26.08.2020 Views

Revista SECOVIRIO 121

Create successful ePaper yourself

Turn your PDF publications into a flip-book with our unique Google optimized e-Paper software.

www.secovirio.com.br

OUTUBRO/NOVEMBRO/DEZEMBRO 2020 - venda proibida

121

ENTREVISTA

pág. 10 » 14

CONSULTAS JURÍDICAS

pág. 19 » 21

MATÉRIA ESPECIAL

pág. 29 » 38

NOSSOS LUGARES

pág. 49 » 59

SasinParaksa / stock.adobe.com

Ensino a distância chega com sucesso à UniSecovi Rio

e curso de Administração de Condomínios

fica disponível em formato digital


SUMÁRIO

PALAVRA DO PRESIDENTE

JURÍDICO

INSTITUCIONAL

MATÉRIA ESPECIAL

4

16

22

CURTINHAS

CONSULTAS JURÍDICAS

INDICADORES

HABITACIONAIS

NOSSOS LUGARES

5

19

26

ENTREVISTA

10

SERVIÇOS E PRODUTOS

OUTUBRO•NOVEMBRO•DEZEMBRO 2020 / nº 121

29

49

63

Não foi fácil encarar o ano de 2020. Inicialmente, começamos os primeiros

meses com muito otimismo para um cenário de retomada e, em pouquíssimo

tempo, fomos tomados por mudanças. Mas, mesmo diante de tantas incertezas,

podemos dizer que chegamos à reta final do ano com a sensação de união,

dever cumprido e certos de que entraremos em 2021 com as esperanças

totalmente renovadas. Em 2020, não tivemos medo de nos reinventar para

encarar os desafios causados pela Covid-19. Exemplo disso foi o lançamento do

novo curso a distância da UniSecovi Rio, de Administração de Condomínios,

que agora pode ser feito por pessoas de todo o Brasil e é o destaque da nossa

matéria de capa. Nesta edição da Revista Secovi Rio, a entrevista especial é

com o empresário Ladmir Carvalho, CEO da Alterdata, para falar sobre sua

trajetória focada em planejamento e em gestão de pessoas. Temos ainda

algumas recomendações para donos de animais de estimação que moram em

condomínios, as consultas jurídicas mais comuns dos últimos meses e muito

mais. Na editoria Nossos Lugares, você poderá fazer uma viagem pelas nossas

páginas para apreciar as belezas de Paraty.

Boa leitura a todos e que venha 2021!

Aponte a câmera do seu

celular para este

código e acesse um

conteúdo especial

EQUIPE SECOVI RIO


DIRETORIA/EXPEDIENTE

DIRETORIA SECOVI RIO

Efetivos

Presidente: Pedro José Maria Fernandes Wähmann

Vice-Presidente: Leonardo Conde Villar Schneider

Vice-Presidente Administrativo e Financeiro: Ronaldo Coelho Netto

Vice-Presidente Jurídico e de Assuntos Legislativos: Alexandre Hermes Rodrigues Corrêa

Vice-Presidente de Relações do Trabalho e Gestão Imobiliária: Dennys Abdalla Muniz Teles

Suplentes

Aldo Fernando Villar Hecht da Fonte; Antônio Carlos Ferreira; Antônio Henrique Lopes da Cunha; Rafael Thomé; Luís Carlos Bulhões Carvalho da

Fonseca Filho; Pedro Carlos Carsalade

DELEGADOS REPRESENTANTES JUNTO À FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Efetivos

Pedro José Maria Fernandes Wähmann; Manoel da Silveira Maia

Suplentes

João Augusto Pessôa; Ronaldo Coelho Netto

CONSELHO FISCAL

Efetivos

Marco Antônio Moreira Barbosa; Antônio José Fernandes Costa Neto; Jorge Ronaldo Ferreira Santos

Suplentes

Marco Antônio Vieira de Mello; Frederico Honorato Rodrigues Moreira; Francisco Miguel Lowndes de Abreu Teixeira Castel-Branco

CONSELHO DE RELAÇÕES DE TRABALHO

Dennys Abdalla Muniz Teles – Presidente; Alexandre Hermes Rodrigues Corrêa; Fernando Schneider; Maria Teresa Mendonça Dias; Antônio Henrique

Lopes da Cunha

REGIONAIS SECOVI RIO

Regional Baixada Fluminense

E-mail: baixadafluminense@secovirio.com.br

Regional Lagos

E-mail: lagos@secovirio.com.br

Regional Litorânea

E-mail: litoranea@secovirio.com.br

Regional Noroeste Fluminense

E-mail: noroestefluminense@secovirio.com.br

Regional Norte Fluminense

E-mail: nortefluminense@secovirio.com.br

Regional Costa Verde

E-mail: costaverde@secovirio.com.br

Regional Serra Imperial

E-mail: serraimperial@secovirio.com.br

Regional Serra Norte

E-mail: serranorte@secovirio.com.br

Regional Serra Verde

E-mail: serraverde@secovirio.com.br

Regional Sul Fluminense

E-mail: sulfluminense@secovirio.com.br

SEDE

Av. Almirante Barroso, 52/9º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ

CEP: 20031-918

Telefone: (21) 2272-8000 - Fax: (21) 2272-8001

E-mail: secovi@secovirio.com.br

A Revista Secovi Rio é uma publicação institucional, trimestral, do

Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de

Imóveis e dos Condomínios Residenciais e Comerciais em todo o Estado

do Rio de Janeiro.

EXPEDIENTE

Conselho Editorial: Pedro Wähmann e Ronaldo Coelho Netto

Coordenador de Marketing e Comunicação: Vanderlei S. de Mendonça

REDAÇÃO

imprensa@secovirio.com.br

Jornalista responsável: Camilla Rua

Redação: Camilla Rua e Rita Vasconcelos

Projeto gráfico e diagramação: Henrique Vasconcellos

Revisão: Sandra Paiva

PUBLICIDADE

Patricia Teixeira

(21) 2272-8009 - (21) 99507-4574

patricia@secovirio.com.br

A revista reserva-se o direito de não aceitar publicidade sem fundamentar

motivação de recusa.

Os anúncios veiculados são de responsabilidade dos anunciantes.

Distribuição gratuita.

Distribuição nacional:

Treelog S.A. Logística e Distribuição.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 2


Canais

Digitais

para agilizar

o atendimento.

O momento é complicado, mas não estamos parados: síndicos, condôminos,

proprietários e inquilinos contam com os canais digitais de atendimento da Zirtaeb

para agilizar o dia a dia e lidar com as novas rotinas impostas pela situação atual:

App exclusivo disponível na Google Play e App Store com segunda via de boletos, central

de mensagens, acesso a atas e assembleias, reservas de áreas comuns e muito mais.

Pasta Digital que traz a facilidade no controle de contas do condomínio e total

transparência na gestão, além da segurança contra perdas e danos nos documentos.

Zirtaweb que é o portal de acesso para síndicos e condomínios no próprio site da

administradora com todas as principais informações do dia a dia do condomínio.

Conte conosco. Juntos sairemos desta!

Zirtaeb Matriz

Rua da Alfândega, 108 - Centro / RJ

Tel: 3233-3500 - zirtaeb@zirtaeb.com

Zirtaeb Recreio

Rua Amaury Monteiro, 35 GR. 201/217

Tel: 2437-9445 - recreio@zirtaeb.com

Zirtaeb Barra

Av. das Américas, 2901 GR. 411/412

Tel: 2439-8170 - barra@zirtaeb.com

Zirtaeb Copacabana

Av. N. S. Copacabana, 647 GR. 709

Tel: 2255-9893 - copacabana@zirtaeb.com

Secovi 11 • Abadi 2 • CRECI J 101 kamba.com.br

www.zirtaeb.com

fb.com/zirtaeb.com.br

instagram @zirtaeb_adm

Condomínios e Bens Imóveis


PALAVRA DO PRESIDENTE

Se você recebeu esta revista e agora está lendo esta coluna,

parabéns e muito obrigado! Especialmente se você é um

representado do Secovi Rio que reconhece a importância do nosso

trabalho, serviços e produtos para o mercado imobiliário. Graças a

você, que tem pago as contribuições sindicais e assistenciais cobradas anualmente

dos condomínios e das administradoras no Rio de Janeiro, seguimos firmes no

propósito de desenvolver o mercado de habitação.

Estamos caminhando para a reta final do ano de 2020 com muita confiança de que

2021 será marcado por um período de retomada e otimismo. Queremos contar com

cada um de vocês nesse novo ciclo que vai se iniciar logo mais.

As contribuições sindicais e assistenciais para o Secovi Rio possuem amparo legal e

são usadas com muita responsabilidade para o principal objetivo do Sindicato:

proteger e fortalecer nossos representados. E fazemos isso de diversas formas!

A UniSecovi Rio oferece cursos presenciais, ensino à distância, palestras, debates e

lives com especialistas renomados. Tudo isso para disseminar conhecimento de

qualidade aos envolvidos com o mercado imobiliário, incluindo porteiros,

colaboradores de administradoras, síndicos e outros interessados numa atividade

cada vez mais complexa.

Nosso departamento Jurídico atende a todos os condomínios em dia com suas

contribuições, tanto na forma presencial quanto por todos os meios de comunicação,

além de ser fonte de consulta para administradoras.

Fazemos um incansável acompanhamento legislativo nas esferas municipal, estadual

e federal, analisando propostas de novas leis que podem impactar o mercado

condominial e imobiliário. Também estudamos o mercado frequentemente por meio

do Centro de Pesquisa e Análise da Informação.

Além disso, temos diversos eventos anuais que nos colocam como referência para a

mídia especializada. Isso sem falar em nossas publicações, que divulgam conteúdo de

qualidade ao nosso público.

Enfim, não paramos nunca e usamos as contribuições de maneira totalmente

planejada.

Caso tenha dúvida, ligue para nós. Teremos prazer em atendê-lo, fazendo-o sentir a

importância do Secovi Rio junto a você.

Ronaldo Coelho Netto

Vice-Presidente Administrativo e Financeiro do SECOVI RIO

Sua opinião é muito importante

Quer mandar um comentário sobre esta edição

ou sugerir uma pauta?

Envie um e-mail para imprensa@secovirio.com.br

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 4


CURTINHAS

Classificados Secovi Rio: oportunidades para empresas se destacarem no mercado imobiliário

LIGHTFIELD STUDIOS / stock.adobe.com

Quem não é visto não é lembrado... Já dizia o

ditado popular! Mas, para os clientes do

Secovi Rio, falta de visibilidade não é mais

um problema para quem quer se diferenciar

no segmento de imóveis e de condomínios.

Com o objetivo de aumentar as

oportunidades de bons negócios no mercado

imobiliário, o Secovi Rio lançou, no mês de

julho, o serviço de Classificados em seu site.

A partir de agora, as empresas podem

divulgar seus produtos e serviços em um

espaço com grande visibilidade no Rio de

Janeiro, de um jeito on-line, moderno e

prático.

Ao atingirem um público formado por

síndicos, administradoras de imóveis, equipes

de condomínios, profissionais do mercado

imobiliário e muito mais, os Classificados

Secovi Rio aumentam a competitividade de

empresas de diferentes portes.

Além disso, anunciantes e clientes contam

com a confiança conquistada pelo Secovi Rio

nas últimas décadas por representar mais de

35 mil condomínios e mais de 6,1 mil

administradoras e imobiliárias na região.

CLASSIFICADOS

www.secovirio.com.br/classificados

Quem quiser anunciar deve entrar em

contato com patricia@secovirio.com.br

ou ligar para (21) 99507-4574,

(21) 2272-8009 ou (21) 2272-8008.

Para preservar a saúde dos participantes, Conami é adiado para março de 2021

Don Pablo/ Shutterstock.com

O consórcio de entidades realizadoras do

Conami decidiu adiar a realização da 20ª

edição do evento, que aconteceria em

outubro, para o período de 8 a 10 de março

de 2021. Todas as atividades propostas para

o congresso serão mantidas e acontecerão

de forma presencial.

O objetivo de tal medida é preservar a saúde

dos participantes neste momento de

pandemia, além de evitar longos

deslocamentos que poderiam pôr em risco a

segurança dos congressistas e do público em

geral em relação ao coronavírus. Além disso,

os organizadores acreditam que ainda não é

o momento de reunir um grande número de

pessoas para um congresso nacional e que,

por isso, é preciso ter muita cautela.

Para oferecer aos congressistas,

patrocinadores e ao mercado em geral

conteúdos de qualidade e outra

oportunidade para a troca de informações,

haverá no mês de outubro o Conexão

Conami, que acontecerá de forma virtual e

trará cases do segmento imobiliário e

convidados para abordar outros temas

relevantes para os profissionais da área.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 5


Outubro Rosa e Novembro Azul: todo dia é dia de cuidar da sua saúde!

MiaStendal / stock.adobe.com

Nesta época do ano, as campanhas

Outubro Rosa e Novembro Azul começam

a ganhar força em diversos veículos de

comunicação para conscientizar as

pessoas sobre a importância dos exames

preventivos de câncer de mama e câncer

de próstata.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer

(Inca), o diagnóstico prematuro permite

que até 90% dos pacientes sejam

tratados e curados da doença. Por isso é

importante manter o acompanhamento

periódico a partir dos 50 anos, e aos 45

anos se o paciente tiver casos de câncer

na família.

O Secovi Rio acredita que tais iniciativas

de conscientização são essenciais para a

qualidade de vida da população e para

divulgar hábitos saudáveis entre pessoas

de todas as idades.

Como esse tipo de câncer pode demorar

a apresentar sintomas em homens e

mulheres, é fundamental ter um estilo de

vida saudável e fazer consultas médicas,

ao menos, uma vez por ano.

Fatores de risco para o câncer de mama:

• Obesidade e sobrepeso após a

menopausa

• Sedentarismo

• Consumo de bebidas alcoólicas

• Exposição a radiações de raio X

• Mulheres que menstruaram pela

primeira vez antes dos 12 anos

• Não ter tido filhos

• Primeira gravidez após os 30 anos

• Não ter amamentado

• Uso de anticoncepcionais

• Histórico familiar de câncer de mama

ou ovários

Fatores de risco para o câncer de

próstata:

• Obesidade

• Histórico familiar

• Sedentarismo

• Raça (homens negros são mais

propensos a desenvolver esse tipo de

câncer)

Fonte: Ministério da Saúde

Jornal ‘O Dia’ e Secovi Rio: uma nova parceria e muito mais credibilidade

O Secovi Rio firmou mais uma importante

parceria para reforçar sua relevância no

segmento imobiliário e manter o público

atualizado quanto aos dados mais

recentes sobre o setor.

A partir de agora, o portal Mercado

Imobiliário vai disponibilizar as tabelas

mensais do Centro de Pesquisa e Análise

da Informação do Secovi Rio (Cepai) com

os indicadores de compra e locação.

