26.05.2020 Views

*Maio/2020 Revista Produtos de Madeira 54

You also want an ePaper? Increase the reach of your titles

YUMPU automatically turns print PDFs into web optimized ePapers that Google loves.

ESPECIAL

ENTREVISTA

Bernardo Costa

Construção • Arquitetura • Design • Marcenaria • Paisagismo • Decoração

Sustentabilidade

Sobra de madeira da

Floresta Amazônica

viram mobiliário

COVID-19: Sistema wood frame constrói hospital em 40 dias


www.sincol.com.br

sincol_sa

SincolSA

Construção • Arquitetura • Design • Marcenaria • Paisagismo • Decoração

Editorial

ESPECIAL

ENTREVISTA

Bernardo Costa

Temos a

porta ideal

para seu

projeto

A Revista Madeireira da Construção www.produtosdemadeira.com.br

Sustentabilidade

Sobra de madeira da

Floresta Amazônica

viram mobiliário

Acesse nosso site e

nossas Redes Sociais e

conheça mais dos

nossos produtos

A capa desta edição da

revista traz a imagem

da Pacajá Móveis

com Origem

(49) 3561-5000

Ano XII• N.54 • Maio 2020

COVID-19: Sistema wood frame constrói hospital em 40 dias

Ano XII / Edição n.º 54 / Maio 2020

EXPEDIENTE

JOTA EDITORA

Diretor comercial: Fábio Alexandre Machado

fabiomachado@revistareferencia.com.br

Diretor executivo: Pedro Bartoski Jr

bartoski@revistareferencia.com.br

Redação:

jornalismo@produtosdemadeira.com.br

Lídia Ferreira

Projeto Gráfico: Fabiana Tokarski - Supervisão

Fabiano Mendes

Crislaine Briatori Ferreira

criacao@revistareferencia.com.br

Depto. Comercial: Gerson Penkal, Jéssika Ferreira,

Tainá Carolina Brandão

comercial@produtosdemadeira.com.br

Fone: +55 (41) 3333-1023

Representante Comercial:

Dash7 Comunicação - Joseane Cristina Knop

Tempo de reinventar-se!

É impossível deixar de tocar no acontecimento do momento: a

Covid-19. E, entre tantos temas que o assunto sugere, optamos pelo

reinventar-se. Nesta edição, trazemos pessoas e profissionais inspiradores,

do pequeno ao grande projeto. Um trio de amigos, que saiu do

escritório e colocaram em prática o lema: mãos à obra; para manter a

marcenaria aberta. Mostramos uma equipe multidisciplinar que usou a

tecnologia wood frame para levantar um hospital em tempo recorde,

além de mostra uma movelaria da região norte que tem como missão

manter a floresta em pé. Não, não são tempos fáceis. E para quem

não sabe nem por onde começar, deixo como sugestão as palavras

do imortal gaúcho da Academia Brasileira de Letras, Moacyr Scliar (in

memorian): “Reinventar-se significa deixar para trás o nosso passado,

significa transformar nossa vida (nem que seja em pequenos detalhes)

e isso pode ser um antídoto decisivo contra o marasmo, contra o desânimo,

contra a apatia”.

Vamos em frente e ótima leitura!

Depto. de Assinaturas:

assinatura@revistareferencia.com.br

Revista PRODUTOS DE MADEIRA

Rua Maranhão, 502 - Água Verde - 80610-000

Curitiba (PR) - Brasil - Fone/Fax: +55 (41) 3333-1023

www.produtosdemadeira.com.br

assinatura@portalreferencia.com.br

Ligação gratuita: 0800 600 2038

Veículo filiado a:

A Revista Referência PRODUTOS DE MADEIRA é uma publicação bimestral e

independente, dirigida aos construtores, engenheiros, arquitetos, designers,

paisagistas, decoradores e consumidores de produtos de madeira para a construção.

A Revista não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos e colunas

assinadas, por entender serem estes materiais de responsabilidade de seus autores.

A utilização, reprodução, apropriação, armazenamento de banco de dados, sob

qualquer forma ou meio, dos textos, fotos e outras criações intelectuais da Revista

são terminantemente proibidos sem autorização escrita dos titulares dos direitos

autorais, exceto para fins didáticos.


Sumário

04

14

24 30 34 40

06....... CARTAS & OPINIÕES

08....... CURTAS & NOVIDADES

14 ....... SHOWROOM

24

34

.......

30.......

.......

ENTREVISTA

BERNARDO COSTA

MEDIDA CERTA

NÃO PARA, NÃO!

PRINCIPAL

SUSTENTABILIDADE AMAZÔNICA


44 46 52 56 62

05

40

52

.......

44.......

46.......

.......

ECONOMIA

MÓVEIS NA LISTA DE COMPRAS DE 2020

AQUI TEM MADEIRA

CERTIFICAÇÃO EXIGE QUALIDADE

DECORAÇÃO

USUAL COM PERSONALIDADE

PROJETOS ESPECIAIS

QUARENTENA DO BEM

56

62

.......

60.......

.......

TENDÊNCIA

CONSTRUÇÕES EM MADEIRA

RESTAURAÇÃO

RESTAURAÇÃO DE MÓVEIS DE MADEIRA

ESPECIAL

QUALIDADE GARANTIDA

66....... AGENDA


Cartas

Foto: Lio Simas

Foto: divulgação

Foto: divulgação

06

Entrevista

Tenho muito orgulho em

representar e ter um espaço

para falar de uma categoria

tão desvalorizada por

muitos, mas que é essencial

para o convívio do ser

humano

Érico Tavares

Marceneiro, entrevistado

da Revista PRODUTOS

DE MADEIRA, da edição

anterior

Madeira

Não tinha noção de tanto

potencial da madeira para

o dia a dia. Tenho separado

várias ideias da Revista para

fazer na minha casa

Dayandra Oliveira

Engenheira naval -

Fortaleza (CE)

Revista

Que máximo

essa publicação!

Adoro a Revista

PRODUTOS DE MADEIRA

Ana Paula Scher

Advogada -

Florianópolis (SC)

via instagram

@revistaprodutosdemadeira


08

Curtas & Novidades

Consumo

de mourão

Mesmo com o grave momento vivido

pela saúde no país, ocasionado pela crise

mundial da Covid-19, o setor de pecuária

cresce e deve impulsionar o mercado de

mourões ainda neste ano de 2020. A estimativa

é um crescimento da pecuária de 6,7% em

relação ao ano passado. Ótima notícia para

o setor de madeira tratada, de mourões, que

deve acompanhar o aumento da demanda.

