RCIA - ED. 101 - DEZEMBRO 2013

tvcomercioeindustria

PRESERVAR O QUE É BOM

ABUD TOMA POSSE NO

COMPPHARA

O empresário Roberto Abud é o

representante da ACIA no

conselho que cuida do nosso

patrimônio histórico. A posse

ocorreu no dia 29 de novembro.

Os membros do Compphara têm uma

importante missão: cuidarão do programa

de Preservação do Patrimônio Histórico,

Arquitetônico, Paleontológico, Etnográfico,

Arquivístico, Bibliográfico, Artístico, Paisagístico,

Cultural e Ambiental do Município.

Formado por 20 membros titulares e suplentes

de diversas entidades públicas, associações,

sindicatos, entre outras, esse conselho

terá mandato de 3 anos.

Os objetivos do chamado Comppharaconstituem

em adoção das medidas para a

defesa do patrimônio histórico, artístico e

cultural do Município, cuja conservação se

imponha em razão de fatos históricos, de

seu valor folclórico, artístico, documental

ou cultural, bem como dos recantos paisagísticos

que mereçam ser preservados.

O vice-prefeito e coordenador de Mobilidade

Urbana, Coca Ferraz, em nome

do município, disse na oportunidade que os

conselhos mostram o nível de desenvolvimento

do município e o exercício da democracia

em sua plenitude. “Araraquara conta

com vários conselhos que auxiliam as políticas

do Executivo e também o Legislativo”,

afirmou.

Para o secretário de Cultura e presidente

da ACIA, Renato Haddad, o conselho assume

o importante papel de preservar a história

e a memória de Araraquara.

Roberto Abud durante o evento

“A cidade conta com os membros do

Compphara para que eles tragam conhecimento

para a cidade poder continuar a se

desenvolver com responsabilidade”, disse.

O vereador Roberval Fraiz, representando

a Câmara Municipal, parabenizou os novos

membros do conselho e elogiou a atuação

de Haddad frente à Secretaria de Cultura do

município.

Entre as atribuições do Conselho estão:

formular diretrizes para a política de valorização

dos bens culturais, históricos, artísticos

e paisagísticos no Município, e deliberar

sobre o tombamento de bens móveis e imóveis

de valor histórico, ambiental, cultural,

arqueológico, etnográfico, paisagístico, arquivístico

ou bibliográfico, artístico ou arquitetônico,

existentes no Município, bem

como estabelecer os limites da região de

preservação.

O empresário Roberto Abud foi escolhido

para ser o representante da ACIA neste

conselho e segundo ele, é uma missão muito

importante pois ela como entidade de classe,

deve participar das políticas públicas, visando

naturalmente contribuir com o desenvolvimento

e a preservação da cidade.

Coca Ferraz

falando aos

membros do

conselho disse

da importância

do órgão na

história da

cidade

- 56 -

More magazines by this user
Similar magazines