O Sindicato também vai realizar

pesquisas especiais ao longo dos

próximos meses para divulgação no

portal Mercado Imobiliário, na seção

Panorama Imobiliário do jornal “O Dia” e

na rádio JBFM.

“É uma parceria muito positiva, pois é

possível traçar vários panoramas com os

números. Podemos até mostrar a

valorização de determinada rua, por

exemplo. Quanto mais informação chegar

ao leitor, melhor ele estará informado

para tomar uma decisão, seja ela de

compra ou locação do imóvel”, comenta

Maurício Eiras, coordenador estatístico

do Secovi Rio.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 6


Condomínios e animais de estimação: 10 dicas para o bem-estar dos pets

Você sabia que o dia 4 de outubro foi

escolhido para homenagear São Francisco

de Assis, conhecido na Igreja Católica por

ser o santo padroeiro dos animais e da

natureza, além de ser considerado o santo

dos pobres?

Morto em 1226, São Francisco foi

canonizado por abrir mão de sua fortuna

para se dedicar aos animais, ao meio

ambiente e aos leprosos.

Para fazer referência a essa data, o Secovi

Rio entrevistou a veterinária Fabiana

Cardozo, que listou algumas dicas para

quem mora em condomínios e tem

animais de estimação.

Independentemente da religião ou crença,

é importante seguir alguns cuidados de

segurança para preservar a saúde dos

bichinhos.

1- Em primeiro lugar, o dono deve

conhecer bem as regras do condomínio

para saber os horários permitidos para

passear com os pets nas áreas comuns e

se existem locais específicos para esse

tipo de atividade.

2- Ao escolher um pet para seu

apartamento, prefira raças que façam

pouco barulho e tenham baixo nível de

ansiedade (principalmente se ficarão

muito tempo sozinhos). Em caso de

dúvida, vale a pena consultar um

veterinário para fazer a opção correta.

3- Geralmente os cachorros de pequeno

porte, com até 10kg, conseguem se

adaptar melhor ao dia a dia da vida em

apartamento.

4- No caso de animal de grande porte, é

mais difícil a adaptação em

apartamentos. Por isso é recomendado

que ele tenha uma vida social mais ativa.

Isso inclui fazer passeios longos, ao

menos, duas vezes ao dia para ele gastar

energia.

5- Se o cachorro late muito no dia a dia,

uma dica válida é buscar socializá-lo por

meio de passeios e brincadeiras que

aliviem o nível de estresse do bicho. Em

casos mais graves, o veterinário pode

avaliar a necessidade de algum

medicamento para minimizar a tensão

do animal.

6- Se o seu animal fica muito tempo

sozinho no apartamento, compre

objetos que possam entretê-lo no

período em que você estiver longe.

Atualmente, existem vários brinquedos

e outras opções disponíveis no mercado

para todos os bolsos.

7- Para as pessoas que trabalham o dia

inteiro fora, outra recomendação é

reservar alguns minutos da manhã para

dar atenção total ao animal, fazer

carinho, pentear o pelo, conversar etc.

Isso faz muita diferença para o

bem-estar deles.

8- Também é importante manter o

bichinho limpo, vacinado e com controle

de parasitas em dia para evitar a

contaminação de outros animais do

condomínio. O veterinário pode orientar

com os remédios mais adequados para

pulgas ou carrapatos.

9- Invista em telas de proteção nas

janelas, varandas e sacadas para evitar

acidentes que possam colocar a vida do

seu animal em risco.

10- Ao passear com o seu animal pelas

áreas do condomínio, leve junto alguns

sacos plásticos para recolher os dejetos

do pet e manter a higiene do

condomínio. O ideal é levar o bicho para

passear, ao menos, uma vez por dia.

Happy monkey / stock.adobe.com


Nossa homenagem a Sylvio Capanema, um nome brilhante para o mercado imobiliário

MyCreative / stock.adobe.com

Sylvio Capanema foi um nome de grande

relevância para o mercado imobiliário de

serviços, com uma trajetória marcada por

trabalhos de destaque como advogado,

desembargador e professor. Seu

falecimento aos 82 anos, no dia 21 de

junho, vítima da Covid-19, foi motivo de

grande pesar para toda a equipe do

Secovi Rio.

Especialista em Direito Imobiliário, Sylvio

Capanema se formou em 1960 na

Faculdade Nacional de Direito e foi um

dos autores da Lei do Inquilinato. Como

desembargador do Tribunal de Justiça do

Rio de Janeiro, ele teve uma atuação

brilhante e respeitada.

Entre 1994 e 2008, quando se

aposentou, Capanema atuou na

magistratura com muito êxito. Em 2017,

ele recebeu a Medalha Tiradentes,

considerada a maior honraria do Estado

do Rio de Janeiro.

O Secovi Rio teve a grande honra de tê-lo

como professor da UniSecovi Rio, da qual

foi grande incentivador e participante,

formador de inúmeros profissionais que

se aprimoraram com seus ensinamentos e

tanto o admiravam.

Orador nato e renomado, Sylvio foi

incansável na participação em inúmeros

eventos ligados ao setor de administração

imobiliária, nos honrando como

palestrante dos Conamis – o Congresso

Nacional do Mercado Imobiliário –, desde

o primeiro aqui, no Rio de Janeiro, em

1979, até o último, realizado em Salvador,

em 2017.

O presidente do Secovi Rio, Pedro

Wähmann, conta com orgulho sobre o

legado deixado pelo desembargador para

o segmento imobiliário: “Conheci o

Capanema na abertura do primeiro

Conami, que se chamava Conai, aqui no

Rio, em 1979, no antigo Hotel Nacional.

Ele representava o presidente da

Associação de Proprietários de Imóveis

do Rio de Janeiro, e eu, já diretor do

Secovi, fui representando nosso então

presidente Guilherme Dale na época.”

Sylvio Capanema em evento do Secovi Rio para profissionais do

mercado imobiliário.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 9

Como forma de respeito a Capanema e

seus familiares, o Secovi Rio deixa aqui

uma homenagem repleta de gratidão e

orgulho a esse grande homem que

também fez parte da história do

Sindicato.

Divulgação


ENTREVISTA • LADMIR CARVALHO

‘os clientes querem

coisas diferentes,

os colaboradores

precisam ser

liderados de formas

distintas, tudo

precisa ser revisto ’

admir Carvalho, fundador da Alterdata,

é um exemplo típico de que é preciso

estar atento às demandas do

mercado para buscar oportunidades de

empreender. Criada em 1989 em uma sala

pequena e sem muitos recursos, a

empresa é focada no desenvolvimento de

softwares de contabilidade, ERP, comércio,

indústria, restaurante e gestão. Ao longo

das últimas décadas, a companhia

contabilizou um crescimento anual de

20% e ultrapassou a marca de 300 mil

sistemas em operação no mercado.

Com sede na Região Serrana do Rio, a

empresa conta com mais de 1.800

colaboradores, faturamento anual de R$

190 milhões, cerca de 50 mil clientes e

mais de um milhão de usuários utilizando

os softwares. Na visão de Ladmir, essa

evolução é fruto de muito planejamento,

visão de futuro, gestão de pessoas e

trabalho em equipe.

“É importante ter a coragem de mudar

métodos muito antigos para novos

padrões, pois os clientes querem coisas

diferentes, os colaboradores precisam ser

liderados de formas distintas, tudo precisa

ser revisto, e estamos fazendo isso na

Alterdata.”

Confira a entrevista do executivo à

Revista Secovi Rio.

Camilla Rua

Divulgação

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 10


ENTREVISTA • LADMIR CARVALHO

A Alterdata tem um trabalho focado em três pilares básicos: tecnologia,

atendimento e capacitação. De que forma esses três pilares contribuem para o

crescimento da empresa e para a oferta de serviços inovadores para o mercado?

Somos uma organização que nasceu em Teresópolis, uma cidade do interior, onde não

poderíamos contar com pessoas prontas 30 anos atrás. Na época em que a empresa foi

fundada, tínhamos que ser formadores de profissionais, o que se tornou um DNA e um

grande diferencial até hoje, pois aprendemos coisas novas muito rapidamente, nos

colocando à frente dos concorrentes. Essas frentes, em muitas das vezes, são tecnologias

inovadoras, novas plataformas, novos softwares, mas muitas das vezes são procedimentos

e novos métodos de fazer as coisas. O importante é inovar continuamente. O outro pilar

importante é o atendimento, pois não acredito que os clientes consigam usar tudo

sozinhos sem apoio, sem escutarmos as necessidades e as suas dores. É muito importante

para uma empresa de serviço ter em mente que o cliente deve estar no centro do

negócio, e isso se constrói com atendimento de qualidade.

LADMIR

Quais são as soluções da Alterdata mais relevantes para o segmento imobiliário e

como a empresa enxerga as necessidades desse setor?

Divulgação

A Alterdata atua nesse segmento há mais de 25 anos com software de Gestão de

Condomínios, Gestão de Locações e Gestão de Corretagem. Estes três módulos garantem

que as administradoras de imóveis tenham qualidade no dia a dia. A cada mês, estamos

inovando, e foi o que aconteceu há pouco tempo com o APP do Immobile, um aplicativo

que envia boletos no celular, ajuda no relacionamento no condomínio e até mesmo no

agendamento de áreas em comum. Os módulos de corretagem estão conectados com a

grande maioria das plataformas de vendas na internet, ajudando nossos clientes a

ampliarem suas atuações com baixo investimento em infraestrutura, pois as conexões

acontecem de forma bastante transparente. Estamos com vários projetos em andamento

para esse segmento. Ainda dentro de 2020, lançaremos mais coisas importantes para as

administradoras fazerem diferença no mercado.

LADMIR

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 11


ENTREVISTA • LADMIR CARVALHO

Segundo dados da Alterdata, a empresa vem conquistando um crescimento anual

de 20% ao longo de sua trajetória desde 1989. O que você considera primordial

para manter esse nível e continuar evoluindo?

Esse crescimento está baseado em alguns princípios que valem para todas as prestadoras

de serviços. O primeiro é ter um planejamento forte do próximo ciclo da empresa, com

metas e missões alinhadas para estarmos andando na direção certa. Uma empresa não

pode navegar sem nenhum instrumento, precisa ter indicadores de performance para

saber se está conseguindo conquistar os espaços que imaginou. Outra coisa importante

para o nosso crescimento é ter um colchão financeiro, uma reserva de caixa para

podermos suportar os momentos de adversidade, pois situações podem ocorrer e pegar a

empresa desprevenida. A Alterdata nunca descontou uma duplicata em banco, nunca

usou um limite de cheque especial, nunca pegou dinheiro emprestado, tudo porque o

planejamento financeiro é estruturado. Outra coisa que julgo ser importante é inovação

contínua, é estar o tempo inteiro buscando o próprio degrau de excelência.

LADMIR

O ano de 2020 foi um ano de muitos desafios para diferentes segmentos da

economia, especialmente por conta da pandemia do novo coronavírus. Como a

Alterdata se reinventou para driblar a crise e continuar oferecendo soluções de

excelência?

pixel / stock.adobe.com

A grande maioria das empresas está sendo colocada à prova neste ano de 2020, e na

Alterdata não foi diferente. Colocamos 1.800 colaboradores para trabalhar em home

office, ou seja, um plano de guerra em que foi necessário reinventar por completo a

organização. Mudamos praticamente tudo que fazíamos com muita velocidade, e isso

transformou a Alterdata numa empresa mais veloz, participativa, inovadora e atendendo

mais ainda às expectativas dos clientes. Estamos neste momento num ciclo de

treinamentos para mudar a forma de pensar dos Alterdatanos, e eu pessoalmente estou

envolvido nesse processo. Cheguei a dar treinamentos de comportamento para 400

colaboradores, tudo de forma on-line. O mais importante disso tudo é o empreendedor

entender que o sucesso do passado não garantirá o sucesso do futuro, pois o jogo mudou

completamente. É importante ter a coragem de mudar métodos muito antigos para novos

padrões nessa nova sociedade, pois os clientes querem coisas diferentes, os

colaboradores precisam ser liderados de formas distintas, tudo precisa ser revisto, e

estamos fazendo isso na Alterdata.

LADMIR

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 12


ENTREVISTA • LADMIR CARVALHO

Gestão de pessoas é outro ponto levado a sério no dia a dia da Alterdata. Como um

gestor de sucesso e CEO da empresa, qual é a sua visão sobre esse assunto e como

uma liderança forte pode estimular a integração dentro da companhia?

Numa empresa de serviço, seja uma softhouse ou administradora de imóveis, os

colaboradores são fundamentais. Na nossa empresa, nós os chamamos de Alterdatanos.

Eles são os motores da organização. Não pode haver uma estrela única na companhia,

todos precisam brilhar, e por isso acredito numa gestão plana e transparente. Desde a

nossa fundação, há 30 anos, temos atividades em que eu vou para o auditório apresentar

os números da empresa. Mostro tudo: faturamento, dados financeiros, conquistas e

derrotas. Todos precisam saber como estão indo as coisas e quais os papéis de cada um.

Isso vai construindo uma liga, que é muito importante em momentos de crise. Temos uma

universidade corporativa na Alterdata, que é responsável por treinar a todos o tempo

inteiro, o que é fundamental para o alinhamento dos Alterdatanos. A maioria do meu

tempo como presidente da empresa é direcionada para capacitar pessoas, motivar

clientes, mexer com corações, com crenças e retirar bloqueios das pessoas. Somos um

exército alinhado, e não um bando de pessoas trabalhando juntas.

LADMIR

No Secovi Rio, temos um público muito grande de síndicos e profissionais do

mercado imobiliário que precisam lidar diariamente com diversas atividades e

obrigações. Quais dicas você daria a esses profissionais sobre como administrar o

tempo e estabelecer metas para conquistar mais sucesso?

Sergey Nivens / stock.adobe.com

Divulgação

A gestão do tempo é uma competência cada dia mais importante, pois estamos numa

sociedade que nos distrai o dia inteiro, nos puxa para o celular e inúmeros conteúdos

inúteis. Por isso é importante ter a consciência e métodos para ter foco. Uma das coisas

relevantes é entender a diferença entre o que é urgente, o que é importante e o que é

rotineiro. Para isso, sugiro que pesquisem no YouTube o termo “Gestão do Tempo” e o

meu nome, pois há um vídeo que gravei falando durante 40 minutos sobre como gerir

melhor o tempo. Contudo, o fundamental é ser disciplinado o bastante para não permitir

que as coisas urgentes consumam mais do que 15% do seu tempo diário. Existem coisas

importantes e urgentes, que precisam de prioridade, mas também existem coisas

importantes e não urgentes que podem ser geridas no tempo. Tudo é uma questão de

organização pessoal.

LADMIR

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 13


ENTREVISTA • LADMIR CARVALHO

Uma carreira de sucesso é marcada por erros, acertos e aprendizado constante.