Segundo o Mapa (Ministério da Agricultura,

Pecuária e Abastecimento), dados do mês

de março fortalecem a estimativa do setor,

que é um crescimento neste ano de 6,7% em

relação a 2019. “Os preços de carne bovina

e suína estão 13,2% e 12,5%, respectivamente,

acima dos observados no ano passado. O

valor da produção da carne bovina e suína é

o mais elevado nos últimos 15 anos”, aponta

o Mapa. Por consequência, quem comemora

também é o setor de mourões, uma vez que devido à necessidade do segmento em ampliar, ou mesmo, de melhorar a estrutura

e manutenção das áreas de cercamento são iminentes. Nesse cenário, só a pecuária deve responder por R$ 236,6 bilhões de crescimento.

Segundo o Mapa, o mercado internacional, principalmente o alto preço do dólar, relacionado ao bom desempenho da

pecuária, além da demanda do mercado interno, são os elementos que contribuem para o crescimento em 2020. Na mesma toada,

especialistas da área de madeira tratada acreditam que o segmento de mourões também vai pegar o vácuo de crescimento

do setor pecuário para atender a demanda, além das expectativas para 2021 serem ainda mais animadoras.

Foto: divulgação

Consultoria online

Em meio às incertezas econômicas causadas pela pandemia de Coronavírus,

o Sindmóveis (Sindicato das Indústrias do Mobiliário de Bento

Gonçalves) presta assessoria online gratuita a seus associados – além de

expositores da Movelsul Brasil e participantes dos Projetos Orchestra Brasil

e Raiz. Pautas como medidas econômicas, indicadores, mercado e estratégias

poderão ser analisadas com os consultores do Sindmóveis para o

mercado internacional, Ana Cristina Sant’anna Schneider e Eduardo Trapp

Santarossa. As consultas, com agendamento prévio, podem ser realizadas

via plataforma zoom de segunda-feira a sexta-feira, das 15h às 17h (horas)

com 30 min (minutos) para cada empresa.

Imagem: reprodução


Curtas & Novidades

Gaúchos

na ativa

A indústria moveleira do Rio Grande

do Sul voltou ao funcionamento no último

mês de abril, mas mantém as portas abertas

seguindo as recomendações de combate

a Covid-19, entre elas a bandeira Laranja

do Distanciamento Controlado, instituída

pelo governo do Rio Grande do Sul. Isso significa que as empresas moveleiras podem funcionar em regime de teletrabalho e presencialmente,

mas de forma restrita. É autorizado o funcionamento com 75% dos trabalhadores e respeitando todos os protocolos

de prevenção. A medida, que foi autorizada pelo Decreto Municipal número 10.49, atende ao pedido das entidades do setor industrial

e madeireiro do Estado. O setor espera a volta da normalidade na produção moveleira apenas no segundo semestre, com

recuperação do nível de empregos de 2019 apenas em 2021.

Foto: divulgação

10

Foto: Pepe Guimarães

ForMóbile

será em 2021

A IX edição da ForMóbile (Feira Internacional da Indústria de

Móveis e Madeira) aconterá de 22 a 25 de junho de 2021 no São Paulo

Expo, com cerca de 600 marcas expositoras que apresentarão

novidades em acessórios e componentes, máquinas e equipamentos,

tecidos e materiais para colchões, ferragens, matérias-primas

e insumos. O maior evento do setor moveleiro da América Latina

apresenta todas as soluções do segmento aos principais envolvidos

no processo de criação e produção do mobiliário (arquitetos, designers

de produtos, fabricantes de móveis em série, marceneiros,

revendas e madeireiros).

Qualidade

em foco

A normalização dos produtos é a base para o

desenvolvimento dos programas de qualidade e

certificação do setor de madeira. Por isso, as Comissões

de Estudo da Abnt (Associação Brasileira

de Normas Técnicas) mantiveram agenda de reuniões no formato online, mesmo após as medidas necessárias de isolamento social

devido ao coronavírus. Sob a coordenação da Abimci (Associação Brasileira da Indústria de Madeira), o trabalho das CB-31 (Comissões

de Estudo que compõem o Comitê Brasileiro de Madeira) da Abnt, conta com a participação de fabricantes, pesquisadores, laboratórios

de testes, entre outros interessados no assunto. Segundo a equipe técnica da Abimci o trabalho está bem adiantado na definição

dos termos técnicos, nas especificações e classificação do pellet, propriedades e diferentes usos.

Foto: divulgação


Curtas & Novidades

Força-tarefa

virtual

O Sebrae/PR tem promovido uma força-tarefa para

atender digitalmente os empreendedores de micro e

pequenas empresas em todo estado, diante das medidas

previstas para combater a pandemia do coronavírus.

Estão suspensos eventos, capacitações e atendimentos

presenciais em toda a rede, composta por 236 locais entre

regionais, escritórios, pontos de atendimento e salas do

empreendedor, além da sede, em Curitiba. A estratégia vai mobilizar os colaboradores para realizar, online e sem custos, atendimentos

para auxiliar os empresários na crise. O contato com essa força de trabalho pode ser feito pelo portal do Sebrae (PR)

www.sebraepr.com.br. Nele é possível acessar canais como whatsapp, 0800 570 0800 e telefones regionais, onde o empresário

tem acesso livre e gratuito a orientações, exemplos de outros empreendedores que encontraram soluções inovadoras, dicas de

como lidar com a atual situação, além de cursos online com conteúdo diverso.

Foto: divulgação

12

Foto: divulgação

Legado em

madeira

Como parte de uma série de reformas antes e depois

dos Jogos Olímpicos, a Prefeitura do Rio de Janeiro entregou

recentemente mais um legado à população, com

a reforma do núcleo Lagoa Rodrigo de Freitas, da Colônia

de Pescadores Z-13. Os pescadores têm agora sete estruturas

de cais de madeira tratada e cinco quiosques novos

– com alojamento para pernoite e novas pias para limpar

quilos e quilos de robalo, tainha e paratis fisgados na Lagoa.

Além disso, todos os quiosques estão conectados à

rede de saneamento da Cedae.

Artesanato

e cursos

Localizada no centro de Curitiba (PR), a Matéria-

-Prima Artesanatos utiliza a madeira em vários

produtos, como lembranças de aniversários, porta-

-joias, presentes, utilidades domésticas e uma infinidade de itens. Além disso, a loja oferece

cursos de artesanato para ensinar découpage e técnicas diversas para madeira, além de outras

matérias-primas como tecidos, vidros e metais. As turmas são com, no máximo, cinco alunos por

aula. A idade mínima para fazer a oficina é de 9 anos. O contato da Matéria Prima Artesanatos,

que está localizada na avenida Presidente Arthur da Silva Bernardes, 685, loja 15, é (41) 3243-2567

ou pelo e-mail materiaprima@vegaturbo.com.br.

Fotos: divulgação


A filosofia Montessori é caracterizada por dar

liberdade com limites às crianças, respeitando o

desenvolvimento natural das habilidades físicas,

sociais e psicológicas. O método ajuda a criança, a

se tornar autônoma, próspera, aumentar o

desempenho na concentração, na aptidão para

ouvir, no desenvolver da percepção, na observação

e na capacidade de aprender sozinha.

