*Fevereiro/2021 Revista Condominium 33

jotacomunicacao

A REVISTA DO SÍNDICO

WWW.REVISTACONDOMINIUM.COM.BR

Entrevista

O que fazer para não faltar água

mesmo em tempos de estiagem

Pet

Saiba como indicar ao

condômino o melhor

transporte para o seu pet

Segurança

Acesso remoto via digital é

muito mais que controle

Ano VII • N°33

Fevereiro 2021

Especial

Mês do zelador: profissionais que

cuidam da gente

MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO

síndicos investem cada vez mais

na terceirização de serviços


STV, HÁ 45 ANOS COM

SOLUÇÕES COMPLETAS

EM PROTEÇÃO E

SERVIÇOS PARA VOCÊ

E SEU PATRIMÔNIO.

Nosso objetivo é gerar valor para nossos clientes,

desenvolvendo em suas equipes as competências que melhor

atendam as demandas de cada segmento com o intuito da

personalização dos nossos serviços.

PORTARIA REMOTA

Chegou a hora de unir tecnologia e redução de custos no seu condomínio ou empresa! Com a portaria remota STV, seu

patrimônio terá muito mais segurança e tranquilidade e contará com um amplo suporte de serviços.

Conheça as facilidades de contar com a Portaria Remota da STV:

Aplicativo: Tenha o controle de seu condomínio na palma de sua mão. Com ele, será possível visualizar câmeras, visualizar registro de

ocorrências, reservar áreas comuns, enviar mensagens e notificações, controlar as manutenções, enviar convites on-line para visitantes

acessarem o condomínio;

Central de monitoramento: Possuímos uma central de monitoramento 24h, que atende exclusivamente às demandas da Portaria Remota,

com uma equipe especializada para atender às solicitações do condomínio.

Pronto Atendimento 24h. Profissionais com curso de formação de vigilantes, a equipe de pronto atendimento está apta a intervir em

situações de emergência comunicados pelo sistema do condomínio e identificados pela nossa central de monitoramento 24H.

ECONOMIA: redução de até 50% no valor do condomínio;

FACILIDADE: o seu acesso ao prédio será rápido, prático e com segurança;

TECNOLOGIA: monitoramento 24h nos acessos de seu condomínio ou empresa;

SEGURANÇA: com maior agilidade nas entradas e saídas do seu patrimônio, você não ficará a mercê dos criminosos. Além

disso, você possuirá imagens e controle de acessos do local.

stv.com.br stvseguranca stv_seguranca stvsegurança


PORTARIA PRESENCIAL

A portaria presencial da STV foi um serviço desenvolvido e

aperfeiçoado de forma estratégica para atender as

necessidades específicas de condomínios e empresas, além

de contribuir com a segurança do local.

Todas essas atividades e sistemas de segurança do local,

podem ser monitoradas 24h pela nossa central, e em

situação de risco descoloraremos nossa equipe de Pronto

Atendimento.

VIGLÂNCIA ARMADA

Consiste no recrutamento de profissionais extremamente

capacitados para realizar a segurança de seu patrimônio,

onde são treinados para adquirirem experiência, a fim de

serem resolutivos em ocasiões conflitantes.

FACILITIES

O cuidado com seu patrimônio deve ir além da

segurança. Sabemos que seu condomínio precisa de

cuidados internos e externos e por isso, a STV também

oferece soluções no segmento de facilities como:

• Zeladoria

• Limpeza

• Manutenção predial

• Serviços gerais

• Jardinagem

Curitiba I PR (41) 3151.1055

Rua João Negrão, 2680 - Prado Velho


sumário

06 Editorial

08 Notas

20 Serviços

26 Segurança

30 Economia

32 Reforma

36 Gente que cuida

40 Pet

42 Perfil

46 Entrevista

04


Documentos de seu condomínio

disponíveis no site e no portal do

Morador CM Premium;

Integração do conselho fiscal e

consultivo;

Palestras e cursos à comunidade

condominial;

Mais que recursos humanos,

trabalhamos com a gestão de

talentos;

Conte com nossa equipe e

organize o fluxo de caixa do seu

condomínio por meio de um

planejamento financeiro.

Unidade Curitiba/PR

Rua Isaías Bevilaqua, 560 - Mercês | 80430-040


WWW.REVISTACONDOMINIUM.COM.BR

Ano VII • N°33

Fevereiro 2021

editorial

A Revista do Síndico e dos Condôminos www.revistacondominium.com.br Ano VII • N.33 • Fevereiro 2021

A REVISTA DO SÍNDICO

Entrevista

O que fazer para não faltar água

mesmo em tempos de estiagem

Pet

Saiba como indicar ao

condômino o melhor

transporte para o seu pet

Segurança

Acesso remoto via digital é

muito mais que controle

Especial

Mês do zelador: profissionais que

cuidam da gente

MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO

síndicos investem cada vez mais

na terceirização de serviços

A capa dessa edição

traz como tema a

terceirização de serviços

nos condomínios

Ano VII | Edição nº 33 | Fevereiro 2021

Diretores

Comercial: Fábio Alexandre Machado

Executivo: Pedro Bartoski Jr.

revistacondominium@revistacondominium.com.br

Departamento Comercial

Marcelo Marcet de Andrade - Teaser Comunicação

comercial@revistacondominium.com.br

Novos

desafios

Redação

jornalismo@revistacondominium.com.br

Colaboração

Redação: Maria Fernanda Coutinho

Fevereiro é o mês do zelador, a Revista CONDO-

MINIUM celebra a data e homenageia essa profissão

tão importante. Na editoria Principal conversamos com

Celso Aparecido, que trabalha há 20 anos como zelador

no Edifício Rubens Bailão Leite, e nos contou um pouco

dessa trajetória. Então, não poderíamos deixar nossos

mais sinceros agradecimentos a esses profissionais que

dedicam a vida a cuidar bem da gente.

Nesta edição um dos assuntos abordados é sobre

o processo de terceirização nos condomínios, quais os

benefícios e as precauções, que devem ser tomadas

antes da contratação dos prestadores de serviços.

E como estamos no início do ano, reformas em

prédios são assuntos que trazem dúvidas a síndicos

e condôminos. E por isso, foi trazido o assunto sobre

a manutenção das fachadas de prédios, com esclarecimentos

dados pela Prefeitura de Curitiba (PR) e pelo

advogado do SECOVI-PR (Sindicato da Habitação e

Condomínios), Arthur Henrique de Pontes Rodrigues,

sobre as obrigações dos síndicos e a documentação

necessária para executar a obra. Já que o artigo 1336,

II do Código Civil, diz que uma obra não pode comprometer

a segurança da edificação.

Dentre os desafios que teremos neste ano de

2021, estão as estratégias para combater o desperdício

de água. Esta primeira edição do ano traz a entrevista

com o Diretor de Comunicação e Marketing da Sanepar,

Hudson José, para esclarecer dúvidas sobre a situação

da crise hídrica em Curitiba e na Região Metropolitana.

Os síndicos, em trabalho conjunto com os condôminos,

serão essenciais nesse processo para conter o racionamento

de água. Ótimo 2021!

Projeto Gráfico

Supervisão: Fabiana Tokarski

Crislaine Briatori Ferreira

Gabriel Faria

Mateus Paludo

criacao@jotacomunicacao.com.br

Mídias Sociais

Larissa Araujo

Depto. de Assinaturas

Cristiane Baduy

assinatura@revistareferencia.com.br

0800 600 2038

www.revistacondominium.com.br

A Revista CONDOMINIUM é uma publicação

da JOTA Editora

Rua Maranhão, 502 - Água Verde

CEP 80610-000 - Curitiba (PR) - Brasil

Fone/Fax: +55 (41) 3333-1023

A Revista CONDOMINIUM é uma publicação bimestral independente,

dirigida ao público curitibano, síndicos e condôminos da capital paranaense

e Região Metropolitana. A CONDOMINIUM não se responsabiliza

por conceitos emitidos em artigos e colunas assinadas, por serem de

responsabilidade de seus autores. A utilização e reprodução pode ser feita

desde que informada e citada a fonte. A Revista CONDOMINIUM também

não se responsabiliza por fotos de divulgação, bem como, por anúncios e

imagens enviadas por terceiros, por entender serem de responsabilidade

de seus produtores.