Você pode citar alguns pontos que foram fundamentais para o seu crescimento

estratégico e também da Alterdata?

Concordo. Não aprendemos sempre com nossos acertos, os erros nos ensinam bastante.

Eu faço muitas palestras no Brasil inteiro sobre esse tema, e na quarentena falei para mais

de 30 mil empresários tentando mostrar a força de sermos muito observadores, pois

prestar atenção em nós mesmos nos fará entender os pontos que temos de melhorar, e

prestar atenção nos outros, criando referências positivas e negativas, nos ajuda a saber o

que queremos e não queremos ser. O jogo hoje está na velocidade, então errar não é

problema, desde que o erro seja corrigido muito rapidamente, e na Alterdata não punimos

uma pessoa que erra e aprende, o que não aceitamos é um mesmo erro várias vezes –

isso é danoso numa organização. Já tivemos perdas expressivas de recursos financeiros

no passado por fazer um software que o cliente não queria, ou seja, não escutamos o

cliente. A nossa prepotência na época nos fez acreditar que sabíamos o que o cliente

queria, o que foi um erro. Essa falha nos fez criar métodos importantes e que hoje são os

nossos pilares em projetos de inovação.

LADMIR

Como você vê a empresa daqui a 10 anos e qual legado gostaria de deixar para a

sociedade como um todo ao lado de sua equipe de colaboradores e parceiros?

Suppachok N / stock.adobe.com

A Alterdata está em 2020 com 1.800 colaboradores, faturamento anual perto de R$ 190

milhões, tem 50 mil clientes ativos e cerca de 100 unidades de negócio distribuídos pelo

país inteiro, mas tenho a certeza de que é possível triplicar o tamanho da empresa. Para

isso, um legado importante é fazer cada vez mais com que os Alterdatanos tenham

orgulho de trabalhar nesta empresa. Queremos continuar preservando a ética que sempre

tivemos em nunca ter tido um caixa dois ou qualquer outra irregularidade na organização.

Estamos trabalhando pesado para que os clientes não vejam a Alterdata apenas como

fornecedora de software. Queremos ser efetivamente um motor de negócio para os

clientes, queremos ajudar nossos clientes a ganhar mais dinheiro, a serem mais eficientes,

a terem mais qualidade... Isso me dá muito orgulho porque estamos ajudando a melhorar

o nosso país.

Numa empresa de serviço, seja uma softhouse ou

administradora de imóveis, os colaboradores são

fundamentais. Eles são os motores da organização.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 14

LADMIR


CONTROLE DE SEGURANÇA DO EDIFÍCIO:

• Chance de faltar extintores: 0,01%

0,07%

0,03%

• Chance de incêndio em um apartamento

com carpetes: imprevisível.

Por mais que você planeje,

um condomínio é cheio de imprevistos.


a




Saiba mais em corretoraapsa.com.br

@corretoraapsa


JURÍDICO - ARTIGO

agcreativelab / stock.adobe.com

O

ano de 2019 não foi dos melhores, e

torcíamos para logo acabar e chegar

2020, com os ventos das mudanças e

esperança de dias melhores. Triste sonho! Se

2019 foi difícil para muitos, 2020 não

economizou nas tragédias. Jamais

pensaríamos que viveríamos momentos

como os que passamos! O isolamento social,

a paralisação dos negócios. Parece que a

vida parou! Mas não. Com muito esforço e

dedicação, seguimos em frente.

Como consequência da crise vivenciada, foi

necessário adotar medidas emergenciais

para manutenção do emprego e da renda

dos trabalhadores, neste momento de

enfrentamento do estado de calamidade

pública decorrente da disseminação do

contágio do coronavírus.

O primeiro ato do Governo Federal foi a

edição da Medida Provisória nº 927/2020,

dispondo sobre medidas trabalhistas que

poderiam ser adotadas: teletrabalho (home

office), antecipação de férias individuais,

concessão de férias coletivas,

aproveitamento e antecipação de feriados

(religiosos ou não) e banco de horas.

Algumas por decisão exclusiva do

empregador; outras mediante acordo com os

empregados.

Referidas medidas, no entanto, não se

mostraram suficientes para que o

empresariado, principalmente o pequeno e

médio, pudesse ter fôlego para manter o seu

negócio. Foi então editada a Medida

Solange Santos - Advogada

Provisória nº 936/2020, que instituiu o

Programa Emergencial de Manutenção do

Emprego e da Renda, bem como estabeleceu

os critérios para redução de jornada e salário

e para suspensão do contrato de trabalho,

mediante acordo individual ou coletivo, ou

convenção coletiva.

Definidos os parâmetros e exigências para

adoção dessas medidas, que geraram direito

ao recebimento de um Benefício

Emergencial de Preservação do Emprego e

da Renda custeado pela União, milhares de

acordos foram comunicados ao Ministério da

Economia, e aparentemente tudo indicava

que, ao menos, uma preocupação estaria

resolvida.

Uma discussão surgida naquele momento foi

em relação aos empregados aposentados. A

questão, no entanto, ficou superada com a

edição da Lei nº 14.020, de 6 de julho de

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 16


2020, que expressamente define regras para

os acordos de redução de jornada e salário e

de suspensão do contrato de trabalho com

os empregados aposentados, conforme

consta do artigo 12, § 2º.

De acordo com a Lei, somente será admitida

a implementação das medidas de redução

proporcional de jornada de trabalho e de

salário ou suspensão temporária do contrato

de trabalho por acordo individual escrito

com empregados que se encontrem em gozo

do benefício de aposentadoria, se forem

observadas as seguintes regras:

1) Esteja o empregado enquadrado em uma

das hipóteses de autorização do acordo

individual de trabalho previstas no caput ou

no § 1º do artigo 12 da Lei, ou seja:

a. Empregados com salário igual ou inferior a

R$ 2.090 e empresa com receita bruta

superior a R$ 4.800.000;

b. Empregados com salário igual ou inferior a

R$ 3.135 e empresa com receita bruta igual

ou inferior a R$ 4.800.000;

c. Empregados portadores de diploma de

nível superior com salário igual ou superior a

R$ 12.202,12.

2) Haja o pagamento, pelo empregador, de

ajuda compensatória mensal, que terá

natureza indenizatória.

Em relação à ajuda compensatória, esta

deverá ser, no mínimo, equivalente ao valor

do benefício que o empregado receberia se

não houvesse a vedação ao recebimento do

Benefício Emergencial, e, na hipótese de

empresa com receita bruta superior a R$

4.800.000 (quatro milhões e oitocentos mil

reais), o total pago a título de ajuda

compensatória mensal deverá ser, no

mínimo, igual à soma do valor previsto

naquele dispositivo (30% do valor do salário

do empregado), com o valor mínimo

equivalente ao do benefício que o

empregado receberia se não houvesse a

vedação ao recebimento do Benefício

Emergencial.

Observadas as regras acima expostas,

poderá ser firmado acordo individual para

redução proporcional de jornada e salário ou

suspensão do contrato de trabalho dos

empregados aposentados. Vale registrar que

Os empregadores

seguem fazendo

malabarismos entre

suspensões de

contratos e redução

de jornada e salários,

antecipação de férias,

entre outras medidas,

com vistas à redução

de despesas, buscando

manter suas

atividades e os

empregos de seus

a Lei nº

14.020/2020

manteve os

prazos-limite

previstos na MP

936 para adoção

das medidas de

redução do salário

e jornada e

suspensão

temporária do

contrato de

trabalho, havendo

possibilidade, no

entanto, de

colaboradores

prorrogação desses prazos por ato do

presidente da República, o que ocorreu com

a edição do Decreto Federal nº 10.422, de

13 de julho de 2020, publicado no D.O.U. de

14 de julho de 2020.

Conforme o decreto, o prazo máximo para

celebrar acordo de redução proporcional da

jornada de trabalho e de salário foi acrescido

de 30 dias, de modo a completar o total de

120 dias; e o prazo máximo para celebrar

acordo de suspensão temporária do contrato

de trabalho foi acrescido de 60 dias, de

modo a completar o total de 120 dias.

Ainda de acordo com o decreto, a suspensão

do contrato de trabalho poderá ser efetuada

de forma fracionada, em períodos sucessivos

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 17


ou intercalados, desde que esses períodos

sejam iguais ou superiores a dez dias e que

não seja excedido o prazo de 120 dias.

Observe-se, contudo, que os períodos de

redução proporcional de jornada e de salário

ou de suspensão temporária do contrato de

trabalho utilizados até a data de publicação

do decreto serão computados para fins de

contagem dos limites máximos resultantes

do acréscimo de prazos, ou seja, 120 dias.

Outra mudança prevista no decreto é que a

concessão e o pagamento do Benefício

Emergencial de Preservação do Emprego e

da Renda e do Benefício Emergencial pago

ao empregado com contrato de trabalho

intermitente observarão as prorrogações de

prazo previstas no decreto, ficando

condicionados às disponibilidades

orçamentárias.

Por fim, os empregadores seguem fazendo

malabarismos entre suspensões de contratos

e redução de jornada e salários, antecipação

de férias, entre outras medidas, com vistas à

redução de despesas, buscando manter suas

atividades e os empregos de seus

colaboradores, mas também

experimentando uma nova forma de

trabalhar e lidar com o outro. Seguimos mais

fortes na esperança de que, juntos,

superaremos este difícil momento.

Satori Studio / stock.adobe.com

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 18


JURÍDICO - CONSULTAS

TRABALHISTA

O adicional de manuseio de lixo, previsto na

Convenção Coletiva, é devido ao funcionário

que não tem qualquer contato com lixo e

apenas leva o contêiner da calçada até o

interior do prédio?

Com relação ao adicional de manuseio de lixo,

informamos que se trata de um benefício

concedido através de negociação coletiva,

sendo sua incidência definida expressamente

na Convenção, bem como a hipótese em que

ele deixa de ser obrigatório.

A Cláusula 18ª da norma coletiva define, na

parte final do caput, o que caracteriza o

“manuseio do lixo”, o qual é devido aos

empregados que trabalham nas dependências

da lixeira, nos locais dos compactadores de

lixo, sendo o manuseio caracterizado pelo ato

de transferência do material depositado nas

lixeiras para os sacos plásticos ou latões,

transportando-os para o local de coleta,

efetuando a lavagem dos latões de lixo.

O parágrafo primeiro da citada cláusula é claro

ao estabelecer que não caracteriza o manuseio

de lixo o simples transporte do latão para o

local de coleta, não havendo, por

consequência, que falar em pagamento do

respectivo adicional.

É possível a retomada do imóvel funcional,

com a continuidade da relação de emprego?

A moradia funcional está disciplinada na

Cláusula 19ª da Convenção Coletiva de

Trabalho, cuja concessão é ato voluntário do

empregador, de forma gratuita e para facilitar o

trabalho.

Uma vez concedida a moradia funcional,

somente poderá ser retirada nas hipóteses de

encerramento imotivado do contrato de

trabalho; nos casos de suspensão ou

interrupção do contrato de trabalho, nos

prazos estabelecidos nos parágrafos 10 e 11º;

nas rescisões de contrato de trabalho

motivadas por iniciativa do empregado,

demissão por justa causa ou término do

contrato de experiência; ou, ainda, caso o

empregado voluntariamente queira deixar a

unidade funcional.

Fora das hipóteses elencadas, não é possível a

retomada do imóvel funcional.

Procedida a suspensão do contrato de

trabalho, na forma prevista na MP 936, por 60

dias, é possível renovar a suspensão? Por qual

período?

De acordo com o Decreto nº 10.422/2020,

que regulamenta a Lei nº 14.020/2020

(resultante da conversão da MP 936 em lei), o

prazo máximo para celebrar acordo de redução

proporcional da jornada de trabalho e de

salário foi acrescido de 30 dias, de modo a

completar o total de 120 dias; e o prazo

máximo para celebrar acordo de suspensão

temporária do contrato de trabalho foi

acrescido de 60 dias, de modo a completar o

total de 120 dias.

Ainda de acordo com o decreto, a suspensão

do contrato de trabalho poderá ser efetuada

de forma fracionada, em períodos sucessivos

ou intercalados, desde que esses períodos

sejam iguais ou superiores a dez dias e que não

seja excedido o prazo de 120 dias.

Observe-se, contudo, que os períodos de

redução proporcional de jornada e de salário,

ou de suspensão temporária do contrato de

trabalho, utilizados até a data de publicação do

decreto serão computados para fins de

contagem dos limites máximos resultantes do

acréscimo de prazos, ou seja, 120 dias.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 19


CONDOMÍNIO

Há incidência da contribuição previdenciária

sobre o pró-labore do síndico ou isenção da

cota condominial?

A legislação previdenciária expressamente

classifica o síndico que recebe remuneração

pelo exercício da função como contribuinte

individual e, portanto, sujeito ao recolhimento

da contribuição previdenciária, posto que

segurado obrigatório da Previdência Social (art.

12, V, letra “f”, da Lei nº 8.212/1991).

A isenção no pagamento da cota condominial,

como contraprestação pelo exercício da função

de síndico, é uma forma de remuneração, ainda

que indireta, conforme previsto no art. 55 da

Instrução Normativa SRF nº 971/2009, sendo,

portanto, igualmente devida a contribuição

previdenciária, tanto por parte do condomínio

quanto pelo síndico, observando este último os

limites mínimo e máximo do salário de

contribuição.

Assim, deve o condomínio proceder a retenção

da contribuição devida pelo síndico (11%),

recolhendo o valor correspondente juntamente

com a contribuição a seu cargo, que equivale a

20%.

A única exceção para a não retenção será a

comprovação pelo síndico de que exerce

atividade remunerada por outra fonte

pagadora, pela qual já existe retenção da

contribuição previdenciária sobre o limite

máximo do salário de contribuição. Ainda

assim, haverá a incidência da contribuição de

20%, de responsabilidade do condomínio.

Existe alguma lei que proíba que condomínios

tenham lixeira interna ou que o lixo seja

jogado nas lixeiras internas dos condomínios

residenciais?

A Lei Municipal nº 3.273/2001, da Cidade do

Rio de Janeiro, regula o sistema de manuseio

do lixo domiciliar nas edificações,

responsabilizando a administração do

condomínio pelas condições de operação,

asseio e higiene do sistema de movimentação

interna dos resíduos nas edificações.

De acordo com o art. 19 da lei, a

movimentação interna pode ser realizada por

meio de tubo de queda ou por meio de

transporte de recipientes plásticos, não

especificando a localização do referido tubo, se

nas partes comuns ou exclusivas.

Por outro turno, o art. 31, III, imputa ao síndico

ou administração do condomínio a

responsabilidade pelo acondicionamento e

oferta ao local de coleta. Portanto, o

condomínio tem obrigação de recolher e

ofertar para coleta o lixo ordinário do

condomínio, nos dias e horários estabelecidos

para cada região da cidade.

