Edição Fevereiro 2021 Assunto de Mulher

sandrasimoes681

Economia, moda infantil, artesanato, saúde da mulher, maquiagem, culinária, tratamento para todos os tipos de cabelo. Isto e muito mais.

A S S U N T O

D E M U L H E R

E D I Ç Ã O D E F E V E R E I R O 2 0 2 1

Saúde da

mulher

Makes para o

verão

Tratamento

de pele

O P A P E L D A

M U L H E R N A

E C O N O M I A


20

edição de fevereiro 2021

A S S U N T O D E

M U L H E R

15

Eduarda Gomes

logistica

Samara Gomes

Gerente de vendas

Guilherme Julio

Diagramador

Fotos

canva.com

google.com

18

Maria do Carmo

colunista de Moda

09

I N D I C E

03 Editorial

09 Moda

12 Tratamento de pele

17 Flores de papel

30 Dirp Cake


Novas

Perspectivas

A ótima noticia e a liberação da

vacina contra o Covid-19. Se tudo

ocorrer como o esperado, devemos

ter um ano muito mais produtivo e

alinhado com o que

convencionalmente chamamos de

novo normal. Cercado de ótimas

perspectivas, nós da revista assunto

de mulher também estamos

otimistas e esperando um ano

promissor. Ciente de nossa

responsabilidade como veículo de

comunicação, passamos por

dificuldades enormes durante esta

pandemia. Entretanto, não

deixamos de lado nossa

responsabilidade de informar e

deixar os leitores atualizados com

nossas reportagens de

entretenimento e conteúdo

diferenciado.

Nesta edição de fevereiro com

muitas surpresas. Mulher, negra,

bonita e muito experiente na

política, Kamala Harris é a nova vicepresidente

dos Estados Unidos e a

mulher mais poderosa na política

americana atualmente.

“Economia: É da Conta Delas”, com o objetivo de

reforçar a importância delas no mercado financeiro

e de tecnologia. Criado por uma equipe de

especialistas a ação quer somar vozes e demonstrar

ao mercado como um todo que, se não houver uma

atuação maior e mais firme do setor privado, o

quadro de desigualdade não diminuirá.

Saúde: “É de grande importância que as mulheres se

mostrem vigilantes sobre a própria saúde,

identificando precocemente hábitos nocivos,

sintomas físicos e psíquicos e aderindo a hábitos

saudáveis”, destaca o Departamento de Ações

Programáticas Estratégicas do Ministério da Saúde.

Tratamento de pele no verão: Muitas pessoas

acreditam que os tratamentos dermatológicos

devem ser realizados apenas no inverno, quando há

menor incidência de raios solares. Porém, com os

cuidados certos, é possível fazer todos eles no

verão.

Artesanato; Para dar uma ideia desse universo de

possibilidades, vamos ensinar cinco tutoriais bem

fáceis de reproduzir. Ah, antes de começar, saiba

que para todos essas decorações você vai precisar

de papeis mais grossos.

Sandra Simões

Editora chefe

A S S U N T O D E M U L H E R

Email: assuntodemulher@gmail.com

(13) 981768480


Saúde da

mulher

http://www.blog.saude.gov.br/

10 cuidados primordiais para a saúde da mulher Independentemente da idade, de bebê à idosa, a

mulher precisa ter cuidados essenciais com a saúde.

E, desta forma, garantir também a qualidade de vida.


NOTE

1 – Manter alimentação saudável Uma alimentação saudável, desde os primeiros dias de vida,

como a amamentação e o consumo de alimentos in natura, por exemplo, traz benefícios à

saúde. Resulta na redução de fatores de risco para doenças, como o sobrepeso e o aumento

do colesterol, além do bem estar físico e mental e da importância do vínculo entre mãe e bebê.

2 – Cuide de sua saúde mental Identificar precocemente sintomas psíquicos e buscar

acolhimento de saúde pode ser decisivo para que haja abordagem oportuna pelos profissionais

de saúde. Afinal, sabe-se que as mulheres se encontram em uma situação de vulnerabilidade

por ganharem menos, por estarem concentradas em profissões menos valorizadas, por terem

menor acesso aos espaços de decisão no mundo político e econômico, por sofrerem violência

doméstica, física, sexual, psicológica, econômica, além da negligência e abandono. Além

disso, elas vivem dupla e tripla jornada de trabalho. Para as mulheres idosas, há ainda a

questão do isolamento social e transtornos emocionais devido à aposentadoria, à viuvez, às

alterações fisiológicas, e dos sofrimentos provocados por uma sociedade que supervaloriza a

juventude e desvaloriza as marcas do envelhecimento feminino. Além dos sintomas de

depressão, outros transtornos mentais necessitam de atenção e cuidado, como os de

ansiedade, insônia, estresse e transtornos alimentares. Fatores psicossociais e ambientais

estão relacionados à incidência dessas doenças.