O brinquedão, projetado pela Saligna, traz toda

essa metodologia e serve especialmente para

instalações internas como: buffets infantis,

shoppings, boliches, restaurantes, hotéis, entre

outros. É um produto de grande inovação, que

pode ser fabricado com especificações sob

medida, de forma a se tornar um brinquedo

personalizado conforme o espaço disponível.

SALIGNA

CONSTRUINDO

O FUTURO

A

A Saligna é especializada em fazer seu sonho tornar-se

realidade. Contamos com uma equipe de arquitetos e

engenheiros para atender sua obra do começo ao fim,

desde os projetos de arquitetura e de engenharia,

passando pela escolha e seleção dos materiais até a

finalização da obra.

Somos Especialistas em obras como Casas, Telhados,

Decks, Pergolados e Muito Mais!

saligna.oficial

salignacuritiba

Trabalhamos com venda de Madeiras, Portas e muito mais!

www.saligna.com.br

Av. Comendador Franco, 5354 - Uberaba - Curitiba - PR

Fone: (41) 4141 9726


Showroom em Destaque

14

TETO AFETO

Cenário de boas-vindas, o living de uma residência é local para receber e compartilhar bons momentos com a família e

com os amigos. O Teto Afeto abrange uma grande área, com variadas atmosferas e pode ser reproduzido e adaptado a

espaços e necessidades de cada cliente. O uso de madeiras e dos tons neutros remete aconchego e, junto ao verde, traz

sofisticação. Na Casacor Rio Grande do Norte 2019, o projeto, assinado pela arquiteta Marília Bezerra, é desenvolvido

para mostrar que o espaço pode ganhar diversos usos, se adaptando a diferentes ocasiões. Com o home theater, bar

para receber pessoas queridas ou um local propício a boas leituras e conversas.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

show room


SALA DE JANTAR E LOUNGE

Com 40m², o ambiente assinado por Duda Almeida e Vanessa Borges promove interação e conexão entre pessoas. O acréscimo do

lounge no nome soma a um ‘receber’ com uma antessala, harmonizando descontração e intimismo. A mesa de jantar se torna o centro

das atenções, espaçosa e própria a quem aprecia a vivência em torno de jantares e reuniões familiares. Para realçar o mobiliário, as

cores azul marinho e terracota, que refletem personalidade e contemporaneidade. E para deixar o recinto mais aconchegante, todo o

teto é em madeira freijó natural. O cantinho do bar e buffet incentivam o usuário a se servir, além de ser mais um ponto de interação.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

15

REFÚGIO OÁSIS

Inspirado em um recanto de paz e aconchego, o espaço, assinado pela arquiteta Maria

Luiza Negreiros, é projetado para o ser contemporâneo que está a cada dia se adequando

a velocidade com que as coisas acontecem no mundo. O Refúgio é um ambiente idealizado

para um indivíduo. A iluminação pontual e os tons amadeirados transmitem a sensação de

aconchego e contato com o verde. Pensado para funcionar como um verdadeiro Oásis que

acolhe, desacelera e permite uma conexão com o eu interior.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros


Showroom em Destaque

LOUNGE DA RECEPÇÃO

Com estilo contemporâneo pela utilização do mix de matérias, unindo pedra, ferro

e madeira, o ambiente foi inspirado no tema “Planeta Casa”, Casacor Rio Grande do

Norte. A ideia foi desenvolver um lugar no qual as pessoas gostassem de ficar e utilizar.

Formada pela UNP (Universidade Potiguar) desde 2002, a arquiteta Lorena Azevedo,

que assina o espaço, é especialista em Arquitetura e Interiores.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

16

LIVING DO MUNDO

O Living do Mundo foi pensado para um casal que ama viajar pelo mundo e que adora compartilhar suas memórias. No

espaço, eles podem convidar amigos para dividir as últimas jornadas. As arquitetas utilizam o tampo da mesa em vidro como

uma lousa, na qual reproduziram o Mapa Mundi, onde os viajantes podem discutir suas rotas, sem perder a função de mesa

para degustarem um vinho ou petiscarem. O ambiente também é todo preparado tecnologicamente para projetar na TV, os

roteiros, informações de viagens e dicas que estejam tanto no laptop ou no celular. Além disso, apresenta um grande painel

geométrico amadeirado com iluminação embutida, inspirado na arquitetura contemporânea da Espanha que se destaca no

ambiente como peça chave. O projeto é assinado por Andréa de Paula e Gabriela Nóbrega, do escritório De Paula e Nóbrega.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros


COZINHA DECA

Unindo aconchego e funcionalidade, a Cozinha Deca ocupa uma área de 82 m² e traduz o novo jeito de morar,

transformando-se no coração da casa e capaz de reunir a família em torno a uma boa refeição. Um espaço

multifuncional que agrega adega, mesa extensa e até mesmo um sofá para melhor degustar as delícias do chefe.

Cores quentes e tons amadeirados, móveis de design brasileiro e obras de arte também compõem o ambiente e

fazem o ato de cozinhar ainda mais prazeroso. O projeto é assinado pela arquiteta Samara Gosson.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

17

DELIGHTFUL BEDROOM

Projeto do Guardini Stancati Interior Design para o Casacor Miami, o quarto preza pelo

descanso, usando materiais naturais como madeira, material que compõe os painéis que

adicionam calor ao quarto e melhoram sua acústica.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Kris Tamburello


Showroom em Destaque

18

ADEGA

No ambiente assinado pela arquiteta Bruna Gosson, a Adega ganha lugar de destaque. Moderno e acolhedor, o

espaço foi desenvolvido com uso de madeira nas paredes e no teto, e, contrapondo com a rusticidade da pedra –

material local, encontrado na Região Seridó, do Rio Grande do Norte -, na entrada, uma ampla poltrona de design.