Por fim, o art. 20 dispõe que a

estocagem interna dos resíduos

deverá ser efetuada em local

coberto, livre de pilares, vigas,

degraus de escadas e outras

obstruções, o que nos leva a

concluir que é proibido o

fechamento.

PUBLICIDADE

Anuncio_Secovi copy.pdf 1 09/12/2019 15:16:18

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

Caro síndico, direto ao ponto: sua administradora já foi premiada

com o Top of Mind© por três vezes e o Prêmio Nobre de Qualidade©

alguma vez? Tantas conquistas mostram o nosso compromisso

com a qualidade, preço acessível e um único objetivo: superar sua

expectativa. Entre em contato e comprove.

Condomínios • Locação • Compra & Venda

CRECI-RJ J-4.742 • SECOVI-RJ 22998

www.liderancaimobiliaria.com

(21) 2215-3026

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 20


As procurações para participação em

assembleias gerais têm prazo de validade?

O Código Civil normatiza o mandato

(procuração) no art. 653 e seguintes,

estabelecendo que a validade do instrumento

procuratório será determinada pelo

outorgante, no ato da sua elaboração, ou seja,

o condômino que outorgar a procuração é que

decidirá se ela terá validade para uma

assembleia determinada, especificando a data,

ou se valerá para toda e qualquer assembleia.

Não havendo prazo estipulado na procuração,

esta poderá ser utilizada até que ocorra uma

das hipóteses previstas para extinção do

mandato, que são: i) pela revogação ou pela

renúncia; ii) pela morte ou interdição de uma

das partes; iii) pela mudança de estado que

inabilite o mandante a conferir os poderes, ou

o mandatário para os exercer; iv) pelo término

do prazo ou pela conclusão do negócio.

Ressalte-se que, uma vez apresentada a

procuração para participação em assembleia, o

documento passa a ser parte integrante do

registro das deliberações, devendo, na

hipótese de procuração com poderes

genéricos, ser entregue cópia autenticada, que

ficará arquivada na administração.

Por fim, é importante salientar que algumas

Convenções estipulam requisitos para

apresentação da procuração, como

reconhecimento de firma; que seja específica

para cada ato, no caso de assembleia ordinária

ou extraordinária. Assim, há que se observar a

Convenção de cada condomínio.

A instituição bancária pode impedir a

movimentação da conta, pelo fato de o

condomínio não ter a Convenção registrada?

A Convenção aprovada pelos condôminos,

ainda que não tenha registro, tem validade

entre os condôminos, porém, para valer contra

terceiros, deve ser registrada no Registro Geral

de Imóveis, conforme prevê o § único do art.

1.333 do Código Civil.

Sendo as instituições bancárias terceiros nessa

relação, podem exigir que, para abertura de

contas, lhe seja apresentada a Convenção

registrada, conforme expresso na Resolução n°

2.025/1993, do Banco Central do Brasil.

Entretanto, fazendo buscas no TJ/RJ sobre

esse tema, encontramos decisões judiciais

entendendo que, se o banco contratou a

abertura da conta sem exigir à época a

apresentação da Convenção registrada no RGI,

não pode agora impedir sua movimentação,

sob pena de ser responsabilizado.

Assim, caso o banco encerre ou impeça o

condomínio de movimentar sua conta antes da

apresentação da Convenção registrada, o

condomínio poderá propor medida judicial com

o objetivo de impedir que o banco efetive o

bloqueio ou encerramento da conta, não

havendo, contudo, como garantir um resultado

exitoso.

PUBLICIDADE







SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 21


INSTITUCIONAL

Ensino a Distância é uma realidade no Secovi Rio para gerar

eficiência à gestão condominial em todo o Brasil

Camilla Rua

O

ano de 2020 foi, sem dúvida, marcado por

momentos desafiadores para empresas de

diferentes portes, que precisaram se

reinventar para criar novas oportunidades,

driblar a crise causada pela Covid-19 e

continuar atendendo aos anseios dos seus

clientes e parceiros. Com o Secovi Rio e com

a UniSecovi Rio (Universidade Corporativa do

Secovi Rio), não foi diferente, especialmente

porque um dos maiores objetivos do

Sindicato é promover o desenvolvimento dos

condomínios e das empresas do setor de

comércio e serviços imobiliários, contribuindo

para a geração de melhores resultados e

fortalecimento da sociedade.

E foi com esse espírito inovador e focado em

criar iniciativas de valor para o seu público

que, no mês de julho, foi lançado o primeiro

curso a distância de Administração de

Condomínios do Secovi Rio, em parceria com

o Senac Rio, voltado para alunos de todo o

Brasil interessados em atuar como síndicos.

O curso, que já era considerado referência no

Rio de Janeiro na modalidade presencial,

ganhou o formato on-line para atender às

necessidades do “novo normal” e para ampliar

o espaço de atuação da UniSecovi Rio, que

agora pode chegar até a casa das pessoas de

todas as regiões do país, de forma 100%

digital e dinâmica.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 22


Blue Planet Studio / stock.adobe.com

Prova de que o curso on-line de

Administração de Condomínios era algo

esperado há tempos pelos alunos é que as

vagas para a primeira turma se esgotaram em

pouco mais de uma semana. Isso fez com que

a UniSecovi Rio criasse uma fila de espera

para as pessoas interessadas nas próximas

turmas do novo curso EAD. Ao todo, no dia

20 de julho, 53 novos alunos puderam iniciar

o primeiro módulo das aulas, contando com

as boas-vindas do vice-presidente

Administrativo e Financeiro do Secovi Rio,

Ronaldo Coelho Netto, e do coordenador da

UniSecovi Rio, Vanderlei Mendonça.

No primeiro dia de aula, Ronaldo Coelho

Netto e Vanderlei Mendonça reforçaram a

relevância do curso e como as aulas serão

úteis para capacitar os alunos para o mercado

de trabalho. “Dividido em três módulos e com

tutores altamente renomados no mercado

imobiliário do Rio, o curso fará com que os

inscritos conheçam as questões jurídicas,

administrativas, financeiras e operacionais

necessárias para a eficiência na gestão

condominial. Além disso, as aulas estimulam o

desenvolvimento de habilidades e atitudes

necessárias para a boa administração de

condomínios e melhor interação com

administradoras”, explica Vanderlei.

A carga horária total do curso é de 100 horas,

e a previsão é que a primeira turma seja

concluída no mês de novembro.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 23


Kurhan / stock.adobe.com

Credibilidade do

SecoviRio em alta

Júlio Almeida da Silva, de 44 anos, atua na

área farmacêutica e também é síndico do seu

condomínio, no Rio de Janeiro. Ele conheceu

o curso EAD da UniSecovi Rio por indicação e

não teve dúvida em dar mais esse importante

passo em sua trajetória profissional. “Com o

desejo de me especializar na área de

administração de condomínios, busquei

informações sobre alguns cursos, e todos

foram unânimes em indicar o Secovi Rio por

ter o curso mais completo nessa área.

Destaco que tal curso será muito importante

em vários fatores, pois me proporcionará

conhecimento técnico, expertise nos detalhes

e mais respeito no mercado”, diz.

Outra aluna que iniciou o primeiro módulo

cheia de expectativas foi Amanda Vieira, que

também já conta com conhecimentos como

síndica, mas buscava mais qualificação. “Estou

me aperfeiçoando para ser uma gestora

condominial e sei que o Secovi Rio tem cursos

muito bons nessa área e é recomendado por

várias pessoas. Vi que era uma instituição de

muita responsabilidade e não tive dúvida. O

curso vai agregar muito conhecimento na

minha área, e tenho certeza de que, com o

conteúdo que vou aprender, poderei fazer um

ótimo trabalho como síndica. Essa é a minha

intenção”, afirma.

Destaque na

imprensa e

apresentação dos

tutores

Antes do lançamento oficial, no dia 20 de

julho, o curso de Administração de

Condomínios na modalidade EAD foi notícia

em veículos de comunicação voltados para o

setor de habitação, como o Portal Mercado

Imobiliário, Panorama Imobiliário e jornal “O

Dia”. O Secovi Rio também criou uma

campanha para seus canais de comunicação,

divulgando a novidade como “um novo curso

para os novos tempos”.

Além dessas ações, outra iniciativa para

apresentar o curso e atrair novos alunos foi a

realização de encontros on-line no YouTube

para que o público pudesse conhecer cada

módulo e tirar dúvidas com os tutores das

disciplinas.

“Mais do que nunca ficou provado que

precisamos usar as novas ferramentas e a

internet para continuar gerando capacitação

para o setor imobiliário. Continuaremos com

nossos cursos presenciais assim que possível,

mas agora temos essa novidade na forma

EAD para atingir todos os estados do Brasil”,

comenta Ronaldo Coelho Netto,

vice-presidente Administrativo e Financeiro

do Secovi Rio.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 24


Conhecimento para

ficar à frente do

mercado

Para saber mais informações sobre o curso,

investimento e período de inscrições, acesse o

site www.secovirio.com.br. Basta clicar em

“Cursos e Palestras” no menu superior e

acessar a opção “Administração de

Condomínios EAD”.

É possível parcelar no cartão de crédito em até

cinco vezes sem juros ou no boleto bancário

em até quatro vezes.

A UniSecovi Rio também atua com a seguinte

política de descontos*:

• 30% — associados adimplentes do Secovi Rio

• 10% — para associados da OABRJ/CAARJ

• 5% — para ex-alunos da UniSecovi Rio

*Somente o desconto de ex-alunos é cumulativo, os demais

permanecem o percentual!

O empenho por trás

de um importante

lançamento

O sucesso já comprovado do curso de

Administração de Condomínios entre os

alunos é fruto da credibilidade do Secovi Rio

conquistada ao longo dos anos e da

excelência dos tutores em transmitir seus

conhecimentos.

Mas, como toda grande obra de sucesso, a

modalidade a distância do curso também

contou com uma equipe empenhada, sob a

liderança do vice-presidente Administrativo e

Financeiro do Secovi Rio, Ronaldo Coelho

Netto, que atuou nos bastidores junto com a

UniSecovi Rio desde o mês de setembro de

2019 para que o lançamento acontecesse

com êxito total.

Foram meses de dedicação, testes em

plataformas, planejamento, alinhamento com

tutores, divulgação, e muito trabalho para os

setores de Marketing, Jurídico, Tecnologia da

Informação e para a UniSecovi Rio.

As equipes envolvidas no projeto merecem

todo o respeito e agradecimento por mais

essa conquista, o que certamente trará ainda

mais mérito ao Secovi Rio.

Ronaldo Coelho Netto e as equipes do Secovi Rio envolvidas no projeto de lançamento do curso EAD

(Marketing, Jurídico, Tecnologia da Informação e UniSecovi Rio).


INDICADORES HABITACIONAIS

Blue Planet Studio / stock.adobe.com

PROJETO DE

INDICADORES

HABITACIONAIS

É RETOMADO

PARA FORNECER

DADOS

ESTRATÉGICOS

ÀS ADMINISTRADORAS

Camilla Rua

ndicadores são sempre importantes para

ajudar no planejamento e em novas

ações para diferentes setores

econômicos, especialmente em momentos

de grandes desafios, como aconteceu no

ano de 2020. No ramo imobiliário, isso não

é diferente. As empresas precisam de dados

cada vez mais confiáveis para tomar

decisões assertivas e buscar novas

oportunidades no mercado.

Foi pensando nisso que o Secovi Rio e a

Abadi apresentaram às administradoras de

imóveis a retomada do projeto de Pesquisas

e Indicadores, que visa fornecer dados

sobre inadimplência de condomínios,

valores de cotas condominiais, quantidade

de funcionários nos condomínios da região,

além de dados sobre locação, garantias

utilizadas, número de inadimplentes etc.

O projeto também contempla a

segmentação de dados por bairros e

regiões, o que traz mais precisão para o

trabalho das administradoras e ainda serve

como referência para todo o setor

imobiliário do Rio de Janeiro.

“O retorno desse projeto é muito relevante

para o mercado imobiliário, pois ajudará

diversas empresas na compreensão e

análise do ambiente competitivo, na

tomada de decisões estratégicas, e ainda

auxiliará a imprensa na divulgação de

informações altamente precisas, coletadas

por meio do Centro de Pesquisa e Análise

da Informação (Cepai) do Secovi Rio”, afirma

Leonardo Schneider, vice-presidente do

Secovi Rio.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 26


Após a reunião de apresentação da

iniciativa, realizada em junho, o Secovi Rio e

a Abadi se comprometeram a entrar em

contato com todos os participantes para

esclarecer dúvidas e explicar como

funcionará o envio dos relatórios de

indicadores.

“Esse importante projeto sobre os

indicadores do mercado reforça o interesse

constante da Abadi e do Secovi Rio em

desenvolver um conhecimento profundo

sobre o mercado imobiliário, fortalecendo

cada vez mais a atuação das

administradoras e informando a sociedade”,

destaca Rafael Thomé, presidente da

Abadi.

PUBLICIDADE

Tecnologia de ponta para uma gestão de acesso

eficiente, segura e econômica para o seu condomínio!

Sistema

Web + App

Portaria

Remota

Tag Veicular

e Pedestre,

Biometria e

QR Code

Visitantes -

Facilidade e

Segurança

no acesso

Autonomia

para

moradores

Controle

de portas

e portões

via App

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 27


QUER TER ACESSO A

DADOS CONFIÁVEIS

DO

MERCADO IMOBILIÁRIO

?

Aponte a câmera do seu celular para o CÓDIGO QR abaixo e

CONHEÇA TODOS OS PRODUTOS E SERVIÇOS

QUE O CEPAI PODE LHE OFERECER

Avenida Almirante Barroso, 52/9º andar • Centro • Rio de Janeiro-RJ

www.secovirio.com.br

cepai@secovirio.com.br

(21) 2272-8037

(21) 98547-2812


MATÉRIA ESPECIAL

O equilíbrio das contas e

o empreendedorismo NOS

condomínios

Os condomínios residenciais e

empresariais foram fortemente

impactados pelas devastações causadas

pela pandemia durante este ano. E os

síndicos precisaram reavaliar seus

planejamentos orçamentários, a fim de

manter o equilíbrio financeiro. Mas 2020

também foi um ano de possibilidades e

criatividade. Nesta edição, a Revista Secovi

Rio traz dicas de especialistas em previsão

orçamentária e em finanças pessoais com o

propósito de auxiliar no equilíbrio entre

despesas e receitas, além de

relatos de pessoas que transformaram o

desespero da falta de dinheiro em

oportunidades para empreender.

O caos sanitário provocado pela pandemia

da Covid-19 e as orientações do “ficar em

casa” trouxeram novas rotinas para os

condomínios. A população precisou se isolar

em suas residências. E, em alguns casos, o

isolamento trouxe mais despesas, como o

aumento da conta de água e gastos de

manutenção para os empreendimentos.

