacia

35

Ferreira & Santos

36

Meeting de gestão

corporativa do ABC


05

EDITORIAL

EMPREENDA REVISTA

Chegamos ao meio do ano, e para nós empreendedores,

é o momento de revermos nossas metas e arrumarmos

nossa rota. O que deu certo precisa ser aprimorado

e o que deu errado, servirá de aprendizado. Assim continuamos

nosso ciclo vitalício de empreender.

Estamos em plena Copa do Mundo, o maior evento esportivo

do mundo, e nessa edição trouxemos um especial

Copa para você saber o que é possível aprender

com esse evento, além de todas as inovações trazidas

para esse espetáculo da bola.

Nossa matéria de capa conta a história de dois grandes

visionários que com muito amor e gratidão exercem

uma excelente performance a frete de suas empresas.

Junior Souza e Geraldo Rufino estarão conosco no próximo

dia 28.06 no evento Conexão Empreenda e vocês

terão a chance de aprender com eles as estratégias aplicadas

em seus negócios. Acesse o site www.empreendarevista.com.br

e garanta seu ingresso.

E por falar em evento, o ABC foi palco de grandes eventos

em maio, tivemos a 18° edição do meeting de gestão

corporativa, idealizado pela AGERH que trouxe Eduardo

Carmelo palestrando sobre Designer Thinker.

Em Mauá, aconteceu a Cake Fest, evento gastronômico

do ramo de confeitaria que reuniu mil pessoas em uma

tarde de domingo para visitar a feira que aconteceu na

associação dos aposentados da cidade.

Essa edição vem com o caderno moda, que faz uma homenagem

para a loja AtualMania, há mais de 30 anos

em Mauá, atendendo a população com roupas exclusivas

de marcas famosas. Mari e Zeca nos contaram um

pouquinho dessa trajetória e vocês poderão entender

como o amor desse casal faz com que a AtualMania seja

referência na cidade.

No próximo mês será inaugurada a Edição 2018 da

MOSTRA CASA OFICINA, e trazemos para você leitor,

um pouquinho do que você verá nessa mostra. Fabrizia

Piotto nos contou como começou esse negócio e o que

os move para serem referência nesse segmento.

Todo o conteúdo da revista, está disponível em nosso

portal www.empreendarevista.com.br. Queremos estar

próximos de você, por isso sugestões de pautas, eventos,

palestras, podem ser enviadas para o nosso e-mail

contato@empreendarevista.com.br.

Desejo a todos

uma boa leitura

e até a próxima!

ELAINE JULIÃO

Diretora da

Empreenda Revista

EXPEDIENTE

EMPREENDA REVISTA

ANO II | EDIÇÃO 13 | JUNHO 2018

www.empreendarevista.com.br

contato@empreendarevista.com.br

DIRETORA RESPONSÁVEL

Elaine Cristina Julião

Administração CRA/SP

PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO

EmComJunto | Assessoria Comercial

www.emcomjunto.com

DESIGNER GRÁFICO

Patrícia Marques de Souza

COMERCIAL

comercial@empreendarevista.com.br

IMPRESSÃO

Ecograph

www.ecograph.com.br

A EMPREENDA REVISTA é uma publicação

mensal e gratuita. A revista não se responsabiliza

por conceitos e opiniões emitidas

em colunas assinas e materiais divulgados

em anúncios publicitários.

Produção de conteúdo e desenvolvimento

Empreenda + Produções e Eventos

CNPJ: 10.378.146/0001-29


Eu poupo

sim!

Poupança

Premiada

Deposite e concorra a

R$ 1.500.000,00 * em prêmios.

Quando vê, poupou. Quando vê, ganhou. Poupe com a gente e ganhe números da sorte

para concorrer. Saiba mais em: sicredi.com.br/eupouposim.

Santo André (11) 4422-7575 | São Bernardo do Campo - ACISBEC (11) 4122-6400 | São Bernardo do Campo - Rudge Ramos (11) 4366-2400

São Caetano do Sul (11) 4223-4300 | Diadema - Piraporinha (11) 4061-4300 | Diadema - Centro ACE (11) 4051-2270 | Mauá - Centro ACIAM

(11) 4547-6200 | Mauá - Jardim Maringá (11) 4547-6200 | Ribeirão Pires (11) 4822-8100

*Título da modalidade incentivo emitido pela Icatu Capitalização S/A, CNPJ/MF nº 74.267.170/0001-73, Processo SUSEP nº 15414.901237/2017-71. A aprovação deste título pela SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo

ou recomendação à sua aquisição, representando, exclusivamente, sua adequação às normas em vigor. Serviço de Informação ao Cidadão SUSEP 0800 021 8484 (dias úteis, das 9h30 às 17h) ou www.susep.gov.br. Ouvidoria Icatu 0800

286 0047. Fundos de investimento não contam com a garantia do administrador do fundo, do gestor da carteira, de qualquer mecanismo de seguro ou, ainda, do Fundo Garantidor de Crédito - FGC. A rentabilidade obtida no passado

não representa garantia de rentabilidade futura. É recomendada a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento do fundo de investimento pelo investidor ao aplicar os seus recursos. Seguros e Previdência Privada intermediados

por Corretora de Seguros Sicredi Ltda., CNPJ 04.026.752/0001-82, registro SUSEP n° 10.0412376. Os planos em FAPI são administrados pelo Banco Cooperativo Sicredi S.A., CNPJ 01.181.521/0001-55. Produtos de Crédito: a

disponibilidade está condicionada à análise de crédito do associado. *O valor dos prêmios apresentados é liquido, deste valor não serão descontados os impostos antes do pagamento ao associado. Prêmios pagos em moeda corrente nacional. Promoção

válida durante o período de 02/04/2018 até 15/12/2018, para os poupadores das Cooperativas filiadas à Central Sicredi PR/SP/RJ. Consulte o regulamento completo da promoção e condições de contratação nas agências da sua Cooperativa ou no site sicredi.com.br/

eupouposim. Imagens meramente ilustrativas. SAC - 0800 724 7220 / Deficientes Auditivos ou de Fala - 0800 724 0525. Ouvidoria - 0800 646 2519.


07

“O OTIMISMO CONVOCARÁ OS

BRASILEIROS A ESCOLHER O

MELHOR, OU, PELO MENOS, O

MENOS PIOR”, DIZ KARNAL

Por Joaquim Alessi

“Se você, eleitor, como eu, cidadãos brasileiros, que podem

votar, está pessimista, devo-lhe dizer que você tem

razão; eu devo lhe dar essa razão; há motivos para eu

estar pessimista, derrotista, melancólico, pelo menos. Porém,

o grande problema do pessimismo, cuja virtude é

o realismo - o pessimista tem noção do perigo -, é que

ele não produz nada. O pessimismo apenas constata que

estamos à beira do abismo, reclama, ele funciona como

alguém que reclama. Para agir, eu preciso, acima de tudo,

de otimismo, e é o otimismo que vai convocar os brasileiros

a que escolham o melhor, ou, pelo menos, o menos

pior de todos os candidatos, e, não se engane, há candidatos

melhores e candidatos piores”. Com essa resposta,

o Historiador e Professor de História da América, Leandro

Karnal, resumiu sua expectativa para as eleições de outubro,

em entrevista EXCLUSIVA, antes de proferir palestra

no Teatro Paulo Machado de Carvalho, em São Caetano

do Sul, para 1.200 pessoas que superlotaram a casa.

A palestra faz parte das comemorações pelos 80 anos de

existência da Aciscs (Associação Comercial e Industrial de

São Caetano do Sul), e foi promovida pela entidade, pre-

sidida por Walter Estevam Junior, publisher do jornal ABC

Repórter, em atividade comandada pelo coordenador de

eventos, Alessandro Leone.

Cada um dos 1,2 mil convites gratuitos foram cedidos em

troca de um quilo de alimento não perecível, e tudo o que

foi arrecadado será destinado a entidades assistenciais

do município, em iniciativa do Núcleo de Ação Social da

Aciscs, presidido pela diretora financeira do REPÓRTER,

Ligia Estevam.

Karnal manifestou contentamento com a forma de condução

na distribuição dos convites, que redundaram em

ação social, e disse ao final de sua palestra que pensa fazer

muito mais, pessoalmente, pelos mais necessitados.

Na plateia, diretores da Aciscs, comerciantes, industriais,

empreendedores, líderes de entidades sociais, políticos e

populares vibraram a cada frase de Karnal.

Leone afirmou ao final da atividade que vários outros

eventos estão sendo preparados, e que é possível acompanhar

pelo site da Aciscs.


08

ESPECIAL COPA DO MUNDO

A INOVAÇÃO NA

COPA DA RÚSSIA

Chegou o momento mais esperado do esporte mundial,

a copa do Mundo da Rússia, a celebração máxima do futebol,

mas o que este esporte, que já tem mais de 100

anos e parece continuar “parado no tempo”, tem para

nos mostrar em inovação? Vamos começar pela bola, isto

mesmo a famosa “redonda”, o que pode ter de inovador

em uma bola? A Telstar 18, desenvolvida pela Adidas, trás

um chip instalado onde qualquer pessoa que tenha o

aplicativo em seu celular poderá se conectar com a bola

e saber em tempo real dados como sua velocidade e potência

do chute.

TRANSMISSÃO

Em relação a transmissão, todas as partidas da Copa serão

transmitidas na alta tecnologia 4K HDR ( High Dynamic

Range), e em algumas as gravações serão realizadas

em câmeras 360 ° onde o usuário poderá presenciar a

copa em realidade virtual mesmo estando a quilômetros

de distância da Rússia.

ARBITRO DE VÍDEO

BOLA

TELSTAR 18

com chip

Outra tecnologia já usada em alguns campeonatos e que

será utilizada é o Arbitro de Vídeo (VAR em Inglês), inovação

que permite um “tira-teima” em lances polêmicos e

desta forma um resultado justo da partida. Os jogadores

não ficaram de fora, através de equipamentos específicos

os médicos acompanharam a saúde dos atletas durante

as partidas e estes dados serão utilizados para auxiliar os

técnicos nas substituições e possíveis medidas preventivas

evitando que o atleta se machuque.

cartões visa disponibilizará o sistema por celular, ou acessórios

como relógios e anéis que ao se aproximar da catraca

nos estádios já automaticamente debitará o valor

dos ingressos.