3 – Falando de Sexualidade A sexualidade

engloba um conjunto de aspectos que envolvem

o prazer, o desejo, a ternura, o amor, que são o

resultado da convergência de natureza psíquicabio-sócio-histórico-cultural.

Portanto conhecer o

próprio corpo é fundamental para identificação

dos pontos de prazer e exercício da sexualidade,

em todas as idades. A mulher vai tendo vivências

e experiências da sua sexualidade que vão

mudando com o passar dos anos.Nas

adolescentes, por exemplo, o início da puberdade

é marcado por muitas mudanças como o

aparecimento de espinhas, nascimento do broto

mamário, pelos pubianos gerando muitas vezes

dúvidas e inseguranças. Falar da sexualidade

das mulheres idosas ainda é um tabu, o que

dificulta a busca de informação e a superação de

obstáculos para que se alcance uma vida sexual

saudável e com qualidade nesta faixa etária.

Após a menopausa, por exemplo, as mulheres

podem apresentar algum desconforto nas

relações sexuais com penetração vaginal, por

causa das condições de hipoestrogenismo e,

consequentemente, hipotrofia dos tecidos

genitais. Utilizar creme vaginal, nestes casos,

pode favorecer as condições genitais para o

pleno exercício da sexualidade.

“É de grande importância

que as mulheres se

mostrem vigilantes sobre a

própria saúde, identificando

precocemente hábitos

nocivos, sintomas físicos e

psíquicos e aderindo a

hábitos saudáveis”,

destaca o Departamento de

Ações Programáticas

Estratégicas do Ministério

da Saúde.

4 - Conhecer seu próprio corpo. Você conhece o

seu corpo? Esta pode parecer uma pergunta com

resposta óbvia, porém muitas pessoas não

conhecem seu próprio corpo. Os motivos são os

tabus, valores sociais e questões que envolvem

sexualidade e gênero. Todos sabem que a saúde

sexual é essencial para homens e mulheres

serem saudáveis física e emocionalmente.

Porém, ainda é grande o número de mulheres

que sabem pouco ou nada sobre a anatomia e o

funcionamento do seu corpo.


–5 - Realizar exames de rastreamento. O Sistema Único de Saúde oferta exames para rastreio

do câncer de colo de útero e câncer de mama para as mulheres de acordo com diretrizes

específicas. O início da coleta do exame Papanicolau, para rastreio do câncer de colo de útero,

deve ser aos 25 anos de idade para as mulheres que já tiveram atividade sexual. Os exames

devem seguir até os 64 anos e serem interrompidos quando, após essa idade, as mulheres

tiverem pelo menos dois exames negativos consecutivos nos últimos cinco anos. O rastreamento

para o câncer de mama, com o exame de mamografia é a estratégia de saúde pública que tem

sido adotada em contextos onde a incidência e a mortalidade por câncer de mama são elevadas.

A recomendação para as mulheres de 50 a 69 anos é a realização de mamografia a cada dois

anos e do exame clínico das mamas a cada ano.6 – Proteger- se contra IST/HIVAs Infecções

Sexualmente Transmissíveis (IST) são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos.

Elas são transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso

de camisinha masculina ou feminina, com uma pessoa que esteja infectada. A transmissão de

uma IST pode acontecer, ainda, da mãe para a criança durante a gestação, o parto ou a

amamentação. A Prevenção Combinada é uma estratégia que faz uso simultâneo de diferentes

abordagens de prevenção aplicadas em múltiplos níveis (individual, nas

parcerias/relacionamentos, comunitário, social) para responder a necessidades específicas de

determinados segmentos populacionais e de determinadas formas de transmissão das IST.O uso

de preservativos feminino ou masculino é a forma de vivenciar a sexualidade de forma segura.

Vale lembrar que o uso do preservativo não serve somente para evitar gravidez, mas é

fundamental utilizá-lo para prevenção das IST, HIV/Aids. Caso ocorra sexo sem preservativo,

procure uma unidade básica de saúde para ter orientações e faça os testes rápidos.