Além de adornos marcantes na grande estante. Já ao centro, um sofá amplo, unido por uma única ‘coluna espinhal’,

com disposição dos assentos em ambos os lados e, ao fundo, a vasta adega moderna e funcional.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros


DOCE CAFÉ DA CASACOR

Um espaço compacto com 36m2, climatizado e com uma varanda lounge que oferece

aconchego em um projeto contemporâneo para a Chocolateria Rafaela Fontes e Café São

Braz. As arquitetas Dalliane Queiroz e Carol Fontes elegeram a madeira como elemento

principal da proposta. O material reveste paredes e teto, aparecendo também na estante,

desenhada pelas profissionais para expor os produtos. A atmosfera de tranquilidade e

conforto do ambiente vem dos tons neutros e do revestimento rústico, convidando assim,

para uma parada mais longa no ambiente. O uso do Metalon faz parte de todo o projeto de

ambientação, ressaltando ainda, uma bela parede de destaque com efeito retroiluminado.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

19

RESTAURANTE

O Restaurante – Cardume Sushi & Pescados, presente está na CASACOR Rio Grande do Norte

2019, foi montado com, aproximadamente, 120 m², dividido em três ambientes: terraço externo,

salão interno e cozinha de preparo com abertura visual ao público. Telas da artista Ângela Almeida,

louças de Mocó e surpreendentes lustres em macramê do carioca Anderson da Silva e Silva,

escultura em madeira e policromia da figura representativa de uma sereia de artista anônimo do

acervo da Galeria B612, tendo ao entorno a imersão de natureza proporcionada pelo painel de

parede da icônica artista Adriana Barra, conceitua, assim, o contemporâneo com o exótico, além

da representação surreal de floresta estampada na parede. O projeto é de Renato Teles.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros


Showroom em Destaque

LOJA

A fachada e o bloco principal da loja se dão através da sala azul, aos quais paredes, a madeira e tetos

pintados na mesma cor transportam o visitante à Grécia. A varanda, também inspirada no mesmo

estilo, por meio de peças de design e cores vibrantes, convida a usufruir das sensações. Em um ponto

específico de observação, o espaço interior se apresenta lentamente com uma série de nichos. O

projeto é das arquitetas Claudiny Cavalcanti e Maria Luiza Lamas.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros

20

BAR

Em linhas contemporâneas, trata-se da releitura do Bar Curió, estabelecimento já bastante

conhecido em Natal (RN). Os móveis são em madeiras claras compondo arcos que remetem

ao clássico. Com mesas fabricadas em porcelanato Nero Venato preto, compostas com sofás

em veludo azul, com um tom mais escuro, e cadeiras em corine também azul, em um tom mais

claro. No piso, porcelanato Cinza que lembra granilite, e nas paredes laterais, a uniformidade

entre o piso e o teto, onde foi proposto uma calha iluminada, também em porcelanato, que vai

do piso até 1,10 m de altura na parede e se complementam em um tom de Valsa Azul da Coral

no projeto assinado por Leopoldo Rosada Maia.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Alberto Medeiros


RITUALS - ROYE

A decoração minimalista do espaço traz cores claras e tons

sóbrios presente no revestimento do piso, de madeira e cimento,

que servem também como delimitadores de áreas.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Kris Tamburello

21

URBAN GOURMET OASIS

Assinado por Tatiana Moreira, o espaço multifuncional traz nos

revestimentos materiais como madeira, pedra, seda e veludo que

estão presentes e completam a atmosfera hedonista ao lado das

plantas tropicais que trazem vida e natureza para dentro do espaço.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Kris Tamburello


Showroom em Destaque

CONTAINER HOUSE

O arquiteto Leo Shehtman preparou um espaço contemporâneo e descontraído,

com móveis de madeira dispostos com peças mais clássicas. Já na área externa,

móveis baixos e confortáveis são perfeitos para uma tarde de sol com convidados.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Kris Tamburello

22

AN ARCHITECT’S ROOM

Uma ode à obra de Le Corbusier, este é um espaço de estudo para um arquiteto criado

por D’Apostrophe Design Inc. Os materiais são sóbrios, tendo a madeira entre eles

usada em conjunto com o piso de carvalho branco, a cor branca nas paredes e o linho.

Informações: https://casacor.abril.com.br/mostras

Foto: Kris Tamburello


A Scrock está há mais de 25 anos no

mercado de pisos em madeira maciça,

piso vinílico e persianas

PISOS

SCROCK

É tanto conforto,

que até a vida

fica mais fácil

www.scrockpisos.com.br

contato@scrockpisos.com.br

Av. Pres. Getúlio Vargas Nº 2301 - Água Verde

(41) 98831-4617

0800 600 2994


Entrevista

“O importante

e correr atras e

nao desistir!

Bernardo Costa, marceneiro

Fotos: divulgação

24

E

m 2016 após uma crise existencial, Bernardo Costa fechou

a empresa dele de pintura industrial, que executava

obras de grande porte em Santa Catarina. Sem muitas

pretensões, começou a fazer móveis como tinha aprendido com

o pai e a esposa, Ana Boaventura, que é especialista em redes

sociais, começou a postar na rede social instagram: Meu Marido

Marceneiro. O número de seguidores quadriplicou e, claro,

atraiu clientes de todo Brasil para o profissional que mora em

Blumenau. De lá pra cá, a internet se tornou uma ferramenta

essencial para o marceneiro que, inclusive, tem driblado a crise

ocasionada pela Covid-19 com a ajuda dos cliques.


25


Entrevista

Como a internet ajudou no seu negócio?

A Internet foi e é essencial para

nosso trabalho. No início, foi só uma

maneira para divulgar nossos produtos,

e foi crescendo exponencial e absurdamente,

com uma velocidade incrível,

atingindo seguidores no mundo inteiro.

É maravilhoso responder seguidores da

Rússia, França, Índia, Arábia… o google

tradutor é muito usado por aqui, não

deixamos ninguém sem respostas! Já

enviamos peças para todo o Brasil, e

90% dos nossos pedidos são feitos pela

Internet, por seguidores de longe. Hoje

também somos um perfil de inspiração

para outros profissionais, tiramos

dúvidas e damos várias dicas. Estamos

lançando nossos vídeos no youtube em

breve e vêm muitas novidades por aí!

Por que o nome: Meu Marido Marceneiro?

Ficou conhecido assim pela

vizinhança ou amigos da Ana, sua

esposa?

A Ana, que é especialista em redes

sociais, teve a ideia de abrir um instagram

para divulgar os trabalhos do

MMM, pois muitas pessoas pediam

para ver as fotos dos produtos, e assim

ficava mais fácil. Ela colocou esse

nome, em princípio temporário, mas

pegou muito bem e ficou. É uma marca

forte e fácil de ser lembrada.

Como foi a transição da pintura

para a marcenaria?

Com 30 anos e vários funcionários,

percebi que tinha uma profissão desgastante

que não apreciava, tive uma

crise existencial e me dei conta que

TEMOS QUE

SURPREENDER,

EM TODOS OS

ASPECTOS. SE FIZER

O QUE REALMENTE

AMA, NÃO TEM

ERRO!

26


JORDAN NATURELINE

PROTEÇÃO ECOLOGICAMENTE CORRETA

PARA MADEIRAS E MEIO AMBIENTE

NATURELINE o meio ambiente agradece!

Primeiro protetivo para madeira de exteriores e interiores que protege

as superfícies de madeira e o meio ambiente.

Sistema base d’água, sem emissões de poluentes nem solventes

Puramente mineral

Não inflamável e resistente a lixiviação

Proteção contra a ação de pestes para animais e plantas

Compatível para contato com animais e solo

Produtos e soluções para madeira

JORDAN Lacke – uma marca de PLANTAG Coatings GmbH

www.plantag.de

Plantag do Brasil Ltda

Tel 041 3679 1478


30

Medida Certa


NÃO PARA,

NÃO!