UNIFORMES

E por fim veremos grandes inovações, tanto em designer

como em tecnologia, nas camisas das seleções que

disputam a Copa da Rússia. Nike, Adidas e Puma sempre

são destaques, maseste ano concorreram com mais 6

empresas a Inglesa Umbro; a americana New Balance; As

alemãs Uhlsport e Hummel; a italiana Errea e a empresa

Romai dos Emirados Arabes. Todas trazendo a mais alta

tecnologia em vestuário esportivo.

Eduardo Marques

Engenheiro Civil.

PAGAMENTOS DOS INGRESSOS

A Inovação estará presente também na forma como os

turistas e Russos farão seus pagamentos, a empresa de


09

ESPECIAL COPA DO MUNDO

EMPREENDENDORISMO E A

Copa do Mundo

Por Redação

A Copa do Mundo é um dos maiores eventos esportivos

mundiais e movimenta bilhões de dólares em todo

o mundo. No Brasil, a expectativa é que o evento movimente

a economia mesmo à distância.

O espírito de festividade e paixão pelo futebol estará à

flor da pele até mesmo dos cidadãos menos empolgados.

Com isso, o empreendedor deve identificar as oportunidades

para seu negócio e tirar proveito disso. Caso

ele não trabalhe com produtos/serviços diretamente

relacionados à Copa do Mundo, vale investir em ações

como campanhas e promoções. Até mesmo os bolões

são vistos com muita simpatia pelos consumidores e

colaboram para que o empresário estreite seu relacionamento

com o público, além de atrair outros clientes.

O Brasil é um país com uma veia empreendedora muito

forte e em uma Copa do Mundo alguns segmentos da

economia se destacam, entre eles, souvenirs, bares, restaurantes

e supermercados. É preciso ser objetivo e saber

ganhar dinheiro como empreendedor e acreditem,

você tem muito a aprender com a Copa.

Apesar de nunca desejarmos deixar o consumidor esperando,

há algo a ser dito sobre possuir-se o seu diferencial

verdadeiramente único. O futebol é jogado o ano

inteiro em muitos palcos importantes, mas somente a

Copa do Mundo suscita a paixão e o comprometimento

que observamos nesse momento. Para a FIFA o seu diferencial

é a escassez. Empreendedores precisam pensar

no que torna-os únicos e memoráveis. Uma maioria de

proprietários de negócios pensam que seus produtos e

serviços são verdadeiramente diferenciados, porém, somente

uma pequena minoria de consumidores pensa o

mesmo, segundo um estudo conduzido recentemente

nos Estados Unidos. A Copa do Mundo tem o seu diferencial,

qual o seu?

Conversamos com Ricardo Paulino, CEO da Riplas, fabricante

de produtos de borracha E.V.A, plásticos e capa de

chuva descartável. Para a Copa do Mundo, o empresário

trouxe para o mercado uma linha completa de souvenirs

que são usados no entretenimento das pessoas,

como chapéus, óculos, gravatas, serpentinas, tiaras.

Muitas empresas compram os produtos da Riplas para

revender ao consumidor final, a demanda por produtos

relacionados a Copa do Mundo cresce exponencialmente

nesta época e Ricardo que desenvolve itens específicos

para datas comemorativas comemora seu resultado.


10

TECNOLOGIA

EMPREENDEDORES E INVESTIDORES

RUMO À PORTUGAL

Entenda porque o país tem se destacado, além do título de um dos melhores

lugares do mundo para viver, nos últimos anos Portugal investiu

e criou uma estrutura altamente atrativa para investidores e empreendedores

do mundo todo.

As startups são reconhecidas mundo à fora por algumas

características, e dentre elas, está a velocidade como

base de um modelo de negócio que já mostrou a que veio

e que sua força é capaz de mudar uma economia e até

mesmo a forma de consumo de uma sociedade.

Proporcionalmente a velocidade que as startups adotam

em seu dia a dia, são as mudanças que estão ocorrendo

em função desta nova mentalidade, forma de criar e gerir

recursos e produtos, e na Europa não seria diferente.

Se até pouco tempo atrás as startups europeias olhavam

primeiro para Silicon Valley sempre que pensavam numa

estratégia de exit, atualmente enxergam os Estados Unidos

como um destino de compra e, principalmente, para

expandir-se internacionalmente.

Assim como o tempo, as expectativas são outras e as possibilidades

também. Em função de investimentos e, principalmente,

do entendimento de que era preciso apoiar o

desenvolvimento de inovação e tecnologia, colocou Portugal

no radar mundial e diferente de outras épocas, dessa

vez não foi pelo turismo ou outros atrativos incontestáveis

do país, mas pelo seu ecossistema empreendedor.

De forma consolidada e funcionando ativamente, Portugal

se tornou o destino escolhido para a criação de novas

empresas e instalação de incubadoras vindas de todo o

globo. E vale a pena ressaltar ainda que várias empresas

portuguesas têm levado longe o nome de Portugal, pela

sua inovação e competitividade.

Mas não se engane, nada disso aconteceu da noite para

o dia ou por mero acaso ou sorte. A Startup Portugal, por

exemplo, é uma iniciativa do Governo integrada na estratégia

nacional para o empreendedorismo, com o objetivo

de criar um ecossistema de empreendedorismo à escala

nacional. Atrair investidores nacionais e estrangeiros para

o investimento em startups, além de promover e acelerar

o crescimento das startups nos mercados externos, são

algumas das metas do projeto. Eu mesmo já falei aqui da

minha experiência no Web Summit ano passado, que foi

incrível. Outros eventos internacionais tais como o The

Next Web ou o Tech Crunch Disrupt, também entraram

para a agenda do Startup Portugal que tem marcado presença

com delegações de startups portuguesas.

Só para se ter uma ideia e ainda no âmbito da estratégia

definida pelo Governo, há cerca de dois anos para a criação

de um ecossistema empreendedor foram definidas

15 medidas, várias já estão em curso. Outro ponto, a Por-

tugal Ventures, por exemplo, é responsável pela gestão

do investimento público em startups, com competências

para coordenar, implementar e monitorizar as medidas,

com um fundo de 150 milhões de euros para um período

de quatro anos.

E sabe a importância desses números e avanços? De

acordo com dados divulgados pela StartUp Portugal, referentes

ao período entre fevereiro de 2016 e fevereiro

de 2017, a taxa de desemprego baixou menos de 10%

e 46% dos novos empregos foram criados por startups

com menos de 5 anos de existência. Ainda segundo os

dados divulgados, a média de postos de trabalho criados

foi de 2.2 no primeiro ano de existência das startups e

durante esse período foram criadas 584 startups.

E para aqueles que desejam descobrir Portugal e vivenciar

as possibilidades e oportunidades que apresentei

acima, chegou a hora. O ITESCS (Instituto de Tecnologia

de São Caetano do Sul) em parceria com a Atlantic Hub

criou o evento Atlantic Connection 2018 que será realizado

na sede da INVESTE SP, em São Paulo. No mesmo

dia será realizada também a 2º Edição do Startup Award

Brasil - iniciativa que premiará a Startup vencedora com

um passaporte para o Web Summit Lisboa 2018.

O evento vai reunir os maiores nomes do ecossistema

empreendedor dos dois países. Além disso, durante a

tarde será realizada uma feira com estandes de startups

brasileiras e portuguesas para que elas possam expor

suas soluções e buscar novos parceiros e clientes. Outro

destaque do evento e novidade este ano será o espaço

para agendamento de reuniões one-on-one (entre startups

e mentores que estarão presentes) e pitchs a cada

30 minutos (sorteio de quatro startups participantes com

estande na feira para apresentação de pitch).

Para aqueles com startups no Brasil com potencial de internalização

e que visam a Europa como destino, esta é

a oportunidade para fazer seu pitch e carimbar seu passaporte

para o Web Summit Lisboa 2018, é mais do que

uma porta de entrada é a oportunidade de abrir mercado

e buscar parceiros estratégicos para que seu negócio escale

com respaldo e solidez.

Para mais informações e para garantir seu ingresso:

www.atlantichub.com/atlanticconnection2018

Para inscrição de Startup: www.isyourprojecttheone.com


EMAGRECIMENTO

ESTÉTICA CORPORAL

ESTÉTICA FACIAL

PRÉ E PÓS CIRÚRGICO

DEPILAÇÃO Á LASER

Venha conhecer a H-LIPO

a lipo sem cirurgia

AGENDAMENTO E INFORMAÇÕES:

4432-0389 - 95761-6325

Avenida Padre Anchieta, 170 - Bairro Jardim | Santo André | SP


12

GESTÃO E NEGÓCIOS

CREDIBILIDADE

Valor fundamental para as empresas.

Ser competitivo e identificar os motivos que levam o seu

cliente a comprar na sua empresa e não na empresa do corrente

é essencial para que possamos fortalecer a marca e

entender quais são os nossos diferenciais.

Você já pesquisou os seus concorrentes? O que a sua empresa

oferece de diferente? No que você é melhor? Conseguiu

identificar seus potenciais?

Situações adversas acontecem e estão presentes na rotina

de trabalho das pessoas, o que faz a diferença é a forma

como tratamos e resolvemos a situação.

Se tornar uma referência no mercado é um diferencial competitivo

importante, a melhor indicação é aquela feita por um

cliente satisfeito com a sua empresa, a chance de você gerar

novos negócios através deles é grande, diminuindo assim o

tempo de prospecção.

Compartilho alguns dos principais diferenciais: preço, o prazo

de entrega, qualidade do produto, comodidade, praticidade,

a marca, inovação, design, enfim uma infinidade de razões

que levam o cliente a comprar da sua empresa, mas em algum

momento você pensou no fator CREDIBILIDADE?

O relacionamento da marca com o cliente mudou, as redes

sociais se tornaram uma importante ferramenta de busca de

informações e aproximou o relacionamento entre a empresa

e o consumidor.

Atender as pessoas de forma cordial, educada, prestativa é

fundamental para estabelecer um vínculo de confiança entre

a sua marca e o cliente, parece estranho o que vou dizer, mas

se você prometer algo... cumpra.

Não invente desculpas para postergar uma entrega ou resolver

um problema.

Clientes satisfeitos falam bem do seu trabalho e te indicam, o

pós-venda é uma ferramenta importante para a construção

da credibilidade da sua empresa, demonstra atenção e respeito

ao cliente.

Estabeleça um relacionamento de confiança e credibilidade

com o seu público e tenha certeza que bons negócios acontecerão.

