Revista Carta Premium - Oitava Edição

revistacartapremium

Nesta edição: bebidas brasileiras premiadas no final de 2018, retrospectiva 2018, receitas de drinques de verão, entrevista especial com finalista do Bacardí Legacy e muito mais!

Grand Première

Blauer Berg (SC)

DESTAQUE: Blond, Medalha

de Prata na Copa Cerveja

Brasil. Com teor alcoólico

de 6,3%, ela traz o sabor

marcante das leveduras belgas

e delicadas notas de tutti

frutti.

Outras premiações:

- Robust Porter: Medalha

de Bronze na Copa Cerveja

Brasil

- Headspace Oak Aged: Medalha

de Bronze na Copa Cerveja Brasil

Bodebrown (PR)

DESTAQUE: Sour Punk (Wild),

Certificado de Excelência (Certification

Of Excellence) no Brüssels

Beer Challenge 2018

Outra premiação:

- Wee Heavy Au Syrah: Medalha de

Bronze no Brüssels Beer Challenge

2018

Cervejaria Portoalegrense (RS)

- Rauchbier: 2o Lugar como “Best

of Show” na Copa da Cerveja POA

2018; Medalha de Ouro na Copa

da Cerveja POA 2018. Essa puro

malte harmoniza muito bem com

provolone, porco, bacon, embutidos,

feijoada, costelinha suína,

frango na brasa, javali, pimentão

recheado, pizza calabresa, salmão

defumado e truta defumada.

Chaos Brew (SC)

- Let’s Put a Smile on Your Face:

Medalha de Prata na Copa da Cerveja

POA 2018. Essa West Coast

Pale Ale, com teor alcoólico de 4,8%

e 30 IBU, leva dry hopping e 11

gramas por litros do lúpulo Mosaic.

Cozalinda (SC)

DESTAQUE: Pedras do Itaguaçu

Framboesa, Medalha de Prata na

Copa da Cerveja POA 2018. Essa

cerveja foi criada para lembrar o

aroma e o sabor da belga Lambic.

A receita é uma das principais do

estilo Sour da empresa.

Outra Premiação:

- Macacada: Medalha de Bronze

na Copa da Cerveja POA 2018

Edelbrau (RS)

- Altbier: Medalha de Ouro na Copa da

Cerveja POA 2018. É produzida com a

levedura do tipo ale, porém com uma

temperatura de fermentação típica de

uma lager, que a deixa mais suave do

que as ales tradicionais.

64

More magazines by this user
Similar magazines