Rita Vasconcelos

chinnarach / stock.adobe.com

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 29


Além disso, muitas pessoas reduziram os

seus salários, outras perderam o emprego

ou não puderam abrir seus negócios,

fazendo com que a inadimplência nos

condomínios aumentasse. Segundo

estatísticas do Sindicato da Habitação

(Secovi Rio), somente no mês de abril, os

síndicos precisaram administrar um déficit

de 18% no pagamento das taxas, enquanto

a média do período é de 9%.

O cientista social, pedagogo e escritor

Marllon Uaki Furtado, professor de

Gestão Financeira e Previsão

Orçamentária da Universidade

Corporativa Secovi Rio (UniSecovi

Rio), relata as experiências de

síndicos e gestores que precisaram

equilibrar as finanças, já considerando o

aumento das inadimplências.

“As práticas foram o uso de recursos extras.

Tivemos administradores que, em

condomínio comercial, pela natureza das

atividades interrompidas pelo decreto de

isolamento, optaram por utilizar reserva

financeira e reduzir o valor da cota; outros

gestores optaram pela renegociação de

contratos e afrouxamento das penalidades

por atraso de pagamento. Muitos síndicos

renegociaram os contratos para redução de

valores, visando equilibrar as contas pela

expectativa do crescimento da

inadimplência; e outros utilizaram as

concessões temporárias, com a adoção das

medidas concedidas pelo Governo para

minimizar o impacto na parte trabalhista”,

relaciona Furtado.

Com esses percalços e alterações nos fluxos

de caixa, os síndicos precisaram estar mais

atentos para que os condomínios não

entrassem no negativo. O Secovi Rio

orienta evitar os gastos extras neste

momento pós-pandemia. E Marllon Furtado

destaca que quaisquer despesas extras

deverão ser postergadas para um momento

mais oportuno. “É necessário analisar os

custos fixos do condomínio e verificar se

estão adequados à previsão orçamentária

aprovada para este ano em exercício, de

modo a guardar coerência entre receitas,

despesas e margem de inadimplência, e

contratar somente as despesas obrigatórias

e essenciais de manutenção do

condomínio”, pondera.

Todo condomínio tem aquelas despesas

emergenciais e em curso. O especialista

afirma que é importante deixar em pauta

um desembolso imediato. “A reserva já deve

estar previamente composta para utilização

(fundo de reserva, fundo de manutenção

predial, fundo de obras, fundo de

indenização trabalhista) ou, caso contrário,

será necessária uma cota extra emergencial.

Em casos de inexistência prévia de recursos

para despesas extras, uma solução

excepcional seria aprovar o uso provisório

de recursos destinados a outras finalidades

para posterior reposição pós-pandemia”,

esclarece.

“Muitos síndicos renegociaram os

contratos para redução de

valores, visando equilibrar as

contas pela expectativa do

crescimento da inadimplência; e

outros utilizaram as concessões

temporárias, com a adoção das

medidas concedidas pelo Governo

para minimizar o impacto na parte

trabalhista”

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 30


TALENTO E CRIATIVIDADE PARA

SUPERAR MOMENTOS DE

INSTABILIDADE

Em um ano desafiador e com tantos

obstáculos, empresários de diferentes

segmentos precisaram se reinventar e os

administradores de condomínios

trabalharam com afinco, traçando rotas para

afastar a sombra da inadimplência,

visto que dependem única e

exclusivamente da taxa mensal do

edifício.

A especialista em finanças

pessoais, gestão empresarial e coach

de finanças e negócios Luciana Fiaux

certifica que é importante ter talento e

criatividade para suprir as demandas num

momento de instabilidade. “Tanto na vida

pessoal como na empresarial, a gente

precisa ter muito equilíbrio e usar o dinheiro

com consciência. Devemos priorizar os

gastos obrigatórios e estabelecer metas de

receitas e gastos. Quando estabelecemos

metas, definimos parâmetros para chegar

aonde queremos. Isso independe se o

momento é de pós-pandemia ou normal”,

reforça.

O professor Furtado aponta cuidados para

que as finanças do edifício se revertam em

bons serviços. “O síndico deve acompanhar

o desempenho das empresas prestadoras

de serviços; zelar pela manutenção da

qualidade pretendida; verificar sempre a

situação fiscal, financeira e tributária das

contratadas; evitar surpresas quanto às

responsabilidades; e manter o nível de

satisfação dos moradores”, enfatiza.

Acompanhar o cotidiano da evolução das

contas e buscar uma boa comunicação com

todos, especialmente com os inadimplentes,

também contribui para a saúde financeira

do condomínio. O síndico deve elaborar

uma previsão orçamentária criteriosa,

contemplando a margem de inadimplência e

as oscilações de consumo durante o ano.

Para o especialista em gestão financeira e

previsão orçamentária, os síndicos devem se

preparar para 2021. “Supondo que o

orçamento atual tenha sido aprovado antes

da pandemia, e sem previsão dessa crise de

fato acabar, sugiro que, para enfrentar com

êxito o início de 2021, o síndico refaça a

análise do orçamento incluindo todos os

eventos ocorridos até então, e elabore nova

previsão orçamentária com rigidez e

técnicas necessárias para a nova realidade

financeira, com previsões de reajuste, de

inadimplência e demais variações e

particularidades”, avalia Furtado.

Marllon acredita que investir em uma série

de medidas traz resultados positivos. E a

Universidade Corporativa Secovi Rio, onde

ele leciona, capacita os síndicos e gestores

para que possam ter mais qualidade

administrativa. A exemplo, o professor da

UniSecovi Rio cita o curso de Gestão

Financeira para Condomínios, dedicado ao

tema, e o curso de Administração de

Condomínios, que é mais amplo e conta

com um módulo de parte financeira.

“Tanto na vida pessoal como na

empresarial, a gente precisa ter

muito equilíbrio e usar o dinheiro

com consciência. Devemos

priorizar os gastos obrigatórios e

estabelecer metas de receitas e

gastos. Quando estabelecemos

metas, definimos parâmetros para

chegar aonde queremos. Isso

independe se o momento é de

pós-pandemia ou normal ”

chinnarach / stock.adobe.com

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 31


EMPREENDER E DRIBLAR

A DEPRESSÃO

ECONÔMICA

Em um ano de instabilidade que impactou

fortemente a economia e a vida de muitos

brasileiros, sobreviver a essa realidade virou

desafio. E, para as pessoas criativas, a

fragilidade no mercado financeiro e o

desemprego foram combustíveis para novos

modelos de negócios. Há relatos de pessoas

que começaram a empreender no

condomínio e tiveram um lucro expressivo

com as vendas em meio à vizinhança.

A Luciana Fiaux, especialista em finanças

pessoais, gestão empresarial e coach de

finanças e negócios, atua no Instagram

@dominesuasfinancas e no canal Domine

Suas Finanças, no YouTube. Em seus

treinamentos, ela ajuda profissionais e

empreendedores a organizar suas contas de

forma inteligente. Para a coach, a pandemia

veio reforçar e impulsionar as pessoas a

buscar o caminho da inovação e obter renda

extra. “O momento mostrou para todos que,

mesmo em uma fase tão desafiadora,

existem oportunidades que trazem

autoconfiança para irmos além do que

imaginamos. Não existe crise que negative

uma pessoa criativa. Basta ter

comprometimento e persistência”, ressalta.

E foi a necessidade que impulsionou Liara

Castro, 42 anos, moradora do bairro de

Botafogo. A carioca é produtora de

audiovisual da Canhota Filmes. Devido à

paralisação do setor cultural, ela colocou em

prática um empreendimento que investia

somente através dos estudos. “Eu já vinha

estudando e me capacitando em design de

festas desde o ano passado. Criei a

Cuquinha Festeira, especializada em

construir minicenários para festas infantis,

lúdicas e afetivas. Entrego ao cliente a

decoração para uma festa em casa, com

bolo decorado recheado, doces de mesa,

balões, enfeites e até velinha”, partilha.

A produtora e design de festas ressalta que

a Cuquinha Festeira é um empreendimento

pequeno, que teve início em pleno

isolamento social. Ela se inspirou enquanto

montava os minicenários para as festas de

bonecas de sua filha Maria, de 2 anos e 9

meses. “Criei uma conta no Instagram para

ser a vitrine do meu trabalho e ideias. Foi

quando uma mãe da creche da minha filha

me chamou para fazer a festa de 1 aninho

do filho dela. Depois vieram outras mães.

Atualmente, enviamos uma média de quatro

festas por semana. Faço as pesquisas de

referências sobre os temas escolhidos pelas

mães, depois garimpo as peças que mais

possam se adequar ao minicenário. E tenho

como parceira uma doceira maravilhosa do

bairro. Ela faz os bolos confeitados e os

doces, e entrego com a minha decoração.

Assim, o cliente não precisa sair de casa

nem para comprar a velinha”, divulga.

Além das redes sociais Instagram

@cuquinhafesteira e Facebook, a captação

de clientes de Liara é no boca a boca. As

mães satisfeitas indicam para as outras. Ela

recebe o feedback a cada entrega, e,

segundo a empreendedora, ele é sempre

positivo. “A Cuquinha Festeira trabalha com

materiais de boa qualidade, sustentáveis e

artesanais”,

celebra.

A carioca Liara Castro empreendeu no ramo de festas durante a pandemia

chinnarach / stock.adobe.com


A especialista em finanças Luciana Fiaux

reforça a importância de o empreendedor

encontrar um ramo que domine e com o

qual tenha prazer. “O famoso PHD: paixão,

habilidade e demanda. Se encontrar alguma

oportunidade de empreender em algo que

goste, saiba fazer e que as pessoas

procuram, essa será uma oportunidade de

sucesso”, sublinha.

Liara alega que, durante a pandemia, os

clientes foram os moradores do bairro, e,

enquanto a crise sanitária assombrar a vida

de todos, ela seguirá com as entregas

dentro dos condomínios com todo o

cuidado e higienização necessária.

“Empreender é muito importante. As

pessoas não se dão conta da cadeia que a

simples produção de uma decoração

envolve, com a contratação de diversos

profissionais, como costureiras, artesãos e

ilustradores. Os pequenos

empreendimentos também movimentam a

economia”, garante.

A recém-empresária estima que o próximo

ano será uma nova fase, com novos

desafios. “Pretendo regularizar a Cuquinha

Festeira e começar a fazer festas maiores

dentro das necessidades e configurações do

‘novo normal’. Em 2021, espero que exista a

vacina para a Covid-19, pois planejo voltar

às comemorações com festas maiores e

mais convidados. Sonho com esse

momento”, idealiza Liara.

A coach de finanças e negócios assegura

que empreender é uma oportunidade de

aumentar a renda fixa. “Os funcionários

empregados trocam o seu tempo por

dinheiro. Empreender é criar um sistema

que remunera independentemente das

horas trabalhadas; é uma grande chance de

entregar valor às pessoas e sermos

remunerados por serviços ou produtos. No

momento de crise é mais desafiador, pois é

buscar oportunidades de empreender e

aumentar a renda”, destaca Luciana.

“Empreender é muito

importante. As pessoas não se

dão conta da cadeia que a

simples produção de uma

decoração envolve, com a

contratação de diversos

profissionais, como

costureiras, artesãos e

ilustradores. Os pequenos

empreendimentos também

movimentam a economia”


OPORTUNIDADES DE ATRAIR

CLIENTES ENTRE A

VIZINHANÇA

Enquanto uns empresários lutaram para não

fechar as portas dos seus negócios, outros

se reinventaram, se expandiram e se

adequaram ao isolamento social. A Cristina

Soares de Oliveira, 50 anos, reside no

Engenho de Dentro. Ela é proprietária da

Cris Buffet Decoração de Festas e Eventos.

O seu empreendimento depende

exclusivamente de aglomerações. Devido à

pandemia, todas as festas foram canceladas.

Ela precisou de muita criatividade para

continuar com o buffet. “Eu vendo

salgadinhos, doces, e faço decorações. Para

não ficar sem renda, criei a festa na caixa. O

primeiro tema foi a Caixa Junina, com

comidas típicas. Mas, se o cliente desejar

outros cenários para decoração e outros

temas específicos, também criamos. O início

da pandemia foi realmente muito difícil.

Fiquei três meses parada, pois sou do grupo

de risco. Como não pude continuar sem

trabalhar, mergulhei nesse novo desafio e

vendi onde tive fácil acesso. Com

segurança, meu marido faz as compras e as

entregas, e eu preparo tudo em casa”,

revela.

Neste período de incertezas, o público de

vendas da Cristina é dentro dos

condomínios. “No início, a ideia seria vender

somente no condomínio onde moro. Mas,

como a proposta atende muitas famílias, o

projeto alavancou e já fiz várias vendas até

em condomínios na Barra da Tijuca. Fora do

meu bairro, eu cobro uma taxa de entrega”,

comenta.

De acordo com Cristina Oliveira, a

divulgação é feita principalmente nos

grupos de WhatsApp dos condomínios e

nas redes sociais. “Divulgo no meu

Instagram @deoliveiracris e jornal digital do

bairro. Mas também já fiz parte de uma

reportagem na televisão – um telejornal de

grande alcance da Globo – e de uma nota

no impresso do mesmo grupo”, disse.

Cristina Oliveira usou a criatividade para ter novos clientes

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 35


A coach de finanças e negócios Luciana

Fiaux avalia a estratégia das pessoas que

começaram a transformar suas habilidades

em serviços oferecidos aos vizinhos dos

condomínios. “Usarmos as nossas paixões

para suprir uma demanda é muito

importante. E, mesmo em momentos de

crise, as pessoas continuam tendo

necessidades e problemas a serem

resolvidos. O empreendedor é um

profissional que resolve esses problemas e

supre as necessidades dos outros. Então,

quem conseguir descobrir o seu talento, sua

paixão e suprir uma necessidade das

pessoas nesta crise teve uma ótima

oportunidade de empreender e aumentar a

renda”, afirma Fiaux.

Luciana colabora com dicas de como

equilibrar as finanças no pós-pandemia e

iniciar o ano de 2021 com menos depressão

econômica. “Devemos usar o dinheiro de

forma consciente neste momento

pós-pandemia. Definir metas de gastos e

buscar oportunidades de novas rendas. E, se

a pessoa tem uma boa reserva de

segurança, o ideal é não usar. Essa reserva é

como o seguro das nossas finanças. Quem

não tem precisa fazer uma. Então, mesmo

que ainda seja desafiador, buscar

oportunidade de renda extra é importante.

O ano mostrou

que realmente

imprevistos

podem

acontecer”,

recomenda.

PUBLICIDADE

Esperar o mês inteiro para receber a pasta do condomínio?

Isso é coisa do passado!

Conheça o Quality Controle:

Todos os documentos digitalizados

Atualização dos documentos em tempo real

Pasta disponível 24h por dia

Transparência nas contas do condomínio

Segurança contra danos ou perdas

A Pasta

Digital

Do Condomínio

3816 - 5000} Copacabana

Matriz

3266 - Barra da Tijuca

0800} Filial

www.qualityhouse.com.br

CRECI J-4198 | ABADI 925 | SECOVI 382

fb.com/qualityadm

@qualityhouseadm

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 36


Vem aí!