06


Nunca foi tão fácil

e seguro participar

da assembleia do

seu condomínio

Já pensou participar da Assembleia do

seu Condomínio em qualquer lugar?

Agora esta realidade é possível!

A Administradora Paraná oferece toda a

estrutura necessária para a realização da

ASSEMBLEIA ONLINE do seu Condomínio,

com toda segurança e confiabilidade!

administradoraparana

www.administradoraparana.com.br

Rua Conselheiro Laurindo, 809 | Centro | 80.060-100 | Curitiba - PR

Fone: (41) 3883-1700 | admparana@admparana.com.br


notas

Economizar com

qualidade

Foto: divulgação

O Mercado está mudando para melhor, e quem hoje busca qualidade

e seriedade nas ações de forma séria e compromissada sai

na frente e economiza sempre. A Delinear Pinturas é referência

no mercado nos serviços de pintura predial, residencial e industrial.

Com total responsabilidade a Delinear Pinturas trabalha

junto às Normas Regulamentadoras de Segurança e Saúde no

trabalho NR35 e NR18, que garantem profissionais qualificados

e total segurança pelos serviços prestados.

Redução de custos

no condomínio

Quando o condomínio busca redução de custos, ele

também precisa garantir que no meio disso esteja

adquirindo os melhores serviços. Isso vai desde a infraestrutura,

portaria e os equipamentos que compõem

a segurança. Por isso, é importante estar antenado nas

últimas tecnologias. A Latina América oferece serviços

de Portaria Remota e serviços terceirizados, conta com

os melhores equipamentos para oferecer aos clientes

um serviço de qualidade e excelência.

Segurança mesmo

longe de casa

O aplicativo da STV Segurança é uma solução móvel integrada

para gerenciamento completo de sua empresa, comércio

e/ou residência, que irá proporcionar comodidade e eficiência,

na palma da sua mão. É uma solução que possibilita ao

usuário visualizar a própria casa mesmo quando ninguém

estiver na residência. Com ele você pode iniciar ligações

a partir do próprio aplicativo; acompanhar os eventos de

sua central de segurança em tempo real; efetuar o alarme

e desarme do painel de ativação de qualquer local; visualizar

o histórico de eventos de seu sistema de alarmes. A

comunicação entre o APP e a central de segurança da STV

ocorre 24h por dia, o que gera tranquilidade para aproveitar

os dias de descanso sem preocupação.

Foto: divulgação Foto: divulgação

08


HAGANÁ, DESDE 1997

PROTEGENDO SEU

MAIOR PATRIMÔNIO:

A VIDA!

Grupo Haganá

O Grupo Haganá foi fundado em 1997 na cidade de São Paulo e alia potencial humano com

a mais avançada tecnologia. É composto pelas empresas: Segurança, Tecnologia, Projetos

Especiais e Serviços e oferece um pacote completo de soluções em terceirização de mão de

obra e serviços.

Haganá no Paraná

Em 2019 a Haganá deu mais um importante passo na expansão dos serviços e abriu sua

sede em Curitiba para atender melhor seus clientes locais, desde a concepção do projeto

até a implantação das melhores soluções para a área de acesso e ferramentas tecnológicas

de segurança. A atuação desde 2006 com clientes estratégicos no estado tornou Curitiba a

escolha natural para fixar mais uma sede.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA HAGANÁ:

Segurança Patrimonial

Terceirização de Limpeza

Terceirização de Bombeiro Civil

Sistema de Controle de Acessos

Sigah - Sistema de

Reconhecimento Facial

Serviços de Portaria e Recepção

Monitoramento de Alarmes

Haganá Smart – Alarme sem fio

Ronda Motorizada

Haganá Sat – Rastreamento Veicular

Monitoramento de Alarmes

CoSecurity – Segurança Colaborativa

Sabrah - Assistente virtual

Touchless Experience

Tecnologia sem Contato

CONHEÇA NOSSAS BASES:

Filial Haganá Segurança - R. Ada Macaggi, 845,

Bairro Alto Curitiba/PR | Tel.: 41 3078-7932

Filial Haganá Serviços - Pç. São Paulo da Cruz, 2,

Sala 2209, Cabral - Curitiba/PR | Tel.: 41 3078-7984


notas

Rastreamento

veicular

Foto: divulgação

Os índices de furto e roubo de veículos no Brasil só aumentam.

O serviço de Rastreador Veicular do Grupo Intersept é

uma ferramenta usual para quem busca preço justo e segurança.

Com este serviço o usuário sabe exatamente tudo o

que está acontecendo com o seu veículo. Todas as vezes que

o veículo é ligado, o Rastreador Veicular envia os dados para

a central, por meio de um chip com GPS (geolocalização), a

cada três minutos. Quando o automóvel está desligado, as

informações são coletadas e enviadas a cada 30 minutos. O

cliente que contrata o serviço de Rastreamento Veicular do

Grupo Intersept também passa a possuir o acesso às imagens

fornecidas pela ferramenta. Por meio de qualquer smartphone

e/ou computador com acesso à internet, o usuário do sistema

poderá monitorar os dados, inclusive receber notificações de

entrada e saída do veículo em lugares específicos.

Manutenção

hidráulica em dia

Com a estiagem histórica em Curitiba, a falta de manutenção hidráulica

em condomínios pode acarretar problemas inesperados, como válvulas

desreguladas ou deterioradas, rompimento e/ou vazamentos na

tubulação. Os sistemas hidráulicos prediais são constituídos por uma

enorme diversidade de componentes com distintos requisitos de desempenho

e durabilidades variadas. A Testil aconselha o síndico a ficar

sempre atento às orientações estabelecidas pelas normas da ABNT. E

oferece serviços com profissionais treinados para realizar manutenção

hidráulica com troca de tubulações, encanamento, reparos hidráulicos,

canos e verificação de falhas.

Proteção em janelas

e varandas

As janelas e varandas em prédios são um perigo para as crianças e os PETs,

por isso contratar uma empresa que preza a qualidade é essencial para

proteger a vida dos filhos e animais de estimação. A Anjos Redes efetua

instalações de redes e telas de proteção, confeccionadas em 100% de polietileno,

com tratamento contra os raios solares, residenciais e comerciais

para sacadas, janelas, piscinas, mezaninos, playgrounds, coberturas, escadas,

quadras esportivas e anti pássaros.

Foto: divulgação Foto: divulgação

10


Uma empresa nacional, com mais de 40 unidades por todo o

Brasil, a Vertex Soluções em Limpeza, trabalha com o melhor

que o mercado oferece. Somos especializados em condomínios

e temos por objetivo oferecer com excelência a melhor solução

em higienização e limpeza para nossos clientes.

vertexlimpezaprofissional.com.br

@vertex.curitiba

(41) 9 9957-3439 | (41) 9 9682-8016


notas

Planejamento

elétrico

Antes da casa ficar pronta, é importante planejar os lugares onde ficarão

as tomadas. A cozinha é um local que precisa de muitas tomadas, afinal

são vários eletrodomésticos, pense nos principais (fogão, geladeira,

microondas) e nos utilizados eventualmente (batedeira, torradeira,

cafeteira, liquidificador). Ou seja, será preciso ter pelo menos três

tomadas de potência alta e outras de baixa potência para outros equipamentos.

A lavanderia também precisa de pelo menos uma tomada

de potência alta, para a máquina de lavar roupas. Já nos quartos, pense

em TV, abajur, carregador de celular e até mesmo computador, opte por

um filtro de linha. A sala é o local com mais eletroeletrônicos, então é

sempre bom instalar várias tomadas. Informe ao eletricista quais são os

equipamentos que você deseja instalar no cômodo para não precisar de

reforma mais tarde. A Acquafort possui todos os produtos necessários

para uma iluminação e fiação elétrica perfeita.

Foto: divulgação

Controle

de pragas

Foto: divulgação

Algumas pessoas estão matando morcegos para tentar controlar o novo

coronavírus, acreditando que esses animais transmitem a doença. Os

morcegos são animais protegidos por legislação federal e não podem

ser abatidos, além de ser perigoso o contato físico com eles por alguém

inexperiente. A maneira correta de lidar com esta praga é realizando seu

expurgo. O expurgo de morcegos deve ser feito por uma empresa especializada,

que tenha a certificação e os equipamentos corretos. Assim

como a BR Control, que faz a remoção da maneira correta, conforme a

legislação. Se identificá-los no seu ambiente, procure os profissionais

da BR Control para realizar a remoção de forma segura e confiável.

