Revista Carta Premium - Oitava Edição

revistacartapremium

Nesta edição: bebidas brasileiras premiadas no final de 2018, retrospectiva 2018, receitas de drinques de verão, entrevista especial com finalista do Bacardí Legacy e muito mais!

In Praesentia

DE MG PARA O ES

A Cachaça Santa Terezinha é outro exemplar

de muito requinte, tradição e primazia. Começou

a ser produzida por imigrantes italianos que

chegaram ao Brasil em 1895 e se instalaram na

região do Vale do Canaã, em Santa teresa, no

ES. “Eles já tinham produzido grapa na região

de Emilia Romanha na comunidade de Codigoro.

Na verdade vieram com a finalidade do plantio

de café. Começaram a produzir aguardente

por volta de 1917, mas o primeiro registro é de

1943. A imagem principal foi feita a partir dos

anos de 1970. A diversidade de sabores e a alta

qualidade adquirida com estes anos de produção

proporcionaram aos consumidores bebidas com

sabor superior”, detalha Adwalter Menegatti atual

produtor e Mestre de Adega.

A destilaria Canto do Sabia onde é produzida a cagustação

às Cegas da Expocachaa 2018. É produzida no

município de Lavras.

“A Cachaça Bocaina preza em sua produção a qualidade

da matéria-prima (cana-de-açúcar), que só é processada

quando atinge o índice de maturação (IM) ideal. A fermentação

é realizada por leveduras selecionadas no próprio

microclima da fábrica e a destilação em alambique de cobre.

Além de se associar a tecnologia ao processo artesanal,

o conhecimento, a dedicação e o carinho na produção

são os ingredientes principais para se obter um produto de

qualidade” afirma Luciane Reis Sales, responsável técnica

e sócia-proprietária. “Nossa história se iniciou de uma forma

simples e se tornou o negócio da família. Além de experiências

anteriores no setor sucroalcooleiro, a inspiração

para a criação da Bocaina foi o movimento de valorização

da cachaça pelo governo de Minas Gerais neste período,

além da paixão por se apreciar uma legítima cachaça mineira

de qualidade”, complementa.

Presente em empreendimentos de referência como

Confidências Mineira (em Tiradentes, MG), Cachaçaria

e Empório do Dedé (em Manaus, AM), Empório

Lidador (Rio de Janeiro, RJ), a empresa tem

na linha as versões Cachaça Bocaina Jequitibá,

Cachaça Bocaina Castanheira e Cachaça Bocaina

Bálsamo, além da versão pura (não envelhecida),

licores e reservas especiais. Entre os destaques

está a Jequitibá, que foi lançamento da empresa

no primeiro semestre do ano.

“A Cachaça Bocaina Jequitibá apresenta graduação

alcoólica de 42%. Descansa por 2 anos em

dornas de jequitibá, madeira neutra que não dá

cor nem sabor amadeirado, conservando suas características

originais, sendo possível sentir o leve

aroma adocicado da cana. Essa bebida, além de

ser uma ótima opção para se apreciar pura, pode-

-se também fazer caipirinha, drinques e também

ser utilizada na culinária, uma vez que ela harmoniza

muito bem com frutas e carnes”, enfatiza

Luciane.

Aos interessados em uma visita para conhecer de

perto todo o valor agregado que cerca a bebida, a

Cachaça Bocaina é considerada pela Prefeitura de

Lavras como ponto turístico da cidade. “Recebemos

visitantes do mundo inteiro para conhecer a

produção e degustar a cachaça direto dos tonéis.

Além da cachaça e dos licores, trabalhamos com

doces, café, queijos e artesanatos produzidos na

região”, finaliza.

Mais informações pelo telefone (35) 3821-6895,

pelo e-mail cachacabocaina@yahoo.com.br e na

página da empresa na web, no endereço www.cachacabocaina.com.br

.

28

More magazines by this user
Similar magazines