21 Ações para Transformar o Condomínio

RIO DE JANEIRO – 2021

O conceito de “GESTÃO 21” é um plano de ações para os síndicos, para o condomínio e

para a sociedade, considerando que condomínios são um microcosmos da sociedade. Ele

busca fortalecer a funcionalidade condominial com mais organização e objetividade.

Reconhecemos que a gestão condominial sustentável e eficiente é o maior desafio

dos administradores e um requisito indispensável para o desenvolvimento desse

microcosmos.

As 21 Ações para Transformar o Condomínio propostas nesse conceito

demonstram a escala e a ambição deste evento. Elas se constroem sob o legado das

atuações do Secovi Rio e da ABADI, e buscam concretizar as atitudes e técnicas

necessárias para elevar o nível de excelência da gestão condominial.

Realização:


AÇÕES PARA EMPREENDER

PLANEJAMENTO

Primeiro passo é fazer um plano de

negócios, pensar em estratégias que

tragam um diferencial para o

público que deseja alcançar.

DEFINIR PÚBLICO

Ao buscar meios de captação e estabelecer

o perfil de consumidor para o

segmento almejado, maior será a

possibilidade de sua empresa obter

sucesso.

ORGANIZAR AS FINANÇAS

Criar um plano de organização financeira

com planilhas de controle mensal de

ganhos e gastos. Assim terá mais

organização, domínio e equilíbrio

na atividade financeira.

HABILIDADE DE COMUNICAÇÃO

Uma boa comunicação é fundamental para

manter os seus clientes,

fornecedores e colaboradores

informados sobre todas as ações

relacionadas ao empreendimento.

Invista no marketing digital e nas mídias e

redes sociais.

INOVE

Ser criativo é importante. Procure as

novidades no mercado. Estar por

dentro das atualizações garante

que sua empresa tenha um

diferencial.

FONTE: SITE DO SEBRAE

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 38


*Crédito sujeito a análise e aprovação. Custo do boleto pode variar de acordo com o perfil do condomínio.

Taxa de juros definida de acordo com o perfil e score. A taxa 1,99% se refere a taxa nominal.

Taxa CET será demonstrada na simulação e contratação.


LEITURA RÁPIDA I

CASOS

CAUSAS &

Boas práticas e iniciativas em condomínios residenciais

de grande porte

Fernando Canejo é um síndico engajado

em promover iniciativas de sucesso para o

bem-estar e boa administração do

condomínio em que trabalha e reside, no

Rio de Janeiro. Formado pela UniSecovi Rio

no curso de Administração de Condomínios,

ele tem uma lista extensa de ações

realizadas nos últimos meses e que foram

aprovadas pela maioria dos moradores.

Algumas das atividades promovidas por

Fernando Canejo incluem campanhas

solidárias de arrecadação de alimentos

entre vizinhos, doação de agasalhos, coleta

de sangue no condomínio e iniciativas para

valorização dos funcionários.

Ele também realizou lives musicais durante

o isolamento social na pandemia para

entreter os moradores, fez instalações de

placas de álcool em gel e comunicados

sobre como ter mais bem-estar no dia a dia.

Além disso, o condomínio incentiva

condôminos que são empreendedores e

prestam algum tipo de serviço, faz

campanhas na Páscoa e no Dia dos

Namorados e muito mais.

Nesta edição da Revista Secovi Rio,

Fernando dividiu um pouco da sua

experiência com nossos leitores. Confira!

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 42


“Primeiramente, fico muito feliz em poder

contribuir e compartilhar com o Secovi Rio

e demais condomínios nessas ações de

divulgação de boas práticas.

Sou engenheiro civil, Accredited Residential

Manager®, membro do IREM® (Institute of

Real Estate Management), síndico do

Condomínio Carioca Residencial, que tem

732 unidades, e diretor da Confraria

Carioca Club. Vou compartilhar algumas

experiências que têm dado muitos

resultados no dia a dia do condomínio,

principalmente durante a fase crítica da

pandemia da Covid-19.

Dentro da rotina condominial, o volume e a

intensidade das atividades no dia a dia

muitas vezes vão além do que muitos

moradores percebem, e dessa forma uma

boa gestão deve ser cíclica em suas ações

para o sucesso da administração dos

gestores de propriedades.

Basicamente, em nosso residencial,

fundamentamos as nossas ações e

estimulamos colaboradores e moradores

nos princípios da cordialidade e boa-fé de

acordo com os seguintes pilares de

sustentação:

> COMUNICAÇÃO

> GESTÃO PARTICIPATIVA E DE BOA

CONVIVÊNCIA

> ENTRETENIMENTO E SOLIDARIEDADE

> CUMPRIMENTO DA CONVENÇÃO E DO

REGIMENTO INTERNO

> DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS

> TRANSPARÊNCIA TOTAL

> GESTÃO FINANCEIRA E PATRIMONIAL

> ATENÇÃO ÀS MANUTENÇÕES E

GARANTIAS

Para mim, uma boa gestão necessita

‘arregaçar as mangas’ e ‘botar a mão na

massa’ em prol do interesse dos

condôminos, desenvolvendo o cuidado com

as pessoas, cuidado com o patrimônio e

com a missão de trazer conforto, segurança

e bem-estar para os vizinhos.”

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 43


Fernando Canejo

Acima, o síndico Fernando Canejo e algumas das ações

realizadas no condomínio para o bem-estar dos moradores.

PUBLICIDADE

SOLUÇÕES INOVADORAS PARA

TODO TIPO DE CLIENTE

ECONOMIA, RAPIDEZ E EFICIÊNCIA

COM A TECNOLOGIA MAIS

MODERNA DO BRASIL.

PORTARIA VIRTUAL

Um conceito inovador para

condomínios, onde os porteiros

físicos são substituídos pelo

serviço de Portaria Virtual

Pentágono, garantindo mais

segurança e economia.

CONTROLE DE ACESSO DE MORADORES POR

SENHA BIOMETRIA CONTROLE

21 3297-4700 / 3277-7307

CFTV

ALARME

MONITORADO 24H

INTERFONIA/PABX

ANTENA COLETIVA

CONTROLE DE ACESSO

VEICULAR E DE PEDESTRE

PORTÕES AUTOMÁTICOS

MANUTENÇÃO PREVENTIVA

E CORRETIVA

CONFECÇÃO DE GRADIL

DE ALUMÍNIO E FERRO

pentagononet.com.br

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 44


LEITURA RÁPIDA II

FALA

VOCÊ

Perseverança e busca por conhecimento para conquistar

boas oportunidades na gestão de condomínios

Eliane Dib, gestora condominial

formada pela UniSecovi Rio e sempre

disposta a se capacitar para fazer um

trabalho de excelência, escreveu um

depoimento exclusivo para esta edição da

Revista Secovi Rio contando como a sua

formação foi relevante para se destacar no

mercado de trabalho.

Confira e inspire-se nesta história!

“Em 2016, surgiu um desafio em meu

condomínio que me motivou a assumir

voluntariamente uma tarefa administrativa

em auxílio à síndica eleita, uma vez que

estava para me aposentar e já trazia uma

experiência de 42 anos atuando no serviço

público e privado, em atividades de

organização, planejamento e gestão de

pessoas.

Após algumas lições aprendidas, percebi

uma forte identificação com essa nova

atividade, o que me levou a pesquisar sobre

a área e investir em treinamentos. Dessa

forma, em 2016, realizei o curso de

Administração em Condomínios e obtive a

certificação pelo Secovi Rio.

Durante a realização do referido curso,

compartilhei momentos prazerosos com a

turma, denominada Turma 11, em que foi

possível compartilhar em toda a sua

plenitude o espírito colaborativo de nossos

colegas e docentes, tendo sido o apanágio

de nossa turma o cooperativismo, a

criatividade despretensiosa voltada para

uma aprendizagem abnegada. Tudo isso nos

deixa uma imensa saudade.

A partir desse ponto, não mais deixei de me

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 45


dedicar à qualificação, aliando aplicação e

desenvolvimento dos conhecimentos

adquiridos nas aulas teóricas, o que nos dá

o suporte necessário para concorrer às

oportunidades de trabalho, coroando todo

o esforço despendido em horas e horas de

dedicação no aprofundamento do

conhecimento.

O corpo docente dedicado da UniSecovi

Rio, movido por muito entusiasmo e

incentivo contagiante, repassando suas

experiências a todos os novos alunos,

seguidores e entusiastas do saber.

Tributamos a esses o nosso reconhecimento

e a certeza do que nos foi ensinado,

notadamente os conteúdos práticos da

Sindicatura, associados às práticas da boa

convivência, do saudável relacionamento,

comunicação e equilíbrio emocional, que

nos farão triunfar com o merecido

reconhecimento profissional.

Vencidas as etapas de formação e

aprendizagem, sinto-me orgulhosamente

preparada e apta para enfrentar o mercado

de trabalho, hoje cada vez mais competitivo

e exigente de qualificação multidisciplinar.

Apesar das dificuldades que ainda encontro

para ingressar no mercado, a certeza que

tenho – e que aproveito para deixar a todos

que pretendem enfrentar o desafio da

Sindicatura – é que é preciso perseverar,

insistir, sem demonstrar hesitação ou

fraqueza diante de qualquer adversidade, se

desejarmos alcançar o objetivo de ser

SÍNDICO(A) para atuar nesse mercado tão

ambicionado.

Por convicção, reafirmo que esse grandioso

passo representa o divisor de águas entre o

teórico e o prático, entre o desconhecido e

o futuro.

Muito obrigada e grande abraço a todos da

UniSecovi Rio.”

Eliane Dib

Tem alguma história com o Secovi Rio

para contar?

Escreva para marketing@secovirio.com.br

Blue Planet Studio / stock.adobe.com

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 46


INSTITUCIONAL

EM CENÁRIO DE DESAFIOS

E RETOMADA DA ECONOMIA,

SECOVIRIO FORTALECE ACESSO

À INFORMAÇÃO E AO

Nos últimos meses, o Rio de Janeiro e

o Brasil como um todo viveram um

momento gradual de retomada da

economia após um longo período de

estagnação por conta do novo

coronavírus. O mercado imobiliário, o

comércio e até mesmo os condomínios

sentiram bastante os efeitos do

isolamento social e precisaram de muito

planejamento para se adequarem às

exigências do “novo normal”.

Sempre atento às necessidades do seu

público, o Secovi Rio atuou de forma

bastante ativa durante a retomada das

atividades presenciais das imobiliárias e

das administradoras de imóveis. O

Sindicato elaborou uma cartilha bem

detalhada sobre as principais

recomendações dos órgãos de saúde e

da Prefeitura do Rio para que esses

estabelecimentos funcionassem de

acordo com as normas de combate à

Covid-19.

O manual contou com as Regras de Ouro

estabelecidas pela Prefeitura do Rio e

obrigatórias em toda a cidade, dicas de

como usar a máscara e higienizar as

CONHECIMENTO

mãos, além de outras orientações válidas

para o dia a dia de trabalho nas

administradoras e imobiliárias.

Em parceria

com a

Associação

Brasileira das

Administradoras

de Imóveis

(Abadi), o

Secovi Rio

também

elaborou o

Protocolo de Reabertura das Áreas

Comuns dos Condomínios. O

documento, que foi desenvolvido com

base em diretrizes divulgadas pelas

autoridades municipal e estadual do Rio

de Janeiro, teve o objetivo de auxiliar os

síndicos na abertura das áreas comuns

de forma consciente, gradual e adotando

as melhores práticas para preservar a

saúde dos moradores e funcionários.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 47


ABORDAGEM DE TEMAS MAIS LEVES

E DO COTIDIANO

Outra iniciativa do Secovi Rio foi a

realização de entrevistas ao vivo no

Instagram com temas mais leves e

voltados para o cotidiano das pessoas.

Batizadas de “Suave na Live”, as

transmissões ao

vivo abordaram

cuidados com

animais de

estimação,

combate ao

sedentarismo,

importância da

alimentação

saudável na

pandemia, reforço da imunidade,

solidariedade com idosos, queda de

cabelo, rotina com crianças em casa etc.

O objetivo foi levar informação para o

público em um momento de muitas

incertezas e desafios a serem vencidos.

CONHECIMENTO E TROCA ENTRE

PAÍSES

Para promover a capacitação de síndicos

e outros profissionais do segmento

imobiliário, também foram realizadas

lives com assuntos mais técnicos e

voltados para o dia a dia dos

condomínios, como portaria virtual e

gestão de

pessoas.

Houve ainda a

realização de

um encontro

internacional

feito de forma

on-line com

membros da

União

Latino-Americana de Administradores de

Imóveis em que foram debatidos os

protocolos de segurança e saúde para os

condomínios.

Além disso, uma webinar no YouTube

trouxe a experiência de Portugal durante

a fase de retomada da economia. Todos

esses eventos

serviram para

promover o

intercâmbio e a

troca de

experiência do

Secovi com

especialistas de

outros países.

NOVA SEÇÃO ‘LEGISLAÇÕES –

COVID-19’ NO SITE DO SECOVI RIO

Também como forma de disseminar

informação relevante durante a

pandemia, o Secovi Rio criou em seu site

uma nova seção

chamada

“Legislações –

Covid-19” para

divulgar as

diversas

medidas e atos

normativos

publicados

durante o

período de combate ao novo coronavírus

e que afetam o mercado imobiliário e de

condomínios.

O objetivo dessa iniciativa foi manter o

público atualizado sobre a legislação

federal, estadual e municipal em um

cenário de inúmeros desafios. Além da

divulgação no site, o Sindicato enviou as

atualizações por e-mail aos seus

associados.

Para conferir essa nova seção, basta

acessar o site www.secovirio.com.br,

clicar em “Assuntos Sindicais” no topo da

página inicial e selecionar a opção

“Legislações”.

FreshPaint/ Shutterstock.com

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 48


NOSSOS LUGARES

CIDADE

COLONIAL

DE PARATY

Rita Vasconcelos

Guido / stock.adobe.com

Um misto de diversidade patrimonial histórica

e beleza natural

A

rota de “Nossos Lugares” desta edição

é Paraty, cidade com título de

Patrimônio Cultural e Natural Mundial.

Visitar o local permite conhecer

importantes obras de engenharia, reservas

ecológicas paradisíacas, atrações históricas

e o povo paratiense, com a sua cultura e

memórias. A cidade fica na região da Costa

Verde, litoral sul fluminense, próxima a

Ubatuba (SP) e Angra dos Reis (RJ), a

aproximadamente três horas do Rio de

Janeiro.