Paver

drenante

Os condomínios, ao escolherem qual o melhor projeto de pavimentação,

devem priorizar a inovação do pavimento colocado

para que além da questão estética, seja funcional. A Lajes

Ivemar trabalha na linha de produtos com o Piso drenante,

que é oito vezes mais permeável que o paver comum. Este

tipo de piso é considerado permeável porque permite que a água escoe pelos espaços deixados entre as peças, feitas de

concreto comum, maciço. São peças pré-moldadas, com diferentes formas, cores e texturas, que ao serem encaixadas dão

origem ao pavimento com efeito estético diferenciado. Os projetos de pavimentação de ruas, avenidas, calçadas e demais

vias de acesso público, vem seguindo cada vez mais a tendência da utilização do paver drenante.

Foto: divulgação

12


notas

Solução inteligente

e praticidade

Foto: divulgação

Sua casa automatizada traz comodidade e conforto. A Scrock Pisos

traz na linha de comercialização persianas com motorização, uma

solução inteligente aliada à tecnologia. Um produto que alinha a

praticidade, a valorização do design do produto e elimina elementos

do acionamento manual, como hastes e cordões. Além disso, proporciona

o aumento da vida útil da cortina ou persiana em função da

ausência de contato manual. A motorização pode ser utilizada em

qualquer cortina ou persiana, em especial para cortinas de grandes

dimensões ou em locais altos, de difícil manuseio.

Vidas

em jogo

Para não ter decepções e dores de cabeça com a conclusão de uma obra,

o proprietário precisa realizar uma vistoria no local com uma empresa consolidada,

a fim de detectar possíveis problemas e corrigi-los antes de ser

habitado. A Idone possui uma experiência de mais de 10 anos na Engenharia

Civil, com destaque para prevenção e solução de problemas ocorridos em

diversos perfis de construção. A Idone realiza a vistoria, onde é verificado

se as peças hidro-sanitárias estão funcionando de acordo, se existe a presença

de umidade nas paredes, caimento dos ralos, instalações elétricas

em perfeitas condições de uso, acabamentos e a construção em geral. É

importante que sejam entregues o memorial descritivo e os projetos, de

como foi construído para planejar manutenções futuras, assim o morador

terá a garantia de um imóvel sem nenhum problema na construção.

A porta corta-fogo é um equipamento comum em nossas vidas,

porém as pessoas não se dão conta ao se deparar com uma, a

preocupação aparece em momentos emergenciais quando é preciso

localizar a saída de emergência mais próxima do condomínio,

shopping, teatro ou cinema. Contar com portas corta-fogo no condomínio

não é essencial apenas para tirar o AVCB (Auto de Vistoria

do Corpo de Bombeiros). Esse é o tipo de item que, estando nas

condições corretas de uso, salva vidas. A Certa Brasil é referência

em prestar esse serviço de venda e manutenção de portas corta-

-fogo, que são obrigatórias em edifícios a partir de 1983 e tem esse

nome por manter a fumaça e fogo longe das escadas por períodos

que variam de 60 min (minutos) a 2h (horas), dando, assim, tempo

e condições de esvaziar o prédio em caso de incêndio.

Vistoria

de imóvel

Foto: divulgação Foto: divulgação

14


notas

Inovação no

tratamento capilar

A primeira Escovaria Conceito de Curitiba,

inaugurada há apenas três meses, está trabalhando

a todo vapor literalmente. O espaço

especializado em escovas e que trabalha

com o conceito fast beauty, inova mais uma

vez na hidratação capilar e saúde do couro

cabeludo. A HidraPower uma ferramenta

umidificadora high-tech capaz de transformar

a molécula de água em nanopartículas. Esse

processo permite que o produto penetre mais

profundamente nos fios com o vapor d’água,

que resulta em uma hidratação turbinada

potencializada pelos benefícios de máscaras

hidratantes ou reconstrutoras nos cabelos.

Andréia Leiner, proprietária da Fast Escova

Conceito Batel, se preocupa em trazer o melhor para a escovaria, desde inovações de tratamentos, equipamentos, acessórios

e também em ter os melhores profissionais do mercado da beleza.

Foto: Emanoel Caldeira

Superintendente

paranaense no Consecti

Foto: divulgação

O superintendente estadual de Ciência, Tecnologia e Ensino

Superior, Aldo Bona, foi eleito para compor a nova

gestão do CONSECTI (Conselho Nacional de Secretários

Estaduais para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação).

Ele responderá pela Diretoria Regional Sul, no biênio

de 2021 a 2022. Com sede em Brasília, o Consecti tem

papel fundamental no aperfeiçoamento de políticas públicas

de CT&I (Ciência, Tecnologia e Inovação), em nível

nacional e regional, com foco na definição de prioridades,

recursos financeiros e aprimoramento do desenvolvimento

científico e tecnológico. Aldo reconhece a importância

e qualificação desse colegiado no debate dos principais

desafios da área da Ciência e Tecnologia, perante as várias

demandas de desenvolvimento do Brasil e de criação de

soluções para os problemas locais. “Essa oportunidade

nos permitirá articular, a partir da Região Sul, pautas prioritárias, na defesa da Ciência e da Educação, com foco no desenvolvimento

e soberania do país, de forma apartidária”, planeja Aldo. O conselho foi instituído a partir do Fórum Nacional

de Secretários para Assuntos de CT&I, em abril de 2005, e desde então vem atuando em várias comissões da área e no

Conselho Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Além de representar os sistemas estaduais de CT&I, a entidade tem

como finalidade ampliar a cooperação com os demais órgãos federais, regionais e internacionais, visando à modernização

e aperfeiçoamento contínuo, no âmbito da Ciência, Tecnologia e Inovação.

16


CONSTRUINDO

UMA EMPRESA

LUCRATIVA

Na KLA você recebe treinamento com diversas dicas de estratégias

para aumentar os lucros do seu negócio, entre elas estão:

Como enfrentar os desafios do mundo empresarial;

Como reduzir custos da sua empresa;

Técnicas de negociação em compras;

Como desenvolver visão estratégica em sua empresa.

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA

TURMA DE MARÇO/2021

Temos o mais completo Programa de

Desenvolvimento Empresarial, com estratégias

práticas para melhorar ainda mais os resultados das

empresas. Mais de 250.000 pessoas já participaram

dos Eventos, Cursos, Treinamentos e Palestras da

K.L.A. em centenas de eventos realizados por todo o

Brasil, Argentina, Uruguay, Portugal e México.

Os treinamentos são todos apostilados e com

certificação exclusiva K.L.A. Estamos com

inscrições abertas para os três módulos.

Entre em contato conosco:

(41) 3209-8453 (41) 99252-3696 (41) 99138-7738

sidinei.augusto@grupokla.com.br adriely@grupokla.com.br

www.grupokla.com.br/curitiba


notas

Corpo de Bombeiros

e os condomínios

Todos sabemos que o Corpo de Bombeiros é extremamente

necessário e importante para qualquer

cidade, Estado e país. No caso dos condomínios,

essa importância deve ser muito exaltada, principalmente

em caso de acidentes. São os bombeiros

que são acionados para cuidar de uma explosão de

gás de cozinha, por exemplo. Por isso, a Brigada

deve ser comandada por pessoas responsáveis e

que façam um trabalho exemplar. No último dia

16, terça-feira, foi realizada a Entrega de Comando do 1º CRBM (Comando Regional Bombeiro Militar). Quem assume

o Comando agora é o Tenente-Coronel Gilberto Gavlovski (foto acima), que também já foi chefe do Gabinete Militar da

ALEP (Assembleia Legislativa do Paraná). Estiveram presentes os comandantes das unidades operacionais gerenciadas

pelo 1º CRBM, assim como o Coronel Manoel Vasco de Figueiredo Junior, Subcomandante e Chefe do Estado Maior do

Comando do Corpo de Bombeiros. Para o Comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Gerson Gross, o Tenente-Coronel

Gilberto tem todas as qualificações necessárias para estar à frente do 1ºCRBM e com toda certeza desenvolverá um

excelente trabalho com o apoio do Comando do Corpo de Bombeiros. Segundo o Coronel Gelson Marcelo Jahnke, “a

solenidade simboliza um marco vitorioso em um ano em que enfrentamos tantos desafios, sendo que durante os meses

de minha gestão a principal missão foi a execução da Operação Verão 2020/21, que está se findando com sucesso. E

com o sentimento de missão cumprida, entrego o Comando do 1º CRBM ao Tenente-Coronel Gilberto, companheiro de

turma”, enaltece. Sobre os novos desafios que serão enfrentados, o novo Comandante, Tenente-Coronel Gilberto, afirma

que o trabalho será árduo. “Realmente será um grande desafio, pois a região sob responsabilidade do 1º CRBM detém

certa de 40% da população paranaense. Nosso objetivo será atender tal população com excelência na gestão dos insumos,

e é claro, valorizando a tropa, que tem atendido incansavelmente não somente no sinistro, mas também de forma

preventiva”, finaliza o novo comandante Gilberto.

