*Julho/2019 - Revista Produtos de Madeira 50

jota.2016

Entrevista

26

Como o design e a arquitetura tem

encarado o debate sobre o uso de

materiais sustentáveis na construção

civil e na decoração de interiores?

Quando se faz uma análise dos

materiais utilizados nas últimas décadas,

tanto na execução de obras, nos

projetos de arquitetura assim como

no design dos espaços internos, se

evidenciam mudanças de tendências e

soluções adotadas resultantes da escassez

de alguns materiais, assim como

da maior conscientização, por parte

dos atores envolvidos, em relação à finitude

dos recursos naturais. O debate

ganha importância na medida em que

legisladores, consumidores e especificadores

percebem o impacto gerado

pelo consumo e gestão inadequada dos

materiais. Pode-se considerar que a utilização

de materiais renováveis tem se

dado de forma mais frequente, porém

ainda insuficiente quando se observam

os níveis de sustentabilidade no setor.

Qual tem sido o impacto do conceito

do ‘design sustentável’ no merca-

do da arquitetura brasileira?

O mercado da arquitetura brasileira

se desenvolve, de forma gradual, em

um processo de adequação às novas

tecnologias e procedimentos sistêmicos

que visam melhoria ambiental.

A aplicação do conceito do “design

sustentável”, adotando processos de

sustentabilidade desde a concepção,

construção e operação dos edifícios e

do planejamento das cidades, impacta

diretamente no setor, com ganhos na

medida que promovem ações sustentáveis

a partir do design.

Com essa tendência ecológica na

arquitetura e no design, houve uma

mudança no comportamento dos

consumidores?

Pode-se afirmar que não se trata

mais de uma tendência, mas sim de um

caminho estabelecido que se revela no

comportamento dos consumidores.

Inúmeros estudos demonstram que os

consumidores estão atentos aos impactos

ambientais negativos decorrentes

da má utilização da matéria-prima

assim como a valorização, perante os

mesmos, das empresas com responsabilidade

socioambientais. Na área da

arquitetura e da decoração, estratégias

sustentáveis agregam valor aos novos

empreendimentos, indo de encontro

ao aumento da demanda por produtos

“eco-friendly” resultando em consumo

responsável.

No caso da madeira, quais são as

vantagens de usar esse material na

construção e na decoração?

Na construção civil, são inúmeras

as vantagens do uso da madeira (leveza,

versatilidade, durabilidade, ótimo

desempenho estrutural, entre outros),

porém cabe aqui destacar que a madeira

é matéria-prima renovável, sendo

um dos poucos materiais de construção

de origem natural. Contudo, mesmo

com vantagens evidenciadas a sua aplicação

ainda é limitada em decorrência

da pouca qualificação de mão de obra

e a carência de informação em relação

à matéria-prima de qualidade e certificada.

Já no segmento da decoração, o

cenário é um pouco distinto, sendo a

madeira e seus produtos derivados pro-

More magazines by this user
Similar magazines