7 - Faça escolhas conscientes sobre métodos contraceptivos. O Sistema Único de Saúde

disponibiliza diversos métodos contraceptivos para que adolescentes e mulheres possam

escolher a maneira mais confortável de planejar quando, como e se vai querer ter filhos. A

mulher pode escolher entre os métodos: injetável mensal, injetável trimestral, minipílula, pílula

combinada, diafragma, Dispositivo Intrauterino (DIU), além dos preservativos feminino e

masculino.

8 - Busque ajuda em caso de violência. A violência contra as mulheres afeta cidadãs de todas

as classes sociais, raças, etnias, faixas etárias e orientações sexuais, e se constitui como uma

das principais formas de violação dos direitos humanos, pois atinge as mulheres no seu direito

à vida, à saúde e à integridade física. As agredidas vivenciam situações de medo, pânico,

baixa autoestima, ansiedade, angústia, humilhação, vergonha e culpa, perda da autonomia e,

muitas vezes, fragilidade emocional. Agouros que abrem margem para quadros clínicos como

depressão, síndrome do pânico, ansiedade, distúrbios psicossomáticos, entre outros. Se está

passando por alguma situação que lhe incomoda, converse com pessoas de sua confiança e

vá até um serviço de saúde mais próximo de casa para pedir ajuda e tirar dúvidas.

9 – Utilize práticas saudáveis para os sintomas comuns durante os ciclos menstruais e no

climatério/menopausa Medicar o corpo das mulheres, em nome da ciência e de um suposto

bem-estar, sempre foi uma prática da medicina, que só será modificada quando as mulheres

tiverem consciência de seus direitos, das possibilidades preventivas e terapêuticas e das

implicações das distintas práticas médicas sobre o seu corpo.

A medicalização do corpo das mulheres com uso de hormônios durante o

climatério/menopausa, por exemplo, encontra um campo fértil no imaginário feminino pelas

falsas expectativas como a eterna juventude e beleza.

10- Planeje e vivencie uma gestação saudável. O planejamento reprodutivo é um importante

recurso para a saúde das mulheres. Ele contribui para uma prática sexual mais saudável,

possibilita o espaçamento dos nascimentos e a recuperação do organismo da mulher após o

parto, melhorando as condições que ela tem para cuidar dos filhos e para realizar outras

atividades.

O acompanhamento pré-natal assegura o desenvolvimento da gestação, permitindo o parto de

um recém-nascido saudável, sem impacto para a saúde materna, inclusive abordando

aspectos psicossociais e as atividades educativas e preventivas. A opção por não ter filhos

também deve ser assegurada, e a abordagem nessa situação deve ser livre de preconceitos e

crenças por parte dos profissionais de saúde. Com estas dicas, fica mais fácil cuidar da

saúde, em qualquer fase da vida.


Moda

Infantil

M A R I A D O C A R M O


Surpresa!

Este mês de fevereiro, mudarei um pouco

meu foco. Sim, vou tratar de tendências

infantis. não penso só na moda adulta. Nossa

menina precisam estar fashion também.

A moda infantil muda na mesma forma que

a moda adulta. Mas roupa de criança precisa

ter cara de criança, com praticidade e

principalmente conforto.

Para o nosso clima, é mais adequado

serem de algodão, que são mais duráveis,

resistentes e ao mesmo tempo sustentáveis.

As de malha também são bem aceitas nesta

época do ano.

Detalhes também podem aparecer em

cores claras ou vibrantes, temos que nos

concentrar em aproveitar o verão. na moda

praia, os biquínis podem ser florais,

combinando com o da mamãe. afinal nossas

pequenas merecem estar na moda.