Fotos: Emanoel Caldeira

18

Acima, novo comandante Gilberto Gavlovski ao lado da

presidente da Provopar Carlise Kwiatkowski. Ao lado

registro dos responsáveis do comando do Corpo de

Bombeiros do Estado do Paraná


GRAMARSUL

MÁRMORES E GRANITOS

Beleza e requinte

ao seu ambiente

Rua Maestro Carlos Frank, 336 - Curitiba

FONE: (41) 3286-1289 | www.gramarsul.com


serviços

As vantagens

e desvantagens da

terceirização

nos condomínios

Fotos: divulgação

A CONTRATAÇÃO DE UMA PRESTADORA DE

SERVIÇOS PODE SER UM BENEFÍCIO PARA O

CONDOMÍNIO, DESDE QUE SEJAM TOMADAS

TODAS AS PRECAUÇÕES NA CONTRATAÇÃO.

20


www.revistacondominium.com.br 21


serviços

prestadoras de serviços para realizar a gestão

de pessoas, incluindo as atividades de advertência

a funcionários quando necessário, controle

de horários, mudanças de turnos, férias,

pagamento dos salários, etc.

Toda dinâmica de seleção, treinamento e

pagamento, bem como, toda a parte burocrática

referente ao prestador de serviço, fica a

cargo da empresa terceirizada, que com isso

gera a otimização do trabalho com uma divisão

mais adequada de responsabilidades e com a

profissionalização dos processos.

Para o gerente de operações da Latina

América Terceirização de Serviços, Rodrigo

Otávio, a equipe terceirizada deve ser superterceirização

de serviços é uma forma

de garantir ao condomínio qualidade

A

nos serviços com a contratação de

uma empresa especializada, abrange serviços

como portaria, zeladoria, vigilância, jardinagem,

limpeza, manutenção, entre outros. Os

condomínios residenciais e empresariais zelam

por um bom atendimento, com uma equipe

treinada constantemente e que tenha todas

as garantias, para que os serviços prestados

sejam eficazes sem os problemas burocráticos

trabalhistas.

A terceirização dos condomínios fica a cargo

do síndico, juntamente com a equipe gestora

do condomínio, que irá analisar as empresas

22


visionada e monitorada por indicadores para

que não haja qualquer possibilidade de risco

à empresa. Desta forma irá manter o diferencial

competitivo e investir constantemente na

qualificação dos funcionários e na aquisição de

equipamentos.

Rodrigo explica que os empresários e gestores

sabem da importância de uma gestão

com foco em produtividade. A terceirizada

presta serviços que atendem às necessidades

dos clientes e contribui para que os contratantes

tenham uma boa experiência com a

marca da Latina América. Para isso, Rodrigo

esclarece que todo o processo de contratação

e treinamento pessoal é de responsabilidade

da prestadora de serviços. Dessa forma, a organização

poderá otimizar tempo de trabalho e

desenvolver habilidades mais estratégicas que

podem ser realizadas internamente.

As empresas que contratam

prestadoras de serviços estão

cada vez mais exigentes,

buscam a otimização

de processos e valores

expressivos na redução de

despesas com a equipe

www.revistacondominium.com.br 23


serviços

A qualificação profissional fica a cargo da

terceirizada, sendo uma vantagem importante

para as empresas que desejam contratar uma

prestadora de serviços.

A Latina América tem como pré-requisitos

de seus colaboradores a postura profissional

adequada, comunicação, comprometimento,

pontualidade, competência, flexibilidade e

sociabilidade como fatores essenciais dos

funcionários. “A Latina América preza pela

qualidade e excelência nos serviços prestados,

com monitoramento de alarme, controladores

de acesso, portaria remota, limpeza e conservação,

com uma equipe especializada em

proteção e segurança”, destaca Rodrigo.

As empresas que contratam prestadoras

de serviços estão cada vez mais exigentes,

buscam a otimização de processos e valores

expressivos na redução de despesas com

a equipe. Mas com garantias que terão um

serviço de qualidade com colaboradores comprometidos

com a política interna da empresa.

O principal risco, porém, para a empresa

contratante, é a contratação de empresa

terceirizada sem a capacidade de exercer o

serviço proposto com eficiência e a ausência

de idoneidade financeira. Pontos que devem

ser tomados como premissa para a terceirização,

para que não ocorra problemas com o

descumprimento de encargos trabalhistas pela

prestadora de serviços.

O gerente comercial de terceirizados, Roni

Cesar Lorena, trabalha na Intersept, empresa

especialista em prestação de serviços em

condomínios há mais de 21 anos. Roni destaca

que a vantagem de contratar os serviços da

24


Intersept é que a empresa possui multisserviços,

além da terceirização de mão de obra,

também oferece serviços de monitoramento

de câmeras, alarmes e portaria remota.

Os gestores operacionais da empresa

fazem o acompanhamento constante dos

colaboradores, durante esse momento de

pandemia instalada pela Covid-19, a empresa

investiu no fornecimento de EPIs (Equipamento

de Proteção Individual) aos funcionários, como

máscaras, luvas, troca dos uniformes, fornecimento

de álcool gel e aparelhos para medir a

temperatura. “Enviamos cartilhas de instrução

em caso de suspeitas de contaminação pela

Covid-19, assim como formas de prevenção,

utilizamos toda a nossa frota de viaturas,

assim como outros meios de deslocamentos

dos colaboradores até os postos de trabalho”,

alerta Roni.

A tecnologia também está presente com

o aplicativo Intersept Condomínios, em que o

síndico tem acesso a gestão do Condomínio de

forma ágil no celular, além de proporcionar um

canal de informação que resulta de forma eficaz

harmonia no convívio entre os condôminos.

Nesse sentido, a terceirização de serviços

é uma alternativa que faz parte das estratégias

corporativas. Esse modelo de trabalho tem

sido cada vez mais utilizado por empresas que

buscam mais agilidade, qualidade e especialização

em todos os processos. A terceirização

de serviços traz vantagens significativas para

os condomínios que vai muito além da redução

de custos, é a possibilidade de melhorar a qualidade

de seus serviços e direcionar esforços

para tomada de decisões importantes, sobre

tudo na segurança do ir e vir dos moradores e

no controle de quem está transitando dentro

dos condomínios.

www.revistacondominium.com.br 25


segurança

26


Portarias

remotas

Fotos: divulgação

SISTEMA DE PORTARIA É UM DOS

PRINCIPAIS EXEMPLOS DE AUTOMATIZAÇÃO

DE CONDOMÍNIOS, ALIANDO

MODERNIDADE, SEGURANÇA, ECONOMIA E

CONFORTO PARA OS MORADORES

www.revistacondominium.com.br 27


segurança

V

ocê para o carro na entrada do prédio.

Não tem controle remoto nem porteiro

para abrir o portão da garagem.

A quilômetros dali — em outra cidade ou até

mesmo outro Estado, um profissional checa

sua identidade e, após confirmar que você é

morador da unidade, destrava a porta. Somente

depois disso, você entra com o automóvel.

Cenas como essa têm se tornado comum

nos condomínios brasileiros que adotaram a

tecnologia de portaria remota para o controle

de acesso e saída. Na prática, o funcionamento

da ferramenta é bem simples: em vez

dos porteiros físicos, o prédio passa a contar

com equipamentos e softwares de gestão de

segurança que fazem todo o processo de triagem

de visitantes, fornecedores e moradores.

