edição de 27 de maio de 2019

boccatto

mídia

“Somos uma

marca referência

no universo

feminino”

Divulgação

Desde março, o GNT adota um novo

posicionamento: Gente inspira GNT. O canal

pretende evoluir o conceito de feminino

relacionado à mulher para um pensamento

mais amplo, ligado às pessoas. Nesta entrevista,

Leonardo Moura, gerente de produto e planejamento

de mercado do GNT, Viva e Mais Globosat, fala

sobre essa mudança e também sobre a integração

de conteúdo com a área comercial.

Leonardo Moura, gerente de produto e planejamento de mercado do GNT

MARINA OLIVEIRA

PoSicionamento

Buscamos inspiração no próprio

DNA do canal. Somos uma

marca referência no universo

feminino e comportamentos da

sociedade. O Gente inspira GNT

é uma evolução disso, é um

pensamento mais amplo e mais

ligados a pessoas. Faz parte da

essência do canal contar histórias,

sejam elas de pessoas ou

de marcas. Esse novo posicionamento

reflete isso.

mudança de targetS

Somos uma marca inserida

no segmento de estilo de vida,

e a nossa evolução ocorreu em

sintonia com as mudanças ao

nosso redor. Sempre tivemos

o público feminino no nosso

DNA. Mas entendemos que o

feminino vai além do gênero.

Podemos ver isso em diferentes

segmentos, desde beleza,

alimentos, automotivo e até

produtos financeiros. Se posicionar

como um canal voltado

para mulher nos parecia deslocado

e simplista. Pesquisamos,

estudamos e nos aprofundamos

para falar com propriedade.

Chegamos ao novo conceito

“gente” e isso independe

do gênero que nascemos e nos

identificamos. Legitimamos

esse conceito nos programas,

nos estudos que compartilhamos

com o mercado e em nossa

comunicação. O nosso foco é o

público. A marca GNT é voltada

às pessoas. A gente olha para

a nossa audiência e entende

como precisamos nos comunicar.

É natural que a gente provoque

a evolução. O GNT precisa

trabalhar como uma ponta

de segmento. A gente é o espelho

da audiência, mas também

quer mostrar o que está vindo.

evolução comercial

A nossa proposta de valor

sempre foi a mesma: gerar soluções

de negócio para os anunciantes.

Dentre os formatos,

destacamos o branded content,

que acompanha os hábitos das

pessoas e a evolução dos meios.

As necessidades de cada marca

precisam ser contextualizadas

para o momento em que estão

em suas campanhas. Preferimos

falar em branded context.

Hoje, temos também o digital,

que complementa essa jornada,

conversando com a audiência

e, quando é o caso, instigando

o consumidor a interagir direto

com o anunciante.

FormatoS

Quando pensamos um funil

de mídia, o GNT se encaixa em

todas as etapas. Como somos

segmentados, se tem um anunciante

que precisa gerar relevância,

a marca é pertinente

para gerar awareness. Mais do

que um publisher, temos valores

que são conhecidos pelo

nosso público. A gente dá um

endosso de qualidade e gera

uma percepção de confiança.

“Faz parte da

essência do canal

contar histórias,

sejam elas de

pessoas ou de

marcas”

Também construímos conteúdo

com as marcas. Isso pode

acontecer tanto na nossa programação

linear na TV, como

no digital.

criação no digital

Em termos de conteúdo customizado,

o digital tem a vantagem

de não ter uma grade de

programação fechada. Temos

um compromisso de gerar visibilidade

e trabalhamos com

o view garantido. Além dos canais

do YouTube, as redes sociais

estão presentes em todas

as nossas ofertas comerciais.

ParceriaS recenteS

Os formatos customizados

continuam se destacando e

crescendo, tanto na TV como

no digital. Vivemos na publicidade

a era do conteúdo, é com

ele que a marca se comunica

com a audiência. Ele ganhou

uma relevância, pois a gente

conquista o consumidor em um

momento de conversa. E, assim,

gera engajamento. No caso

da Seara Gourmet foi um modelo

de cocriação. A necessidade

era trazer momentos gourmet

para o cotidiano, para ter uma

experiência gastronômica melhor.

Fizemos um dia inteiro de

cocriação, com método de design

thinking e identificamos o

Claude como embaixador ideal

do projeto. O projeto engloba

break falsos, programetes e

conteúdo para o canal do Nhac.

Já o projeto do T-Cross foi um

pouco diferente. A Volkswagen

nos procurou, eles precisavam

falar com a mulher urbana e

contemporânea. Eles buscaram

no Saia Justa o território e

a adequação editorial para falar

disso sem cair no clichê. Foi

uma demanda mais convencional,

mas que mostra a maturidade

do anunciante em escolher

o Saia Justa e a capacidade

do programa em absorver esse

tipo de projeto comercial.

Futuro

O Casa GNT, no YouTube,

tem um crescimento consistente,

com consumo relevante e entendemos

que tem potencial de

crescimento. O Nhac também

caminha para sua consolidação

como um dos principais players

de culinária do Brasil. Continuamos

abertos à cocriação e temos

interesse em criar com o anunciante.

O GNT como publisher

reconhece as marcas como um

produtor de conteúdo, seja de

um comercial de 30 segundos,

seja para um projeto maior.

64 27 de maio de 2019 - jornal propmark

More magazines by this user
Similar magazines