Grill"

Fast

O M E L H O R

H A N B U R G U E R

A R T E S A N A L N A

B R A S A

(13) 997970321


TRATAMENTO

PARA PELE


https://clinderm.med.br/tratamentos-para-a-pele-que-podem-ser-feitos-no-verao/

Fotos: Canva.com

Tratamentos para a pele que podem ser feito no verão

Com a chegada do verão, uma dúvida bastante frequente é quais tratamentos para a pele que

podem ser feitos neste período. E este questionamento é muito importante, pois a pele precisa

de cuidados diferenciados na estação mais quente do ano. Muitas pessoas acreditam que os

tratamentos dermatológicos devem ser realizados apenas no inverno, quando há menor

incidência de raios solares. Porém, com os cuidados certos, é possível fazer todos eles no

verão. Alguns tratamentos para a pele estão liberados para serem feitos no verão, como:

DERMATOCOSMÉTICOSOs tratamentos à base de cremes ou séruns faciais, especialmente

os que possuem ativos anti-idade, podem ser usados durante todo o ano. No entanto, nos

meses mais quentes, é necessário escolher produtos com ácidos e clareadores em

concentrações mais leves e não fotossensibilizantes. Além disso, os antioxidantes devem estar

presentes na composição desses produtos. Isto é necessário, pois a radiação UV é uma das

maiores responsáveis pela produção de radicais livres. Estes, por sua vez, contribuem para

acelerar o envelhecimento da pele.

MICROAGULHAMENTOO microagulhamento é um tratamento dermatológico que consiste

na microabrasão da pele, feita através de um aparelho composto por centenas de

microagulhas. A técnica estimula a ativação de substâncias na pele capazes de aumentar a

produção de colágeno. As principais indicações desse tratamento são: para eliminar ou

suavizar rugas, flacidez e poros dilatados; solucionar ou amenizar estrias recentes e antigas;

para cicatrizes de acne. A técnica também pode ser utilizada para potencializar a aplicação de

substâncias ativas no tratamento de alterações pigmentares, como o melasma. O

microagulhamento tem vantagens em relação a outros procedimentos e é recomendado para

todos os tons de pele. Além disso, pode ser realizado com anestesia tópica e a recuperação

não é dolorosa. Após a aplicação, o filtro solar deve ser mantido e intensificado diariamente.

TOXINA BOTULÍNICA É indicada para a prevenção e para o tratamento de rugas, além da

hiperidrose (suor excessivo). O procedimento pode ser realizado durante todo o ano.


A S S U N T O D E M U L H E R

ECONOMIA


www.creditas.com/exponencial/e-da-conta-delas-economia/

É da conta delas: a importância e o papel

da mulher na economia

O exemplo da assistente jurídica como chefe de família é a prova dos avanços das

mulheres na economia. E os benefícios do protagonismo delas, seja no cenário econômico,

mercado de trabalho e mundo financeiro não são à toa: uma maior participação das

mulheres na economia incrementaria o PIB mundial em US$ 28 trilhões até 2025, segundo

um levantamento da Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), agência de

desenvolvimento internacional da ONU que trata de questões populacionais. Já uma maior

participação da mulher no mercado de trabalho e em cargos diretivos pode injetar até US$

12 trilhões no PIB global até 2025, segundo cálculos da McKinsey. Para o Brasil, o

incremento seria na ordem de US$ 410 bilhões - o equivalente a riqueza gerada pela

região Nordeste, por exemplo.

O potencial identificado pelas análises em geral vêm da reformulação de alguns pontos. O

primeiro deles é destacado pelo mix de setores em que as mulheres trabalham - e maior

protagonismo delas; o segundo, pelas horas trabalhadas, levando em consideração uma

maior participação masculina nos deveres domésticos; e, por fim, pela sua maior

participação no mercado como um todo. “Essa tendência vai ajudar a mostrar a mulher

como protagonista na economia. Ou seja, que ela deve ser levada a sério no momento de

decisão”, explica Nana Lima, especialista da consultoria Think Eva, núcleo de inteligência

do feminino. As consequências desse empoderamento econômico também aparecem na

contribuição para a erradicação da pobreza. Uma análise feita pelo Banco Mundial no

período de 10 anos - 2004 a 2014 - identificou que o aumento da participação feminina no

mercado de trabalho reduziu em 15% a pobreza no Brasil. Na América Latina, a queda foi

de quase 14% e, no mundo, 12%. “Dinheiro [poder econômico] é independência. Seja do

marido abusivo, da carreira que ela não quer mais seguir e, até mesmo, para poder

empreender”, diz Nana.


www.creditas.com/exponencial/e-da-conta-delas-economia/

É da Conta Delas: o papel do setor privado na

mudança.