Remotamente, uma equipe especializada monitora

em tempo real da unidade, permitindo

ou bloqueando a entrada e saída de pessoas.

Com esse sistema implantado, o custo do

serviço é reduzido e a segurança é melhorada.

“Podemos citar como exemplo da redução de

custos, um condomínio de 10 a 50 apartamentos

que gasta, em média, R$20 mil com uma

portaria manual. Com a implantação da portaria

remota esse gasto cai para R$7 mil a R$8 mil

A economia do

condomínio com a

contratação de portarias

remotas não é nem

significativa, ela é brutal

Lauro Jaekel, da Intersept

reais, gerando uma economia, em três anos,

de meio milhão de reais. A economia não é

nem significativa, ela é brutal”, explica Lauro

Jaekel, vendedor-técnico e consultor exclusivo

de portarias remotas da Intersept, empresa

curitibana de serviços de segurança.

Com relação a segurança, uma vez que

um profissional especializado estará em uma

central de monitoramento que controla todos

os acessos da portaria à distância, ela é melhorada

e reforçada. As ligações e imagens

ficam gravadas, garantindo total registro e

controle das entradas e saídas. Os moradores

passam a acessar diretamente o condomínio

através de um dispositivo TAG ou biométrico,

quando estiverem a pé. O acesso dos veículos

é acompanhado 24h (horas) em todas as

entradas do prédio.

28


A ideia vem agradando tanto que, segundo

pesquisas, já são mais de 180 mil condomínios

em todo o país a aderir às portarias remotas.

Ainda para Lauro, as demandas das portarias

remotas em condomínios vêm aumentando

gradativamente ao longo dos últimos anos.

“Curitiba é uma das capitais que lidera o

ranking de cidades com maior quantidade de

portarias virtuais do país. Principalmente para

condomínios com menos de 50 apartamentos.

Quase todos esses já aderiram a esse tipo de

serviço”, compara.

Mesmo com todos os benefícios e facilidades

da portaria remota, alguns moradores

e síndicos ainda possuem dúvidas pontuais,

como a questão da chegada de encomendas na

portaria, por exemplo. Lauro explica que cada

empresa de segurança tem a sua própria logística.

No caso da Intersept, a empresa percebeu

que deve haver um equilíbrio entre a parte

eletrônica e a parte humana. Por isso, a companhia

não abriu mão de uma parte essencial

dos condomínios: os zeladores. “Essa categoria

de profissionais tem mais de 20 funções em

lei e pode desempenhar muitas ações dentro

do condomínio, sem ter implicações legais.

Quando há a economia de despesas com a contratação

de uma portaria remota, não há porque

não investir em um bom zelador que irá receber

as encomendas e atender fornecedores, por

exemplo. A Intersept só implementa portarias

remotas em locais onde há o trabalho de um

zelador em conjunto”, explica Lauro.

Além das portarias remotas-humanizadas,

a Intersept também conta com uma série de

diferenciais com o objetivo de proporcionar ao

cliente um serviço de qualidade. Por ser uma

empresa de vigilância privada, os funcionários

são formados em segurança particular, em

curso de vigilante com, geralmente, 200h de

aulas, sendo preparados para lidar com situações

críticas. Além disso, a empresa possui 22

anos de mercado na capital paranaense com

uma vasta variedade de serviços. Na Intersept,

o Cliente encontra soluções na área de locação

de mão de obra, serviços de segurança privada,

monitoramento de sistemas de segurança

eletrônica, rastreamento de veículos, apoio administrativo,

serviços de limpeza, conservação

de ambientes e jardinagem.

www.revistacondominium.com.br 29


economia

Racionamento de água:

saiba qual a melhor

alternativa para

amenizar esse

problema

Fotos: ilustrativas

A UTILIZAÇÃO DE LAVADORAS

PROFISSIONAIS DE LIMPEZA REDUZ

EM ATÉ 80% O CONSUMO DE ÁGUA E

ATÉ MESMO DE ENERGIA

30


ma forte estiagem atinge a cidade

de Curitiba(PR) desde março do ano

U

passado, mudando a rotina de grande

parte da população. Para residências, o problema

pode ser amenizado com a conscientização

dos próprios moradores, ao reduzir o consumo

de água em banhos e limpezas no geral. Mas

e em prédios e condomínios, que possuem

uma grande quantidade de pessoas, como

solucionar esse problema indo além da conscientização

e compreensão dos condôminos?

Para Rodrigo Luiz Schreiner, sócio diretor

da Vertex, empresa especializada em limpeza

profissional de condomínios, para contribuir

com a redução do consumo de água, uma boa

alternativa é a utilização da água de reúso para

a limpeza, caso o condomínio disponha de uma

cisterna para sua aplicação. Além dela, o uso

das máquinas profissionais de limpeza, principalmente

a lavadora de pisos, permite uma

economia significativa de água, reduzindo em

até 80% o consumo.

Segundo pesquisa realizada pela Vertex,

grande parte dos condomínios ainda realiza

a lavagem das garagens e áreas comuns por

torneiras e jatos de mangueira, com pressão

da caixa d’água. Rodrigo explica que caso seja

utilizada uma lavadora profissional com um

tanque próprio, a quantidade de água usada

é cinco vezes menor do que a torneira, por

exemplo. “Mesmo se o condomínio utilizar

uma lavadora de alta pressão, os nossos serviços

utilizam metade da água, ou até menos

da metade, que essa lavadora usa”, compara.

Uma solução profissional de limpeza com

certeza contribui para a redução do consumo de

água, além de contribuir também com o consumo

de energia, pois as lavadoras profissionais

realizam o seu trabalho em pouco tempo. A Vertex

é a primeira rede de franquias especializada

em condomínios do Brasil, oferecendo a melhor

solução no ramo de higienização e limpeza,

visando sempre o melhor custo x benefício.

Promova qualidade de vida e conforto para

os seus condôminos. Contrate os serviços da

Vertex e contribua com a redução do consumo

da água em seu condomínio.

Mais informações:

www.vertexlimpezaprofissional.com.br/

www.revistacondominium.com.br 31


eforma

Reformas em

fachadas de

prédios

Fotos: divulgação

IMÓVEIS MAL CONSERVADOS

EVIDENCIAM A NECESSIDADE DE UMA

BOA REFORMA, QUE REFLETE NO VALOR

COMERCIAL DE COMPRA E VENDA

32


www.revistacondominium.com.br 33


eforma

O

patrimônio residencial ou comercial é

uma aquisição financeira, geralmente

com um alto custo de financiamento e

impostos que devem ser pagos pontualmente.

No início do ano o IPTU (Imposto Predial e Territorial

Urbano) vem para todos os proprietários

de imóveis, além dos custos de condomínio

que são mensais e devem ser pagos rigorosamente

para estar em dia com as obrigações

do imóvel. Além dos custos mensais, devem

ser realizadas no imóvel manutenções que

agregam valor na avaliação final da propriedade

e a mantém em perfeitas condições de uso.

A depreciação do imóvel se deve ao desgaste

natural, que ocorre ao longo do tempo,

devido à deterioração, à idade e acarreta na

desvalorização. Os cuidados para manter uma

boa avaliação no mercado imobiliário dos condomínios

seja residencial ou comercial devem

ser realizados para o imóvel estar apto para a

moradia e também como investimento para

vender ou alugar.

Os prédios são a primeira percepção de

quem deseja comprar ou alugar, ou seja, a

manutenção se estende as fachadas também,

que devem estar sem rachaduras, com

pinturas renovadas, paredes limpas, portaria

bem instalada, além da jardinagem, vigilância,

estacionamento com as calçadas limpas e em

perfeitas condições. É um complexo que o

futuro proprietário ou inquilino avalia quando

vai conhecer o imóvel.

O advogado Arthur Henrique de Pontes Rodrigues,

do SECOVI-PR (Sindicato da Habitação

e Condomínios), esclarece que qualquer obra

em sua unidade privativa deverá apresentar

toda a documentação necessária já que o artigo

1336, II do Código Civil, consta que uma obra

não pode comprometer a segurança da edificação.

Dessa forma, o condômino deve apre-

34


sentar documentos emitidos por profissional

habilitado que ateste que a obra a ser realizada

não compromete a segurança da edificação.