31

MARCENARIA EM PINHAS

(PR) RECORRE A PLANO

TEMPORÁRIO PARA SE

MANTER NA ATIVA DIANTE

DO CENÁRIO DA COVID-19

Fotos: divulgação


Medida Certa

om as atividades iniciadas em

2019, os empresários Carla

C

Henze, Margarete Gair e Alexandre

Alves superaram as expectativas,

logo no primeiro ano, na marcenaria

Conceito, instalada em Pinhais

(PR). O que não contavam, como

muitos novos e pequenos negócios

no Brasil, era na reviravolta gerada

pela pandemia da Covid-19. E, mesmo

na contramão do cenário, encontraram

uma solução: mãos à obra!

Em um formato temporário, o trio

remontou a estrutura de produção

para o que eles chamam de oficina

garagem e passaram a explorar seus

próprios talentos para continuar a

produção. Margarete, que é designer

e artista plástica e já tomava conta

da produção, e Carla, que cuidava

da gestão tem habilidades técnicas

a nível industrial, colocaram a mão

na massa para produzir as peças em

madeira, ou seja, viraram as marceneiras,

enquanto Alexandre Alves se

manteve no comercial e assumiu o

atendimento ao cliente. “O Covid-19

mudou o cenário e travou nosso

crescimento. Mas já tínhamos cativado

nossos clientes, esse foi o motor

de aceitar um formato temporário,

porém mais artesanal”, salienta Carla

Henze. A alternativa foi oposta ao

projeto inicial. A Conceito, iniciada a

partir de uma vasta experiência da

indústria de plástico e papel que o

trio tinha em trabalhos anteriores,

iniciou com um formato em linha industrial,

idealizada com uma equipe

enxuta para produção, juntamente

com equipamentos de cortes de

precisão e um workflow dinâmico, o

que possibilitou bons contratos logo

em seu lançamento. Com o impacto

do Coronavírus, para não fecharem

32

DESDE O

DESENVOLVIMENTO

CRIATIVO ATÉ A

PRODUÇÃO FINAL,

TUDO É PRODUZIDO

CONFORME O

CLIENTE SOLICITAR


34

Principal


Sustentabilidade

amazônica

FOCADA EM MANTER A FLORESTA

EM PÉ, MOVELARIA UTILIZA

APENAS RESÍDUOS DE MADEIRA

DA AMAZÔNIA PARA A PRODUÇÃO

DE SEUS PRODUTOS

35

Fotos: divulgação


Principal

36

U

sufruir, literalmente, de um

pedaço da Floresta Amazônica,

em casa ou no trabalho, de

maneira funcional e consciente no dia a

dia. Sim é possível com mobiliários produzidos

com madeira amazônica e um

detalhe que faz toda a diferença: todas

as peças são feitas, exclusivamente,

com resíduos madeireiros e têm o selo

verde, que atesta a sustentabilidade.

É dessa forma que, com apenas um

ano de funcionamento, a Pacajá Móveis

com Origem, conquistou o prêmio de

Inovação no 35º Prodex do Grupo Algar

e hoje faz parte do projeto de Manejo

Florestal da ABC Norte (Fazenda), que

recebeu recentemente o selo Cerflor,

integrante do Programa Brasileiro de

Certificação Florestal, e se tornou uma

referência onde atua, em Portel (PA),

munícipio distante 264 km da capital

Belém. “Nosso intuito é de agregar

sustentabilidade a todo o projeto, permitindo

com que seus clientes acessem

a Amazônia por meio de seus produtos

e possam com isso contribuir com a

manutenção da floresta em pé e o desenvolvimento

social da região em que


Economia

MÓVEIS NA LISTA

de compras de 2020

40


41

INDEPENDENTEMENTE DA CRISE

DIANTE DA COVID-19, PESQUISA

REVELA QUE 81% DOS CONSUMIDORES

ENTREVISTADOS PRETENDEM

COMPRAR MOBILIÁRIO NESTE ANO

Fotos: divulgação


Economia

O

fechamento do comércio e

as restrições impostas para o

controle do Coronavírus vêm

impactando no consumo e produção

de móveis e colchões no Brasil. Com o

objetivo de obter informações a respeito

do mercado e do comportamento

desses consumidores, a Promob Software

Solutions encomendou a pesquisa

Mercado moveleiro e o impacto do

Coronavírus na demanda dos brasileiro

ao Iemi – Inteligência de Mercado. O

anúncio dos resultados aconteceu em

maio, durante o Promob Day, evento

tradicional da marca e que pela primeira

vez foi realizado no formato online.

Realizada no mês de abril, quando

foram ouvidos centenas de consumidores

do território nacional, todos acima

de 25 anos, pertencentes as classes A,

B, C, D e E, a sondagem demonstrou

algumas informações importantes e

otimistas com relação à intenção de

compra. 81% dos pesquisados pretendem

comprar móveis ou colchões, nas

próximas semanas ou ainda este ano,

independentemente da crise gerada

pelo Coronavírus. A pesquisa demonstrou

também que mesmo com o impacto

da pandemia, 47% dos consumidores

afirmaram que se sentiriam motivados

a comprar móveis ou colchões neste

período de crise, caso encontrassem

descontos relevantes nos preços dos

móveis e colchões ofertados.

No momento atual, o canal mais utilizado

para se comunicar com as lojas

de móveis e colchões têm sido o site,

totalizando 55%. Dos consumidores que

pretendem comprar móveis neste período,

48% o farão pela internet, e 51%

dos que pretendem comprar colchões

também pretendem realizar a compra

online. Apenas metade, 52%, afirmaram

ter recebido ofertas desses produtos

pelo celular, após o fechamento das

REALIZADO COM

CONSUMIDORES

EM TODAS AS

REGIÕES DO

BRASIL, NO

MÊS DE ABRIL,

A PESQUISA

FOI DIVULGADA

EM UMA LIVE,

EM MAIO,

PELA PROMOB

SOFTWARE

SOLUTIONS

42


Aqui tem Madeira

CERTIFICAÇÃO

exige qualidade

PORTAS DE MADEIRA PASSAM POR UMA SÉRIE

DE REQUISITOS DO SISTEMA DE QUALIDADE DAS

EMPRESAS ANTES DE RECEBEREM CERTIFICADO

Foto: Joel A. Bojarski

44


C

ertificar a porta de madeira começa

com um trabalho interno

de organização da fábrica. São

requisitos exigidos pela norma Abnt

NBR 15930, que trata das portas de

madeira para edificações. Assim, antes

mesmo dos produtos serem testados

em laboratórios, as empresas certificadas

e participantes do Psq-Pme

(Programa Setorial da Qualidade de

Portas de Madeira para Edificações),

submetem o sistema de gestão da

qualidade das indústrias a uma série

de critérios técnicos, que são verificados

por meio de auditorias.