A fim de endossar e apoiar o papel da mulher como protagonista econômica, empresas da

iniciativa privada assumiram o compromisso para si. A fintech de empréstimo Creditas é

um exemplo disso. Para a celebração do dia internacional da mulher em 2019, a fintech de

crédito elaborou um movimento intitulado por “É da Conta Delas”, com o objetivo de

reforçar a importância delas no mercado financeiro e de tecnologia. Criado por uma equipe

de especialistas a ação quer somar vozes e demonstrar ao mercado como um todo que, se

não houver uma atuação maior e mais firme do setor privado, o quadro de desigualdade

não diminuirá. “É um movimento que cresce de dentro [da empresa] para fora [da

companhia]”, explica Isadora Greiner, Community Manager da Creditas e uma das

idealizadoras do movimento. “Acima de tudo, com o #ÉDaContaDelas, nós queremos

apoiar as mulheres no mercado de trabalho, facilitar o acesso à educação financeira,

divulgar a conquista de tantas profissionais maravilhosas e inspirar muitas outras que estão

por vir.” Mais que o movimento lançado no dia internacional da mulher, a fintech busca,

desde a sua criação, engajar a participação da mulher no mercado de trabalho.

Atualmente, a Creditas conta com 46% de mulheres como colaboradoras, sendo que 30%

dos cargos de liderança são ocupados por elas. Na área de tecnologia, por exemplo, as

mulheres representam 21% da equipe, quase o dobro do indicado em pesquisa da Michael

Page, que encontrou uma participação de 12% de mulheres nos cargos de TI.


https://www.terra.com.br/vida-e-estilo/casa-e-decoracao/viva-decora/

Flores de papel: Tutorial

Existem vários tipos de decoração com flores de papel e todas são muito lindas. Para dar

uma ideia desse universo de possibilidades, vamos ensinar cinco tutoriais bem fáceis de

reproduzir. Ah, antes de começar, saiba que para todos essas decorações você vai precisar

de papeis mais grossos.

Como fazer flor de papel simples.

1-Em um papel quadrado, desenhe um espiral saindo da borda e indo rumo ao centro.

2-Corte nas linhas desenhadas.

3- Recorte e descarte a parte de fora que ficou com os cantos quadrados. Enrole a partir do

centro enquanto fixa com cola branca.

Como fazer flor de papel com camadas

1-Faça um molde com quatro pétalas

Use-o para fazer outros recortes iguais

Sobreponha dois ou mais recortes e cole-os

Fixe um botão no meio

Dobre as pétalas levemente para cima


https://www.terra.com.br/vida-e-estilo/casa-e-decoracao/viva-decora/

Como fazer flor de papel tipo copo-de-leite

Em um papel quadrado, desenhe o formato de uma folha

Recorte o formato e corte a base, deixando-a reta "Entorte" as bordas enrolando-as de leve

Corte uma tira de um papel amarelo para fazer o meio

Cole essa tira na ponta do palito

Cole a base do outro papel ao redor dessa ponta

Caso queira o talo, use outra tira verde para cobrir o restante do palito

Como fazer flor de papel gigante

Nas suas folhas, desenhe uma pétala de 17 cm, uma de 14 cm, uma de 11 cm e uma de 8 cm,

todas com a base reta.

Recorte essas pétalas, que serão os moldes

Use essas formas para desenhar mais seis pétalas de cada tamanho

Recorte todas as pétalas

Dobre levemente as pontas das pétalas

Corte a base das pétalas no meio e cole as pontas

Cole as pétalas maiores umas aos lados das outras até formar um círculo

Repita o processo colando as pétalas de tamanho menor em cima da base formada

Para um resultado melhor, posicione as pétalas menores nos espaços entre as pétalas maiores


Receitas de sucos detox

Ingredientes:– 1/2 limão c/ casca– 4 maçãs– Gelo Como

fazer: Corte as maçãs em pedaços e o limão em rodelas

finas. Bata-os no liquidificador ou centrífuga e sirva com

algumas pedras de gelo. Você também pode fazer com maçã

verde e adicionar um pouquinho de gengibre.

Fica uma delícia!

Nessa época do ano quando o calor e

as temperaturas chegam a bater

recordes é muito importante se manter

hidratado e com uma alimentação

balanceada para que você possa

aproveitar ao máximo os lindos dias de

verão! Por isso, nada melhor que

adicionar sucos a sua rotina! Você pode

tomá-los logo cedo no café da manhã ou

então ao longo do dia, após alguma

atividade física por exemplo. E para

ajudar você nessa empreitada saborosa,

selecionamos aqui 10 receitas de sucos

simples de fazer e que fazem muito bem

ao nosso organismo!Vamos ao nosso

top 10 então!