Até a próxima.

Carol Pitarelli

Dir. Com. O Móvel que

Faltava e Palestrante

especialista em networking.


14

GESTÃO E NEGÓCIOS

MAIS LIBERDADE E MENOS IMPOSTOS

PARA NOSSOS EMPREENDEDORES

Empreendedorismo pode ser caracterizado como o ato

de enfrentar incertezas. Nesse sentido, todos os seres

humanos são empreendedores, porque todos, sem exceção,

lidam com incertezas em suas vidas. Mas existe

um tipo específico de empreendedorismo, um tipo que

é a força motriz da economia, que é responsável pela

prosperidade e pelo crescimento das nações, e é sobre

ele que quero falar hoje. Trata-se do empreendedorismo

praticado por pessoas que optam por investir

e arriscar seu tempo, esforço e dinheiro em uma ideia,

projeto, negócio.

Nesse caso, mais do que a coragem de arcar com incertezas,

a ação empreendedora demanda um “estado de

alerta”, um “desejo de descoberta”, um “senso de oportunidade”.

O empreendedor é assim aquele que apresenta

capacidade de identificar uma forma de oferecer

um produto ou prestar um serviço melhor e/ou mais

barato para os outros membros da comunidade. Em

outras palavras, é aquele que, inquieto e atento, percebe

uma oportunidade, investe seus recursos, enfrenta

as incertezas e trabalha para satisfazer as pessoas, os

consumidores. Mais, é aquele que tem a coragem de

enfrentar a possibilidade de perda, que aceita a angústia

da chance de perder pela satisfação que advém da

chance de ganhar.

São esses empreendedores, grandes e pequenos, que

impulsionam o desenvolvimento econômico. A história

é farta em exemplos. Onde as pessoas encontraram

um ambiente propício para empreender, o resultado

comum foi prosperidade e fartura, onde as pessoas foram

tolhidas em seu ímpeto empreendedor, o resultado

comum foi estagnação e miséria. Países como Estados

Unidos, Inglaterra e Austrália sempre apoiaram a atividade

empreendedora e criaram um ambiente institucional

favorável, com liberdade e pouca burocracia.

Nós, brasileiros, somos um povo extremamente empreendedor.

Em qualquer lugar que se vá, encontramos

pessoas investindo, inovando, trabalhando e enfrentando

a possibilidade de perda. Padeiros e marceneiros,

pequenos e grandes comerciantes, agricultores e industriais,

em cada canto desse país tem alguém empreendendo.

E empreendendo em condições adversas, pois

os nossos governantes só criam dificuldades para o empreendedorismo.

Empecilhos burocráticos, impostos altos,

corrupção endêmica, regulamentação excessiva são

obstáculos que os empreendedores precisam enfrentar

diariamente. Chegou a hora de mudar isso. O Brasil está

mudando e temos uma grande oportunidade de renovação

e transformação. Mais liberdade e menos impostos,

mais flexibilidade e menos burocracia. Estão aí as

chaves capazes de soltar as correntes que nos impedem

de avançar e alcançar todo o nosso potencial como empreendedores

e como país.

Vinicius Poit

Empreendedor, tem 32 anos. Formado em Administração

de Empresas pela EAESP - FGV, tem

experiência no mercado financeiro e atuou na

Poit Energia, empresa de soluções de infraestrutura

elétrica. É pós-graduado em Coaching, pela

Sociedade Brasileira de Coaching, criador da ONG

Make Them, que atua no resgate de pessoas em

situação de rua, e cofundador da startup Recruta

Simples, ferramenta online de recrutamento.


15

O QUE O MEU NEGÓCIO TEM

A GANHAR COM A HUMANIZAÇÃO

NO ATENDIMENTO

Pessoas compram de pessoas e não mais de marcas!

GESTÃO E NEGÓCIOS

Logo no início da globalização e da evolução da tecnologia,

surgiram infinitas possibilidades de se conectar uma

organização ao seu público através de atendimentos práticos

e tecnológicos. Hoje, percebemos um movimento

inverso ao conceito dessa praticidade. Há quem prefira

ser atendido por uma máquina ou até mesmo por uma

pessoa que segue um determinado protocolo ou script

mas, podemos dizer que a grande maioria ainda prefere

um atendimento mais humanizados, de forma que pessoas

falem com pessoas.

Uma das preocupações atuais das organizações é justamente

essa humanização dos processos e principalmente

no atendimento em todos os pontos de contato com

o público.

Essa nova visão tem como início a valorização do capital

humano nas organizações, afinal, a tecnologia é tão

democrática que acaba sendo igual para todos, transformando

esse contato com pessoas um verdadeiro diferencial

para marcas.

propósito dentro da organização, não fará sentido para

eles disseminar essa cultura. Aqui é fundamental que o

RH e as lideranças busquem políticas de desenvolvimento

interno aos seus funcionários.

Fale com pessoas

Trabalhe uma comunicação leve com o seu público, invista

em debates saudáveis e demonstre que como marca,

o seu negócio tem muito o que dizer.

Que tal trabalhar hoje mesmo um jeito mais humano de

falar com o seu cliente?

Humanizar, significa entender o outro e respeitá-lo.

Confira mais dicas de empreendedorismo no site tatyaneluncah.com

e nas minhas redes sociais: Instagram

e Facebook @tatyaneluncah

Em contato com grandes executivas do mercado, tenho

percebido o quanto os negócios têm a ganhar com estas

conexões mais humanas. E como trabalhar este, a humanização,

diferencial competitivo no seu negócio?

Comece de dentro para fora!

Tatyane Luncah

Fundadora e CEO da

agência Grupo Projeto.

Se os seus parceiros e colaboradores não tiverem um


16

CAPA

LIÇÕ

GERALDO

RUFINO

Jr. Diesel

DE D

VISION

Por Redação

“Devemos olhar

onde erramos e reconhecer

nossos erros.

Se você levantar

a cabeça e perceber

que não tem do que

se envergonhar, então

tenha humildade

e recomece.”

Geraldo Rufino

e Junior Souza

revolucionam

seus segmentos

e faturam

milhões de reais,

empregando

o amor e a

gratidão em

tudo o que fazem.


17

ES

CAPA

OIS

ÁRIOS

JUNIOR

SOUZA

Ecotag

“Tudo o que sou devo

às pessoas que aqui

trabalham.”


18

CAPA

GERALDO RUFINO

O catador de sonhos.

Nascido no interior de Minas Gerais, Geraldo Rufino teve

uma infância muito pobre junto dos seus pais e irmãos.

Muito jovem, Geraldo começou a trabalhar ensacando

carvão. Algum tempo depois, viu a possibilidade de ser

empreendedor. “Fui trabalhar em um aterro sanitário

onde fiquei dois anos, mas já tendo meu próprio negócio:

catando latinhas e reciclando o material que encontrava

no lixo.

Geraldo tinha o hábito de enterrar o dinheiro recebido

com a venda das latas. Porém um dia, a quantia acumulada

sumiu.

“Foi a primeira vez que quebrei, perdi tudo o que tinha

juntado durante um bom tempo. Não tinha mais nada,

então resolvi trabalhar de office boy em um Playcenter.

Cresci profissionalmente e assumi um cargo de diretor

do grupo. Lá aprendi o que era empreender”.

Apesar de ter quebrado seus negócios algumas vezes,

o empresário garante que nunca teve dificuldade para

recomeçar. Geraldo garante que em sua base estão

princípios como dignidade, valorização da família e dos

amigos, bem como premissas morais e pessoais, e apesar

de ter “quebrado” financeiramente, nunca “quebrou”

moralmente.

“Se você mantém seus valores, ficar sem dinheiro nunca

será um problema, pois quem conseguiu sucesso uma

vez e teve o trajeto lícito, caso quebre, consegue ter êxito

outra vez. Devemos olhar onde erramos e reconhecer

nossos erros. Se você levantar a cabeça e perceber que

não tem do que se envergonhar, então tenha humildade

e recomece.”

JR Diesel

Depois de passar por dificuldades financeiras, em 1985

Geraldo fundou a JR Diesel, um Centro de Desmontagem

Veicular em Osasco (SP). Empresa onde o foco principal

está nas peças para reuso, que são, em ordem retiradas

dos veículos, analisadas em qualidade e rastreabilidade

e colocadas à disposição do consumidor para instalação.

“Costumo dizer que a JR surgiu como um acidente de

percurso. As pessoas acham que eu tive uma visão, uma

sacada de que esse ramo, no futuro, seria um negócio

altamente rentável. Nada disso! Um dia, aconteceu um

acidente com meus dois caminhões e eu não podia consertá-los

ao mesmo tempo, pois ficaria sem nenhum

rodando. E o que parecia ser o fim da linha, acabou se

tornando a oportunidade da minha vida, porque me

pareceu mais viável desmontar os dois veículos

para recuperar parte do investimento.

O resultado foi a recuperação integral

do valor que parecia perdido.”

Nascia ali, literalmente de um acidente,

a empresa que hoje é referência em desmontagem

de veículos.

Otimista, Geraldo diz que se não ganhasse

dinheiro nesse ramo, ganharia de outra

forma. Ele acredita que sua situação financeira

é consequência de sua dedicação,

esforço, atitudes, foco e da sua paixão. Depois

disso é que vem o resultado.


19

JUNIOR SOUZA

Revolucionando

o combate

à pirataria.

CAPA

Nascido e criado na periferia de Salvador, o menino magro

e simples sempre quis conquistar o mundo. O aluno

exemplar que perdeu o pai aos quatro anos de idade

e passou enormes dificuldades ao lado de seus dois irmãos

e sua mãe, essa uma guerreira, lutadora que não

desistiu de ensinar os conceitos de verdade, ética e honestidade

aos seus 3 filhos.

Junior começou a trabalhar aos nove anos de idade, e

aos treze anos se tornou menor aprendiz de um grande

banco, aos quinze ensinava os veteranos do banco a

utilizar o sistema interno. Nunca teve preguiça ou medo

de aprender. Aos 18 anos entrou no mercado de comunicação

visual onde trabalhou por 12 anos.

Sua veia empreendedora vem muito antes, quando vendia

na escola as pulseiras “ripe” que fazia em casa com linhas

doadas pela vizinhança. Ao completar 30 anos decidiu empreender,

abriu três empresas e todas quebraram.