Por meio do sistema, a empresa

precisa manter um controle de todos

os documentos necessários para a

fabricação do produto, comprovando

sua validade e aplicabilidade. Esses

documentos devem estar atualizados,

disponíveis na última revisão aprovada;

e controlados, evitando o uso de

documentos obsoletos. Além do controle

de documentos, a empresa deve

manter um registro dos controles e

testes que influenciam a qualidade do

produto.

Outra medida necessária para

validar o sistema de gestão passa

pelo treinamento dos profissionais

que fabricam a porta. Assim, cada fabricante

determina as competências

necessárias da equipe para execução

das tarefas internas e oferece treinamento

específico, garantindo a qualidade

do produto.

ORIGEM

Para assegurar a qualidade do

produto certificado, a empresa deve

manter um controle para aquisição

das matérias-primas e insumos que

serão usados no processo de fabricação.

Por meio de uma verificação

desses produtos, o fabricante avalia

no lote recebido, por exemplo, qualidade,

características e dimensões dos

materiais e as propriedades físicas

e químicas dos insumos utilizados.

Somente após todos os critérios técnicos

serem atendidos, o produto é liberado

para ser utilizado no processo

de produção da porta de madeira.

Com o objetivo de assegurar que

somente materiais que atendem aos

requisitos de qualidade sejam utilizados

no processo de fabricação da porta

de madeira, e facilitar a análise de

eventuais falhas ou reclamações por

parte dos clientes, todos os produtos

certificados são rastreados. Assim, é

possível traçar e investigar o processo

do produto desde a sua origem até

a expedição.

A verificação do produto é feita

durante e após a fabricação, garantindo

que as características exigidas estão

sendo atendidas. Com isso, portas

de madeira fora da especificação são

corrigidas e apenas liberadas quando

atender aos requisitos exigidos. Na

eventual ocorrência de alguma falha,

a organização e o controle de todo

o processo facilitam a correção. Por

meio do procedimento de ação corretiva

é possível investigar e eliminar

as causas de não conformidades assegurando

que não venham ocorrer

novamente.

Para que os fabricantes tenham a

certeza de que o controle está sendo

bem realizado, os dispositivos de medição

e monitoramento utilizados no

decorrer do processo, como trenas,

paquímetros, medidores de umidade,

balança entre outros equipamentos,

são devidamente calibrados para que

haja uma leitura exata do que está

sendo medido.

Uma das etapas de todo esse processo

inclui ainda o controle da homogeneidade

dos produtos no lote. Por

meio do autocontrole, as empresas

mantêm rotinas de conferência dos

produtos finalizados antes de expedi-

-los. Uma ferramenta que evita que

eventuais produtos fora do padrão

exigido cheguem até o cliente. Para

isso são estabelecidas condições de

amostragem de forma a garantir representatividade

dos resultados do

controle realizado em relação ao lote

da produção.

Esses são alguns dos requisitos

de sistema de gestão exigidos na cer-

PARA GARANTIR

PADRONIZAÇÃO E

ATENDIMENTO ÀS

NORMAS TÉCNICAS,

A PRODUÇÃO DAS

PORTAS PASSA

POR UM PROCESSO

RIGOROSO DE

CONTROLE

tificação de portas de madeira, que

garantem processos eficientes e produtos

padronizados para o mercado

consumidor.

PROGRAMA

Com abrangência nacional, o

Psq-Pme (Programa Setorial da Qualidade

de Portas de Madeira para

Edificações), coordenado pela Abimci

(Associação Brasileira da Indústria de

Madeira Processada Mecanicamente),

reúne e representa os fabricantes de

portas de madeira do Brasil, atuando

em várias ações que visam o fortalecimento

do segmento e o atendimento

dos requisitos estabelecidos nas normas

brasileiras vigentes.

Entre os principais objetivos da

iniciativa estão o de promover a

isonomia competitiva entre os fabricantes,

por meio da conformidade

técnica, adequando o desempenho

dos produtos às normas existentes,

estimular a melhoria contínua, agregar

valor às marcas e dar garantias ao

consumidor final.

Desde 2014, é possível encontrar

no mercado portas com a certificação

da Abnt. São produtos que atendem

à Norma Brasileira NBR 15930. Os

produtos certificados passam por um

rigoroso controle de qualidade de

produção, que inclui testes físicos,

mecânicos e de durabilidade para avaliação

do desempenho realizados em

laboratório.

45


46

Decoração


USUAL COM

PERSONALIDADE

47

MESAS E CADEIRAS DE MADEIRA PODEM

DAR MAIS IDENTIDADE AOS ESPAÇOS COM

PEÇAS QUE FOGEM DO TRADICIONAL

Fotos: divulgação


Decoração

E

m toda casa, escritório ou espaço

de convivência, elas estão lá:

mesas e cadeiras. Tradicionalmente,

a madeira é uma das matérias-

-primas, principalmente pela durabilidade

e resistência ao peso. Mas quem

disse que o design também precisa ser

tradicional? Com a mescla de diferentes

espécies de madeira e outros materiais,

o mobiliário pode ter um estilo único,

moderno e autoral para que os espaços

ganhem forte identidade com peças au-

tênticas. Assim é a proposta do Estúdio

Mula Preta, que apresenta opções perfeitas

para criar atmosferas arrojadas

para qualquer ambiente.

Batizado com o nome da música

homônima do Rei do Baião, Luiz Gonzaga,

que foi uma das mais completas,

importantes e inventivas figuras da música

popular brasileira, o Estúdio de Design

de Produtos, assim como a canção,

tem inspiração na cultura Nordestina e

traço marcado pela irreverência do desenho

criativo. Fundado em 2012, na cidade

de Natal (RN), o estúdio é comandado

por André Gurgel, que é designer

de produto com especialização em CGI

e visualização de produtos, e também

dirige a empresa de tecnologia Synco.

Além dele, conta também com Felipe

Bezerra, arquiteto graduado pela Ufrn

(Universidade Federal do Rio Grande

do Norte), que também dirige o escritório

Felipe Bezerra Arquitetos. Confira

as criações da dupla:

MESA VITÓRIA RÉGIA

48

Inspirada nas plantas aquáticas do

mesmo nome, a coleção de mesas laterais

segue a linha de inspirações inusitadas

que remete a elementos naturais.

A madeira torneada e base metálica

compõe toda a peça.

MESA FALÉSIA

A formação geográfica muito presente

na cidade natal do estúdio, foi a

fonte de inspiração dessa peça. Uma

dessas formações foi traduzida para

esta mesa de centro na mesma linguagem

dos desenhos icônicos que a precedem,

como a Duna. O vidro arremata

o encontro com o mar. Ela é composta

de compensado FSC.