A Prefeitura de Curitiba (PR) explica que

não houve alterações recentes na legislação

para obras e reformas em condomínio, todas

as obras de reforma executadas em edificações

devem ser licenciadas. O proprietário deve solicitar,

junto a prefeitura, o Alvará de Reforma

Simplificada que destina-se ao licenciamento

de pequenas reformas (pinturas, reparos

elétricos, hidráulicos, troca de revestimentos,

forros, construção de paredes internas, entre

outros) em edificações existentes, que não

impliquem em ampliações ou supressões de

área, modificações na estrutura ou no número

de pavimentos, alterações na configuração do

perímetro externo ou do uso aprovado. Caso

a reforma implique em qualquer uma das condições

acima, a obra deverá ser licenciada pelo

procedimento de emissão de Alvará de Obra

para Reforma e Ampliação.

A solicitação em Curitiba é feita pelo

responsável técnico pela execução da obra

e poderá tramitar seu processo eletrônico

(https://www.curitiba.pr.gov.br/servicos/alvara-de-reforma-simplificada/171),

sem precisar

se deslocar até o setor responsável devido

à pandemia do Covid-19, que foi dispensada

a validação do cadastro temporariamente na

portaria publicada SMU 25/2020.

O advogado Arthur alerta que o Código

Civil, em seu artigo 1336, III, proíbe o condômino

de realizar qualquer alteração na fachada,

seja em relação a forma e a cor, assim como

proíbe a alteração das partes e esquadrias

que compõem a fachada. Se for constatada a

alteração de fachada realizada por um determinado

condômino, caberá ao síndico o notificar

para que recomponha a fachada ao seu estado

original, sendo que, em havendo negativa do

condômino em proceder com a recomposição,

deverá o condomínio ingressar com a ação

judicial cabível ao caso.

De acordo com Arthur, as reformas em áreas

comuns em condomínios são consideradas

benfeitorias e possuem seus quóruns definidos

pelo artigo 1341 do Código Civil. Sendo o

quórum de aprovação determinado, para tais

reformas de aparência estética do imóvel, de

2/3 dos condôminos.

As reformas que tem o objetivo de ampliar

e/ou facilitar o uso do bem, dependem da aprovação

de maioria absoluta dos condôminos. Já

as obras com a finalidade de conservar o bem

e não permitir que ele se deteriore, poderão

ser realizadas independente de aprovação pelo

síndico ou, no impedimento ou omissão deste,

por qualquer condômino.

Quando a reforma for uma obra que precise

ser executada de forma urgente e o custo

seja elevado, o síndico ou, no impedimento ou

omissão deste, qualquer condômino poderá

determinar a realização da benfeitoria, contudo

deverá de imediato convocar a assembleia de

condôminos para informar a todos os proprietários

o motivo da execução da obra.

Agora, se uma obra não for de caráter emergencial

e o valor for elevado, a aprovação deverá

ser feita em assembleia de condôminos com os

devidos valores expostos para apreciação. Já

as reformas realizadas nas unidades privativas

deverão obedecer às regras determinadas pelo

condomínio, principalmente no que se remete

aos documentos necessários para a comprovação

da segurança e responsabilidade técnica da

obra a ser feita, assim como observância dos

horários pré-determinados para a realização de

obras em unidades privativas.

www.revistacondominium.com.br 35


gente que cuida

Gente que cuida

da gente

Fotos: CONDOMINIUM

FEVEREIRO É O MÊS DO ZELADOR E NÃO PODERÍAMOS DEIXAR DE

CELEBRAR ESSE PROFISSIONAL TÃO IMPORTANTE NAS NOSSAS VIDAS.

SELECIONAMOS ALGUMAS DAS FRASES MAIS MARCANTES DITAS

POR ZELADORES NA SEÇÃO: GENTE QUE CUIDA; PARA HOMENAGEAR

ALGUNS DOS PROFISSIONAIS QUE CUIDAM DA GENTE

“Cuidar bem das obrigações e

dos deveres, além de resolver

os problemas do condomínio,

fazem parte de um bom zelador”

Valdecir da Cruz - Novembro de 2015

36


“Já trabalhei como babá,

diarista e autônoma vendendo

frios na rua. Gosto mesmo é de

lidar com o povo. Aqui, como

zeladora, amo o que faço. Uma

das melhores experiências de

trabalho da minha vida”

Rosângela Anacleto - Abril de 2016

“É um serviço muito tranquilo

e calmo, ninguém te incomoda.

Sempre trabalhei com dignidade

e passei isso até para os meus

filhos. Tenho um trabalho

ótimo e eles estão seguindo suas

vidas, então não tenho do que

reclamar, não é mesmo?”

Elizabeth de Oliveira - Agosto de 2016

“Quando qualquer um precisa,

a gente ajuda. Gosto muito das

moradoras mais velhinhas. Tem

uma, por exemplo, que a ajudamos

a colocar meias e roupas. É sempre

muito divertido e gratificante fazer

parte da vida de tantas pessoas”

Clemilda Aparecida - Outubro de 2016

www.revistacondominium.com.br 37


gente que cuida

“Sempre me pedem para ir

na mercearia, comprar um

pão, pagar uma conta. Muitos

até deixam a chave comigo

quando viajam. Eles têm

um carinho por mim e não

pretendo nunca perder essa

confiança. É gratificante”

Joseane dos Santos - Dezembro de 2018

“Fui embora para os EUA

(Estados Unidos da América), no

fim dos anos 90, trabalhar com

idosos e, quando voltei, pintou

essa oportunidade de zelador. As

conversas crescem por conta da

minha experiência de vida”

Carlos Floriano - Agosto de 2017

“O que estiver ao meu alcance,

tenho o maior prazer em fazer.

Isso aqui é a minha vida e essas

pessoas são minha família”

Gilberto Grabowski - Agosto de 2018

38


“Sou muito grata pelo meu

trabalho, gosto do que faço e

é o que sustenta toda a minha

família”

Natalina Souza - Dezembro de 2018

“Enquanto Deus me der

saúde e eu aguentar, não

vou parar de trabalhar.

Gosto muito do que faço”

Ercílio Bonifacio de Lima - Fevereiro de 2019

“Sou empregada do condomínio,

mas sinto que sou também um

pedacinho de todo mundo. Cuido

das pessoas que passam por aqui,

ajudo até a carregar as sacolinhas.

Eles se sentem amados e sinto que

sou útil para eles”

Jaci Carneiro - Junho de 2020

www.revistacondominium.com.br 39


pet

Segurança

e conforto

para os pets

Foto: divulgação

APLICATIVO MEGA TÁXI TRANSPORTA OS

PETS DE CONDÔMINOS DE MANEIRA

SEGURA PARA QUALQUER DESTINO

É

normal que os condôminos sintam dúvidas

na hora de levar seus bichinhos de

estimação ao veterinário ou ao banho

e tosa, principalmente para os moradores que

não possuem carros. Perguntas como: onde

devo levá-los? ou será que o motorista desse

aplicativo aceita PETs? estão presentes na

rotina de síndicos e zeladores.

Como tranquilizá-los e orientá-los de forma

correta para que seus animais de estimação

estejam seguros?

Primeiro, é necessário ficar atento aos

aplicativos de carros que possuem o conceito

pet-friendly, termo utilizado para designar lugares

ou estabelecimentos onde os animais de

estimação são bem-vindos. A ideia da expressão

não se refere somente aos lugares que os

PETs podem entrar, mas sim onde o ambiente

esteja preparado para recebê-los bem e proporcionar

conforto para os bichinhos. Nesse

caso, o motorista e o carro precisam oferecer

a experiência de um transporte de qualidade

para o usuário e o seu PET.

Em Curitiba (PR), a Mega Táxi possibilita

esse serviço aos Clientes. Além de pet-friendly,

o aplicativo traz um novo conceito de transporte

de passageiros. Com conforto, higiene e segurança,

a empresa garante atendimento de

qualidade antes, durante e depois da corrida.

Os passageiros podem solicitar o transporte

pelo aplicativo Mega Táxi ou pelo número (41)

3777-7777.

Dessa forma, quando houver dúvidas dos

moradores sobre como e onde levar os bichinhos

de estimação para algum lugar, recomende

o serviço de qualidade da Mega Táxi.