Mudou-se para Blumenau em 2008, perdeu a família

com a sua separação, passou dificuldades financeiras,

faltou comida, onde morar, o que vestir. Mas encontrou

forças no empreendedorismo para acreditar que seria

capaz de realizar seus sonhos. E seguiu empreendendo,

entre erros e acertos, encontrou seu lugar.

A virada

Em outubro de 2014, atendendo a uma grande marca de

roupas, encontrou uma solução para resolver um grande

problema enfrentado por seu cliente, a “falsificação

de produtos”. Convenceu seu cliente que era necessário

ir até a China para fechar o contrato com o fornecedor,

porém ao chegar lá percebeu que o que se fazia ali iria

contra seus princípios e ética, naquele momento teve

um insight e decidiu fabricar os produtos aqui no Brasil.

Junior voltou para o Brasil com o propósito de fazer os

lacres. Conseguiu um financiamento, comprou a máquina

e ali começa seus desafios.

Junior aprendeu a duras penas que precisava entender

mais sobre o processo. Com a ajuda de um investidor,

foi até a China e durante 20 dias trabalhou na confecção

de lacres. Percebeu então que no Brasil não tinha a matéria

prima que era usada na linha. Junior trouxe para o

Brasil as linhas e entregou a um químico que pudesse

entender a composição da mesma.

Muito ousado, ele desenvolveu uma tecnologia própria

e muito melhor que a tecnologia oferecida pelo

padrão Chinês. Nascia a Ecotag, a primeira empresa

a produzir localmente lacres de autenticidade no sul

do Brasil.

Em 2015, seu primeiro ano, a Ecotag passou por momentos

difíceis, uma startup de Industria é muito

diferente dos modelos tradicionais, mas a PERSIS-

TÊNCIA mais uma vez foi o triunfo para tudo que

aconteceu, a empresa deu a volta por cima e cresceu

1160% em 2016, saindo de 1 máquina para 3 equipamentos

e de 2 clientes para 240 no final do ano.

Em 2017 não foi diferente um crescimento de 456%,

ampliação de 3 para 6 maquinas e para 780 clientes

ativos. No início de 2018 a empresa adquiriu mais

maquinas passando para 10 equipamentos e já passa

dos seus 1130 clientes ativos.

Junior é apaixonado pelo que faz, e esse crescimento

exponencial de seu negócio vem sendo reconhecido.

Em 2016 foi finalista do Invativabrasil, em

2017 vencedor do prêmio Fedex pequenas empresas,

Scale-up Endeavor e Empreendedor de sucesso

2017 pela PEGN.

Um empreendedor acelerado, que põe em pratica

os planejamentos e metas. O futuro está muito bem

desenhado, Sede em SP, MG, PE com regionais dedicados

ao crescimento comercial, meta de 100 representantes

no país, além das metas para a expansão

para fora do Brasil.

O menino da favela, realmente ganhou o mundo e

com a simplicidade e humildade hoje tem uma equipe

com 24 pessoas + 76 Representantes que fazem

os seus sonhos se tornaram realidade.

Junior é um homem generoso e enxerga os talentos

nas pessoas, para ele o segredo do sucesso é fazer a

diferença na vida das pessoas.

“Tudo que eu sou devo as pessoas que aqui trabalham.”


20

EMPREENDEDORISMO

GASTRONÔMICO

A Explosão dos programas de culinária da TV, que elevaram

os chefs ao papel de celebridades, a expansão

da comida de rua com a chegada dos food trucks, ou

simplesmente o sonho de montar seu próprio negócio

estão levando cada vez mais pessoas a deixarem a segurança

de seus empregos para se lançarem como empreendedores

no ramo da gastronomia.

Para investir no setor gastronômico é necessário fazer

um alto investimento financeiro, o empreendimento

por ser de alta complexidade, requer muita dedicação e

comprometimento.

O sonho do empreendimento, às vezes, esconde riscos

em boa parte causados pela percepção distorcida da realidade.

Engana-se quem pensa que para faturar basta

saber cozinhar ou gostar de receber as pessoas em casa

e, principalmente, o mito de que os negócios de comida

estão imunes às crises.

Por Denis Scarlate – Chef de Cozinha

Abaixo algumas dicas para quem quer empreender no

segmento gastronômico:

• Defina seu público, esse deve ser o ponto de partida

para elaborar seu plano de negócios.

• Tenha um cardápio assertivo. É importante lembrar

que o cardápio precisa ser um conjunto harmonioso entre

ambiente, a comida e o serviço prestado.

• Escolha o ponto/ambiente: a definição do local diferencia

o seu empreendimento da concorrência e te deixa

mais competitivo.

• Atendimento/mão-de-obra: Os profissionais do restaurante

são o espelho do seu negócio.

Um ponto crítico do negócio é que por exigir um alto valor

de investimento, faz-se necessário uma excelente gestão

dos negócios. Infelizmente muitos restaurantes fecham

suas portas em menos de dois anos após sua inauguração.

Em momentos de crise, o empreendedor gastronômico

não pode perder a qualidade do seu produto, e para

isso precisa trabalhar com equipes enxutas, porém com

melhor divisão de tarefas. Outra alternativa é trabalhar

com cardápios menores.

Se você tem um local apropriado, um bom investimento,

um bom público e uma excelente equipe, o sucesso

é garantido.


Referência em moda há 31 anos em Mauá.

As irmãs Mari e Sueli, criaram a loja para atender uma

demanda existente, havia somente 1 shopping no ABC

e muitas pessoas saíam de Mauá para comprar grandes

marcas. A ideia era ter uma loja diferente, com roupas exclusivas,

roupas que só eram vistas em grandes desfiles.

A proposta da loja é trabalhar com marcas exclusivas,

há 31 anos vem fidelizando seus clientes. Um grande diferencial

da loja é trocar as peças com defeito independente

da marca trocar ou não, a loja se responsabiliza

pela peça comprada, garantindo assim a satisfação de

seus clientes.

Mari lembra da época que assinava os cartões de natal

de seus clientes. Ela garante que a Atualmania é mais

que uma loja, é um ambiente que reúne amigos. Hoje o

Atual Bistrô é ponto de encontro para empresários que

são clientes da loja.

Respeito pelo cliente, o pós-venda é algo que a Atualmania

aplica com maestria. Mesmo na época digital, ainda

existe clientes que compram por fichas. E isso passa de

geração a geração.

Adaptando-se às necessidades do mercado da moda há 31

anos, a loja Atualmania, em Mauá, nasce de uma junção de

ideologias diferentes, onde preza a exclusividade de roupas

e acessórios para os seus clientes com ideias e hábitos

inovadores. A partir disso, tornou-se ponto de encontro e

referência de moda entre seus clientes em todo ABC.


Montar um look de

inverno em São Paulo

pode não ser uma

tarefa fácil. Mas na

Atualmania você

encontra combinações

versáteis e exclusivas

para eles e

para elas.

23

MODA

Confira alguns looks

das melhores

marcas para você!

Atenta às tendências, a Atualmania

estuda as novidades do

mundo da moda e leva para

as mulheres o que há de mais

exclusivo, da cabeça aos pés e

para todas as ocasiões.

Com durabilidade e conforto,

para eles a atenção é sempre

nos cortes que se adequam ao

corpo, valorizando assim, as

formas masculinas.

Em outubro de 2014 surge

o Atualcafé, um anexo totalmente

dedicado à seus clientes

que buscam tranquilidade

na hora comer uma boa

e leve comida preparada na

hora. Além disso, a loja conta

com uma lounge onde podese

passar o dia trabalhando,

em reuniões, com acesso

free ao Wi-Fi.


24

AMBIENTE

EDIÇÃO 2018 DA MOSTRA

DE DECORAÇÃO DA CASA

OFICINA ABRE EM JULHO

Por Fabrízia Piotto

São Bernardo do Campo - A Casa Oficina, loja de móveis

sob medida, inaugura sua Mostra 2018 no próximo mês.

Optamos por organizar a nossa loja como uma mostra

de decoração desde 2014, quando inauguramos a nossa

primeira exposição. A ideia veio de visitas que fizemos à

Casa Cor, especialmente quando fomos os fornecedores

da arquiteta Francisca Reis.

Nossa família sempre trabalhou com móveis. Há onze

anos atuamos no mercado de móveis sob medida, dentro

do modelo tradicional. Mas quando tivemos a experiência

na Casa Cor, pensamos “porque não fazemos isso na

nossa loja?” E assim nasceu a primeira mostra, de 2014.

Diferentemente do mercado tradicional, o nosso layout

não foi pensado para encaixar o desejo do cliente nas

linhas de móveis que a loja oferece. Queremos mais,

queremos mostrar que podemos atuar em qualquer

ambiente da casa, ocupando o espaço da forma que o

consumidor traz em seus sonhos.

Na Casa Oficina o casal de noivos pode ter a casa que

sempre sonharam. Os pais podem planejar o quarto do

bebê de acordo com seu gosto. Os solteiros que moram

sozinhos podem explorar todo o espaço. A pessoa com

deficiência pode contar com acessibilidade. E os pais e

mães de pets podem incorporar seus filhotes à rotina da

casa por meio de móveis que eles sonharam.

O mesmo vale para as empresas. Cada vez mais o espaço

de trabalho é pensado de um jeito que melhora a

produtividade das pessoas. E isso também está no nosso

DNA. Na Casa Oficina é possível produzir os móveis para

o escritório que reproduzam a identidade da marca e a

cultura da empresa, transformando-os em ferramentas

de endomarketing e engajamento dos colaboradores.

Temos uma meta pessoal, muito nossa: que quando um

cliente nosso receba uma visita, surja a pergunta “onde

esses móveis foram feitos?” As marcas tradicionais impõem

ao cliente um padrão de projeto que pode ser


25

facilmente identificado por quem conhece. Já nossos

projetos buscam expressar a identidade, o sonho e os

gostos do cliente. Por isso, queremos que visita reconheça

nos ambientes montados por nós a identidade

do nosso cliente. O que nós ganhamos? Clientes cada

vez mais satisfeitos.

personalidade, ou seja, queremos mostrar que a Casa

Oficina entende a personalidade de seu cliente e desenvolve

móveis que a reflitam”, explica Flávia Pastorelli.

Com isso, cada ambiente da mostra ficou a cargo de um

arquiteto:

AMBIENTE

A exposição de 2014 ficou aberta até o final de 2017,

quando começou a reforma para instalação da nova

mostra 2018. Neste período a empresa atravessou um

forte crescimento, que coincidiu com a crise econômica

do País. Isto foi possível porque nossa loja consegue entregar

um valor único para quem nos visita.