Projetos Especiais

52

QUARENTENA

DO BEM

Fotos: divulgação


53

COM A TECNOLOGIA

MODULAR, EMPRESAS

BRASILEIRAS

ERGUEM HOSPITAL

PERMANENTE EM 40

DIAS PARA ATENDER

PACIENTES COM

COVID-19

E

m apenas 40 dias, um hospital é

erguido em São Paulo (SP) com

100 novos leitos para atender

aos casos de Covid-19. A obra, em caráter

de emergência, está longe de ser

temporária: a unidade de saúde, que

está em funcionamento exclusivo pelo

SUS (Sistema Único de Saúde), após a

pandemia será doada para a prefeitura

da capital e tem possibilidade até de

ser ampliada. O tempo recorde para

tudo isso foi possível graças a uma tecnologia

que une técnicas inovadoras,

agilidade industrial e sustentabilidade,

com destaque para a madeira.

Chamada sistema modular, com

técnica inspirada no wood frame alemão,

a tecnologia construtiva é assi-


Tendência

Construções em madeira:

UMA OPÇÃO QUE SÓ

CRESCE NO BRASIL

Fotos: divulgação

56


ENGENHEIRO GRADUADO EM ENGENHARIA

INDUSTRIAL MADEIREIRA EXPLICA PORQUE A

TENDÊNCIA DEMOROU TANTO PARA CHEGAR

AO PAÍS E CONTA AS VANTAGENS DESTE

MODELO DE CONSTRUÇÃO

57


Tendência

58

P

ara além de uma alternativa, as

construções em madeira estão

cada vez mais valorizadas e

viraram prioridade mundo afora. Desde

2010, o Japão determinou por lei que

todo novo prédio público, com até três

andares, seja construído em madeira.

Nos EUA (Estados Unidos da América),

estima-se que, ainda neste ano sejam

construídos 714 projetos relevantes em

Madeira Massiva. No Brasil a tendência

é mais recente, mas tem ganhado cada

vez mais espaço.

A maior parte dessas construções

não são 100% em madeira, embora ela

seja prioritária, paredes de tijolos ou

pedras também continuam no projeto.

Nos EUA é comum projetos em

madeira massiva, dentre eles edifícios

multifamiliares, comerciais ou institucionais

são os mais utilizados. Esse tipo

de matéria-prima são grandes peças de

madeira pré-fabricadas para todos os

aspectos da construção: vigas, pilares,

paredes, teto e piso. Elas são resistência

ao fogo, são sustentáveis, fortes e

duráveis. “Apesar do Brasil possuir uma

grande oferta, ainda estamos criando

uma cultura de construir em madeira,

crescemos ouvindo a história dos Três

Porquinhos, diferentemente dos países

da América do Norte e Europa”,

comenta o engenheiro Murilo Negreli,

graduado em Engenharia Industrial Madeireira

pela Unesp (Universidade Estadual

Paulista Júlio de Mesquita Filho).

De acordo com ele, o crescimento

das construções em madeira tem um

apelo social importante. “Estamos confrontados

com duas grandes questões

do nosso tempo: mudanças climáticas

provocadas pelo homem e uma população

mundial crescente. Para construir

habitações adequadas para as gerações

futuras, utilizando-se da industrialização,

devemos reinventar a construção

para que possamos atender a essa necessidade

com o mínimo efeito sobre o

meio ambiente”, destaca.

VANTAGENS

Agilidade, um sistema construtivo

industrializado que exige apenas o

transporte e montagem no local da

obra estão entre as principais vantagens

desse modelo de construção.

A madeira apresenta uma redução

em cerca de 60% do tempo para a

execução da obra, segundo Sérgio

Jankowski, vice-presidente da Grossl,

NOS EUA,

ESTIMA-SE QUE,

AINDA NESTE

ANO SEJAM

CONSTRUÍDOS

714 PROJETOS

RELEVANTES

EM MADEIRA

MASSIVA


59


Restauração

60

RESTAURAÇÃO

DE MÓVEIS

DE MADEIRA

Fotos: divulgação

COM O CRESCIMENTO DO CONSUMO

CONSCIENTE, SERVIÇO VEM CRESCENDO

NO BRASIL


U

m trabalho multidisciplinar, que

envolve diferentes aspectos e

conhecimentos. A restauração

de móveis de madeira demanda conhecimento

histórico, atualização técnica e

experiência com as ferramentas e com

o setor.

Com o crescimento do consumo

consciente, serviço vem crescendo no

Brasil, mas exige profissionais especializados.

É essencial ressaltar que recuperar

móveis com história significa muito

para quem está contratando tal serviço.

Trata-se de um trabalho artesanal

e bastante qualificado. “Não se forma

um hábil restaurador em menos de 15

ou 20 anos de estudo, dedicação e prática.

Além disso esse estudo deve ser

contínuo”, destaca o mestre restaurador

do Ateliê do Restaurador, Augusto

Di Carpi, em entrevista a ForMóbile

Digital (Feira Internacional da Indústria

de Móveis e Madeira).

Outro ponto importante é estudar

referências. Ou seja, descobrir a época

na qual o móvel foi fabricado e saber

quais ferramentas foram utilizadas para

a manufatura da peça. “Ter uma ampla

xiloteca - isso é, coleção de amostras

de madeiras, devidamente identificadas

-, também é fundamental para uma

perfeita identificação da madeira com a

qual se irá trabalhar. Também é crucial

fazer cursos de identificação macroscópica

de madeira”, salienta Di Carpi.

ETAPAS DA RESTAURAÇÃO

O trabalho de restauração de móveis

de madeira exige uma série de

etapas que devem ser minuciosamente

observadas. Entre elas, destacam-se:

Avaliação: primeiramente, faz-se a

avaliação do móvel para que se tenha

um diagnóstico de tudo o que precisa

ser feito e, a partir daí, definir o escopo

de trabalho e os acabamentos necessários.

Consertos: nessa etapa, define-se

se será feita a colagem de peças ou dos

pedaços de folha faltante, bem como,

se será necessária a colocação de enxertos,

execução de tratamento contra

possíveis pragas, e assim por diante.

Ajustes: fazem parte tarefas como

ajuste eventual de portas e gavetas

para bom funcionamento, substituição

ou adaptação de ferragens, etc.

Preparação: a fase da preparação

prevê lavagem e remoção de material

antigo, aplicação de massa para corrigir

defeitos, lixamento, aplicação de fundo

ou seladora. Ainda, se necessário,

repete-se todo o processo.

Acabamento: no momento do acabamento

é quando se faz a aplicação

da massa para corrigir os últimos defeitos

da peça, realiza-se o lixamento com

lixa fina para finalizar e corrigir eventuais

desníveis, executa-se a aplicação

do acabamento predefinido - seja ele

com verniz, seladora, goma-laca, óleo,

cera, etc.

Revisão: depois da etapa de acabamento

ainda é feita a revisão. Esse é o

momento em que, depois de pronto,

há uma reavaliação do móvel para checar

se ele está com algum defeito que

necessite de retoque final.