Em 2019, Paraty foi reconhecida pela

Organização das Nações Unidas para a

Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco)

como o primeiro patrimônio mundial misto

da América Latina, que significa a

conjunção de beleza natural,

biodiversidade, manifestações culturais e

históricas e importantes sítios

arqueológicos com mais de 4 mil anos.

Paraty conta com atrativos para todos os

perfis e faixas etárias. Além do Centro

Histórico, dos eventos culturais de cunho

internacional e da gastronomia, o município

tem o turismo ecológico e esportivo, com

diversas cachoeiras, trilhas ecológicas,

ilhas, praias paradisíacas etc. Tudo com

serviço local especializado para acolher o

visitante.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 49


Cidade Colonial:

história, arquitetura

e turismo cultural

Os primeiros imigrantes europeus

chegaram a Paraty por volta do séc. XVI,

mas a área já era habitada pelos índios das

tribos guaianás e tamoios. Portanto, Paraty

carrega uma herança cultural influenciada

pela miscigenação dos povos e pelos ciclos

históricos e econômicos, que atravessaram

diversas fases: o ciclo da cana-de-açúcar

(séc. XVII), o ciclo do ouro (séc. XVIII) e o

ciclo do café (séc. XIX). Por fim, a abolição

da escravatura, em 1888, impulsionou o

abandono da população. E depois de uma

longa depressão econômica, que ajudou na

conservação do patrimônio, o turismo

começou a engajar na região, sendo que,

nos anos 1970, a economia da cidade teve

um recomeço. Atualmente, Paraty é

classificado pelo Iphan como “o segundo

polo turístico do Estado do Rio de Janeiro e

o 17º do país”. E considerado pela Unesco

como “o conjunto arquitetônico colonial

mais harmonioso do Brasil”.

FranciscoJos / stock.adobe.com

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 50


Caminho do Ouro

ou Estrada Real

Uma trilha que ligava as tribos de Paraty às

tribos do Vale do Paraíba já havia sido feita

pelos índios guaianás. O Caminho do Ouro

aproveitou a trilha e foi moldado por

escravos pelo vasto interior que cruza três

estados brasileiros, com via de acesso à

região para transporte de metais preciosos,

ouro e diamantes, autorizado pela Coroa.

Hoje em dia, um trecho preservado recebe

visitantes com guia das agências

credenciadas. E, na direção da cidade de

Cunha (SP), é possível encontrar os

alambiques das cachaças tradicionais

paratianas e os passeios com banho de

cachoeira.

PUBLICIDADE


Tecnologia em Impermeabilização. Elimine infiltrações sem quebrar!

www.vedafacil.com.br • (24) 2106-1015 • rio@vedafacil.com.br

(24) 98173-0556 vedafacilRIO vedafacil_rio

Arquitetura e

turismo cultural

A cidade foi desenvolvida em torno da

Igreja de Nossa Senhora dos Remédios. As

construções foram projetadas por

engenheiros militares de Portugal. Por estar

localizada quase ao nível do mar, a cidade

foi projetada considerando o fluxo das

marés, e as ruas são periodicamente

inundadas.

O Centro Histórico de Paraty preserva os

seus casarões coloniais, as igrejas dos sécs.

XVII, XVIII e XIX, e as ruas calçadas pelos

escravos em pedras irregulares chamadas

de “pés de moleque”. Ainda é possível

encontrar nas fachadas dos sobrados

desenhos geométricos em relevo e arte

com influência da maçonaria portuguesa.

Paraty tem um turismo cultural muito rico,

pois convive com as comunidades

tradicionais caiçaras, quilombolas e

indígenas. E, devido à gastronomia, recebeu

o título de Cidade Criativa, concedido pela

Unesco.

CASA DE CULTURA

Com bonita fachada, o casarão é um

espaço de exposição permanente e oferece

uma programação regular, com eventos

gratuitos.

IGREJA DE SANTA RITA DOS

PARDOS LIBERTOS

A igreja mais antiga da cidade, erguida em

1722, é de frente para o mar. A construção

em pedra e cal retrata o estilo barroco. O

templo abriga o Museu de Arte Sacra.

Igreja Matriz de Nossa

Senhora dos Remédios

A Igreja Matriz foi construída em 1873 em

estilo neoclássico, que chama atenção pela

sobriedade e imponência das torres.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 52


Igreja Matriz

Mini Estrada Real

O parque temático, histórico e cultural

reúne dezenas de miniaturas das principais

construções que fazem parte do Caminho

do Ouro.

Fazenda do Bananal

Construída no século XVII, a fazenda

atravessou os ciclos do ouro, da

cana-de-açúcar e do café. O casarão é

tombado, restaurado e preserva a

arquitetura original. Os 180 hectares

podem abrigar uma vasta vegetação e mais

de 170 espécies de aves que voam pela

Mata Atlântica.

Quilombo do Campinho da

Independência

Fundada no fim do séc. XIX por três

escravas, a comunidade quilombola abriga

150 famílias que vivem de plantio,

artesanato, oficinas de jongo e de um

restaurante premiado por guias de viagem.

O foco é o turismo de base comunitária.

wtondossantos / stock.adobe.com

PUBLICIDADE


Festas e festivais

Festa Literária de Paraty

(Flip)

O evento internacional reúne escritores e

intelectuais respeitados de várias partes do

mundo. Promove conversas sobre literatura

e temas relacionados, como teatro, cinema

e ciência. Geralmente acontece em julho.

Festival da Pinga

Realizado desde 1983. É um dos eventos

mais tradicionais da cidade, buscando

valorizar os métodos de produção da

cachaça, a cultura caiçara e a gastronomia

local, a partir de uma programação intensa

de atividades culturais e gastronômicas.

Danilo / stock.adobe.com

Festas da Igreja Católica

Páscoa, Festa do Divino,

Corpus Christi

Momentos de reviver tradições

centenárias, com o recebimento de muitos

turistas.

Bourbon Festival

Festival Internacional de Jazz, Blues, R&B,

Soul, consolidado como um dos mais

importantes festivais de música do Brasil.

Geralmente acontece no período do

inverno.

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 54


Turismo ecológico

Appreciate / stock.adobe.com

Paraty é uma cidade que oferece um

catálogo extenso de lugares para visitar.

Portanto, é preciso planejamento, escolher

a data da viagem com antecedência já

pensando na hospedagem, pesquisar e

listar os atrativos que deseja conhecer,

definir o valor que pode investir e o tempo

de permanência no local.

Além do Centro Histórico, o território

paritiense abraça a Baía de Paraty, parte do

Oceano Atlântico, e os patrimônios

ecológicos mais importantes do mundo,

que englobam o Parque Nacional da Serra

da Bocaina, a Área de Proteção Ambiental

de Cairuçu, a Reserva Ecológica da

Juatinga, o Parque Estadual de

Paraty-Mirim, a Área de Proteção

Ambiental da Baía de Paraty e a Estação

Ecológica de Tamoios.

A Revista Secovi Rio apresenta alguns

pontos de ecoturismo:

PUBLICIDADE

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 56


Baía de Paraty

A Baía de Paraty faz parte da Baía da Ilha

Grande, quarta maior do país, composta

por 65 ilhas paradisíacas, inúmeras praias,

cachoeiras e reservas ecológicas com

trilhas. O único acesso é através de barco.

No Cais do Centro Histórico, há escunas

com preços mais acessíveis, mas o turista

pode alugar um barco em agências locais.

Elencamos quatro ilhas mais visitadas, o

Saco do Mamanguá e a Praia Vermelha.

Ilha do Araújo

É um domínio representativo da Mata

Atlântica, onde vivem alguns tipos de

macacos e muitos pássaros. Possui vários

condomínios, escola rural, igreja, bares e

até uma pousada. A comunidade pesqueira

realiza anualmente a Festa do Camarão e a

Procissão Marítima de São Pedro e São

Paulo. Em torno da ilha existem quatro

praias: Salvador Moreira e Pontal (leste) e

Tapera e Brava (oeste).

ilhadoaraujoctc.blogspot.com

Ilhas Duas Irmãs

São duas pequenas formações rochosas

cobertas por bromélias. Contam com praia

de pouca extensão, dotada de areias

brancas e finas, pequenas conchas,

banhada por mar calmo de águas

esverdeadas, desaparecendo na maré alta.

Seu entorno pedregoso constitui abrigo e

refúgio para peixes e crustáceos, onde

podem ser encontradas várias espécies

marinhas.

Saco do Mamanguá

O Saco do Mamanguá é o único fiorde

tropical da costa brasileira, formando uma

entrada de mar com águas esverdeadas até

se encontrar com o manguezal da Baía da

Ilha Grande. Em suas margens repletas de

montanhas, com densa Mata Atlântica,

ainda há pequenas comunidades caiçaras.

THIAGO DUARTE / stock.adobe.com

Ilha do Catimbau

Pequena formação rochosa entre a Praia da

Lula e a Ilha Comprida de Fora. Sua

importância reside em seu estratégico

posicionamento na rota dos passeios que

saem de Paraty. Ótima para mergulhos,

com excelente visibilidade.

Praia Vermelha

Esta praia possui areia em tom

avermelhado e em grãos maiores, e nela há

alguns bares e duchas de água doce. De

mar calmo, o local é um dos pontos de

parada das embarcações.

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 57


Praia de Fora e Ranchos

Cristian Lourenço / stock.adobe.com

prefiroviajar.com.br

Ponta Negra

e Trindade,

comunidades

caiçaras com

atrativos do

turismo

ecológico e

esportivo

Ponta Negra

Um lugar bucólico com montanhas

intensas, cachoeiras transparentes e

preservadas, perfeito para trilhas. A Praia

de Ponta Negra tem águas cristalinas que,

dependendo da maré, podem estar calmas

ou turbulentas. No local existe uma

comunidade caiçara que comercializa

artesanato e comidas típicas nos

quiosques.

Como chegar: de carro ou de ônibus,

saindo do Centro de Paraty, até o

Condomínio Laranjeiras, onde há um cais

com botes a custo baixo; é possível

também alugar um barco em agência.

Vila Trindade

A vila de pescadores é rodeada de algumas

montanhas situadas dentro da Área de

Proteção Ambiental do Cairuçu e do

Parque Nacional da Serra da Bocaina,

preservados pelo ICMBio. A região conta

com vários hotéis, pousadas, hostels e

campings para hospedagem. O comércio

local é constituído de artesanato e

restaurantes com comidas típicas caiçaras.

A entrada de Trindade está localizada no

Km 589 da Rodovia Rio-Santos, a cerca de

45 minutos do Centro de Paraty. O turista

pode chegar de carro ou ônibus. Seguem

alguns atrativos:

- Praia Brava

Cercada por muita vegetação, escondida

entre os costões de pedra com cachoeira. A

praia deserta é indicada para quem busca

tranquilidade, também procurada por

surfistas devido às ótimas ondas para surfe

e bodyboarding. O que levar: tudo para

beber e comer. Como chegar: acesso pela

Comunidade do Patrimônio, Morro do

Deus Me Livre. É possível chegar de barco

ou caminhar cerca de 20 minutos por uma

trilha localizada antes da Praia do Cepilho.

- Praia do Cepilho

Com aproximadamente 550m de extensão,

as ondas são fortes e perigosas, cercadas

por grande quantidade de pedras. Um

chamariz para os surfistas, que as

consideram as melhores ondas de Paraty. O

que levar: o comércio local é composto de

um bar, mas, se preferir, vale levar seus

alimentos e bebidas. Como chegar: acesso

pela Comunidade do Patrimônio, Morro do

Deus Me Livre. Ao lado da estrada há

espaço para estacionar o carro.

- Praia de Fora e Ranchos

A praia central de Trindade fica entre a

Praia do Cepilho e a Praia do Meio. Região

assídua dos turistas, devido à boa

estrutura, com pousadas, campings, bares e

restaurantes. Como chegar: acesso pela

Vila Trindade, em botes ou trilhas.


- Praia do Meio

A paradisíaca praia é composta por duas

baías, separadas por uma formação

rochosa. Possui um trecho com águas

calmas, ótimas para as crianças. Da Praia

do Meio partem diariamente pequenas

embarcações para a Piscina Natural do

Cachadaço. Para aqueles que preferem

caminhar, há uma trilha sinalizada. O que

levar: tudo para beber e comer. Como

chegar: acesso somente de barco, partindo

da Vila Trindade ou do Condomínio

Laranjeiras.

Mathias / stock.adobe.com

- Praia e Piscina Natural do

Cachadaço

A Praia e a Piscina Natural do Cachadaço

ficam em área de preservação do Parque

Nacional da Serra da Bocaina. Enquanto o

mar é agitado, com ondas e correnteza

perigosas, a piscina fica represada pelas

pedras, formando um lago protegido por

enormes pedras vulcânicas, ótima opção

para snorkeling entre os peixinhos

coloridos. O que levar: tudo para beber e

comer. Como chegar: acesso pela Praia do

Meio, através de trilhas ou botes; Piscina,

com acesso por trilha, a partir da Praia do

Cachadaço, ou por botes que saem da Praia

do Meio.