40


www.revistacondominium.com.br 41


perfil

42


Mais que

um trabalho:

um presente da vida

Fotos: divulgação

CONFIANÇA E DEDICAÇÃO

QUE REFLETEM EM UMA

PARCERIA DE LONGOS ANOS

www.revistacondominium.com.br 43


perfil

“J

á são 20 anos. É muito tempo! Não tem

como não lembrar e não se emocionar.”

E com essa frase se iniciava a nossa

conversa com Celso Aparecido, de 52 anos.

Com os olhos marejados, o porteiro e zelador

do Edifício Rubens Bailão Leite, localizado na

famosa avenida Sete de Setembro, conta a sua

trajetória de 20 anos de trabalho no condomínio.

Seu Celso, que faz questão de falar que não

se importa em ser chamado de “Seu”, diz que

é até difícil se lembrar como era a vida antes

do atual emprego, que trouxe estabilidade e

ainda mais felicidade para sua família.

Antes de se tornar porteiro, era açougueiro,

mas foi demitido e passou um longo período

sem trabalhar. Sua ex-mulher trabalhava como

diarista na casa do síndico do Edifício Rubens

Bailão Leite, e foi por ela que conseguiu a indicação

para trabalhar na portaria do emprego

ao qual se dedica até hoje. “Comecei como

folguista e trabalhei um mês sendo substituto

do antigo porteiro. Acho que gostaram de mim,

pois acabei ficando até hoje”, conta orgulhoso

Celso entre risadas. Logo que se tornou portei-

“Sou muito próximo a

várias famílias e me sinto

parte de cada uma delas.

Conheço todos aqui do

prédio. É muito gostoso”

44


o contratado do condomínio, o zelador acabou

tendo que sair. Nesse período, Celso mostrou

habilidades como zelador. Durante a manhã

fazia toda a manutenção do prédio e na parte

noturna cuidava da portaria. Os moradores e o

síndico gostaram tanto dos serviços de Celso

que a decisão foi unânime: foi contratado como

zelador oficial do condomínio também.

Quando perguntado sobre o que mais gosta

no emprego, Celso é bem direto na resposta.

“Os moradores e todo o pessoal do prédio é o

que mais me motiva e me deixam alegre todos

os dias. Sou muito próximo a várias famílias e

me sinto parte de cada uma delas. Conheço

todos aqui do prédio. É muito gostoso”, conta o

porteiro. Como também trabalha como zelador,

Celso coleciona histórias e pessoas que moram

em seu coração até hoje. “Mas as histórias não

posso contar todas, respeito muito a intimidade

de cada um por aqui”, alerta.

Em 20 anos de história, Celso não teve

problemas com ninguém. A resposta para trabalhar

tão tranquilamente durante tanto tempo

vem justamente de uma moradora que, ao

chegar na portaria, presta bastante atenção ao

nosso bate-papo. “Seu Celso não tem tempo

ruim. Está sempre disposto a ajudar as pessoas.

Esse prédio não seria o mesmo se não

fosse ele”, relata a moradora Ana Rita Duarte.

Meio tímido após ouvir o elogio, Celso diz que

esse é o presente que recebe todos os dias.

“O carinho do pessoal não tem preço”, enaltece

o porteiro e zelador mais antigo e querido do

condomínio.

www.revistacondominium.com.br 45


entrevista

Hudson

José

DIRETOR DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DA SANEPAR

Foto: divulgação

m 2020, os investimentos da Sanepar

Companhia de Saneamento do Paraná)

E

no Estado somaram R$ 969 milhões,

sendo R$ 420 milhões em água, R$ 473 milhões

em esgoto e cerca de R$ 77 milhões em

obras administrativas e outros. A Companhia

chegou em dezembro com 75% da população

atendida com rede coletora de esgoto e

100% de abastecimento de água potável. O

ano encerrou com um acréscimo de 79,3 mil

ligações de água e de 77 mil ligações de esgoto.

Mesmo com todas as medidas até então

adotadas, as chuvas foram insuficientes para

repor os índices de reservação. O diretor de

Comunicação e Marketing da Sanepar, Hudson

José, esclareceu à Revista Condominium sobre

a situação da crise hídrica e as medidas adotadas

na capital e na Região Metropolitana para

sanar ou amenizar o problema da falta de água.

46


A ESTIAGEM ATUAL PODE SER CONSI-

DERADA A MAIS SEVERA DOS ÚLTIMOS

ANOS?

Segundo registros históricos do Simepar,

esta crise hídrica é uma situação impactante e

é a maior da história dos últimos 50 anos no

Estado do Paraná. A Região Metropolitana de

Curitiba foi a o mais afetada, com a crise mais

severa. No final do ano passado chegamos a

62% do território paranaense em Estado de

seca. Em agosto do ano passado o Paraná

foi incluído pela primeira vez no Observatório

Nacional da Seca. E isso é muito emblemático,

porque o Observatório Nacional da Seca é um

órgão que reúne vários organismos federais e

de medição climática, sendo criado em 2014

para atender a região noroeste e norte do país.

Em 2020, o Estado passou a ser monitorado

e receber informações também sobre a previsão

climática exatamente para poder ajudar a

mitigar o efeito da crise.

QUAL MÊS FOI O MAIS CRÍTICO NA

CAPITAL PARANAENSE?

O mês mais crítico foi em novembro de

2019, quando se acentuou o processo de seca.

De novembro de 2019 a novembro de 2020,

tivemos um ano com volume muito abaixo da

média histórica dos últimos 5 anos e começamos

a registrar índices de redução das nossas

fontes de captação ao mesmo tempo que o

da reservação. Dos quatro reservatórios, das

quatro barragens que compõem o Sistema

Integrado da Região Metropolitana, chegamos

a um período extremo em agosto de 2020,

quando os índices chegaram a 27% da nossa

capacidade de reservação. Foi quando tivemos

a necessidade de implementar um sistema

de rodízio um pouco mais severo, passando

de fornecimento de água para 36h (horas) e a

suspensão imediatamente nas próximas 36h

seguidas. Ou seja, um dia e meio com água e

um dia e meio sem o abastecimento de água.

COMO ESTÁ O NÍVEL DAS BARRAGENS

DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO INTE-

GRADO DE CURITIBA E REGIÃO METRO-

POLITANA?

Desde o dia 31 de janeiro a Sanepar tem

registrado uma pequena evolução, em função

de um período de chuvas que ficou na média

desde o início deste ano, que foi de 46,07%

para 48,82%. Mas nesse meio tempo, tivemos

oscilações negativas também. É importante

manter esse processo de reservação, sendo

esse o motivo da Sanepar ainda não ter alterado

o sistema de rodízio. O rodízio tem uma

função básica que é reservar água para caso

tenha uma crise hídrica eventual no futuro,

temos algumas informações e análise de sistemas

de medição até da própria Nasa, nos

EUA (Estados Unidos da América), que tem

indicado que poderemos ter novamente, passado

esse período de chuvas agora da primeira

quinzena de fevereiro, um período de seca que

deve se prolongar até abril. Então é importante

mantermos a água reservada para garantir o

abastecimento, mesmo dentro deste sistema

de rodízio o abastecimento está regular e não

trouxe nenhum grande impacto no cotidiano

das pessoas e também não trouxe nenhum

risco de fadiga do sistema de abastecimento.

QUAIS FORAM AS MEDIDAS IMPLEMEN-

TADAS PELA SANEPAR PARA CONTER A

CRISE HÍDRICA?

A Sanepar tem um programa de gestão

de crise, começamos a observar e monitorar

esse comportamento atípico climático desde o

ano passado. Em novembro foi quando de uma

forma mais aguda nós recebemos e tivemos o

impacto desta estiagem prolongada. Nós realizamos

aproximadamente cerca de 16 ações,

em função desse mapeamento prévio, que já

identificava pontos onde pudéssemos fazer um

sistema complementar de captação de água.

Neste momento estamos finalizando as

obras de quatro novos reservatórios hídricos

na Região Metropolitana de Curitiba. Esses reservatórios

vão estocar 25 milhões de L (litros)

de água a mais do que é reservado hoje, além

de beneficiar mais de 450 mil pessoas. Isso faz

parte do nosso planejamento Plurianual, por

isso é importante que as pessoas entendam

que precisamos ter o apoio da população, com

medidas simples que não mudará a rotina das

pessoas, como reduzir o tempo de banho, por

exemplo. Essa é uma situação climática e as

ações foram realizadas dentro de uma lógica

de previsão, inclusive de planejamento. Porém,

a gente não tem como evitar um processo tão

severo.

www.revistacondominium.com.br 47


entrevista

Foto: André Thiago/Sanepar

QUAIS OS SISTEMAS ALTERNATIVOS

DE CAPTAÇÃO DE ÁGUA UTILIZADOS PELA

SANEPAR?