Para obter um resultado satisfatório

é fundamental o cuidado com todas

as peças. “Dar atenção aos detalhes,

ter cuidado redobrado ao escolher os

materiais a serem utilizados, cada decisão

impacta bastante no resultado final”,

aconselha José Forchetto, da José

Forchetto Acabamentos Especiais.

RECUPERAR

MÓVEIS COM

HISTÓRIA

SIGNIFICA MUITO

PARA QUEM ESTÁ

CONTRATANDO

TAL SERVIÇO

61


Especial

Qualidade

garantida

Fotos: PRODUTOS DE MADEIRA

62

SELO QUALITRAT

ATESTA AO

CONSUMIDOR, A

QUALIFICAÇÃO E

LEGALIDADE DA

MADEIRA TRATADA


63


Especial

C

omo ter a garantia que a madeira

usada no produto que foi

comprado é de área de reflorestamento

e passou pelo tratamento adequado?

A dúvida, que ainda é comum

entre consumidores e investidores,

pode ser sanada com uma certificação

de qualidade. No caso da madeira tratada,

o Selo Qualitrat, criado há quase 10

anos pela Abpm (Associação Brasileira

Preservadores Madeira), é uma referência

nacional na setor.

Em um país com uma estimativa de

comercialização de 1,5 milhão de 3m³

(metros cúbicos) de madeira tratada

ao ano e, entre elas, 90% proveniente

de área de reflorestamento, ter um

certificado que ateste a procedência

e os processos de tratamento, a cada

dia, se torna um diferencial no mercado

brasileiro. “Sem dúvida o selo ajuda a

estabelecer uma grande credibilidade

da qualidade dos nossos produtos e

dos nossos processos produtivos entre

os clientes”, destaca Marcelo Matsumura

Kohl, diretor da Campo Alegre

Produtos de Madeira. Segundo ele, a

empresa aderiu ao selo em 2017 com

o objetivo de atender os clientes com

eficácia e respaldo. “Considero o selo

Qualitrat uma comprovação das boas

práticas de produção da nossa empresa.

É a busca incansável da excelência

em todos os processos de produção da

nossa madeira tratada”, ressalta.

Integrante de um programa de

auto-regulamentação da Abpm, que

como objetivo de melhorar as práticas

dos setores em que a madeira tratada

está consolidada, o selo possui duas

categorias: Qualitrat Adesão e Qualitrat

Pleno. Após avaliação de rigorosos

critérios, a certificação é concedida

a empresas que seguem padrões de

origem, qualidade e legalidade em seus

escritórios e/ou usinas de tratamento

de madeira, dependendo da categoria.

“Participar traz muitos benefícios inter-

nos. Sempre estivemos preocupados

com a qualidade da produção, com a

melhoria constante dos processos, mas

como tem parâmetros exigidos pelo

selo, observamos novos pontos que

precisávamos ajustar”, revela César

Correa Alves, diretor comercial da Madtrat

Madeiras.

A empresa, que possui o selo Qualitrat

Adesão há dois anos, já iniciou a

preparação em busca do Qualitrat Pleno.

“No setor privado, ainda está amadurecendo

esta questão, mas no setor

público já tem setores técnicos que

analisam os produtos e compreende a

importância de uma certificação. Neste

sentido, o selo já nos trouxe benefícios,

ao ponto de compradores reverem os

seus critérios de compra e analisarem

o selo qualidade como algo a ser a ser

contemplado antes de fechar o negócio”,

conta César Alves.

Primeira empresa a conquistar o

selo após o lançamento pela Abpm, a

64


65


Agenda

Julho 2020

32º FEISTOCK

Data: 09/07/2020 a 12/07/2020

Local: São Bento do Sul (SC)

Informações: https://feistock.com.br

Com mais de 100 expositores em diversos segmentos de móveis e decoração, a Feistock

caracteriza-se por ser uma feira diferenciada, que sempre apresenta novidades em

móveis e decoração, com preços baixos e produtos de marcas consagradas no cenário

nacional e mundial.

Agosto 2020

IWF | INTERNATIONAL WOODWORKING FAIR

Data: 25/08/2020 a 28/08/2020

Local: Atlanta - EUA (Estados Unidos da América)

Informações: http://www.iwfatlanta.com

A comunidade global de carpintaria se reúne para experimentar tudo o que há de novo

e o que vem a seguir em tecnologia de fabricação, inovação, design de produto, aprendizado,

redes e setores emergentes - tudo na incomparável International Woodworking

Fair Atlanta, o maior evento de carpintaria da América do Norte e o show obrigatório do

setor.

Outubro 2020

FEDEMA - FERIA INTERNACIONAL DEL MUEBLE Y LA MADERA

Data: 03/10/2020 a 06/10/2020

Local: Formosa (Argentina)

Informações: http://fedema.com.ar

66

A Feira Internacional de Móveis de madeira tem como objetivo fortalecer e projetar nacional

e internacionalmente o setor industrial e florestal da região, que constitui a maior

área florestal do continente americano, depois da Amazônia.

MOSTRA AFEMAQ NORTE CATARINENSE

Data: 20/10/2020 a 22/10/2020

Local: São Bento do Sul (SC))

Informações: http://affemaq.com.br/mostra/36

A Mostra Affemaq (Feira de Máquinas, Ferramentas, Acessórios e Serviços para Indústria

de Madeira e Móveis) apresenta as principais novidades e expositores do Norte do

Estado de Santa Catarina.

Dezembro 2020

CAIRO WOODSHOW

Data: 03/12/2020 a 06/12/2020

Local: Cairo (Egito)

Informações: http://www.cairowoodshow.com

Com 25 países participantes, o Cairo WoodShow é o principal destino para especialistas

em madeira que visitam o evento todos os anos em todo o mundo. É o único local de

encontro entre empresas e especialistas da região para a indústria da madeira, acessórios

de madeira e máquinas para trabalhar madeira.

Janeiro 2021

MOVELPAR 2021

Data: 25/01/2021 a 28/01/2021

Local: Arapongas (PR)

Informações http://www.movelpar.com.br

Mais de 100 empresas já confirmaram a participação na feira que será repaginada na

próxima edição com estandes padronizados, atrações regionais, Projeto Comprador,

Prêmio Design, palestras, tendências e muitas novidades que irão abastecer o mercado

em 2021. Grandes oportunidades de negócios vão acontecer e estão previstas para o

evento.


Patrocinadores:

SERRAS E FACAS INDUSTRIAIS

www

revistareferencia.com.br

/referenciamadeira

comercial@revistareferencia.com.br


Temos a

porta ideal

para seu

projeto

Acesse nosso site e

nossas Redes Sociais e

conheça mais dos

nossos produtos

www.sincol.com.br

sincol_sa

SincolSA

(49) 3561-5000

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!