Trade Fit

Laerte / stock.adobe.com

PUBLICIDADE


CONHEÇA OS ASSOCIADOS E OS

SÓCIOS SOLIDÁRIOS DO SECOVI RIO

ASSOCIADOS

ACIR ADMINISTRAÇÃO S/A

www.aciradm.com.br • 2212-5300

AD'RIO ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS

www.adrio.com.br • 2262-3774

ADIPLANTEC ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS

E PLANEJAMENTO S/C LTDA

www.adiplantec.com.br • 2524-1844

ADJUVE IMOBILIÁRIA LTDA - EPP

www.adjuve.com.br • 2249-9009

ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS MASSET LTDA

www.masset.com.br • 3037-9850

ADMINISTRADORA NACIONAL LTDA

www.admnacional.com.br • 3212-1935

ADMINISTRADORA QUATRO MARIAS LTDA

www.quatromarias.com.br • 2533-8869

AJF COSTA NETO CONDOMÍNIOS E LOCAÇÕES LTDA

www.ajfcostaneto.com.br • 2221-7748

APSA - ADMINISTRAÇÃO PREDIAL E NEGÓCIOS

IMOBILIÁRIOS S.A

www.apsa.com.br • 3233-3009

ART NOVA ASSESSORIA IMOBILIÁRIA LTDA

www.artnova.com.br • 3222-9044

ATLÂNTIDA ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS LTDA

www.atlantida-adm.com.br • 2277-9696

BAP ADMINISTRAÇÃO DE BENS LTDA

www.bap.com.br • 4501-2200

BCF ADMINISTRADORA DE BENS LTDA

www.bcfadm.com.br • 2509-9002

BERVEL EMPREENDIMENTOS LTDA

www.bervel.com.br • 2212-6100

BNI BANCO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS LTDA

www.bnionline.com.br • 2189-8484

CENTRIMÓVEIS LTDA

www.centrimoveis.com.br • 3978-6021

CINOCRED IMÓVEIS LTDA

www.cinocred.com.br • 2199-0600

CIPA - PARTICIPAÇÕES E ADMINISTRAÇÃO SA

www.cipa.com.br • 2196-5000

ENGEPRED ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS S/C LTDA

www.engepred.com.br • 3554-3775

ESTASA EMPRESA DE SERVIÇOS TÉCNICOS

E ADMINISTRATIVOS LTDA

www.estasa.com.br • 2323-4400

FINANCIAL ADMINISTRADORA S/A

www.financialadministradora.com.br • 2240-0829

GRUPO IRMÃOS GUIMARÃES

www.grupoirmaosguimaraes.com.br • 2509-1967

IMAGEM IMOBILIÁRIA E ASSESSORIA GERAL

DE EMPRESAS LTDA

www.imagemimobiliaria.com.br • 3974-9200

IMOBILIÁRIA MAUÁ LTDA

www.imobiliariamaua.com.br • 2220-3065

IMOBILIÁRIA SÃO CRISTÓVÃO LTDA

www.isc.com.br • 2487-6262

IMOBILIÁRIA ZIRTAEB LTDA

www.zirtaeb.com • 3233-3500

IMODATA ADMINISTRAÇÃO, COMPRA E VENDA

DE IMÓVEIS LTDA

www.imodata.net • 2548-7494

IMÓVEIS MADUREIRA ADMINISTRAÇÃO DE BENS

SOC. LTDA

www.imoveismadureira.com.br • 3390-1623

IMÓVIL ADMINISTRADORA DE BENS IMÓVEIS LTDA

www.imovil.com.br • 2224-8901

IRIGON PROGRAMAÇÕES IMOBILIÁRIAS LTDA

www.irigon.com.br • 2569-2063

JMC CONSULTORIA E ASSESSORIA IMOBILIÁRIA LTDA

www.jmcadm.com.br • 2544-2224

LOWNDES CONDOMÍNIOS E LOCAÇÕES

www.lowndes.com.br • 3213-3700

MARCA IMÓVEIS LTDA

www.marcaimoveis.com • 2220-6577

MARVA ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS LTDA

www.marva.com.br • 2199-1744

ML ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS LTDA

www.mlimoveis.com.br • 3861-6400

CONAC ADM DE IMÓVEIS LTDA

www.conacimoveis.com.br • 3797-3797

CRASE-SIGMA EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA

www.crasesigma.com.br • 2525-0900

EMACI EMPRESA DE ASSESSORIA A CONDOMÍNIOS

E IMÓVEIS LTDA

www.emaci.com.br • 2262-6767


MM GESTÃO IMOBILIÁRIA LTDA

3309-3883

NOBRE FERNANDES ADMINISTRADORA DE BENS LTDA

2221-4100

NOVO MUNDO ADMINISTRADORA LTDA

www.novomundoadm.com.br • 2217-9700

PACÍFICA ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS LTDA

www.pacifica.com.br • 2518-3700

PALMARES ADMINISTRADORA DE IMÓVEIS LTDA

www.palmaresadm.com.br • 3147-6666

PRECISÃO ADMINISTRADORA IMÓVEIS

www.precisaoadm.com.br • 3883-2450

PRIMAR - PREDIAL RIO, MAIOR ADMINISTRADORA

DE BENS LTDA

www.primaradministradora.com.br • 3297-8686

PROMENADE CONSULTORIA IMOBILIÁRIA S/C LTDA

www.promenade.com.br • 2106-2300

PROTEL ADMINISTRADORA

www.protel.com.br • 3723-5800

PROTEST ADMINISTRAÇÃO E EMPREENDIMENTOS LTDA

www.protest.com.br • 2525-0500

SÓCIOS SOLIDÁRIOS

BASE SOFTWARE LTDA

www.basesoft.com.br • 2195-0550

BAULER ASSESSORIA ORGANIZACIONAL EIRELI

www.bauler.com.br • (51) 2102-0305

FICHA CERTA - ASSECAD BRASIL ASSESSORIA

CADASTRAL LTDA

www.fichacerta.com.br • 2222-4998

FEDCORP CORRETORA E AGENCIADORA DE SEGUROS

www.fedcorp.com.br • 2516-6001

LECCA COMERCIAL LTDA

www.lecca.com.br • 3824-8008

SER-TEL SERV E COM DE EQUIPAMENTOS ELET LTDA

www.ser-tel.com.br • 2102-4000

SiiLA BRASIL

www.siila.com.br • 11 3046-9595

TECNOLOGIA ADM E CORRETORA DE SEGUROS

www.tecnologiaseguros.com.br • 2215-1663

THREEFE SERVIÇOS TÉCNICOS LTDA

www.threefe.com • 2452-9135

QUALITY HOUSE PARTICIPAÇÃO EMPREENDIMENTOS

IMOBILIÁRIOS LTDA

www.qualityhouse.com.br • 3816-5000

RT IMOBILIÁRIA E CONSULTORIA DE NEGÓCIOS LTDA

www.rtimob.com.br • 3534-8438

SELF IMÓVEIS LTDA

www.selfadm.com.br • 3179-5700

SINAI EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA

www.sinai.imb.br • 3137-9000

TIBURCIO RODRIGUES IMÓVEIS LTDA

www.tiburciorodrigues.com.br • 3153-7540

XCON ADMINISTRADORA

www.xcon-adm.com.br • 2524-5400

Tradição e modernidade

no setor da habitação

www.secovirio.com.br


faça seu negócio

decolar!

REVISTA SECOVIRIO

Seja visto pelo público certo!

São quase 20 anos levando informações qualificadas

sobre cotidiano e inovação em condomínios – marca

que torna a Revista Secovi Rio o principal veículo de

comunicação do setor imobiliário no Rio de Janeiro.

A publicação trimestral é distribuída gratuitamente

em condomínios e empresas de todo o estado.

A Revista Secovi Rio agora está disponível em

versão digital e responsiva, garantindo o acesso

de todos os dispositivos! Consulte-nos sobre

anúncios na versão digital.

Acesse: www.secovirio.com.br

Avenida Almirante Barroso, 52 - 9º andar • Centro • Rio de Janeiro-RJ • CEP 20031-918

(21) 2272-8000 • (21) 98547-2812 www.secovirio.com.br

Condomínios

Verdes


SERVIÇOS E PRODUTOS

(21) 3547-6010

SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 63


SECOVI RIO / 2020 / nº 121 / 64


DUPLI

QUE

a sua tranquilidade

para administrar

o condomínio.

Você sabia que com

a Cobrança Garantida

o condomínio tem

assegurado em contrato

o repasse de 100% da

receita, independente dos

condôminos pagarem suas

taxas em dia ou não?

Saiba mais em

dupliquecarioca.com.br

dupliquepredial.com.br

GARANTIA

DE RECEITA

EMISSÃO DE

BOLETOS

CONTROLE DA

INADIMPLÊNCIA

COBRANÇA

JUDICIAL

Solicite uma

proposta.

CARIOCA

21 3553 7476 . 21 3553 7348

Av. Nilo Peçanha . 50 . Sl. 1012

Rio de Janeiro

PREDIAL

21 3173 5200 . 21 3559 1751

Av. Nilo Peçanha . 50 . Sl. 2117

Rio de Janeiro


USE A MAIS MODERNA USE A M

TECNOLOGIA DE TECNO

PORTARIA REMOTA PORTA

PARA CONDOMÍNIOS PARA C

+1300

CONDOMÍNIOS

+14mi

ACESSOS

+1mi

ATENDIMENTO PORTARIA

REMOTA/MÊS

Líder de mercado, com tecnologia

própria e de última geração, a

Porter tem o propósito de

melhorar a vida de síndicos e

moradores levando o conforto e a

segurança que sua família merece.


ALGUNS BENEFÍCIOS

câmeras Controle de acessos

ativo, visualize Monitoramento a

24h. Controle de

nto todas as câmeras eventos como arrombamento, se a

s.

porta ficou aberta ou alguma

emergência de incêndio.

Acesso às câmeras

Com o seu aplicativo, visualize a

qualquer momento todas as câmeras

dos seus acessos.

e acessos Gestão de convites

detalhado via Tenha mais autonomia enviando um

dos os acessos QR de Code de acesso direto para seus

s de seu condomínio convidados via whatsapp ou SMS.

partamento).

Timeline de acessos

Tenha o registro detalhado via

aplicativo de todos os acessos de

entradas e saídas de seu condomínio

(restrito ao seu apartamento).

ento offline Função emergência

stema de acesso Em caso de emergências, proporcione

ependente de que quedas todas os moradores possam

ção via internet. evacuar o condomínio de forma

rápida e segura.

Funcionamento offline

Mantenha seu sistema de acesso

funcionando independente de quedas

com a comunicação via internet.

PORTER RIO DE JANEIRO

Av. das Américas, 500 - Bloco 22 - Sala 245

Barra da Tijuca - Rio de Janeiro , RJ

rj@porter.com.br | (21) 3500-3689

@portergroupbr

@portergroupbr


Equipamentos para a

ACADEMIA

do seu Condomínio

•VENDA •LOCAÇÃO •MANUTENÇÃO

Somos a maior empresa do

Rio de Janeiro em soluções

para o seu espaço fitness.

FALE COM UM

CONSULTOR

ESPECIALIZADO

21 99662-6659

@trade.fit

*Garantia atrelada ao serviço gratuito de Manutenção

Preventiva, oferecido exclusivamente para cliente da

região metropolitana do Rio de Janeiro. Demais

regiões contam com garantia de 3 meses.


coisas que o secovi rio pode fazer

pelo seu condomínio

Representação sindical é um assunto que tem tudo a ver com o cotidiano de

condomínios e empresas do mercado imobiliário. Por isso, selecionamos cinco

dos principais aspectos em que o Secovi Rio atua.

Informe Publicitário

AJUDAR A DESENVOLVER UMA GESTÃO MAIS ASSERTIVA

Pintou alguma dúvida sobre gestão condominial, questões trabalhistas ou assuntos tributários?

Nossa equipe jurídica está a postos para esclarecer. Além disso, você pode ter acesso a revisões

de Convenção, Regulamento Interno, contratos e muito mais.

TER UMA EQUIPE MAIS QUALIFICADA

Quer aprimorar suas funções no condomínio ou em uma empresa do mercado imobiliário? A

Universidade Corporativa Secovi Rio tem as melhores ferramentas, com cursos, workshops e

palestras sob medida para o seu sucesso.

REDUZIR CUSTOS E OBRIGAÇÕES

Todos os dias, a equipe de acompanhamento legislativo monitora a tramitação de projetos de

lei que possam afetar direta ou indiretamente condomínios e empresas do setor da habitação.

Quando uma proposta surge, nossa análise vai para quem decide a aprovação ou não dela.

AMPLIAR O CONHECIMENTO SOBRE A REALIDADE DO MERCADO

Suas cotas condominiais estão dentro da média? Com o apoio de dados com credibilidade, você

pode ter uma visão mais ampla sobre as contas do condomínio. Além disso, moradores,

investidores e inquilinos podem acessar informações sobre preços de venda e locação de imóveis.

MANTER RELAÇÕES DE TRABALHO MAIS EQUILIBRADAS

O Secovi Rio é a voz dos condomínios e das empresas do mercado imobiliário na mesa das

negociações coletivas. Com base em dados do setor, o Sindicato busca assegurar relações

de trabalho mais justas e transparentes.

Como apoiar esse trabalho?

Basta fazer sua parte e manter suas contribuições em dia.

Com esses recursos, o Sindicato pode fazer seu papel e lutar

por sua empresa ou seu condomínio.

(21) 2272-8000

(21) 98547-2812

www.secovirio.com.br

Avenida Almirante Barroso, 52/9º andar • Centro • Rio de Janeiro-RJ


Síndicos

Síndicos

e Síndicos

e

Síndicas,

Síndicas,

Síndicas,

NÓS SABEMOS

NÓS SABEMOS

NÓS EXATAMENTE SABEMOS

QUE

EXATAMENTE

EXATAMENTE

NÓS SABEMOSO QUE

VOCÊS MAIS QUEREM:

VOCÊS VOCÊS

EXATAMENTE MAIS QUEREM:

MAIS QUEREM:

O VOCÊS MAIS QUEREM:

Redução de Despesas Atendimento Personalizado

Redução de Despesas & Atendimento Personalizado

Redução Você está preocupado de Despesas com a redução & Atendimento de despesas do Personalizado

seu condomínio?

Você

Redução

está preocupado

de Despesas

com a redução

& Atendimento

de despesas do

Personalizado

seu condomínio?

Você

Na Acir

está

você

preocupado

conta com

com

atendimento

a redução

personalizado

de despesas do

e, quando

seu condomínio?

precisar,

Na Acir você conta com atendimento personalizado e, quando precisar,

Você está preocupado com a redução de despesas do seu condomínio?

Na


Acir você conta com atendimento personalizado e, quando precisar,


Na Acir você conta com atendimento personalizado e, quando precisar,


Parceria

para facilitar o seu dia a dia:

Parceria para facilitar o seu dia a dia:

Parceria para facilitar o seu dia a dia:

Parceria para facilitar o seu dia a dia:

A Acir fornece uma prestação de contas precisa e transparente, ajuda você a

A Acir fornece uma prestação de contas precisa e transparente, ajuda você a

A


Acir fornece uma prestação de contas precisa e transparente, ajuda você a


A Acir fornece uma prestação de contas precisa e transparente, ajuda você a


Deixe

a Acir surpreender você!

Deixe a Acir surpreender você!

Deixe a Acir surpreender você!

Deixe a Acir surpreender você!

Converse hoje mesmo com um de nossos assessores especializados e

Converse hoje mesmo com um de nossos assessores especializados e

Converse


hoje mesmo com um de nossos assessores especializados e


Converse hoje mesmo com um de nossos assessores especializados e



Fale com a Acir e solicite sua proposta:

Fale com a Acir e solicite sua proposta:

Fale com a Acir e solicite sua proposta:

Fale com a Acir e solicite sua proposta:

contato@aciradm.com.br

contato@aciradm.com.br

contato@aciradm.com.br

contato@aciradm.com.br

(21)

(21)

2212-5300

2212-5300

(21) 2212-5300

(21) 2212-5300

Há mais de 70 anos inovando no mercado imobiliário

A Acir orgulha-se Há mais de de ser 70 sócia-fundadora anos inovando no da ABADI: mercado a Associação imobiliárioBrasileira

Há mais de 70 anos inovando no mercado imobiliário


A Acir orgulha-se de ser sócia-fundadora da ABADI: a Associação

A Acir orgulha-se Há mais de de ser 70 sócia-fundadora anos inovando da no ABADI: mercado a Associação imobiliárioBrasileira


A Acir orgulha-se de ser sócia-fundadora da ABADI: a Associação Brasileira


www.aciradm.com.br

www.aciradm.com.br

www.aciradm.com.br

www.aciradm.com.br

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!