Ingredientes:– 1 cenoura inteira (crua)– 1 maçã média cortada em quatro– 1 unidade de polpa de acerola–

1 copo médio de água– 1/2 talo pequeno de aipo (cru)– 1 pires de chá de espinafre cru– 2 fatias finas de

beterraba (crua) picadaComo fazer:Descasque a cenoura e a beterraba e corte-a em cubinhos.Descasque

e retire as sementes da maçã e corte-a em quatro.Bata esses e os outros ingredientes no

liquidificador.Sirva gelado.

http://blog.madeinnatural.com.br/receitas/10-receitas-de-sucos-detox-para-o-verao/


http://blog.madeinnatural.com.br/receitas/10-receitas-de-sucos-detox-para-o-verao/

Ingredientes:– Cascas de 1 Abacaxi grande– Folhas de Hortelã a gosto– Gelo

Como fazer: Coloque 500ml de água em uma panela e ferva junto com as cascas do abacaxi.

Depois de ferver a água, deixe esfriar e na sequência é só adicionar as folhas de hortelã, gelo e

bater no liquidificador. Coe antes de beber.

Ingredientes:– 12 unidades de morango,– 8 unidades de amora,– 8 unidades de framboesa,– 1 copo

de água de coco. Como fazer: Esse suco é ideal para ajudar na hidratação e no fortalecimento do

sistema imunológico! O preparo é muito simples. Bata todos os ingredientes no liquidificador, adicione

de gelo se preferir e beba em seguida


-3 - PRIMER E FIXADOR DE MAQUIAGEM Dois produtos que podem ajudar a fixar melhor a make do

verão é o primer, que pode ser encontrado em bastão ou líquido, e deve ser usado no rosto limpo, antes

de qualquer produto de make, e o fixador de maquiagem, que pode ser em spray e deve ser aplicado no

final do look.

4 - USE PÓ TRANSLÚCIDO NA MEDIDA No verão, nada de pó compacto! A dica é usar o

pó translúcido, que tem partículas mais leves e não pesam no rosto, diferente do pó compacto. O

produto ajuda a segurar a base, o BB Cream e o corretivo, e pode ser aplicado com um pincel grande e

cerdas leves nas áreas mais oleosas do rosto, como testa, nariz e queixo.

15 - MÁSCARA DE CÍLIOS À PROVA D'ÁGUA Máscara de cílios é essencial para dar aquele up no

olhar! No verão, a dica é apostar nas versões à prova d'água, que fixam melhor nos cílios e não vão

derreter no calor. O produto que é favorito na make da balada também pode ser usado durante o

dia. A atenção é apenas ao removê-lo dos cílios: dê preferência à um demaquilante bifásico para

não prejudicar os fios.(Por Beatriz Doblas)


Talvez você ainda não tenha

visto esse nome, drip cake.

Porém, provavelmente você já

admirou pelas redes sociais

algumas fotos dessas delícias.

Como a tradução já diz, um drip

cake é um bolo com gotas. Eles

são altos e com uma cobertura

escorrendo pelos lados.

Daquelas que dá vontade de

passar o dedo, sabe? Diferentes

dos naked cakes, mais

minimalistas e com camadas

expostas, o drip cake é cheio de

cobertura e pode ser

supercolorido e enfeitado. A

confeiteira

australiana

Katherine Sabbath foi uma das

pioneiras nessa doce

modalidade, enchendo o

Instagram com fotos de fazer

salivar. Mas quem disse que você

precisa ficar só passando

vontade?

A combinação de doce com

azedinho é inusitada e

apaixonante. Esse bolo conta

com dois recheios, um de

mousse de doce de leite e

outro de creme de limão

siciliano. Há, ainda, uma

cobertura de buttercream de

doce de leite e uma calda feita

com doce de leite, leite e

cacau em pó.

A dica para acertar no seu

drip cake é utilizar uma massa

que traga sustentação para as

camadas. Afinal, ninguém

quer ver o bolo desmoronar,

certo? Essa receita intercala

camadas de bolo, recheio e

pedacinhos de abacaxi. A

cobertura é de merengue de

buttercream.

Drip cake:

aprenda

receitas

do bolo

queridinho

do

momento

A S S U N T O D E M U L H E R

https://www.dicasdemulher.com.br/drip-cake/

More magazines by this user
Similar magazines