Para produzir móveis com elevado grau de personalização

sem perder prazo nem qualidade a Casa Oficina

aplica conceitos de indústria 4.0. Nós concentramos

energia no projeto e na montagem final para o cliente, e

contamos com uma rede ampla de parceiros para produção

das partes dos móveis.

• Adriano Caetano: escritório do projetista

• Anderson Tiezzi: sala de apresentação

• Anna Paula Flaquer Nico: cozinha funcional

• Carmem dos Anjos e Larissa Wetzel: sala de jantar

• Flávia Pastorelli: vitrine

• Graziela Aguiar: closet

• Graziela Garavati: cozinha do chef

• Heitor de Andrade: sala do administrativo

• Luciane Duboc: banheiro do cliente e da equipe

• Maile Lozzano: home theater

• Marina Fracchetta: living

• Rodrigo Alves e Bruna Pugliessa: dormitório de casal

• Samantha Egle e Ivani Dolinsky: varanda gourmet

Mostra 2018

A nova mostra, que abre ao público no dia 9 de maio

deste ano, conta com a participação de 16 arquitetos. O

conceito e a curadoria da mostra ficou a cargo de Flávia

Pastorelli, arquiteta especializada em visual merchandising,

ou seja, na aplicação de conceitos de marketing ao

design do ponto de venda. “O tema da Mostra 2018 é

Venha conhecer a nossa mostra. Queremos muito mostrar

cada espaço, que foi pensado de forma muito especial

por um profissional.

Fabrízia e Jorge,

idealizadores da

Casa Oficina.


26

CONTÁBIL

COMITÊ GESTOR DO SIMPLES

NACIONAL DISCIPLINA PERT-SN

Optantes pelo regime tributário simplificado têm até 9 de

julho para aderir ao Programa Especial de Regularização

Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno

Porte optantes pelo Simples Nacional (Pert-SN). Instituído

pela Lei Complementar nº 162/18, o programa foi regulamentado

pelas Resoluções nº 138/18 e nº 139/18, do Comitê

Gestor do Simples Nacional, publicadas dia 23.

Segundo as resoluções, débitos apurados no Simples Nacional

até novembro de 2017 poderão ser divididos em

até 180 parcelas mensais de, no mínimo, R$ 50 para o Microempreendedor

Individual (MEI) e R$ 300 para as micro

e pequenas empresas. Os valores serão corrigidos pela

taxa do Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic).

O pedido de parcelamento pode ser feito até 9 de julho

pelos portais da Receita Federal, do Simples Nacionale

da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN). No

caso de dívidas relativas a Imposto sobre Operações

sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços

(ICMS) e Imposto sobre Serviços (ISS) já inscritas em

dívida ativa, o requerimento deve ser apresentado aos

respectivos Estados e municípios.

A adesão ao Pert-SN implica o pagamento de 5% do

valor do débito consolidado, sem reduções, em até cinco

parcelas mensais e sucessivas. A dívida restante, se

paga à vista, terá abatimento de 90% nos juros e 70%

nas multas. A redução será de 80% nos juros e 50% nas

multas para parcelamentos em até 145 vezes e de 50%

nos juros e 25% nas multas para pagamentos em até

175 parcelas. Todas as modalidades prevêem desconto

de 100% dos encargos legais, incluindo honorários advocatícios.

Desde o dia 02, empresas do Simples já podem parcelar

débitos inscritos na Dívida Ativa da União com a PGFN.

As condições foram estipuladas na Portaria nº 38/18, publicada

dia 27.

João Carlos Rodrigues

de Lima

Diretor do Grupo Rede

Consultoria e Contabilidade

Telefone: 4555-0990


27

CONTÁBIL

O QUE É O e-SOCIAL?

O e-SOCIAL é um Sistema de Escrituração Digital das

Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. É

uma nova forma de enviar ao Governo (Ministério do

Trabalho, Receita Federal, Previdência Social e Caixa

Econômica Federal), as informações trabalhistas, fiscais

e previdenciárias para um ÚNICO BANCO DE DADOS na

internet e foi instituído pelo Decreto 8.373/14.

Sua implantação teve início em janeiro de 2018 para

as empresas com faturamento anual superior a R$ 78

milhões e a partir de julho de 2018 será implantado para

as demais empresas, inclusive MEI, ME e EPP.

Serão mais de 40 (quarenta) tipos de arquivos diferentes,

com informações mais detalhadas sobre as relações

trabalhistas.

Antes do início, vários procedimentos precisam ser mudados,

pois haverá um detalhamento muito grande no

envio das informações. Fiquem atentos às NOVAS ORIEN-

TAÇÕES sobre os procedimentos que precisarão ser seguidos

para evitar ATUAÇÕES e MULTAS a empresa.

O eSocial reúne 15 obrigações acessórias, como o comunicado

de acidente de trabalho (CAT) e a relação anual

de informações sociais (Rais).

A migração para o eSocial deve ser bastante trabalhosa.

As empresas vão precisar atualizar bancos de dados,

adequar softwares e passar a coletar informações atualizadas

de todos seus colaboradores. Por isso é importante

se preparar desde já.

Qual a diferença para o modelo vigente

Atualmente, os empregadores já são obrigados a repassarem

informações dos seus empregados para o governo

federal. A diferença é que os dados são fragmentados.

A vantagem da unificação é que muitos destes

dados são duplicados, ou seja, é preciso enviar a mesma

informação para o INSS e o MTE. Além disso, cada órgão

tem um prazo diferente. Com o eSocial há uma unificação

de datas.

FASES DO e-SOCIAL

Para as demais empresas (quase 8 milhões) o e-Social

passa a valer em julho de 2018. A implantação vai ser

dividida em cinco fases:

Fase 1: Julho/18 Apenas informações relativas às empresas,

ou seja, cadastros do empregador e tabelas

Fase 2: Set/18: Nesta fase, empresas passam a ser obrigadas

a enviar informações relativas aos trabalhadores

e seus vínculos com as empresas (eventos não periódicos),

como admissões, afastamentos e desligamentos

Fase 3: Nov/18: Torna-se obrigatório o envio das folhas

de pagamento

Fase 4: Janeiro/19: Substituição da GFIP (Guia de informações

à Previdência Social) e compensação cruzada

Fase 5: Janeiro/19: Na última fase, deverão ser enviados

os dados de segurança e saúde do trabalhador

Órgãos públicos também devem aderir. O prazo para

eles começa em janeiro de 2019.

A Virtual Contábil conta com uma equipe especializada

nas rotinas do e-Social e está sempre a disposição dos

clientes e amigos para sempre prestar serviços de referência

no ramo.

Tatiana Sena

Coordenadora de Departamento

Pessoal

Virtual Organizações

tatiana.dp@virtualcontabil.com.br

(11) 4555-6044


28

SAÚDE & BELEZA

MERCADO MÉDICO

Medicina está há décadas entre os cursos mais concorridos

dos vestibulares e é a profissão que recebe os

maiores salários do País. Isto, por si só, já seria motivo

suficiente para dizer que o mercado de trabalho em Medicina

segue em alta, independentemente de qualquer

crise. Mas o Brasil é um país gigantesco e as oportunidades

para quem segue essa carreira não acabam, só

mudam de lugar. Enquanto certas regiões estão saturadas,

outras ainda carecem de médicos de todas as especialidades!

A profissão vem crescendo desde os primeiros registros

históricos da atividade, quando os egípcios passaram a

dominar as técnicas de mumificação. Hoje é uma ciência

moderna, que evolui a passos rápidos e chega a campos

nunca imaginados. No Brasil, o médico pode escolher

entre mais de 50 especializações possíveis, todas reconhecidas

pelo Conselho Federal de Medicina.

Os estudos fazem parte da vida do médico e essa jornada

começa muito antes de entrar na faculdade. Primeiro,

é preciso acelerar o ritmo para conseguir uma vaga num

curso de Medicina – o mais concorrido do País. Depois, o

estudante terá que encarar seis anos de graduação em

regime de tempo integral e muita, muita pesquisa e leitura

ao longo da sua formação. Terminada a graduação, já

pode atuar como clínico geral. No entanto, se quiser trabalhar

em alguma das áreas acima ainda será preciso encarar

mais dois ou três anos de especialização ou residência

médica. Depois, o médico que quiser ser bem sucedido no

mercado terá que investir em formação de alto nível, como

mestrado, doutorado ou especialização no exterior.

O mercado de trabalho para o médico é bastante diversificado.

Existem boas oportunidades de emprego em

empresas como hospitais, clínicas, clubes, centros de

pesquisa ou no serviço público. Boa parte dos profissionais

também opta por montar seu próprio consultório

particular. O mercado está aquecido. Uma pesquisa encabeçada

pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada

(Ipea) mostra que a Medicina ocupa o primeiro lugar

entre as 48 melhores profissões de nível superior analisadas

pelo estudo. É campeã em quesitos como salário,

empregabilidade e previdência – o que torna a carreira

ainda mais atraente para os jovens que estão prestes a

ingressar no mercado de trabalho.

A empregabilidade da área, segundo o Ipea, chega a inacreditáveis

97%. Isso quer dizer que praticamente não

existem médicos sem emprego no País! Os salários de

Medicina chegam a ser quase 60% mais altos que a segunda

atividade da área da Saúde mais lucrativa, ocupada

por Odontologia.

Por outro lado, tanto sucesso tem seu preço: os médicos

estão entre aqueles que têm a jornada de trabalho mais

pesada entre os profissionais de nível superior listados

pelo Ipea: 42 horas por semana. Mesmo com 470 mil

médicos na ativa, de acordo com o Conselho Federal

de Medicina, ainda há carência desses profissionais no

mercado brasileiro. Cerca de 55% de todos os médicos

do País estão na região Sudeste, especialmente nos estados

de São Paulo e Rio de Janeiro. Norte e Nordeste

têm a menor disponibilidade desses profissionais, levando-se

em conta a proporção entre o número de médicos

e o tamanho da população. Isso significa que há

um mercado e tanto para os médicos que queiram se

aventurar pelo interior do País, principalmente nas áreas

de difícil acesso ou de maior vulnerabilidade social.