Captamos água na Pedreira Malhada, em

São José dos Pinhais e na Orleans, com a divisa

com Campo Magro, também foram realizadas

captação de água em cavas como a de Fazenda

Rio Grande, as cavas que hoje compõem

o Parque das Águas, em Pinhais e uma série

de ações complementares com sobreposição

de rios e de bacias para poder levar água nos

pontos de captação da Sanepar. Chegamos ao

volume aproximado de 19 bilhões de litros de

água que buscamos em fontes alternativas.

COMO FOI O DESEMPENHO DA PO-

PULAÇÃO NO CONSUMO CONSCIENTE E

RACIONAL DA ÁGUA?

Estamos tendo uma grata surpresa, primeiro

as pessoas entenderam que não é uma ação

deliberada da Sanepar, que o sistema de rodízio

foi implantado pela questão climática que resul-

Pedreira da Malhada

tou na falta d’água. Foi uma ação necessária,

mesmo as previsões mais pessimistas não

indicavam que teríamos um período tão severo

de seca, a ponto inclusive de termos um decreto

estadual em que o governador declara uma

crise hídrica em todo o Estado do Paraná e que

garante o uso da água como prioridade para o

abastecimento humano. Tivemos o problema

de falta de água não em função da Sanepar,

tivemos devido a falta de chuva na região

oeste e sudoeste, que inclusive impactou na

agricultura, tivemos situações críticas em vários

pontos no Paraná. Chegamos a 62% em estado

de seca em todo território estadual.

As pessoas começaram a compreender

isso, hoje a gente tem uma discussão consciente.

Uma discussão ampla e um debate

até sobre alternativas de economizar água e

de uso racional da água, por isso foi lançada a

campanha META20.

DO QUE SE TRATA A CAMPANHA

META20?

A campanha META20 foi lançada em agosto

de 2020, quando lançamos o novo sistema

de rodízio que visa a redução de 20% do consumo

de água durante a crise hídrica. É uma

campanha que incentiva hábitos simples de

consumo consciente da água, desde reservar

a água captada da chuva que pode servir para

lavar as áreas comuns de condomínios, como

as calçadas, regar o jardim para evitar que se

faça o desperdício da água que vem das torneiras

e que também demanda elevado consumo

de água. Para avaliar os resultados obtidos, a

campanha foi monitorada, quando chegamos

em outubro de 2020 a meta foi atingida de

forma linear. Alguns condomínios se destacaram

neste período e foram parabenizados

com o kit META20, que é formado por um

copo lacrado com 30% de água simbolizando

os níveis críticos dos reservatórios do SAIC

(Sistema de Abastecimento Integrado de Curitiba

e Região Metropolitana). O META20 está

no site da Sanepar com uma série de dicas

sobre o que as pessoas podem melhorar para

economizar água.

Foto: divulgação/Sanepar

Passaúna

COMO OS CONDOMÍNIOS REAGIRAM

A CAMPANHA META20?

Foi realizada em dezembro do ano passado

uma ação onde identificamos os 100

48


condomínios que mais economizaram água,

foram entregues kits de reconhecimento pelo

esforço ao consumo consciente como forma

de agradecimento. Foi observado que todos os

condomínios utilizavam sistemas de reservação

de água de chuva ou sistemas que impactavam

na economia do consumo de água, que são importantes

e que acabaram sendo incorporados

no cotidiano das pessoas e do condomínio. Provavelmente,

mesmo após a superação desse

período de crise, os condôminos irão continuar

a usar essas medidas de consumo consciente.

QUAIS CUIDADOS SÍNDICOS E MORA-

DORES DE CONDOMÍNIO DEVEM TOMAR

PARA ECONOMIZAR ÁGUA?

A gente fez um levantamento que indicou

que em média as pessoas demoram cerca de

dez minutos no banho, se a pessoa reduzir o

tempo para cinco minutos vai verificar que é o

tempo suficiente para se tomar um banho com

tranquilidade. Assim como, colocar uma garrafa

plástica dessas de refrigerante cheia de água

reutilizável, da máquina de lavar, dentro da caixa

“Segundo registros

históricos do Simepar, esta

crise hídrica é uma situação

impactante e é a maior da

história dos últimos 50

anos no Estado do Paraná.

A Região Metropolitana de

Curitiba foi a região mais

afetada, com a crise mais

severa. No final do ano

passado chegamos a 62%

do território paranaense

em estado de seca”

ENGENHARIA ESPECIALIZADA EM

PATOLOGIA

DAS CONSTRUÇÕES

Andrielli Siqueira

Engenharia Civil

CREA PR 86.994/D

Engenharia Diagnóstica: causas,

prevenção e recuperação

Laudos: reforma, recebimento

de obras e sinistros

(41) 99115.4220

idone.engenharia@gmail.com

idone_engenhariaespecializada


entrevista

acoplada da descarga do vaso sanitário serão

16L economizados por dia em uma família

com quatro pessoas e quase 500L por mês.

O condomínio também pode realizar sistemas

de reservação de água de chuva, são ações

importantes de uso consciente da água, não

fará diferença na rotina diária e gera economia.

QUAIS AS METAS ALCANÇADAS PELA

CAMPANHA META20 ATÉ O MOMENTO?

Estamos tendo o apoio da população com o

cumprimento da META20, chegamos a alcançar

a meta em outubro do ano passado. Em novembro,

até mesmo em função da elevação da

temperatura muito acima da média, tivemos o

aumento no consumo de água. Mas agora no

mês de janeiro deste ano já chegamos a 18%

da meta de 20%. As pessoas têm adotado

uma postura de apoio às medidas e de uso

racional da água.

milhões para concluir quatro novos reservatórios

que vão armazenar 25,2 milhões de L de

água. Ao mesmo tempo estamos fazendo 107

km (quilômetros) de uma nova rede de distribuição

e adutoras para melhorar a performance

do sistema de abastecimento, principalmente

em regiões mais extremas e mais periféricas

como Butiatuvinha, Lamenha Pequena, Santa

Quitéria, algumas regiões de Santa Felicidade

e também do Santa Cândida. Esse complexo

de obras que a Sanepar está executando irá

atualizar o modelo de distribuição de água e

atender ao crescimento populacional, conforme

indica o plano diretor do SAIC. A crise é

uma situação atípica, em que a previsão é que

seja equacionada esse ano, mas não vamos

deixar de realizar investimentos prevendo o

crescimento populacional na região e também

no Paraná.

QUAL A PREVISÃO PARA O TÉRMINO

DO RODÍZIO EM CURITIBA E REGIÃO ME-

TROPOLITANA?

A flexibilização do rodízio será possível

somente quando chegarmos à meta de 7%, o

rodízio tem como objetivo guardar água por um

período que temos no futuro e que os sinalizadores

são de seca. Então se flexibilizamos e o

consumo aumentar, e não tivermos um volume

de água estocado suficiente, poderemos ter

problemas de abastecimento e até fadiga do

sistema. Então a nossa meta agora é contar

tanto com as ações de economia, quanto com

as ações complementares e ao mesmo tempo

com as chuvas do período de verão para chegar

a 60%, se chegarmos nessa porcentagem poderemos

então flexibilizar o rodízio. Mas antes

disto acontecer não será possível.

Foto: divulgação/Sanepar

Miringuava-Mirim

QUAIS SERÃO AS AÇÕES PROPOSTAS

PELA SANEPAR PARA 2021?

Nós temos o nosso Plano de Investimentos

- PPI plurianual, esse processo trabalha

com uma previsão de crescimento geográfico

e populacional. Uma das ações que estamos

finalizando para 2021 diz respeito ao sistema

integrado de abastecimento da Região Metropolitana

de Curitiba, onde temos maior dificuldade

de abastecimento. Serão investidos 150

Foto: divulgação/Sanepar

Pedreira Orleans

50


JANNOON028/FREEPIK

@

More magazines by this user
Similar magazines