Praticamente todos os dias são lançados novos editais de

concursos públicos em busca de médicos para trabalhar

em prefeituras ou em iniciativas do Governo Federal. Os

salários são bem interessantes. Médicos que também se

especializam em administração e gestão de pessoas têm

sido muito procurados para dirigir empreendimentos na

área. Diretores e gerente hospitalares, por exemplo, estão

faturando uma nota alta no mercado.

Outra dica legal é manter o radar ligado naquelas especialidades

menos procuradas. Além do menor número

de profissionais no mercado, elas podem vir a ser bastante

demandadas no futuro – o que pode ser o caso,

por exemplo, de Medicina Esportiva e Genética Médica.

Dr. Odair M Branco

Médico e Sócio-Diretor

das Clinicas, MauáClinic

e Uclin.


Trazendo o MELHOR

da Medicina mais

PERTO DE VOCÊ

Atendemos todos os convênios a

preços populares no particular.

ESPECIALIDADES

CLINICA MEDICA, ANGIOLOGIA,

CIRURGIA VASCULAR, CIRURGIA

GERAL, PROCTOLOGIA,

GASTROENTEROLOGIA, HOMEOPATIA,

ALERGIA, REUMATOLOGIA, ORTOPEDIA,

NEFROLOGIA, HEMATOLOGIA,

CARDIOLOGIA, NUTROLOGIA,

PSICOLOGIA, GINECOLOGIA,

OBSTETRÍCIA, ENDOCRINOLOGIA,

PSIQUIATRIA.

EXAMES

ULTRASSONOGRAFIA DE ABDOME

TOTAL, DE VIAS URINÁRIAS E RINS,

PRÓSTATA, DE TIREOIDE, DE PARTES

MOLES, DE ARTICULAÇÕES, MAMAS, E

TRANSVAGINAL, DE PELVE,

DOPPLER VENOSO DE MEMBROS

INFERIORES, DOPPLER ARTERIAL DÊ

MEMBROS INFERIORES, DOPPLER

VENOSO E ARTERIAL DE MEMBROS

SUPERIORES, DOPPLER AORTO-ILÍACO,

DOPPLER CAVA, DOPPLER DE

CARÓTIDAS E VERTEBRAIS, DOPPLER

DE TIREOIDE.

Unidade I

Rua Palmar, 42/114 - Centro

Ribeirão Pires/SP

Tel. (11) 4828-1134

Unidade II

Rua Laura, 457 - Vila Bastos

Santo André/,SP

Tel. (11) 4433-6455


30

SAÚDE & BELEZA

HARRY HORST WALENDY FILHO, UMA

HISTÓRIA DE 50 ANOS COM A IRMAN-

DADE DA SANTA CASA DE MAUÁ.

HW: Nosso sistema de informática está sendo desenvolvido

em parceria e nós tivemos algumas ideias de melhorias

que está sendo implantada no sistema, com isso

fomos convidados a ir no stand do parceiro para contar

nossa experiência com o sistema, e esse sistema será

disponibilizado para outros hospitais.

ER: Qual o maior desafio que a Santa Casa de Mauá já

passou?

Harry Walendy, começou a ir para a Santa Casa de Mauá

aos 6 anos de idade. Com quinze anos já participava de

reuniões, aos 18 anos começou a fazer parte do quadro

de irmãos, com 21 anos passou a fazer parte da mesa

administrativa, até o momento que foi preciso deixar a

mantenedora para assumir a gestão da Santa Casa em

2007 e em 2012 assumir a Superintendência. Passou

por vários desafios, e com muita garra e atitude, hoje

está em plena ampliação de um dos projetos mais robustos

da área da saúde do ABC Paulista.

ER: Harry, a meta da Santa Casa é que em 2020 seja reconhecida

como referência regional e em SP, o que vocês

estão fazendo para que essa meta seja alcançada?

HW: Estamos investindo em três áreas: a primeira são

pessoas e equipes, há três anos nós estamos investindo

no aperfeiçoamento do nosso corpo clínico, trazendo

profissionais de renome, além da capacitação técnica das

equipes de enfermagem e atendimento.

Um segundo investimento é para ter a capacidade técnica

para fazer as coisas, estamos investindo muito em sistema,

já temos a digitalização de imagens e exames, estamos

trazendo especialidades novas para a Santa Casa,

passaremos a fazer cirurgias cardíacas, o que estiver faltando

para sermos um hospital geral, nós iremos trazer.

A terceira área de investimento é a área de hotelaria, estamos

investindo para ter o padrão de quartos de hospitais

de São Paulo, ar condicionada, camas automáticas,

acabamentos finos, estamos privilegiando a hotelaria.

ER: A Santa Casa participou da última Feira Hospitalar,

nos conte essa experiência?

HW: Se manter aberta, esse foi o maior desafio. Ao longo

dos anos a Santa Casa nunca deixou de atender o

SUS, hoje recebemos internações por encaminhamento

da Secretaria de Saúde, e o que o SUS remunera não

paga o custo.

Em 2010 e 2011, a Santa Casa atendia mais de 60% das

consultas pelo SUS, como as contas não fechavam, tínhamos

muito prejuízo e estivemos à beira de fechar. Algo

maior nos moveu e conseguimos mudar esse quadro.

ER: No ano de 2017, você assumiu a presidência da

ACIAM, conta para nós como foi seu primeiro ano de

mandato frente a associação.

HW: Um dos grandes desafios da associação é gerar recursos

para manter a entidade sem prejudicar os associados,

e estamos trabalhando nesse primeiro ano para

conhecer e tentar retomar algumas ações que fazíamos

no passado e hoje vamos voltar a fazer.

Para se ter uma ideia, esse ano teremos a campanha de

natal, e no próximo ano teremos campanhas para o dia

das mães e dia dos namorados.

Nossa ideia é valorizar o comercio de bairro, e temos um

projeto para fazer a associação no seu bairro, queremos

levar nossa diretoria para ouvir os comerciantes e associados

para coletar as demandas e fazer uma intermediação

entre os associados e os órgãos públicos.

ER: Para você foi um novo desafio assumir esse mandado

frente a associação?

HW: Sim, eu não entro em nada só para ser, se eu entrei,

foi para fazer a diferença, para mudar a associação.

Consegui uma aproximação muito boa com todos os

outros presidentes de associação e nós temos algumas

ideias principalmente para 2019 fazer algo juntos, fortalecendo

assim as associações.


O MELHOR EM SAÚDE

ANOS

PARABÉNS

FAZENDO O MELHOR

EM SAÚDE DESDE

12/06/1966


32

SAÚDE & BELEZA

RELATO SOBRE SINDROME DE

EDWARDS, TRISOMIA 18

Por projeto de Lei da Deputada Clélia Gomes, Em 12 de janeiro de 2018

foi promulgada A Lei nº 16.653/18, que instituiu o dia O6 de maio, como

“dia nacional de conscientização da Síndrome de Edwards”, que acometem

as crianças no momento da fecundação, com a quebra do Cromossomo

18 (Trisomia 18).

Para muitas pessoas somente mais uma Lei, para os

pais de crianças sindrômicas, um fato importante, pois

as pessoas podem refletir sobre esta Síndrome, que

ocorre em cada 8.000 nascidos um nasce com a síndrome,

apesar de ser rara e a segunda mais comum.

Alguns profissionais de saúde ao diagnosticar a Síndrome

dão a notícia aos pais da seguinte maneira “Seu filho

e portador de uma Síndrome incompatível com a vida”,

não há nada a fazer.

Nos últimos 10 anos a Associação SINDROME DO AMOR,

situada em Ribeirão Preto – SP, grupo de apoio as famílias

com crianças portadoras da Síndrome de Edwards,

acompanha mais de 800 casos desta Síndrome no Brasil,

escutando profissionais da saúde como Médicos e

enfermeiros, bem como reúne famílias especiais com o

objetivo de troca de experiências.

Neste primeiro encontro para comemorar o dia de

Conscientização da Síndrome, que ocorreu no Anfiteatro

Teotônio Vilela, anexo ao Prédio da Assembleia Legislativa

de São Paulo, Palestrou a Dra. Carla, Advogada

aonde explanou os direitos da criança portadora da Síndrome,

bem como Dra. Gleyce Cobra, Pediatra Intensivista,

quando dissertou sobre como ocorre a Síndrome

bem como suas consequências.

Presentes neste encontro a Presidente da Associação

Síndrome do Amor Sra. Marilia Castelo Branco, bem

como pais, familiares e várias crianças Sindrômicas.

A partir deste movimento a qualidade de vida destas crianças

melhorou muito com o aumento de sobrevida, tornou-

-se conhecido casos de adultos com esta Síndrome.

Os pais de crianças Sindrômicas ao receberem a notícia,

“FALTA CHÃO” ficam confusos e ai vem o medo do

desconhecido, “Será que vou saber como conviver com

esta situação?” Toda criança nesta situação precisa de

cuidados especiais, remédios várias vezes ao dia, fisioterapeuta,

terapia ocupacional, médicos, enfermeiros, oxigênio,

Bipap, oxímetro, etc. E é obvio atenção 24 horas.

Depoimento de pais especiais, Cintia Targa e Rafael

Abrahão, pais de Ana Rita Targa Abrahão:

Rafael Abrahão, Drª Carla Caseline,

Drª Gleyce Cobra, Cintia Targa e Marília Castelo Branco

“Ana Rita teve sorte de nascer em um hospital de referência,

aonde ela sempre é cuidada com muito carrinho

por Dra. Gleyce Cobra.

Rafael, o pai, é totalmente presente em todas as situações,

desde dar banho, ficar acordado a noite toda, quando necessário.

Ricardo Targa, irmão de Ana Rita, está sempre ao lado

dela. Ana Rita é o orgulho da família, é risonha e muito feliz,

ela recebe todo o amor e carinho de todos os familiares.

João Sant`Anna, Ana Rita Matielo Targa Abrahão


33

TERAPIA CAPILAR, CONHEÇA

O TRABALHO DO “SENHOR CABELO”

Por Priscila Cardoso

SAÚDE & BELEZA

Pense com o que os homens podem se conformar, mas as mulheres...

Vamos te dar uma dica: Queda de cabelo dói?

Provavelmente você vai dizer: como assim?

Sim, dói e muito na alma de quem se sente impotente ao ver seus cabelos

indo embora como o vento.

Mas, Eduardo Kirmayr ou o “Senhor Cabelo” tem o tratamento.

O terapeuta capilar Eduardo Kirmayr, é mais conhecido

atualmente como Senhor Cabelo, e não é à toa. Ele simplesmente

é apaixonado pelo trabalho que realiza.

Tudo iniciou há vinte e seis anos, atuando no mercado

dos cosméticos capilares onde protagonizou a introdução

no Brasil da primeira linha italiana de colorações

hipoalergênicas (baixo teor de amônia). E, assim seguiu

seu ideal de personificar o seu trabalho buscando aprofundar

suas pesquisas na preservação e saúde do couro

capilar, com influência de marcas internacionais nas

quais pode atuar como profissional, entre elas: Shiseido-Senscience

(Japão), Shwarzkopf (Alemanha), Matriz-

-L’òreal (França), Deva Curl (USA) e Dikson (Itália).

“A pessoa que está vivenciando o processo da perda

de cabelos normalmente está muito fragilizada, triste,

se sentindo impotente diante desta trágica realidade.

E, por esta razão é preciso ouvir o desabafo da mesma

para identificar neste momento fundamental da consulta

todo o histórico da saúde do paciente. Muitas vezes

um detalhe é responsável por uma situação muito séria,

por tanto é preciso ouvir para iniciar o processo de

tratamento. Terapia capilar é a arte de personalizar o

atendimento”. – Eduardo Kirmayr

Você está precisando fazer um diagnóstico com um especialista

responsável?

O “Senhor Cabelo” está pronto para lhe atender no consultório

à rua Dr. Mario Vicente, 1735 – Alto do Ipiranga

e no Studio Eduardo Cruz, situado na rua das Pitangueiras,

689 – Bairro Jardim – Santo André.

Agende sua consulta sem compromisso através dos

contatos: 11 98225-4731 / 2914-5684.

Felicidade e bem-estar é algo que não tem preço. Seja

feliz buscando a solução para sua queda de cabelo ou

calvície com Eduardo Kirmayr.

Outras informações: www.senhorcabelo.com.br


34

DIREITO

FERNANDO

MERLINI

Advogado nas empresas

Tcmasp e Clbm.

TRIBUNAL ARBI-

TRAL – PARCELA-

MENTO DE VERBAS

RESCISÓRIAS

Como é cediço, o Brasil atravessa grave crise financeira

e, com isso, as empresas vêm enfrentado enormes desafios

para continuarem funcionando.

Um dos principais desafios é a quitação dos importes

trabalhistas devidos aos empregados por ocasião da

rescisão contratual.

Contudo, a empresa, nesse momento, enfrenta um

grande dilema, pois precisa quitar as verbas rescisórias

do trabalhador desligado e, por outro lado, precisa manter

o caixa da empresa saudável ou não possui recursos

imediatos, já que, diante de tanta instabilidade financeira,

precisa estar preparada para “chuvas e tempestades”

e é nesse ponto que o TCMASP (Tribunal Arbitral) pode

ajudar sua empresa.

Perante o Tribunal Arbitral é possível que a empresa,

desde que com a concordância do empregado, firme

acordo de parcelamento das verbas rescisórias (inclusive

da multa de 40%) e, dessa forma, consegue quitar

suas obrigações trabalhistas, sem colocar em risco a

saúde financeira da empresa.

Nesse sistema de negociação, ocorrida perante o Tribunal

Arbitral, todos saem ganhando. O empregado recebe

a totalidade de seus valores rescisórios, a empresa

consegue quitar suas obrigações, o Poder Judiciário não

fica abarrotado de questões menores, podendo se ater

a questões de maior complexidade e a sociedade consegue

circular riqueza.

Assim, caso a empresa esteja em dificuldade financeira,

é muito melhor que busque a negociação das verbas

rescisórias de seus empregados via acordo arbitral, pois

isso lhe trará maior segurança jurídica.

www.tcmasp.com.br / (11) 4044-4747

INDENIZAÇÃO POR

DANOS MORAIS EM

RAZÃO DE TEMPO

PERDIDO

É cada vez mais comum perdermos muito tempo em ligações

junto às prestadoras de serviços, seja para conseguirmos

alterar algum produto, ou em decorrência

de cobranças indevidas (ou, por vezes, devida).

Muitas vezes nos conformamos e consideramos esse

tempo gasto como tempo perdido. Mas somos nós

quem devemos arcar com essa perda de tempo? Não!

Defendemos que o tempo é um bem precioso, e não

pode ser desperdiçado por conta da desídia do prestador

de serviço, tese essa cada vez mais aceita pelo

Judiciário.

Recentemente, o Juiz Eduardo Perez Oliveira, de Fazenda

Nova, GO, condenou a empresa Claro por ter tomado

o tempo da cliente, que ao longo de alguns anos,

teve de fazer dezenas de reclamações para corrigir o

serviço prestado no plano empresarial contratado.

Dr. Eduardo destacou: “Óbvio que ela não descartava a

ocorrência de eventuais erros, mas ela esperava, como

qualquer um de nós espera, uma prestação de serviço

eficaz, que não demande ajustes mensais por coisas

triviais (...) O tempo lhe pertencia para gastar como lhe

aprouvesse, mas esses momentos foram subtraídos

pela reiterada conduta displicente da parte ré, que,

mesmo depois de tantos equívocos, não se importava

com mais um consumidor prejudicado”.

O excesso por parte das prestadoras de serviços, que

chegam a ligar para os clientes, devedores ou não, dezenas

de vezes em poucos dias, subtraindo o tempo

daquele que, muitas vezes, sequer é devedor, passou a

ser condenado pelos nossos Tribunais, gerando indenizações

que variam de R$ 7 mil a R$ 15 mil.

www.clbm.com.br / (11) 4044-6838


35

CRIMINALIDADE NÃO

CONVENCIONAL

DIREITO

A tendência evolutiva da delinquência faz eclodir atitudes

e atividades antissociais desconhecidas até bem

pouco tempo atrás; ou seja, àquelas as quais o cidadão

tido como comum, não estava habituado a tomar conhecimento

em seu cotidiano.

Com o decorrer dos anos, o amadurecimento da sociedade

e a concentração de riquezas criaram o que hoje

se chama de “criminalidade não convencional”, isto é, de

acordo com Luiz Flavio Gomes (1), “manifestações delinquentes

que, nos dias atuais, não fazem parte, ou não

faziam, da rotina investigativa da polícia judiciária ou da

praxe forense criminal”.

Referência esta à delinquência econômica, financeira e

tributária, o crime do colarinho branco, crime organizado,

etc….

Segundo o Manual de Apresentação quando da criação

no ano de 2009, do Departamento de Polícia de Proteção

à Cidadania de São Paulo, (DPPC)(2), essas modalidades

criminosas geram um sentimento de impunidade

no seio social, certamente por causa da aparente licitude

dos fatos cometidos por empresários, da complexidade

organizacional e operacional, do distanciamento entre

agentes e vítima (devido ao acobertamento pela pessoa

jurídica de quem a representa e por se fazer representar

por prepostos), a pouca repercussão social comparada

aos crimes contra a vida e contra o patrimônio, a imagem

favorável do agente (associada ao sucesso), o sentimento

de impotência da vítima frente à organização

empresarial e a descrença nas autoridades constituídas.

Igualmente, no campo da proteção ou defesa do consumidor,

do meio ambiente e da proteção contra os maus

tratos de animais, saúde pública, entidades públicas e

privadas, líderes comunitários e políticos preocupam-se

em mudar esse estado de coisas.

Procons, sociedades de amigos de bairros, associações

de donas de casa ou de proteção do consumidor, organizações

não governamentais as mais diversas e até os

profissionais isoladamente considerados, como o jurista,

o economista, o psicólogo, o sociólogo, o professor e,

naturalmente o empresário e o consumidor, além da importante

e significativa atuação das diversas Comissões

das Subseções da OAB/SP, visam estabelecer a ordem

e a estabilidade sociais. E a razão é óbvia, (prossegue o

Manual do DPPC): “todos nós somos, em maior ou menor

grau, destinatários das benesses do meio ambiente

e das relações comerciais e, como tais, consumidores de

bens e serviços todos os dias”.

Por tudo quanto exposto, foi a Polícia Civil de São Paulo,

através de suas especializadas, designada como orientadora

à população sobre seus direitos fundamentais,

corrigindo eventuais abusos cometidos nas searas já

enunciadas e, durante a persecução penal de sua competência,

subsidiar o Ministério Público e o Poder Judiciário

de conjuntos probatórios hábeis, sempre em prol

da coletividade.

Rafael Rabinovici

Graduado pela Faculdade de Direito

de São Bernardo do Campo,

ex-delegado de polícia – classe

especial, é sócio da Ferreira e

Santos Advogados responsável

pela área criminal.


36

EVENTOS

18º. MEETING DE GESTÃO

CORPORATIVA DO ABC-

O GESTOR COMO DESIGN THINKER

O desafio de expandir a mente para o futuro no Trabalho e na Vida.

Promovido pela AGERH- Associação de Gestores de Recursos

Humanos, o 18º. Meeting contou com a presença

da orquestra de crianças e adolescentes do Projeto Locomotiva

do Parque João Ramalho que abriu com perfeição

o evento. Como palestrante, Eduardo Carmello, Diretor

da ENTHEUSIASMOS CONSULTORIA EM TALENTOS HU-

MANOS; Docente da FGV-SP: MBA Gestão Estratégica e

Econômica de Recursos Humanos; Professor convidado

da PUC RS: MBA Gestão, Empreendedorismo e Marketing

- Design Thinking; Service Design Sprint Manager; Coach

certificado pelo ICC – International Community Coaching

(Lambent do Brasil); Co idealizador do projeto “Café Insights”.

Autor dos livros Gestão da Singularidade: alta

performance para equipes e líderes diferenciados, Resiliência:

a transformação como ferramenta para construir

empresas de valor, e supere: a arte de lidar com as adversidades;

8 Indicações ao TOP 5 do prêmio Top of Mind de

Recursos Humanos Condecorado como “Empreendedor

RH 2016” pelo Grupo Gestão RH; e para apresentar um

case de sucesso, Carmello trouxe Flavio Maneira, executivo

com carreira desenvolvida nas empresas Novartis,

ScheringPlough e Biolab Farmacêutica. Esteve à frente

dos principais projetos em T&D de áreas como Specialty

Care, Cardiológica e outras de relevância na área médica

e farmacêutica. Atualmente é responsável pelo treinamento

(commercial capabilities) da divisão MITG e RTG da

Medtronic, líder mundial no setor de “Medical Devices”.

Professor da FGV-MBA e pós-graduação da Faculdade de

Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Em forma de bate papo, Eduardo Carmello conduziu

com maestria a palestra apresentando os conceitos e

aplicabilidades diárias do Design Thinking e como todo

gestor pode se beneficiar da ferramenta. Segundo Carmello,

o design thinking pode e deve se mesclar ao pensamento

tradicional, ou seja, não devemos esquecer

tudo o que aprendemos, mas sim, agregar a ferramenta

de modo a melhorar nossa capacidade e incrementar os

negócios. “O design thinking, veio para mexer com a forma

de pensar do gestor, produzir empatia, conhecimento

e experiências de transformação,“completa Carmello.

Para Flavio Maneira, que apresentou o case da Meditronic

utilizando o design thinking, a obsolescência barra o

crescimento e o conhecimento. Por outro lado, também

os impulsionam. “Estamos partindo para um modelo

colaborativo, de co-aprendizado, de mudança de mindset,

de entendimento do futuro. É disso que o design

thinking trata. Entender esse processo sistemático de

forma profunda é o que vai garantir o sucesso das organizações”,

afirma Maneira.

Parte da renda obtida nesse evento será destinada

como doação em prol da CASA - Comunidade de Amparo

Social Asilar, que fica em São Bernardo. A entidade

abriga cinqüenta idosos, sendo que, boa parte deles não

recebe visita de familiares há anos.

Em todos os Meetings realizados pela AGERH há a ação

social em benefício de uma entidade, sendo um dos valores

da Associação no intuito de difundir a prática da

solidariedade e da ação humanitária.

Sobre a AGERH:

A AGERH é uma Associação sem fins lucrativos trabalhando

com conteúdo, cultura, informação, desenvolvimento

e relacionamento humano.

Nossos objetivos vão de encontro às inovações em gestão

de pessoas e à integração do Homem em todas as

áreas da sua vida.


37

CAKE FEST MAUÁ

EVENTOS

Evento reuniu mais de mil visitantes em um único dia

em Mauá.

A Cake Fest Mauá edição maio/2018 foi um sucesso.

O evento reuniu mais de mil pessoas em um único dia

no salão da Associação dos Aposentados de Mauá. Os

participantes puderam assistir 8 aulas e receberam certificado

pela participação. Vários expositores estavam

à disposição do público, era possível fazer compras de

produtos para festas a um valor promocional para o

evento. As crianças tiveram um momento especial com

uma oficina Kids.

Expositores dessa edição:

Alê Doces, Aroma Dolce, Ateliê Ana Ramalho, Ateliê

Butterfly, BelaBhell Bolos e Doces, Cereja Doces, Chocobelha,

ChocoDikas, Criar é Arte, D&S Personalizados,

Delicias da Bruna, Di Mony, Doce Ateliê Lua Rodrigues,

Doce Mania, Doces NK, Espaço ALJ, Fabi Arts, Hosana Feast,

Iceberg Chef, JR Corte e Vinco Embalagens, La Dolce

Milly, Ma Belly, Magic Cake, MC Formas para panificação,

Mi Manda Bolos e Doces, Neka de Larcerda, Palácio Decor

Festas, Regiane Tortelli Doces e Salgados, Rossi Pan,

Simone Gonçalves, Só Rizzo Pipoca Gourmet, Sugar Art

O idealizador do Evento, Felipe Eduardo informou que a

próxima edição da Cake Fest Mauá será em novembro

desse ano, para quem quiser se inscrever e expor seus

produtos, o telefone é (11) 97355-0189.


38

CASE DE SUCESSO

AUTO POSTO ROBERTO COMPLETA

38 ANOS DE ATUAÇÃO EM MAUÁ

O empreendedorismo no Brasil, seja qual for o ramo de

exploração comercial, é atividade delicada e burocrática,

sobretudo, de grande responsabilidade.

O visionário que intenta ser empreendedor, além do seu

instinto idealista, precisa contar com as suas mais diversas

qualidades, enquanto ser humano e cidadão, para administrar

de forma consciente e eficiente o seu negócio.

Em meio a um mercado volátil e de grande concorrência,

como não poderia deixar de ser, um posto de combustíveis

deve buscar, por meio do seu trabalho, um

equilíbrio entre sua sustentação e lucratividade, aliado

ao competente atendimento ao consumidor e ao exercício

da sua função social, enquanto empresa fornecedora

de um produto essencial. Nesse sentido, não se pode

deixar de destacar o importante papel desempenhado

pelo Auto Posto Roberto Ltda durante a crise de abastecimento

de combustíveis a qual atravessamos neste

primeiro semestre de 2018, em razão da greve dos

caminhoneiros por todo o país, aonde, com sensatez e

compreensão das necessidades da comunidade brasileira,

o Auto Posto manteve sua política de preços, buscando

atender a todos os seus clientes de forma justa e

transparente.

Diante deste cenário é que o Auto Posto Roberto Ltda

(hoje com 3 unidades na cidade de Mauá, sendo a unidade

1 situada na Avenida Capitão João, número 810, Vila

Vitória; a unidade 2 situada na Avenida Barão de Mauá,

número 2204, Jardim Maringá; e a unidade 3 estabelecida

na Rua Clarisse Jesus Lázaro Bedeschi, número 153,

Parque São Vicente), com entusiasmo e satisfação, comemora,

neste ano de 2018, seus 38 anos de prestação

de serviços à população da cidade de Mauá.

É cediço que o sucesso de um negócio depende de uma

série de fatores que, em conjunto com o trabalho honesto

e bom caráter do seu gestor, conduzem à longevidade

e saúde da empresa. No ramo de fornecimento

de combustíveis, a primazia se pauta na qualidade do

produto ofertado. Por esta razão é que o Auto Posto

Roberto Ltda, desde sua fundação (em 1980), trabalha

apenas com combustíveis Petrobrás, passando sempre

por rigorosas inspeções e auditorias, para atender aos

mais elevados padrões de excelência na prestação de

serviços ao consumidor.

É por esta razão que, com amigos colecionados e a certeza

e convicção de um caminho reto a seguir, o Auto

Posto Roberto Ltda vem agradecer a todos os seus clientes

e amigos, e à toda a comunidade mauaense, pelos

38 anos de parceria, confiança e preferência, desejando

sempre continuar correspondendo aos seus clientes

com bons serviços prestados à credibilidade recebida.

Conte conosco!


39

A IMPORTÂNCIA DO

BALANÇO SOCIAL PARA

AS EMPRESAS

A NBC T 15, aprovada pela Resolução CFC 1.003/2004,

trata dos procedimentos para evidenciação de informações

de natureza social e ambiental, com o objetivo de

demonstrar à sociedade a participação e a responsabilidade

social da entidade.

EMPREENDEDORISMO SOCIAL

No Brasil, o uso do Balanço Social, ou Relatório de Sustentabilidade

Social pelas organizações, como uma forma

de prestação de contas à todos seus stakeholders,

vem crescendo, principalmente nos últimos anos.

Por meio do Balanço Social, as empresas declaram importante

comprometimento com seu papel na responsabilidade

social e desenvolvimento da sociedade, que

vão muito além dos lucros.

Os benefícios observados se estendem à todos os stakeholders,

desde colaboradores, que passam a atuar com

base nos princípios transmitidos pelas empresas, até

fornecedores e sociedade em geral.

Dentre os benefícios para as empresas, podem ser citados

a melhoria da imagem, reputação da marca e a

transparência na atuação, que melhora o índice de confiabilidade

pelos consumidores.

O Balanço Social é comumente utilizado como ferramenta

de gestão e acompanhamento da atuação social

das empresas, e pode apoiar, ainda, a avaliação, análise

de mercado e investidores sobre a solidez e risco das

empresas.

Divulgado anualmente, deve conter todos os projetos e

ações sociais conduzidos pelas empresas, inclusive com

indicadores esperados dessas ações.

No Brasil existem três modelos padrão de balanço social,

que visam orientar quais as informações mínimas

necessárias a serem publicadas para conferir transparência

à atuação das empresas. Esses modelos são

propostos pelo Instituto Brasileiro de Análises Sociais e

Econômicas – Ibase, Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade

Social e Global Reporting Initiative (GRI).

(11) 2500-3086 | (11) 9 9624-7326

Rua General Osório, 62 - sala 3

Vila Bocaina - Mauá / SP

/institutoensina

Redes sociais

@institutoensina

A sustentabilidade deve ser vista como uma oportunidade

para as empresas, que ganham visibilidade, valor

e engajam toda sua cadeia de valor.


40

ENTRETENIMENTO

EMPRESÁRIO DO

ENTRETENIMENTO

Joaquim, mais conhecido como JUJU ou JUJU Bonita, resolveu

atuar no entretenimento desde muito novo. Nascido em São

Caetano do Sul é filho da de uma costureira e de um caminhoneiro,

pais guerreiros que nunca deixaram nada lhe faltar.

Começou sua trajetória aos 16 anos atuando como promoter

de uma casa de shows na cidade de Mauá e na TV com a Nany

Venâncio, passou por vários programas de auditório e hoje

atua na Rede TV como animador de plateia e repórter do portal

da emissora. Juju também atua como produtor é muito querido

entre os famosos da emissora.


42

SOCIAL

ACONTECEU NO ABC

PALESTRA LEANDRO KARNAL - ACISCS

Empresa Integrar na palestra Leandro Karnal

Aparecido Viana (Viana Negocios Imobiliários)

Palestra Leandro Karnal

NOITE ÁRABE - LIONS SANTA MARIA

Companheiros Lions

Ligia e Wlater Estevam marcam

presença em noite Árabe

Sueli Camargo, presidente

do Lions Santa Maria

COMEMORAÇÃO DE 1 ANO DO BLOG TOTALMENTE DEMAIS

Marcelle Barkauskas

Marcelle Barkauskas

Comemoração de 1 ano do Blog Totalmente Demais com

a artista e blogueira Marcelle Barkauskas

ARRECADAÇÕES DE COBERTORES

Entidades Beneficentes e Integrantes do Núcleo de Ação Social

Campanha Cobertor Novo -

Ação Social Aciscs


OS NOVOS ASTROS DA CASA

Crunchwrap

Supreme

Horário de atendimento:

18h às 23h

Taça Scobar

Avenida Portugal, 173

Mauá - SP

scobar-tex-mex

@scobartexmex

More magazines by this user
Similar magazines